Você está na página 1de 102

MAGNETOM CONCERTO

INSTRUÇÕES DE USO
Nome Técnico: Equipamento de Ressonância Magnética
Nome Comercial: MAGNETOM CONCERTO

CT

Representante Legal: Fabricante / Distribuidor:


SIEMENS LTDA. Siemens AG
N.º Autorização no MS/ANVISA: 102.342-3 Henkestrasse 127
D-91052 Erlangen
Sede: Alemanha
Av. Mutinga, 3800 - Pirituba
CEP 05110-901 - São Paulo - SP,
Brasil
Tel.: +55 11 3908-2211
Fax: +55 11 3908-2631
Divisão Eletromedicina
Siemens Medical Solutions, Brazil
Rua Ermano Marchetti, 1.435 – 15º
andar
Lapa de Baixo
05038-001 São Paulo - SP
Marketing e Vendas
Tel.: +55 11 3817-3209
Fax: +55 11 3817-3270
Service
Tel.: +55 11 3817-3703
Fax: +55 11 3817-3270
USC - Uptime Service Center
0800 554 838

Responsável Técnico: Maurício da Silva e Souza


Engenheiro Habilitação Industrial Elétrica - CREA/SP - 5061690923

MS/ANVISA Nº de Registro: 10234230068

Este manual é uma versão preliminar. Quando for aprovado, uma versão
com qualidade superior será impressa em gráfica.
MAGNETOM CONCERTO

INDICE

Página

1. Apresentação do Manual 1

2. Identificação do Equipamento 2

3. Características Técnicas 9

4. Instalações ou Montagem do Equipamento 14

5. Operação do Equipamento 25

6. Precauções, Restrições e Advertências 57

7. Manutenções, Preventiva, Corretiva e 63


Conservação

8. Partes, Peças, Módulos e Acessórios 73

9. Requisitos Essenciais de Segurança e Eficácia 92


do Equipamento

10. Garantia do Equipamento 97

11. Canais de Comunicação/ 100

12. Nomes e Assinaturas dos Responsáveis 100


Técnico e Legal
MAGNETOM CONCERTO

1. Apresentação do Manual

Este manual apresenta as instruções básicas de uso do Equipamento de Ressonância


Magnética MAGNETOM Concerto.
Devem ser lidas também as instruções de uso específicas do fabricante. Assume-se que o
leitor tenha conhecimento prático no uso de equipamento de Ressonância Magnética.

Representante Legal: Fabricante / Distribuidor:


SIEMENS LTDA. Siemens AG
N.º Autorização no MS/ANVISA: 102.342-3 Henkestrasse 127
D-91052 Erlangen
Sede: Alemanha
Av. Mutinga, 3800 - Pirituba
CEP 05110-901 - São Paulo - SP, Brasil
Tel.: +55 11 3908-2211
Fax: +55 11 3908-2631
Divisão Eletromedicina
Siemens Medical Solutions, Brazil
Rua Ermano Marchetti, 1.435 – 15º andar
Lapa de Baixo
05038-001 São Paulo - SP
Marketing e Vendas
Tel.: +55 11 3817-3209
Fax: +55 11 3817-3270
Service
Tel.: +55 11 3817-3703
Fax: +55 11 3817-3270
USC - Uptime Service Center
0800 554 838

Responsável Técnico: Maurício da Silva e Souza


Engenheiro Habilitação Industrial Elétrica - CREA/SP - 5061690923

MS/ANVISA Nº de Registro: 10234230068

1
MAGNETOM CONCERTO

2. Identificação do Equipamento

Descrição Geral
O MAGNETOM Concerto é um sistema de diagnóstico por imagem que gera e exibe imagens tomográficas de
todo o corpo humano em qualquer sentido. O método técnico de aquisição da imagem está baseado no
princípio físico de ressonância magnética (MR).
Durante a medição, o paciente é colocado em um campo magnético forte. Os núcleos de hidrogênio (prótons)
distribuídos ao longo do tecido de todo o corpo geram sinais quando estimulados por um campo de RF. Estes
sinais são processados em imagens de MR, que podem ser exibidas pelo computador.

Visão Geral

2
MAGNETOM CONCERTO

Área de Aplicação
O MAGNETOM Concerto é indicado para uso em diagnóstico por imagem que produz imagens (tomográficas)
através de seções transversal, sargital, coronal e paraxial, as quais exibem estruturas internas da cabeça e do
corpo. A imagem produzida reflete uma distribuição espacial de prótons (núcleo de hidrogênio) no tecido.
Quando avaliado por um Médico treinado em MR, as imagens de MR proporcionam informações para diversos
diagnósticos.

O contraste na imagem é caracterizado pela influência dos seguintes parâmetros:


† Densidade de prótons
1
† Tempo de relaxamento do Spin T
2
† Tempo de relaxamento do Spin-spin T
† Fluxo (sangue, por exemplo)
† Composição química

A influência de cada parâmetro depende das condições da imagem


† Tipo da seqüência medida
† Tempo de repetição TR
† Tempo de Eco TE
† Ângulo espelhado

Sala de Exames

3
MAGNETOM CONCERTO

Componentes do Sistema

O sistema de MR consiste nos seguintes componentes:


1 – Magneto
2 – Mesa do paciente
3 – Consoles operacionais - MRC
4 – Monitor Plano
5 – Gabinetes Eletrônicos
6 – Sistema de Computação

Acessórios
Bobinas de MR (vide item 8 - Acessórios)

4
MAGNETOM CONCERTO

Magneto e mesa do paciente


Magneto
O magneto para o MAGNETOM CONCERTO é um magneto de ferro resistivo, em formato de C e com uma
abertura frontal. O campo magnético é gerado por bobinas. A energia elétrica é convertida em calor nas
bobinas e dissipada através de um sistema de resfriamento (sistema de água resfriada). O magneto gera um
campo magnético homogêneo de 0,2 Tesla.

Gradientes
A posição da fatia desejada é definida precisamente com o sistema de gradiente. O sistema compreende três
bobinas de gradiente planas chamadas de X, Y e Z, bem como um amplificador de gradiente. As bobinas são
posicionadas nas partes superior e inferior do magneto.

Mesa do paciente
A mesa do paciente é utilizada:

† para transportar o paciente


† para posicionar o paciente durante a medição
† para posicionar a bobina requerida
A mesa é movida para dentro do magneto para o posicionamento do paciente no isocentro magnético

Consoles operacionais
MRC
O console operacional de RM (MRC) é
utilizado primariamente para medições.

MRSC
O console satélite de RM (MRSC) é opcional e utilizado principalmente para avaliações e arquivamento de
imagens medidas.

Caixa de alarme
A caixa de alarme é instalada próxima ao MRC. A sua finalidade é

† apresentar mensagens de supervisão e advertência e


† ligar e desligar o sistema.

5
MAGNETOM CONCERTO

Bobinas MR
A geração de imagens de MR representa altas demandas nas antenas de RF (bobinas) usadas.

Transmissão
As bobinas de transmissão excitam os prótons de hidrogênio no volume examinado o mais homogeneamente
possível: Todos os “spins” afetados devem ser submetidos à mesma excitação.

Recepção
A bobinas de recepção recebem sinais de MR com o menor ruído possível. A relação de sinal/ruído depende,
em parte, do volume excitado dentro da bobina como também da distância da bobina em relação ao objeto
medido.

Quanto mais próximo ao objeto medido, o tanto mais intenso é o sinal recebido.
Quanto menor o volume, menor a quantidade de ruído

Isto significa: A relação sinal/ruído melhora na medida em que for reduzida a distância entre a bobina e o
objeto medido, bem como o menor volume medido.

Bobinas de RF
Para assegurar uma alta relação sinal/ruído, várias bobinas de RF opcionais encontram-se disponíveis:
Bobinas receptoras (vide item 8 - Acessórios) - As seguinte bobinas de RF estão disponíveis.
† Bobina para a cabeça
† Bobina para a espinha dorsal
† Bobina para o corpo
† Bobina para multifunção

Bobinas de transmissão - a bobina transmissão é integrada ao magneto. Durante a medição, a bobina


transmite pulsos de RF para excitação do próton do hidrogênio.

Espectros
A garantia da qualidade das bobinas requer a execução de diversos testes. Durante as medições dos testes o
corpo do paciente é simulado por espectros.
† Espectros carregados simulam o peso do paciente
† Espectros de bobinas simulam o tecido

6
MAGNETOM CONCERTO

Sistema de computador e gabinetes eletrônicos


Processador de imagem
O processador de imagem de alta velocidade SMI (Siemens Medical Imager) reconstrói imagens de RM a partir
de sinais de RM medidos, os dados brutos.
Computador host
O computador host controla os dispositivos, seleção de imagem e armazenamento de imagem. Ele contém um
disco rígido com memórias de imagens e dados brutos.
Gabinetes eletrônicos
Todos os gabinetes eletrônicos estão localizados na sala de alimentação elétrica.

Eles incluem:
‰ o gabinete do computador (CCA)
‰ o gabinete de energia (PCA)
‰ o gabinete de gradiente (GCA)

7
MAGNETOM CONCERTO

Sistemas de documentação
O equipamento de arquivamento e documentação do sistema de MR consiste de:
† Uma unidade de disco rígido para arquivo temporário
† Uma unidade de disco ótico
† Uma câmara laser (opcional).

Conexão de rede (opcional)


A rede de computação permite processar imagens de MR em outros sistemas ou computadores, ou receber
imagens destes sistemas ou computadores via rede de dados.

SIENET - SIENET é um padrão de rede extensamente usado para a transferência de dados de imagens
médicas/clínicas.
Use a função de Impressão do Sistema para determinar se seu sistema possui suporte de rede.
São listados os sistemas ou computadores em rede com seu sistema, ao selecionar a função Info do sistema.

8
MAGNETOM CONCERTO

3. Características Técnicas

Especificações técnicas:
Magneto

Magneto permanente em forma de C com campo magnético vertical

Intensidade do campo de
0,2 Tesla
funcionamento

Sistema híbrido de Shim

Faculta uma máxima homogeneidade Pré-Shim. Pré-Shim predefinido para um reduzido tempo de instalação
do campo magnético Shim passivo. Shim passivo de base informática de modo a adaptar-se a
interferências de estática ambientais
Shim ativo. As 3 bobinas de gradiente são utilizadas para corrigir termos
lineares

Volume seletivo do 3D Shim

Shim automático para paciente


específico, para otimização da
Tempo para Shim Aprox. 20 seg.
homogeneidade do campo magnético,
sem imagem volumétrica.

Abertura para o paciente

O formato aberto proporciona um livre Largura do magneto superior 115cm


acesso do paciente pelos três lados. Distância vertical da abertura (pólo a pólo) 46cm
Distância vertical da abertura (cobertura) 41cm
Com mesa totalmente destacável 39cm

Campo periférico

Eixo X: horizontal (à frente do magneto) 2,2m


Distâncias da linha de 0,5 mT (limite
de segurança para estimuladores Eixo X: horizontal (atrás do magneto) 1,9m
cardíacos) a partir do isocentro do Eixo Z: horizontal (esquerda / direita) 2,1m
magneto. Eixo Y: vertical 1,9m

Homogeneidade

DSV Típico Garantido


36 cm 4.0 ppm ≤ 5 ppm (Vrms)
24 cm 0.9 ppm ≤ 1.5 ppm (Vrms)
24 cm +/- 0.4 ppm (FWHM)

9
MAGNETOM CONCERTO

Sistema de Gradientes

Sistema de bobinas de gradiente planas blindadas ativamente


Integrado nas bases do pólo do magneto

Amplificador de gradiente

Tecnologia de estado sólido ultra Intensidade do campo de gradiente


20 mT/m
rápido com muito pouca perda no máx
chaveamento Tempo de subida
500 μseg.
(0–15mT/m)
Taxa de slew máxima 40 T / m /seg.
Ciclo de atividade 100%
Desempenho efetivo
Força máxima do gradiente eff. do
34 mT/ m
campo
Taxa máxima de slew eff 69 T/ m/ seg

Sistema de arrefecimento de gradiente


Bobinas de gradiente Refrigeração água em circuito fechado
Eletrônica de Alimentação Refrigerada ar

Sistema RF

Sistema de processamento digital de sinal

Processamento digital de sinal de Frequência de funcionamento 8,25 MHz


recepção e transmissão para Estabilidade da frequência (15 min) ≤ 9 x 10 -9
modulação e demodulação rápida e
Controle de frequência 32 bits (0.015 Hz)
flexível dos sinais de radiofrequência
Controle de fase 16 bits (0.006 graus)

Caminho de transmissão
Banda de transmissão 250 kHz
• Modulação de banda lateral única
16 bit de controle
com portadora suprimida Amplitude da transmissão
50 ns de resolução
• Fase e forma do impulso
Estabilidade do ganho
controladas por computador < 0.1 dB (caminho de baixo sinal)
(5 min)
• Demodulação de quadratura
< 0.3 dB (amplificador de potência)
• Características de transferência
altamente linear através de correção
de software Amplificador de transmissor
Saída de potência 2.5 KW
Largura de banda 800 kHz
Estabilidade do ganho 0,15dB

10
MAGNETOM CONCERTO

Bobina de transmissão
Bobina de transmissão de polarização circular (CP) plana integrada no interior do invólucro do magneto

Caminho de recepção

Sistema pré-amplificador duplo para Pré amplificador


ligação simultânea de duas bobinas de Taxa de amostragem ADC 10 MHz
recepção Ganho 29dB/53dB (controle
As bobinas de recepção individuais automático)
limitam toda banda de recepção
dependendo do leitura de saída e do Fator de ruído <0,8dB
FOV
• Demodulação por quadratura
digital Escala dinâmica Até 128 dB (controle automático)
• Filtro digital Taxa de amostragem da saída 1 MHz
• Ajuste esporádicos do receptor Resolução do sinal do receptor Até 24 bits

Manuseio do Paciente

Mesa para o paciente

Permite o posicionamento rápido e Dimensões da mesa (L x W) 210 x 79 cm


flexível do paciente dentro ou fora da Altura da mesa(fixa) 82 cm
sala de exames. Percurso longitudinal (manual) ±83 cm
Percurso lateral(manual) –81,5/+22,5 cm
Precisão da posição ±1 mm
Peso máx. do paciente 200 kg

Carrinho para transporte do paciente

Mesa para paciente móvel com Dimensões da mesa (L x W) 210 x 79 cm


mecanismo de acoplamento rápido. Altura da mesa (fixa) 82 cm
Permite o posicionamento rápido e Percurso longitudinal (manual) +/- 83 cm
flexível do paciente para dentro ou
para fora da sala de exames Percurso lateral (manual) -81.5/ +22.5 cm
Precisão da posição +/- 1 mm
Peso máximo do paciente 200 Kg

11
MAGNETOM CONCERTO

Sistema de Computação

Computador host

Processador duplo com uma segunda INTEL Pentium III TM


CPU
Clock ≥ 850 MHz
Memória principal (RAM) 1 GB
1º Disco rígido (sistema SW) 18 GB
Drives 2º Disco rígido (Base de dados) 18 GB
• Drive de CDROM 3º Disco rígido (imagens) 36 GB (aprox. 95.000 imagens, matriz
256 x 256)
• Drive para disco flexível
CD-R Aprox. 4.000 imagens (formato padrão
• MOD 1.7 GB, de mesa, somente – DICOM ISO 9660, matriz 256 x 256)
leitura (opcional)

Processador rápido para reconstrução de imagens

Drives Processador da CPU DEC Alpha TM


• Drive de CDROM Clock ≥ 500 MHz
• Drive para disco flexível Memória principal (RAM) 512 MB
1º Disco rígido (sistema SW) 9 GB
2º Disco rígido (Coluna de dados) 9 GB
Tempo de reconstrução (2562 FFT) 10 ms/imagem
100 imagens/s

Monitor Colorido de LCD

Monitor plano de alta resolução sem Tamanho da tela (diagonal) 18”


tremulação Frequência horizontal 30 – 82 kHz
Inclinação lateral, para frente e para Frequência vertical 56 – 76 Hz
trás Matriz da tela 1280 x 1024
Correção gama integrada para uma
ótima visualização radiográfica em
escala de cinza
Controle automático com luz de fundo
para longo período de estabilidade do
brilho

12
MAGNETOM CONCERTO

Hardware Opcional

Mesa do Console
Mesa ergonomicamente projetada para monitor em cores, teclado, mouse, unidade de comunicação do paciente e
mostrador de supervisão do paciente.

Console Satélite MRSC de RM

Console integrado adicional com Processador duplo com 2ª CPU Pentium


computador host para pós- Freqüência do clock ≥ 850 MHz
processamento e avaliação da
imagem RAM 512 MB
Funcionalidade e interface do usuário 1º disco rígido 9 GBytes
idênticas a MRC, exceto o controle de 2º disco rígido 9 GBytes
escaneamento
Capacidade da imagem (256x256) aprox. 80.000 (em MRC
Base de dados partilhada com MRC, Distância máxima da MRC 90 m (Ethernet)
assim eliminando o tempo de cópia da
imagem

Unidade de Disco Magneto-Ótica (MOD) para MRC ou MRSC

Para acesso imediato a imagens Capacidade do cartucho 1,7 Gbyte e


armazenadas em meio WORM e Capacidade da imagem (matriz aprox. 11.000
MOD de 5 ¼” a partir das versões 256x256)
Numaris 3/3.5 anteriores. Acesso de dados Apenas para leitura
Disco rígido encerrado numa caixa em
separado sobre a mesa

Instalação

Requisitos de energia

Tensão de linha 380, 400, 420, 440, 480 V


Tolerâncias de estabilidade +6%/–10%
Frequência de linha 50 / 60 Hz, ±1Hz
Requisito de energia 15 KVA

Requisitos de espaço

Requisito mínimo de espaço total 30 m2

Consumo de Energia

Sistema desligado 0 kW
Em modo de espera ≤ 6.5 kW
Medição típica ≤ 8 kW
Máxima ≤ 10 kW

13
MAGNETOM CONCERTO

4. Instalações ou Montagem do Equipamento

IMPORTANTE:
A Instalação e Montagem deste equipamento requer
Assistência Técnica Especializada

O Equipamento de Ressonância Magnética MAGNETOM CONCERTO somente deve ser


instalado e montado pelo Serviço Técnico SIEMENS ou por seu Representante.
A montagem/instalação é sem ônus para o cliente, e assegura o direito à garantia do
conjunto contra defeitos de fabricação.
O Termo de Garantia e os Canais de Comunicação para solicitação destes serviços estão
relacionados no final deste manual.

14
MAGNETOM CONCERTO

Requisitos mínimos para instalação do equipamento de Ressonância


Magnética MAGNETOM CONCERTO
O MAGNETOM CONCERTO é um equipamento eletromédico de alta tecnologia, e deste forma somente deve
ser instalado por pessoal especializado da SIEMENS.

Segue no anexo A do Manual de Uso uma planta padrão para instalação do


equipamento de Ressonância Magnética MAGNETOM CONCERTO

Segue abaixo as condição necessárias para instalação do equipamento MAGNETOM CONCERTO.

Requisitos de espaço

Requisito mínimo de espaço total 30 m2


Requisito mínimo da altura do teto
2250 mm
na sala de exame
Requisito mínimo da altura do teto
2200 mm
na sala do computador

Requisitos de alimentação elétrica

NO-BREAK
Prever um NO-BREAK, com as características abaixo:
Potência nominal 30kVA(trifásico)
COS ϕ =0,8
Tensão de Entrada: De acordo com a rede do cliente
Frequência de Operação: 60 Hz
Tempo de Resposta: 4 milisegundos (1/4 de ciclo)
Tensão de Saída: 400 V
Faixa de Controle : + 6%, - 10% (Tensão)
+/- 5% (Frequência)
Prever baterias com autonomia mínima de 15min
Caso a tensão da Clínica seja 220V, prever autotrafo elevador de baixa
impedância interna
Forma de Onda: Senóide Perfeita
Sem transformador isolador
Desbalanceamento de fases: máx 2%

OU

15
MAGNETOM CONCERTO

Estabilizador Eletrônico de Tensão (Microprocessado)

Potência nominal de saída: 30kVA - trifásico


Tensão de Entrada de acordo com a rede do cliente ±
20%
Tensão de Saída 400V ± 2%
Estabilização: independente por fase
Tempo de resposta: 4 milisegundos( 1/4 de ciclo)
Rendimento: 96%
Fator de potência: 0,8 indutivo
Frequência de Operação 60Hz
Refrigeração : Natural
• Voltimetro digital na entrada e saída
• Amperímetro digital na saída
• Frequêncimetro digital na saída
• Sensor de sub/sobre tensão na saída
• Forma de Onda: Senóide Perfeita
• Proteção contra sobrecarga na entrada e na saída
• Proteção contra curto-circuito
• Proteção contra falta de fase
• Com rearme automático
• Sem transformador isolador
• Baixa impedância interna
• Chave By-Pass
• Alerta de iminência de desligamento temporizado a 25 segundos
• Alerta de saída desligada
• Alerta de falha interna
Desbalanceamento de fases: máx 2%

Caso a tensão da Clínica seja 220V, prever autotrafo elevador de baixa


impedância

16
MAGNETOM CONCERTO

NO-BREAK PARA O PROCESSADOR DE IMAGENS

Prever um NO-BREAK, com as características abaixo, caso se utilize


estabilizador:
Potência nominal : 5kVA(monofásico)
COS ϕ =0,8
Tensão de Entrada: 220V monofásico +/- 10%
Tempo de Resposta: 4 milisegundos (1/4 de ciclo)
Tensão de Saída: 220V monofásico
Faixa de Controle : + 6%, - 10% (Tensão)
+/- 5% (Frequência)
• Prever baterias com autonomia mínima de 15min
Forma de Onda: Senóide Perfeita
• Sem transformador isolador
Desbalanceamento de fases: máx 2%

Quadro de Distribuição Terminal (Q.D.T.)

Deverá ser adquirido adicionalmente um quadro de força, conforme


especificações indicadas no projeto.

Sistema de Condicionamento do Ar:

Temperatura : 22 °C ± 2°C
Umidade do Ar : 50% ± 10%
• Sem condensação
• Prever controle de umidade rigoroso.
• Especificações detalhadas conforme projeto anexo.

Piso Dissipativo

• Será necessário a instalação de piso dissipativo na área da


ressonância, conforme indicado em planta.

Serviço de Diagnóstico Remoto (Remote Diagnostic):

• Prever uma linha telefônica direta na sala do computador para


acoplamento ao roteador.

Observações
• A Instalação de uma ressonância requer um trabalho dedicado de todas as partes envolvidas (obra civil,
elétrica, ar condicionado, etc.). Somente com todas as etapas e trabalhos concluídos adequadamente,
podemos garantir a montagem do MAGNETOM CONCERTO no tempo estipulado (4 semanas).
• Todas as condições acima descritas deverão ser atendidas pelo cliente.

17
MAGNETOM CONCERTO

Check list recomendado de instalação


Segue abaixo a lista de ações recomendadas para serem utilizadas no planejamento da instalação do
equipamento de ressonância Magnética MAGNETOM CONCERTO com Magneto permanente.

1. Verifique o tamanho da sala ema relação ao espaço mínimo necessário para instalação do sistema
2. Verifique se o chão foi reforçado para sustentar o peso total do sistema.
3. Organize a medição do espaço requerido para ter certeza de que os requisitos de vibração da construção
está alcançado e a interferência do campo eletromagnético permanece dentro dos limites especificados.
Verifique se há campo nas bordas do Magneto requer sala de proteção externa.
4. Garanta a que a mínima dimensão de passagem requerida para transportar o sistema e a mínima peso dos
componentes do sistema não apresentam problemas para portas, chão, elevadores, etc.
5. Verifique se o nível do chão (altura) estão no padrão determinado.
6. Verifique se as condições de refrigeração de ar do sistema estão de acordo com a temperatura da sala
especificada.
7. Verifique se há energia elétrica, aterramento, iluminação, e se estão de acordo com os requisitos.
8. Tenha certeza que esteja disponíveis modem, rede, e conexão para camara.
9. Verifique se as saídas de conveniência (lâmpada de emergência, sensores de fumaça, tubos médicos)
estão instalado.
10. Defina se o layout da sala (posicionamento da proteção modular, placa de aço ferromagnético, portas,
gabinetes eletrônicos, trocador de calor GCC, e estação de trabalho MRC).

18
MAGNETOM CONCERTO

Componentes do Sistema
Magneto permanente com cobertura e mesa do paciente
Dados técnicos mínimos para instalação

Magneto 11000 kg
Parte superior do gradiente & bobinas 85 kg
Massa (peso) em Kg Parte inferior do gradiente & bobinas 85kg
Coberturas do Magneto, conjunto completo 190 kg
Mesa do paciente 200 kg
Peso total 11500 kg

Magneto e Mesa do paciente

19
MAGNETOM CONCERTO

Dimensões do Magneto e Mesa do Paciente

20
MAGNETOM CONCERTO

Gabinete eletrônicos do sistema de MR


Dados técnicos mínimos para instalação

Peso (massa) em kg 520 kg


Dimensões (Alt x larg x comp) em mm 1950 x 950 x 650+/-10
Máxima densidade de fluxo magnético permitido Gabinete de controle (CCA) Máx. 5 mT

Dimensões dos gabinetes eletrônicos

21
MAGNETOM CONCERTO

Sistema de troca de calor GCC


Dados técnicos mínimos para instalação

Peso (massa) em kg <220 kg


Dissipação de calor para o ar <2.3 kW
Valor limite para densidade de fluxo magnético 5 mT
para operação com segurança

Dimensões do sistema de troca de calor GCC

22
MAGNETOM CONCERTO

Monitor colorido de cristal líquido (LCD)


Dados técnicos mínimos para instalação

Peso 10kg Voltagem da linha 100V...230V AC +/- 10V


Tamanho (comp. X alt. X 465 x 430 120 Pé do monitor 240 mm
larg.)
Ruído audível <35 dB Freqüência 47 Hz ...65 Hz
Consumo de energia 75 W

Estação de trabalho MRC


Dados técnicos mínimos para instalação

Peso (massa) em kg <22 kg


Dissipação de calor para o ar <700 W
Consumo de energia 654VA
Valor limite para densidade de fluxo magnético
máx 1 mT
para operação com segurança

Dimensões da Estação de trabalho MRC

23
MAGNETOM CONCERTO

Condições climáticas

Sala Temperatura da Umidade relativa Temperatura do Pressão do ar


sala gradiente
Sala de exame +18ºC...+27ºC 40...80% <3º C/h 70kPa...106kPa
Sala de avaliação +18ºC...+30ºC 10...80% n.a.
Sala de controle +18ºC...+30ºC 10...80% n.a.
Sala do equipamento +18ºC...+24ºC 40...70% <1º C/5 min

Dissipação de calor

Sala Componente Dissipação do calor no ar


Sala de exame Magneto máx. 2 kW
Computador principal
Sala de avaliação máx. 1.8 kW
Monitor
Computador principal
Sala de controle máx. 1.8 kW
Monitor
ECA
Sala do equipamento máx. 10 kW
GCC

24
MAGNETOM CONCERTO

5. Operação do Equipamento

IMPORTANTE:
Para a operação deste equipamento é necessário o
Treinamento de seus usuários.

O treinamento dos operadores no equipamento de Ressonância Magnética MAGNETOM


CONCERTO deve ser realizado por especialista em aplicação designado pela SIEMENS
para tal.
Este treinamento já faz parte do pacote de venda do equipamento e deverá ter sua data
acertada em comum acordo entre as partes. Sua duração é de 3 dias.
Os Canais de Comunicação para solicitar o treinamento estão relacionados no final deste
Manual.

25
MAGNETOM CONCERTO

Iniciando e parando o sistema


O sistema reconhece quatro etapas de inicialização:

† Ligar a fonte de alimentação elétrica do sistema


† Ligar o magneto
† Inicializar o sistema operacional
† Carregar o software do usuário Numaris

O sistema também pode ser desligado em quatro etapas:

† Finalizar o Numaris
† Finalizar o sistema operacional (shut down)
† Desligar o magneto
† Desligar o sistema

Após a alimentação elétrica ter sido ligada, serão realizadas rotinas de diagnóstico para colocar o sistema em
uma condição totalmente operacional. Durante a partida fria, as funções do circuito MAGNET STOP (parada do
magneto) são automaticamente testadas.

Ligando/desligando o sistema

Aviso
É recomendável que o sistema seja desligado ao final do dia,
e ligado pela manhã logo antes do uso

Você pode começar a examinar pacientes aproximadamente 30 minutos após o sistema ter sido ligado.

Testando a caixa de alarme


Utilize a caixa de alarme na sala de controle para ligar e desligar o sistema. Certifique-se de que a caixa de
alarme não indique uma condição de alarme

26
MAGNETOM CONCERTO

Iniciando o sistema (sem temporizador)


Ligando

Caixa de alarme – Destrave a chave

Ligue o SISTEMA

Os LEDs verdes correspondentes acenderão.


Espere aproximadamente 10 segundos antes de ligar o campo magneto.

Isto dá ao sistema tempo para iniciar o sistema de refrigeração à água.

Ligue o magneto.

Os LEDs correspondentes piscarão por aproximadamente 30 minutos, até que o campo magnético esteja
estável (Luz vermelha permanente).

Console operacional
O sistema inteiro é inicializado. São executados vários testes e procedimentos de carregamento neste estágio,
acompanhados pelas respectivas mensagens. Depois aparece a mensagem de pronto.

LOGIN:
Você pode iniciar o software.

27
MAGNETOM CONCERTO

Iniciando NUMARIS

Inserir "MR" pelo teclado e pressione RETURN.


O software NUMARIS está sendo iniciando.
Você pode iniciar o trabalho no console operacional tão logo o espaço de trabalho NUMARIS seja exibido na
tela.

Testes de função após a inicialização do sistema


Após a inicialização do sistema, são requeridos vários testes antes do exame do paciente.

Bulbo de pressão
Certifique-se que a bulbo de pressão trabalhe corretamente.

Trava do mecanismo
Verifique o mecanismo de trava da porta da sala de exame. Certifique-se que as tiras especiais com molas de
contato no marco da porta e na porta da sala de exame estão livres de materiais estranhos, por exemplo
líquido de limpeza, cera de chão, lubrificante, graxa, manchas de pintura, manchas de sangue.

28
MAGNETOM CONCERTO

Iniciando o sistema (com um temporizador)


O temporizador liga o sistema automaticamente em um horário especificado. Por exemplo, você pode ajustar o
temporizador de forma que a fase de pré-aquecimento do magneto (~30 minutos) coincida com o seu intervalo.
Caixa de alarme

Ligando
Habilite o temporizador.
O LED se acende.

Destrave a chave.

O sistema e o magneto serão ligados automaticamente.

29
MAGNETOM CONCERTO

Ajustando o temporizador
Ajustando a data e o horário atuais
Antes de utilizar o temporizador pela primeira vez, você deverá ajustar o dia e o horário atuais. Como o
temporizador funciona com bateria, os valores não serão perdidos durante uma falta de energia elétrica.

Habilite o temporizador.

O LED se acende.

Pressione o botão SETTING.

Display

Para selecionar a data atual, mantenha o botão CLOCK pressionado e clique o botão
DAY para percorrer os dias da semana.

O triângulo acima dos números de 1 a 7 apresenta o dia da semana (1


corresponde à segunda-feira, etc.).

Para selecionar a hora atual, mantenha o botão CLOCK pressionado e clique o botão
HOUR para percorrer as horas do dia.

Para selecionar os minutos atuais, mantenha o botão CLOCK pressionado e clique o


botão MINUTE para percorrer os minutos.
O temporizador aceita os valores ajustados quando você soltar o botão CLOCK.

30
MAGNETOM CONCERTO

Introduzindo o horário
Por favor, observe: Enquanto não é possível desligar o sistema através do temporizador, o sistema não se
ligará automaticamente sem um tempo de desligamento.
Exemplo: O sistema deverá ser ligado automaticamente às 12:30 h.
Horário para ligar 12:30
Horário para desligar qualquer horário

Pressione o botão PROGRAM.

Display

Ajuste o horário de ligamento para segunda-feira, utilizando os botões


HOUR e MINUTE.

Pressione o botão PROGRAM novamente.

Display

Ajuste o tempo de desligamento para segunda-feira (por exemplo, 1 minuto após o


horário de ligamento), utilizando os botões HOUR e MINUTE.

Vá para o próximo dia com o botão DAY.


Ajuste os tempos de LIGAR/DESLIGAR para cada dia da semana conforme descrito
acima.
Por favor, observe: O temporizador permite quatro diferentes ajustes de LIGAR/DESLIGAR
por dia. Entretanto, você deve selecionar um ajuste de LIGAR/DESLIGAR.

Editando a entrada
Pressione o botão CLOCK
O timer aceita os ajustes de LIGAR/DESLIGAR feitos por você.
Por favor, observe: Se você não pressionar um dos botões, o temporizador
automaticamente aceitará os ajustes de LIGAR/DESLIGAR aproximadamente 40 segundos
após a sua última entrada.

31
MAGNETOM CONCERTO

Desligando o software (somente MRC)


Antes de desligar o sistema:

Chamar a função "Fim do Sistema " através do NUMARIS.

Caso um console satélite não estiver interligado ao seu sistema:

Software: Comutar para Sistema

Modo: Comutar para Não reiniciar

Desliga o software do sistema.

O símbolo > aparece na tela após alguns instantes.


O sistema deve ser alimentado com energia elétrica durante pelo menos dois minutos após o aparecimento de
símbolo, para que alguns processos terminem corretamente.
Após este tempo, você pode desligar o sistema

32
MAGNETOM CONCERTO

Desligando o software para sistemas com o MRSC


Caso seu sistema esteja equipado com um console satélite (MRSC), você deve proceder os dois passos
seguir:

1. No console satélite (MRSC)


Software: Comutar para Aplicação.

Modo: Comutar para Não reiniciar

Final do NUMARIS.

O “login”: aparece na tela após alguns instantes.

2. No console operacional (MRC)


Software: Comutar para Sistema.
Modo: Comutar para Não reiniciar

Fim do software do sistema

O símbolo > aparece na tela após alguns instantes


O sistema deve ser alimentado com energia elétrica durante pelo menos dois minutos após o aparecimento do
símbolo.
Após este tempo, você pode desligar o sistema.

33
MAGNETOM CONCERTO

Desligando o sistema

Finalizar o software conforme descrito nas páginas anteriores, antes de desligar o sistema.
O software NUMARIS deve ser fechado durante pelo menos dois minutos antes de apagar o
sistema

Caixa de alarme - Apertar o botão magnet

O fornecimento de energia para o magneto agora está desligado.


Espere aproximadamente por 20 minutos.
Este tempo é necessário para o sistema de refrigeração à água do magneto.
Desligue a chave do Sistema.

O sistema foi agora desconectado do fornecimento de energia.


Trave a chave

Em casos de emergência
Botão de DESLIGAMENTO DE EMERGÊNCIA

NOTA
Em caso de emergência extrema - e somente neste caso! - você pode apertar o
botão de BOTÃO DE DESLIGAMENTO DE EMERGÊNCIA.
O sistema inteiro é desligado imediatamente.

34
MAGNETOM CONCERTO

Usando a mesa do paciente


A mesa do paciente é usada:

† para transportar o paciente


† para posicionamento do paciente antes e durante a medição
† para posicionamento de qualquer bobina requerida
† para movimentar o paciente dentro do magneto

Peso máximo do paciente


É garantida a funcionalidade completa da mesa do paciente para um paciente com peso que não exceda 200
kg (paciente deitado). Os requisitos de segurança conforme a DIN IEC 601-1 são mantidos.

Mesa do paciente / Capacidade de peso

CUIDADO
A capacidade de peso da mesa pode ser excedida quando esta for estendida na
direção longitudinal.
Neste caso, certifique-se de que o paciente entre e saia do topo da mesa pelo centro
da mesa.

As áreas críticas são identificadas pela etiqueta de advertência apresentada.


Nos casos de pacientes grandes ou obesos, preste uma atenção particular aos pontos potenciais de ferimento

35
MAGNETOM CONCERTO

Funções da mesa do paciente


A mesa do paciente é um componente independente. Ela é acoplada no magneto para o exame

Transporte do paciente
Você pode transportar pacientes imobilizados para a sala de exame, até o magneto, utilizando a mesa do
paciente.
Por favor, observe: A mesa do paciente destina-se apenas ao transporte em superfícies planas em curtas
distâncias (por exemplo, dentro do departamento de radiologia).
Você não poderá mover o topo da mesa quando a mesa do paciente não estiver acoplada ao magneto. Esta
precaução impede que a mesa incline enquanto o paciente estiver entrando ou saindo da mesa, ou estiver
sendo posicionado nesta.

Travando a mesa do paciente na posição

Aplique os dois freios de pé

A mesa do paciente está estacionária.


Tão logo você libere os freios de pé, a mesa do paciente estará móvel novamente.

Posicionamento do paciente
Você também pode posicionar o paciente na bobina requerida fora da sala de exame. Se você estiver
utilizando diversas mesas de paciente, um paciente pode ser preparado enquanto outro paciente estiver sendo
examinado.
Vários colchões são colocados no topo da mesa para fornecer conforto e segurança no posicionamento do
paciente. Além disto, colchões específicos para bobinas são fornecidos.

36
MAGNETOM CONCERTO

Acoplando a mesa do paciente


A mesa do paciente deve ser acoplada ao magneto para o exame.
Você encontrará um mecanismo de acoplamento de segurança no pólo inferior do magneto e na mesa.

Mova a mesa na frente do magneto

37
MAGNETOM CONCERTO

Empurre a mesa para cima até o magneto, até que a mesa trave na posição.
Trave o mecanismo de acoplamento na sua posição.
Deslize a alavanca do lado esquerdo da mesa em direção ao topo.
Ao mesmo tempo, os freios dos movimentos transversal e longitudinal do topo da mesa são liberados

O topo da mesa pode ser posicionado apenas após a mesa ter sido acoplada corretamente.
Para uma segurança adicional, utilize os freios de pé .

38
MAGNETOM CONCERTO

Removendo a mesa do paciente


Para remover a mesa do magneto:
Mova o topo da mesa até a sua posição básica.
Isto significa que o topo da mesa não pode ser movido tanto na direção x
como na direção Você sentirá o topo da mesa travando em sua posição
básica. Uma vez travado em sua posição, o topo da mesa é impedido de
inclinar.
Prenda os cabos das bobinas utilizando os pequenos ganchos
Pressione a alavanca do lado esquerdo da mesa em direção ao chão.
O pedal para desacoplamento da mesa do paciente é liberado.

Pise no pedal.

Se você utilizou os freios de pé: Libere-os conforme descrito


A mesa se moverá livremente outra vez.
Puxe o mesa para fora do magneto.

39
MAGNETOM CONCERTO

Movendo a mesa
Enquanto a altura da mesa não pode ser ajustada, você pode mover a mesa manualmente no plano horizontal:

† direção z (longitudinal): ± 830 mm; ± 10 mm


† direção x (transversal): ± 225 mm, - 815 mm; ± 2 mm

40
MAGNETOM CONCERTO

Você trava a mesa na posição desejada através dos freios mecânicos da mesa. Além disto, a mesa trava-se
mecanicamente na posição uma vez que esta esteja localizada no isocentro do magneto. Entretanto,
dependendo da bobina utilizada, a mesa pode ser movimentada além do isocentro do magneto (por exemplo,
ombro direito ou esquerdo no isocentro do magneto).

Movimento transversal da mesa


Libere o freio para o movimento transversal da mesa (direção-x).
Empurre a alavanca para cima. Você pode mover agora a mesa na
direção transversal.
Assem que você liberar a alavanca, o freio será aplicado
automaticamente.
Utilize as alças do topo da mesa para mover a mesa.

ADVERTÊNCIA
Ponto potencial de ferimento
Fique fora da área da parte inferior da mesa enquanto esta estiver se
movendo.
A sua mão ou os dedos poderiam ser pegos.

Ponto potencial de ferimento

41
MAGNETOM CONCERTO

Movimento longitudinal da mesa

Libere o freio para o movimento longitudinal da mesa


(direção-z).
Empurre o mecanismo de destravamento na alça. Você pode
mover agora a mesa na direção longitudinal.
Assim que você liberar o mecanismo de destravamento, o freio
será aplicado automaticamente.

ADVERTÊNCIA
Quando o topo da mesa tiver sido estendido longitudinalmente,
utilize as alças no topo da mesa para mover esta de volta.
Não segure nas extremidades da mesa com as suas mãos.

42
MAGNETOM CONCERTO

Utilizando o painel de controle


O painel de controle é integrado à cobertura do magneto acima da mesa do paciente. As teclas de funções no
painel de controle permitem que você controle o seguinte:

† ligue / desligue o localizador luminoso,


† controle o ajuste da bobina,
† selecione a bobina ativa.

O painel de controle consiste de um display alfanumérico de 16 dígitos e cinco teclas de funções.

43
MAGNETOM CONCERTO

Liga ou desliga o localizador luminoso a laser

Seleciona a bobina ativa.

Inicia o ajuste da bobina.

Alterna o indicador de posição da mesa do paciente (longitudinal/transversal)

Reservado.

Por favor, observe: A seqüência de medição selecionada é terminada imediatamente,


quando você pressiona uma das teclas ou move a mesa durante o ajuste ou a seqüência de
medição em andamento.

Posição da mesa
Quando você move a mesa, o display indica a posição real da mesa
(longitudinal/transversal) em milímetros.

† posição-z: 4 valores numéricos mais sinal algébrico (movimento longitudinal)

† posição-x: 4 valores numéricos mais sinal algébrico (movimento transversal)

Você encontrará um segundo display de posição da mesa embaixo do topo da mesa. O


display torna-se visível quando o topo da mesa começa a se mover para dentro do magneto.
Este display permite que você monitorize continuamente a posição do topo da mesa, mesmo
enquanto esta estiver se movendo para dentro do magneto.

44
MAGNETOM CONCERTO

Console operacional

As principais funções são controladas e monitorizadas a partir do console operacional. Estas funções incluem:
registro do paciente, imagens de RM, reconstrução de imagens, apresentação e avaliação de imagens, bem
como arquivamento e documentação. Os comandos são introduzidos através de mouse ou teclado.

Visualização da tela
O monitor contém uma tela de alta resolução para a apresentação das imagens de RM e operações acionadas
por diálogo.

45
MAGNETOM CONCERTO

Utilizando o teclado
O teclado contém quatro grupos de teclas:
Teclas alfanuméricas
O teclado alfanumérico contém as mesmas teclas encontradas no teclado de um computador padrão.

Teclas de funções
A fileira superior de teclas compreende quinze teclas de funções livremente programáveis.

Rótulos
Está disponível um conjunto de rótulos para as funções do Numaris, para designação das teclas de funções.
Coloque o rótulo correspondente na faixa de plástico e então o posicione na encaixe acima das teclas de
funções.

Teclas de controle
As teclas de controle estão localizadas à direita do teclado alfanumérico. Estas teclas são utilizadas para
controlar funções utilizadas com freqüência.

Teclas de controle remoto


As teclas de controle remoto estão localizadas à direita do teclado. As teclas são utilizadas principalmente para
a operação do intercomunicador e para início das medições.

46
MAGNETOM CONCERTO

Teclas de controle
A série anterior / próxima é chamada.

A imagem anterior / próxima é chamada.

Utilize as quatro teclas de seta para mover o cursor dentro da janela de


função.

Teclas de controle remoto


A tecla VOLUME ajusta o volume do intercomunicador (4 níveis). Quando a
tecla é pressionada pela primeira vez, o volume muda de baixo para alto. A
cada vez em que a tecla é pressionada subseqüentemente, o volume cai
um nível.

A tecla PATIENT SURVEY permite que o operador ouça o paciente através


do intercomunicador. Pressione a tecla uma vez para habilitar a função;
pressione uma segunda vez para desabilitar esta função.

A tecla PATIENT CALL permite que o operador fale com o paciente através
do intercomunicador. Para isto, mantenha a tecla pressionada.

A tecla START inicia as medições. O protocolo ativo de medições deve


estar carregado na unidade de controle.

47
MAGNETOM CONCERTO

Usando o mouse
A movimentação do mouse é realizada com sua mão. Contém três botões para controlar o software NUMARIS.
Desta forma, você pode facilmente inserir comandos e usar os elementos de controle na tela. O mouse
controla a posição do ponteiro exibido na tela: A movimentação do mouse resulta em um movimento
correspondente do ponteiro pela tela, permitindo apontar e selecionar objetos.

O três botões do mouse têm as seguintes funções:

SELEÇÃO
Usar o botão esquerdo do mouse para selecionar ou mover objetos. Posicionar o ponteiro nos campos de
inserção e selecionar os controles na tela.

ACESSO AS JANELAS
Usar o botão central do mouse para executar janelas do programa médico em imagens de pacientes, por
exemplo, ajustar o contraste e brilho da imagem.

MENU
Usar o botão direito do mouse para chamar menus e para selecionar as opções disponíveis.

48
MAGNETOM CONCERTO

Carrinho do Paciente (opcional)

Utilizando o Carrinho do Paciente, você pode movimentar pacientes imobilizados para a sala de exame e
posicionar o carrinho diretamente na mesa do paciente.

Perigo na inclinação

ATENÇÃO
O Carrinho do Paciente pode inclinar-se enquanto o paciente estiver entrando ou saindo do carrinho, ou
enquanto estiver sendo posicionado nele.
Verifique se o Carrinho do Paciente encontra-se em um piso nivelado e empurre para baixo o freio de pé.

49
MAGNETOM CONCERTO

Capacidade de peso do Carrinho do Paciente

Concentração de peso Peso máximo


Topo da mesa 160 kg
Cabeceira 60 kg

Material quebrável

CUIDADO
Por favor, não sente na cabeceira do carrinho.

Danos causados por impacto CUIDADO


Evite impactos na cabeceira e no topo da mesa.

Utilizando o Carrinho do Paciente

Pressione o pedal do freio de pé


para baixo.
O carrinho permanecerá estacionário.
Para mover o Carrinho do Paciente,
levante o pedal do freio de pé com o
seu pé.

50
MAGNETOM CONCERTO

Ajustando a altura

Levantando o carrinho
Pise no pedal diversas vezes até que o topo da mesa alcance a altura requerida.

Abaixando o carrinho
Levante o pedal com o seu pé até que o topo da mesa abaixo conforme requerido.

51
MAGNETOM CONCERTO

Ajustando a inclinação da cabeceira

Puxe a alça para destravar a cabeceira.


Incline a cabeceira conforme requerido.
Libere a alça.
A cabeceira trava-se na inclinação selecionada.

Acoplando o cinto de segurança


O cinto de segurança fornecido estabiliza o paciente e previne que ele/ela caia do carrinho.

Acople o cinto de segurança ao Carrinho do Paciente.


Encaixe o cinto de segurança (lingüeta de metal) na trava ao longo da borda do carrinho.
Para limpar o cinto de segurança.

52
MAGNETOM CONCERTO

Driver de disco óptico


A cabine do computador inclui uma unidade livre para instalação de Drive de disco óptico

O Drive disco óptico grava e lê dados do disco óptico. Existe dois tipos de discos ópticos

† Regravável (MOD), e
† Gravável somente uma vez (WORM)

O disco óptico
Dados podem ser escritos ou apagados em ambos os lados do disco óptico-magnético (MOD)
O disco gravável somente uma vez (WORM) opera conforme o mesmo princípio que um CD de música. Dados
podem ser escritos para o disco, entretanto, os dados não podem se gravados por cima ou apagados. Ao
contrario do CD, dados pode ser escritos em ambos os lados do disco óptico (lado A e B)
O cartucho

(1) Trilhas marcadas


(2) Proteção contra gravação
(3) Abertura de acesso óptico
Para proteger contra contaminação de influências mecânicas, o disco é encapsulado em um cartucho. O disco
é de duplo lado e possui o padrão ISO/ANSI. A etiqueta no cartucho indica se o disco é regravável ou gravável
somente uma vez.
Segure o disco somente nas trilhas marcadas, moldadas no cartucho.

53
MAGNETOM CONCERTO

Manuseio do cartucho

Nota
Não abra o acesso deslizante do disco óptico ou toque a superfície do disco óptico

A habilidade de ler o disco pode ser reduzida por manchas, impressões digitais e outras contaminações.
Arranhões e ranhuras danificam o disco
O cartucho não é afetado por campo magnético ou Raios-X. Dados não serão perdidos se o cartucho passa
através da segurança de aeroportos.

Nota: não fume , coma, ou beba enquanto estiver trabalhando com o disco
Não fixe etiquetas próximo ao acesso deslizante.
Não coloque o cartucho na direção do Sol ou armazene em lugares com a temperatura elevada por longo
período de tempo

Armazenando o cartucho
Armazene o cartucho em planos com meio limpo e seco.
Armazenagem/Cartucho

Nota
Não empilhe mais do que 10 cartuchos

Guarde o cartucho em seu recipiente original, para longos período de armazenamento. Para curto espaço de
tampo de armazenamento e viagem, utilize sempre que possível o recipiente original.

Proteção contra gravação


Cada lado do cartucho pode ser protegido individualmente. Para proteger contra gravação um determinado
lado, ache a aba de proteção contra gravação no lado do cartucho que você quer proteger. A aba está
localizada no lado esquerdo das trilhas de marcação.
Para proteger o disco
Empurre a aba para esquerda até que uma pequena abertura aparece.

Para desabilitar a proteção


Empurre a aba para direita até que uma pequena abertura desapareça.

Cuidado
Não mova aba com um lápis.
Grafite pode contaminar o disco

54
MAGNETOM CONCERTO

Usando o driver
O driver de disco óptico contém dois LEDs funcionais, bem como um botão para ejeção.

LEDs funcionais
Existem um LED verde e um amarelo. O LED verde é para MOD, e o amarelo é para cassete WORM

Amarelo Verde
Cintilante Cintilante Nenhum cartucho inserido
Cintilante Desligado Cartucho MOD inserido
Desligado Cintilante Cartucho WORM inserido
Aceso Desligado Cartucho WORM está sendo gravado/lido
Desligado Aceso Cartucho MOD está sendo gravado/lido

Botão de ejeção
Pressione o botão para remover o cassete do driver.

55
MAGNETOM CONCERTO

Monitor
As imagens de MR são exibidas em um monitor de alta resolução de 19” em com tela de Cristal liquido.

Seu monitor já esta configuração otimizada pelo Serviço Siemens. Isto porque o menu e as chaves de “enter”
no lado da tela estão desabilitados.

Sempre deixe o monitor ligado

Ele é ligado e desligado junto com os Sistemas.

CUIDADO
Nunca abra o monitor
Nunca coloque vasilhames contendo líquidos (copos, vidros) sobre ou próximo do monitor.
Garanta que as aberturas de ventilação atrás do monitor não esteja obstruídas.

Se você notar que a tela está borrada em algumas áreas, você pode alterar as configurações na tela.

56
MAGNETOM CONCERTO

6. Precauções, Restrições e Advertências

O Equipamento a que se refere este manual é um produto eletromédico de alta tecnologia.


Sua utilização ou intervenção técnica, realizada por pessoas não habilitadas, é perigosa e
poderá expor a riscos pacientes, operadores e terceiros. Leia atentamente este manual e o
manual fornecido pelo fabricante. Em caso de dúvidas, consulte a SIEMENS.

Para garantir a segurança funcional do produto, qualquer intervenção técnica, manutenção


ou reparo no mesmo, somente deverá ser realizada por técnicos credenciados pela
SIEMENS. Em caso de suspeita de mau funcionamento, contate imediatamente a SIEMENS
mais próxima ou representante autorizado.

A SIEMENS não se responsabiliza por quaisquer danos ou prejuízos decorrentes de, ou


causados por, manuseio, operação, manutenção ou utilização indevidas, incorretas ou
realizadas por pessoas não credenciadas.

É obrigação do instalador e usuário cumprir as disposições legais estabelecidas na Norma


NBR 5410 para a instalação e/ou funcionamento do equipamento.

Antes de se colocar em funcionamento, o usuário deve assegura-se de que todos os


dispositivos de segurança funcionam corretamente e que o sistema está pronto para ser
utilizado. Deve ser comprovado, antes de tudo, o funcionamento correto de todos os
indicadores e lâmpadas (controle visual).

As modificações ou ampliações do sistema devem satisfazer sempre às normas técnicas de


instalação e de segurança do equipamento, e devem ser comunicados com antecedência à
SIEMENS.

Como fabricantes, mantenedores, instaladores ou importadores, não nos consideramos


responsáveis pelas consequências sobre a segurança, confiabilidade e potência do
equipamento especialmente quando:

• Montagem, ampliações, novos ajustes, modificações ou reparos não tenham sido


efetuados por especialista encarregado por nós.
• Os componentes que influem na segurança do produto não tenham sido substituídos, em
caso de avaria, por peças originais.
• A instalação elétrica da respectiva sala de exames não satisfaça as correspondentes
normas vigentes no país.
• O equipamento não for utilizado em concordância com as instruções de uso.

57
MAGNETOM CONCERTO

Manuseio, Transporte e Armazenamento

O transporte do produto da fábrica ao local de instalação deve ser realizado por empresa
especializada. O produto embalado em caixas deve ser acondicionado em caminhões
fechados protegidos de intempéries como mau tempo, etc.

O produto deve ser armazenado em locais secos de temperatura moderada para não
colocar em risco seus componentes eletrônicos. O mesmo após meio ano ou mais
armazenado, antes de ser posto em funcionamento, deve ter sua integridade avaliada pelo
Serviço Técnico SIEMENS ou por seu Representante. Peças e componentes avariados
serão substituídos de acordo com o Termo de Garantia do Produto.

58
MAGNETOM CONCERTO

Riscos no campo magnético


O magneto com sua intensidade de campo operacional alta oferece os seguintes perigos:
† Esforço exercido sobre materiais ferrosos-magnéticos
† Efeito magnético em metal e em implantes metálicos
† Efeitos adversos em implantes ativados de forma eletromagnética (por exemplo, marcapasso cardíaco) e
Como operador deste tipo de sistema, você deve assegurar que as seguintes regras sejam observadas. Você
é responsável por todas as pessoas que podem estar dentro ou nas proximidades do magneto (como
pacientes, pessoal operacional, pessoal de serviço).

Materiais magnéticos

ADVERTÊNCIA
Nunca use objetos magnetizáveis (relógios, grampos de cabelo, etc.). Nunca carregue
canetas esferográficas, canetas tinteiro, dedais, tesouras etc. nos bolsos da camisa.

Equipamento de ressuscitação

ADVERTÊNCIA
Nunca use dispositivos de ressuscitação como desfibriladores, tanques de oxigênio
etc. na sala de exames.

Maca de transporte/ Camas hospitalares

ADVERTÊNCIA
Nunca use macas de transporte ou camas hospitalares móveis feitas de material
ferroso/magnético.

Carrinho de paciente não ferroso / magnético

Nota
Nunca use uma maca para paciente ferro-magnético.

59
MAGNETOM CONCERTO

Força exercida sobre materiais ferrosos


O campo magnético exerce força sobre objetos magnéticos (como ferramentas, chaves, equipamento
hospitalar como dispositivos de tração, tanques de gás, grampos de papel, canetas esferográficas) que é
proporcional à massa do objeto.
Esta força aumenta consideravelmente a distâncias menores!
Os objetos ferrosos / magnéticos atraídos pelo magneto se tornam projéteis e podem causar sérios danos para
aos pacientes, operadores e outras pessoas envolvidas.

Materiais magnéticos

ADVERTÊNCAI
Os objetos ferrosos / magnéticos introduzido inadvertidamente nas proximidades do
magneto se tornam projéteis que podem causar sérios danos.

Zona de Exclusão

Nós recomendamos que o usuário concorde com a zona de exclusão para reduzir tamanho risco.

Exibindo o campo magnético


Lâmpada vermelha
A lâmpada vermelha em cada porta da sala de exame indica o status do campo magnético.

† A lâmpada vermelha está acesa


Campo magnético está ligado
† A lâmpada vermelha está apagada
Campo magnético está desligada

A lâmpada vermelha tem a mesma função que o display FIELD ON na caixa de alarme.

Efeitos magnéticos em implantes metálicos


A força exercida pelo campo magnético pode fazer com que os implantes (como grampos cirúrgicos) ou
próteses maiores se desloquem dentro do tecido e causem danos. É responsabilidade do usuário, garantir que
nenhuma pessoa com implante de metal entre na sala de exame.
Exemplos:
† Ânus artificial (ânus praeter) com fechamento magnético
† Glândulas artificiais para insulina
† Válvulas cardíacas artificiais com partes de aço
† Implantes de aço maiores (grampos de aneurisma, articulações do quadril, parafusos dos ossos,
próteses dentárias)

Antes do exame, o pessoal operacional deve estar bastante atento dos possíveis danos aos quais o paciente
poderá ser submetido. Em caso de dúvida, o exame não deve ser executado.

60
MAGNETOM CONCERTO

Correntes induzidas

Em implantes metálicos de grande porte, pode acontecer a indução de correntes elétricas pela variação do
campo magnético com o tempo, e causar aquecimento local do implante. As correntes de perda podem
acontecer em todos os metais condutores - inclusive naqueles não ferrosos / magnéticos.

Zona de exclusão/ implantes metálicos

ADVERTÊNCIA
Implantes metálicos estão sujeitos a força exercida pelo campo magnético e
aquecimento local produzido pelas correntes induzidas.
Pessoas com implantes metálicos devem permanecer fora da zona de exclusão,
indicada por avisos de campo magnético.

Tatuagens / delineador permanente para os olhos/ patches de nicotina

ADVERTÊNCIA
O uso do MAGNETOM Concerto é contra-indicado em pacientes que submetidos à
aplicação de delineador permanente para os olhos como procedimento cirúrgico
cosmético, ou quem tem tatuagem, ou quem está usando patches de nicotina, a não
ser que o médico tenha certeza que os materiais que foram usados, não são ferrosos /
magnéticos.

Grampos no espaço intracraniano

ADVERTÊNCIA
O uso do MAGNETOM Concerto é contra-indicado para pacientes com grampos de
aneurisma intracraniano, a não ser que o médico tenha certeza que o grampo não é
ferroso / magnético.

Fragmentos de metal

Nota
Pergunte sobre fragmentos de metal em pacientes com ferimentos de guerra e outros
pacientes potencialmente expostos a fragmentos de metal.

61
MAGNETOM CONCERTO

Efeitos adversos em implantes eletromagneticamente ativos


Um campo magnético pode interferir com ou pode impedir a operação de componentes eletrônicos ou
mecânicos em dispositivos implantados, como marcapasso cardíaco, bombas de droga, etc. É
responsabilidade do usuário assegurar que as pessoas com marcapasso ou outros implantes
eletromagneticamente ativos permaneçam fora da aérea de exclusão do campo magnético.
Antes de aumentar a intensidade do magneto, você deve assegurar-se que todas as medidas de segurança
foram adotadas para a zona onde a intensidade do campo magnético excede 0,5 mT. Você deve indicar a zona
de exclusão (de acordo com as regulamentações locais) e assegurar o acesso restrito a esta zona.

Implantes

ADVERTÊNCIA
Perigoso para pessoas com implantes eletromagneticamente ativos (marcapasso
cardíaco, bombas de droga, etc.).
Observe a zona de exclusão de 0,5 mT

62
MAGNETOM CONCERTO

7. Manutenções Preventiva e Corretiva e Conservação

IMPORTANTE:
A Manutenção Preventiva e Corretiva deste
equipamento requer assistência Técnica Especializada

Para a segurança do paciente, do operador e de terceiros, é recomendado realizar a


manutenção preventiva do produto, em suas partes, módulos e acessórios, descritas a
seguir, em intervalos regulares de no máximo 12 meses. Para efetuar a verificação das boas
condições do produto sugerimos contatar o nosso Serviço Técnico. Este serviço dispõe de
pessoal qualificado, equipamentos de medição e testes calibrados, peças e componentes
originais, reunindo desta forma as melhores condições para promover alta confiabilidade de
funcionamento e prolongada vida útil do produto. Nos casos onde o produto trabalha sob
condições extraordinárias, intervalos menores de verificação podem ser sugeridos pelo
Serviço Técnico SIEMENS.

Para manter a segurança e a capacidade funcional do produto, aconselhamos manter um


contrato de manutenção com o Serviço Técnico SIEMENS, garantindo assim que as
características originais do equipamento sejam mantidas. Em caso de uma falha técnica,
também é garantido a certeza de um rápido atendimento e a utilização de peças originais,
assegurando um maior tempo de funcionamento do produto.

Em caso de mau funcionamento, desconecte o equipamento e comunique


o Serviço Técnico SIEMENS. Os canais de comunicação estão
relacionados no final deste manual.

63
MAGNETOM CONCERTO

Teste diários de funcionamento


Verificando a caixa de alarme
A caixa de alarme

† apresenta mensagens de alarme e permite o reconhecimento


† liga e desliga o sistema
† liga e desliga o magneto
† liga o sistema e o magneto através de um temporizador (→ Página B.3-4)
† executa o MAGNET STOP (parada do magneto) (→ Página A.2-4)

Caixa de alarme

ADVERTÊNCIA
São proibidos exames de pacientes se houver um LED aceso em vermelho e/ou se
houver um sinal sonoro acionado

64
MAGNETOM CONCERTO

LED de energia da rede elétrica


LINE (rede elétrica)
O LED verde indica se o sistema de monitorização do magneto está sendo alimentado com energia elétrica.
Quando o LED verde está aceso continuamente, a fonte de alimentação está operando normalmente.

Displays de alarme
MAGNET STOP (parada do magneto)
O LED fica aceso em vermelho e é acionado um sinal sonoro se o circuito de PARADA DE MAGNETO falhar.

WATER WARNING (advertência sobre a água)


O display fica aceso continuamente em amarelo se a temperatura exceder um certo valor definido, e o nível da
água de resfriamento cair abaixo do seu valor definido. Entre em contato com o Serviço ao Cliente Siemens.

WATER FAIL (falha da água)


O display fica aceso continuamente em vermelho se o nível da água continuar caindo. Além disso, será
acionado um alarme auditivo. Neste caso, descontinue o exame do paciente imediatamente e entre em contato
com o Serviço ao Cliente Siemens.

FIELD ON (campo ligado)


Após o magneto ser ligado, o display pisca por aproximadamente 30 minutos, até que o campo magnético
esteja estável (fica continuamente vermelho). Se o display não ficar contínuo após o magneto ter sido ligado,
notifique o Serviço ao Cliente Siemens.
Por favor, observe: Verifique se a luz vermelha se acende quando o magneto é ligado (→ Página A2-8).

ROOM TEMP (temperatura da sala)


O display fica aceso continuamente em amarelo se a temperatura da sala exceder um certo nível.

Reconhecimento de alarme
Pressione este botão para confirmar que você tomou conhecimento do alarme. O sinal sonoro
então cessará.

65
MAGNETOM CONCERTO

Verificações adicionais
Sinais de advertência
Verifique se todos os sinais de advertência dentro e fora da sala de exame foram corrigidos conforme
requerido.

Fluidos no chão
Verifique se não há vazamentos ou poças de fluidos na sala de exame e na sala de controle (água condensada
ou água de resfriamento).

Material magnetizável
Certifique-se de que não haja materiais ou objetos magnetizáveis na sala de exame, como por exemplo
aspiradores de vácuo, carrinho de transporte, escada, ferramentas.

Resíduos de contraste
Certifique-se de que a mesa do paciente tenha sido limpa, estando livre de agente de contraste.

Bulbo de apertar
Certifique-se de que o bulbo de apertar esteja funcionando adequadamente.

66
MAGNETOM CONCERTO

Plano de Manutenção Preventiva do Equipamento


Durante a visita do Serviço Técnico, verifique se todos os itens e períodos do plano de manutenção foram
cumpridos. O Serviço Técnico dispõe dos procedimentos técnicos originais do equipamento, com a
metodologia e seus critérios de aceitação, necessários para a manutenção do equipamento.

CHECK LIST

Período
Descrição
(em meses)
1. Testes de segurança
1.1. Sistema
1.1.1. Botões de emergência
Botão de DESLIGAMENTO DE EMERGÊNCIA 12
Botão de SAÍDA DE EMERGÊNCIA (para a porta pneumática de saída) 12
1.1.2. TALES
Troca de TALES 12
1.1.3. ERDU
Teste da carga do ERDU 12
1.1.4. Garantia da Qualidade (QA)
Performance da Garantia da Qualidade 12
1.1.5. Integridade do RF
Teste do monitor SAR 12
1.1.6. Identificação do campo magnético
Identificação da zona de exclusão de 0.5 mT 12
1.1.7. Equipamento do Sistema
Conjunto de cabos de ECG MR 12
1.2. Mesa do paciente
1.2.1. Funções de emergência
PARADA da Mesa 12
Bulbo de Pressão 12
1.2.2. Etiquetas de advertências
Etiquetas de advertências (pontos potenciais de danos) 12
Etiqueta de advertência do Laser 12
Etiqueta de advertência de ECG 12
1.3. Sala de RF, placa do filtro
1.3.1. Conexões do fio terra
Teste do condutor de proteção (cada 4 anos)

67
MAGNETOM CONCERTO

2. Manutenção Preventiva
2.1. Sistema
2.1.1. Checando toda estrutura
Gabinete de GPA e CCA 12
2.1.2. CCS
Ar resfriado do CCS 12
Água resfriada do CCS 12
2.1.3. RCA
Checagem geral 12
Circuito primário de água 12
Circuito secundário de água 12
2.1.4. Monitor
Checar o brilho do monitor 12
2.1.5. NVRAM
Trocar o NVRAM 12
Parâmetros NVRAM 12
2.2. Mesa do Paciente
2.2.1. Inspeção das partes e manutenção
Trocar a graxa do cartucho 12
Checar o movimento d mesa 12
2.2.2. Checar a mesa do paciente e aparência
Coberturas da Mesa 12
Alinhamento da Mesa 12
Checar a aparência para danos 12
Checar a aparência para bolhas de ar 12
2.3. Magneto
2.3.1.Inspeção e Manutenção
Checar a torre de serviço para formação e condensação de gelo externo 12
Checar os valores de pressão do magneto 12
Checar os valores de pressão do Sistema de refrigeração 12
Checar vazamento no compressor de Hélio 12

68
MAGNETOM CONCERTO

2.3.2. Refrigerador
Checar a proteção da temperatura do magneto 12
Trocar o sistema de absorção 12
2.3.3. Porta da Sala de RF
Preservar as superfícies de contato 12
Testar e reparar as molas 12
Checar as dobradiças 12
Lubrificar as juntas das dobradiças 12
2.3.4. MRC/MRSC
Checar os filtros de ar 12
3. Software
3.1. Sistema
3.1.1. Software de manutenção
Salvar os dados dinâmicos 12
Limpar os diretórios 12
4. Garantia da Qualidade da Imagem
Garantia da Qualidade 12

Limpeza e Desinfecção
Este capítulo fornece informação referente à limpeza e desinfecção do sistema. O equipamento deve ser
desconectado da rede elétrica e/ou desligado, antes de ser limpo e desinfectado.

Limpeza dos Componentes dos Sistemas


Enxugar os componentes com um pano úmido ou algodão. Umedecer o pano com água ou com uma solução
de limpeza líquida diluída e morna, comercialmente disponível.
Não usar limpadores abrasivos para limpeza doméstica. Não usar solventes orgânicos ou soluções que
contêm solventes orgânicos (por exemplo, álcool, acetona, removedor de manchas, etc.) porque podem
danificar os materiais sintéticos usados na construção dos componentes.
Não aplicar jatos na unidade com limpadores líquidos porque os mesmos vazarão nos componentes.

Monitor
A tela do console operacional contém uma capa anti-refletiva que é altamente sensível a arranhões. Limpar a
tela a cada dois meses com um pano suave. Não usar soluções de limpeza para remover impressões digitais e
pó.

Câmara
Limpar a parte externa da câmara com um pano suave limpo. O sistema óptico e de reflexão, deverão ser
limpos somente com um pano isento de fiapos ou papel para lentes.

69
MAGNETOM CONCERTO

Desinfecção
Recomenda-se o uso de soluções aquosas padrão com base de aldeídos e/ou desinfetantes com base
surfactante (por exemplo Tego 103, Korsolin) para desinfetar as superfícies. Desinfetantes a base de cloro e
fenóis podem debilitar os materiais e não são recomendados. As mesmas restrições se aplicam a soluções não
diluídas com alto conteúdo de álcool (por exemplo, desinfetantes para as mãos).
Nunca devem ser usados desinfetantes em spray porque o spray pode penetrar dentro do equipamento. Isto
pode resultar em danos a componentes eletrónicos ou à formação de misturas de vapores inflamáveis de
ar/solventes.
Favor Notar: Como é bem conhecido, alguns dos componentes de desinfetantes são perigosos para a saúde.
As concentrações do produto em ar não deverão exceder os limites fixados pelas regulamentações de saúde
locais. Recomendamos observar as recomendações pertinentes do fabricante referentes ao uso destes
produtos.

Cuidados com o piso


Usar somente agentes de limpeza que não deteriorarão as propriedades anti-estáticas do revestimento do
piso. Recomendamos:
† Para limpar: Sofix (Thompson-Werke, Düsseldorf)
† Para manutenção: Conter líquido (Thompson-Werke, Düsseldorf)

Não usar agentes de limpeza com as seguintes propriedades:


† Agentes que liberam amônia (NH3) por dissociação ou decomposição. A amônia causa corrosão.
† Agentes que contêm silicone. Com o passar do tempo o silicone se acumula e causa problemas
subseqüentes de contato.
† Limpadores em aerosol (spray). Contêm solventes que causam mudanças estruturais em vários
termoplásticos.

Observação: Como é conhecido, alguns componentes contidos nos produtos desinfetantes são prejudiciais à
saúde. Sua concentração no ar que respiramos não deve ultrapassar o valor limite estabelecido por lei.
Recomendamos observar as correspondentes normas de aplicação estabelecidas pelos fabricantes destes
produtos.

70
MAGNETOM CONCERTO

Possíveis Defeitos, suas Causas e Ações Corretivas

Sintoma Causa Provável Solução


Software
Software de aplicação não Verifique se os Hard Disks estão
funciona. Aparece mensagem de disponíveis
-
“sistema falhou – chamar Verifique se as licenças estão válidas
assistência técnica”
Problemas no Banco de dados Bando de dados não está Verifique se o banco de dados está
disponível no MRC sendo executado
Crie um novo Banco de dados vazio –
para garantir que as imagens não
sejam perdidas, você deverá copiar as
imagens para o novo Banco de dados
Importe e verifique as imagens de
serviço
Bando de dados não está Verifique a conectividade da rede
disponível no MRSC Verifique se o banco de dados está
sendo executado
Crie um novo Banco de dados vazio
Problemas na rede Defeitos nos nós da rede do Teste a conectividade da rede
usuário
Problema no protocolo DICOM - Teste a conectividade da rede
Erro na medição Sistema de medição da imagem Verifique a conectividade entre o
não está pronto MPCU e o Sistema de imagem
Verifique a configuração da Rede de
medição
Um ou mais funções apresentam Opções simples com defeito Verifique as mensagens de eventos
defeito
Problemas de exposição Verifique a rede DICOM, configurações
-
do sistema, rode ferramentas de teste
Sistema principal
Sistema de boot falha Defeito no sistema de boot Verifique as configurações da BIOS
Verifique as mensagens do sistema de
boot
Problema no Sistema de Desempenho do computador Verifique a performance durante a
inicialização principal inicialização
Erros no hard-disks Defeito nos setores do Hard Verifique o Hard Disk, logando como
Disks administrador
Execute o testes para os setores
defeituosos
Nada é visualizado no monitor Defeito no monitor Conecte o monitor ao laptop de
serviço, e se continuar com defeito
troque o monitor
Defeito na placa de vídeo do Troque a placa de vídeo
computador principal

71
MAGNETOM CONCERTO

Sintoma Causa Provável Solução


Mesa do paciente
Ruído durante o movimento da Cheque as rodas da direção Z Identifique falha da roda da direção Z e
mesa na direção Z (direita para troque-a
esquerda)
Dificuldade com o movimento da Cheque as rodas da direção Z Cheque as rodas da direção Z
mesa na direção Z (direita para Freios de borracha Troque os freios
esquerda)
Troque o eixo de torção
Dificuldade com o movimento da A guia está suja Limpe a guia
mesa na direção X (de dentro Sem controle da inclinação Ajuste o controle de inclinação
para fora) com ruído durante o
movimento Identifique o defeito na roda na Troque a roda
base transversal da direita e da
esquerda
Defeito no freio Troque o freio
Mal funcionamento do Cheque a conexão do Repare se necessário
mecanismo do eixo X ou não mecanismo do eixo X
funciona Sem controle o mecanismo de Aperte o mecanismo de inclinação do
angulação do braço, correia da braço
roda não engrena
Conecte o mecanismo trocado e Troque o mecanismo
cheque-o manualmente girando o
a correia da roda, se tiver OK
então...
Se não estiver OK Troque o conjunto de cabos
Mal funcionamento do Cheque a conexão do Repare se necessário
mecanismo do eixo Z ou não mecanismo do eixo Z
funciona Sem controle o mecanismo de Aperte o mecanismo de inclinação do
angulação do braço, e giro da braço, aperte a correia dentada
correia dentada
Conecte o mecanismo trocado e Troque o mecanismo
cheque manualmente girando a
correia da roda, se tiver OK
então...
Senão estiver OK Troque o conjunto de cabos

72
MAGNETOM CONCERTO

8. Partes, Peças, Módulos e Acessórios

Vista Geral do equipamento

73
MAGNETOM CONCERTO

1 Cobertura, topo
2 Painel frontal, topo
3 Cobertura, topo
4 Cobertura lateral, esquerda
5 Cobertura lateral, direita
6 Painel da parte de trás
7 Cobertura inferior
8 Cobertura frontal inferior, esquerda
9 Cobertura frontal inferior, direita
10 Painel frontal, inferior
11 Conjunto de rótulos para laser
12 Cobertura do slot
13 Soquete
14 Mecanismo de trava
15 Capa para inserção
16 Mecanismo de trava para mesa do paciente
20 Botões do display
21 Placa de circuito de controle do display (22)
22 Display vermelho
23 Laser
24 Amplificador de sinais ECG
25 Capa médica – azul
26 Capa médica – branca
27 Lingüeta de fixação, parte de trás do topo
28 Rosca de redução
30 Guia de cabo
31 Suporte de garrafa

74
MAGNETOM CONCERTO

Magneto – vista explodida - Coberturas

75
MAGNETOM CONCERTO

1 Parafuso
4 Cobertura, topo
5 Cobertura, parte inferior
6 Cobertura lateral em C, esquerda
7 Cobertura lateral em C, direita
8 Cobertura, lateral
9 Placa de conexão 1
10 Placa de conexão 2
11 Tampa, topo
12 Tampa, parte inferior
13 Cilindro
14 Conjunto de etiquetas
15 Lingüeta
16 Conjunto de telas de cobre
17 Cobertura da vídeo camera
19 Puxador
20 Parafuso

76
MAGNETOM CONCERTO

Magneto – vista interna

77
MAGNETOM CONCERTO

27 Presilha de fixação
40 Ajuste das coberturas laterais
41 Ajuste
44 Rosca de redução frontal
49 CODI BOX – caixa de distribuição de bobinas – proporciona alta atenuação das
ondas no campo, na freqüência de operação dos cabos de RF.
50 Mecanismo de trava para a mesa
51 Termostato
52 Aquecedor
53 Aquecedor
54 Aquecedor
55 Caixa de Conexão
57 Sensor térmico
58 Sensor térmico
59 Shim passivo
60 Shim manual
61 Chave Allen
62 Chave Allen
63 Borracha do pé
65 Caixa de ajuste do corpo (Body tune box) – fornece um sinal de RF defasado,
para os quatro componentes ressonantes.
66 Placa de circuito WIB D2 – dois amplificadores de ganho de 31 dB, e um
circuito de acoplamento para ajuste da bobina
67 Placa PMU-DAS – processar os sinais fisiológicos que são utilizados para
melhorar a seleção da imagem.
68 Amplificador do Microfone
69 Módulo COSIMUX D1 – Multiplexador do sinal da bobina - proporciona
estágios de amplificação e seleção de sinal para distribuição.
70 Conjunto de bobinas de recepção
71 Conjunto de bobinas de transmissão
72 Atenuador
74 Conjunto de grampos

78
MAGNETOM CONCERTO

Mesa do paciente

79
MAGNETOM CONCERTO

1 Topo da mesa
2 Freio manual
3 Rodinha
4 Mecanismo de freio
5 Fornecimento de energia
7 Conjunto de bolas de apoio de plástico
8 Conjunto de bolas de apoio de não magnética
9 Codificador de posição
10 Bola de ajuste
11 Cabo
12 Cinto motorizado
15 Cinto motorizado
16 Trilho para guia eixo X
18 Cabo
19 Tripé
19A Parafuso de trava
19B Kit de reajuste manual
19C Mecanismo de sustentação
20 Trilho para guia eixo Z
22 Conexão para apoio bobina
23 Cobertura do cinto motorizado
24 Borracha do pedal

80
MAGNETOM CONCERTO

Maca de transporte

1 Rodas
2 Bomba hidráulica
3 Borracha para os pedais
4 Pedal com pino
4A Borracha para os pedais
5 Cilindro
6 Amortecedor
10 Almofada para a cabeça
11 Almofada central
12 Almofada os pés
13 Cinto

81
MAGNETOM CONCERTO

Armários eletrônicos – PCA

450 Cobertura metálica para módulo de


distribuição de força
451 Unidade de controle de temperatura
452 Módulo RFPA – amplificador de potência
para sinal RF (ganho 63 dB)
454 Fusível
461 Adaptador externo para refrigeração do
sistema de bobinas (cooler)
463 Grampo para cabo

82
MAGNETOM CONCERTO

Armário Eletrônicos – Distribuição de energia

481 Transformador, 5KVA


482 Fusível
483 Fusível
484 Circuito de interrupção 4 A
485 Contactor
486 Circuito de interrupção – 3 pólos, 20 A
487 Circuito de interrupção 6 A
488 Circuito de interrupção 16 A
489 Circuito de interrupção 10 A
490 Circuito de interrupção – 3 pólos, 10 A

83
MAGNETOM CONCERTO

Armário Eletrônicos – Refrigeração (Cooler) da Bobina de Gradiente

501 Refrigeração do Bobina de gradiente


502 Módulo de controle
503 Bomba
504 Filtro

84
MAGNETOM CONCERTO

Vista interna – Módulos


eletro-eletrônicos

40 – Fusível

41 – Placa de Circuito – Função:


Circuito para monitorar a
temperatura no Magneto

42 – Placa de Circuito – Função:


Circuito para monitorar a
corrente na Bobina

43 – Placa de Circuito – Função:


Circuito para interromper o
campo no Magneto em caso de
emergência

44 – Placa de Circuito – Função:


Circuito para interface de
comunicação entre o sistema de
monitoramento do Magneto e o
Controle modular de medição

Vista interna – Módulos eletro-eletrônicos

45 – Placa de Circuito – Função: Circuito receptor modular


de 8 a 65 MHz
46 – Placa de Circuito – Função: Circuito transmissor
modular (8/40/63 MHz)

85
MAGNETOM CONCERTO

Vista interna – Módulos eletro-eletrônicos

48 Placa de Circuito – Função: Unidade de medição fisiológica e comunicação


48A Placa de Circuito – Função: Circuito para link com barramento PCI
49 Placa de Circuito – Função: Circuito para interface de Entrada/Saída do
Sistema de controle do gradiente e transmissão
51 Placa de Circuito – Função: Sistema para aquisição de Dados
52 Placa de Circuito – Função: Circuito para interface entre barramentos CAN1 e
CAN2
54 Cabo para sinal
56 Placa de Circuito para interface PCI

86
MAGNETOM CONCERTO

Vista interna – Módulos eletro-eletrônicos

221 Placa de Circuito – Função: Comunicação e supervisão do sistema de


gradiente
222 Placa de Circuito – Função: Circuito divisor de frequência para o conversor
analógico/digital
223 Placa de Circuito – Função: Circuito regulador para bateria
224 Placa de Circuito – Função: Circuito de sincronização – gerar sinal sincronizado
para fonte de alimentação do sistema de gradiente.
225 Placa de Circuito – Função: Circuito para supervisão dos três estágios de
energia
226 Circuitos para interconexão entre os componentes do Sistema de Gradiente.
227 Placa de Circuito – Função: Upgrade para o estágio de energia

87
MAGNETOM CONCERTO

Vista interna – Módulos eletro-eletrônicos

228 Transmissor e receptor óptico


229 Placa de Circuito da Fonte de alimentação
230 Sensor de Corrente
231 Gancho
232 Prendedor
233 Fonte de alimentação – Conversor Corrente alternada / Corrente
contínua

88
MAGNETOM CONCERTO

Acessórios

Bobina Características Aplicações

Bobina de Arranjo para a Espinha, • Bobina de recepção de arranjo de • Realização da imagem da


média e grande dois canais, cada qual polarizado região torácica, do abdômen,
circularmente da pélvis e das coxas
• Dois diferentes tamanhos de • Angiografia por RM
espirais adequados à maioria dos • Imagem da espinha
pacientes
Bobina média:
360x255 mm (LxA internas)
(para pacientes com uma
circunferência de aprox. 96,5 cm)
Bobina grande:
435x305 mm (LxA internas)
(para pacientes com uma
circunferência de aprox. 116,8 cm)
• Peça comum da bobina inferior
integra-se suavemente à mesa do
paciente
• Com o conceito de bobina C-
IPATM, a peça comum da bobina
inferior pode ser deixada em
posição para exames consecutivos
• Peças superiores da bobina
removíveis para fácil
posicionamento do paciente
• Design voltado para o paciente, a
fim de proporcionar o máximo
conforto
Bobina de Arranjo para a • Bobina de recepção de arranjo de • Imagem da cabeça
Cabeça/Pescoço dois canais, cada canal polarizado • Angiografia por RM
circularmente
• Imagem combinada de
Elemento adicional de bobina para cabeça/pescoço
pescoço com 2 tamanhos (diâm. de
160 e 200 mm)
• Peça superior da bobina removível
para fácil posicionamento do
paciente
• Design voltado para o paciente
com o emprego de material
translúcido para máximo conforto
• Parte inferior integrada
suavemente à mesa do paciente
• Almofadas para estabilização da
cabeça

89
MAGNETOM CONCERTO

Bobina Características Aplicações

Bobina de Arranjo para as • Espirais de recepção de arranjo de • Imagem em alta resolução


Extremidades, pequena e grande duas fases com 2 elementos de para os joelhos e os
bobina cada um tornozelos
• Parte superior da bobina
removível para fácil posicionamento
do paciente
• Espirais integradas na base no
formato de suporte para os joelhos
• Almofadas para a estabilização
das extremidades
• Dimensões internas (LxAxP)
Bobina pequena:
155x160x210 mm
Bobina grande:
200x210x210 mm

Bobina de Arranjo para os Ombros • Bobina de recepção de arranjo de • Imagem de alta resolução
duas fases do ombro direito ou esquerdo
com a melhor visualização de
• Bobina moldada anatomicamente
pequenas estruturas
para melhor se adequar aos vários
anatômicas
tamanhos dos pacientes. Abertura
vertical interna de 19,5 cm
• Bobina integrada suavemente em
base de espuma para fácil
posicionamento

Bobina para Múltiplas Finalidades, • Bobina de recepção de um canal • Imagem de alta resolução
11 cm do cotovelo ou pulso com a
• Bobina semi-flexível com11 cm de
melhor visualização de
diâmetro
pequenas estruturas
• Suporte da bobina para anatômicas
posicionamento estável
• Imagem pediátrica
• Almofadas para estabilização

90
MAGNETOM CONCERTO

Bobinas Opcionais

Bobina Características Aplicações

Bobina de Arranjo para a Espinha • Bobina de recepção de arranjo de • Imagem da região torácica,
pequena e extra-grande dois canais, sendo cada canal do abdômen, da pélvis e das
circular e polarizado coxas
• Dois diferentes tamanhos de • Imagem da espinha
espirais adequados para pacientes • Angiografia por RM
muito pequenos e muito grandes
Bobina pequena:
300x205 mm (LxA interna)
(Para pacientes com uma
circunferência de aprox. 78,7 cm)
Bobina extra-grande:
500x305 mm (LxA interna)
(Para pacientes com uma
circunferência de aprox. 127 cm)
• Peças superiores da bobina
removíveis para fácil
posicionamento do paciente
• Design voltado para o paciente
para máximo conforto
• Peça comum inferior de bobina de
fácil integração com a mesa do
paciente

Bobina de Arranjo para Pulso • Bobina de recepção de arranjo de • Imagem de alta resolução
duas fases do pulso e região adjacente
com a melhor visualização de
• Dimensões ovais internas:
pequenas estruturas
11,2x7,2 cm
anatômicas
Comprimento: 20 cm
• Para posicionamento estável
• Almofadas para estabilização do
paciente e posicionamento da
bobina

91
MAGNETOM CONCERTO

9. REQUISITOS ESSENCIAIS DE SEGURANÇA E EFICÁCIA DO


EQUIPAMENTO

Conforme Resolução RDC Nº 185/2001 e a Resolução RDC Nº 56/2001, o Equipamento de Ressonância


Magnética Magnetom Concerto possui os seguintes fatores de risco e deve atender aos seguintes
Requisitos Essenciais de Segurança e Eficácia (Regra de Classificação 10, Classe de Enquadramento
do produto III):

Fator de Risco Requisitos Essenciais de Segurança e Eficácia


7 Incompatibilidade de 9.1. Quando um produto para saúde se destinar a uso em combinação
combinação ou conexão com com outros produtos ou equipamentos, a combinação, incluindo o sistema
outros produto de conexão deve ser segura e não alterar o desempenho previsto.
Quaisquer restrições ao uso deverão ser indicadas nos rótulos ou nas
instruções de uso.
12.7.4. Os terminais e conectores de produtos para saúde para energia
elétrica, hidráulica, pneumática ou gasosa que tenham que ser
manipuladas pelo operador, devem ser projetados e fabricados de modo a
reduzir ao mínimo qualquer risco possível.
8 Instabilidade e limitações 9.2. Os produtos para saúde devem ser projetados e fabricados de forma
de características físicas e que eliminem ou reduzam:
ergonômicas a) os riscos de lesões vinculados a suas características físicas, incluídas a
relação volume/pressão, a dimensão, e, se for o caso, ergonômicas;
12.7.1. Os produtos para saúde devem ser projetados e fabricados de
modo que os pacientes ou operadores estejam protegidos de riscos
mecânicos provenientes de, por exemplo, resistência, estabilidade ou
peças móveis.
12.7.2. Os produtos para saúde devem ser projetados e fabricados de
modo que os riscos derivados de vibrações produzidas pelos produtos se
reduzam ao nível mínimo possível, considerando o progresso tecnológico
e a disponibilidade de meios para redução das vibrações, especialmente
em sua origem, salvo se as vibrações fazem parte das especificações
previstas para o produto.
12.7.3. Os produtos para saúde devem ser projetados e fabricados de
modo que os riscos derivados da emissão de ruídos se reduza ao mínimo
possível, considerando o progresso tecnológico e a disponibilidade de
meios para redução dos ruídos, especialmente em sua origem, salvo se
os ruídos fazem parte do desempenho previsto.
12.7.5. As partes acessíveis dos produtos para saúde (excluindo-se as
partes ou zonas destinadas a proporcionar calor ou a atingir determinadas
temperaturas) e seu entorno, não podem alcançar temperaturas que
representem perigo em condições normais de uso.
10 Interferência recíproca 9.2. Os produtos para saúde devem ser projetados e fabricados de forma
com outros produtos que eliminem ou reduzam:
c) os riscos de interferência recíproca com outros produtos, utilizados
normalmente para diagnóstico ou terapia;
12.5. Os produtos para saúde devem ser projetados e fabricados de modo
a minimizar os riscos de geração de campos eletromagnéticos que
possam prejudicar a operação de outros produtos em sua vizinhança.

92
MAGNETOM CONCERTO

Fator de Risco Requisitos Essenciais de Segurança e Eficácia


11 Impossibilidade de 9.2. Os produtos para saúde devem ser projetados e fabricados de forma
calibração e manutenção que eliminem ou reduzam:
d) os riscos que derivam, em caso de impossibilidade de manutenção ou
calibração, do envelhecimento dos materiais utilizados ou da perda de
precisão de algum mecanismo ou controle.
13 Controle inadequado das 11.2.1. Quando os produtos para saúde forem projetados para emitir
radiações níveis perigosos de radiação necessários para um propósito médico
terapêutico e/ou diagnóstico específico, cujo benefício é considerado
superior aos riscos inerentes às emissões, estas terão que ser controladas
pelo operador. Tais produtos deverão ser projetados e fabricados de
forma que seja assegurada a repetibilidade e tolerância dos parâmetros
variáveis pertinentes.
11.5.1. Os produtos para saúde que emitem radiações ionizantes devem
ser projetados e fabricados de forma que se possa regular e controlar a
quantidade e a qualidade das radiações emitidas, em função do objetivo
que se busca.
11.5.3. Os produtos para saúde que emitem radiações ionizantes
destinadas a radioterapia devem ser projetados e fabricados de forma que
permitam uma vigilância e um controle confiável das doses administradas,
do tipo de feixe de raio, da energia e do tipo de radiação.
14 Proteção inadequada das 11.1.1. Os produtos para saúde devem ser projetados e fabricados de
radiações modo que se reduza ao mínimo, compatível com a finalidade esperada,
qualquer exposição dos pacientes, operadores e outras pessoas às
radiações, sem que isto limite a aplicação dos níveis adequados indicados
para fins terapêuticos ou diagnósticos.
11.3.1. Os produtos para saúde devem ser projetados e fabricados de
modo que se reduza ao mínimo possível a exposição de pacientes, de
operadores e outras pessoas à emissão de radiações não intencionais,
parasitas ou dispersas.
11.5.2. Os produtos para saúde que emitem radiações ionizantes para o
diagnóstico radiológico devem ser projetados e fabricados para garantir
uma boa qualidade de imagem e/ou de resultado de acordo com a
finalidade médica que se busca, com uma exposição mínima do paciente
e do operador às radiações.
15 Controle inadequado de 12.8.1. O projeto e a fabricação dos produtos para saúde destinados a
energias ou substâncias fornecer energia ou substâncias ao paciente, devem ser concedidos de
administradas modo que o fluxo possa ser regulado e mantido com precisão suficiente
para garantir a segurança do paciente e do operador.
16 Proteção inadequada de 12.8.2. O produto para saúde deve estar provido de meios que permitam
energias ou substâncias impedir e/ou indicar qualquer incorreção no débito de energia ou
administradas substância, quando dela puder se derivar algum perigo. Os produtos para
saúde devem estar dotados de meios adequados para impedir a liberação
acidental de níveis perigosos de energia e/ou de substâncias.

93
MAGNETOM CONCERTO

Fator de Risco Requisitos Essenciais de Segurança e Eficácia


17 Inteligibilidade das 11.4.1. As instruções de uso dos produtos para saúde que emitam
informações aos usuários radiações devem incluir informação detalhada sobre as características da
radiação emitida, os meios de proteção do paciente e do operador e as
formas de evitar manipulações errôneas e de eliminar os riscos derivados
da instalação.
12.9.1. No caso de um produto para saúde estar acompanhado de
instruções necessárias para seu uso ou indicações de controle ou
regulagem mediante um sistema visual, tais informações devem ser
compreensíveis para o operador, e se for o caso, para o paciente ou
consumidor.
18 Instabilidade de sistemas 12.1. Os produtos para saúde que incorporem sistemas eletrônicos
digitais programáveis programáveis devem ser projetados de forma que se garanta a
repetibilidade, confiabilidade e eficácia destes sistemas, em consonância
com a utilização a que se destinam. No caso de condições de primeiro
defeito no sistema, deverão prever-se os meios para poder eliminar ou
reduzir, na medida do possível, os riscos conseqüentes.
20 Inadequação de alarmes 11.2.2. Quando os produtos para saúde forem destinados a emitir
para alerta radiações potencialmente perigosas, visíveis e/ou invisíveis, deverão estar
equipados com indicadores visuais e/ou sonoros que sinalizem a emissão
da radiação.
12.3. Os produtos para saúde conectados a uma fonte de energia externa
da qual dependa a segurança dos pacientes, deverão incluir um sistema
de alarme que indique qualquer falha da fonte de energia.
12.4. Os produtos para saúde destinados a monitorar um ou mais
parâmetros clínicos de um paciente, devem dispor de sistemas de alarme
apropriados para alertar o operador de situações que podem provocar
condições de risco ou agravar o estado de saúde do paciente.

Para atender a estes Requisitos Essenciais de Segurança e Eficácia, o Produto Equipamento de


Ressonância Magnética Magnetom Concerto e sua Fabricação/Produção atende e está em
conformidade com as seguintes Normas Internacionais de Conformidade do Equipamento e de Sistema de
Garantia da Qualidade:

Normas de Conformidades do Equipamento:


• IEC 60601-1- Medical-electrical equipment: General requirements for safety (Equipamento
eletromédico: Requisitos gerais de segurança)
• IEC 60601-1-1 - Safety requirements for medical electrical systems (Requisitos de Segurança para
sistemas eletromédicos)
• IEC 60601-1-2 - Electromagnetic compatibility, requirements and tests (Compatibilidade
Eletromagnética, requisitos e testes)
• IEC 60601-1-4 - Safety requirements for programmable electrical medical systems (Requisitos de
Segurança para sistemas eletromédicos programáveis)
• IEC 60601-2-33 - Particular requirements for the safety of magnetic resonance equipment for medical
diagnosis (Requisitos Particulares para a segurança de equipamento de ressonância magnética para
diagnóstico médico)
• EN 10993-1 - Biological evaluation of medical devices (Avaliação biológica de aparelhos médicos)
• IEC 60825-1 - Safety of laser products (Segurança de produtos laser)

94
MAGNETOM CONCERTO

Normas de Sistema de Garantia de Qualidade:


• ISO 9001:2000
• ISO 13485:2000

O Magnetom Concerto está autorizado pelo FDA - Food and Drugs Administration (órgão regulador
americano) para comercialização com o número 510(k): K970852.

Marcação CE
Este produto é fornecido com uma marca CE em conformidade com as regulamentações
estabelecidas na Diretiva do Conselho 93/42/EEC de 14 de junho de 1993 em relação a
dispositivos médicos.
Em conformidade com a Diretiva 93/42/EC, este produto é declarado como de classe II a.
A marca CE aplica-se apenas aos produtos médicos que tenham recebido a marca conforme
a Diretiva EC acima mencionada.

Sistema da Qualidade
A empresa SIEMENS desenvolveu seu próprio Sistema de Controle e Garantia da Qualidade, com um
modelo rigoroso, com construção de equipamentos de qualidade e segurança, atendendo as normas
internacionais.
O Sistema da Qualidade garante a padronização da qualidade da industrialização dos insumos e
transformação dos materiais em produtos acabados, dentro de requisitos preestabelecidos em documentos
do tipo especificações, desenhos, procedimentos e instruções de trabalho.
A Divisão Fabricante (SIEMENS) do produto possui o Certificado ISO 9001:2000 e o Certificado EN ISO
13485:2000. A Divisão Fabricante possui o Certificado ISO 9001. A certificação ISO 9001 é reconhecida
internacionalmente como padrão de Qualidade para Boas Práticas de Fabricação.

Conformidades

Nível de ruído
O nível da pressão acústica é medido conforme a norma IEC 60.601-2-33 (Europa), ou as diretrizes OSHA
(EUA).

Taxas específicas de absorção


As taxas específicas de absorção e as taxas de variação do campo magnético cumprem totalmente os
requisitos da norma IEC 60.601-2-33.

95
MAGNETOM CONCERTO

Classificações

Classe de proteção I
Classe de proteção para as partes
de aplicação
Mesa do paciente Tipo B
Bobinas locais Tipo B
Classe de proteção IP de acordo
IPX0
com IEC 60529
Proteção contra explosões O sistema de RM não deverá ser usado em áreas com perigo de
explosão (p. ex. misturas altamente inflamáveis de gases
anestésicos com ar ou oxigênio ou protóxido de azoto)
Modo de operação Operação contínua

Compatibilidade Eletromagnética (CEM)

Todas as informações relacionadas com a compatibilidade eletromagnética baseiam-se nas normas IEC
60601-1-2:1993 bem como nas normas EN 60601-1-2:1994.

Interferência Interferência irradiada Classe B


emitida Interferência conduzida Classe B

Imunidade de Descarga eletrostática (ESD)


interferência Descarga de contato ± 6 kV
Descarga no ar ± 8 kV
Radiação de RF
Bandas de ISM 3 V/m
Distúrbios rápidos transitórios (rajadas)
Cabos de alimentação AC ± 2 kV
Outros cabos de ligação ± 1 kV
Sobretensão
Cabos de alimentação AC ± 2 kV

96
MAGNETOM CONCERTO

10. GARANTIA DO EQUIPAMENTO

97
MAGNETOM CONCERTO

98
MAGNETOM CONCERTO

99
MAGNETOM CONCERTO

11. Canais de Comunicação

Representante Legal:
SIEMENS LTDA.
N.º Autorização no MS/ANVISA: 102.342-3
Sede:
Av. Mutinga, 3800 - Pirituba
CEP 05110-901 - São Paulo - SP, Brasil
Tel.: +55 11 3908-2211
Fax: +55 11 3908-2631
Divisão Eletromedicina
Siemens Medical Solutions, Brazil
Rua Ermano Marchetti, 1.435 – 15º andar
Lapa de Baixo
05038-001 São Paulo - SP
Marketing e Vendas
Tel.: +55 11 3817-3209
Fax: +55 11 3817-3270
Service
Tel.: +55 11 3817-3703
Fax: +55 11 3817-3270
USC - Uptime Service Center
0800 554 838

12. Nomes e Assinaturas dos Responsáveis Legal e Técnico

Nome do Responsável Legal Cargo


Carlos Alberto Pereira Goulart Diretor
Assinatura do Responsável Legal

Nome do Responsável Técnico Cargo


Maurício da Silva e Souza Engenheiro de Projetos
Registro Assinatura do Responsável Técnico
5061690923
CREA – SP

100