Você está na página 1de 4

NOME DO ESTAGIÁRIO: Valdecy de Jesus Marques

RA 3766365

QUIZ – Revisão de conteúdo programático

Questão 1

Em relação a Reforma Religiosa do século XVI, é correto afirmar que:

a) Nas áreas em que ela penetrou, obteve ampla adesão em todas as camadas da sociedade;
b) Foi um fenômeno elitista, permanecendo afastada das massas rurais e urbanas;
c) Nada teve a ver com o desenvolvimento das modernas economias capitalistas;
d) Foi uma reação as doutrinas de salvação pelas obras, a falibilidade da Igreja romana e a venda
de indulgências.
e) Acabou por ficar restrita à Alemanha luterana, à Holanda calvinista e à Inglaterra anglicana.

Resposta: D

Justificativa: Tanto Martinho Lutero, quanto os demais reformadores questionaram a igreja


católica quanto a ideia de salvação por obras, a venda de indulgências e os desvios teológicos
ocorridos ao longo dos séculos.

Questão 2

O Parlamento Inglês, ao promulgar o chamado Ato de Supremacia em 1534, subordinou as


leis da Igreja à soberania jurídica das leis civis, concedendo ao Rei Henrique VIII o poder de
“único chefe supremo da Igreja”. O resultado do Ato de Supremacia foi/foram:

a) a difusão do protestantismo calvinista, principalmente pela Escócia.


b) o início do expansionismo inglês, constituindo as bases do seu império colonial.
c) a centralização de poder, que esteve na base da reforma anglicana.
d) a implantação do catolicismo, que gerou repressão tanto dos reformistas quanto do
parlamento inglês.
e) os conflitos entre o Rei e o Parlamento, pois o primeiro buscava restaurar antigos direitos
feudais retirados da Magna Carta de 1215.

Resposta: C

Justificativa: A partir dos Ato de Supremacia os poderes eclesiástico e civil se concentraram nas
mãos do monarca.
Questão 3

Assinale o nome do movimento protestante que pregava a salvação da alma e apresentava


princípios básicos apoiados na prática econômica da burguesia nascente.

a) Luteranismo
b) Medievalismo
c) Jansenismo
d) Calvinismo
e) Judaísmo

Resposta: D

Justificativa: O Calvinismo ensinava que a prosperidade era uma das marcas da bênção de Deus
sobre a vida do indivíduo. Os líderes calvinistas ensinavam a necessidade de economizar e
poupar. Com o tempo, boa parte da classe burguesa era calvinista e isto proporcionou um
enorme avanço econômico.

Questão 4

Todas as alternativas apresentam fatores que permitiram o avanço do Anglicanismo,


EXCETO:

a) A fusão de dogmas protestantes ao formalismo dos ritos católicos.


b) O avanço das doutrinas protestantes entre as camadas populares.
c) O fortalecimento do internacionalismo do Papa a partir do Vaticano.
d) O interesse pelas propriedades da Igreja, especialmente pelas suas terras.
e) O objetivo do rei de fortalecer seu poder absolutista monárquico.

Resposta: C

Justificativa: Ao contrário do que afirma a questão, houve um enfraquecimento do poder do


papa por onde a reforma protestante chegou.
Questão 5

Todas as alternativas contêm objetivos da política da Igreja Católica, esboçada durante o


Concílio de Trento, EXCETO:

a) A expansão da fé cristã
b) A moralização do clero
c) A reafirmação dos dogmas
d) A perseguição às heresias
e) O relaxamento do celibato

Resposta: E

Justificativa: A possibilidade de relaxamento do celibato foi discutida no Concílio de Trento,


porém o celibato foi reafirmado e não abandonado.

Questão 6

O Calvinismo foi:

a) A doutrina que sintetizou as ideias dos reformadores que a antecederam, formulando o


campo protestante em torno dos princípios do cesaropapismo e culto dos santos.
b) Apenas um prolongamento das ideias preconizadas por Lutero, que admitia que o Príncipe,
além de exercer poder civil absoluto, devia vigiar e governar, por direito divino, a Igreja cristã.
c) Um movimento originário na Suíça, como resultado de convulsões sociais locais, que
revelavam uma manifestação de rebeldia contra as taxas cobradas pela Igreja e sobre a
liberação da prática do divórcio.
d) O resultado das preocupações pessoais de Ulriko Zwinglio e dos problemas relacionados com
o celibato clerical.
e) Um movimento reformista religioso liderado por João Calvino e originado em Genebra que
influenciou outros ramos do protestantismo recém formado em outras nações.

Resposta: E

Justificativa: A reforma religiosa que se instaurou em Genebra por influência de João Calvino,
influenciou a formação teológica de outros movimentos de reforma em outras partes do mundo.
Questão 7
7) Leia uma das 95 teses de Martinho Lutero: Tese 21: Erram, portanto, os pregadores de
indulgências que afirmam que a pessoa é absolvida de toda pena e salva pelas indulgências
do papa.

Com base no texto acima, podemos dizer que Martinho Lutero:

a) Apoiava a ideia de que a indulgência abreviaria a permanência da alma no purgatório.


b) Ratificava a ideia de que as indulgências eram perdões concedidos pela Igreja aos fiéis.
c) Defendeu a relação utilitária entre o pecado, o perdão e as indulgências.
d) Questionou a autoridade da Igreja católica e o comércio de indulgências.
e) Ensinava que os pecados poderiam ser perdoados mediante a compra de indulgências

Resposta: D

Justificativa: Tanto Martinho Lutero, quanto os demais reformadores questionaram a igreja


católica quanto a ideia de salvação por obras, a venda de indulgências e os desvios teológicos
ocorridos ao longo dos séculos.

Questão 8

8) Em setembro de 1555, foi assinada a chamada “Paz de Augsburgo”, tratado que deu um fim
momentâneo às guerras de religião entre católicos e protestantes no Sacro Império Romano
Germânico.

Assinale a alternativa que contém uma das principais cláusulas desse tratado.

a) A expulsão completa de luteranos e calvinistas de todos os territórios do Sacro Império


Romano Germânico.
b) A imposição do absolutismo ao Império por Carlos V, imperador calvinista hostil ao
catolicismo.
c) A divisão do Império em territórios católicos e luteranos, a partir do princípio cuius regio, eius
religio.
d) A incorporação formal dos territórios católicos do Sacro Império Romano Germânico ao
Império Espanhol
e) A proibição total da profissão de fé católica em todos os Estados do Sacro Império Romano
Germânico.

Resposta: C

Justificativa: Por isso o tratado foi chamado de “Paz de Augsburgo”, pois os territórios teriam a
liberdade de optar religiosamente pelo luteranismo ou pelo catolicismo.