Você está na página 1de 20

AO LEITOR

Apostilas mon'a'xí mais uma vez trazendo informação para você.


de forma simples e prática, fazemos seu intendimento ser muito mais preciso e
complexo.

Em nosso material focamos sempre a informação de modo que incentive o


estudo e aperfeiçoamento de conhecimento dentro da religião, procuramos
utilizar uma linguagem ''informal'', ou seja, uma linguagem fora da
gramática linguística culta. mas não para desmoralizar os dialetos, e sim,
fazer que o entendimento seja satisfatório.

Não adianta criar um documento totalmente dotado de palavras formais e até


mesmo utilizar os verdadeiros dialetos, pois, muitas pessoas não teriam noção
do que realmente está escrito ali.
dentro deste conceito que desenvolvemos então nosso material, simples, mas
preciso.

Ao decorrer da leitura, você observará todos os registros sobre o assunto


referido e ter a certeza de como fazer e proceder com o mesmo.

É importante lembrar sempre que, ninguém faz nada igual a ninguém e logo,
pode acontecer de algumas informações serem adversas de outras que você já
possui conhecimento. porém sempre deve ser visado que conhecimento nunca
é demais, e tudo o que aprendemos na vida há ela deve ser agregado.

Nosso material é produzido a partir de depoimentos de pessoas antigas da


religião, não com o intuito de banalizar a mesma, mas sim, de propagar o
conhecimento para evitar que ela se perda e que seja praticada de forma
errada.

Sugiro que para tornar sua assimilação mais precisa agregue o conteúdo de
uma apostila com o de outra, pois existem informações que estão divididas em
outros exemplares.

BOA LEITURA.
FALANDO SOBRE ERE

Apostilas Mon'a'xí mais uma vez com um ótimo tema para os estudos de
todos os nossos leitores.

Na apostila que você adquiriu deixaremos claro as diferenças e grandes


confusões que as pessoas de dentro do candomblé e umbanda fazem a respeito
dessas entidades, e não divindades.

Pode até ser uma opinião um tanto adversa, pois o que as pessoas entendem e
praticam nos dias de hoje foge completamente do que apresentaremos aqui,
mas cabe a cada um lidar com o conhecimento e novas informações da
maneira que mais lhe é viável.

Dentro da maioria das casas de candomblé a figura de ERE, passou a ser


representada como IBEJI ou NVUNJI.

Isso está definitivamente errado, pois os motivos são simples:

IBEJI, se trata das divindades gêmeas do panteão ioruba, tratam-se de


crianças sim, mas de uma forma totalmente diferente do que se prega nas
casas de candomblé.

Ao contrário do que pensamos, não existe iniciação


para Ibeji, mas sim, preparação para tornar o
caminho das pessoas que tem enredo com estas
divindades mais favorável e próspero.

Ibeji está ligado a divinização dos gêmeos, e logo esta


divinização está ligada a uma comunidade, ou seja,
sociedade específica iorubá chamada
EGBE ORUN.

-REPRESENTAÇÃO DE IBEJI

A sociedade de EGBE ORUN, trata-se de uma comunidade que se encontra


no Orun, ou seja, mundo dos orixás.
-OJUBO EGBE ORUN
(ASSENTAMENTO DE EGBE
ORUN)

Nesta sociedade vive a alma clone de cada um de nós, a função desta será
manter a proteção, estabilidade e equilíbrio de nossa vida entre a terra e o
céu.

Nas lendas iorubas prega-se que assim que somos encaminhados para o
nascimento na terra, fazemos um tratado onde já fica estipulado como
viveremos, o que seremos e acima de tudo, quando deveremos voltar para o
plano onde encontra-se nossa segunda alma.

Nesta sociedade ainda encontram-se os ABIKU, ou, aqueles que nasceram


para morrer.

Todos fazem parte desta sociedade e devem manter culto para a mesma, pois
o que se prega dentro do culto iorubá, é que está sociedade quando bem
cultuada e lembrada, faz a pessoa ter um bom caminho na terra, ter
felicidade, dignidade e vida-longa.

Desta forma, devemos entender que IBEJI, está ligado sim ao culto das
crianças, jovens, da felicidade, alegria e inocência.

Mas o verdadeiro poder e domínio desta divindade está bem acima do que se
pratica.

Um dos principais e mais indicados culto para Ibeji é aquele que intervem
sobre a morte prematura de uma criança, de um jovem ou até mesmo de um
adulto.

Ibeji sempre será a divindade que mantém o equilíbrio e faz jus ao pacto que
temos com a sociedade de EGBE ORUN.

NVUNJI ou simplesmente VUNJI, é a divindade de que se cultua dentro das


casas de nação angola, mas infelizmente de forma totalmente errada e
adversa de sua verdadeira essência.
É certo afirmar isso apenas pela simples definição que Nvunji é uma
divindade feminina do panteão congo angola.

O poder desta divindade se dá sobre a justiça, fogo, batalhas e acima de tudo,


sobre as regras menstruais femininas e proteção durante a gestação.

Nvunji é uma Nkisi guerreira, que gosta de vermelho, protetora das crianças
e das mulheres que estão grávidas.

Protege a alegria e estabilidade dentro de uma casa, é no assentamento de


Nvunji que fazemos oferendas para as crianças, pois está sendo a protetora
das mesmas logo poderá levar os pedidos de forma mais convicta.

Nvunji é uma divindade que possui iniciação e filhos, mas nada que a
relacione com uma criança.

É rara dentro das casas e seu culto está praticamente perdido.

ERE, trata-se apenas de espíritos de crianças que viveram aqui na terra e por
diversos motivos vieram a falecer ainda crianças.

São as entidades que entram em transe nas casas de umbanda e em todas as


casas de candomblé.

A morte destas crianças sempre foram de formas trágicas, sendo as mais


comuns maus tratos, escravidão, fome, abandono, etc.

A principal função destas entidades são manter a equilíbrio e reenergização


do médium ou filho de santo após o transe de orixá.

Nos dias de hoje vemos muito estas entidades crianças serem cultuadas de
formas bem diferentes de suas verdadeiras origens e funções.

Encontramos dentro do candomblé ERES sendo praticamente escravizados,


lavam roupa, passam roupa, fazem
comida, varrem casa, costuram, etc.

-ERE NO CANDOMBLÉ
Não estamos aqui para julgar, mas se estas entidades já tiveram vidas assim
quando vivas, qual é o motivo e fundamento que prova e obriga estas viverem
a mesma coisa agora no plano de entidades?

Na umbanda, as chamadas crianças são as mesmas que encorporam nos


terreiros de candomblé, a diferença está na forma de cultuar e doutrinar.

A linha de Yori, ou seja, das crianças, mantém a mesma infantilidade, alegria


e inocência para estas entidades.

Sendo assim é a religião que mais


culta de forma correta dentro desse
contexto e seguimento.

Os nomes dessas entidades podem


mudar muito de casa para casa, mas
principalmente de tradição para
tradição.

-ERE NA UMBANDA

Na umbanda sempre terão nomes como:

PEDINHO, MARIAZINHA, JOÃOZINHO, BETINHO, MARIINHA, etc.

No candomblé as mesmas entidades, terão nomes relacionados sempre as


divindades de cabeça, ou seja, aos orixás.

Será normal encontrarmos eres com os seguintes nomes:

OFÁ, PILÃOZINHO, TEMPESTADE, MACHADINHA, etc.


Ainda dentro da Umbanda encontramos a sincretização destas divindades
com São Cosme, São Damião e Doum.
-IMAGEM DE SÃO
COSME, SÃO DAMIÃO E
DOUM

Isso pelo simples fato de serem gêmeos, mas nada que prove que são
verdadeiramente as mesmas entidades.
Com as poucas definições é notável que devemos separar e aprender que
IBEJI e NVUNJI não são ERES.

ERE, trata-se de eguns, ou seja, espíritos, porém de crianças.

Devem ser tratados com muito carinho e zelo, com doutrinas e com a simples
função de amenizar e tornar o corpo do filho mais leve depois de um transe
pesado ou algum rito específico.

Eres podem ainda ser muito úteis na hora de vestir uma entidade que não tem
paciência ou simplesmente para fazer festa e descontrair climas pesados e
pessoas carregadas.
São entidades de luz, podem fazer benzimentos e curar crianças, adultos e até
mesmo animais.

Possuem grandes poderes, mas para isso suas origens e doutrinas devem ser
coerentes.

Aqui no Brasil ficou estipulado que a data destas entidades deve ser no dia 27
de Setembro para a Umbanda e 12 Outubro para o Candomblé.

Semanalmente seus cultos podem ser aos sábados e domingos.

Suas oferendas sempre serão de doces, bolo, refrigerante, etc.

Tudo que uma criança goste é comida e oferenda para Ere.


Suas cores são o azul e rosa, mas sendo estes representantes da felicidade
todas as cores alegres e coloridas servem para fazer parte das vestes e ritos
dos eres.

Ainda podem receber como oferenda Caruru, Vatapá, Ximxim, Farofa,


frutas, brinquedos, etc.

Mas devemos lembrar que estes tipos de comidas são de Origem Iorubá, logo
está relacionado a grande mistura que acontecer desde o descobrimento do
Brasil e Implantação das religiões de matrizes africanas em nosso território.
Com tudo o que vimos, podemos chegar ao consentimento que nas casas de
candomblé o que existe é uma verdadeira falta de informação e
principalmente, falta de vontade de mudar ou procurar saber o que realmente
é certo e errado...

É notável e questionável, pois se ERE, são espíritos de crianças, ou seja,


eguns. Como uma pessoa de quele, recolhida pode encorporar com estas?

Caboclos, Exús, Marujos, etc. Também são Espíritos, eguns.

Porquê estes não podem encorporar, já que também já foram vivos e hoje tem
uma missão e função em nosso plano?

Questionável né...

Devemos apenas entender que as vezes o culto de Orixá ou de entidades não


deve ser levado e baseado apenas em lendas e regras estipuladas por mais
velhos, mas sim, por LÓGICA.

O ASSENTAMENTO DE ERE

O assentamento de qualquer entidade ou divindade é muito importante, pois


ali representará a sua energia e local de adoração.

Sendo assim, o assentamento deve conter tudo o que a entidade ou divindade


gosta, que demonstre sua história e que traga sua essência.

Tanto na umbanda como no candomblé não deve existir sacrifício para Ere,
mas infelizmente existem algumas casas que praticam tal ato.

Os assentamentos devem ser consagrados com as folhas, elementos e tudo que


uma criança goste.
A seguir apresentaremos duas formas de assentar, ou seja, de cultuar estas
entidades.

As formas que veremos será na Umbanda e Candomblé.

* Vale lembrar que cada Ere tem suas preferências, logo está lista será apenas
uma referência, mas respeitem os pedidos da entidade.

FOLHAS DE ERE NA UMBANDA E NO CANDOMBLÉ

As folhas apresentadas abaixo são algumas de muitas que podem ser usadas
para a lavagem dos assentamentos de Ere da umbanda e candomblé.

FOLHA DE GOIABA
FOLHA DE MANGA
FOLHA DE MAÇÃ
FOLHA DE LARANJA
FOLHA DE PITANGA
FOLHA DE AMORA
FOLHA DE JAMBU
FOLHA DE JABUTICABA
FOLHA DE LÍRIO DO BREJO
FOLHA DE MANJERICÃO
FOLHA DE ALFAVAQUINHA
FOLHA DE ERVA POMBINHA
FOLHA DE TREVO DE QUATRO FOLHAS
FOLHA DE AZEDINHA
FOLHA DE MÃE BOA
FOLHA DE ELEVANTE
FOLHA DE POEJO
FOLHA DE ERVA CIDREIRA
FOLHA DE CAPIM LIMÃO
FOLHA DE CARRAPICHO
FOLHA DE DENTE DE LEÃO
FOLHA DE PINCEL DE ESTUDANTE
FOLHA DE GUAPO
FOLHA DE ERVA DOCE
FOLHA DE FUNCHO
FOLHA DE MARAVILHA
FOLHA DE BRILHANTINA
FOLHA DE CARURU
ASSENTAMENTO DE ERE NO CANDOMBLÉ

MATERIAL:

1 IBÁ DE ERE DE BARRO


1 QUARTINHA DE BARRO MÉDIA COM
ASA
1 QUARTINHA DE BARRO MÉDIA SEM
ASA
7 PEDRINHAS DE RIO
7 IDÉS COLORIDOS
7 MOEDAS COLORIDAS
7 CRISTAIS COLORIDOS
7 CONCHINAS
7 BÚZIOS
7 CHAOROS
BRINQUEDOS
AREIA DE PRAÇA QUE TENHA PLAY GROND
AREIA DE RIO
AREIA DE ESTRADA
1 FAVA DE ERE
1 FAVA DE OYA
1 FAVA DE OGUM

MODO DE FAZER:

* Em um sábado, faça uma infusão com as folhas, água de rio, um pouco de


açúcar, osun e waji.

* Lave todos os pertences que irá no assentamento e monte o aibá da forma


correta.

* Coloque dentro da panelinha as favas, pedras, e demais itens.

* Do lado esquerdo do assentamento coloque a quartinha com asa cheia


d'água representando Oya.

* Do lado direito do assentamento coloque a quartinha de barro sem asa cheia


d'água representando Ogum.

* Misture as terras e faça sete trouxinhas com elas, em panos de cores


diferentes, amarre com fitas e coloque dentro do ibá.
* Acenda uma vela de para Ogum, Oya e uma vela para o assentamento de
Ere.

* Coloque diante do assentamento oferendas como: Caruru, Vatapá, Ximxim,


farofa, amendoim torrado, doces, frutas, refrigerante, brinquedos e tudo que
o Ere pedir.

* Enfeite com fitas coloridas.

* Com um chocalho de crianças, reze para Ogum, Oya e depois cante várias
cantigas de Ere.

ASSENTAMENTO DE ERE NA UMBANDA

1 TOCO DE ÁRVORE
1 CESTO DE VIME
1 PEMBA AZUL
1 PEMBA ROSA
21 CONCHAS VARIADAS
21 PEDRINHAS DE RIO
1 IMAGEM DE SÃO COSME, SÃO DAMIÃO E DOUM
BRINQUEDOS DE MENINOS
BRINQUEDOS DE MENINAS
DOCES
1 GUIA DE ERE
1 COPO
2 MAÇÃS
2 CANECAS DE BARRO
2 CHOCALHOS DE CRIANÇAS
FITAS COLORIDAS

MODO DE FAZER:

Este assentamento é indicado para quem tenha terreiro ou seja médium.

* Em um sábado, faça uma infusão com as folhas, água de rio, um pouco de


açúcar, pó de pemba rosa e pó de pemba azul.

* Lave o toco, as pedrinhas, conchas e demais itens que possam ser lavados.
* Deixe que o toco seque naturalmente.

* Depois que o toco secar, com as pembas risque o ponto de Ere encima do
Toco.

* Coloque a imagem encima do ponto riscado e do lado da imagem o copo


com água.

* Dentro do cesto coloque todos os brinquedos, doces, conchas, as maçãs, os


chocalhos e tudo que estiver na lista ou que o Ere pedir. Enfeite com as fitas,
guia e coloque este cesto em frente ao toco.

* Acenda uma vela rosa, azul e amarela do lado do todo e salde as crianças.

* Defume tudo com beijoim, alfazema, alecrim, açúcar e pétalas de rosas


brancas.

* Ofereça doces, refrigerante, frutas e tudo que o Ere gostar.

* Cante muito para Ere.

OBS: As balas e doces devem ficar permanentemente no assentamento, só


trocar estas quando sumirem naturalmente ou vierem estragar.

A mesma coisa deverá ser feita com as maçãs, refrigerante e todas as


oferendas.

O Culto deve sempre ser aos finais de semana, com velas, cantigas e doces.
OUTRAS INFORMAÇÕES

Esses assentamentos podem ser feitos para qualquer pessoa, Ere ou templo.

Quando for para um Ere específico, o correto é na hora de lavar tudo chamar
pelo nome do mesmo(a), ou ainda na hora de acender as velas fazer isso.

PONTOS (CANTIGAS) DE ERE

1- PONTO DAS CRIANÇAS

PAPAI ME MANDA UM BALÃO


COM TODAS AS CRIANÇAS
QUE TEM LÁ NO CÉU
TEM DOCE PAPAI
TEM DOCE PAPAI
TEM DOCE LÁ NO MEU JARDIM

2- PONTO DAS CRIANÇAS

VOA, VOA, ANDORINHA,


VOA, VOA, BEM LIGEIRO,
TRAGA JOÃZINHO E COSMINHO,
PARA BRINCAR NO TERREIRO. (BIS)
PASSANDO NA CACHOEIRA,
ME TRAGA A MARIAZINHA,
PASSANDO LÁ PELA PRAIA,
ME TRAGA LINDA ROSINHA.
VOA, VOA ANDORINHA,
VOA, VOA, E VAI BUSCAR,
AS CRIANÇAS PARA A UMBANDA,
A FESTA VAI COMEÇAR.
VOA, VOA, ANDORINHA,
VOA, VOA, BEM LIGEIRO,
TRAGA JOÃZINHO E COSMINHO,
PARA BRINCAR NO TERREIRO. (BIS)
TEM BOLO, BOLA E COCADA,
TEM SODINHA E GUARANÁ,
HOJE É UM GRANDE DIA,
VAMOS TODOS FESTEJAR.
3- PONTO DAS CRIANÇAS

1 2 3 4 5 6 EU QUERO VER CRIANÇA


NA CABEÇA DE VOCÊS

4- ROSINHA

ROSINHA DA PRAIA QUANDO CHEGAR


VAI FIRMAR PONTO NO CONGÁ
COM AS BÊNÇÃOS DE IEMANJÁ
ROSINHA DA PRAIA QUANDO CHEGA
TAMBÉM GOSTA DE BRINCAR
ELA BRINCA COM AS CONCHINHAS
FAZENDO CASINHA COM A AREIA DO MAR

5- PONTO DAS CRIANÇAS

PAPAI ME MANDE UM BALÃO


COM TODAS AS CRIANÇAS QUE TEM LÁ NO CÉU
TEM DOCE PAPAI, TEM DOCE PAPAI
TEM DOCE LÁ NO JARDIM

6- ROSINHA

ROSINHA DA PRAIA
COMO VEM BEIRANDO O MAR
COMO VEM BEIRANDO MAR,
MAS COMO VEM BEIRANDO O MAR

7- PONTO DAS CRIANÇAS

VAI COMEÇAR A BRINCADEIRA, É UMA GRANDE FESTA


O ERÊ, O ERÊ, ONDE ESTÁ O ERÊ? 2X
ONDE ESTÁ A ROSINHA, ESTÁ NA CACHOEIRA
ONDE ESTÁ O TROVÃO, MORA NA PEDREIRA
ONDE ESTÁ O FOLHINHA, ESTÁ NA MATA A CAÇAR
ONDE ESTÁ O PEDRINHO QUE EU NÃO VEJO CHEGAR
O ERÊ, O ERÊ, ONDE ESTÁ O ERÊ? 2X
ONDE ESTÁ O LAZINHO, COM VOVÔ A REZAR
ONDE ESTÁ O PAULINHO, FOI CONCHINHAS CATAR
ONDE ESTÁ A ANINHA, NO CAMPO A PASSEAR
ONDE ESTÁ MARIAZINHA QUE EU NÃO VEJO CHEGAR
O ERÊ, O ERÊ, ONDE ESTÁ O ERÊ? 2X
ONDE ESTÃO OS ERES QUE EU NÃO VEJO CHEGAR
ONDE ESTÃO OS ERES VENHAM LOGO BRINCAR
TIRA, TIRA O PÉ DO CHÃO

8- PONTO DAS CRIANÇAS

COSME E DAMIÃO, DAMIÃO CADÊ DOUM


DOUM FOI PASSEAR NO CAVALO DE OGUM (BIS)
DOIS DOIS SEREIA DO MAR
DOIS DOIS MEU PAI OXALÁ (BIS)

9- PONTO DAS CRIANÇAS

BAHIA É QUE É TERRA DE DOIS


É TERRA DE DOIS IRMÃOS (BIS)
GOVERNADOR DA BAHIA
É COSME E SÃO DAMIÃO (BIS)

10- PONTO DAS CRIANÇAS

A ESTRELA E A LUA ERAM DUAS IRMÃS


COSME E DAMIÃO TAMBÉM SÃO DOIS IRMÃOS
OXALÁ E OGUM GUIAM NOSSOS PASSOS
SÃO OS FILHOS DE UMBANDA QUE BALANÇAM, MAS NÃO CAI

11- PEDRINHO

PEDRINHO, PEDRINHO,
MENSAGEIRO DE XANGÔ
PEDRINHO, PEDRINHO,
A IBEIJADA É PAZ E AMOR (BIS)

12- PONTO DAS CRIANÇAS

HOJE TEM ALEGRIA


HOJE TEM ALEGRIA
HOJE TEM ALEGRIA
NO TERREIRO DE UMBANDA
HOJE TEM ALEGRIA

13- MARIAZINHA

LÁ NO CÉU TEM TRÊS ESTRELAS


TODAS AS TRÊS EM CARREIRINHA (BIS)
UMA É COSME E DAMIÃO
A OUTRA É MARIAZINHA (BIS)

14- PONTO DAS CRIANÇAS

ESTRELINHA QUE BRILHA NO CÉU (BIS)


É A ESTRELINHA QUE BRILHA NO MAR
ESTRELINHA QUE BRILHA NA UMBANDA (BIS)
É A ESTRELINHA DE MÃE IEMANJÁ

15- MARIANA

MARIANA CONTA UM
MARIANA CONTA UM
É UM, É UM, É UM, É ANA
VIVA MARIANA
VIVA MARIANA
MARIANA CONTA DOIS
MARIANA CONTA DOIS
É DOIS, É UM, É DOIS, É ANA
VIVA MARIANA
VIVA MARIANA
MARIANA CONTA TRÊS
MARIANA CONTA TRÊS
É TRÊS, É DOIS, É UM, É DOIS, É TRÊS, É ANA
VIVA MARIANA
VIVA MARIANA...

16- PONTO DAS CRIANÇAS

A IBEIJADA JÁ CHEGOU
VAI QUERER, VAI QUERER (BIS)
VAI QUERER, VAI TOMAR GUARANÁ
E DEPOIS ELA VAI BRINCAR

17- PONTO DAS CRIANÇAS

PULA CORDA ESQUINDO LÊ LÊ


PULA CORDA ESQUINDO LÁ LÁ
QUEM NÃO SABE PULAR CORDA
NÃO SABE SAPATEAR (BIS)

18- MARIAZINHA
MARIAZINHA DA BEIRA DA PRAIA
COMO É QUE SACODE A SAIA?
É ASSIM, ASSIM, ASSIM
ASSIM QUE SACODE A SAIA
É ASSIM, ASSIM, ASSIM
ASSIM QUE SACODE A SAIA

19- MARIAZINHA

MARIAZINHA NASCEU NA BEIRA DO RIO


NA BEIRA DO RIO LÁ NO JUREMA
AONDE A LUA BRILHA CLAREIA A CAMPINA
CLAREIA A MATA
PRA IBEJADA BRINCAR

20- PONTO DAS CRIANÇAS

ELE É PEQUINININHO
MORA NO FUNDO DO MAR
SUA MADRINHA É SEREIA
SEU PADRINHO É BEIRA MAR
NO FUNDO DO MAR TEM AREIA
SEU PADRINHO É BEIRA MAR
SUA MADRINHA É SEREIA

21- PONTO DAS CRIANÇAS

FUI NO JARDIM COLHER AS ROSAS


A VOVÓZINHA DEU-ME A ROSA MAIS FORMOSA
COSME E DAMIÃO, ÔOOOH DOUN
CRISPIM, CRISPINIANO
SÃO OS FILHOS DE OGUM
COSME E DAMIÃO, ÔOOOH DOUN
CRISPIM, CRISPINIANO
SÃO OS FILHOS DE OGUM

22- JUQUINHA

JUQUINHA DA BEIRA DA PRAIA


COMO É SE QUE ABANA O BONÉ?
É ASSIM, ASSIM, ASSIM
ASSIM QUE SE ABANA O BONÉ
É ASSIM, ASSIM, ASSIM
ASSIM QUE SE ABANA O BONÉ

23- PONTO DAS CRIANÇAS

CATARINA VOCÊ TEM UM CONGÁ QUE UMA BELEZA


O TERREIRO ENFEITADO
MUITOS DOCES SOBRE A MESA

24- MARIAZINHA

NO JARDIM DO CÉU BRINCAM AS CRIANÇAS


QUANDO ELAS VEM NA TERRA TRAZ AMOR E ESPERANÇA!
VENHAM CRIANÇAS, NOS AJUDAR!
A CRIANÇA É UMA FLOR E MERECE O NOSSO AMOR
PAI OXALÁ QUE AS ABENÇOE!
SEMPRE RESTA UMA ESPERANÇA QUANDO CHEGA UMA CRIANÇA!
VENHAM CRIANÇAS, VENHAM BRINCAR!
FECHA RODA MARIAZINHA VAMOS TODOS CANTAR!
ZUM ZUM ZUM CHUPA CHUPETA DOUM!
MAS VEJA QUE BELEZINHA A SAIA DA MARIAZINHA! (2X)

25- PONTO DAS CRIANÇAS

OS ANJOS LÁ NO CÉU CANTAVAM,


ESTRELA DALVA CLAREOU
OS ANJOS LÁ NO CÉU CANTAVAM,
ESTRELA DALVA CLAREOU
SARAVA COSME E DAMIÃO,
NESTE TERREIRO OXALÁ LHE ABENÇOOU
SARAVA COSME E DAMIÃO,
NESTE TERREIRO OXALÁ LHE ABENÇOOU

26- PONTO DAS CRIANÇAS

EU QUERO DOCE, EU QUERO BALA,


EU QUERO MEL PRA PASSAR NA SUA CARA

27- PONTO DAS CRIANÇAS

QUANDO A LUA BRILHA NO CÉU, CLAREIA UMBANDA


CLAREIA IBEIJADA QUE VEM LÁ DE ARUANDA
28- PONTO DAS CRIANÇAS

TEM BALA DE CÔCO E PETECA,


DEIXA IBEJADA BRINCAR
TEM BALA DE CÔCO E PETECA,
DEIXA IBEJADA BRINCAR
HOJE É DIA DE FESTA,
IBEIJADA VEM SARAVA

29- PONTO DAS CRIANÇAS

DOUM É AMIGO LEAL,


SEM DOUM EU NÃO POSSO FICAR
DOUM É AMIGO LEAL,
SEM DOUM EU NÃO POSSO FICAR
VADEIA COSME, NÃO ME LEVA NO CHÃO,
VADEIA COSME, CADÊ DAMIÃO
VADEIA COSME, NÃO ME LEVA NO CHÃO,
VADEIA COSME, CADÊ DAMIÃO

30- PONTO DAS CRIANÇAS

CAI, CAI, SERENO, VAI MEU DESTINO


ME LEVA AGORA,
PARA BRINCAR COM OS MENINOS
VOU PEDIR LICENÇA À ZAMBY
E AO SAGRADO CORAÇÃO
VAMOS TODOS BATER PALMAS
PRA SÃO COSME E DAMIÃO

31- PONTO DAS CRIANÇAS

TITIA ME DEU COCADA,


TIO ME DEU GUARANÁ
TITIA ME DEU COCADA,
TIO ME DEU GUARANÁ
GOSTEI FOI DO CARURU
QUE A MAMÃE MANDOU PREPARAR
GOSTEI FOI DO CARURU
QUE A MAMÃE MANDOU PREPARAR
MAMÃE ME DEU CARURU,
EU COMI CARURU DE MAMÃE

32- PONTO DAS CRIANÇAS


VAMOS BRINCAR DE RODA
COSME, DAMIÃO E DOUM
ELES VEM MONTADOS NO CAVALO DE OGUM
VEM TRAZENDO ROSAS PRA MAMÃE OXUM

33- PONTO DAS CRIANÇAS

NA BAHIA TEM UM CÔCO,


CÔCO QUE FAZ A COCADA
CÔCO QUE FAZ O MANJAR,
PARA DAR PARA IBEJADA
DOUM, DOUM, DOUM, DOUM,
COSME E DAMIÃO
DOUM, DOUM, DOUM,
BRINCA SENTADO NO CHÃO

34- PONTO DAS CRIANÇAS

FILHO DE FÉ ESTAVA DOENTE,


FILHO DE FÉ ESTAVA CHORANDO
FILHO DE FÉ VIU IBEJADA,
FILHO DE FÉ JÁ ESTÁ CANTANDO

35- PONTO DAS CRIANÇAS

IBEJADA ESTÁ DE RONDA,


SÃO JORGE DE PRONTIDÃO
SALVE O POVO DE ARUANDA,
SALVE COSME E DAMIÃO

* ERES SÃO ENTIDADES DO BEM, CRIANÇAS QUE NÃO TIVERAM O


PRAZER DE CHEGAREM A SUA MAIOR IDADE...

MORREM INOCENTES E ASSIM DEVEM SER CULTUADOS.

SALVE AS CRIANÇAS ….

ERE MIM !!!


SALVE A IBEJADA !!!
APOSTILAS MON'A'XÍ