Você está na página 1de 7

ANO LECTIVO

2008/2009
Direcção Regional de Escola ES/3 Diogo de Macedo
Educação do Norte Olival – V.N. de Gaia
Teste de Avaliação
Disciplina: Duração:
Formativa
Professor: Classificação:
Encarregado de Educação:
Aluno: N.º Turma:

Nota: O Teste tem 6 páginas e termina com a palavra Fim.

1. Leia atentamente a seguinte notícia, relatada em diversos meios de comunicação social.

Mau tempo provoca estragos por todo o país.


O mau tempo provocou, na quarta-feira, 837 inundações, 68 desabamentos e
deslizamentos de terras, um pouco por todo o país. Dezenas de corporações de
bombeiros estiveram em acção auxiliando no resgate de famílias em perigo bem
como na salvação dos seus haveres.

1.1. A notícia evidencia uma relação directa entre alguns dos subsistemas do sistema Terra.
Fundamente esta afirmação.

1.2. O sistema Terra é considerado um sistema quase fechado pois…


a) Troca matéria com o meio envolvente, mas as trocas de energia com o espaço vizinho são
pouco significativas.
b) Troca energia com o seu meio envolvente, mas as trocas de matéria são pouco
significativas.
c) É um sistema que realiza trocas de matéria com a vizinhança mas a energia apenas entra,
proveniente do Sol.
d) Apenas troca energia com o meio envolvente, sendo a troca de matéria inexistente.

1.3. Classifique cada uma das seguintes afirmações como verdadeira (V) ou falsa (F).
a) Entende-se por geosfera a parte da Terra formada pelas grandes massas continentais e
oceânicas.
b) Na Terra não existem subsistemas Isolados.
c) A hidrosfera é o subsistema que compreende toda a água no estado líquido, que se
encontra na superfície terrestre.
d) A criosfera é o grande reservatório de água doce da Terra.
e) A atmosfera constitui o invólucro gasoso da Terra, sendo o vapor de água um dos seus
constituintes.
f) A biosfera não intervém sobre a geosfera, mas é influenciada por esta.
g) As transformações e movimentos que ocorrem na geosfera tornam a Terra um planeta
geologicamente dinâmico e em constante mutação.
h) O dióxido de carbono é um elemento da atmosfera utilizado nos outros subsistemas.
2. Analise o gráfico da figura 1 que ilustra, de forma muito esquemática e simplificada, curvas
hipotéticas da variação de temperatura ao longo do tempo, durante a formação de diferentes
tipos de rochas.
2.1. Faz corresponder a cada uma das curvas (1, 2,
3, 4) uma das seguintes designações:

A) Rochas magmáticas intrusivas

B) Rochas sedimentares

C) Rochas magmáticas extrusivas

D) Rochas metamórficas

2.2. Selecciona a letra correspondente à opção que


contém os termos que permitem preencher correctamente os espaços.
“A curva ______ ilustra processos que correspondem à formação de rochas à superfície, com
minerais _____ desenvolvidos.
A) 3 […] bem C) 4 […] bem
B) 4 […] pouco D) 3 […] pouco

3. Numa sondagem foram retiradas amostras de duas rochas A e B sedimentares e, em


laboratório, foi determinada a porosidade das respectivas rochas. O gráfico da figura 2
mostra a relação entre a porosidade das amostras e a profundidade.

3.1.Quando a profundidade aumenta de l km para 4 km, a


porosidade da rocha A:

A) decresce.

B) aumenta.

C) decresce e aumenta.

D) mantém-se a mesma.

3.2.Qual é, aproximadamente, a profundidade em que a porosidade das duas rochas é igual?

3.3.Relativamente às afirmações de A a D, identifique as verdadeiras (V) e as falsas (F):


A) Para profundidades inferiores a 0,5 km, a rocha A é menos porosa do que a rocha
B) Na rocha A, a porosidade à superfície da Terra é nula.
C) Com o afundimento, a porosidade da rocha A diminui mais do que a da rocha B.
D) À profundidade de 4 km, a rocha B é mais compacta do que a rocha A.
4. Analisa atentamente a figura 3 que ilustra o ciclo das rochas.

4.1. Faça a legenda das letras da figura 3, identificando as rochas que elas representam

4.2. Identifique os fenómenos representados pelos números 1, 2, 3, 4, 5 e 6.

4.3.A cada uma das afirmações abaixo transcritas, faz corresponder a(s) letra(s) / o(s) número(s)
que mais se adequa(m).
a) Areias soltas são agregadas e cimentadas, formando uma rocha consolidada.
b) Quando as condições de pressão e temperatura atingem determinados valores, as
rochas podem sofrer processos de recristalização.
c) As rochas são alteradas física e quimicamente, acabando por se desagregar.
d) Um granito pode sofrer metamorfismo originando um gnaisse.
e) Misturas complexas de minerais fundidos arrefecem rapidamente e consolidam na zona
superficial da litosfera.
f) O gnaisse apresenta os seus minerais orientados segundo uma determinada direcção,
fenómeno que se designa foliação.
g) O basalto tem uma textura hemicristalina, na qual surgem, por vezes minerais de olivina
visíveis a olho nú.

4.4. Complete a frase seguinte, seleccionando a opção adequada.


As rochas expostas podem ser _____ por acção de agentes atmosféricos, originando _____
que são removidos e, após sedimentação e ______, originam rochas sedimentares ______.

A) meteorizadas ... sedimentos ... fusão ... consolidadas.


B) metamorfizadas ... sedimentos ... metamorfização ... consolidadas.
C) metamorfizadas ... detritos ... erosão ... desagregadas.
D) meteorizadas ... detritos ... diagénese ... consolidadas.
5. Analise com atenção as colunas estratigráficas (I e II) representadas na figura 4.

5.1. Estabeleça a(s) correspondência(s)


possível(eis) em termos de idade entre os
estratos presentes na coluna estratigráfica
I e os presentes na coluna estratigráfica II.
5.2. Mencione e enuncie o princípio
estratigráfico que lhe permitiu responder à
questão anterior.
5.3. Elabore um comentário fundamentado
acerca do que podemos saber sobre a
idade do estrato D. (tenha em atenção o que aprendeu
sobre datação, fósseis e estratigrafia).

6. Uma equipa de geólogos efectuou trabalhos de campo numa dada região. Das observações
realizadas no local, resultou o corte geológico e respectiva legenda, representados na figura 5.

6.1. Descreve por ordem cronológica a sequência de acontecimentos geológicos, evidenciados


no corte (do mais antigo para o mais recente).

6.2. Refere os acontecimentos que separam as duas séries de estratos.

6.3. Estabelece a idade relativa da falha F.

6.4. O estrato 4 é um conglomerado que apresenta grão de quartzo com grande quantidade do
isótopo potássio – 40 (semivida = 1300 M.a.), com um teor de 50%.
Indica, justificando, o que pode concluir sobre a idade absoluta deste estrato.
7. Observa atentamente a figura 6 que representa a curva de desintegração de um isótopo pai-X
num isótopo-filho Y.

7.1. Utiliza uma letra da chave para classificar cada uma das afirmações relativas à figura 6.

A – Afirmação apoiada pelos dados.


Chave B – Afirmação contrariada pelos dados.
C – Afirmação que não é possível relacionar com os dados

Afirmações:
a) Numa rocha magmática com 400 anos podem surgir isótopos X numa proporção de 25%.
b) A taxa de desintegração do isótopo pai – X é constante no tempo.
c) Não é possível datar rochas que apresentem uma percentagem do isótopo X inferior a 20%
d) A semivida do isótopo X é de 200 milhões de anos.
e) Podemos datar todas as rochas que contenham o isótopo X, desde que a sua idade
esteja compreendida entre os 50M.a. e os 450M.a.
f) Uma presença do isótopo Y numa proporção de 70% indica uma idade de 350M.a.
g) As rochas magmáticas São as que apresentam melhores condições para a
aplicação da datação radiométrica.

7.2. Distingue datação absoluta de datação relativa, não esquecendo de indicar uma limitação
para cada um dos métodos.
8. Faz corresponder a cada afirmação da coluna I a teoria explicativa adequada, da coluna II.

Coluna I Coluna II
1) Os sismos são fenómenos imprevisíveis que podem ser
devastadores.
2) A Terra sofreu diversos impactos meteoríticos muitos dos A. Uniformitarismo
quais foram escondidos pelos fenómenos progressivos da
erosão.
3) Recentemente,um tsunami com origem ao largo da Indonésia B. Actualismo
causou centenas de mortos e milhares de desalojados.
4) “O presente é a chave do passado”.
C. Catastrofismo
5) O ciclo das rochas mostra que qualquer rocha pode lenta e
gradualmente transformar-se numa rocha sedimentar.
6) Em tempos remotos, os continentes estiveram unidos num só. D. Neocatastrofismo
Desde então deslocaram-se muito lentamente até às suas
posições actuais.

Fim

Cotações:

1.1. 1.2. 1.3. 2.1. 2.2. 3.1. 3.2. 3.3. 4.1. 4.2. 4.3. 4.4.

5.1. 5.2. 5.3. 6.1. 6.2. 6.3. 6.4. 7.1. 7.2. 8. Total