Você está na página 1de 4

03/02/2011

ENGENHARIA DE APRESENTAÇÃO:
PRODUÇÃO FORMAÇÃO ACADÊMICA:
 Especialização Engenharia de Segurança no Trabalho;
 Especialização Gestão Integrada Meio Ambiente, Saúde e Segurança no Trabalho;
 Graduado em Administração de Empresas;
 Técnico de Segurança do Trabalho.

EXPERIÊNCIAS PROFISSIONAIS:
 Diretor Técnico da Camest;
 Vice-diretor da Universidade Presidente Antônio Carlos - UNIPAC;
 Gerente Administrativo e Financeiro da Audiomet (Parceria Santa Casa);
 Técnico de Segurança do Trabalho: Lafarge, Santa Casa, Audiomet, CSC
Engenharia, Novo Nordisk e Nestlê Waters;
 Coordenador e Professor do Curso Técnico de Segurança do Trabalho da
Escola Técnica;
HIGIENE E SEGURANÇA  Professor na Funorte no Curso de Engenharia de Alimentos;
DO TRABALHO  Professor na Faculdade de Saúde Ibituruna no Curso de Enfermagem.

(60H)

CONTATO: EMENTA:
Gerência de riscos: determinante social, confiabilidade técnica,
confiabilidade humana. Ambiente de trabalho. Riscos em
 asalmeida2007@oi.com.br sistemas complexos. Fundamentos teóricos para análise
ergonômica do trabalho. Metodologia para projeto do

 http://asalmeida2007.blogspot.com/ trabalho. Levantamento e análise de dados. Noções de higiene


e segurança no trabalho. Legislação básica sobre higiene e
segurança no trabalho. Agentes de riscos à saúde do
trabalhador. Técnicas de avaliação: mapa de riscos, árvores de
causas, PPRA.

1
03/02/2011

OBJETIVOS: OBJETIVOS:
Desenvolver ações que promovam a qualidade de vida do trabalhador
Introduzir os conceitos modernos de Gerência de Risco no contexto da durante suas atividades laborais;
Segurança do Trabalho, traçando ao mesmo tempo um paralelo com os
métodos tradicionais. Recomendar medidas para a melhoria das condições de trabalho e
desenvolvimento da cultura prevencionista;
Construir conhecimentos sobre as técnicas de identificação de perigos,
análise e avaliação de riscos; Planejar e organizar os programas de prevenção de riscos;

Gerar subsídios para a elaboração de um Sistema de Gerenciamento de Avaliar os riscos profissionais a que estão expostos os trabalhadores no
Riscos, inclusive Gerenciamento de Crises e Comunicação em Crises. ambiente laboral;

Apresentar um conjunto de medidas técnicas, legais, educativas e Conhecer os princípios da ergonomia na realização do trabalho;
multidisciplinares, empregadas na prevenção de acidentes do trabalho e
doenças profissionais, através da elaboração dos programas de prevenção de Conhecer a legislação aplicada à saúde e segurança do trabalho;
riscos;
Decodificar a linguagem CIPA e os símbolos de SST dentro de princípios de
segurança, assim como ações preventivas.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO: CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:


2. Acidente do trabalho
1. Introdução ao estudo de segurança, higiene e saúde dos trabalhadores 2.1. Conceito legal
1.1. Breve histórico 2.2. Conceito prevencionista
2.2.1. Estudo de Heinrich
1.2. Segurança do trabalho 2.2.2. Estudo de Bird
1.3. Higiene Ocupacional 2.2.3. Estudos Insurance Company of North American (ICNA)
2.3. Comunicação do acidente do trabalho
1.4. Ergonomia 2.4. Benefícios previdenciários
1.5. Medicina do trabalho 2.5. Consequências do acidente do trabalho
2.6. Responsabilidade civil pelo acidente do trabalho
1.6. Programas de segurança, saúde e gestão de riscos (PPRA, PCMSO, PCA, PPR, 2.7. Responsabilidade penal pelo acidente do trabalho
PGR, PCMAT, LTCAT e PPP) 2.8. Estatísticas dos acidentes do trabalho
2.9. Análise e investigação de acidentes
1.7. Normas regulamentadoras – NR´s (CIPA, SESMT e EPI) 2.9.1. Metodologia por árvore de falhas (AAF)
2.9.2. Metodologia de Ishikawa
2.10.Técnicas de análise de riscos (APR, HAZOP e AMFE)

2
03/02/2011

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO: METODOLOGIA:


3. Higiene ocupacional (Riscos ocupacionais)
3.1. Ruído Aulas expositivas, práticas de laboratório (com a utilização do termômetro

3.2. Calor de globo, bomba gravimétrica com calibrador tipo bolha de sabão,
3.3. Vibração decibelímetro, audiodosímetro e luxímetro), seminários e listas de
3.4. Frio exercícios.
3.5. Radiações ionizantes e não ionizantes
3.6. Agentes químicos
3.7. Agentes biológicos
3.8. Agentes ergonômicos
3.9. Iluminância
3.10. Instrumentos de medição

AVALIAÇÃO:
ASPECTOS A SEREM AVALIADOS: BIBLIOGRAFIA:
Conhecimento e domínio do Conteúdo Básica:
Participação
Pontualidade MONTEIRO, Antonio Lopes; BERTAGNI, Roberto Fleury de Souza. Acidente do
Trabalho e Doenças Ocupacionais: (conceito, processos de conhecimento e de
INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO: execução e suas questões polêmicas). 5. ed. São Paulo: Saraiva, 2009. 382p.
Provas SALIBA, Tuffi Messias. Curso Básico de Segurança e Higiene Ocupacional. 3. ed.
Trabalhos São Paulo: LTr, 2010. 462p.
Listas de Exercícios
SILVA, José Antônio Ribeiro de Oliveira. A Saúde do Trabalhador como um
DISTRIBUIÇÃO DOS PONTOS: Direito Humano: conteúdo essencial da dignidade humana. São Paulo: LTr, 2008.
285p.
Trabalhos e listas de exercícios: 20 pontos
1ª avaliação: 20 pontos
2ª avaliação: 20 pontos
3ª avaliação: 20 pontos
4ª avaliação: 20 pontos (prática no laboratório)

3
03/02/2011

BIBLIOGRAFIA: BIBLIOGRAFIA:
Complementar: Complementar:
DEJOURS, Christophe. A Loucura do Trabalho: estudo de psicopatologia do trabalho. MENDES, René. Patologia do Trabalho: volume 1. 2. ed. São Paulo: Atheneu, 2007.
5. ed. São Paulo: Cortez, 2009. 168p. 986p. v.1.

Equipe Atlas.SEGURANÇA e Medicina do Trabalho. 66. ed. São Paulo: Atlas, 2010. MENDES, René. Patologia do Trabalho: volume 2. 2. ed. São Paulo: Atheneu, 2007.
777p. 986p. v.2.

Garcia, Gustavo Filipe Barbosa (Org. ). Segurança e Medicina do Trabalho: MONDEN,Yasuhiro. Produção Sem Estoques: uma abordagem prática ao sistema
legislação. 3. ed. São Paulo: Método, 2010. 848p. de produção da toyota. São Paulo: IMAM, 1984. 141p.

MAYNARD, H. B. Manual de Engenharia de Produção: técnicas de medida do


trabalho.Tradução de Israel Grytz. São Paulo: Edgar Blücher, 1970.