Você está na página 1de 75

Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020 - Ano - IX - Número 183.

Índice
Decisões ................................................... 1
1ª Câmara .............................................. 1
Acórdão ............................................. 1
Ata ................................................... 23
2ª Câmara ............................................ 41
Acórdão ........................................... 41
Ata ................................................... 52
Tribunal Pleno .................................... 67
Acórdão ........................................... 67
Resolução ....................................... 72
Ata ................................................... 72
Atos ......................................................... 75
Atos da Presidência ........................... 75
Portaria ............................................ 75
Decisões
1ª Câmara
Acórdão
Processo - 201500006015567/204-01

Acórdão 2786/2020
201500006015567/204-01: Aposentadoria
de Maria Elena Pereira da Silva.
VISTOS, oralmente expostos e discutidos
os presentes autos, de n.º
201500006015567/204-01, que tratam da
análise da legalidade, para fins de registro,
do ato concessivo de aposentadoria da Sra.
Maria Elena Pereira da Silva, no cargo de
Professor IV, Referência “D”, do Quadro
Permanente do Magistério Público Estadual,
perfazendo os proventos a quantia anual e
integral de R$ 54.213,12 (cinquenta e quatro
mil, duzentos e treze reais e doze centavos),
compostos de: Vencimento (210h) - R$
41.702,40 (quarenta e um mil, setecentos e
dois reais e quarenta centavos) e
Gratificação Adicional referente a 5 (cinco)
quinquênios (30%) - R$ 12.510,72 (doze mil,
quinhentos e dez reais e setenta e dois
centavos), e
Considerando que o ato de admissão da
interessada ainda não foi objeto de registro
neste Tribunal; e considerando o relatório e
voto como parte integrantes deste,
ACORDA,
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
sua Primeira Câmara, ante as razões
expostas pelo Relator, em julgar legais os
atos de admissão, no cargo de Professor III,
e concessivo de aposentadoria, no cargo de
Professor IV, Referência “D”, do Magistério
Público Estadual, da Sra. Maria Elena

Digitally signed by MARCELO AUGUSTO PEDREIRA XAVIER:01585329100


Date: 2020.10.25 18:21:39 -03:00
Reason: Diário Eletrônico de Contas
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Pereira da Silva, determinando os Ao Serviço de Publicações e


respectivos registros, para que surtam os Comunicações, para as providências a seu
efeitos de direito. cargo.
Ao Serviço de Publicações e Presentes os Conselheiros: Saulo
Comunicações, para as providências a seu Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
cargo. de Sousa Trindade (Relator) e Carla
Presentes os Conselheiros: Saulo Cintia Santillo. Representante do
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy Ministério Público de Contas: Carlos
de Sousa Trindade (Relator) e Carla Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Cintia Santillo. Representante do Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
Ministério Público de Contas: Carlos (Virtual). Processo julgado em:
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão 22/10/2020.
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
(Virtual). Processo julgado em: Processo - 201700006003285/204-01
22/10/2020.
Acórdão 2788/2020
Processo - 201600006038285/204-01 201700006003285/204-01: Aposentadoria
de Nadja Viviane dos Santos Andrade, com
Acórdão 2787/2020 fundamento no art. 6º da EC nº 41/2003.
201600006038285/204-01: Aposentadoria Legalidade. Registro concomitante com o
de Marlene Vieira de Melo, com fundamento ato de admissão.
no art. 3º da EC 47/05. Legalidade. Registro VISTOS, oralmente expostos e discutidos
concomitante com o ato de admissão. os presentes autos, de n.º
VISTOS, oralmente expostos e discutidos 201700006003285/204-01, que tratam da
os presentes autos, de n.º análise da legalidade, para fins de registro,
201600006038285/204-01, que tratam da do ato concessivo de aposentadoria da Sra.
análise da legalidade, para fins de registro, Nadja Viviane dos Santos Andrade, no
do ato concessivo de aposentadoria da Sra. cargo de Professor IV, Referência "B", do
Marlene Vieira de Melo, no cargo de Agente Quadro Permanente do Magistério Público
Administrativo Educacional de Apoio, Estadual, perfazendo os proventos a
Referência “F-III”, do Quadro de Pessoal da quantia anual e integral de R$ 56.089,02
Secretaria de Educação, Cultura e Esporte, (cinquenta e seis mil e oitenta e nove reais e
perfazendo os proventos a quantia anual e dois centavos), compostos de: Vencimento
integral de R$ 19.490,71 (dezenove mil, (210h) - R$ 43.145,40 (quarenta e três mil e
quatrocentos e noventa reais e setenta e um cento e quarenta e cinco reais e quarenta
centavos), compostos de: Vencimento - R$ centavos) e Gratificação Adicional referente
14.437,56 (quatorze mil, quatrocentos e a 5 (cinco) quinquênios (30%) - R$
trinta e sete reais e cinquenta e seis 12.943,62 (doze mil e novecentos e
centavos) e Gratificação Adicional referente quarenta e três reais e sessenta e dois
a 6 (seis) quinquênios (35%) - R$ 5.053,15 centavos), e
(cinco mil, cinquenta e três reais e quinze Considerando que o ato de admissão da
centavos), e interessada ainda não foi objeto de registro
Considerando que o ato de admissão da neste Tribunal; e considerando o relatório e
interessada ainda não foi objeto de registro voto como parte integrantes deste,
neste Tribunal; e considerando o relatório e ACORDA,
voto como parte integrantes deste, O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
ACORDA, DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO sua Primeira Câmara, ante as razões
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de expostas pelo Relator, em julgar legais os
sua Primeira Câmara, ante as razões atos de admissão, no cargo de Professor III,
expostas pelo Relator, em julgar legais os e concessivo de aposentadoria, no cargo de
atos de admissão, no cargo de Professor Professor IV, Referência “B”, ambos da
Assistente, Nível “A”, e concessivo de Secretaria de Estado da Educação, da Sra.
aposentadoria, no cargo de Agente Nadja Viviane dos Santos Andrade,
Administrativo Educacional de Apoio, determinando os respectivos registros, para
Referência “F-III”, ambos da Secretaria de que surtam os efeitos de direito.
Estado da Educação, da Sra. Marlene Vieira Ao Serviço de Publicações e
de Melo, determinando os respectivos Comunicações, para as providências a seu
registros, para que surtam os efeitos de cargo.
direito. Presentes os Conselheiros: Saulo

2
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Marques Mesquita (Presidente), Kennedy


de Sousa Trindade (Relator) e Carla Processo - 201700006003929/204-01
Cintia Santillo. Representante do
Ministério Público de Contas: Carlos Acórdão 2790/2020
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão 201700006003929/204-01: Aposentadoria,
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 com proventos proporcionais ao tempo de
(Virtual). Processo julgado em: contribuição, de Rosalina Lopes Rodrigues
22/10/2020. Clemente. Art. 40, §1º, inciso III, alínea “b”,
da Constituição Federal. Legalidade.
Processo - 201700006003925/204-01 Registro concomitante com o ato de
admissão.
Acórdão 2789/2020 VISTOS, oralmente expostos e discutidos
201700006003925/204-01: Aposentadoria os presentes autos, de n.º
de Marlene Gonçalves de Oliveira, com 201700006003929/204-01, que tratam da
fundamento no art. 6º da EC nº 41/2003. análise da legalidade, para fins de registro,
Legalidade. Registro do ato. do ato concessivo de aposentadoria da Sra.
VISTOS, oralmente expostos e discutidos Rosalina Lopes Rodrigues Clemente, no
os presentes autos, de n.º cargo de Professor IV Referência "A", do
201700006003925/204-01, que tratam da Quadro Permanente do Magistério Público
análise da legalidade, para fins de registro, Estadual, perfazendo os proventos a
do ato concessivo de aposentadoria da Sra. quantia anual de R$ 17.945,71 (dezessete
Marlene Gonçalves de Oliveira, no cargo de mil, novecentos e quarenta e cinco reais e
Professor IV, Referência “C”, do Quadro setenta e um centavos), proporcional a
Permanente do Magistério Público Estadual, 6.709 (seis mil, setecentos e nove) dias de
perfazendo os proventos a quantia anual e contribuição, equivalente ao valor mensal de
integral de R$ 53.149,98 (cinquenta e três R$ 1.495,48 (um mil, quatrocentos e
mil, cento e quarenta e nove reais e noventa noventa e cinco reais e quarenta e oito
e oito centavos), compostos de: Vencimento centavos), e
(210h) - R$ 40.884,60 (quarenta mil, Considerando que o ato de admissão da
oitocentos e oitenta e quatro reais e interessada ainda não foi objeto de registro
sessenta centavos) e Gratificação Adicional neste Tribunal; e considerando o relatório e
referente a 4 (quatro) quinquênios (30%) - voto como parte integrantes deste,
R$ 12.265,38 (doze mil, duzentos e ACORDA,
sessenta e cinco reais e trinta e oito O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
centavos),e DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
Considerando o relatório e voto como parte sua Primeira Câmara, ante as razões
integrantes deste, expostas pelo Relator, em julgar legais os
ACORDA, atos de admissão, no cargo de Professor I,
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO e concessivo de aposentadoria, no cargo de
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de Professor IV, Referência “A”, ambos da
sua Primeira Câmara, ante as razões Secretaria de Estado da Educação, da Sra.
expostas pelo Relator, em julgar legal o ato Rosalina Lopes Rodrigues Clemente,
concessivo de aposentadoria da Sra. determinando os respectivos registros, para
Marlene Gonçalves de Oliveira, no cargo de que surtam os efeitos de direito.
Professor IV, Referência “C”, da Secretaria Ao Serviço de Publicações e
de Estado da Educação, determinando o Comunicações, para as providências a seu
respectivo registro, para que surta os efeitos cargo.
de direito. Presentes os Conselheiros: Saulo
Ao Serviço de Publicações e Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
Comunicações, para as providências a seu de Sousa Trindade (Relator) e Carla
cargo. Cintia Santillo. Representante do
Presentes os Conselheiros: Saulo Ministério Público de Contas: Carlos
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
de Sousa Trindade (Relator) e Carla Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
Cintia Santillo. Representante do (Virtual). Processo julgado em:
Ministério Público de Contas: Carlos 22/10/2020.
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 Processo - 201700006010414/204-01
(Virtual). Processo julgado em:
22/10/2020. Acórdão 2791/2020

3
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

201700006010414/204-01: Aposentadoria ato de admissão.


de Sandra Bittencourt Duarte, com VISTOS, oralmente expostos e discutidos
fundamento no art. 6º da EC nº 41/2003. os presentes autos, de n.º
Legalidade. Registro concomitante com o 201700006011013/204-01, que tratam da
ato de admissão. análise da legalidade, para fins de registro,
VISTOS, oralmente expostos e discutidos do ato concessivo de aposentadoria da Sra.
os presentes autos, de n.º Francisca Maria Rodrigues Leite, no cargo
201700006010414/204-01, que tratam da Agente Administrativo Educacional de
análise da legalidade, para fins de registro, Apoio, Referência "I", do Quadro de Pessoal
do ato concessivo de aposentadoria da Sra. da Secretaria de Educação, Cultura e
Sandra Bittencourt Duarte, no cargo de Esporte, perfazendo os proventos a quantia
Professor IV, Referência "B", do Quadro anual e integral de R$ 26.046,12 (vinte e
Permanente do Magistério Público Estadual, seis mil, quarenta e seis reais e doze
perfazendo os proventos a quantia anual e centavos), compostos de: Vencimento
integral de R$ 51.774,48 (cinquenta e um (200h) - R$ 15.321,24 (quinze mil, trezentos
mil, setecentos e setenta e quatro reais e e vinte e um reais e vinte e quatro centavos),
quarenta e oito centavos), compostos de: Gratificação Adicional referente a 6 (seis)
Vencimento (210h) - R$ 43.145,40 quinquênios (40%) - R$ 6.128,50 (seis mil,
(quarenta e três mil, cento e quarenta e cento e vinte e oito reais e cinquenta
cinco reais e quarenta centavos) e centavos) e Gratificação de Incentivo
Gratificação Adicional referente a 4 (quatro) Funcional (30%) - R$ 4.596,38 (quatro mil,
quinquênios (20%) - R$ 8.629,08 (oito mil, quinhentos e noventa e seis reais e trinta e
seiscentos e vinte e nove reais e oito oito centavos), e
centavos), e Considerando que o ato de admissão da
Considerando que o ato de admissão da interessada ainda não foi objeto de registro
interessada ainda não foi objeto de registro neste Tribunal; e considerando o relatório e
neste Tribunal; e considerando o relatório e voto como parte integrantes deste,
voto como parte integrantes deste, ACORDA,
ACORDA, O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de sua Primeira Câmara, ante as razões
sua Primeira Câmara, ante as razões expostas pelo Relator, em julgar legais os
expostas pelo Relator, em julgar legais os atos de admissão, no cargo de Porteiro
atos de admissão, no cargo de Professor III, Servente, e concessivo de aposentadoria,
e concessivo de aposentadoria, no cargo de no cargo de Agente Administrativo
Professor IV, Referência "B", ambos da Educacional de Apoio, Referência "I",
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. ambos da Secretaria de Estado da
Sandra Bittencourt Duarte, determinando os Educação, da Sra. Francisca Maria
respectivos registros, para que surtam os Rodrigues Leite, determinando os
efeitos de direito. respectivos registros, para que surtam os
Ao Serviço de Publicações e efeitos de direito.
Comunicações, para as providências a seu Ao Serviço de Publicações e
cargo. Comunicações, para as providências a seu
Presentes os Conselheiros: Saulo cargo.
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy Presentes os Conselheiros: Saulo
de Sousa Trindade (Relator) e Carla Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
Cintia Santillo. Representante do de Sousa Trindade (Relator) e Carla
Ministério Público de Contas: Carlos Cintia Santillo. Representante do
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão Ministério Público de Contas: Carlos
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
(Virtual). Processo julgado em: Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
22/10/2020. (Virtual). Processo julgado em:
22/10/2020.
Processo - 201700006011013/204-01
Processo - 201700006012992/204-01
Acórdão 2792/2020
201700006011013/204-01: Aposentadoria Acórdão 2793/2020
de Francisca Maria Rodrigues Leite, com 201700006012992/204-01: Aposentadoria,
fundamento no art. 3º da EC nº 47/2005. com proventos proporcionais ao tempo de
Legalidade. Registro concomitante com o contribuição, da Sra. Valdivina Quintina da

4
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Silva Mendonça. Art. 40, § 1º, inciso III, VISTOS, oralmente expostos e discutidos
alínea “b”, da Constituição Federal. os presentes autos, de n.º
Legalidade. Registro concomitante com o 201700006022017/204-01, que tratam da
ato de admissão. análise da legalidade, para fins de registro,
VISTOS, oralmente expostos e discutidos do ato concessivo de aposentadoria da Sra.
os presentes autos, de n.º Maria de Oliveira Silva, no cargo de Agente
201700006012992/204-01, que tratam da Administrativo Educacional de Apoio,
análise da legalidade, para fins de registro, Referência I, do Quadro de Pessoal da
do ato concessivo de aposentadoria da Sra. Secretaria de Educação, Cultura e Esporte,
Valdivina Quintina da Silva Mendonça, no perfazendo os proventos a quantia anual e
cargo de Agente Administrativo Educacional integral de R$ 26.046,11 (vinte e seis mil,
de Apoio, Referência “H”, do Quadro de quarenta e seis reais e onze centavos),
Pessoal da Secretaria de Educação, Cultura compostos de: Vencimento (200h) - R$
e Esporte, atual Secretaria de Estado da 15.321,24 (quinze mil, trezentos e vinte um
Educação, perfazendo os proventos a reais e vinte e quatro centavos), Gratificação
quantia anual de R$ 11.962,17 (onze mil, Adicional referente a 6 (seis) quinquênios
novecentos e sessenta e dois reais e (40%) - R$ 6.128,50 (seis mil, cento e vinte
dezessete centavos), proporcional a 7917 e oito reais e cinquenta centavos) e
(sete mil, novecentos e dezessete) dias de Gratificação de Incentivo Funcional (30%) -
contribuição, equivalente ao valor mensal de R$ 4.596,37 (quatro mil, quinhentos e
R$ 996,85 (novecentos e noventa e seis noventa e seis reais e trinta e sete
reais e oitenta e cinco centavos), e centavos), e
Considerando que o ato de admissão da Considerando que o ato de admissão da
interessada ainda não foi objeto de registro interessada ainda não foi objeto de registro
neste Tribunal; e considerando o relatório e neste Tribunal; e considerando o relatório e
voto como parte integrantes deste, voto como parte integrantes deste,
ACORDA, ACORDA,
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
sua Primeira Câmara, ante as razões sua Primeira Câmara, ante as razões
expostas pelo Relator, em julgar legais os expostas pelo Relator, em julgar legais os
atos de admissão, no cargo de Auxiliar de atos de admissão, no cargo de Porteiro
Serviços Gerais, e concessivo de Servente, e concessivo de aposentadoria,
aposentadoria, no cargo de Agente no cargo de Agente Administrativo
Administrativo Educacional de Apoio, Educacional de Apoio, Referência I, ambos
Referência “H”, ambos da Secretaria de da Secretaria de Estado da Educação, da
Estado da Educação, da Sra. Valdivina Sra. Maria de Oliveira Silva, determinando
Quintina da Silva Mendonça, determinando os respectivos registros, para que surtam os
os respectivos registros, para que surtam os efeitos de direito.
efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações e
Ao Serviço de Publicações e Comunicações, para as providências a seu
Comunicações, para as providências a seu cargo.
cargo. Presentes os Conselheiros: Saulo
Presentes os Conselheiros: Saulo Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy de Sousa Trindade (Relator) e Carla
de Sousa Trindade (Relator) e Carla Cintia Santillo. Representante do
Cintia Santillo. Representante do Ministério Público de Contas: Carlos
Ministério Público de Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo julgado em:
(Virtual). Processo julgado em: 22/10/2020.
22/10/2020.
Processo - 201700006022332/204-01
Processo - 201700006022017/204-01
Acórdão 2795/2020
Acórdão 2794/2020 201700006022332/204-01: Aposentadoria
201700006022017/204-01: Aposentadoria por invalidez, com proventos proporcionais,
de Maria de Oliveira Silva. Art. 3º da EC nº de Maria Helena dos Santos Lacerda. Art.
47/2005. Legalidade. Registro concomitante 40, § 1º, inciso I, da Constituição Federal,
com o ato de admissão. alterado pela EC n° 41/2003 e EC n°

5
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

70/2012. Análise conjunta: admissão - Processo - 201700006023064/204-01


submissão ao concurso público. Legalidade
e registro dos atos. Acórdão 2796/2020
VISTOS, oralmente expostos e discutidos 201700006023064/204-01: Aposentadoria
os presentes autos, de n.º de Iranda Veríssimo do Nascimento, com
201700006022332/204-01, que tratam da fundamento no art. 3º da EC nº 47/2005.
análise da legalidade, para fins de registro, Legalidade. Registro concomitante com o
do ato concessivo de aposentadoria, por ato de admissão.
invalidez, da Sra. Maria Helena dos Santos VISTOS, oralmente expostos e discutidos
Lacerda, no cargo de Agente Administrativo os presentes autos, de n.º
Educacional de Apoio, Referência “H”, do 201700006023064/204-01, que tratam da
Quadro de Pessoal da Secretaria de análise da legalidade, para fins de registro,
Educação, Cultura e Esporte, atual do ato concessivo de aposentadoria da Sra.
Secretaria de Estado da Educação, Iranda Veríssimo do Nascimento, no cargo
perfazendo os proventos a quantia anual de de Professor IV, Referência “C”, do Quadro
R$ 17.555,90 (dezessete mil e quinhentos e Permanente do Magistério Público Estadual,
cinquenta e cinco reais e noventa centavos), perfazendo os proventos a quantia anual e
proporcional a 8.532 (oito mil e quinhentos e integral de R$ 56.089,02 (cinquenta seis mil,
trinta e dois) dias de contribuição, oitenta e nove reais e dois centavos),
compostos de Vencimento: R$ 11.703,94 compostos de: Vencimento (210h) - R$
(onze mil e setecentos e três reais e noventa 43.145,40 (quarenta e três mil, cento e
e quatro centavos), Gratificação Adicional, quarenta e cinco reais e quarenta centavos)
referente a 04(quatro) quinquênios (20%): e Gratificação Adicional referente a 5 (cinco)
R$ 2.340,78 (dois mil e trezentos e quarenta quinquênios (30%) - R$ 12.943,62 (doze mil,
reais e setenta e oito centavos) e novecentos e quarenta e três reais e
Gratificação de Incentivo Funcional (30%): sessenta e dois centavos), e
R$ 3.511,82 (três mil e quinhentos e onze Considerando que o ato de admissão da
reais e oitenta e dois centavos), e interessada ainda não foi objeto de registro
Considerando que o ato de admissão da neste Tribunal; e considerando o relatório e
interessada ainda não foi objeto de registro voto como parte integrantes deste,
neste Tribunal; e considerando o relatório e ACORDA,
voto como parte integrantes deste, O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
ACORDA, DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO sua Primeira Câmara, ante as razões
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de expostas pelo Relator, em julgar legais os
sua Primeira Câmara, ante as razões atos de admissão, no cargo de Professor
expostas pelo Relator, em julgar legais os AD-1, e concessivo de aposentadoria, no
atos de admissão, no cargo de Auxiliar de cargo de Professor IV, Referência “C”,
Serviços Gerais, e concessivo de ambos da Secretaria de Estado da
aposentadoria por invalidez, no cargo de Educação, da Sra. Iranda Veríssimo do
Agente Administrativo Educacional de Nascimento, determinando os respectivos
Apoio, Referência “H”, ambos do Quadro de registros, para que surtam os efeitos de
Permanente da atual Secretaria de Estado direito.
da Educação, da Sra. Maria Helena dos Ao Serviço de Publicações e
Santos Lacerda, determinando os Comunicações, para as providências a seu
respectivos registros, para que surtam os cargo.
efeitos de direito. Presentes os Conselheiros: Saulo
Ao Serviço de Publicações e Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
Comunicações, para as providências a seu de Sousa Trindade (Relator) e Carla
cargo. Cintia Santillo. Representante do
Presentes os Conselheiros: Saulo Ministério Público de Contas: Carlos
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
de Sousa Trindade (Relator) e Carla Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
Cintia Santillo. Representante do (Virtual). Processo julgado em:
Ministério Público de Contas: Carlos 22/10/2020.
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 Processo - 201700006023077/204-01
(Virtual). Processo julgado em:
22/10/2020. Acórdão 2797/2020
201700006023077/204-01: Aposentadoria

6
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

de Wanderley Alves de Oliveira, com 201700006023397/204-01, que tratam da


fundamento no art. 3º da EC nº 47/2005. análise da legalidade, para fins de registro,
Legalidade. Registro do ato. do ato concessivo de aposentadoria da Sra.
VISTOS, oralmente expostos e discutidos Maura Chaves de Souza, no cargo de
os presentes autos, de n.º Professor IV, Referência “F”, do Quadro
201700006023077/204-01, que tratam da Permanente do Magistério Público Estadual,
análise da legalidade, para fins de registro, da Secretaria de Estado da Educação,
do ato concessivo de aposentadoria do Sr. Cultura e Esporte, atual Secretaria de
Wanderley Alves de Oliveira, no cargo Estado da Educação, perfazendo os
Agente Administrativo Educacional Técnico, proventos a quantia anual e integral de R$
Referência "G-I", do Quadro de Pessoal da 69.594,89 (sessenta e nove mil, quinhentos
Secretaria de Educação, Cultura e Esporte, e noventa e quatro reais e oitenta e nove
perfazendo os proventos a quantia anual e centavos), compostos de: Vencimento
integral de R$ 34.011,70 (trinta e quatro mil (210h): R$ 45.786,12 (quarenta e cinco mil,
e onze reais e setenta centavos), compostos setecentos e oitenta e seis reais e doze
de: Vencimento (200h) - R$ 20.006,88 (vinte centavos), Gratificação Adicional referente a
mil e seis reais e oitenta e oito centavos), 6 (seis) quinquênios (40%): R$ 18.314,44
Gratificação Adicional referente a 7 (sete) (dezoito mil, trezentos e quatorze reais e
quinquênios (45%) - R$ 9.003,10 (nove mil quarenta e quatro centavos) e Gratificação
e três reais e dez centavos) e Gratificação de Incentivo Funcional (10%): R$ 5.494,33
de Incentivo Funcional (25%) R$ 5.001,72 (cinco mil, quatrocentos e noventa e quatro
(cinco mil e um real e setenta e dois reais e trinta e três centavos), e
centavos), e Considerando que o ato de admissão da
Considerando o relatório e voto como parte interessada ainda não foi objeto de registro
integrantes deste, neste Tribunal; e considerando o relatório e
ACORDA, voto como parte integrantes deste,
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO ACORDA,
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
sua Primeira Câmara, ante as razões DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
expostas pelo Relator, em julgar legal o ato sua Primeira Câmara, ante as razões
concessivo de aposentadoria do Sr. expostas pelo Relator, em julgar legais os
Wanderley Alves de Oliveira, no cargo de atos de admissão, no cargo de Professor,
Agente Administrativo Educacional Técnico, Nível AD-I, e concessivo de aposentadoria,
Referência "G-I", da Secretaria de Estado da no cargo de Professor IV, Referência “F”,
Educação, determinando o respectivo ambos da atual Secretaria de Estado da
registro, para que surta os efeitos de direito. Educação, da Sra. Maura Chaves de Souza,
Ao Serviço de Publicações e determinando os respectivos registros, para
Comunicações, para as providências a seu que surtam os efeitos de direito.
cargo. Ao Serviço de Publicações e
Presentes os Conselheiros: Saulo Comunicações, para as providências a seu
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy cargo.
de Sousa Trindade (Relator) e Carla Presentes os Conselheiros: Saulo
Cintia Santillo. Representante do Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
Ministério Público de Contas: Carlos de Sousa Trindade (Relator) e Carla
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão Cintia Santillo. Representante do
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 Ministério Público de Contas: Carlos
(Virtual). Processo julgado em: Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
22/10/2020. Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
(Virtual). Processo julgado em:
Processo - 201700006023397/204-01 22/10/2020.

Acórdão 2798/2020 Processo - 201700006024251/204-01


201700006023397/204-01: Aposentadoria
de Maura Chaves de Souza. Art. 3º da Acórdão 2799/2020
Emenda Constitucional nº 47/2005. Análise 201700006024251/204-01: Aposentadoria
conjunta: admissão - submissão ao de Pedro Pereira da Silva, com fundamento
concurso público. Legalidade e registro dos no art. 6º da EC nº 41/2003. Legalidade.
atos. Registro concomitante com o ato de
VISTOS, oralmente expostos e discutidos admissão.
os presentes autos, de n.º VISTOS, oralmente expostos e discutidos

7
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

os presentes autos, de n.º Permanente do Magistério Público Estadual,


201700006024251/204-01, que tratam da da Secretaria da Educação, Cultura e
análise da legalidade, para fins de registro, Esporte, atualmente Secretaria de Estado
do ato concessivo de aposentadoria do Sr. da Educação, perfazendo os proventos a
Pedro Pereira da Silva, no cargo de quantia anual e integral de R$ 68.679,18
Professor III, Referência "D", do Quadro (sessenta e oito mil, seiscentos e setenta e
Permanente do Magistério Público Estadual, nove reais e dezoito centavos), assim
perfazendo os proventos a quantia anual e discriminada: Vencimento (210 h) - R$
integral de R$ 26.873,53 (vinte e seis mil, 45.786,12 (quarenta e cinco mil, setecentos
oitocentos e setenta e três reais e cinquenta e oitenta e seis reais e doze centavos) e
e três centavos), compostos de: Vencimento Gratificação Adicional referente a 7 (sete)
(105h) - R$ 19.906,32 (dezenove mil, quinquênios (50%) - R$ 22.893,06 (vinte e
novecentos e seis reais e trinta e dois dois mil, oitocentos e noventa e três reais e
centavos) e Gratificação Adicional referente seis centavos), e
a 6 (seis) quinquênios (35%) - R$ 6.967,21 Considerando o relatório e o voto como
(seis mil, novecentos e sessenta e sete reais partes integrantes deste,
e vinte e um centavos), e ACORDA,
Considerando que o ato de admissão do O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
interessado ainda não foi objeto de registro DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
neste Tribunal; e considerando o relatório e sua Primeira Câmara, ante as razões
voto como parte integrantes deste, expostas pelo Relator, em julgar legal o ato
ACORDA, concessivo de aposentadoria ao Sr. José
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO Maria Pereira dos Santos, no cargo de
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de Professor IV, Referência “E”, do Quadro
sua Primeira Câmara, ante as razões Permanente do Magistério Público Estadual,
expostas pelo Relator, em julgar legais os da Secretaria da Educação, Cultura e
atos de admissão, no cargo de Professor, Esporte, atualmente Secretaria de Estado
AD-5, e concessivo de aposentadoria, no da Educação, determinando o respectivo
cargo de Professor III, Referência “D”, registro, para que surta os efeitos de direito.
ambos da Secretaria de Estado da Ao Serviço de Publicações e
Educação, do Sr. Pedro Pereira da Silva, Comunicações, para as providências a seu
determinando os respectivos registros, para cargo.
que surtam os efeitos de direito. Presentes os Conselheiros: Saulo
Ao Serviço de Publicações e Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
Comunicações, para as providências a seu de Sousa Trindade (Relator) e Carla
cargo. Cintia Santillo. Representante do
Presentes os Conselheiros: Saulo Ministério Público de Contas: Carlos
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
de Sousa Trindade (Relator) e Carla Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
Cintia Santillo. Representante do (Virtual). Processo julgado em:
Ministério Público de Contas: Carlos 22/10/2020.
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 Processo - 201700006027125/204-01
(Virtual). Processo julgado em:
22/10/2020. Acórdão 2801/2020
201700006027125/204-01: Aposentadoria
Processo - 201700006024824/204-01 de Ivany Aparecida Alves Coutinho. Art. 6º
da EC nº 41/2003. Legalidade. Registro
Acórdão 2800/2020 concomitante com o ato de admissão.
201700006024824/204-01: Aposentadoria VISTOS, oralmente expostos e discutidos
de José Maria Pereira dos Santos, com os presentes autos, de n.º
fundamento no art. 3º da EC nº 47/2005. 201700006027125/204-01, que tratam da
Legalidade. Registro do ato. análise da legalidade, para fins de registro,
VISTOS, oralmente expostos e discutidos do ato concessivo de aposentadoria da Sra.
os presentes autos, de n.º Ivany Aparecida Alves Coutinho, no cargo
201700006024824/204-01, que tratam da de Professor IV, Referência “C”, do Quadro
análise da legalidade, para fins de registro, Permanente do Magistério Público Estadual,
do ato concessivo de aposentadoria ao Sr. perfazendo os proventos a quantia anual e
José Maria Pereira dos Santos, no cargo de integral de R$ 53.931,75 (cinquenta e três
Professor IV, Referência “E”, do Quadro mil, novecentos e trinta e um reais e setenta

8
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

e cinco centavos), compostos de: a 5 (cinco) quinquênios (30%) - R$


Vencimento (210h) - R$ 43.145,40 13.466,56 (treze mil, quatrocentos e
(quarenta e três mil, cento e quarenta e sessenta e seis reais e cinquenta e seis
cinco reais e quarenta centavos) e centavos), e
Gratificação Adicional referente a 5 (cinco) Considerando que o ato de admissão da
quinquênios (25%) - R$ 10.786,35 (dez mil, interessada ainda não foi objeto de registro
setecentos e oitenta e seis reais e trinta e neste Tribunal; e considerando o relatório e
cinco centavos), e voto como parte integrantes deste,
Considerando que o ato de admissão da ACORDA,
interessada ainda não foi objeto de registro O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
neste Tribunal; e considerando o relatório e DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
voto como parte integrantes deste, sua Primeira Câmara, ante as razões
ACORDA, expostas pelo Relator, em julgar legais os
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO atos de admissão, no cargo de Professor I,
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de e concessivo de aposentadoria, no cargo de
sua Primeira Câmara, ante as razões Professor IV, Referência “D”, ambos da
expostas pelo Relator, em julgar legais os Secretaria de Estado da Educação, da Sra.
atos de admissão, no cargo de Professor I, Ângela Maria Rosa, determinando os
e concessivo de aposentadoria, no cargo de respectivos registros, para que surtam os
Professor IV, Referência “C”, ambos da efeitos de direito.
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. Ao Serviço de Publicações e
Ivany Aparecida Alves Coutinho, Comunicações, para as providências a seu
determinando os respectivos registros, para cargo.
que surtam os efeitos de direito. Presentes os Conselheiros: Saulo
Ao Serviço de Publicações e Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
Comunicações, para as providências a seu de Sousa Trindade (Relator) e Carla
cargo. Cintia Santillo. Representante do
Presentes os Conselheiros: Saulo Ministério Público de Contas: Carlos
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
de Sousa Trindade (Relator) e Carla Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
Cintia Santillo. Representante do (Virtual). Processo julgado em:
Ministério Público de Contas: Carlos 22/10/2020.
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 Processo - 201700006032274/204-01
(Virtual). Processo julgado em:
22/10/2020. Acórdão 2803/2020
201700006032274/204-01: Aposentadoria
Processo - 201700006027852/204-01 de Judith Macedo Vieira Melo. Art. 3º da
Emenda Constitucional nº 47/2005. Análise
Acórdão 2802/2020 conjunta: admissão - submissão ao
201700006027852/204-01: Aposentadoria concurso público. Legalidade e registro dos
de Ângela Maria Rosa, fundamentado no atos.
art. 6º da EC nº 41/2003. Legalidade. VISTOS, oralmente expostos e discutidos
Registro concomitante com o ato de os presentes autos, de n.º
admissão. 201700006032274/204-01, que tratam da
VISTOS, oralmente expostos e discutidos análise da legalidade, para fins de registro,
os presentes autos, de n.º do ato concessivo de aposentadoria da Sra.
201700006027852/204-01, que tratam da Judith Macedo Vieira Melo, no cargo de
análise da legalidade, para fins de registro, Professor IV, Referência “D”, do Quadro
do ato concessivo de aposentadoria da Sra. Permanente do Magistério Público Estadual,
Ângela Maria Rosa, no cargo de Professor perfazendo os proventos a quantia anual e
IV, Referência D, do Quadro Permanente do integral de R$ 58.355,08 (cinquenta e oito
Magistério Público Estadual, perfazendo os mil, trezentos e cinquenta e cinco reais e oito
proventos a quantia anual e integral de R$ centavos), compostos de: Vencimento
58.355,08 (cinquenta e oito mil, trezentos e (210h): R$ 44.888,52 (quarenta e quatro mil,
cinquenta e cinco reais e oito centavos), oitocentos e oitenta e oito reais e cinquenta
compostos de: Vencimento (210h) - R$ e dois centavos) e Gratificação Adicional
44.888,52 (quarenta e quatro mil, oitocentos referente a 5 (cinco) quinquênios (30%): R$
e oitenta e oito reais e cinquenta e dois 13.466,56 (treze mil, quatrocentos e
centavos) e Gratificação Adicional referente sessenta e seis reais e cinquenta e seis

9
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

centavos),e ACORDA,
Considerando que o ato de admissão da O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
interessada ainda não foi objeto de registro DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
neste Tribunal; e considerando o relatório e sua Primeira Câmara, ante as razões
voto como parte integrantes deste, expostas pelo Relator, em julgar legais os
ACORDA, atos de admissão, no cargo de Professor
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO Assistente, Nível A, e concessivo de
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de aposentadoria, no cargo de Professor IV,
sua Primeira Câmara, ante as razões Referência “E”, ambos da Secretaria de
expostas pelo Relator, em julgar legais os Estado da Educação, da Sra. Sandra
atos de admissão, no cargo de Professor III, Romes França, determinando os
e concessivo de aposentadoria, no cargo de respectivos registros, para que surtam os
Professor IV, Referência “D”, ambos da efeitos de direito.
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. Ao Serviço de Publicações e
Judith Macedo Vieira Melo, determinando os Comunicações, para as providências a seu
respectivos registros, para que surtam os cargo.
efeitos de direito. Presentes os Conselheiros: Saulo
Ao Serviço de Publicações e Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
Comunicações, para as providências a seu de Sousa Trindade (Relator) e Carla
cargo. Cintia Santillo. Representante do
Presentes os Conselheiros: Saulo Ministério Público de Contas: Carlos
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
de Sousa Trindade (Relator) e Carla Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
Cintia Santillo. Representante do (Virtual). Processo julgado em:
Ministério Público de Contas: Carlos 22/10/2020.
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 Processo - 201700006036274/204-01
(Virtual). Processo julgado em:
22/10/2020. Acórdão 2805/2020
201700006036274/204-01: Aposentadoria
Processo - 201700006035420/204-01 de Maria Auxiliadora Correa. Art. 3º da EC
nº 47/2005. Legalidade. Registro
Acórdão 2804/2020 concomitante com o ato de admissão.
201700006035420/204-01: Aposentadoria VISTOS, oralmente expostos e discutidos
de Sandra Romes França. Art. 3º da EC nº os presentes autos, de n.º
47/2005. Legalidade. Registro concomitante 201700006036274/204-01, que tratam da
com o ato de admissão. análise da legalidade, para fins de registro,
VISTOS, oralmente expostos e discutidos do ato concessivo de aposentadoria da Sra.
os presentes autos, de n.º Maria Auxiliadora Correa, no cargo de
201700006035420/204-01, que tratam da Professor IV, Referência C, do Quadro
análise da legalidade, para fins de registro, Permanente do Magistério Público Estadual,
do ato concessivo de aposentadoria da Sra. perfazendo os proventos a quantia anual e
Sandra Romes França, no cargo de integral de R$ 61.611,48 (sessenta e um mil,
Professor IV, Referência “E”, do Quadro seiscentos e onze reais e quarenta e oito
Permanente do Magistério Público Estadual, centavos), compostos de: Vencimento
perfazendo os proventos a quantia anual e (210h) - R$ 44.008,20 (quarenta e quatro
integral de R$ 62.843,93 (sessenta e dois mil, oito reais e vinte centavos) e
mil, oitocentos e quarenta e três reais e Gratificação Adicional referente a 6 (seis)
noventa e três centavos), compostos de: quinquênios (40%) - R$ 17.603,28
Vencimento (210h) - R$ 44.888,52 (dezessete mil, seiscentos e três reais e
(quarenta e quatro mil, oitocentos e oitenta vinte e oito centavos), e
e oito reais e cinquenta e dois centavos) e Considerando que o ato de admissão da
Gratificação Adicional referente a 6 (seis) interessada ainda não foi objeto de registro
quinquênios (40%) - R$ 17.955,41 neste Tribunal; e considerando o relatório e
(dezessete mil, novecentos e cinquenta e voto como parte integrantes deste,
cinco reais e quarenta e um centavos), e ACORDA,
Considerando que o ato de admissão da O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
interessada ainda não foi objeto de registro DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
neste Tribunal; e considerando o relatório e sua Primeira Câmara, ante as razões
voto como parte integrantes deste, expostas pelo Relator, em julgar legais os

10
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

atos de admissão, no cargo de Professor respectivo registro, para que surta os efeitos
Assistente, Nível A, e concessivo de de direito.
aposentadoria, no cargo de Professor IV, Ao Serviço de Publicações e
Referência C, ambos da Secretaria de Comunicações, para as providências a seu
Estado da Educação, da Sra. Maria cargo.
Auxiliadora Correa, determinando os Presentes os Conselheiros: Saulo
respectivos registros, para que surtam os Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
efeitos de direito. de Sousa Trindade (Relator) e Carla
Ao Serviço de Publicações e Cintia Santillo. Representante do
Comunicações, para as providências a seu Ministério Público de Contas: Carlos
cargo. Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Presentes os Conselheiros: Saulo Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy (Virtual). Processo julgado em:
de Sousa Trindade (Relator) e Carla 22/10/2020.
Cintia Santillo. Representante do
Ministério Público de Contas: Carlos Processo - 201800006007226/204-01
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 Acórdão 2807/2020
(Virtual). Processo julgado em: 201800006007226/204-01: Aposentadoria
22/10/2020. de Carli Camilo Ginú da Silva, com
fundamento no art. 6º da EC nº 41/2003.
Processo - 201800006003399/204-01 Legalidade. Registro concomitante com o
ato de admissão.
Acórdão 2806/2020 VISTOS, oralmente expostos e discutidos
201800006003399/204-01: Aposentadoria os presentes autos, de n.º
de José Eduardo do Couto Neto. Art. 6º da 201800006007226/204-01, que tratam da
Emenda Constitucional nº 41/2003. análise da legalidade, para fins de registro,
Legalidade e registro do ato. do ato concessivo de aposentadoria da Sra.
VISTOS, oralmente expostos e discutidos Carli Camilo Ginú da Silva, no cargo de
os presentes autos, de n.º Professor IV, Referência “B”, do Quadro
201800006003399/204-01, que tratam da Permanente do Magistério Público Estadual,
análise da legalidade, para fins de registro, perfazendo os proventos a quantia anual e
do ato concessivo de aposentadoria do Sr. integral de R$ 53.931,75 (cinquenta e três
José Eduardo do Couto Neto, no cargo de mil, novecentos e trinta e um reais e setenta
Professor IV, Referência, “A”, do Quadro e cinco centavos), compostos de:
Permanente do Magistério Público Estadual, Vencimento (210h) - R$ 43.145,40
da Secretaria de Estado da Educação, (quarenta e três mil, cento e quarenta e
Cultura e Esporte, atual Secretaria de cinco reais e quarenta centavos) e
Estado da Educação, perfazendo os Gratificação Adicional referente a 5 (cinco)
proventos a quantia anual e integral de R$ quinquênios (25%) - R$ 10.786,35 (dez mil,
54.989,38 (cinquenta e quatro mil, setecentos e oitenta e seis reais e trinta e
novecentos e oitenta e nove reais e trinta e cinco centavos), e
oito centavos), compostos de: Vencimento Considerando que o ato de admissão da
(210h): R$ 42.299,52 (quarenta e dois mil, interessada ainda não foi objeto de registro
duzentos e noventa e nove reais e cinquenta neste Tribunal; e considerando o relatório e
e dois centavos) e Gratificação Adicional voto como parte integrantes deste,
referente a 6 (seis) quinquênios (30%): R$ ACORDA,
12.689,86 (doze mil, seiscentos e oitenta e O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
nove reais e oitenta e seis centavos), e DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
Considerando o relatório e voto como parte sua Primeira Câmara, ante as razões
integrantes deste, expostas pelo Relator, em julgar legais os
ACORDA, atos de admissão, no cargo de Professor I,
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO e concessivo de aposentadoria, no cargo de
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de Professor IV, Referência “B”, ambos da
sua Primeira Câmara, ante as razões Secretaria de Estado da Educação, da Sra.
expostas pelo Relator, em julgar legal o ato Carli Camilo Ginú da Silva, determinando os
concessivo de aposentadoria do Sr. José respectivos registros, para que surtam os
Eduardo do Couto Neto, no cargo de efeitos de direito.
Professor IV, Referência, “A”, da Secretaria Ao Serviço de Publicações e
de Estado da Educação, determinando o Comunicações, para as providências a seu

11
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

cargo. Marques Mesquita (Presidente), Kennedy


Presentes os Conselheiros: Saulo de Sousa Trindade (Relator) e Carla
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy Cintia Santillo. Representante do
de Sousa Trindade (Relator) e Carla Ministério Público de Contas: Carlos
Cintia Santillo. Representante do Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Ministério Público de Contas: Carlos Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão (Virtual). Processo julgado em:
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 22/10/2020.
(Virtual). Processo julgado em:
22/10/2020. Processo - 201800010000342/204-01

Processo - 201800006017683/204-01 Acórdão 2809/2020


201800010000342/204-01: Aposentadoria
Acórdão 2808/2020 de Maria Lúcia Mendonça Marques. Art. 3º
201800006017683/204-01: Aposentadoria da Emenda Constitucional nº 47/2005.
de Necêdes Maria Goncalves Vilela. Art. 3° Legalidade e registro do ato.
da EC 47/05. Análise conjunta: admissão - VISTOS, oralmente expostos e discutidos
submissão ao concurso público. Legalidade os presentes autos, de n.º
e registro dos atos. 201800010000342/204-01, que tratam da
VISTOS, oralmente expostos e discutidos análise da legalidade, para fins de registro,
os presentes autos, de n.º do ato concessivo de aposentadoria da Sra.
201800006017683/204-01, que tratam da Maria Lúcia Mendonça Marques, no cargo
análise da legalidade, para fins de registro, de Auxiliar de Laboratório, Referência “O”,
do ato concessivo de aposentadoria à Sra. do Grupo Ocupacional Auxiliar de Saúde, do
Necêdes Maria Goncalves Vilela, no cargo Quadro Transitório dos Servidores da
de Professor IV, Referência "D", do Quadro Secretaria de Estado da Saúde, perfazendo
de Pessoal da Secretaria de Estado da os proventos a quantia anual e integral de
Educação, perfazendo os proventos a R$ 34.385,57 (trinta e quatro mil, trezentos
quantia, anual e integral, de R$ 58.355,08 e oitenta e cinco reais e cinquenta e sete
(cinquenta e oito mil e trezentos e cinquenta centavos), compostos de: Vencimento (150
e cinco reais e oito centavos), assim h): R$ 24.561,12 (vinte e quatro mil,
discriminada: Vencimento (210h) - R$ quinhentos e sessenta e um reais e doze
44.888,52 (quarenta e quatro mil e centavos) e Gratificação Adicional referente
oitocentos e oitenta e oito reais e cinquenta a 6 (seis) quinquênios (40%): R$ 9.824,45
e dois centavos) e Gratificação Adicional, (nove mil, oitocentos e vinte e quatro reais e
referente a 05 (cinco) quinquênios (30%) - quarenta e cinco centavos), e
R$ 13.466,56 (treze mil e quatrocentos e Considerando o relatório e voto como parte
sessenta e seis reais e cinquenta e seis integrantes deste,
centavos), e ACORDA,
Considerando que o ato de admissão da O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
interessada ainda não foi objeto de registro DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
neste Tribunal; e considerando o relatório e sua Primeira Câmara, ante as razões
voto como parte integrantes deste, expostas pelo Relator, em julgar legal o ato
ACORDA, concessivo de aposentadoria da Sra. Maria
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO Lúcia Mendonça Marques, no cargo de
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de Auxiliar de Laboratório, Referência “O”, do
sua Primeira Câmara, ante as razões Grupo Ocupacional Auxiliar de Saúde, da
expostas pelo Relator, em julgar legais os Secretaria de Estado da Saúde,
atos de admissão, no cargo de Professor I, determinando o respectivo registro, para
e concessivo de aposentadoria, no cargo de que surta os efeitos de direito.
Professor IV, Referência "D", ambos do Ao Serviço de Publicações e
Quadro Permanente da Secretaria de Comunicações, para as providências a seu
Estado da Educação, da Sra. Necêdes cargo.
Maria Goncalves Vilela, determinando os Presentes os Conselheiros: Saulo
respectivos registros, para que surtam os Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
efeitos de direito. de Sousa Trindade (Relator) e Carla
Ao Serviço de Publicações e Cintia Santillo. Representante do
Comunicações, para as providências a seu Ministério Público de Contas: Carlos
cargo. Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Presentes os Conselheiros: Saulo Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020

12
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

(Virtual). Processo julgado em:


22/10/2020. Acórdão 2811/2020
201600046002142/205-01: Concessão de
Processo - 201800010025908/204-01 pensão vitalícia em favor de Regina Alves
Batista da Silva e temporária a Amanda
Acórdão 2810/2020 Batista Dias Silva. Artigo 65, I e III da LC
201800010025908/204-01: Aposentadoria 77/2010. Servidor inativo - aposentadorias
de Marlia Arantes Martins, com fundamento apreciadas. Legalidade e registro do ato.
no art. 3º da EC nº 47/2005. Legalidade. VISTOS, oralmente expostos e discutidos
Registro do ato. os presentes autos, de n.º
VISTOS, oralmente expostos e discutidos 201600046002142/205-01, que tratam da
os presentes autos, de n.º análise da legalidade, para fins de registro,
201800010025908/204-01, que tratam da do ato concessivo de pensão em favor da
análise da legalidade, para fins de registro, Sra. Regina Alves Batista da Silva, deferida
do ato concessivo de aposentadoria da Sra. a partir da data do óbito, e de Amanda
Marlia Arantes Martins, no cargo de Batista Dias Silva, concedida a partir de
Enfermeiro, Nível III, Referência “O”, do 06/12/2016, data da habilitação, sendo as
Grupo Ocupacional Analista de Saúde, do mesmas, respectivamente, viúva e filha
Quadro Permanente dos Servidores da menor do Sr. Paulo Vieira da Silva, falecido
Secretaria de Estado da Saúde, perfazendo em 04/11/2016, então servidor aposentado
os proventos a quantia anual e integral de nos cargos de Professor IV, Referência "E",
R$ 81.363,10 (oitenta e um mil, trezentos e e de Instrutor de Técnicas Esportivas S-5,
sessenta três reais e dez centavos), legalmente acumuláveis, ambos do Quadro
compostos de: Vencimento -R$ 57.455,28 de Pessoal da Secretaria de Estado da
(cinquenta e sete mil, quatrocentos e Educação, perfazendo valor mensal as
cinquenta e cinco reais e vinte e oito quantias de R$ 2.505,39 (dois mil e
centavos), Gratificação Adicional referente a quinhentos e cinco reais e trinta e nove
6 (seis) quinquênios (35%) - R$ 20.109,35 centavos), referente ao primeiro cargo, e R$
(vinte mil, cento e nove reais e trinta e cinco 2.402,42 (dois mil e quatrocentos e dois
centavos) e Adicional de Titulação e reais e quarenta e dois centavos), alusivo ao
Aperfeiçoamento (10%) - R$ 3.798,47 (três segundo, para cada dependente, sendo que
mil, setecentos e noventa e oito reais e o direito à percepção do benefício por parte
quarenta e sete centavos), e da filha menor extinguiu-se em 28/04/2018,
Considerando o relatório e voto como parte e
integrantes deste, Considerando o relatório e voto como parte
ACORDA, integrantes deste,
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO ACORDA,
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
sua Primeira Câmara, ante as razões DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
expostas pelo Relator, em julgar legal o ato sua Primeira Câmara, ante as razões
concessivo de aposentadoria da Sra. Marlia expostas pelo Relator, em julgar legal o ato
Arantes Martins, no cargo de Enfermeiro, concessivo de pensão em favor da Sra.
Nível III, Referência “O”, da Secretaria de Regina Alves Batista da Silva e de Amanda
Estado da Saúde, determinando o Batista Dias Silva, na condição,
respectivo registro, para que surta os efeitos respectivamente, de cônjuge e de filha
de direito. menor do Sr. Paulo Vieira da Silva, servidor
Ao Serviço de Publicações e inativo da Secretaria de Estado da
Comunicações, para as providências a seu Educação, determinando o respectivo
cargo. registro, para que surta os efeitos de direito.
Presentes os Conselheiros: Saulo Ao Serviço de Publicações e
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy Comunicações, para as providências a seu
de Sousa Trindade (Relator) e Carla cargo.
Cintia Santillo. Representante do Presentes os Conselheiros: Saulo
Ministério Público de Contas: Carlos Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão de Sousa Trindade (Relator) e Carla
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 Cintia Santillo. Representante do
(Virtual). Processo julgado em: Ministério Público de Contas: Carlos
22/10/2020. Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
Processo - 201600046002142/205-01 (Virtual). Processo julgado em:

13
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

22/10/2020. Ferreira.
VISTOS, oralmente expostos e discutidos
Processo - 201800006037739/205-01 os presentes autos, de n.º
201811129002912/205-01, que tratam da
Acórdão 2812/2020 análise da legalidade, para fins de registro,
201800006037739/205-01: Concessão de do ato concessivo de pensão ao Sr.
pensão em favor de Eunice Gomes Hamilton de Sousa Ferreira, na condição de
Damásio. companheiro de Laurenir Teodozia Pereira,
VISTOS, oralmente expostos e discutidos falecida em 09/03/208, aposentada no cargo
os presentes autos, de n.º de Professor III, Referência “C”, da
201800006037739/205-01, que tratam da Secretaria da Educação, perfazendo o
análise da legalidade, para fins de registro, benefício a quantia mensal de R$ 4.224,21
do ato concessivo de pensão em favor da (quatro mil, duzentos e vinte e quatro reais e
Sra. Eunice Gomes Damásio, na condição vinte e um centavos), e
de viúva de José Trindade Damásio, Considerando o relatório e voto como parte
falecido em 16/07/2018, então servidor integrantes deste,
inativo, aposentado com proventos ACORDA,
proporcionais, no cargo de Assessor O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
Administrativo I e posteriormente DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
reposicionado no cargo de Assistente de sua Primeira Câmara, ante as razões
Gestão Administrativa, Classe A, Referência expostas pelo Relator, em julgar legal o ato
"I", da atual Secretaria de Estado da concessivo de pensão em favor de Hamilton
Administração, perfazendo o benefício a de Sousa Ferreira, na condição de
quantia mensal de R$ 1.744,29 (Um mil, companheiro de Laurenir Teodozia Pereira,
setecentos e quarenta e quatro reais e vinte determinando o respectivo registro, para
e nove centavos), a ser reajustada conforme que surta os efeitos de direito.
o índice oficial do RGPS, nos termos da Lei Ao Serviço de Publicações e
nº 16.359/2008, sendo de caráter vitalício, Comunicações, para as providências a seu
podendo extinguir pela existência de novo cargo.
casamento ou união estável, e Presentes os Conselheiros: Saulo
Considerando o relatório e voto como parte Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
integrantes deste, de Sousa Trindade (Relator) e Carla
ACORDA, Cintia Santillo. Representante do
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO Ministério Público de Contas: Carlos
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
sua Primeira Câmara, ante as razões Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
expostas pelo Relator, em julgar legal o ato (Virtual). Processo julgado em:
concessivo de pensão em favor da Sra. 22/10/2020.
Eunice Gomes Damásio, na condição de
viúva de José Trindade Damásio, Processo - 201811129006432/205-01
determinando o respectivo registro, para
que surta os efeitos de direito. Acórdão 2814/2020
Ao Serviço de Publicações e 201811129006432/205-01: Concessão de
Comunicações, para as providências a seu pensão em favor de Sinvaldo Messias de
cargo. Oliveira.
Presentes os Conselheiros: Saulo VISTOS, oralmente expostos e discutidos
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy os presentes autos, de n.º
de Sousa Trindade (Relator) e Carla 201811129006432/205-01, que tratam da
Cintia Santillo. Representante do análise da legalidade, para fins de registro,
Ministério Público de Contas: Carlos do ato concessivo de pensão em favor do
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão Sr. Sinvaldo Messias de Oliveira, na
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 condição de viúvo da Sra. Dinamar Leite
(Virtual). Processo julgado em: Martins, falecida em 15/06/2018, então
22/10/2020. ocupante do cargo de Agente Administrativo
Educacional de Apoio, Referência 'H-I', do
Processo - 201811129002912/205-01 Quadro de Pessoal da Secretaria de
Educação, Cultura e Esporte, atual
Acórdão 2813/2020 Secretaria de Estado da Educação,
201811129002912/205-01: Concessão de perfazendo o benefício a quantia mensal de
pensão em favor de Hamilton de Sousa R$ 2.065,37 (dois mil e sessenta e cinco

14
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

reais, e trinta e sete centavos), e concessivo de pensão em favor da Sra.


Considerando que o ato de admissão da ex- Denise Costa Castro Ribeiro, na condição
servidora Dinamar Leite Martins ainda não de viúva de Gil Marconi de Castro Ribeiro,
se encontra registrado nesta Corte de determinando o respectivo registro, para
Contas, e considerando o relatório e o voto que surta os efeitos de direito.
como partes integrantes deste, Ao Serviço de Publicações e
ACORDA, Comunicações, para as providências a seu
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO cargo.
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de Presentes os Conselheiros: Saulo
sua Primeira Câmara, ante as razões Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
expostas pelo Relator, em julgar legais os de Sousa Trindade (Relator) e Carla
atos de nomeação, a partir de 1º/02/1986, Cintia Santillo. Representante do
de Dinamar Leite Martins, no cargo de Ministério Público de Contas: Carlos
Porteiro-Servente, da Secretaria da Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Educação; e de pensão a favor de Sinvaldo Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
Messias de Oliveira, dependente na (Virtual). Processo julgado em:
condição de cônjuge da ex-servidora, 22/10/2020.
determinando os respectivos registros, para
que surtam os efeitos de direito. Processo - 201811129009894/205-01
Ao Serviço de Publicações e
Comunicações, para as providências a seu Acórdão 2816/2020
cargo. 201811129009894/205-01: Concessão de
Presentes os Conselheiros: Saulo pensão em favor de Eliana Moura de Lima.
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy VISTOS, oralmente expostos e discutidos
de Sousa Trindade (Relator) e Carla os presentes autos, de n.º
Cintia Santillo. Representante do 201811129009894/205-01, que tratam da
Ministério Público de Contas: Carlos análise da legalidade, para fins de registro,
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão do ato concessivo de pensão em favor da
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 Sra. Eliana Moura de Lima, na condição de
(Virtual). Processo julgado em: viúva de José Elias da Silva, falecido em
22/10/2020. 01/10/2018, então servidor inativo,
aposentado no cargo de Auxiliar de
Processo - 201811129008078/205-01 Enfermagem, do quadro permanente da
Secretaria de Estado da Saúde, perfazendo
Acórdão 2815/2020 o benefício a quantia mensal de R$ 2.435,00
201811129008078/205-01: Concessão de (dois mil, quatrocentos e trinta e cinco reais),
pensão em favor de Denise Costa Castro a ser reajustada pela paridade
Ribeiro, com fundamento no art. 40, § 7º da remuneratória, conforme os critérios
Constituição Federal de 1988. Legalidade. estabelecidos no art. 6º-A, parágrafo único,
VISTOS, oralmente expostos e discutidos da Emenda Constitucional nº 41/2003,
os presentes autos, de n.º incluído pela Emenda Constitucional nº
201811129008078/205-01, que tratam da 70/2012, sendo de caráter vitalício, podendo
análise da legalidade, para fins de registro, extinguir pela existência de novo casamento
do ato concessivo de pensão em favor da ou união estável, e
Sra. Denise Costa Castro Ribeiro, na Considerando o relatório e voto como parte
condição de viúva de Gil Marconi de Castro integrantes deste,
Ribeiro, falecido em 21/07/2018, então ACORDA,
servidor inativo da Secretaria da Fazenda, O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
aposentado no cargo de Auxiliar Fazendário DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
“A”, Referência “D”, perfazendo o benefício sua Primeira Câmara, ante as razões
a quantia mensal de R$ 6.826,43 (seis mil e expostas pelo Relator, em julgar legal o ato
oitocentos e vinte e seis reais e quarenta e concessivo de pensão em favor da Sra.
três centavos), e Eliana Moura de Lima, na condição de viúva
Considerando o relatório e voto como parte de José Elias da Silva, determinando o
integrantes deste, respectivo registro, para que surta os efeitos
ACORDA, de direito.
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO Ao Serviço de Publicações e
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de Comunicações, para as providências a seu
sua Primeira Câmara, ante as razões cargo.
expostas pelo Relator, em julgar legal o ato Presentes os Conselheiros: Saulo

15
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Marques Mesquita (Presidente), Kennedy n.º 77/2010 e do art. 40, § 7º, da


de Sousa Trindade (Relator) e Carla Constituição Federal de 1988. Legalidade e
Cintia Santillo. Representante do registro do ato.
Ministério Público de Contas: Carlos VISTOS, oralmente expostos e discutidos
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão os presentes autos, de n.º
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 201811129010687/205-01, que tratam da
(Virtual). Processo julgado em: análise da legalidade, para fins de registro,
22/10/2020. do ato concessivo de pensão em favor da
Sra. Maria Cardoso Aires, na condição de
Processo - 201811129009948/205-01 viúva do Sr. Luiz Aires Sobrinho, falecido em
07/11/2018, aposentado, com proventos
Acórdão 2817/2020 proporcionais, no cargo de Auditor Fiscal
201811129009948/205-01: Concessão de dos Tributos Estaduais, Referência “E”
pensão em favor de Raquel Soares Costa. (posteriormente reposicionado no cargo de
Legalidade. Auditor Fiscal da Receita Estadual, Classe
VISTOS, oralmente expostos e discutidos Especial, Padrão I), Quadro de Pessoal da
os presentes autos, de n.º Secretaria de Estado da Fazenda,
201811129009948/205-01, que tratam da perfazendo o benefício a quantia mensal de
análise da legalidade, para fins de registro, R$ 20.284,36 (vinte mil, duzentos e oitenta
do ato concessivo de pensão em favor da e quatro reais e trinta e seis centavos), e
Sra. Raquel Soares Costa, na condição de Considerando o relatório e voto como parte
viúva de Aderson da Silva Costa, falecido integrantes deste,
em 09/10/2018, então servidor inativo da ACORDA,
Secretaria da Fazenda, aposentado no O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
cargo Auxiliar Fazendário A, Referência "E", DE GOIÁS, pelos membros integrantes de
do Quadro de Pessoal da Secretaria da sua Primeira Câmara, ante as razões
Fazenda, perfazendo o benefício a quantia expostas pelo Relator, em julgar legal o ato
mensal de R$ 7.337,15 (sete mil, trezentos concessivo de pensão em favor da Sra.
e trinta e sete reais e quinze centavos), e Maria Cardoso Aires, na condição de viúva
Considerando o relatório e voto como parte do Sr. Luiz Aires Sobrinho, determinando o
integrantes deste, respectivo registro, para que surta os efeitos
ACORDA, de direito.
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO Ao Serviço de Publicações e
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de Comunicações, para as providências a seu
sua Primeira Câmara, ante as razões cargo.
expostas pelo Relator, em julgar legal o ato Presentes os Conselheiros: Saulo
concessivo de pensão em favor da Sra. Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
Raquel Soares Costa, na condição de viúva de Sousa Trindade (Relator) e Carla
de Aderson da Silva Costa, determinando o Cintia Santillo. Representante do
respectivo registro, para que surta os efeitos Ministério Público de Contas: Carlos
de direito. Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
Ao Serviço de Publicações e Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020
Comunicações, para as providências a seu (Virtual). Processo julgado em:
cargo. 22/10/2020.
Presentes os Conselheiros: Saulo
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy Processo - 201911129004235/205-01
de Sousa Trindade (Relator) e Carla
Cintia Santillo. Representante do Acórdão 2819/2020
Ministério Público de Contas: Carlos 201911129004235/205-01: Concessão de
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão pensão em favor de Henriete Soares
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 Ferreira.
(Virtual). Processo julgado em: VISTOS, oralmente expostos e discutidos
22/10/2020. os presentes autos, de n.º
201911129004235/205-01, que tratam da
Processo - 201811129010687/205-01 análise da legalidade, para fins de registro,
do ato concessivo de pensão em favor de
Acórdão 2818/2020 Henriete Soares Ferreira, genitora do
201811129010687/205-01: Concessão de segurado Elso Soares Ferreira, aposentado
pensão em favor de Maria Cardoso Aires. no cargo de Médico, Nível IV, Referência
Arts. 65 e 67 da Lei Complementar Estadual “O”, do Quadro de Pessoal da Secretaria de

16
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Estado da Saúde, falecido em 09/05/2019, integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL


perfazendo o benefício a quantia mensal de DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
R$ 8.354,17 (oito mil, trezentos e cinquenta pelos votos dos integrantes de sua Primeira
e quatro reais e dezessete centavos) e Câmara, ante as razões expostas pelo
Considerando o relatório e voto como parte Relator, em considerar legais os referidos
integrantes deste, atos, determinando seu registro, nos termos
ACORDA, da Lei Orgânica e Regimento Interno deste
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO Tribunal, para todos os fins legais. À
DE GOIÁS, pelos membros integrantes de Secretaria Geral, para as providências a seu
sua Primeira Câmara, ante as razões cargo.
expostas pelo Relator, em julgar legal o ato Presentes os Conselheiros: Carla Cintia
concessivo de pensão em favor de Henriete Santillo (Presidente), Saulo Marques
Soares Ferreira, na condição, de Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa
dependente de Elso Soares Ferreira, Trindade. Representante do Ministério
determinando o respectivo registro, para Público de Contas: Carlos Gustavo Silva
que surta os efeitos de direito. Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira
Ao Serviço de Publicações e Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo
Comunicações, para as providências a seu julgado em: 22/10/2020.
cargo.
Presentes os Conselheiros: Saulo Processo - 201800020016379/204-01
Marques Mesquita (Presidente), Kennedy
de Sousa Trindade (Relator) e Carla Acórdão 2821/2020
Cintia Santillo. Representante do ÓRGÃO: Universidade Estadual de Goias
Ministério Público de Contas: Carlos INTERESSADO: Carlos Gomes de Morais
Gustavo Silva Rodrigues. Sessão ASSUNTO: 204-01-APOSENTADORIA-
Ordinária da Primeira Câmara Nº 26/2020 CONCESSÃO
(Virtual). Processo julgado em: RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA
22/10/2020. AUDITOR: HELOISA HELENA
ANTONACIO MONTEIRO GODINHO
Processo - 201800006013063/204-01 PROCURADOR: FERNANDO DOS
SANTOS CARNEIRO
Acórdão 2820/2020 Vistos, oralmente expostos e discutidos os
ÓRGÃO: Secretaria de Estado da Educação presentes Autos n.º 201800020016379/204-
INTERESSADO: Agda Alves do Nascimento 01, referentes à seguinte aposentadoria:
Lago Servidor(a): Carlos Gomes de Morais.
ASSUNTO: 204-01-APOSENTADORIA- Cargo: Auxiliar de Gestão Administrativa,
CONCESSÃO Classe B, Padrão III.
RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA Órgão: Universidade Estadual de Goiás.
AUDITOR: HELOISA HELENA Data: 18 de fevereiro de 2019.
ANTONACIO MONTEIRO GODINHO Fundamento legal: art. 3º, incisos I, II e III e
PROCURADOR: SILVESTRE GOMES parágrafo único, da Emenda Constitucional
DOS ANJOS nº 47/05.
Vistos, oralmente expostos e discutidos os Proventos: calculados em 16 de agosto de
presentes Autos n.º 201800006013063/204- 2019, no valor anual de R$ 40.401,41.
01, referentes aos seguintes atos de Tendo o relatório e o voto como partes
admissão e aposentadoria: integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL
Servidor(a): Agda Alves do Nascimento DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
Lago. pelos votos dos integrantes de sua Primeira
Admissão: Professor I. Câmara, ante as razões expostas pelo
Data: 1º de março de 1.993. Relator, em considerar legal o referido ato,
Aposentadoria: Professor IV, Referência determinando seu registro, nos termos da
"B". Lei Orgânica e Regimento Interno deste
Órgão: Secretaria da Educação do Estado Tribunal, para todos os fins legais. À
de Goiás. Secretaria Geral, para as providências a seu
Data: 21 de junho de 2018. cargo.
Fundamento legal: art. 6º, incisos I a IV, da Presentes os Conselheiros: Carla Cintia
EC n. 41/03. Santillo (Presidente), Saulo Marques
Proventos: calculados em 05 de fevereiro de Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa
2019, no valor anual de R$ 53.931,75. Trindade. Representante do Ministério
Tendo o relatório e o voto como partes Público de Contas: Carlos Gustavo Silva

17
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA


Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo AUDITOR: HELOISA HELENA
julgado em: 22/10/2020. ANTONACIO MONTEIRO GODINHO
PROCURADOR: FERNANDO DOS
Processo - 201800022042373/204-01 SANTOS CARNEIRO
Vistos, oralmente expostos e discutidos os
Acórdão 2822/2020 presentes Autos n.º 201811129003371/205-
ÓRGÃO: Instituto de Assistência dos 01, referentes ao ato de pensão:
Servidores Públicos do Estado de Goias Servidor(a): Waldyr Corrêa da Silva.
INTERESSADO: Nara Alves Teixeira Cargo: Delegado de 1ª Classe, da Polícia
Rasteli Civil.
ASSUNTO: 204-01-APOSENTADORIA- Óbito: 17 de março de 2.018.
CONCESSÃO Beneficiária: Ermesinda Pereira da Silva
RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA Corrêa.
AUDITOR: HUMBERTO BOSCO LUSTOSA Data de início: 17 de março de 2.018.
BARREIRA Fundamento legal: Lei Complementar n.
PROCURADOR: FERNANDO DOS 77/2010.
SANTOS CARNEIRO Pensão: calculado em 11 de junho de 2.018
Vistos, oralmente expostos e discutidos os no valor R$ 20.936,26.
presentes Autos n.º 201800022042373/204- Tendo o relatório e o voto como partes
01, referentes à aposentadoria: integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL
Servidor(a): Nara Alves Teixeira. DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
Cargo: Assistente Administrativo, Classe C, pelos votos dos integrantes de sua Primeira
Padrão III. Câmara, ante as razões expostas pelo
Órgão: Instituto de Assistência dos Relator, em considerar legal o referido ato,
Servidores Públicos do Estado de Goiás. determinando seu registro, nos termos da
Data: 10 de setembro de 2018. Lei Orgânica e Regimento Interno deste
Fundamento legal: art. 3º, incisos I, II e III e Tribunal, para todos os fins legais. À
parágrafo único, da EC n. 47/05, e art. 58, Secretaria Geral, para as providências a seu
incisos I a V da LC 77/2010. cargo.
Proventos: calculados em 11 de setembro Presentes os Conselheiros: Carla Cintia
de 2018, no valor mensal de R$ 4.921,52. Santillo (Presidente), Saulo Marques
Tendo o relatório e o voto como partes Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa
integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL Trindade. Representante do Ministério
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Público de Contas: Carlos Gustavo Silva
pelos votos dos integrantes de sua Primeira Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira
Câmara, ante as razões expostas pelo Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo
Relator, em considerar legal o referido ato, julgado em: 22/10/2020.
determinando seu registro, nos termos da
Lei Orgânica e Regimento Interno deste Processo - 201811129009500/205-01
Tribunal, para todos os fins legais. À
Secretaria Geral, para as providências a seu Acórdão 2824/2020
cargo. ÓRGÃO: Goias Previdencia
Presentes os Conselheiros: Carla Cintia INTERESSADO: Martha Fleury Valle
Santillo (Presidente), Saulo Marques Martins
Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa ASSUNTO: 205-01-PENSÃO-
Trindade. Representante do Ministério CONCESSÃO
Público de Contas: Carlos Gustavo Silva RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA
Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira AUDITOR: HUMBERTO BOSCO LUSTOSA
Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo BARREIRA
julgado em: 22/10/2020. PROCURADOR: FERNANDO DOS
SANTOS CARNEIRO
Processo - 201811129003371/205-01 Vistos, oralmente expostos e discutidos os
presentes Autos n.º 201811129009500/205-
Acórdão 2823/2020 01, referentes ao seguinte ato concessivo de
ÓRGÃO: Goias Previdencia pensão:
INTERESSADO: Ermesinda Pereira da Servidor: Luiz Antônio Martins.
Silva Correa Óbito: 20 de setembro de 2018.
ASSUNTO: 205-01-PENSÃO- Beneficiária: Martha Fleury Valle Martins.
CONCESSÃO Data de início: 20 de setembro de 2018.

18
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Fundamento legal: Lei Complementar n. Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa


77/2010. Trindade. Representante do Ministério
Pensão: calculada em 13 de novembro de Público de Contas: Carlos Gustavo Silva
2018, no valor mensal de R$ 5.602,51. Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira
Tendo o relatório e o voto como partes Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo
integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL julgado em: 22/10/2020.
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
pelos votos dos integrantes de sua Primeira Processo - 201911129000016/205-01
Câmara, ante as razões expostas pelo
Relator, em considerar legal o referido ato, Acórdão 2826/2020
determinando seu registro, nos termos da ÓRGÃO: Goias Previdencia
Lei Orgânica e Regimento Interno deste INTERESSADO: Lourdivina Oliveira da
Tribunal, para todos os fins legais. À Silva
Secretaria Geral, para as providências a seu ASSUNTO: 205-01-PENSÃO-
cargo. CONCESSÃO
Presentes os Conselheiros: Carla Cintia RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA
Santillo (Presidente), Saulo Marques AUDITOR: HELOISA HELENA
Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa ANTONACIO MONTEIRO GODINHO
Trindade. Representante do Ministério PROCURADOR: SILVESTRE GOMES
Público de Contas: Carlos Gustavo Silva DOS ANJOS
Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira Vistos, oralmente expostos e discutidos os
Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo presentes Autos n.º 201911129000016/205-
julgado em: 22/10/2020. 01, referentes ao seguinte ato de pensão:
Servidor(a): José Félix do Nascimento.
Processo - 201811129009906/205-01 Beneficiária: Lourdivina Oliveira da Silva.
Óbito: 05 de dezembro de 2.018.
Acórdão 2825/2020 Fundamento legal: Lei Complementar nº
ÓRGÃO: Goias Previdencia 77/2010.
INTERESSADO: Erotides Felizarda da Silva Pensão: calculada em 23 de maio de 2019,
ASSUNTO: 205-01-PENSÃO- corresponde ao valor total de R$ 879,86.
CONCESSÃO Tendo o relatório e o voto como partes
RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL
AUDITOR: HUMBERTO BOSCO LUSTOSA DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
BARREIRA pelos votos dos integrantes de sua Primeira
PROCURADOR: MAISA DE CASTRO Câmara, ante as razões expostas pelo
SOUSA Relator, em considerar legal o referido ato,
Vistos, oralmente expostos e discutidos os determinando seu registro, nos termos da
presentes Autos n.º 201811129009906/205- Lei Orgânica e Regimento Interno deste
01, referentes ao seguinte ato concessivo de Tribunal, para todos os fins legais. À
pensão: Secretaria Geral, para as providências a seu
Servidor: Horácio de Castro e Silva. cargo.
Óbito: 28 de setembro de 2018. Presentes os Conselheiros: Carla Cintia
Beneficiária: Erotides Felizarda da Silva. Santillo (Presidente), Saulo Marques
Fundamento legal: Lei Complementar n. Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa
77/2010. Trindade. Representante do Ministério
Pensão: calculada em 15 de janeiro de Público de Contas: Carlos Gustavo Silva
2019, no valor mensal de R$ 337,73. Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira
Tendo o relatório e o voto como partes Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo
integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL julgado em: 22/10/2020.
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
pelos votos dos integrantes de sua Primeira Processo - 201911129000370/205-01
Câmara, ante as razões expostas pelo
Relator, em considerar legal o referido ato, Acórdão 2827/2020
determinando seu registro, nos termos da ÓRGÃO: Goiás Previdência
Lei Orgânica e Regimento Interno deste INTERESSADO: Areno Luiz de Oliveira
Tribunal, para todos os fins legais. À ASSUNTO: 205-01-PENSÃO-
Secretaria Geral, para as providências a seu CONCESSÃO
cargo. RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA
Presentes os Conselheiros: Carla Cintia AUDITOR: HUMBERTO BOSCO LUSTOSA
Santillo (Presidente), Saulo Marques BARREIRA

19
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

PROCURADOR: FERNANDO DOS integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL


SANTOS CARNEIRO DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
Vistos, oralmente expostos e discutidos os pelos votos dos integrantes de sua Primeira
presentes Autos n.º 201911129000370/205- Câmara, ante as razões expostas pelo
01, referentes ao seguinte ato de pensão: Relator, em considerar legal o referido ato,
Servidor(a): Telma Vaz Morgado Oliveira. determinando seu registro, nos termos da
Aposentadoria: Professor II, Referência "E". Lei Orgânica e Regimento Interno deste
Órgão: Secretaria de Estado da Educação Tribunal, para todos os fins legais. À
Óbito: 26 de dezembro de 2018. Secretaria Geral, para as providências a seu
Beneficiário: Areno Luiz de Oliveira. cargo.
Data de início: 26 de dezembro de 2018. Presentes os Conselheiros: Carla Cintia
Fundamento legal: Lei Complementar n. Santillo (Presidente), Saulo Marques
77/2010. Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa
Pensão: calculado em 12 de fevereiro de Trindade. Representante do Ministério
2019 no valor de R$ 4.132,16. Público de Contas: Carlos Gustavo Silva
Tendo o relatório e o voto como partes Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira
integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, julgado em: 22/10/2020.
pelos votos dos integrantes de sua Primeira
Câmara, ante as razões expostas pelo Processo - 201911129000611/205-01
Relator, em considerar legal o referido ato,
determinando seu registro, nos termos da Acórdão 2829/2020
Lei Orgânica e Regimento Interno deste ÓRGÃO: Tribunal de Justica do Estado de
Tribunal, para todos os fins legais. À Goias
Secretaria Geral, para as providências a seu INTERESSADO: José da Costa Gondim
cargo. Filho
Presentes os Conselheiros: Carla Cintia ASSUNTO: 205-01-PENSÃO-
Santillo (Presidente), Saulo Marques CONCESSÃO
Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA
Trindade. Representante do Ministério AUDITOR: HUMBERTO BOSCO LUSTOSA
Público de Contas: Carlos Gustavo Silva BARREIRA
Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira PROCURADOR: MAISA DE CASTRO
Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo SOUSA
julgado em: 22/10/2020. Vistos, oralmente expostos e discutidos os
presentes Autos n.º 201911129000611/205-
Processo - 201911129000472/205-01 01, referentes ao seguinte ato de pensão:
Servidor(a): Orozina Marques Gondim.
Acórdão 2828/2020 Beneficiária: José da Costa Gondim Filho.
ÓRGÃO: Goias Previdencia Óbito: 14 de janeiro de 2019.
INTERESSADO: Ana Severino Martins Fundamento legal: Lei Complementar nº
ASSUNTO: 205-01-PENSÃO- 77/2010.
CONCESSÃO Proventos: calculados em 18 de fevereiro de
RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA 2019, corresponde ao valor mensal de R$
AUDITOR: HUMBERTO BOSCO LUSTOSA 8.831,97.
BARREIRA Tendo o relatório e o voto como partes
PROCURADOR: SILVESTRE GOMES integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL
DOS ANJOS DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
Vistos, oralmente expostos e discutidos os pelos votos dos integrantes de sua Primeira
presentes Autos n.º 201911129000472/205- Câmara, ante as razões expostas pelo
01, referentes ao seguinte ato concessivo de Relator, em considerar legal o referido ato,
pensão: determinando seu registro, nos termos da
Servidor: Lázaro Martins da Silva. Lei Orgânica e Regimento Interno deste
Óbito: 31 de dezembro de 2018. Tribunal, para todos os fins legais. À
Beneficiária: Ana Severino Martins. Secretaria Geral, para as providências a seu
Data de início: 31 de dezembro de 2018. cargo.
Fundamento legal: Lei Complementar n. Presentes os Conselheiros: Carla Cintia
77/2010. Santillo (Presidente), Saulo Marques
Pensão: calculada em 31 de janeiro de Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa
2019, no valor mensal de R$ 5.138,28. Trindade. Representante do Ministério
Tendo o relatório e o voto como partes Público de Contas: Carlos Gustavo Silva

20
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira 01, referentes ao seguinte ato de pensão:


Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo Servidor(a): Sebastião Donisete Faria.
julgado em: 22/10/2020. Cargo: Professor IV, Referência “C”.
Óbito: 18 de janeiro de 2019.
Processo - 201911129001093/205-01 Beneficiárias e data de início do benefício:
Cristiana Ferreira das Chagas Faria e
Acórdão 2830/2020 Lauriane Ferreira Faria, 26/03/2019 e
ÓRGÃO: Goias Previdencia 18/01/2019, respectivamente.
INTERESSADO: Divina Pedro da Silva Fundamento legal: Lei Complementar n.
ASSUNTO: 205-01-PENSÃO- 77/2010.
CONCESSÃO Valor do benefício: R$ 3.152,78, calculado
RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA em 29 de maio de 2019.
AUDITOR: HELOISA HELENA Tendo o relatório e o voto como partes
ANTONACIO MONTEIRO GODINHO integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL
PROCURADOR: MAISA DE CASTRO DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
SOUSA pelos votos dos integrantes de sua Primeira
Vistos, oralmente expostos e discutidos os Câmara, ante as razões expostas pelo
presentes Autos n.º 201911129001093/205- Relator, em considerar legal o referido ato,
01, referentes ao ato de pensão: determinando seu registro, nos termos da
Servidor: João José da Silva. Lei Orgânica e Regimento Interno deste
Óbito: 05 de fevereiro de 2019. Tribunal, para todos os fins legais. À
Beneficiária: Divina Pedro da Silva. Secretaria Geral, para as providências a seu
Fundamento legal: Lei Complementar nº cargo.
77/2010. Presentes os Conselheiros: Carla Cintia
Pensão: calculada em 08 de abril de 2019, Santillo (Presidente), Saulo Marques
no valor mensal de R$ 998,00. Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa
Tendo o relatório e o voto como partes Trindade. Representante do Ministério
integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL Público de Contas: Carlos Gustavo Silva
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira
pelos votos dos integrantes de sua Primeira Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo
Câmara, ante as razões expostas pelo julgado em: 22/10/2020.
Relator, em considerar legal o referido ato,
determinando seu registro, nos termos da Processo - 201911129003147/205-01
Lei Orgânica e Regimento Interno deste
Tribunal, para todos os fins legais. À Acórdão 2832/2020
Secretaria Geral, para as providências a seu ÓRGÃO: Tribunal de Justica do Estado de
cargo. Goias
Presentes os Conselheiros: Carla Cintia INTERESSADO: Nazira Gomes Lourenço
Santillo (Presidente), Saulo Marques ASSUNTO: 205-01-PENSÃO-
Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa CONCESSÃO
Trindade. Representante do Ministério RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA
Público de Contas: Carlos Gustavo Silva AUDITOR: HUMBERTO BOSCO LUSTOSA
Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira BARREIRA
Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo PROCURADOR: SILVESTRE GOMES
julgado em: 22/10/2020. DOS ANJOS
Vistos, oralmente expostos e discutidos os
Processo - 201911129002222/205-01 presentes Autos n.º 201911129003147/205-
01, referentes ao seguinte ato concessivo de
Acórdão 2831/2020 pensão:
ÓRGÃO: Goias Previdencia Servidor: José Lourenço Neto.
INTERESSADO: Lauriane Ferreira Faria Óbito: 15 de abril de 2019.
ASSUNTO: 205-01-PENSÃO- Beneficiária: Nazira Gomes Lourenço.
CONCESSÃO Fundamento legal: Lei Complementar n.
RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA 77/2010.
AUDITOR: HELOISA HELENA Pensão: calculada em 18 de junho de 2019,
ANTONACIO MONTEIRO GODINHO no valor mensal de R$ 9.214,68.
PROCURADOR: FERNANDO DOS Tendo o relatório e o voto como partes
SANTOS CARNEIRO integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL
Vistos, oralmente expostos e discutidos os DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
presentes Autos n.º 201911129002222/205- pelos votos dos integrantes de sua Primeira

21
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Câmara, ante as razões expostas pelo


Relator, em considerar legal o referido ato, Processo - 201911129003703/205-01
determinando seu registro, nos termos da
Lei Orgânica e Regimento Interno deste Acórdão 2834/2020
Tribunal, para todos os fins legais. À ÓRGÃO: Goias Previdencia
Secretaria Geral, para as providências a seu INTERESSADO: Antônio André Lemis
cargo. ASSUNTO: 205-01-PENSÃO-
Presentes os Conselheiros: Carla Cintia CONCESSÃO
Santillo (Presidente), Saulo Marques RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA
Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa AUDITOR: HUMBERTO BOSCO LUSTOSA
Trindade. Representante do Ministério BARREIRA
Público de Contas: Carlos Gustavo Silva PROCURADOR: CARLOS GUSTAVO
Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira SILVA RODRIGUES
Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo Vistos, oralmente expostos e discutidos os
julgado em: 22/10/2020. presentes Autos n.º 201911129003703/205-
01, referentes ao seguinte ato de pensão:
Processo - 201911129003582/205-01 Servidor(a): Sebastiana Afelícia Lemis.
Cargo: Agente Administrativo Educacional I,
Acórdão 2833/2020 Referência G.
ÓRGÃO: Goiás Previdência Órgão: Secretaria de Estado da Educação.
INTERESSADO: Salvador Sena Alcântara Óbito: 06 de agosto de 2018.
ASSUNTO: 205-01-PENSÃO- Beneficiário(s): Antônio André Lemis.
CONCESSÃO Fundamento legal: Lei Complementar nº
RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA 77/2010.
AUDITOR: HUMBERTO BOSCO LUSTOSA Pensão: calculada em 17 de junho de 2019,
BARREIRA no valor mensal de R$ 731,06.
PROCURADOR: CARLOS GUSTAVO Tendo o relatório e o voto como partes
SILVA RODRIGUES integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL
Vistos, oralmente expostos e discutidos os DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
presentes Autos n.º 201911129003582/205- pelos votos dos integrantes de sua Primeira
01, referentes ao seguinte ato de pensão: Câmara, ante as razões expostas pelo
Servidor(a): Dirce Domingues Alcântara. Relator, em considerar legal o referido ato,
Aposentadoria: Professor I, Referência "E". determinando seu registro, nos termos da
Órgão: Secretaria de Estado da Educação Lei Orgânica e Regimento Interno deste
Óbito: 15 de abril de 2019. Tribunal, para todos os fins legais. À
Beneficiário: Salvador Sena Alcântara. Secretaria Geral, para as providências a seu
Data de início: 15 de abril de 2019. cargo.
Fundamento legal: Lei Complementar n. Presentes os Conselheiros: Carla Cintia
77/2010. Santillo (Presidente), Saulo Marques
Pensão: calculado em 09 de julho de 2019, Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa
no valor de R$ 4.011,44. Trindade. Representante do Ministério
Tendo o relatório e o voto como partes Público de Contas: Carlos Gustavo Silva
integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo
pelos votos dos integrantes de sua Primeira julgado em: 22/10/2020.
Câmara, ante as razões expostas pelo
Relator, em considerar legal o referido ato, Processo - 201700002002209/206-01
determinando seu registro, nos termos da
Lei Orgânica e Regimento Interno deste Acórdão 2835/2020
Tribunal, para todos os fins legais. À ÓRGÃO: Polícia Militar
Secretaria Geral, para as providências a seu INTERESSADO: Eduardo Divino Vaz
cargo. ASSUNTO: 206-01-REFORMA-
Presentes os Conselheiros: Carla Cintia CONCESSÃO
Santillo (Presidente), Saulo Marques RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA
Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa AUDITOR: FLÁVIO LÚCIO RODRIGUES
Trindade. Representante do Ministério DA SILVA
Público de Contas: Carlos Gustavo Silva PROCURADOR: SILVESTRE GOMES
Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira DOS ANJOS
Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo Vistos, oralmente expostos e discutidos os
julgado em: 22/10/2020. presentes Autos n.º 201700002002209/206-

22
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

01, referentes aos seguintes atos de 2020, no valor mensal de R$ 10.941,35.


admissão e reforma: Tendo o relatório e o voto como partes
Servidor(a): Eduardo Divino Vaz. integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL
Admissão: Soldado PM. DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
Data: 09 de novembro de 1.998. pelos votos dos integrantes de sua Primeira
Reforma ex officio: Cabo PM Câmara, ante as razões expostas pelo
Data: 24 de abril de 2017. Relator, em considerar legais os referidos
Órgão: Polícia Militar do Estado de Goiás. atos, determinando seu registro, nos termos
Fundamento legal: art. 85, II, parágrafo da Lei Orgânica e Regimento Interno deste
único, alínea "b", art. 88, inciso II; art. 93; art. Tribunal, para todos os fins legais. À
94, inciso II; art. 96, inciso V; art. 99, inciso Secretaria Geral para as devidas
I. providências.
Proventos: calculados em 27 de novembro Presentes os Conselheiros: Carla Cintia
de 2.017, no valor mensal de R$ 3.504,54. Santillo (Presidente), Saulo Marques
Tendo o relatório e o voto como partes Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa
integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL Trindade. Representante do Ministério
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Público de Contas: Carlos Gustavo Silva
pelos votos dos integrantes de sua Primeira Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira
Câmara, ante as razões expostas pelo Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo
Relator, em considerar legais os referidos julgado em: 22/10/2020.
atos, determinando seu registro, nos termos
da Lei Orgânica e Regimento Interno deste
Tribunal, para todos os fins legais. À Ata
Secretaria Geral, para as providências a seu
cargo. ATA Nº 25 DE 12 A 15 DE
Presentes os Conselheiros: Carla Cintia OUTUBRO DE 2020
Santillo (Presidente), Saulo Marques SESSÃO ORDINÁRIA (VIRTUAL)
Mesquita (Relator) e Kennedy de Sousa PRIMEIRA CÂMARA
Trindade. Representante do Ministério ATA da 25ª Sessão Ordinária da Primeira
Público de Contas: Carlos Gustavo Silva Câmara do egrégio Tribunal de Contas do
Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira Estado de Goiás (Virtual).
Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Processo Nos termos da Resolução Normativa nº
julgado em: 22/10/2020. 002/2020, às oito horas do dia doze (12) do
mês de outubro do ano dois mil e vinte,
Processo - 201700002004075/207-01 iniciou-se a Vigésima Quinta Sessão
Ordinária da Primeira Câmara do egrégio
Acórdão 2836/2020 Tribunal de Contas do Estado de Goiás, sob
ÓRGÃO: Polícia Militar a Presidência do Conselheiro SAULO
INTERESSADO: Nelson Elias Oliveira MARQUES MESQUITA, com a participação
ASSUNTO: 207-01-TRANSFERÊNCIA da Conselheira CARLA CINTIA SANTILLO
PARA RESERVA-CONCESSÃO e Conselheiro KENNEDY DE SOUSA
RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA TRINDADE, o Procurador de Contas
AUDITOR: HUMBERTO BOSCO LUSTOSA CARLOS GUSTAVO SILVA RODRIGUES,
BARREIRA e MARCELO AUGUSTO PEDREIRA
PROCURADOR: EDUARDO LUZ XAVIER, Secretário-Geral desta Corte de
GONÇALVES Contas que a presente elaborou. Passou a
Vistos, oralmente expostos e discutidos os Primeira Câmara a deliberar sobre as
presentes Autos n.º 201700002004075/207- matérias constantes da Pauta de
01, referentes aos seguintes atos de Julgamento.
admissão e transferência para a reserva: Pelo Conselheiro KENNEDY DE SOUSA
Servidor(a): Nelson Elias de Oliveira. TRINDADE foram relatados os seguintes
Admissão: Soldado PM. feitos:
Data: 1º de setembro de 1.992. APOSENTADORIA - CONCESSÃO:
Transferência para a reserva: Subtenente. 1. Processo nº 201500006012692 - Trata de
Data: 25 de abril de 2018. ato de Concessão de Aposentadoria a
Órgão: Polícia Militar do Estado de Goiás. MARIA CIRLENE FREITAS MACHADO, da
Fundamento legal: art. 42, § 1º da Secretaria de Estado da Educação, Cultura
Constituição Federal e art. 100, § 12, I e II, e Esporte (SECE), com fundamento nos
e § 13 da Constituição Estadual. arts. 40, § 1º, inciso I, da Constituição
Proventos: calculados em 23 de abril de Federal, alterado pela Emenda

23
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Constitucional nº41/2003, e 6º-A da referida votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
Emenda, com redação dada pela de nº nº 2643/2020, aprovado por unanimidade,
70/2012, a partir de 02 de fevereiro de 2015, nos seguintes termos: “ACORDA o
com proventos proporcionais ao tempo de TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
contribuição. O Relator disponibilizou para a GOIÁS, pelos membros integrantes de sua
leitura o relatório e voto. Tomados os votos Primeira Câmara, ante as razões expostas
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº pelo Relator, em julgar legal o ato
2641/2020, aprovado por unanimidade, nos concessivo de aposentadoria da Sra. Sílvia
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL Maria de Sousa Nerys, no cargo de
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Assistente de Gestão Administrativa, Classe
pelos membros integrantes de sua Primeira A, Padrão IV, da Secretaria de Gestão e
Câmara, ante as razões expostas pelo Planejamento, atual Secretaria de Estado
Relator, em julgar legais os atos de da Administração, determinando o
admissão, no cargo de Auxiliar de Serviços respectivo registro, para que surta os efeitos
Gerais, e concessivo de aposentadoria, no de direito. Ao Serviço de Publicações e
cargo de Agente Administrativo Educacional Comunicações, para as providências a seu
Apoio, Referência “C-I”, ambos do Quadro cargo”.
de Pessoal da Secretaria de Estado da 4. Processo nº 201600006025424 - Trata de
Educação, da Sra. Maria Cirlene Freitas ato de Concessão de Aposentadoria a
Machado, determinando os respectivos HILDA FARIA DOS SANTOS, da Secretaria
registros, para que surtam os efeitos de de Estado da Educação, Cultura e Esporte
direito. Ao Serviço de Publicações e (SECE), com fundamento no art. 6º, incisos
Comunicações, para as providências a seu I a IV, da Emenda Constitucional Federal nº
cargo”. 41/2003, com proventos integrais. O Relator
2. Processo nº 201500006020693 - Trata de disponibilizou para a leitura o relatório e
ato de Concessão de Aposentadoria a voto. Tomados os votos nos termos
MARIA IZABEL GOMES DA SILVA, da regimentais, foi o Acórdão nº 2644/2020,
Secretaria de Estado de Educação, Cultura aprovado por unanimidade, nos seguintes
e Esporte (SECE), com fundamento no art. termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
3º, incisos I, II e III, e parágrafo único da CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
Emenda Constitucional Federal nº 47/2005, membros integrantes de sua Primeira
com proventos integrais. O Relator Câmara, ante as razões expostas pelo
disponibilizou para a leitura o relatório e Relator, em julgar legais os atos de
voto. Tomados os votos nos termos admissão, no cargo de Professor I, e
regimentais, foi o Acórdão nº 2642/2020, concessivo de aposentadoria, no cargo de
aprovado por unanimidade, nos seguintes Professor IV, Referência “D”, do Magistério
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Público Estadual, da Sra. Hilda Faria dos
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos Santos, determinando os respectivos
membros integrantes de sua Primeira registros, para que surtam os efeitos de
Câmara, ante as razões expostas pelo direito. Ao Serviço de Publicações e
Relator, em julgar legais os atos de Comunicações, para as providências a seu
admissão, no cargo de Assistente de Ensino cargo”.
Médio, e concessivo de aposentadoria, no 5. Processo nº 201600006029121 - Trata de
cargo de Professor III, Referência B, ambos ato de Concessão de Aposentadoria a
da Secretaria de Estado da Educação, da ELTON JOSÉ DE SOUSA ESCHER, da
Sra. Maria Izabel Gomes da Silva, Secretaria de Estado da Educação, Cultura
determinando os respectivos registros, para e Esporte (SECE), com fundamento no art.
que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço 40, § 1º, inciso I, da Constituição Federal,
de Publicações e Comunicações, para as alterado pela Emenda Constitucional nº
providências a seu cargo”. 41/2003, com proventos integrais. O Relator
3. Processo nº 201600005004881 - Trata de disponibilizou para a leitura o relatório e
ato de Concessão de Aposentadoria a voto. Tomados os votos nos termos
SILVIA MARIA DE SOUSA NERYS, da regimentais, foi o Acórdão nº 2645/2020,
Secretaria de Estado de Gestão e aprovado por unanimidade, nos seguintes
Planejamento (SEGPLAN), com termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
fundamento no art. 40, § 1º, inciso III, alínea CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
“a”, da Constituição Federal, alterado pela membros integrantes de sua Primeira
Emenda Constitucional nº 41/2003, com Câmara, ante as razões expostas pelo
proventos integrais. O Relator disponibilizou Relator, em julgar legal o ato concessivo de
para a leitura o relatório e voto. Tomados os aposentadoria do Sr. Elton José de Sousa

24
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Escher, no cargo de Professor III, e Comunicações, para as providências a


Referência “A”, do Magistério Público seu cargo”.
Estadual, determinando o respectivo 8. Processo nº 201700006003885 - Trata de
registro, para que surta os efeitos de direito. ato de Concessão de Aposentadoria a
Ao Serviço de Publicações e DIVINA APARECIDA PEREIRA DA SILVA,
Comunicações, para as providências a seu da Secretaria de Estado da Educação,
cargo”. Cultura e Esporte (SECE), com fundamento
6. Processo nº 201600006030760 - Trata de no art. 6º, incisos I a IV, da Emenda
ato de Concessão de Aposentadoria a Constitucional Federal nº 41/2003, com
MARIA DE JESUS ANTÔNIA DOS proventos integrais. O Relator disponibilizou
SANTOS, da Secretaria de Estado da para a leitura o relatório e voto. Tomados os
Educação, Cultura e Esporte (SECE), com votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
fundamento nos arts. 40, § 1º, inciso III, nº 2648/2020, aprovado por unanimidade,
alínea "b", da Constituição Federal, alterado nos seguintes termos: “ACORDA o
pela Emenda Constitucional Federal nº TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
41/2003, com proventos proporcionais ao GOIÁS, pelos membros integrantes de sua
tempo de contribuição. O Relator Primeira Câmara, ante as razões expostas
disponibilizou para a leitura o relatório e pelo Relator, em julgar legais os atos de
voto. Tomados os votos nos termos admissão, no cargo de Professor AD-I, e
regimentais, foi o Acórdão nº 2646/2020, concessivo de aposentadoria, no cargo de
aprovado por unanimidade, nos seguintes Professor IV, Referência “F”, ambos da
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Secretaria de Estado da Educação, da Sra.
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos Divina Aparecida Pereira da Silva,
membros integrantes de sua Primeira determinando os respectivos registros, para
Câmara, ante as razões expostas pelo que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço
Relator, em julgar legais os atos de de Publicações e Comunicações, para as
admissão, no cargo de Auxiliar de Serviços providências a seu cargo”.
Gerais, e concessivo de aposentadoria, no 9. Processo nº 201700006004236 - Trata de
cargo de Agente Administrativo Educacional ato de Concessão de Aposentadoria a
de Apoio, Referência “H”, ambos da DIVINA ROSA DE JESUS SOARES, da
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. Secretaria de Estado de Educação, Cultura
Maria de Jesus Antônia dos Santos, e Esporte (SECE), com fundamento no art.
determinando os respectivos registros, para 3º, incisos I, II e III, e parágrafo único da
que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço Emenda Constitucional Federal nº 47/2005,
de Publicações e Comunicações, para as com proventos integrais. O Relator
providências a seu cargo”. disponibilizou para a leitura o relatório e
7. Processo nº 201700006002158 - Trata de voto. Tomados os votos nos termos
ato de Concessão de Aposentadoria a regimentais, foi o Acórdão nº 2649/2020,
LÚCILIA RITA GOMES RIBEIRO, da aprovado por unanimidade, nos seguintes
Secretaria de Estado da Educação, Cultura termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
e Esporte (SECE), com fundamento no art. CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
6º, incisos I a IV, da Emenda Constitucional membros integrantes de sua Primeira
Federal nº 41/2003, com proventos Câmara, ante as razões expostas pelo
integrais. O Relator disponibilizou para a Relator, em julgar legais os atos de
leitura o relatório e voto. Tomados os votos admissão, no cargo de Porteiro Servente, e
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº concessivo de aposentadoria, no cargo de
2647/2020, aprovado por unanimidade, nos Agente Administrativo Educacional de
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL Apoio, Referência “H”, ambos da Secretaria
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, de Estado da Educação, da Sra. Divina
pelos membros integrantes de sua Primeira Rosa de Jesus Soares, determinando os
Câmara, ante as razões expostas pelo respectivos registros, para que surtam os
Relator, em julgar legais os atos de efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações
admissão, no cargo de Auxiliar de Serviços e Comunicações, para as providências a
Gerais, e concessivo de aposentadoria, no seu cargo”.
cargo de Agente Administrativo Educacional 10. Processo nº 201700006007065 - Trata
de Apoio, Referência “I”, ambos da de ato de Concessão de Aposentadoria a
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. IVAN LUIZ DE DEUS, da Secretaria de
Lucília Rita Gomes Ribeiro, determinando Estado da Educação, Cultura e Esporte
os respectivos registros, para que surtam os (SECE), com fundamento no art. 3º, incisos
efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações I, II e III e parágrafo único, da Emenda

25
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Constitucional Federal nº 47/2005, com membros integrantes de sua Primeira


proventos integrais. O Relator disponibilizou Câmara, ante as razões expostas pelo
para a leitura o relatório e voto. Tomados os Relator, em julgar legais os atos de
votos nos termos regimentais, foi o Acórdão admissão, no cargo de Professor I,
nº 2650/2020, aprovado por unanimidade, Referência Base, e concessivo de
nos seguintes termos: “ACORDA o aposentadoria, no cargo de Professor IV,
TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE Referência B, ambos da Secretaria de
GOIÁS, pelos membros integrantes de sua Estado da Educação, da Sra. Alcidina
Primeira Câmara, ante as razões expostas Cordeiro Vasco de Oliveira Nogueira,
pelo Relator, em julgar legais os atos de determinando os respectivos registros, para
admissão, no cargo de Porteiro-Servente, e que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço
concessivo de aposentadoria, no cargo de de Publicações e Comunicações, para as
Agente Administrativo Educacional de providências a seu cargo”.
Apoio, Referência "J", ambos do Quadro de 13. Processo nº 201700006011061 - Trata
Pessoal da Secretaria de Estado da de ato de Concessão de Aposentadoria a
Educação, do Sr. Ivan Luiz de Deus, MARISETE DIAS COIMBRA BASTOS, da
determinando os respectivos registros, para Secretaria de Estado da Educação, Cultura
que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço e Esporte (SECE), com fundamento no art.
de Publicações e Comunicações, para as 40, § 1º, inciso III, alínea “b”, da Constituição
providências a seu cargo”. Federal, alterado pela Emenda
11. Processo nº 201700006008068 - Trata Constitucional nº 41/2003, com proventos
de ato de Concessão de Aposentadoria a proporcionais ao tempo de contribuição. O
ILDAIDIS PEREIRA PINTO, da Secretaria Relator disponibilizou para a leitura o
de Estado da Educação, Cultura e Esporte relatório e voto. Tomados os votos nos
(SECE), com fundamento no art. 6º, incisos termos regimentais, foi o Acórdão nº
I a IV, da Emenda Constitucional Federal nº 2653/2020, aprovado por unanimidade, nos
41/2003, com proventos integrais. O Relator seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
disponibilizou para a leitura o relatório e DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
voto. Tomados os votos nos termos pelos membros integrantes de sua Primeira
regimentais, foi o Acórdão nº 2651/2020, Câmara, ante as razões expostas pelo
aprovado por unanimidade, nos seguintes Relator, em julgar legais os atos de
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE admissão, no cargo de Auxiliar de Serviços
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos Gerais, e concessivo de aposentadoria, no
membros integrantes de sua Primeira cargo de Agente Administrativo Educacional
Câmara, ante as razões expostas pelo de Apoio, Referência "A-II", ambos do
Relator, em julgar legais os atos de Quadro Permanente da Secretaria de
admissão, no cargo de Professor I, e Estado da Educação, da Sra. Marisete Dias
concessivo de aposentadoria, no cargo de Coimbra Bastos, determinando os
Professor IV, Referência “C”, ambos do respectivos registros, para que surtam os
Quadro Permanente da Secretaria de efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações
Estado da Educação, da Sra. Ildaidis Pereira e Comunicações, para as providências a
Pinto, determinando os respectivos seu cargo”.
registros, para que surtam os efeitos de 14. Processo nº 201700006011261 - Trata
direito. Ao Serviço de Publicações e de ato de Concessão de Aposentadoria a
Comunicações, para as providências a seu LEUZI DE FÁTIMA MACHADO SILVA, da
cargo”. Secretaria de Estado da Educação, Cultura
12. Processo nº 201700006010786 - Trata e Esporte (SECE), com fundamento no art.
de ato de Concessão de Aposentadoria a 3º, incisos I, II e III e parágrafo único, da
ALCIDINA CORDEIRO VASCO DE Emenda Constitucional Federal nº 47/2005,
OLIVEIRA NOGUEIRA, da Secretaria de com proventos integrais. O Relator
Estado de Educação Cultura e Esporte disponibilizou para a leitura o relatório e
(SECE), com fundamento no art. 6º, incisos voto. Tomados os votos nos termos
I a IV, da Emenda Constitucional Federal nº regimentais, foi o Acórdão nº 2654/2020,
41/2003, com proventos integrais. O Relator aprovado por unanimidade, nos seguintes
disponibilizou para a leitura o relatório e termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
voto. Tomados os votos nos termos CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
regimentais, foi o Acórdão nº 2652/2020, membros integrantes de sua Primeira
aprovado por unanimidade, nos seguintes Câmara, ante as razões expostas pelo
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Relator, em julgar legais os atos de
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos admissão, no cargo de Professor, AD-I, e

26
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

concessivo de aposentadoria, no cargo de seu cargo”.


Professor IV, Referência "E”, ambos do 17. Processo nº 201700006014474 - Trata
Quadro Permanente da Secretaria de de ato de Concessão de Aposentadoria a
Estado da Educação, da Sra. Leuzi de MARIA AMÉLIA DA SILVA CÂNDIDO
Fátima Machado Silva, determinando os ROSA, da Secretaria de Estado da
respectivos registros, para que surtam os Educação, Cultura e Esporte (SECE), com
efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações fundamento no art. 3º, incisos I, II e III e
e Comunicações, para as providências a parágrafo único, da Emenda Constitucional
seu cargo”. Federal nº 47/2005, com proventos
15. Processo nº 201700006011811 - Trata integrais. O Relator disponibilizou para a
de ato de Concessão de Aposentadoria a leitura o relatório e voto. Tomados os votos
MARIA DE LOURDES ARAÚJO DA SILVA, nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
da Secretaria de Estado da Educação, 2657/2020, aprovado por unanimidade, nos
Cultura e Esporte (SECE), com fundamento seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
no art. 3º, incisos I, II e III, e parágrafo único DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
da Emenda Constitucional Federal nº pelos membros integrantes de sua Primeira
47/2005, com proventos integrais. O Relator Câmara, ante as razões expostas pelo
disponibilizou para a leitura o relatório e Relator, em julgar legais os atos de
voto. Tomados os votos nos termos admissão, no cargo de Professor
regimentais, foi o Acórdão nº 2655/2020, Assistente, Nível “C”, e concessivo de
aprovado por unanimidade, nos seguintes aposentadoria, no cargo de Professor IV,
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Referência "B", ambos da Secretaria de
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos Estado da Educação, de Maria Amélia da
membros integrantes de sua Primeira Silva Cândido Rosa, determinando os
Câmara, ante as razões expostas pelo respectivos registros, para que surtam os
Relator, em julgar legais os atos de efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações
admissão, no cargo de Porteiro Servente, e e Comunicações, para as providências a
concessivo de aposentadoria, no cargo de seu cargo”.
Agente Administrativo Educacional de 18. Processo nº 201700006016125 - Trata
Apoio, Referência “G-I”, ambos da de ato de Concessão de Aposentadoria a
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. TÂNIA MARIA LOPES DE OLIVEIRA, da
Maria de Lourdes Araújo da Silva, Secretaria de Estado da Educação, Cultura
determinando os respectivos registros, para e Esporte (SECE), com fundamento no art.
que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço 6º, incisos I a IV, da Emenda Constitucional
de Publicações e Comunicações, para as Federal nº 41/2003, com proventos
providências a seu cargo”. integrais. O Relator disponibilizou para a
16. Processo nº 201700006014297 - Trata leitura o relatório e voto. Tomados os votos
de ato de Concessão de Aposentadoria a nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
NADIR RODRIGUES DE OLIVEIRA, da 2658/2020, aprovado por unanimidade, nos
Secretaria de Estado da Educação, Cultura seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
e Esporte (SECE), com fundamento no art. DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
6º, incisos I a IV, da Emenda Constitucional pelos membros integrantes de sua Primeira
Federal nº 41/2003, com proventos Câmara, ante as razões expostas pelo
integrais. O Relator disponibilizou para a Relator, em julgar legais os atos de
leitura o relatório e voto. Tomados os votos admissão, no cargo de Professor I, e
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº concessivo de aposentadoria, no cargo de
2656/2020, aprovado por unanimidade, nos Professor IV, Referência “D”, ambos do
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL Quadro Permanente da Secretaria de
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Estado da Educação, da Sra. Tânia Maria
pelos membros integrantes de sua Primeira Lopes de Oliveira, determinando os
Câmara, ante as razões expostas pelo respectivos registros, para que surtam os
Relator, em julgar legais os atos de efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações
admissão, no cargo de Professor I, e e Comunicações, para as providências a
concessivo de aposentadoria, no cargo de seu cargo”.
Professor IV, Referência “C”, ambos da 19. Processo nº 201700006017072 - Trata
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. de ato de Concessão de Aposentadoria a
Nadir Rodrigues de Oliveira, determinando IVANEUSA GOMES DE ÁVILA MACIEL, da
os respectivos registros, para que surtam os Secretaria de Estado da Educação, Cultura
efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações e Esporte (SECE), com fundamento no art.
e Comunicações, para as providências a 3º, incisos I, II e III, e parágrafo único da

27
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Emenda Constitucional Federal nº 47/2005, 2661/2020, aprovado por unanimidade, nos


com proventos integrais. O Relator seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
disponibilizou para a leitura o relatório e DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
voto. Tomados os votos nos termos pelos membros integrantes de sua Primeira
regimentais, foi o Acórdão nº 2659/2020, Câmara, ante as razões expostas pelo
aprovado por unanimidade, nos seguintes Relator, em julgar legais os atos de
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE admissão, no cargo de Professor
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos Assistente, Nível A, e concessivo de
membros integrantes de sua Primeira aposentadoria, no cargo de Professor III,
Câmara, ante as razões expostas pelo Referência C, ambos da Secretaria de
Relator, em julgar legais os atos de Estado da Educação, da Sra. Waldivina
admissão, no cargo de Professor, Nível AD- Rodrigues de Souza Rosa, determinando os
5, e concessivo de aposentadoria, no cargo respectivos registros, para que surtam os
de Professor IV, Referência “B”, ambos da efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. e Comunicações, para as providências a
Ivaneusa Gomes de Ávila Maciel, seu cargo”.
determinando os respectivos registros, para 22. Processo nº 201700006021070 - Trata
que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço de ato de Concessão de Aposentadoria a
de Publicações e Comunicações, para as ELZI FERREIRA BIJOS, da Secretaria de
providências a seu cargo”. Estado da Educação, Cultura e Esporte
20. Processo nº 201700006017773 - Trata (SECE), com fundamento no art. 6º, incisos
de ato de Concessão de Aposentadoria a I a IV, da Emenda Constitucional Federal nº
IDA PÓVOA LIMA PEREIRA, da Secretaria 41/2003, com proventos integrais. O Relator
de Estado da Educação, Cultura e Esporte disponibilizou para a leitura o relatório e
(SECE), com fundamento no art. 3º, incisos voto. Tomados os votos nos termos
I, II e III e parágrafo único, da Emenda regimentais, foi o Acórdão nº 2662/2020,
Constitucional Federal nº 47/2005, com aprovado por unanimidade, nos seguintes
proventos integrais. O Relator disponibilizou termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
para a leitura o relatório e voto. Tomados os CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
votos nos termos regimentais, foi o Acórdão membros integrantes de sua Primeira
nº 2660/2020, aprovado por unanimidade, Câmara, ante as razões expostas pelo
nos seguintes termos: “ACORDA o Relator, em julgar legais os atos de
TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE admissão, no cargo de Professor AD-I, e
GOIÁS, pelos membros integrantes de sua concessivo de aposentadoria, no cargo de
Primeira Câmara, ante as razões expostas Professor IV, Referência “E”, ambos da atual
pelo Relator, em julgar legais os atos de Secretaria de Estado da Educação, da Sra.
nomeação, a partir de 01/02/1986, e de Elzi Ferreira Bijos, determinando os
aposentadoria, respectivamente, nos cargos respectivos registros, para que surtam os
de Porteiro-Servente, e de Agente efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações
Administrativo Educacional de Apoio, e Comunicações, para as providências a
Referência “I”, ambos do Quadro de Pessoal seu cargo”.
da Secretaria de Educação, Cultura e 23. Processo nº 201700006021442 - Trata
Esporte, atualmente denominada Secretaria de ato de Concessão de Aposentadoria a
de Estado da Educação, da Sra. Ida Póvoa SEBASTIANA SILVA DA COSTA, da
Lima Pereira, determinando os respectivos Secretaria de Estado da Educação, Cultura
registros, para que surtam os efeitos de e Esporte (SECE), com fundamento no art.
direito. Ao Serviço de Publicações e 6º, incisos I a IV, da Emenda Constitucional
Comunicações, para as providências a seu Federal nº 41/2003, com proventos
cargo”. integrais. O Relator disponibilizou para a
21. Processo nº 201700006018238 - Trata leitura o relatório e voto. Tomados os votos
de ato de Concessão de Aposentadoria a nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
WALDIVINA RODRIGUES DE SOUZA 2663/2020, aprovado por unanimidade, nos
ROSA, da Secretaria de Estado da seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
Educação, Cultura e Esporte (SECE), com DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
fundamento no art. 3º, incisos I, II e III, e pelos membros integrantes de sua Primeira
parágrafo único da Emenda Constitucional Câmara, ante as razões expostas pelo
Federal nº 47/2005, com proventos Relator, em julgar legais os atos de
integrais. O Relator disponibilizou para a admissão, no cargo de Professor III, e
leitura o relatório e voto. Tomados os votos concessivo de aposentadoria, no cargo de
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº Professor IV, Referência "C", ambos da

28
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Secretaria de Estado da Educação, da Sra. e Comunicações, para as providências a


Sebastiana Silva da Costa, determinando os seu cargo”.
respectivos registros, para que surtam os 26. Processo nº 201700006022454 - Trata
efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações de ato de Concessão de Aposentadoria a
e Comunicações, para as providências a MARIA SUELI DAS GRAÇAS SUTERO, da
seu cargo”. Secretaria de Estado da Educação, Cultura
24. Processo nº 201700006021692 - Trata e Esporte (SECE), com fundamento no art.
de ato de Concessão de Aposentadoria a 3º, incisos I, II e III, e parágrafo único da
SÔNIA MARIA ALVES MORAIS SILVA, da Emenda Constitucional Federal nº 47/2005,
Secretaria de Estado da Educação, Cultura com proventos integrais. O Relator
e Esporte (SECE), com fundamento no art. disponibilizou para a leitura o relatório e
3º, incisos I, II, e II e parágrafo único, da voto. Tomados os votos nos termos
Emenda Constitucional nº 47 de 2005, com regimentais, foi o Acórdão nº 2666/2020,
proventos integrais. O Relator disponibilizou aprovado por unanimidade, nos seguintes
para a leitura o relatório e voto. Tomados os termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
votos nos termos regimentais, foi o Acórdão CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
nº 2664/2020, aprovado por unanimidade, membros integrantes de sua Primeira
nos seguintes termos: “ACORDA o Câmara, ante as razões expostas pelo
TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE Relator, em julgar legais os atos de
GOIÁS, pelos membros integrantes de sua admissão, no cargo de Professor I, e
Primeira Câmara, ante as razões expostas concessivo de aposentadoria, no cargo de
pelo Relator, em julgar legais os atos de Professor IV, Referência "A", ambos da
admissão, no cargo de Porteiro Servente, da Secretaria de Estado da Educação, de Maria
Secretaria de Educação, e concessivo de Sueli das Graças Sutero, determinando os
aposentadoria, no cargo de Agente respectivos registros, para que surtam os
Administrativo Educacional de Apoio, efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações
Referência “H”, da Secretaria de Educação, e Comunicações, para as providências a
Cultura e Esporte, ambos da atual seu cargo”.
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. 27. Processo nº 201700006023811 - Trata
Sônia Maria Alves Morais Silva, de ato de Concessão de Aposentadoria a
determinando os respectivos registros, para RITA DE CÁSSIA CAIXETA, da Secretaria
que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço de Estado da Educação, Cultura e Esporte
de Publicações e Comunicações, para as (SECE), com fundamento no art. 3º, incisos
providências a seu cargo”. I, II e III e parágrafo único, da Emenda
25. Processo nº 201700006022179 - Trata Constitucional Federal nº 47/2005, com
de ato de Concessão de Aposentadoria a proventos integrais. O Relator disponibilizou
ANA MARIA FERREIRA POTENGY, da para a leitura o relatório e voto. Tomados os
Secretaria de Estado da Educação, Cultura votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
e Esporte (SECE), com fundamento nos nº 2667/2020 aprovado por unanimidade,
arts. 40, § 1º, inciso III, alínea "b", da nos seguintes termos: “ACORDA o
Constituição Federal, alterado pela Emenda TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
Constitucional Federal nº 41/2003, com GOIÁS, pelos membros integrantes de sua
proventos proporcionais ao tempo de Primeira Câmara, ante as razões expostas
contribuição. O Relator disponibilizou para a pelo Relator, em julgar legais os atos de
leitura o relatório e voto. Tomados os votos admissão, no cargo de Professor AD-1, e
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº concessivo de aposentadoria, no cargo de
2665/2020, aprovado por unanimidade, nos Professor IV, Referência “E”, do Magistério
seguintes termos: “ACORDA TRIBUNAL DE Público Estadual, da Sra. Rita de Cássia
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos Caixeta, determinando os respectivos
membros integrantes de sua Primeira registros, para que surtam os efeitos de
Câmara, ante as razões expostas pelo direito. Ao Serviço de Publicações e
Relator, em julgar legais os atos de Comunicações, para as providências a seu
nomeação, a partir de 02/08/1999, e de cargo”.
aposentadoria, respectivamente, nos cargos 28. Processo nº 201700006024308 - Trata
de Professor III e de Professor IV, de ato de Concessão de Aposentadoria a
Referência “C”, ambos da Secretaria de MARLY PEREIRA DA SILVA SANTOS, da
Estado da Educação, da Sra. Ana Maria Secretaria de Estado da Educação, Cultura
Ferreira Potengy, sugerindo os respectivos e Esporte, com fundamento no art. 6º,
registros nesta Casa, para que surtam os incisos I a IV, da Emenda Constitucional
efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações Federal nº 41 de 2003, com proventos

29
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

integrais. O Relator disponibilizou para a Câmara, ante as razões expostas pelo


leitura o relatório e voto. Tomados os votos Relator, em julgar legais os atos de
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº admissão, no cargo de Professor III, e
2668/2020, aprovado por unanimidade, nos concessivo de aposentadoria, no cargo de
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL Professor IV, Referência “C”, ambos da
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Secretaria de Estado da Educação, da Sra.
pelos membros integrantes de sua Primeira Graceli Rodrigues Castilho Bezerra,
Câmara, ante as razões expostas pelo determinando os respectivos registros, para
Relator, em julgar legais os atos de que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço
admissão, no cargo de Professor I, e de Publicações e Comunicações, para as
concessivo de aposentadoria, no cargo de providências a seu cargo”.
Professor IV, Referência “C”, ambos da 31. Processo nº 201700006026922 - Trata
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. de ato de Concessão de Aposentadoria a
Marly Pereira da Silva Santos, JANETE ABREU HOLANDA, da Secretaria
determinando os respectivos registros, para de Educação, Cultura e Esporte (SECE),
que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço com fundamento no artigo 3º, inciso I, II e II
de Publicações e Comunicações, para as e parágrafo único, da Emenda
providências a seu cargo”. Constitucional Federal nº 47 de 2005, com
29. Processo nº 201700006025579 - Trata proventos integrais. O Relator disponibilizou
de ato de Concessão de Aposentadoria a para a leitura o relatório e voto. Tomados os
JANILMA CARVALHO DE MORAIS, da votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
Secretaria de Estado da Educação, Cultura nº 2671/2020, aprovado por unanimidade,
e Esporte (SECE), com fundamento no art. nos seguintes termos: “ACORDA o
3º, incisos I, II e III e parágrafo único, da TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
Emenda Constitucional Federal nº 47/2005, GOIÁS, pelos membros integrantes de sua
com proventos integrais. O Relator Primeira Câmara, ante as razões expostas
disponibilizou para a leitura o relatório e pelo Relator, em julgar legais os atos de
voto. Tomados os votos nos termos admissão, no cargo de Professor
regimentais, foi o Acórdão nº 2669/2020, Assistente, Nível “C”, e concessivo de
aprovado por unanimidade, nos seguintes aposentadoria, no cargo de Professor IV,
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Referência “D”, ambos da atual Secretaria
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos de Estado da Educação, da Sra. Janete
membros integrantes de sua Primeira Abreu Holanda, determinando os
Câmara, ante as razões expostas pelo respectivos registros, para que surtam os
Relator, em julgar legais os atos de efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações
admissão, no cargo de Professor e Comunicações, para as providências a
Assistente, Nível “A”, e concessivo de seu cargo”.
aposentadoria, no cargo de Professor IV, 32. Processo nº 201700006027197 - Trata
Referência “D”, ambos da Secretaria de de ato de Concessão de Aposentadoria a
Estado da Educação, da Sra. Janilma MARIA AURORA DA COSTA E SILVA, da
Carvalho de Morais, determinando os Secretaria da Educação, Cultura e Esporte
respectivos registros, para que surtam os (SECE), com fundamento no art. 6º, incisos
efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações I a IV, da Emenda Constitucional Federal nº
e Comunicações, para as providências a 41/2003, com proventos integrais. O Relator
seu cargo”. disponibilizou para a leitura o relatório e
30. Processo nº 201700006026264 - Trata voto. Tomados os votos nos termos
de ato de Concessão de Aposentadoria a regimentais, foi o Acórdão nº 2672/2020,
GRACELI RODRIGUES CASTILHO aprovado por unanimidade, nos seguintes
BEZERRA, da Secretaria de Estado da termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
Educação, Cultura e Esporte, com CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
fundamento no art. 6º, incisos I a IV, da membros integrantes de sua Primeira
Emenda Constitucional Federal nº 41 de Câmara, ante as razões expostas pelo
2003, com proventos integrais. O Relator Relator, em julgar legais os atos de
disponibilizou para a leitura o relatório e admissão, no cargo de Professor I, e
voto. Tomados os votos nos termos concessivo de aposentadoria, no cargo de
regimentais, foi o Acórdão nº 2670/2020, Professor IV, Referência “A”, ambos da
aprovado por unanimidade, nos seguintes Secretaria de Estado da Educação, da Sra.
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Maria Aurora da Costa e Silva,
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos determinando os respectivos registros, para
membros integrantes de sua Primeira que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço

30
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

de Publicações e Comunicações, para as art. 6º, incisos I a IV, da Emenda


providências a seu cargo”. Constitucional Federal nº 41/2003, com
33. Processo nº 201700006030387 - Trata proventos integrais. O Relator disponibilizou
de ato de Concessão de Aposentadoria a para a leitura o relatório e voto. Tomados os
MARIA JOSÉ DE ARAÚJO GODINHO votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
BRITO, da Secretaria de Estado da nº 2675/2020, aprovado por unanimidade,
Educação, Cultura e Esporte (SECE), com nos seguintes termos: “ACORDA o
fundamento no art. 3º, incisos I, II e III e TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
parágrafo único, da Emenda Constitucional GOIÁS, pelos membros integrantes de sua
Federal nº 47/2005, com proventos Primeira Câmara, ante as razões expostas
integrais. O Relator disponibilizou para a pelo Relator, em julgar legais os atos de
leitura o relatório e voto. Tomados os votos admissão, no cargo de Professor AD-I, e
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº concessivo de aposentadoria, no cargo de
2673/2020, aprovado por unanimidade, nos Professor IV, Referência “C”, ambos da
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL Secretaria de Estado da Educação, da Sra.
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Adriana Gomes Bezerra, determinando os
pelos membros integrantes de sua Primeira respectivos registros, para que surtam os
Câmara, ante as razões expostas pelo efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações
Relator, em julgar legal o ato concessivo de e Comunicações, para as providências a
aposentadoria de Maria José de Araújo seu cargo”.
Godinho Brito, no cargo de Agente 36. Processo nº 201700006036367 - Trata
Administrativo Educacional Técnico, de ato de Concessão de Aposentadoria a
Referência G-I, da Secretaria de Estado da BENEDITA DE ASSIS CORREIA, da
Educação, determinando o respectivo Secretaria de Estado da Educação, Cultura
registro, para que surta os efeitos de direito. e Esporte (SECE), com fundamento no art.
Ao Serviço de Publicações e 6º, incisos I a IV, da Emenda Constitucional
Comunicações, para as providências a seu Federal nº 41/2003, com proventos
cargo”. integrais. O Relator disponibilizou para a
34. Processo nº 201700006030958 - Trata leitura o relatório e voto. Tomados os votos
de ato de Concessão de Aposentadoria a nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
SUELI CLEUSA CAMARGO GRACIANO, 2676/2020, aprovado por unanimidade, nos
da Secretaria de Estado da Educação, seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
Cultura e Esporte (SEDUCE), com DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
fundamento no art. 6º, incisos I a IV, da pelos membros integrantes de sua Primeira
Emenda Constitucional Federal 41/2003, Câmara, ante as razões expostas pelo
com proventos integrais. O Relator Relator, em julgar legais os atos de
disponibilizou para a leitura o relatório e admissão, no cargo de Professor I, e
voto. Tomados os votos nos termos concessivo de aposentadoria, no cargo de
regimentais, foi o Acórdão nº 2674/2020 Professor IV, Referência “B”, ambos da
aprovado por unanimidade, nos seguintes Secretaria de Estado da Educação, de
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Benedita de Assis Correia, determinando os
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos respectivos registros, para que surtam os
membros integrantes de sua Primeira efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações
Câmara, ante as razões expostas pelo e Comunicações, para as providências a
Relator, em julgar legais os atos de seu cargo”.
admissão, no cargo de Auxiliar de Serviços 37. Processo nº 201700006036520 - Trata
Gerais, e concessivo de aposentadoria, no de ato de Concessão de Aposentadoria a
cargo de Agente Administrativo Educacional MARIA JACQUELINE DIAS ALVES, da
de Apoio, Referência “H”, ambos da atual Secretaria de Estado da Educação, Cultura
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. e Esporte (SECE), com fundamento no art.
Sueli Cleusa Camargo Graciano, 6º, incisos I a IV, da Emenda Constitucional
determinando os respectivos registros, para Federal nº 41/2003, com proventos
que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço integrais. O Relator disponibilizou para a
de Publicações e Comunicações, para as leitura o relatório e voto. Tomados os votos
providências a seu cargo”. nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
35. Processo nº 201700006032685 - Trata 2677/2020, aprovado por unanimidade, nos
de ato de Concessão de Aposentadoria a seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
ADRIANA GOMES BEZERRA, da DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
Secretaria de Estado da Educação, Cultura pelos membros integrantes de sua Primeira
e Esporte (SEDUCE), com fundamento no Câmara, ante as razões expostas pelo

31
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Relator, em julgar legais os atos de Comunicações, para as providências a seu


admissão, no cargo de Professor, AD-1, cargo”.
concessivo de aposentadoria, no cargo de 40. Processo nº 201800004075177 - Trata
Professor IV, Referência “C”, ambos da de ato de Concessão de Aposentadoria a
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. MARCOS DIAS LEÃO, da Secretaria de
Maria Jacqueline Dias Alves, determinando Estado da Economia (ECONOMIA), com
os respectivos registros, para que surtam os fundamento no art. 3º, incisos I, II e III, e
efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações parágrafo único da Emenda Constitucional
e Comunicações, para as providências a Federal nº 47/2005, com proventos
seu cargo”. integrais. O Relator disponibilizou para a
38. Processo nº 201800003012385 - Trata leitura o relatório e voto. Tomados os votos
de ato de Concessão de Aposentadoria a nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
HERNANE LUIZ MARRA DA MADEIRA, da 2680/2020, aprovado por unanimidade, nos
Procuradoria Geral do Estado (PGE), com seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
fundamento no art. 3º, incisos I, II e III, e DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
parágrafo único da Emenda Constitucional pelos membros integrantes de sua Primeira
Federal nº 47/2005, com proventos Câmara, ante as razões expostas pelo
integrais. O Relator disponibilizou para a Relator, em julgar legais os atos de
leitura o relatório e voto. Tomados os votos admissão, no cargo de Fiscal Arrecadador,
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº e concessivo de aposentadoria, no cargo de
2678/2020, aprovado por unanimidade, nos Auditor Fiscal da Receita Estadual, Classe
seguintes termos: “ACORDA TRIBUNAL DE Especial, Padrão 5, ambos da Secretaria de
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos Estado da Fazenda, atual Secretaria de
membros integrantes de sua Primeira Estado da Economia, do Sr. Marcos Dias
Câmara, ante as razões expostas pelo Leão, determinando os respectivos
Relator, em julgar legais os atos de registros, para que surtam os efeitos de
admissão, no cargo de Procurador do direito. Ao Serviço de Publicações e
Estado de 4ª Categoria, e concessivo de Comunicações, para as providências a seu
aposentadoria, no cargo de Procurador do cargo”.
Estado de Classe Especial, ambos da 41. Processo nº 201800005012367 - Trata
Procuradoria-Geral do Estado, do Sr. de ato de Concessão de Aposentadoria a
Hernane Luiz Marra da Madeira, MAGNOLIA LINO DA COSTA, da Secretaria
determinando os respectivos registros, para de Estado de Gestão e Planejamento
que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço (SEGPLAN), com fundamento no art. 6º,
de Publicações e Comunicações, para as incisos I a IV, da Emenda Constitucional
providências a seu cargo”. Federal nº 41/2003, com proventos
39. Processo nº 201800004039928 - Trata integrais. O Relator disponibilizou para a
de ato de Concessão de Aposentadoria a leitura o relatório e voto. Tomados os votos
JOÃO RUFINO DE AZEVEDO, da nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
Secretaria de Estado da Economia 2681/2020, aprovado por unanimidade, nos
(ECONOMIA), sucessora da Secretaria de seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
Estado da Fazenda (SEFAZ), com DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
fundamento no art. 3º, incisos I, II e III, e pelos membros integrantes de sua Primeira
parágrafo único, da Emenda Constitucional Câmara, ante as razões expostas pelo
Federal nº 47/2005, com proventos Relator, em julgar legal o ato concessivo de
integrais. O Relator disponibilizou para a aposentadoria da Sra. Magnólia Lino da
leitura o relatório e voto. Tomados os votos Costa, no cargo de Assistente de Gestão
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº Administrativa, Classe B, Padrão III, da
2679/2020, aprovado por unanimidade, nos Secretaria de Gestão e Planejamento, atual
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL Secretaria de Estado da Administração,
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, determinando o respectivo registro, para
pelos membros integrantes de sua Primeira que surta os efeitos de direito. Ao Serviço de
Câmara, ante as razões expostas pelo Publicações e Comunicações, para as
Relator, em julgar legal o ato concessivo de providências a seu cargo”.
aposentadoria do Sr. João Rufino de 42. Processo nº 201800006000697 - Trata
Azevedo, no cargo de Agente Fazendário, de ato de Concessão de Aposentadoria a
Classe I, Padrão 4, da Secretaria de Estado ANILÇA SANTOS TAVARES, da Secretaria
da Economia, determinando o respectivo de Estado da Educação Cultura e Esporte
registro, para que surta os efeitos de direito. (SEDUCE), com fundamento no artigo 3º,
Ao Serviço de Publicações e inciso I, II, III e parágrafo único, da Emenda

32
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Constitucional nº 47 de 2005, com proventos Relator, em julgar legais os atos de


integrais. O Relator disponibilizou para a admissão, no cargo de Professor AD-5, e
leitura o relatório e voto. Tomados os votos concessivo de aposentadoria, no cargo de
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº Professor III, Referência “D”, ambos da
2682/2020, aprovado por unanimidade, nos Secretaria de Estado da Educação, da Sra.
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL Maria das Graças Silva Chaves,
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, determinando os respectivos registros, para
pelos membros integrantes de sua Primeira que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço
Câmara, ante as razões expostas pelo de Publicações e Comunicações, para as
Relator, em julgar legais os atos de providências a seu cargo”.
admissão, no cargo de Professor I, e 45. Processo nº 201800006006405 - Trata
concessivo de aposentadoria, no cargo de de ato de Concessão de Aposentadoria a
Professor III, Referência “C”, ambos da SOLANGE ABADIA DE OLIVEIRA
Secretaria de estado da Educação, da Sra. GUIMARÃES, da Secretaria de Estado da
Anilça Santos Tavares, determinando os Educação, Cultura e Esporte (SECE), com
respectivos registros, para que surtam os fundamento no art. 3º, incisos I, II e III e
efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações parágrafo único, da Emenda Constitucional
e Comunicações, para as providências a Federal nº 47/2005, com proventos
seu cargo”. integrais. O Relator disponibilizou para a
43. Processo nº 201800006001970 - Trata leitura o relatório e voto. Tomados os votos
de ato de Concessão de Aposentadoria a nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
IVONE PEREIRA DA SILVA, da Secretaria 2685/2020, aprovado por unanimidade, nos
da Educação, Cultura e Esporte (SECE), seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
com fundamento no art. 6º, incisos I a IV, da DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
Emenda Constitucional Federal nº 41/2003, pelos membros integrantes de sua Primeira
com proventos integrais. O Relator Câmara, ante as razões expostas pelo
disponibilizou para a leitura o relatório e Relator, em julgar legais os atos de
voto. Tomados os votos nos termos admissão, no cargo de Professor Assistente
regimentais, foi o Acórdão nº 2683/2020, Nível “A”, e concessivo de aposentadoria, no
aprovado por unanimidade, nos seguintes cargo de Professor IV, Referência “C”, do
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Quadro Permanente do Magistério Público
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos Estadual, da Sra. Solange Abadia de
membros integrantes de sua Primeira Oliveira Guimarães, determinando os
Câmara, ante as razões expostas pelo respectivos registros, para que surtam os
Relator, em julgar legais os atos de efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações
admissão, no cargo de Professor III, e e Comunicações, para as providências a
concessivo de aposentadoria, no cargo de seu cargo”.
Professor IV, Referência “E”, ambos da 46. Processo nº 201800006006538 - Trata
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. de ato de Concessão de Aposentadoria a
Ivone Pereira da Silva, determinando os JOSEFA FEITOSA DA COSTA ALMEIDA,
respectivos registros, para que surtam os da Secretaria de Estado da Educação,
efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações Cultura e Esporte (SECE), com fundamento
e Comunicações, para as providências a no art. 6º, incisos I a IV, da Emenda
seu cargo”. Constitucional Federal nº 41/2003, com
44. Processo nº 201800006003135 - Trata proventos integrais. O Relator disponibilizou
de ato de Concessão de Aposentadoria a para a leitura o relatório e voto. Tomados os
MARIA DA GRAÇAS SILVA CHAVES, da votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
Secretaria de Estado da Educação, Cultura nº 2686/2020, aprovado por unanimidade,
e Esporte (SEDUCE), com fundamento no nos seguintes termos: “ACORDA o
art.3º, incisos I, II e III e parágrafo único, da TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
Emenda Constitucional Federal nº 47/2005, GOIÁS, pelos membros integrantes de sua
com proventos integrais. O Relator Primeira Câmara, ante as razões expostas
disponibilizou para a leitura o relatório e pelo Relator, em julgar legais os atos de
voto. Tomados os votos nos termos admissão, no cargo de Professor I, e
regimentais, foi o Acórdão nº 2684/2020, concessivo de aposentadoria, no cargo de
aprovado por unanimidade, nos seguintes Professor IV, Referência “D”, ambos da
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Secretaria de Estado da Educação, da Sra.
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos Josefa Feitosa da Costa Almeida,
membros integrantes de sua Primeira determinando os respectivos registros, para
Câmara, ante as razões expostas pelo que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço

33
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

de Publicações e Comunicações, para as Cultura e Esporte (SEDUCE), com


providências a seu cargo”. fundamento no art. 6º, incisos I a IV, da
47. Processo nº 201800006011361 - Trata Emenda Constitucional Federal nº 41/2003,
de ato de Concessão de Aposentadoria a com proventos integrais. O Relator
MARIA FLAVINA BRANDÃO CAMILO, de disponibilizou para a leitura o relatório e
Secretaria de Estado da Educação, Cultura voto. Tomados os votos nos termos
e Esporte (SEDUCE), com fundamento no regimentais, foi o Acórdão nº 2689/2020,
art. 3º, incisos I, II e III e parágrafo único, da aprovado por unanimidade, nos seguintes
Emenda Constitucional Federal nº 47/2005, termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
com proventos integrais. O Relator CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
disponibilizou para a leitura o relatório e membros integrantes de sua Primeira
voto. Tomados os votos nos termos Câmara, ante as razões expostas pelo
regimentais, foi o Acórdão nº 2687/2020, Relator, em julgar legais os atos de
aprovado por unanimidade, nos seguintes admissão, no cargo de Professor III, e
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE concessivo de aposentadoria, no cargo de
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos Professor IV, Referência “D”, ambos da
membros integrantes de sua Primeira Secretaria de Estado da Educação, da Sra.
Câmara, ante as razões expostas pelo Shirley Nominato de Souza Silva,
Relator, em julgar legais os atos de determinando os respectivos registros, para
admissão, no cargo de Professor AD-1, e que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço
concessivo de aposentadoria, no cargo de de Publicações e Comunicações, para as
Professor IV, Referência “F”, ambos da providências a seu cargo”.
Secretaria de Estado da Educação, da Sra. 50. Processo nº 201800010011966 - Trata
Maria Flavina Brandão Camilo, de ato de Concessão de Aposentadoria a
determinando os respectivos registros, para ZÉLIA HELENA DO CARMO REZENDE, da
que surtam os efeitos de direito. Ao Serviço Secretaria de Estado da Saúde (SES), com
de Publicações e Comunicações, para as fundamento no art. 3º, incisos I, II e III e
providências a seu cargo”. parágrafo único, da Emenda Constitucional
48. Processo nº 201800006012133 - Trata Federal nº 47/2005, com proventos
de ato de Concessão de Aposentadoria a integrais. O Relator disponibilizou para a
MARILDA GONÇALVES RODRIGUES DE leitura o relatório e voto. Tomados os votos
OLIVEIRA, da Secretaria de Estado da nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
Educação, Cultura e Esporte (SECE), com 2690/2020, aprovado por unanimidade, nos
fundamento no art. 6º, incisos I a IV, da seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
Emenda Constitucional Federal nº 41/2003, DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
com proventos integrais. O Relator pelos membros integrantes de sua Primeira
disponibilizou para a leitura o relatório e Câmara, ante as razões expostas pelo
voto. Tomados os votos nos termos Relator, em julgar legal o ato concessivo de
regimentais, foi o Acórdão nº 2688/2020, aposentadoria de Zélia Helena do Carmo
aprovado por unanimidade, nos seguintes Rezende, no cargo de Farmacêutico-
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Bioquímico, Nível III, Referência “O”, da
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos Secretaria de Estado da Saúde,
membros integrantes de sua Primeira determinando o respectivo registro, para
Câmara, ante as razões expostas pelo que surta os efeitos de direito. Ao Serviço de
Relator, em julgar legais os atos de Publicações e Comunicações, para as
admissão, no cargo de Professor I, e providências a seu cargo”.
concessivo de aposentadoria, no cargo de 51. Processo nº 201900004010542 - Trata
Professor IV, Referência “D”, ambos da de ato de Concessão de Aposentadoria a
Secretaria de Estado da Educação, Cultura RUBENS VIADANNA, da Secretaria de
e Esporte, atual Secretaria de Estado da Estado da Economia (ECONOMIA), com
Educação, da Sra. Marilda Gonçalves fundamento no art. 3º, incisos I, II e III e
Rodrigues de Oliveira, determinando os parágrafo único, da Emenda Constitucional
respectivos registros, para que surtam os Federal nº 47/2005, com proventos
efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações integrais. O Relator disponibilizou para a
e Comunicações, para as providências a leitura o relatório e voto. Tomados os votos
seu cargo”. nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
49. Processo nº 201800006017845 - Trata 2691/2020, aprovado por unanimidade, nos
de ato de Concessão de Aposentadoria a seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
SHIRLEY NOMINATO DE SOUZA SILVA, DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
da Secretaria de Estado da Educação, pelos membros integrantes de sua Primeira

34
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Câmara, ante as razões expostas pelo cargo”.


Relator, em julgar legais os atos de 3. Processo nº 201811129004215 - Trata de
admissão, no cargo de Agente Arrecadador, ato de Concessão de Pensão a SINARA
e concessivo de aposentadoria, no cargo de CARVALHO DE SÁ, na condição de viúva
Auditor Fiscal da Receita Estadual, Classe de Flávia Nair de Faria Sales, que ocupava
Especial, Padrão 5, ambos da Secretaria de o cargo de Professor IV, Ref. B, do Quadro
Estado da Fazenda, atual, ambos da de Pessoal da Secretaria de Educação,
Secretaria de Estado da Economia, do Sr. Cultura e Esporte. O Relator disponibilizou
Rubens Viadanna, determinando os para a leitura o relatório e voto. Tomados os
respectivos registros, para que surtam os votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações nº 2694/2020, aprovado por unanimidade,
e Comunicações, para as providências a nos seguintes termos: “ACORDA o
seu cargo”. TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
PENSÃO - CONCESSÃO: GOIÁS, pelos membros integrantes de sua
1. Processo nº 201711129001495 - Trata de Primeira Câmara, ante as razões expostas
ato de Concessão de Pensão a ANTÔNIO pelo Relator, em julgar legal o ato de
JOSÉ DE SOUZA, na condição de admissão, a partir de 29/09/2010, de Flávia
companheiro de Maria Divina Santana, ex- Nair de Faria Sales, no cargo de Professor
servidora aposentada da Secretaria de III, da Secretaria de Educação Cultura e
Estado da Educação, Cultura e Esporte Esporte, atualmente Secretaria de Estado
(SECE). O Relator disponibilizou para a da Educação, e do ato concessivo de
leitura o relatório e voto. Tomados os votos pensão temporária em favor de Sinara
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº Carvalho de Sá, na condição de viúva da
2692/2020, aprovado por unanimidade, nos referida servidora, determinando os
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL respectivos registros, para que surtam os
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, efeitos de direito. Ao Serviço de Publicações
pelos membros integrantes de sua Primeira e Comunicações, para as providências a
Câmara, ante as razões expostas pelo seu cargo”.
Relator, em julgar legal o ato concessivo de 4. Processo nº 201811129005554 - Trata de
pensão em favor de Antônio José de Souza, ato de Concessão de Pensão a SOPHIA
na condição, de companheiro da Sra. Maria MARQUES SOUZA e ESTHER MARQUES
Divina Santana de Souza, determinando o SOUZA, dependentes previdenciários de
respectivo registro, para que surta os efeitos Juliana Marques Quirino da Silva, que
de direito. Ao Serviço de Publicações e ocupava o cargo de Professor III, Referência
Comunicações, para as providências a seu “B”, do Quadro de Pessoal da Secretaria de
cargo”. Estado da Educação, Cultura e Esporte
2. Processo nº 201800003001200 - Trata de (SEDUCE). O Relator disponibilizou para a
ato de Concessão de Pensão a Maria da leitura o relatório e voto. Tomados os votos
GLÓRIA DOS REIS ROCHA, na condição nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
de viúva de Cloves Augusto da Rocha, ex- 2695/2020, aprovado por unanimidade, nos
servidor aposentado no Cargo de Oficial de seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
Registro de Pessoas Jurídicas, Títulos, DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
Documentos e Protestos e Tabelião 2º de pelos membros integrantes de sua Primeira
Notas da comarca de Cristalina-GO, da Câmara, ante as razões expostas pelo
Secretaria de Estado da Fazenda (SEFAZ). Relator, em julgar legal o ato concessivo de
O Relator disponibilizou para a leitura o pensão em favor de Sophia Marques Souza
relatório e voto. Tomados os votos nos e de Esther Marques Souza, na condição de
termos regimentais, foi o Acórdão nº filhas previdenciariamente da segurada Sra.
2693/2020, aprovado por unanimidade, nos Juliana Marques Quirino da Silva,
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL determinando o respectivo registro, para
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, que surta os efeitos de direito. Ao Serviço de
pelos membros integrantes de sua Primeira Publicações e Comunicações, para as
Câmara, ante as razões expostas pelo providências a seu cargo”.
Relator, em julgar legal o ato concessivo de 5. Processo nº 201811129005924 - Trata de
pensão em favor da Sra. Maria da Glória dos ato de Concessão de Pensão a CYLIO DA
Reis Rocha, na condição de viúva de Cloves SILVA PEIXOTO, instituída pela segurada
Augusto da Rocha, determinando o Elza Francisca Soares Peixoto, aposentada
respectivo registro, para que surta os efeitos no cargo de Executor de Serviços Auxiliares
de direito. Ao Serviço de Publicações e II, A-1, do Quadro de Pessoal da Secretaria
Comunicações, para as providências a seu de Educação, Cultura e Esporte (SECE). O

35
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Relator disponibilizou para a leitura o Costa e Silva, na condição de viúva do Sr.


relatório e voto. Tomados os votos nos Antônio Estanislau da Silva Neto, que
termos regimentais, foi o Acórdão nº encontrava-se aposentado no cargo de
2696/2020, aprovado por unanimidade, nos Executor de Serviços Administrativos I - M2,
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL da Secretaria de Estado da Educação,
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Cultura e Esporte determinando o
pelos membros integrantes de sua Primeira respectivo registro, para que surta os efeitos
Câmara, ante as razões expostas pelo de direito. Ao Serviço de Publicações e
Relator, em julgar legal o ato concessivo de Comunicações, para as providências a seu
pensão em favor do Sr. Cylio da Silva cargo”.
Peixoto, na condição de viúvo da Sra. Elza 8. Processo nº 201811129009348 - Trata de
Francisca Soares Peixoto, servidora inativa ato de Concessão de Pensão a LOURDES
do Quadro de Pessoal da Secretaria de JARDIM CRUVINEL, instituída pelo
Estado da Educação, determinando o segurado José Nero Cruvinel, aposentado
respectivo registro, para que surta os efeitos no cargo de Agente Fiscal dos Tributos
de direito. Ao Serviço de Publicações e Estaduais, Classe única, do Quadro de
Comunicações, para as providências a seu Pessoal da Secretaria de Estado da
cargo”. Fazenda (SEFAZ). O Relator disponibilizou
6. Processo nº 201811129006046 - Trata de para a leitura o relatório e voto. Tomados os
ato de Concessão de Pensão a DIVINA votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
ELIAS LEMES, instituída pelo segurado nº 2699/2020, aprovado por unanimidade,
Hélio Vaz Lemes, aposentado no cargo de nos seguintes termos: “ACORDA o
Professor I, Referência “E”, do Quadro de TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
Pessoal da Secretaria de Estado da GOIÁS, pelos membros integrantes de sua
Educação, Cultura e Esporte (SECE). O Primeira Câmara, ante as razões expostas
Relator disponibilizou para a leitura o pelo Relator, em julgar legal o ato
relatório e voto. Tomados os votos nos concessivo de pensão em favor de Lourdes
termos regimentais, foi o Acórdão nº Jardim Cruvinel, na condição de viúva do Sr.
2697/2020, aprovado por unanimidade, nos José Nero Cruvinel, determinando o
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL respectivo registro, para que surta os efeitos
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, de direito. Ao Serviço de Publicações e
pelos membros integrantes de sua Primeira Comunicações, para as providências a seu
Câmara, ante as razões expostas pelo cargo, bem como para notificar a
Relator, em julgar legal o ato concessivo de GOIASPREV para observar que se caso a
pensão em favor da Sra. Divina Elias beneficiária venha a acumular proventos de
Lemes, na condição de viúva do Sr. Hélio aposentadoria com os proventos da pensão
Vaz Lemes, servidor inativo Secretaria da de seu cônjuge, a somatória desse
Educação, determinando o respectivo montante deve estar adequada ao teto
registro, para que surta os efeitos de direito. constitucional previsto no inciso XI do art. 37
Ao Serviço de Publicações e da CF/88, nos moldes delineados pelo STF
Comunicações, para as providências a seu quando do julgamento do RE 602584, com
cargo”. repercussão-geral”.
7. Processo nº 201811129007822 - Trata de 9. Processo nº 201811129010330 - Trata de
ato de Concessão de Pensão a SÔNIA ato de Concessão de Pensão a FLORACI
CALASSIA DA COSTA E SILVA, instituída MARIA DE OLIVEIRA VALADARES, na
pelo segurado Antônio Estanislau da Silva condição de viúva de Paulo Regis Matos
Neto, aposentado no cargo de Executor de Valadares, ex-servidor aposentado no cargo
Serviços Administrativos I, M-2, do Quadro de Agente Administrativo, Referência "2"
de Pessoal da Secretaria de Educação, (Posteriormente reposicionado no cargo de
Cultura e Esporte (SECE). O Relator Assistente Técnico de Saúde, Referênçia
disponibilizou para a leitura o relatório e "D", Nivel "II"), do Quadro de Pessoal da
voto. Tomados os votos nos termos Secretaria da Saúde (SES). O Relator
regimentais, foi o Acórdão nº 2698/2020, disponibilizou para a leitura o relatório e
aprovado por unanimidade, nos seguintes voto. Tomados os votos nos termos
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE regimentais, foi o Acórdão nº 2700/2020,
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos aprovado por unanimidade, nos seguintes
membros integrantes de sua Primeira termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
Câmara, ante as razões expostas pelo CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
Relator, em julgar legal o ato concessivo de membros integrantes de sua Primeira
pensão em favor de Sônia Calassia da Câmara, ante as razões expostas pelo

36
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Relator, em julgar legal o ato concessivo de providências a seu cargo”.


pensão em favor da Sra. Floraci Maria de 12. Processo nº 201911129001366 - Trata
Oliveira Valadares, na condição de viúva de de ato de Concessão de Pensão a MARIA
Paulo Regis Matos Valadares, IRANI PINHEIRO CÂMARA, na condição de
determinando o respectivo registro, para viúva de Emiliano Câmara Portilho, ex-
que surta os efeitos de direito. Ao Serviço de servidor aposentado no cargo de Fiscal
Publicações e Comunicações, para as Arrecadador, Classe "B" (posteriormente
providências a seu cargo”. reposicionado no cargo de Auditor Fiscal da
10. Processo nº 201811129011098 - Trata Receita Estadual, Classe Especial, Padrão
de ato de Concessão de Pensão a NEUZA 1), do Quadro de Pessoal da Secretaria de
EDITH CAMARGO MORAIS, na condição Estado da Economia (ECONOMIA). O
de viúva, de Alaedes de Souza Morais, ex- Relator disponibilizou para a leitura o
servidor aposentado no cargo de Fiscal relatório e voto. Tomados os votos nos
Arrecadador, Referência "D", do Quadro de termos regimentais, foi o Acórdão nº
Pessoal da Secretaria da Fazenda, atual 2703/2020, aprovado por unanimidade, nos
Secretaria de Estado da Economia seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
(ECONOMIA). O Relator disponibilizou para DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
a leitura o relatório e voto. Tomados os votos pelos membros integrantes de sua Primeira
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº Câmara, ante as razões expostas pelo
2701/2020, aprovado por unanimidade, nos Relator, em julgar legal o ato concessivo de
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL pensão em favor da Sra. Maria Irani Pinheiro
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Câmara, na condição de viúva de Emiliano
pelos membros integrantes de sua Primeira Câmara Portilho, determinando o respectivo
Câmara, ante as razões expostas pelo registro, para que surta os efeitos de direito.
Relator, em julgar legal o ato concessivo de Ao Serviço de Publicações e
pensão em favor de Neuza Edith Camargo Comunicações, para as providências a seu
Morais, na condição de viúva do Sr. Alaédes cargo”.
de Souza Morais, determinando o RELATÓRIOS LRF - GESTÃO FISCAL:
respectivo registro, para que surta os efeitos 1. Processo nº 202000047001801 - Trata do
de direito. Ao Serviço de Publicações e Relatório de Gestão Fiscal da Secretaria de
Comunicações, para as providências a seu Estado da Economia (ECONOMIA),
cargo”. referente ao 1º Quadrimestre de 2020,
11. Processo nº 201911129001326 - Trata encaminhado a esta Corte de Contas para
de ato de Concessão de Pensão a ROSELY análise e apreciação, em cumprimento a Lei
DE FÁTIMA ARAÚJO DE PAULA, na de Responsabilidade Fiscal - LRF. O Relator
condição de viúva de Geraldo Lino de Paula, disponibilizou para a leitura o relatório e
ex-servidor aposentado no cargo de voto. Tomados os votos nos termos
Cirurgião Dentista, Referência 6 regimentais, foi o Acórdão nº 2704/2020,
(posteriormente reposicionado na aprovado por unanimidade, nos seguintes
Referência L, Nível IV), do Quadro de termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
Pessoal da Secretaria de Estado da Saúde CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
(SES). O Relator disponibilizou para a leitura votos dos integrantes de sua Primeira
o relatório e voto. Tomados os votos nos Câmara, ante as razões expostas pelo
termos regimentais, foi o Acórdão nº Relator, no sentido de conhecer o Relatório
2702/2020, aprovado por unanimidade, nos de Gestão Fiscal (RGF) apresentado pelo
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL Poder Executivo, referente ao 1º
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, quadrimestre do exercício de 2020, e
pelos membros integrantes de sua Primeira determinar: I.À Secretaria de Estado da
Câmara, ante as razões expostas pelo Economia que: a) Com fundamento no art.
Relator, em julgar legal o ato concessivo de 97 da Lei nº 16.168/2007, disponibilize a
pensão em favor de Rosely de Fátima memória de cálculo do Relatório de Gestão
Araújo de Paula, na condição de viúva do Sr. Fiscal na ferramenta Business Objects, em
Geraldo Lino de Paula, aposentado no cargo cumprimento ao artigo 2º, parágrafo único,
de Cirurgião Dentista, Referência 6 da Resolução nº 09/2016 desta Corte de
(posteriormente reposicionado na Contas, aos Acórdãos nº 792/2020 e nº
Referência L, Nível IV), do Quadro de 1714/2020, sob a possibilidade de aplicação
Pessoal da Secretaria de Estado da Saúde, da multa prevista no art. 112, VII, da Lei nº
determinando o respectivo registro, para 16.168/2007 (item 2.2.1 Memória de Cálculo
que surta os efeitos de direito. Ao Serviço de da Instrução Técnica nº 21/2020). b) Com
Publicações e Comunicações, para as fundamento no art. 97 da Lei nº

37
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

16.168/2007, adote subelemento de 2. Processo nº 201600006006673 - Trata de


despesa específico, dentro da natureza de ato de Concessão de Aposentadoria a Sonia
despesa “3.3.90.34.00”, para a Maria de Oliveira, da Secretaria Estado de
contabilização das despesas com Educação, Cultura e Esporte (SECE), com
remuneração de pessoal por meio de fundamento no art. 3º, incisos I, II e III, e
contratação indireta (item 2.3.3 Despesas parágrafo único da Emenda Constitucional
com Pessoal por Contratação Indireta da Federal nº 47/2005, com proventos
Instrução Técnica nº 21/2020). c) Com integrais. O Relator disponibilizou para a
fundamento no art. 97 da Lei nº leitura o relatório e voto. Tomados os votos
16.168/2007, corrija as distorções nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
apontadas no Demonstrativo da Dívida 2706/2020, aprovado por unanimidade, nos
Consolidada - DCL, no que tange aos seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
Restos a Pagar Processados, utilizando-se DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
a metodologia do mapeamento do Anexo 2 pelos votos dos integrantes de sua Primeira
do RGF, conforme padrão do Manual de Câmara, ante as razões expostas pelo
Demonstrativos Fiscais - 10ª edição - STN Relator, em considerar legal o referido ato,
(item 2.3.4 Limite da Dívida Consolidada determinando seu registro, nos termos da
Líquida da Instrução Técnica nº 21/2020). II. Lei Orgânica e Regimento Interno deste
Dê ciência ao chefe do Poder Executivo de Tribunal, para todos os fins legais. À
que o percentual da despesa com pessoal Secretaria Geral, para as providências a seu
de 49,92% excedeu o limite legal (48,60%), cargo”.
embora o prazo de recomposição dos 3. Processo nº 201600007004977 - Trata de
gastos, definido no artigo 23 da LRF, esteja ato de Concessão de Aposentadoria a
suspenso pelos efeitos do Decreto WOLNER BARBOSA GUIMARÃES, da
Legislativo nº 501/2020 e art. 65 da LRF Delegacia Geral da Polícia Civil do Estado
(item 2.3.2.1 Despesa com Pessoal do de Goiás (DGPC), com fundamento no art.
Poder Executivo da Instrução Técnica nº 40, § 4º, inciso II, da Constituição Federal,
21/2020, conforme disposto na Lei de combinado com a EC nº 41/2003, e Lei
Responsabilidade Fiscal). III. Proceda ao Federal nº 51/1985 e art. 2º da Lei
arquivamento do presente processo”. Complementar Estadual nº 59/2006, com
Assumiu a Presidência dos trabalhos a paridade e proventos integrais. O Relator
Conselheira CARLA CINTIA SANTILLO, disponibilizou para a leitura o relatório e
para que o titular pudesse relatar os voto. Tomados os votos nos termos
processos de sua responsabilidade. regimentais, foi o Acórdão nº 2707/2020,
Pelo Conselheiro SAULO MARQUES aprovado por unanimidade, nos seguintes
MESQUITA foram relatados os seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
feitos: CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
APOSENTADORIA - CONCESSÃO: votos dos integrantes de sua Primeira
1. Processo nº 201500007002203 - Trata de Câmara, ante as razões expostas pelo
ato de Concessão de Aposentadoria a Relator, em considerar legal os referidos
MANOEL FERREIRA SOARES, da Diretoria atos, determinando seu registro, nos termos
Geral da Polícia Civil (DGPC), com da Lei Orgânica e Regimento Interno deste
fundamento no art. 40, § 4º, inciso II, da Tribunal, para todos os fins legais. À
CF/88, combinado com a Emenda Secretaria Geral, para as providências a seu
Constitucional nº41/2003 e Lei cargo”.
Complementar Estadual nº 59/2006, com 4. Processo nº 201700006024491 - Trata de
proventos integrais. O Relator disponibilizou ato de Concessão de Aposentadoria a
para a leitura o relatório e voto. Tomados os MARIA DO CARMO RODRIGUES DE
votos nos termos regimentais, foi o Acórdão OLIVEIRA, da Secretaria de Estado de
nº 2705/2020, aprovado por unanimidade, Educação, Cultura e Esporte (SECE), com
nos seguintes termos: “ACORDA o fundamento no art. 40, § 1º, inciso III, da
TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE Constituição Federal, alterado pela Emenda
GOIÁS, pelos votos dos integrantes de sua Constitucional Federal nº 41/2003, com
Primeira Câmara, ante as razões expostas proventos proporcionais ao tempo de
pelo Relator, em considerar legais os contribuição. O Relator disponibilizou para a
referidos atos, determinando seu registro, leitura o relatório e voto. Tomados os votos
nos termos da Lei Orgânica e Regimento nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
Interno deste Tribunal, para todos os fins 2708/2020, aprovado por unanimidade, nos
legais. À Secretaria Geral, para as seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
providências a seu cargo”. DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,

38
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

pelos votos dos integrantes de sua Primeira 47 de 2005, com proventos integrais. O
Câmara, ante as razões expostas pelo Relator disponibilizou para a leitura o
Relator, em considerar legais os referidos relatório e voto. Tomados os votos nos
atos, determinando seu registro, nos termos termos regimentais, foi o Acórdão nº
da Lei Orgânica e Regimento Interno deste 2711/2020, aprovado por unanimidade, nos
Tribunal, para todos os fins legais. À seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
Secretaria Geral, para as providências a seu DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
cargo”. pelos votos dos integrantes de sua Primeira
5. Processo nº 201700016000559 - Trata de Câmara, ante as razões expostas pelo
ato de Concessão de Aposentadoria a Relator, em considerar legais os referidos
MESSIAS DAAMECHE, da Secretaria de atos, determinando seu registro, nos termos
Estado da Segurança Pública e da Lei Orgânica e Regimento Interno deste
Administração Penitenciária (SSP/GO), com Tribunal, para todos os fins legais. À
fundamento no art. 40, § 4º, inciso II, da Secretaria Geral, para as providências a seu
Constituição Federal, alterado pela Emenda cargo”.
Constitucional Federal nº 41/2003, e com o 8. Processo nº 201900041000081 - Trata de
art. 51, incisos I, II e III, da Lei ato de Concessão de Aposentadoria a
Complementar nº 77/2010,com proventos JÚLIO CÉSAR DE MELO, do Tribunal de
integrais. O Relator disponibilizou para a Justiça do Estado de Goiás (TJGO), com
leitura o relatório e voto. Tomados os votos fundamento no art. 7º da Emenda
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº Constitucional nº 41/2003 e no art. 3º da
2709/2020, aprovado por unanimidade, nos Emenda Constitucional nº 47/2005, com
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL proventos integrais. O Relator disponibilizou
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, para a leitura o relatório e voto. Tomados os
pelos votos dos integrantes de sua Primeira votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
Câmara, ante as razões expostas pelo nº 2712/2020, aprovado por unanimidade,
Relator, em considerar legais os referidos nos seguintes termos: “ACORDA o
atos, determinando seu registro, nos termos TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
da Lei Orgânica e Regimento Interno deste GOIÁS, pelos votos dos integrantes de sua
Tribunal, para todos os fins legais. À Primeira Câmara, ante as razões expostas
Secretaria Geral, para as providências a seu pelo Relator, em considerar legal o referido
cargo”. ato, determinando seu registro, nos termos
6. Processo nº 201800006018032 - Trata de da Lei Orgânica e Regimento Interno deste
ato de Concessão de Aposentadoria a Tribunal, para todos os fins legais. À
SEBASTIÃO LINHARES TEIXEIRA, da Secretaria Geral, para as providências a seu
Secretaria de Estado da Educação, Cultura cargo”.
e Esporte (SECE), com fundamento no art. 9. Processo nº 201900041000105 - Trata de
6º, incisos I a IV, da Emenda Constitucional ato de Concessão de Aposentadoria a
Federal nº 41/2003, com proventos HERNANY CÉSAR NEVES DE OLIVEIRA,
integrais. O Relator disponibilizou para a do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás
leitura o relatório e voto. Tomados os votos (TJ-GO), com fundamento no artigo 7º da
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº Emenda Constitucional Federal nº 41/2003,
2710/2020, aprovado por unanimidade, nos e no art. 3º da Emenda Constitucional
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL Federal nº 47/2005, com proventos
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, integrais. O Relator disponibilizou para a
pelos votos dos integrantes de sua Primeira leitura o relatório e voto. Tomados os votos
Câmara, ante as razões expostas pelo nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
Relator, em considerar legais os referidos 2713/2020, aprovado por unanimidade, nos
atos, determinando seu registro, nos termos seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
da Lei Orgânica e Regimento Interno deste DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
Tribunal, para todos os fins legais. À pelos votos dos integrantes de sua Primeira
Secretaria Geral, para as providências a seu Câmara, ante as razões expostas pelo
cargo”. Relator, em considerar legais os referidos
7. Processo nº 201800007011157 - Trata de atos, determinando seu registro, nos termos
ato de Concessão de Aposentadoria a da Lei Orgânica e Regimento Interno deste
HÉLIO RODRIGUES DE SOUSA, da Tribunal, para todos os fins legais. À
Delegacia-Geral da Polícia Civil, com Secretaria Geral, para as providências a seu
fundamento no artigo 40, § 4º, inciso II, da cargo”.
Constituição Federal, alterado pelas 10. Processo nº 201900041000110 - Trata
Emendas Constitucionais nº 41 de 2003 e nº de ato de Concessão de Aposentadoria a

39
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

JOSÉ AUGUSTO CAVALCANTE, do atos, determinando seu registro, nos termos


Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJ- da Lei Orgânica e Regimento Interno deste
GO), com fundamento no artigo 7º da Tribunal, para todos os fins legais. À
Emenda Constitucional Federal nº 41/2003, Secretaria Geral, para as providências a seu
e no art. 3º da Emenda Constitucional cargo”.
Federal nº 47/2005, com proventos 3. Processo nº 201811129010959 - Trata de
integrais. O Relator disponibilizou para a ato de Concessão de Pensão a MARIA
leitura o relatório e voto. Tomados os votos TEREZINHA GODOI, na condição de filha
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº maior inválida de Terezinha Peixoto de
2714/2020, aprovado por unanimidade, nos Godoi, ex-servidora aposentada no cargo de
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL Executor de Serviços Auxiliares II,
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Referência "A-I" (posteriormente
pelos votos dos integrantes de sua Primeira reposicionada no cargo de Agente
Câmara, ante as razões expostas pelo Administrativo Educacional de Apoio,
Relator, em considerar legais os referidos Referência "A-II", do Quadro de Pessoal da
atos, determinando seu registro, nos termos Secretaria de Estado da Educação
da Lei Orgânica e Regimento Interno deste (SEDUC). O Relator disponibilizou para a
Tribunal, para todos os fins legais. À leitura o relatório e voto. Tomados os votos
Secretaria Geral, para as providências a seu nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
cargo”. 2717/2020, aprovado por unanimidade, nos
PENSÃO - CONCESSÃO: seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
1. Processo nº 201811129006315 - Trata de DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
ato de Concessão de Pensão a VILMAR pelos votos dos integrantes de sua Primeira
SOCORRO DA SILVA, viúvo de Maria das Câmara, ante as razões expostas pelo
Dores Reis, ex-servidora aposentada no Relator, em considerar legal o referido ato,
cargo de Agente Administrativo Educacional determinando seu registro, nos termos da
de Apoio, referência "H", do Quadro de Lei Orgânica e Regimento Interno deste
Pessoal da Secretaria de Estado da Tribunal, para todos os fins legais. À
Educação (SEDUC). O Relator Secretaria Geral, para as providências a seu
disponibilizou para a leitura o relatório e cargo”.
voto. Tomados os votos nos termos 4. Processo nº 201911129000724 - Trata de
regimentais, foi o Acórdão nº 2715/2020 ato de Concessão de Pensão a IRENITA
aprovado por unanimidade, nos seguintes ROSA DA SILVA, instituída pelo segurado
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Joviano Candido da Silva, aposentado no
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos cargo de Agente Administrativo Educacional
votos dos integrantes de sua Primeira de Apoio, Referência “F-I”, do Quadro de
Câmara, ante as razões expostas pelo Pessoal da Secretaria de Estado da
Relator, em considerar legal o referido ato, Educação (SEDUC). O Relator
determinando seu registro, nos termos da disponibilizou para a leitura o relatório e
Lei Orgânica e Regimento Interno deste voto. Tomados os votos nos termos
Tribunal, para todos os fins legais. À regimentais, foi o Acórdão nº 2718/2020
Secretaria Geral, para as providências a seu aprovado por unanimidade, nos seguintes
cargo”. termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
2. Processo nº 201811129008730 - Trata de CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
ato de Concessão de Pensão a OLINDA votos dos integrantes de sua Primeira
RAMOS ARRUDA OLIVEIRA, na condição Câmara, ante as razões expostas pelo
de viúva de Paulo Roberto de Oliveira, ex- Relator, em considerar legal o referido ato,
servidor ocupante do cargo de Agente determinando seu registro, nos termos da
Administrativo Educacional de Apoio, Lei Orgânica e Regimento Interno deste
Referência "H-I", do Quadro de Pessoal da Tribunal, para todos os fins legais. À
Secretaria de Estado da Educação Secretaria Geral, para as providências a seu
(SEDUC). O Relator disponibilizou para a cargo”.
leitura o relatório e voto. Tomados os votos 5. Processo nº 201911129002079 - Trata de
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº ato de Concessão de Pensão a VALDEMAN
2716/2020, aprovado por unanimidade, nos VALDIR MARTINS DA SILVA, na condição
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL de viúvo de Ana Izabel Ferreira Martins, ex-
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, servidora aposentada no cargo de Professor
pelos votos dos integrantes de sua Primeira I, Referência "E", do Quadro de Pessoal da
Câmara, ante as razões expostas pelo Secretaria de Estado da Educação
Relator, em considerar legais os referidos (SEDUC). O Relator disponibilizou para a

40
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

leitura o relatório e voto. Tomados os votos 1. Processo nº 201800011006952 - Trata de


nos termos regimentais, foi o Acórdão nº Promoção e Transferência para a Reserva
2719/2020, aprovado por unanimidade, nos Remunerada de CARLOS HELBINGEN
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL JÚNIOR, Coronel, RG: 00.032, lotado no
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Comando Geral - Goiânia - GO, do Corpo de
pelos votos dos integrantes de sua Primeira Bombeiro da Polícia Militar do Estado de
Câmara, ante as razões expostas pelo Goiás (CBMGO). O Relator disponibilizou
Relator, em considerar legal o referido ato, para a leitura o relatório e voto. Tomados os
determinando seu registro, nos termos da votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
Lei Orgânica e Regimento Interno deste nº 2722/2020, aprovado por unanimidade,
Tribunal, para todos os fins legais. À nos seguintes termos: “ACORDA o
Secretaria Geral, para as providências a seu TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
cargo”. GOIÁS, pelos votos dos integrantes de sua
6. Processo nº 201911129003113 - Trata de Primeira Câmara, ante as razões expostas
ato de Concessão de Pensão a NILSON pelo Relator, em considerar legais os
JOSÉ COUTRIM, instituída pela segurada referidos atos, determinando seu registro,
Izailda Lopes de Araújo, aposentada com nos termos da Lei Orgânica e Regimento
proventos proporcionais no cargo de Agente Interno deste Tribunal, para todos os fins
Administrativo Educacional I, Referência "G" legais. À Secretaria Geral, para as
(posteriormente reposicionada no cargo de providências a seu cargo”.
Agente Administrativo Educacional de 2. Processo nº 201800011016029 - Trata de
Apoio, Referência GI), do Quadro de Promoção e Transferência para a Reserva
Pessoal da Secretaria de Estado da Remunerada de Reginaldo dos Reis
Educação. O Relator disponibilizou para a Ferreira, do 3º BBM, do Corpo de Bombeiros
leitura o relatório e voto. Tomados os votos Militar do Estado de Goiás (CBMGO). O
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº Relator disponibilizou para a leitura o
2720/2020, aprovado por unanimidade, nos relatório e voto. Tomados os votos nos
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL termos regimentais, foi o Acórdão nº
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, 2723/2020, aprovado por unanimidade, nos
pelos votos dos integrantes de sua Primeira seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
Câmara, ante as razões expostas pelo DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
Relator, em considerar legal o referido ato, pelos votos dos integrantes de sua Primeira
determinando seu registro, nos termos da Câmara, ante as razões expostas pelo
Lei Orgânica e Regimento Interno deste Relator, em considerar legais os referidos
Tribunal, para todos os fins legais. À atos, determinando seu registro, nos termos
Secretaria Geral, para as providências a seu da Lei Orgânica e Regimento Interno deste
cargo”. Tribunal, para todos os fins legais. À
7. Processo nº 201911129004386 - Trata de Secretaria Geral, para as providências a seu
ato de Concessão de Pensão a JOSÉ cargo”.
DIVINO DA SILVA, na condição de viúvo de Nada mais havendo a tratar, às 13 (treze)
Anisia Ferreira da Silva, ex-servidora horas do dia 15 (quinze) de outubro foi
aposentada no cargo de Professor I, encerrada a Sessão.
Referência "E", do Quadro de Pessoal da Presentes os Conselheiros: Saulo
Secretaria de Estado da Educação Marques Mesquita (Presidente), Carla
(SEDUC). O Relator disponibilizou para a Cintia Santillo e Kennedy de Sousa
leitura o relatório e voto. Tomados os votos Trindade. Representante do Ministério
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº Público de Contas: Carlos Gustavo Silva
2721/2020, aprovado por unanimidade, nos Rodrigues. Sessão Ordinária da Primeira
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL Câmara Nº 26/2020 (Virtual). Ata
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, aprovada em: 22/10/2020.
pelos votos dos integrantes de sua Primeira
Câmara, ante as razões expostas pelo 2ª Câmara
Relator, em considerar legal o referido ato, Acórdão
determinando seu registro, nos termos da Processo - 201100004008073/204-01
Lei Orgânica e Regimento Interno deste
Tribunal, para todos os fins legais. À Acórdão 2837/2020
Secretaria Geral, para as providências a seu APOSENTADORIA. MOACIR DE SOUSA
cargo”. PINHEIRO. SECRETARIA DE ESTADO DA
TRANSFERÊNCIA PARA RESERVA - ECONOMIA. GOIASPREV. ATO SUJEITO
CONCESSÃO: A REGISTRO. REVISÃO

41
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

CONCOMITANTE. CONSTITUIÇÃO
FEDERAL. EMENDA CONSTITUCIONAL Processo - 201700007009399/204-01
Nº 41/2003, EMENDA CONSTITUCIONAL
Nº 70/2012. CONSTITUIÇÃO ESTADUAL, Acórdão 2838/2020
LEI COMPLEMENTAR ESTADUAL Nº EMENTA: APOSENTADORIA. ANTÔNIO
77/2010. LEI 10.460/1988. ALVES DA SILVA PROVENTOS
REGULARIDADE DA COMPOSIÇÃO DOS INTEGRAIS. DELEGACIA-GERAL DA
PROVENTOS. LEGALIDADE. REGISTRO. POLÍCIA CIVIL. SECRETARIA DE
Com os fundamentos expostos nestes autos SEGURANÇA PÚBLICA. GOIASPREV.
processuais de nº 201100004008073, tendo ATO SUJEITO A REGISTRO. ADMISSÃO.
o relatório e o voto como partes integrantes REGISTRO CONCOMITANTE.
deste, CONSTITUIÇÃO FEDERAL. EMENDAS
ACORDA CONSTITUCIONAIS 41/2003 E 47/2005.
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE LEIS COMPLEMENTARES FEDERAIS Nº
GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda 51/1985 E 144/2014. LC ESTADUAL Nº
Câmara, ante as razões expostas pelo 59/2006. REGULARIDADE NA
Relator, em considerar legal o ato de COMPOSIÇÃO DOS PROVENTOS.
aposentadoria do servidor Moacir de Sousa LEGALIDADE. DEFERIMENTO.
Pinheiro, no cargo de Agente Fazendário II, REGISTRO.
Nível “6”, do Quadro de Apoio Fiscal- Com os fundamentos expostos nestes
Fazendário da então Secretaria de Estado autos processuais de nº 201700007009399,
da Fazenda, hoje, Secretaria de Estado da tendo o relatório e o voto como partes
Economia, com fundamento no art. 40, § 1º, integrantes deste,
inciso I, da Constituição Federal, alterado ACORDA
pela EC nº 41, de 19/12/2003; combinado o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
com o art. 97, § 1º, inciso I, da Constituição DE GOIÁS, pelos integrantes da sua
Estadual; em harmonia com o art. 43, inciso Segunda Câmara, ante as razões expostas
II, da LC nº 77, de 22/01/2010; e art. 260, pelo Relator, em considerar legais os atos:
inciso I, da Lei nº 10.460, de 22/02/1988; de admissão, no cargo de Motorista Policial,
conforme a Portaria nº 450, de 29/02/2012, da Secretaria de Estado da Segurança
da Secretaria de Estado da Casa Civil, no Pública, conforme o Decreto de 22/07/1991,
valor anual de R$ 25.842,48 (vinte e cinco a partir de 01/08/1991, tendo tomado posse
mil, oitocentos e quarenta e dois reais e em 06/08/1991, e de aposentadoria, no
quarenta e oito centavos); e de revisão de cargo de Agente Policial, Nível IX, do
aposentadoria, conforme a Portaria nº 1929, Quadro Transitório de Pessoal da
de 30/07/2020, expedida pela Goiás Delegacia-Geral da Polícia Civil, da
Previdência, aditando aos fundamentos nela Secretaria de Estado da Segurança Pública,
invocados o art. 6º-A da Emenda do servidor Antônio Alves da Silva, conforme
Constitucional nº 41, de 19/12/2003, a Portaria nº 2900, de 13/12/2018, na
acrescentado pela Emenda Constitucional quantia anual de R$ 112.218,96 (cento e
nº 70/2012, a partir de 29/03/2012, cujo doze mil, duzentos e dezoito reais e noventa
valor anual fica estabelecido em R$ e seis centavos), determinando o registro
56.928,27 (cinquenta e seis mil, novecentos concomitante, nos termos da Lei Orgânica e
e vinte e oito reais e vinte e sete centavos), Regimento deste Tribunal, para todos os fins
determinando, de consequência, o seu legais.
registro, nos termos da Lei Orgânica e À Gerência de Comunicação e Controle
Regimento deste Tribunal de Contas, para para publicação, demais atribuições e
todos os fins legais. devolução dos autos a origem.
À Gerência de Comunicação e Controle Presentes os Conselheiros: Sebastião
para publicação, demais atribuições e Joaquim Pereira Neto Tejota
devolução dos autos a origem. (Presidente), Edson José Ferrari
Presentes os Conselheiros: Sebastião (Relator) e Helder Valin Barbosa.
Joaquim Pereira Neto Tejota Representante do Ministério Público de
(Presidente), Edson José Ferrari Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues.
(Relator) e Helder Valin Barbosa. Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº
Representante do Ministério Público de 29/2020 (Virtual). Processo julgado em:
Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. 22/10/2020.
Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº
29/2020 (Virtual). Processo julgado em: Processo - 201800040000007/204-01
22/10/2020.

42
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Acórdão 2839/2020 ACORDA


EMENTA: APOSENTADORIA o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
VOLUNTÁRIA. MINISTÉRIO PÚBLICO GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda
ESTADUAL. ATO SUJEITO A REGISTRO. Câmara, ante as razões expostas pelo
ADMISSÃO. REGISTRO Relator, em considerar legal o ato de
CONCOMITANTE. CONSTITUIÇÃO concessão de pensão em favor de Sandra
FEDERAL. EMENDA CONSTITUCIONAL Maria de Carvalho Assunção, CPF MF nº
FEDERAL Nº 47/2005, REGULARIDADE 818.147.631-04, na condição de viúva do
DA COMPOSIÇÃO DOS PROVENTOS. ex-segurado Kléber Olício Assunção, ex-
LEGALIDADE. DEFERIMENTO. segurado reformado “ex-officio” ocupante do
REGISTRO. Posto de Cabo, da Polícia Militar do Estado
Com os fundamentos expostos nestes autos de Goiás, falecido em 08/09/2018, pagável
processuais de nº 201800040000007, e retroativamente à data da habilitação, em
tendo o relatório e o voto como partes 11/10/2018, até sua extinção prevista em lei,
integrantes deste, podendo extinguir pela existência de novo
ACORDA casamento ou união estável, conforme o
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE Despacho nº 23/2019 - GAB, de 03/01/2019,
GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda no valor mensal de R$ 6.044,78 (seis mil,
Câmara, ante as razões expostas pelo quarenta e quatro reais e setenta e oito
Relator, em considerar legais os atos de: centavos), determinando o seu registro, nos
ADMISSÃO no cargo de Secretária Auxiliar termos da Lei Orgânica e Regimento deste
de Promotoria de Justiça, a partir de Tribunal, para todos os fins legais.
18/10/1999, e de APOSENTADORIA no À Gerência de Comunicação e Controle
cargo de Secretário Auxiliar da Promotoria para publicação, demais atribuições e
de Justiça, do Ministério Público do Estado devolução dos autos a origem.
de Goiás, da servidora Arleth Faria de Presentes os Conselheiros: Sebastião
Araújo Braz, no valor mensal de R$ 6.233,06 Joaquim Pereira Neto Tejota
(seis mil, duzentos e trinta e três reais e seis (Presidente), Edson José Ferrari
centavos), determinando o seu registro, nos (Relator) e Helder Valin Barbosa.
termos da Lei Orgânica e Regimento deste Representante do Ministério Público de
Tribunal, para todos os fins legais. Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues.
À Gerência de Comunicação e Controle Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº
para publicação e devolução dos autos a 29/2020 (Virtual). Processo julgado em:
origem. 22/10/2020.
Presentes os Conselheiros: Sebastião
Joaquim Pereira Neto Tejota Processo - 201811129010476/205-01
(Presidente), Edson José Ferrari
(Relator) e Helder Valin Barbosa. Acórdão 2841/2020
Representante do Ministério Público de PENSÃO VITALÍCIA. MARLÚCIA
Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. DASDORE RAMOS RODRIGUES. VIÚVA
Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº DE DAVID LUIZ RODRIGUES EX-MILITAR
29/2020 (Virtual). Processo julgado em: TRANSFERIDO PARA A RESERVA DA
22/10/2020. POLÍCIA MILITAR DO ESTADO. GOIAS
PREVIDÊNCIA. LC 77/2010, E
Processo - 201811129009614/205-01 ALTERAÇÕES POSTERIORES.
POSSIBILIDADE. LEGALIDADE.
Acórdão 2840/2020 REGISTRO.
PENSÃO VITALÍCIA. SANDRA MARIA DE Com os fundamentos expostos nestes autos
CARVALHO ASSUNÇÃO. VIÚVA DE processuais de nº 201811129010476, tendo
KLEBER OLÍCIO ASSUNÇÃO. EX-MILITAR o relatório e o voto como partes integrantes
REFORMADO EX-OFFICIO DA POLÍCIA deste,
MILITAR DO ESTADO. GOIAS ACORDA
PREVIDÊNCIA. LC 77/2010, E o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
ALTERAÇÕES POSTERIORES. GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda
POSSIBILIDADE. LEGALIDADE. Câmara, ante as razões expostas pelo
REGISTRO. Relator, em considerar legal o ato de
Com os fundamentos expostos nestes autos concessão de pensão em favor de Marlúcia
processuais de nº 201811129009614, tendo Dasdore Ramos Rodrigues, CPF MF nº
o relatório e o voto como partes integrantes 809.948.571-87, na condição de viúva do
deste, ex-segurado David Luiz Rodrigues, ex-

43
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

segurado transferido para a reserva na 20/05/2019, no valor mensal de R$


Graduação de Subtenente, da Polícia Militar 10.585,46 (dez mil, quinhentos e oitenta e
do Estado de Goiás, pagável cinco reais e quarenta e seis centavos),
retroativamente à data do óbito, em determinando o seu registro, nos termos da
07/11/2018, até sua extinção prevista em lei, Lei Orgânica e Regimento deste Tribunal,
podendo extinguir pela existência de novo para todos os fins legais.
casamento ou união estável, conforme o À Gerência de Comunicação e Controle
Despacho nº 8408/2018 SEI-GAB, de para publicação, demais atribuições e
20/12/2018, no valor mensal de R$ 9.352,69 devolução dos autos a origem.
(nove mil, trezentos e cinquenta e dois reais Presentes os Conselheiros: Sebastião
e sessenta e nove centavos), determinando Joaquim Pereira Neto Tejota
o seu registro, nos termos da Lei Orgânica e (Presidente), Edson José Ferrari
Regimento deste Tribunal, para todos os fins (Relator) e Helder Valin Barbosa.
legais. Representante do Ministério Público de
À Gerência de Comunicação e Controle Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues.
para publicação, demais atribuições e Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº
devolução dos autos a origem. 29/2020 (Virtual). Processo julgado em:
Presentes os Conselheiros: Sebastião 22/10/2020.
Joaquim Pereira Neto Tejota
(Presidente), Edson José Ferrari Processo - 201600002000822/207-01
(Relator) e Helder Valin Barbosa.
Representante do Ministério Público de Acórdão 2843/2020
Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. Ementa: Admissão. Transferência para a
Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº reserva remunerada. Polícia Militar do
29/2020 (Virtual). Processo julgado em: Estado de Goiás. Sílvio Vasconcelos Nunes.
22/10/2020. Coronel PM. Regularidade da composição
dos proventos. Julgamento pela legalidade.
Processo - 201911129000471/205-01 Registros concomitantes. Precedentes.
Matéria sumulada.
Acórdão 2842/2020 Com os fundamentos expostos nestes autos
PENSÃO VITALÍCIA. MARIA ELZA DA processuais de nº 201600002000822, tendo
SILVA MARTINS. VIÚVA DE PEDRO DOS o relatório e o voto como partes integrantes
SANTOS MARTINS. EX-MILITAR deste,
TRANSFERIDO PARA A RESERVA DA ACORDA
POLÍCIA MILITAR DO ESTADO. GOIAS o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
PREVIDÊNCIA. LC 77/2010, E GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda
ALTERAÇÕES POSTERIORES. Câmara, ante as razões expostas pelo
POSSIBILIDADE. LEGALIDADE. Relator, em considerar legais os atos de (i)
REGISTRO. admissão, na graduação de Aluno Oficial
Com os fundamentos expostos nestes autos PM, a partir do dia 20/03/1987; e de (ii)
processuais de nº 201911129000471, tendo transferência para a reserva remunerada,
o relatório e o voto como partes integrantes no posto de Coronel PM, a partir do dia
deste, 02/01/2019, para fins de registro, do servidor
ACORDA militar Sílvio Vasconcelos Nunes, com
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE proventos integrais, no valor anual de R$
GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda 471.092,18, determinando, de
Câmara, ante as razões expostas pelo consequência, os seus registros
Relator, em considerar legal o ato de concomitante, nos termos da Lei Orgânica e
concessão de pensão em favor de Maria Regimento deste Tribunal de Contas, para
Elza da Silva Martins, CPF MF nº todos os fins legais.
132.199.521-00, na condição de viúva do À Gerência de Comunicação e Controle
ex-segurado Pedro dos Santos Martins, ex- para publicação, demais atribuições e
segurado transferido para a reserva devolução dos autos a origem.
ocupante do Posto de 2º Tenente, da Polícia Presentes os Conselheiros: Sebastião
Militar do Estado de Goiás, falecido em Joaquim Pereira Neto Tejota
17/01/2019, pagável retroativamente à data (Presidente), Edson José Ferrari
da óbito, até sua extinção prevista em lei, (Relator) e Helder Valin Barbosa.
podendo extinguir pela existência de novo Representante do Ministério Público de
casamento ou união estável, conforme o Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues.
Despacho nº 2237/2019 - GAB, de Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº

44
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

29/2020 (Virtual). Processo julgado em: ATO SUJEITO A REGISTRO. POLÍCIA


22/10/2020. MILITAR. GOIASPREV. ADMISSÃO.
CONSTITUIÇÃO FEDERAL.
Processo - 201800002010850/207-01 CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE GOIÁS.
REGULARIDADE DA COMPOSIÇÃO DOS
Acórdão 2844/2020 PROVENTOS. LEGALIDADE. REGISTRO.
TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA. Com os fundamentos expostos nestes
MARCELO FÉLIX DA COSTA. POLÍCIA autos processuais de nº 201800002041426,
MILITAR. GOIASPREV. ADMISSÃO. tendo o relatório e o voto como partes
REGISTRO CONCOMITANTE. integrantes deste,
CONSTITUIÇÃO FEDERAL. ACORDA
CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE GOIÁS. o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
LEI 8.033/1975. SÚMULA TCE (ACÓRDÃO GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda
3235/2011). REGULARIDADE DA Câmara, ante as razões expostas pelo
COMPOSIÇÃO DOS PROVENTOS. Relator, em considerar legais os atos de:
LEGALIDADE. REGISTRO. admissão, no posto de Soldado, a partir de
Com os fundamentos expostos nestes autos 01/05/1989; e de transferência para a
processuais de nº 201800002010850, tendo reserva remunerada, na graduação de 3º
o relatório e o voto como partes integrantes Sargento, a partir do dia 31/07/2018, para
deste, fins de registro, do servidor militar Eudes
ACORDA Vieira Silva, com proventos integrais, no
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO valor anual de R$ 99.526,57 (noventa e
DE GOIÁS, pelos integrantes da sua nove mil, quinhentos e vinte e seis reais e
Segunda Câmara, ante as razões expostas cinquenta e sete centavos), determinando,
pelo Relator, em considerar legais os atos de consequência, os seus registros
de (i) Admissão na graduação de Soldado concomitante, nos termos da Lei Orgânica e
PM, a partir do dia 12/09/1989, conforme o Regimento deste Tribunal de Contas, para
Boletim Geral nº 207, de 09/11/1989, e (ii) todos os fins legais.
de Transferência para a Reserva À Gerência de Comunicação e Controle
Remunerada, na graduação de 2º Tenente para as anotações pertinentes, publicação e
PM, para fins de registro, do servidor militar devolução dos autos a origem.
Marcelo Félix da Costa PM RG nº 21.141, Presentes os Conselheiros: Sebastião
com proventos integrais no valor anual de Joaquim Pereira Neto Tejota
R$ 164.052,98 (cento e sessenta e quatro (Presidente), Edson José Ferrari
mil, cinquenta e dois reais e noventa e oito (Relator) e Helder Valin Barbosa.
centavos), de acordo com a Portaria nº Representante do Ministério Público de
1247, de 10/06/2019, expedida pela Goiás Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues.
Previdência, determinando, de Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº
consequência, o seu registro concomitante, 29/2020 (Virtual). Processo julgado em:
nos termos da Lei Orgânica e Regimento 22/10/2020.
deste Tribunal de Contas, para todos os fins
legais. Processo - 201800002049395/207-01
À Gerência de Comunicação e Controle
para publicação, demais atribuições e Acórdão 2846/2020
devolução dos autos a origem. TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA.
Presentes os Conselheiros: Sebastião JOSÉ RODRIGUES SOBRINHO. POLÍCIA
Joaquim Pereira Neto Tejota MILITAR. GOIASPREV. ADMISSÃO.
(Presidente), Edson José Ferrari REGISTRO CONCOMITANTE.
(Relator) e Helder Valin Barbosa. CONSTITUIÇÃO FEDERAL.
Representante do Ministério Público de CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE GOIÁS.
Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. LEI 8.033/1975. SÚMULA TCE (ACÓRDÃO
Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº 3235/2011). REGULARIDADE DA
29/2020 (Virtual). Processo julgado em: COMPOSIÇÃO DOS PROVENTOS.
22/10/2020. LEGALIDADE. REGISTRO.
Com os fundamentos expostos nestes autos
Processo - 201800002041426/207-01 processuais de nº 201800002049395, tendo
o relatório e o voto como partes integrantes
Acórdão 2845/2020 deste,
TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA ACORDA
REMUNERADA. EUDES VIEIRA SILVA. o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO

45
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

DE GOIÁS, pelos integrantes da sua PM, para fins de registro, do servidor militar
Segunda Câmara, ante as razões expostas Rogério Rodrigues dos Santos, PM RG nº
pelo Relator, em considerar legais os atos 27.437, com proventos integrais no valor
de (i) Admissão na graduação de Soldado anual de R$ 164.052,98 (cento e sessenta e
PM, a partir do dia 15/05/1990, conforme o quatro mil, cinquenta e dois reais e noventa
Boletim Geral nº 120, de 28/06/1990, e (ii) e oito centavos), de acordo com a Portaria
de Transferência para a Reserva nº 2823, de 05/12/2018, expedida pela
Remunerada, na graduação de 1º Sargento Goiás Previdência, determinando, de
PM, para fins de registro, do servidor militar consequência, o seu registro concomitante,
José Rodrigues Sobrinho, PM RG nº 22.948, nos termos da Lei Orgânica e Regimento
com proventos integrais no valor anual de deste Tribunal de Contas, para todos os fins
R$ 110.752,46 (cento e dez mil, setecentos legais.
e cinquenta e dois reais e quarenta e seis À Gerência de Comunicação e Controle
centavos), de acordo com a Portaria nº para publicação, demais atribuições e
2215, de 28/09/2018, expedida pela Goiás devolução dos autos a origem.
Previdência, determinando, de Presentes os Conselheiros: Sebastião
consequência, o seu registro concomitante, Joaquim Pereira Neto Tejota
nos termos da Lei Orgânica e Regimento (Presidente), Edson José Ferrari
deste Tribunal de Contas, para todos os fins (Relator) e Helder Valin Barbosa.
legais. Representante do Ministério Público de
À Gerência de Comunicação e Controle Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues.
para publicação, demais atribuições e Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº
devolução dos autos a origem. 29/2020 (Virtual). Processo julgado em:
Presentes os Conselheiros: Sebastião 22/10/2020.
Joaquim Pereira Neto Tejota
(Presidente), Edson José Ferrari Processo - 201800002080352/207-01
(Relator) e Helder Valin Barbosa.
Representante do Ministério Público de Acórdão 2848/2020
Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA
Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº REMUNERADA. EDÉSIO ALMEIDA
29/2020 (Virtual). Processo julgado em: ALVES. ATO SUJEITO A REGISTRO.
22/10/2020. POLÍCIA MILITAR. GOIASPREV.
ADMISSÃO. CONSTITUIÇÃO FEDERAL.
Processo - 201800002066136/207-01 CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE GOIÁS.
REGULARIDADE DA COMPOSIÇÃO DOS
Acórdão 2847/2020 PROVENTOS. LEGALIDADE. REGISTRO.
TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA. Com os fundamentos expostos nestes
ROGÉRIO RODRIGUES DOS SANTOS. autos processuais de nº 201800002080352,
POLÍCIA MILITAR. GOIASPREV. tendo o relatório e o voto como partes
ADMISSÃO. REGISTRO integrantes deste,
CONCOMITANTE. CONSTITUIÇÃO ACORDA
FEDERAL. CONSTITUIÇÃO DO ESTADO o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
DE GOIÁS. LEI 8.033/1975. SÚMULA TCE GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda
(ACÓRDÃO 3235/2011). REGULARIDADE Câmara, ante as razões expostas pelo
DA COMPOSIÇÃO DOS PROVENTOS. Relator, em considerar legais os atos de:
LEGALIDADE. REGISTRO. admissão, no posto de Soldado, a partir de
Com os fundamentos expostos nestes autos 14/03/1994; e de transferência para a
processuais de nº 201800002066136, tendo reserva remunerada, na graduação de 2º
o relatório e o voto como partes integrantes Sargento, a partir do dia 22/01/2019, para
deste, fins de registro, do servidor militar Edésio
ACORDA Almeida Alves, com proventos integrais, no
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO valor anual de R$ 107.820,44 (cento e sete
DE GOIÁS, pelos integrantes da sua mil, oitocentos e vinte mil e quarenta e
Segunda Câmara, ante as razões expostas quatro centavos determinando, de
pelo Relator, em considerar legais os atos consequência, os seus registros
de (i) Admissão na graduação de Soldado concomitante, nos termos da Lei Orgânica e
PM, a partir do dia 09/06/1994, conforme o Regimento deste Tribunal de Contas, para
Boletim Geral nº 135, de 20/07/1994, e (ii) todos os fins legais.
de Transferência para a Reserva À Gerência de Comunicação e Controle
Remunerada, na graduação de 2º Tenente para as anotações pertinentes, publicação e

46
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

devolução dos autos a origem. TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA.


Presentes os Conselheiros: Sebastião LUIZ CARLOS DA SILVA. ATO SUJEITO A
Joaquim Pereira Neto Tejota REGISTRO. POLÍCIA MILITAR.
(Presidente), Edson José Ferrari GOIASPREV. ADMISSÃO.
(Relator) e Helder Valin Barbosa. CONSTITUIÇÃO FEDERAL.
Representante do Ministério Público de CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE GOIÁS.
Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. REGULARIDADE DA COMPOSIÇÃO DOS
Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº PROVENTOS. LEGALIDADE. REGISTRO.
29/2020 (Virtual). Processo julgado em: Com os fundamentos expostos nestes autos
22/10/2020. processuais de nº 201800002084961, tendo
o relatório e o voto como partes integrantes
Processo - 201800002084958/207-01 deste,
ACORDA
Acórdão 2849/2020 o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA DE GOIÁS, pelos integrantes da sua
REMUNERADA. CLEUDES MARIA DOS Segunda Câmara, ante as razões expostas
ANJOS. ATO SUJEITO A REGISTRO. pelo Relator, em considerar legais os atos
POLÍCIA MILITAR. GOIASPREV. de: admissão, no posto de Soldado, a partir
ADMISSÃO. CONSTITUIÇÃO FEDERAL. de 15/05/1987; e de transferência para a
CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE GOIÁS. reserva remunerada, na graduação de
REGULARIDADE DA COMPOSIÇÃO DOS Subtenente, a partir do dia 25/02/2019, para
PROVENTOS. LEGALIDADE. REGISTRO. fins de registro, do servidor militar Luiz
Com os fundamentos expostos nestes Carlos Da Silva, com proventos integrais, no
autos processuais de nº 201800002084958, valor anual de R$ 142.237,55 (cento e
tendo o relatório e o voto como partes quarenta e dois mil, duzentos e trinta e sete
integrantes deste, reais e cinquenta e cinco centavos),
ACORDA determinando, de consequência, os seus
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE registros concomitante, nos termos da Lei
GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda Orgânica e Regimento deste Tribunal de
Câmara, ante as razões expostas pelo Contas, para todos os fins legais.
Relator, em considerar legais os atos de: A Polícia Militar do Estado de Goiás deverá
admissão, no posto de Soldado, a partir de acompanhar o desenrolar da ação penal em
20/04/1988; e de transferência para a desfavor do interessado e, por ocasião do
reserva remunerada, na graduação de trânsito em julgado, informar a este Tribunal
Subtenente, a partir de 15/02/2019, para fins de Contas.
de registro, do servidor militar Cleudes Maria À Gerência de Comunicação e Controle
dos Anjos, com proventos integrais, no valor para publicação, demais atribuições e
anual de R$ 142.237,55 (cento e quarenta e devolução dos autos a origem.
dois mil, duzentos e trinta e sete reais e Presentes os Conselheiros: Sebastião
cinquenta e cinco centavos), determinando, Joaquim Pereira Neto Tejota
de consequência, os seus registros (Presidente), Edson José Ferrari
concomitante, nos termos da Lei Orgânica e (Relator) e Helder Valin Barbosa.
Regimento deste Tribunal de Contas, para Representante do Ministério Público de
todos os fins legais. Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues.
À Gerência de Comunicação e Controle Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº
para as anotações pertinentes, publicação e 29/2020 (Virtual). Processo julgado em:
devolução dos autos a origem. 22/10/2020.
Presentes os Conselheiros: Sebastião
Joaquim Pereira Neto Tejota Processo - 201800002093659/207-01
(Presidente), Edson José Ferrari
(Relator) e Helder Valin Barbosa. Acórdão 2851/2020
Representante do Ministério Público de Admissão. Transferência para a reserva
Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. remunerada. Polícia Militar do Estado de
Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº Goiás. Adilson Batista dos Santos. 3º
29/2020 (Virtual). Processo julgado em: Sargento. Regularidade da composição dos
22/10/2020. proventos. Julgamento pela legalidade.
Registros concomitantes. Precedentes.
Processo - 201800002084961/207-01 Com os fundamentos expostos nestes autos
processuais de nº 201800002093659, tendo
Acórdão 2850/2020 o relatório e o voto como partes integrantes

47
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

deste, seiscentos e vinte e quatro reais e sessenta


ACORDA e oito centavos), determinando, de
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE consequência, os seus registros
GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda concomitante, nos termos da Lei Orgânica e
Câmara, ante as razões expostas pelo Regimento deste Tribunal de Contas, para
Relator, em considerar legais os atos de (i) todos os fins legais.
admissão, na graduação de Soldado PM, a À Gerência de Comunicação e Controle
partir do dia 15/05//1990; e de (ii) para as anotações pertinentes, publicação e
transferência para a reserva remunerada, devolução dos autos a origem.
na graduação de 3º Sargento, a partir do dia Presentes os Conselheiros: Sebastião
14/06/2019, para fins de registro, do servidor Joaquim Pereira Neto Tejota
militar Adilson Batista dos Santos, com (Presidente), Edson José Ferrari
proventos integrais, no valor anual de R$ (Relator) e Helder Valin Barbosa.
99.526,57, determinando, de consequência, Representante do Ministério Público de
os seus registros concomitante, nos termos Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues.
da Lei Orgânica e Regimento deste Tribunal Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº
de Contas, para todos os fins legais. 29/2020 (Virtual). Processo julgado em:
À Gerência de Comunicação e Controle 22/10/2020.
para publicação, demais atribuições e
devolução dos autos a origem. Processo - 201900002008418/207-01
Presentes os Conselheiros: Sebastião
Joaquim Pereira Neto Tejota Acórdão 2853/2020
(Presidente), Edson José Ferrari TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA.
(Relator) e Helder Valin Barbosa. RENALDO FREITAS DE CASTRO.
Representante do Ministério Público de POLÍCIA MILITAR. GOIASPREV.
Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. ADMISSÃO. REGISTRO
Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº CONCOMITANTE. CONSTITUIÇÃO
29/2020 (Virtual). Processo julgado em: FEDERAL. CONSTITUIÇÃO DO ESTADO
22/10/2020. DE GOIÁS. LEI 8.033/1975. SÚMULA TCE
(ACÓRDÃO 3235/2011). REGULARIDADE
Processo - 201800011017175/207-01 DA COMPOSIÇÃO DOS PROVENTOS.
LEGALIDADE. REGISTRO.
Acórdão 2852/2020 Com os fundamentos expostos nestes autos
TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA. processuais de nº 201900002008418, tendo
SADOC OLIVEIRA DOURADO. ATO o relatório e o voto como partes integrantes
SUJEITO A REGISTRO. CORPO DE deste,
BOMBEIROS MILITAR. ADMISSÃO. ACORDA
REGISTRO CONCOMITANTE. o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
CONSTITUIÇÃO FEDERAL. DE GOIÁS, pelos integrantes da sua
CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE GOIÁS. Segunda Câmara, ante as razões expostas
LEI 11.416/1991. SÚMULA TCE pelo Relator, em considerar legais os atos
(ACÓRDÃO 3235/2011). REGULARIDADE de (i) Admissão na graduação de Soldado
DA COMPOSIÇÃO DOS PROVENTOS. PM, a partir do dia 01/06/1990, conforme o
LEGALIDADE. REGISTRO. Boletim Geral nº 124, de 04/07/1990, e (ii)
Com os fundamentos expostos nestes de Transferência para a Reserva
autos processuais de nº 201800011017175, Remunerada, na graduação de 1º Sargento
tendo o relatório e o voto como partes PM, para fins de registro, do servidor militar
integrantes deste, Renaldo Freitas de Castro, PM RG nº
ACORDA 23.068, com proventos integrais no valor
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE anual de R$ 124.408,31 (cento e vinte e
GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda quatro mil, quatrocentos e oito reais e trinta
Câmara, ante as razões expostas pelo e um centavos), de acordo com a Portaria nº
Relator, em considerar legais os atos de: 1186, de 29/05/2019, expedida pela Goiás
admissão, no posto de Aluno Soldado BM, Previdência, determinando, de
01/08/1990; e de transferência para a consequência, o seu registro concomitante,
reserva, na graduação de Subtenente BM, a nos termos da Lei Orgânica e Regimento
partir de 19/11/2018, para fins de registro, deste Tribunal de Contas, para todos os fins
do servidor militar Sadoc Oliveira Dourado, legais.
com proventos integrais, no valor anual de À Gerência de Comunicação e Controle
R$ 126.624,68 (cento e vinte e seis mil, para publicação, demais atribuições e

48
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

devolução dos autos a origem.


Presentes os Conselheiros: Sebastião Acórdão 2855/2020
Joaquim Pereira Neto Tejota ADMISSÃO. TRANSFERÊNCIA PARA A
(Presidente), Edson José Ferrari RESERVA REMUNERADA. ANTÔNIO
(Relator) e Helder Valin Barbosa. HÉLIO ALVES DE SOUZA. POLÍCIA
Representante do Ministério Público de MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS.
Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. PROMOÇÃO. POSSIBILIDADE.
Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº LEGALIDADE. INTEGRALIDADE.
29/2020 (Virtual). Processo julgado em: REGISTRO CONCOMITANTE. MATÉRIA
22/10/2020. SUMULADA.
Com os fundamentos expostos nestes autos
Processo - 201900002018582/207-01 processuais de nº 201900002018586, tendo
o relatório e o voto como partes integrantes
Acórdão 2854/2020 deste,
TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA ACORDA
REMUNERADA. CARLOS LEOPOLDO DE o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
SAINT JUST FONTES RIBEIRO. ATO GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda
SUJEITO A REGISTRO. POLÍCIA MILITAR. Câmara, ante as razões expostas pelo
GOIASPREV. ADMISSÃO. Relator, em considerar legais os atos de (i)
CONSTITUIÇÃO FEDERAL. admissão, na graduação de Soldado, a
CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE GOIÁS. partir do dia 01/11/1990 e (ii) de
REGULARIDADE DA COMPOSIÇÃO DOS transferência para a reserva remunerada,
PROVENTOS. LEGALIDADE. REGISTRO. na graduação de 1º Sargento, para fins de
Com os fundamentos expostos nestes autos registro, do servidor militar Antônio Hélio
processuais de nº 201900002018582, tendo Alves de Souza, RG nº 23.797 PMGO, com
o relatório e o voto como partes integrantes proventos integrais, no valor anual de R$
deste, 124.408,18 (cento e vinte e quatro mil,
ACORDA quatrocentos e oito reais e dezoito
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE centavos), determinando, de consequência,
GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda o seu registro concomitante, nos termos da
Câmara, ante as razões expostas pelo Lei Orgânica e Regimento deste Tribunal de
Relator, em considerar legais os atos de: Contas, para todos os fins legais.
admissão, no posto de Aluno Oficial, a partir À Gerência de Comunicação e Controle
de 01/09/1991; e de transferência para a para publicação, demais atribuições e
reserva remunerada, na graduação de devolução dos autos a origem.
Coronel, a partir do dia 30/05/2019, para fins Presentes os Conselheiros: Sebastião
de registro, do servidor militar Carlos Joaquim Pereira Neto Tejota
Leopoldo de Saint Just Fontes Ribeiro, com (Presidente), Edson José Ferrari
proventos integrais, no valor anual de R$ (Relator) e Helder Valin Barbosa.
392.576,86 (trezentos e noventa e dois mil, Representante do Ministério Público de
quinhentos e setenta e seis reais e oitenta e Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues.
seis centavos), determinando, de Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº
consequência, os seus registros 29/2020 (Virtual). Processo julgado em:
concomitante, nos termos da Lei Orgânica e 22/10/2020.
Regimento deste Tribunal de Contas, para
todos os fins legais. Processo - 201900002021308/207-01
À Gerência de Comunicação e Controle
para as anotações pertinentes, publicação e Acórdão 2856/2020
devolução dos autos a origem. TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA.
Presentes os Conselheiros: Sebastião DEUSMAR FERREIRA RIBEIRO. POLÍCIA
Joaquim Pereira Neto Tejota MILITAR. GOIASPREV. ADMISSÃO.
(Presidente), Edson José Ferrari REGISTRO CONCOMITANTE.
(Relator) e Helder Valin Barbosa. CONSTITUIÇÃO FEDERAL.
Representante do Ministério Público de CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE GOIÁS.
Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. LEI 8.033/1975. SÚMULA TCE (ACÓRDÃO
Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº 3235/2011). REGULARIDADE DA
29/2020 (Virtual). Processo julgado em: COMPOSIÇÃO DOS PROVENTOS.
22/10/2020. LEGALIDADE. REGISTRO.
Com os fundamentos expostos nestes autos
Processo - 201900002018586/207-01 processuais de nº 201900002021308, tendo

49
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

o relatório e o voto como partes integrantes dia 19/09/2019, para fins de registro, do
deste, servidor militar Wesley Linhares de Lucena,
ACORDA com proventos integrais, no valor anual de
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO R$ 99.526,57, determinando, de
DE GOIÁS, pelos integrantes da sua consequência, os seus registros
Segunda Câmara, ante as razões expostas concomitante, nos termos da Lei Orgânica e
pelo Relator, em considerar legais os atos Regimento deste Tribunal de Contas, para
de (i) Admissão na graduação de Soldado todos os fins legais.
PM, a partir do dia 08/01/1990, conforme o À Gerência de Comunicação e Controle
Boletim Geral nº 044, de 06/03/1991, e (ii) para publicação, demais atribuições e
de Transferência para a Reserva devolução dos autos a origem.
Remunerada, na graduação de 1º Sargento Presentes os Conselheiros: Sebastião
PM, para fins de registro, do servidor militar Joaquim Pereira Neto Tejota
Deusmar Ferreira Ribeiro, PM RG nº (Presidente), Edson José Ferrari
24.111, com proventos integrais no valor (Relator) e Helder Valin Barbosa.
anual de R$ 124.408,31 (cento e vinte e Representante do Ministério Público de
quatro mil, quatrocentos e oito reais e trinta Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues.
e um centavos), de acordo com a Portaria nº Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº
1400, de 25/06/2019, expedida pela Goiás 29/2020 (Virtual). Processo julgado em:
Previdência, determinando, de 22/10/2020.
consequência, o seu registro concomitante,
nos termos da Lei Orgânica e Regimento Processo - 201900002032266/207-01
deste Tribunal de Contas, para todos os fins
legais. Acórdão 2858/2020
À Gerência de Comunicação e Controle TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA.
para publicação, demais atribuições e DÉBORAH LUMENA TAVARES
devolução dos autos a origem. VITORINO. POLÍCIA MILITAR.
Presentes os Conselheiros: Sebastião GOIASPREV. ADMISSÃO. REGISTRO
Joaquim Pereira Neto Tejota CONCOMITANTE. CONSTITUIÇÃO
(Presidente), Edson José Ferrari FEDERAL. CONSTITUIÇÃO DO ESTADO
(Relator) e Helder Valin Barbosa. DE GOIÁS. LEI 8.033/1975. SÚMULA TCE
Representante do Ministério Público de (ACÓRDÃO 3235/2011). REGULARIDADE
Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. DA COMPOSIÇÃO DOS PROVENTOS.
Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº LEGALIDADE. REGISTRO.
29/2020 (Virtual). Processo julgado em: Com os fundamentos expostos nestes autos
22/10/2020. processuais de nº 201900002032266, tendo
o relatório e o voto como partes integrantes
Processo - 201900002028067/207-01 deste,
ACORDA
Acórdão 2857/2020 o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
Ementa: Admissão. Transferência para a DE GOIÁS, pelos integrantes da sua
reserva remunerada. Polícia Militar do Segunda Câmara, ante as razões expostas
Estado de Goiás. Wesley Linhares de pelo Relator, em considerar legais os atos
Lucena. 3º Sargento PM. Regularidade da de (i) Admissão na graduação de Soldado
composição dos proventos. Julgamento PM, a partir do dia 01/11/1996, conforme o
pela legalidade. Registros concomitantes. Boletim Geral nº 223, de 27/11/1996, e (ii)
Precedentes. de Transferência para a Reserva
Com os fundamentos expostos nestes autos Remunerada, na graduação de 2º Tenente
processuais de nº 20190002028067, tendo PM, para fins de registro, da servidora militar
o relatório e o voto como partes integrantes Déborah Lumena Tavares Vitorino, PM RG
deste, nº 28.798, com proventos integrais no valor
ACORDA anual de R$ 164.052,98 (cento e sessenta e
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE quatro mil, cinquenta e dois reais e noventa
GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda e oito centavos), de acordo com a Portaria
Câmara, ante as razões expostas pelo nº 2031, de 19/09/2019, expedida pela
Relator, em considerar legais os atos de (i) Goiás Previdência, determinando, de
admissão, na graduação de Soldado, a consequência, o seu registro concomitante,
partir do dia 27/05/1994; e de (ii) nos termos da Lei Orgânica e Regimento
transferência para a reserva remunerada, deste Tribunal de Contas, para todos os fins
na graduação de 3º Sargento PM, a partir do legais.

50
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

À Gerência de Comunicação e Controle Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues.


para publicação, demais atribuições e Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº
devolução dos autos a origem. 29/2020 (Virtual). Processo julgado em:
Presentes os Conselheiros: Sebastião 22/10/2020.
Joaquim Pereira Neto Tejota
(Presidente), Edson José Ferrari Processo - 201900002039180/207-01
(Relator) e Helder Valin Barbosa.
Representante do Ministério Público de Acórdão 2860/2020
Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. ADMISSÃO. TRANSFERÊNCIA PARA A
Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº RESERVA REMUNERADA. CLEDSON
29/2020 (Virtual). Processo julgado em: JOSÉ QUIRINO DE OLIVEIRA. POLÍCIA
22/10/2020. MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS.
PROMOÇÃO. POSSIBILIDADE.
Processo - 201900002039100/207-01 LEGALIDADE. INTEGRALIDADE.
REGISTRO CONCOMITANTE. MATÉRIA
Acórdão 2859/2020 SUMULADA.
TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA. Com os fundamentos expostos nestes autos
ZILDETE QUEIROZ RIBEIRO. POLÍCIA processuais de nº 201900002039180, tendo
MILITAR. GOIASPREV. ADMISSÃO. o relatório e o voto como partes integrantes
REGISTRO CONCOMITANTE. deste,
CONSTITUIÇÃO FEDERAL. ACORDA
CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE GOIÁS. o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
LEI 8.033/1975. SÚMULA TCE (ACÓRDÃO GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda
3235/2011). REGULARIDADE DA Câmara, ante as razões expostas pelo
COMPOSIÇÃO DOS PROVENTOS. Relator, em considerar legais os atos de (i)
LEGALIDADE. REGISTRO. admissão, na graduação de Soldado, a
Com os fundamentos expostos nestes autos partir do dia 04/01/1990 e (ii) de
processuais de nº 201900002039100, tendo transferência para a reserva remunerada,
o relatório e o voto como partes integrantes na graduação de 1º Sargento da Polícia
deste, Militar do Estado de Goiás, para fins de
ACORDA registro de Cledson José Quirino de Oliveira,
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO RG nº 21.690 PMGO, com proventos
DE GOIÁS, pelos integrantes da sua integrais, no valor anual de R$ 124.408,18
Segunda Câmara, ante as razões expostas (cento e vinte e quatro mil, quatrocentos e
pelo Relator, em considerar legais os atos oito reais e dezoito centavos),
de (i) Admissão na graduação de Soldado determinando, de consequência, o seu
PM, a partir do dia 01/04/1989, conforme o registro concomitante, nos termos da Lei
Boletim Geral nº 089, de 12/05/1989, e (ii) Orgânica e Regimento deste Tribunal de
de Transferência para a Reserva Contas, para todos os fins legais.
Remunerada, na graduação de 1º Sargento À Gerência de Comunicação e Controle
PM, para fins de registro, da servidora militar para publicação, demais atribuições e
Zildete Queiroz Ribeiro, PM RG nº 20.725, devolução dos autos a origem.
com proventos integrais no valor anual de Presentes os Conselheiros: Sebastião
R$ 124.408,31 (cento e vinte e quatro mil, Joaquim Pereira Neto Tejota
quatrocentos e oito reais e trinta e um (Presidente), Edson José Ferrari
centavos), de acordo com a Portaria nº (Relator) e Helder Valin Barbosa.
1732, de 08/08/2019, expedida pela Goiás Representante do Ministério Público de
Previdência, determinando, de Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues.
consequência, o seu registro concomitante, Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº
nos termos da Lei Orgânica e Regimento 29/2020 (Virtual). Processo julgado em:
deste Tribunal de Contas, para todos os fins 22/10/2020.
legais.
À Gerência de Comunicação e Controle Processo - 201900002045781/207-01
para publicação, demais atribuições e
devolução dos autos a origem. Acórdão 2861/2020
Presentes os Conselheiros: Sebastião TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA.
Joaquim Pereira Neto Tejota MARCIONE TEIXEIRA LOPES. POLÍCIA
(Presidente), Edson José Ferrari MILITAR. GOIASPREV. ADMISSÃO.
(Relator) e Helder Valin Barbosa. REGISTRO CONCOMITANTE.
Representante do Ministério Público de CONSTITUIÇÃO FEDERAL.

51
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE GOIÁS. deste,


LEI 8.033/1975. SÚMULA TCE (ACÓRDÃO ACORDA
3235/2011). REGULARIDADE DA o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
COMPOSIÇÃO DOS PROVENTOS. DE GOIÁS, pelos integrantes da sua
LEGALIDADE. REGISTRO. Segunda Câmara, ante as razões expostas
Com os fundamentos expostos nestes autos pelo Relator, em considerar legais os atos
processuais de nº 201900002045781, tendo de (i) Admissão na graduação de Soldado
o relatório e o voto como partes integrantes PM, a partir do dia 27/11/1989, conforme o
deste, Boletim Geral nº 036, de 20/02/1990, e (ii)
ACORDA de Transferência para a Reserva
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO Remunerada, na graduação de 1º Sargento
DE GOIÁS, pelos integrantes da sua PM, para fins de registro, do servidor militar
Segunda Câmara, ante as razões expostas Creozimar Pereira Filho, PM RG nº 21.625,
pelo Relator, em considerar legais os atos com proventos integrais no valor anual de
de (i) Admissão na graduação de Soldado R$ 124.408,31 (cento e vinte e quatro mil,
PM, a partir do dia 01/11/1989, conforme o quatrocentos e oito reais e trinta e um
Boletim Geral nº 028, de 08/02/1990, e (ii) centavos), de acordo com a Portaria nº
de Transferência para a Reserva 2105, de 03/10/2019, expedida pela Goiás
Remunerada, na graduação de 1º Sargento Previdência, determinando, de
PM, para fins de registro, do servidor militar consequência, o seu registro concomitante,
Marcione Teixeira Lopes, PM RG nº 21.497, nos termos da Lei Orgânica e Regimento
com proventos integrais no valor anual de deste Tribunal de Contas, para todos os fins
R$ 124.408,31 (cento e vinte e quatro mil, legais.
quatrocentos e oito reais e trinta e um À Gerência de Comunicação e Controle
centavos), de acordo com a Portaria nº para publicação, demais atribuições e
2115, de 03/10/2019, expedida pela Goiás devolução dos autos a origem.
Previdência, determinando, de Presentes os Conselheiros: Sebastião
consequência, o seu registro concomitante, Joaquim Pereira Neto Tejota
nos termos da Lei Orgânica e Regimento (Presidente), Edson José Ferrari
deste Tribunal de Contas, para todos os fins (Relator) e Helder Valin Barbosa.
legais. Representante do Ministério Público de
À Gerência de Comunicação e Controle Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues.
para publicação, demais atribuições e Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº
devolução dos autos a origem. 29/2020 (Virtual). Processo julgado em:
Presentes os Conselheiros: Sebastião 22/10/2020.
Joaquim Pereira Neto Tejota
(Presidente), Edson José Ferrari
(Relator) e Helder Valin Barbosa. Ata
Representante do Ministério Público de
Contas: Carlos Gustavo Silva Rodrigues. ATA Nº 28 DE 12 A 15 DE
Sessão Ordinária da Segunda Câmara Nº OUTUBRO DE 2020
29/2020 (Virtual). Processo julgado em: SESSÃO ORDINÁRIA (VIRTUAL)
22/10/2020. SEGUNDA CÂMARA
ATA da 28ª Sessão Ordinária da Segunda
Processo - 201900002053836/207-01 Câmara do egrégio Tribunal de Contas do
Estado de Goiás (Virtual).
Acórdão 2862/2020 Nos termos da Resolução Normativa nº
TRANSFERÊNCIA PARA A RESERVA. 002/2020, às nove horas do dia doze (12) do
CREOZIMAR PEREIRA FILHO. POLÍCIA mês de outubro do ano dois mil e vinte,
MILITAR. GOIASPREV. ADMISSÃO. iniciou-se a Vigésima Oitava Sessão
REGISTRO CONCOMITANTE. Ordinária da Segunda Câmara do egrégio
CONSTITUIÇÃO FEDERAL. Tribunal de Contas do Estado de Goiás, sob
CONSTITUIÇÃO DO ESTADO DE GOIÁS. a Presidência do Conselheiro SEBASTIÃO
LEI 8.033/1975. SÚMULA TCE (ACÓRDÃO JOAQUIM PEREIRA NETO TEJOTA, com a
3235/2011). REGULARIDADE DA participação dos Conselheiros EDSON
COMPOSIÇÃO DOS PROVENTOS. JOSÉ FERRARI e HELDER VALIN
LEGALIDADE. REGISTRO. BARBOSA, o Procurador de Contas
Com os fundamentos expostos nestes autos CARLOS GUSTAVO SILVA RODRIGUES,
processuais de nº 201900002053836, tendo e MARCELO AUGUSTO PEDREIRA
o relatório e o voto como partes integrantes XAVIER, Secretário-Geral desta Corte de

52
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Contas que a presente elaborou. Passou a cargo de Escrivão de Polícia de Classe


Segunda Câmara a deliberar sobre as Especial, do Quadro de Pessoal da
matérias constantes da Pauta de Delegacia-Geral da Polícia Civil, ambos da
Julgamentos. Secretaria de Estado da Segurança Pública,
Pelo Conselheiro EDSON JOSÉ FERRARI da servidora Jeroniz Alves Costa, a partir de
foram relatados os seguintes feitos: 31/07/2018, conforme a Portaria nº 1746, de
APOSENTADORIA - CONCESSÃO: 31/07/2018, posteriormente retificada pela
1. Processo nº 201500022053787 - Trata de Portaria nº 2105, de 13/09/2018, na quantia
ato de Concessão de Aposentadoria a anual de R$ 116.884,32 (cento e dezesseis
CLARICE GOMES DA SILVA, do Instituto mil, oitocentos e oitenta e quatro reais e
de Assistência dos Servidores Públicos do trinta e dois centavos), determinando o
Estado de Goiás (IPASGO), com registro concomitante, nos termos da Lei
fundamento no art. 3º, incisos I, II e III, e Orgânica e Regimento deste Tribunal, para
parágrafo único da Emenda Constitucional todos os fins legais. À Gerência de
Federal nº 47/2005, com proventos Comunicação e Controle para publicação,
integrais. O Relator disponibilizou para a demais atribuições e devolução dos autos a
leitura o relatório e voto. Tomados os votos origem”.
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº 3. Processo nº 201700007003475 - Trata de
2724/2020, aprovado por unanimidade, nos ato de Concessão de Aposentadoria a
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL VANDERLAN BARBOSA DE OLIVEIRA, da
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Delegacia Geral da Polícia do Estado de
pelos integrantes da sua Segunda Câmara, Goiás (DGPC), com fundamento no art. 40,
ante as razões expostas pelo Relator, em parágrafo 4º, inciso II, da Constituição
considerar legal o ato de concessão de Federal, alterado pelas Emendas
aposentadoria da servidora Clarice Gomes Constitucionais Federal nº 41/2003 e nº
da Silva, no cargo de Assistente de Saúde, 47/2005, na Lei Complementar Federal nº
Classe “B”, Padrão III, do Grupo 51/1985, com redação dada pela Lei
Ocupacional Assistente de Saúde e Complementar nº 144/2014, e no art. 2º da
Previdência, do Quadro Permanente dos Lei Complementar Estadual nº 59/2006,
Servidores do Instituto de Assistência dos com paridade e proventos integrais. O
Servidores Públicos do Estado de Goiás - Relator disponibilizou para a leitura o
IPASGO, no valor anual de R$ 45.207,72 relatório e voto. Tomados os votos nos
(quarenta e cinco mil, duzentos e sete reais termos regimentais, foi o Acórdão nº
e setenta e dois centavos), determinando o 2726/2020, aprovado por unanimidade, nos
seu registro, nos termos da Lei Orgânica e seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
Regimento deste Tribunal, para todos os fins DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
legais. À Gerência de Comunicação e pelos integrantes da sua Segunda Câmara,
Controle para as anotações pertinentes, ante as razões expostas pelo Relator, em
publicação e devolução dos autos a origem”. considerar legais os atos: de admissão, no
2. Processo nº 201700007003066 - Trata de cargo de Motorista Policial, conforme o
ato de Concessão de Aposentadoria a Decreto de 22/07/1991, Secretaria de
JERONIZ ALVES COSTA, da Delegacia- Estado da Segurança Pública, a partir de
Geral da Polícia Civil do Estado de Goiás 01/08/1991, e de aposentadoria, no cargo
(DGPC-GO), com fundamento no art. 40, § de Agente Policial, Nível IX, do Quadro
4º, inciso II, da Constituição Federal, Transitório de Pessoal da Delegacia-Geral
alterado pelas Emendas Constitucionais nºs da Polícia Civil, da Secretaria de Estado da
41/2003 e 47/2005, com proventos integrais. Segurança Pública, do servidor Vanderlan
O Relator disponibilizou para a leitura o Barbosa de Oliveira, conforme a Portaria nº
relatório e voto. Tomados os votos nos 3020, de 21/12/2018, na quantia anual de
termos regimentais, foi o Acórdão nº R$ 112.218,96 (cento e doze mil, duzentos
2725/2020, aprovado por unanimidade, nos e dezoito reais e noventa e seis centavos),
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL determinando o registro concomitante, nos
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, termos da Lei Orgânica e Regimento deste
pelos integrantes da sua Segunda Câmara, Tribunal, para todos os fins legais. À
ante as razões expostas pelo Relator, em Gerência de Comunicação e Controle para
considerar legais os atos: de admissão, no publicação, demais atribuições e devolução
cargo de Escrivão de Polícia de 3ª Classe, a dos autos a origem”.
partir de 23/07/1992, da então Diretoria- 4. Processo nº 201800007011859 - Trata de
Geral da Polícia Civil, conforme o Decreto ato de Concessão de Aposentadoria a
de 23/07/1992, e de aposentadoria, no LINDOMAR CÂNDIDO VIEIRA, da

53
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

Delegacia-Geral da Polícia Civil (DGPC), 09/08/2018, na quantia anual de R$


com fundamento no art. 40, § 4º, inciso II, da 116.884,32 (cento e dezesseis mil,
Constituição Federal, alterado pela Emenda oitocentos e oitenta e quatro reais e trinta e
Constitucional nº 41/2003, com paridade e dois centavos), determinando o registro
proventos integrais. O Relator disponibilizou concomitante, nos termos da Lei Orgânica e
para a leitura o relatório e voto. Tomados os Regimento deste Tribunal, para todos os fins
votos nos termos regimentais, foi o Acórdão legais. À Gerência de Comunicação e
nº 2727/2020, aprovado por unanimidade, Controle para publicação, demais
nos seguintes termos: “ACORDA o atribuições e devolução dos autos a origem”.
TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE 6. Processo nº 201800022036085 - Trata de
GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda ato de Concessão de Aposentadoria a
Câmara, ante as razões expostas pelo LUCENE SILVA FERREIRA, do Instituto de
Relator, em considerar legais os atos de: Assistência dos Servidores Públicos do
ADMISSÃO no cargo de Agente de Polícia Estado de Goiás (IPASGO), com
de 3ª Classe, da Diretoria Geral da Polícia fundamento no art. 3º, incisos I,II e III e
Civil, a partir de 05/02/1998; e de parágrafo único, da Emenda Constitucional
APOSENTADORIA, no cargo de Agente de Federal nº 47/2005, com proventos
Polícia de Classe Especial, do Quadro de integrais. O Relator disponibilizou para a
Pessoal da Delegacia Geral da Polícia Civil, leitura o relatório e voto. Tomados os votos
da Secretaria de Estado da Segurança nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
Pública, com proventos integrais, no valor 2729/2020, aprovado por unanimidade, nos
anual de R$ 116.884,32 (cento e dezesseis seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
mil, oitocentos e oitenta e quatro reais e DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
trinta e dois centavos) do servidor Lindomar pelos integrantes da sua Segunda Câmara,
Cândido Vieira, determinando o seu ante as razões expostas pelo Relator, em
registro, nos termos da Lei Orgânica e considerar legal o registro do ato de
Regimento deste Tribunal, para todos os fins aposentadoria, no cargo de Assistente de
legais. À Gerência de Comunicação e Saúde, Classe C, Padrão III, do Grupo
Controle para as anotações pertinentes, Ocupacional Assistente de Saúde e
publicação e devolução dos autos a origem”. Previdência, do Instituto de Assistência dos
5. Processo nº 201800007029473 - Trata de Servidores Públicos do Estado de Goiás -
ato de Concessão de Aposentadoria a IPASGO, com proventos integrais, a partir
HELENA APARECIDA GONÇALVES DE de 17/10/2018, da servidora Lucene Silva
MELO, da Delegacia - Geral da Polícia Civil Ferreira, com o valor mensal dos proventos
do Estado de Goiás (DGPC), com na ordem de R$ 4.569,98 (quatro mil,
fundamento no art. 40, § 4º, inciso II, da quinhentos e sessenta e nove reais e
Constituição Federal, alterado pelas noventa e oito centavos), determinando, de
Emendas Constitucionais nºs. 41/2003 e consequência, o seu registro, nos termos da
47/2005, na Lei Complementar Federal nº Lei Orgânica e Regimento deste Tribunal de
51/85 e no art. 2º da Lei Complementar Contas, para todos os fins legais. À
Estadual nº 59/2006, com proventos Gerência de Comunicação e Controle para
integrais. O Relator disponibilizou para a as anotações pertinentes, publicação e
leitura o relatório e voto. Tomados os votos devolução dos autos a origem”.
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº 7. Processo nº 201800022065085 - Trata de
2728/2020, aprovado por unanimidade, nos ato de Concessão de Aposentadoria a
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL MÁRCIO VALADÃO, do Instituto de
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Assistência dos Servidores Públicos do
pelos integrantes da sua Segunda Câmara, Estado de Goiás (IPASGO), com
ante as razões expostas pelo Relator, em fundamento no art. 3º, incisos I, II e III e
considerar legais os atos: de admissão, no parágrafo único, da Emenda Constitucional
cargo de Escrivão de Polícia de 3ª Classe, a Federal nº 47/2005, com proventos
partir de 01/08/1991, da então Diretoria- integrais. O Relator disponibilizou para a
Geral da Polícia Civil, conforme o Decreto leitura o relatório e voto. Tomados os votos
de 18/09/1991, e de aposentadoria, no nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
cargo de Escrivão de Polícia de Classe 2730/2020, aprovado por unanimidade, nos
Especial, do Quadro de Pessoal da seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
Delegacia-Geral da Polícia Civil, ambos da DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
Secretaria de Estado da Segurança Pública, pelos integrantes da sua Segunda Câmara,
da servidora Helena Aparecida Gonçalves ante as razões expostas pelo Relator, em
de Melo, conforme a Portaria nº 1861, de considerar legal o ato de aposentadoria do

54
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

servidor Márcio Valadão, no cargo de e art. 58 da Lei Complementar nº 77/2010,


Assistente Administrativo, Classe C, Padrão com proventos integrais. O Relator
III, do Grupo Ocupacional Assistente de disponibilizou para a leitura o relatório e
Saúde e Previdência, do Quadro voto. Tomados os votos nos termos
Permanente dos Servidores do Instituto de regimentais, foi o Acórdão nº 2732/2020,
Assistência dos Servidores Públicos do aprovado por unanimidade, nos seguintes
Estado de Goiás - IPASGO, com proventos termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
integrais, conforme a Portaria nº 323/2019 CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
(Evento 16), expedida pela Goiás integrantes da sua Segunda Câmara, ante
Previdência, no valor anual de R$ 63.276,66 as razões expostas pelo Relator, em
(sessenta e três mil, duzentos e setenta e considerar legal o registro do ato de
seis reais e sessenta e seis centavos), aposentadoria, no cargo de Assistente
determinando, de consequência, o seu Legislativo, categoria funcional de
registro, nos termos da Lei Orgânica e Assistente Administrativo - classe Singular,
Regimento deste Tribunal de Contas, para Padrão AL-30, da Assembleia Legislativa do
todos os fins legais. À Gerência de Estado de Goiás, com proventos integrais, a
Comunicação e Controle para publicação, partir de 12/04/2018, da servidora Deltania
demais atribuições e devolução dos autos a Arantes de Souza, com o valor mensal dos
origem”. proventos na ordem de R$ 12.581,06 (doze
8. Processo nº 201800025056220 - Trata de mil, quinhentos e oitenta e um reais e seis
ato de Concessão de Aposentadoria a centavos), determinando, de consequência,
JOÃO BATISTA CARVALHO, do o seu registro, nos termos da Lei Orgânica e
Departamento Estadual de Trânsito de Regimento deste Tribunal de Contas, para
Goiás (DETRAN-GO), com fundamento no todos os fins legais. À Gerência de
art. 3º, incisos I, II e III e parágrafo único, da Comunicação e Controle para as anotações
Emenda Constitucional Federal nº 47/2005, pertinentes, publicação e devolução dos
com proventos integrais. O Relator autos a origem”.
disponibilizou para a leitura o relatório e 10. Processo nº 201900022003436 - Trata
voto. Tomados os votos nos termos de ato de Concessão de Aposentadoria a
regimentais, foi o Acórdão nº 2731/2020, MARIA DO ROSÁRIO BORGES RIBEIRO,
aprovado por unanimidade, nos seguintes do Instituto de Assistência dos Servidores
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Públicos do Estado de Goiás (IPASGO),
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos com fundamento no art. 3º, incisos I, II e III
integrantes da sua Segunda Câmara, ante e parágrafo único, da Emenda
as razões expostas pelo Relator, em Constitucional Federal nº 47/2005, com
considerar legal o ato de aposentadoria do proventos integrais. O Relator disponibilizou
servidor João Batista Carvalho, no cargo de para a leitura o relatório e voto. Tomados os
Assistente de Trânsito, Classe D, votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
Referência III, do Grupo Ocupacional de nº 2733/2020, aprovado por unanimidade,
mesmo nome, do Quadro Permanente dos nos seguintes termos: “ACORDA o
Servidores do Departamento Estadual de TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
Trânsito de Goiás - DETRAN-GO, com GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda
proventos integrais, conforme a Portaria nº Câmara, ante as razões expostas pelo
60, de 07/01/2019, expedida pela Goiás Relator, em considerar legal o ato de
Previdência, na quantia anual de R$ aposentadoria da servidora Maria do
63.414,00 (sessenta e três mil e Rosário Borges Ribeiro, no cargo de
quatrocentos e quatorze reais), Técnico em Fiscalização Previdenciária,
determinando, de consequência, o seu Classe “C”, Padrão III, do Grupo
registro, nos termos da Lei Orgânica e Ocupacional Fiscal de Previdência, do
Regimento deste Tribunal de Contas, para Quadro Permanente dos Servidores do
todos os fins legais. À Gerência de Instituto de Assistência dos Servidores do
Comunicação e Controle para publicação, Estado de Goiás - IPASGO, com proventos
demais atribuições e devolução dos autos a integrais, conforme a Portaria nº 706, de
origem”. 12/03/2019, expedida pela Goiás
9. Processo nº 201800063000185 - Trata de Previdência, na quantia anual de R$
ato de Concessão de Aposentadoria a 88.411,90 (oitenta e oito mil, quatrocentos e
DELTANIA ARANTES DE SOUZA, da onze reais e noventa centavos),
Assembleia Legislativa do Estado de Goiás determinando, de consequência, o seu
(ALEGO), com fundamento no art. 3º da registro, nos termos da Lei Orgânica e
Emenda Constitucional Federal nº 47/2005 Regimento deste Tribunal de Contas, para

55
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

todos os fins legais. À Gerência de nos termos do art. 66, I, alínea “c”, item 6, da
Comunicação e Controle para publicação, LC nº 77/2010, podendo extinguir pela
demais atribuições e devolução dos autos a existência de novo casamento ou união
origem”. estável, no valor mensal de R$ 621,58
PENSÃO - CONCESSÃO: (seiscentos e vinte e um reais e cinquenta e
1. Processo nº 201800063000692 - Trata de oito centavos), complementando-se esta
ato de Concessão de Pensão a MARLENE quantia até atingir o salário mínimo, exceto
LINO ARAÚJO, na condição de se o valor deste benefício o ultrapassar
companheira de Marcondes Inácio Mariano, mediante reajuste, conforme o Despacho nº
ex-sevidor aposentado no cargo de Agente 832/2019-GAB, de 27/02/2019,
Legislativo B, categoria funcional de Agente determinando o seu registro, nos termos da
de Polícia Legislativa. O Relator Lei Orgânica e Regimento deste Tribunal,
disponibilizou para a leitura o relatório e para todos os fins legais. À Gerência de
voto. Tomados os votos nos termos Comunicação e Controle para publicação,
regimentais, foi o Acórdão nº 2734/2020, demais atribuições e devolução dos autos a
aprovado por unanimidade, nos seguintes origem”.
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE 3. Processo nº 201911129000083 - Trata da
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos concessão de Pensão por morte a
integrantes da sua Segunda Câmara, ante FERNANDO FORTUNATO SILVA DO
as razões expostas pelo Relator, em NASCIMENTO, na condição de viúvo de
considerar legal o ato de concessão de Maria de Fátima Nobrega Fortunato,
pensão em favor de Marlene Lino Araújo, reformada "Ex-Offício" na graduação de
CPF: 326.903.471-72, dependente na Soldado da Polícia Militar do Estado de
condição de companheira do segurado Goiás (PM/GO). O Relator disponibilizou
Marcondes Inácio Mariano, ex-servidor da para a leitura o relatório e voto. Tomados os
Assembleia Legislativa, pagável até sua votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
extinção prevista em lei, no valor mensal R$ nº 2736/2020, aprovado por unanimidade,
10.431,05 (dez mil, quatrocentos e trinta e nos seguintes termos: “ACORDA o
um reais e cinco centavos), conforme o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
Despacho nº 524/2018, retificado pelo GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda
Despacho nº 429/2019, determinando o seu Câmara, ante as razões expostas pelo
registro, nos termos da Lei Orgânica e Relator, em considerar legal o ato de
Regimento deste Tribunal, para todos os fins concessão de pensão instituída pela ex-
legais. À Gerência de Comunicação e segurada Maria de Fátima Nobrega Pereira,
Controle para publicação, demais ex-militar reformada “ex-officio” na
atribuições e devolução dos autos a origem”. Graduação de Soldado, da Polícia Militar do
2. Processo nº 201811129011021 - Trata de Estado de Goiás, em favor de Fernando
ato de Concessão de Pensão a GIRLENE Fortunato Silva do Nascimento, CPF MF nº
DA SILVA SOUSA, viúva de Gabriel de 711.338.011-53, viúvo da ex-segurada,
Jesus Sousa, Reformado Ex-Officio, na pagável retroativamente à data do óbito, em
graduação de Cabo da Polícia Militar do 31/12/2018, até sua extinção prevista para
Estado de Goiás (PMGO). O Relator 31/12/2033, nos termos do art. 66, I, alínea
disponibilizou para a leitura o relatório e “c”, item 4, da LC nº 77/2010, podendo
voto. Tomados os votos nos termos extinguir antes desse prazo pela existência
regimentais, foi o Acórdão nº 2735/2020, de novo casamento ou união estável, no
aprovado por unanimidade, nos seguintes valor mensal de R$ 6.144,56 (seis mil, cento
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE e quarenta e quatro reais e cinquenta e seis
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos centavos), conforme o Despacho nº
integrantes da sua Segunda Câmara, ante 1788/2019-GAB, de 22/03/2019,
as razões expostas pelo Relator, em determinando o seu registro, nos termos da
considerar legal o ato de concessão de Lei Orgânica e Regimento deste Tribunal,
pensão instituída pela ex-segurado Gabriel para todos os fins legais. À Gerência de
de Jesus Sousa, ex-militar reformado “ex- Comunicação e Controle para publicação,
officio”, com proventos proporcionais, na demais atribuições e devolução dos autos a
graduação de Cabo, da Polícia Militar do origem”.
Estado de Goiás, em favor de Girlene da 4. Processo nº 201911129004462 - Trata de
Silva Sousa, CPF MF nº 070.980.628-04, ato de Concessão de Pensão a SARAH
viúva do ex-segurado, pagável LIRIEL PEREIRA GOMES, na condição de
retroativamente à data da habilitação, em filha previdenciariamente menor de José
04/12/2018, até sua extinção prevista em lei, Pelegrine Gomes, Reformado ''Ex-Officio''

56
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

na graduação de Soldado da Polícia Militar legais. À Gerência de Comunicação e


do Estado de Goiás (PMGO), com efeito Controle para publicação, demais
retroativo a 30/05/2019, data do óbito. O atribuições e devolução dos autos a origem”.
Relator disponibilizou para a leitura o TRANSFERÊNCIA PARA RESERVA -
relatório e voto. Tomados os votos nos CONCESSÃO:
termos regimentais, foi o Acórdão nº 1. Processo nº 201300002000642 Trata de
2737/2020, aprovado por unanimidade, nos Promoção e Transferência para a Reserva
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL Remunerada de NILVA CHAVES DOS
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, SANTOS CARDOSO - 1º SGT PM 19.909,
pelos integrantes da sua Segunda Câmara, da Polícia Militar do Estado de Goiás
ante as razões expostas pelo Relator, em (PM/GO). O Relator disponibilizou para a
considerar legal o ato de concessão de leitura o relatório e voto. Tomados os votos
pensão instituída pelo ex-segurado José nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
Pelegrine Gomes, ex-militar reformado “ex- 2739/2020, aprovado por unanimidade, nos
officio” na Graduação de Soldado PM, da seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
Polícia Militar do Estado de Goiás, em favor DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
de Sarah Liriel Pereira Gomes, portadora do pelos integrantes da sua Segunda Câmara,
CPF MF nº 040.624.571-13, filha menor do ante as razões expostas pelo Relator, em
ex-servidor, pagável retroativamente à data considerar legais os atos de (i) admissão, na
do óbito, em 30/05/2019, até sua extinção graduação de Soldado, a partir do dia
prevista para 28/08/2022, ou se incorrer em 15/09/1987; e (ii) de transferência para a
qualquer das causas extintivas previstas no reserva remunerada, na graduação de
art. 66 da LC nº 77/2010, no valor mensal de Subtenente, a partir do dia 23/04/2018, para
R$ 6.202,66 (seis mil, duzentos e dois reais fins de registro, da servidora militar Nilva
e sessenta e seis centavos), conforme o Chaves dos Santos Cardoso, com
Despacho nº 4790/2019-GAB, de proventos integrais, no valor anual de R$
25/07/2019, determinando o seu registro, 126.624,68 (cento e vinte e seis mil,
nos termos da Lei Orgânica e Regimento seiscentos e vinte e quatro reais e sessenta
deste Tribunal, para todos os fins legais. À e oito centavos), determinando, de
Gerência de Comunicação e Controle para consequência, os seus registros
publicação, demais atribuições e devolução concomitante, nos termos da Lei Orgânica e
dos autos a origem”. Regimento deste Tribunal de Contas, para
REFORMA - CONCESSÃO: todos os fins legais. À Gerência de
1. Processo nº 201800002066007 - Trata de Comunicação e Controle para publicação,
Reforma "Ex-Offício" por Incapacidade demais atribuições e devolução dos autos a
Física de WERISTON GONÇALVES origem”.
DANTAS, CABO PM RG 28.872, da Base 2. Processo nº 201600002000307 - Trata de
Administrativa da Polícia Militar do Estado Promoção e Transferência para a Reserva
de Goiás (PM/GO). O Relator disponibilizou Remunerada de ALBERTO LACERDA DE
para a leitura o relatório e voto. Tomados os FARIA - TEN CEL PM RG 19.666, do
votos nos termos regimentais, foi o Acórdão Comando Geral - Goiânia - GO, da Polícia
nº 2738/2020, aprovado por unanimidade, Militar do Estado de Goiás (PMGO). O
nos seguintes termos: “ACORDA Relator disponibilizou para a leitura o
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE relatório e voto. Tomados os votos nos
GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda termos regimentais, foi o Acórdão nº
Câmara, ante as razões expostas pelo 2740/2020, aprovado por unanimidade, nos
Relator, em considerar legais os atos de (i) seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
admissão, na graduação de Soldado, a DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
partir do dia 27/02/1997 e (ii) reforma ex- pelos integrantes da sua Segunda Câmara,
officio, na graduação de Cabo, dos Quadros ante as razões expostas pelo Relator, em
da Polícia Militar do Estado de Goiás para considerar legais os atos de (i) admissão, na
fins de registro, do servidor militar Weriston graduação de Soldado, a partir do dia
Gonçalves Dantas, RG nº 28.872 PMGO, 01/09/1987; e (ii) de transferência para a
com proventos integrais, no valor anual de reserva remunerada, na graduação de
R$ 99.526,57 (noventa e nove mil, Coronel, a partir do dia 22/10/2018, para fins
quinhentos e vinte e seis reais e cinquenta e de registro, do servidor militar Alberto
sete centavos), determinando, de Lacerda de Faria, com proventos integrais,
consequência, o seu registro concomitante, no valor anual de R$ 392.576,86 (trezentos
nos termos da Lei Orgânica e Regimento e noventa e dois mil, quinhentos e setenta e
deste Tribunal de Contas, para todos os fins seis reais e oitenta e seis centavos),

57
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

determinando, de consequência, os seus para a reserva remunerada, na graduação


registros concomitante, nos termos da Lei de 2º Sargento PM, para fins de registro, do
Orgânica e Regimento deste Tribunal de servidor militar José Dilton Silva Moreira, PM
Contas, para todos os fins legais. À RG nº 25.132, com proventos integrais no
Gerência de Comunicação e Controle para valor anual de R$ 95.985,24 (noventa e
publicação, demais atribuições e devolução cinco mil, novecentos e oitenta e cinco reais
dos autos a origem”. e vinte e quatro centavos), de acordo com a
3. Processo nº 201600002001651 - Trata de Portaria nº 1825, de 07/08/2018, expedida
Promoção e Transferência para a Reserva pela Goiás Previdência, determinando, de
Remunerada de EDMILSON PEREIRA DE consequência, o seu registro concomitante,
ARAÚJO - TEN CEL PM RG 22.550, do nos termos da Lei Orgânica e Regimento
CPMG - Anápolis - GO, da Polícia Militar do deste Tribunal de Contas, para todos os fins
Estado de Goiás (PMGO). O Relator legais. À Gerência de Comunicação e
disponibilizou para a leitura o relatório e Controle para publicação, demais
voto. Tomados os votos nos termos atribuições e devolução dos autos a origem”.
regimentais, foi o Acórdão nº 2741/2020, 5. Processo nº 201700002010664 - Trata de
aprovado por unanimidade, nos seguintes Promoção e Transferência para a Reserva
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Remunerada de SILVIO FERNANDES DE
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos OLIVEIRA, 2º SGT PM RG 20.121, da 5º
integrantes da sua Segunda Câmara, ante CIPM - Indiara - GO, da Polícia Militar do
as razões expostas pelo Relator, em Estado de Goiás (PMGO). O Relator
considerar legais os atos de (i) Admissão na disponibilizou para a leitura o relatório e
graduação de Aluno Oficial PM, a partir do voto. Tomados os votos nos termos
dia 23/04/1990, conforme o Boletim Geral nº regimentais, foi o Acórdão nº 2743/2020,
105, de 05/06/1990, e (ii) de Transferência aprovado por unanimidade, nos seguintes
para a Reserva Remunerada, na graduação termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
de Coronel PM, para fins de registro, do CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
servidor militar Edmilson Pereira de Araújo, integrantes da sua Segunda Câmara, ante
PM RG nº 22.550, com proventos integrais as razões expostas pelo Relator, em
no valor anual de R$ 471.092,18 considerar legais os atos de (i) admissão, na
(quatrocentos e setenta e um mil, noventa e graduação de Soldado, a partir do dia
dois reais e dezoito centavos), com o 01/04/1988 e (ii) de transferência para a
acréscimo de 20% (vinte por cento), de reserva remunerada, na graduação de 1º
acordo com a Portaria nº 1370, de Sargento, para fins de registro, do servidor
18/06/2019, expedida pela Goiás militar Silvio Fernandes de Oliveira, RG nº
Previdência, determinando, de 20.121 PMGO, com proventos integrais, no
consequência, o seu registro concomitante, valor anual de R$ 124.408,18 (cento e vinte
nos termos da Lei Orgânica e Regimento e quatro mil, quatrocentos e oito reais e
deste Tribunal de Contas, para todos os fins dezoito centavos), determinando, de
legais. À Gerência de Comunicação e consequência, o seu registro concomitante,
Controle para publicação, demais nos termos da Lei Orgânica e Regimento
atribuições e devolução dos autos a origem”. deste Tribunal de Contas, para todos os fins
4. Processo nº 201700002000134 - Trata de legais. À Gerência de Comunicação e
Promoção e Transferência para a Reserva Controle para publicação, demais
Remunerada de JOSÉ DILTON SILVA atribuições e devolução dos autos a origem”.
MOREIRA - 3º SGT PM RG 25.132, da APM 6. Processo nº 201700011000638 - Trata de
Tribunal de Justiça - Goiânia - GO, da Promoção e Transferência para a Reserva
Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO). Remunerada de ANTENOR BATISTA
O Relator disponibilizou para a leitura o BARROS, Capitão QOA, RG 00.822, do
relatório e voto. Tomados os votos nos Corpo de Bombeiros Militar do Estado de
termos regimentais, foi o Acórdão nº Goiás (CBM/GO). O Relator disponibilizou
2742/2020, aprovado por unanimidade, nos para a leitura o relatório e voto. Tomados os
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, nº 2744/2020, aprovado por unanimidade,
pelos integrantes da sua Segunda Câmara, nos seguintes termos: “ACORDA o
ante as razões expostas pelo Relator, em TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
considerar legais os atos de (i) admissão na GOIÁS, pelos integrantes da sua Segunda
graduação de Soldado PM, a partir do dia Câmara, ante as razões expostas pelo
01/03/1992, conforme o Boletim Geral nº Relator, em considerar legais os atos de (i)
074, de 20/04/1992, e (ii) de transferência admissão, na graduação de Aluno Soldado,

58
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

a partir do dia 01/09/1990; e (ii) de CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos


transferência para a reserva remunerada, integrantes da sua Segunda Câmara, ante
na graduação de Major, a partir do dia as razões expostas pelo Relator, em
30/10/2017, para fins de registro, do servidor considerar legais os atos de (i) admissão na
militar Antenor Batista Barros, com graduação de Soldado PM, a partir do dia
proventos integrais, no valor anual de R$ 01/04/1991, conforme o Boletim Geral nº
251.966,52 (duzentos e cinquenta e um mil, 082, de 02/05/1991, e (ii) de transferência
novecentos e sessenta e seis reais e para a reserva remunerada, na graduação
cinquenta e dois centavos), determinando, de 2º Tenente PM, para fins de registro, do
de consequência, os seus registros servidor militar José Maurício de Araújo PM
concomitantes, nos termos da Lei Orgânica RG nº 24.366, com proventos integrais no
e Regimento deste Tribunal de Contas, para valor anual de R$ 146.045,51 (cento e
todos os fins legais. À Gerência de quarenta e seis mil, quarenta e cinco reais e
Comunicação e Controle para publicação, cinquenta e um centavos), de acordo com a
demais atribuições e devolução dos autos a Portaria nº 2384, de 22/10/2018, expedida
origem”. pela Goiás Previdência, determinando, de
7. Processo nº 201800002041436 - Trata de consequência, o seu registro concomitante,
Promoção e Transferência para a Reserva nos termos da Lei Orgânica e Regimento
Remunerada de FERNANDO MORAIS DA deste Tribunal de Contas, para todos os fins
SILVA - SUB TEN PM RG 21.894, do 13º legais. À Gerência de Comunicação e
BPM - Goiânia - GO, da Polícia Militar do Controle para publicação, demais
Estado de Goiás (PMGO). O Relator atribuições e devolução dos autos a origem”.
disponibilizou para a leitura o relatório e 9. Processo nº 201800002064354 - Trata de
voto. Tomados os votos nos termos Promoção e Transferência para a Reserva
regimentais, foi o Acórdão nº 2745/2020, Remunerada de MARCO ANTÔNIO JOSÉ
aprovado por unanimidade, nos seguintes MARÇAL - 1º Tenente PM 20.869, da
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Polícia Militar do Estado de Goiás (PM/GO).
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos O Relator disponibilizou para a leitura o
integrantes da sua Segunda Câmara, ante relatório e voto. Tomados os votos nos
as razões expostas pelo Relator, em termos regimentais, foi o Acórdão nº
considerar legais os atos de (i) admissão na 2747/2020, aprovado por unanimidade, nos
graduação de Soldado PM, a partir do dia seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
18/12/1989, conforme o Boletim Geral nº DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
047, de 09/03/1990, e (ii) de transferência pelos integrantes da sua Segunda Câmara,
para a reserva remunerada, na graduação ante as razões expostas pelo Relator, em
de 2º Tenente PM, para fins de registro, do considerar legais os atos de (i) admissão, na
servidor militar Fernando Morais da Silva, graduação de Soldado, a partir do dia
PM RG nº 21.894, com proventos integrais 10/07/1989 e (ii) de transferência para a
no valor anual de R$ 146.045,51 (cento e reserva remunerada, na graduação de
quarenta e seis mil, quarenta e cinco reais e Capitão, para fins de registro, do servidor
cinquenta e um centavos), de acordo com a militar Marco Antônio José Marçal, RG nº
Portaria nº 1838, de 09/08/2018, expedida 20.869 PMGO, com proventos integrais, no
pela Goiás Previdência, determinando, de valor anual de R$ 278.126,94 (duzentos e
consequência, o seu registro concomitante, setenta e oito mil, cento e vinte e seis reais
nos termos da Lei Orgânica e Regimento e noventa e quatro centavos),
deste Tribunal de Contas, para todos os fins determinando, de consequência, o seu
legais. À Gerência de Comunicação e registro concomitante, nos termos da Lei
Controle para publicação, demais Orgânica e Regimento deste Tribunal de
atribuições e devolução dos autos a origem”. Contas, para todos os fins legais. À
8. Processo nº 201800002053529 - Trata de Gerência de Comunicação e Controle para
Promoção e Transferência para a Reserva publicação, demais atribuições e devolução
Remunerada de JOSÉ MAURICIO DE dos autos a origem”.
ARAÚJO, SUBTENENTE PM RG 24.366, d 10. Processo nº 201800002072599 - Trata
22º CIPM - Ceres - GO, da Polícia Militar do de Promoção e Transferência para a
Estado de Goiás (PMGO). O Relator Reserva Remunerada de DORIVAL
disponibilizou para a leitura o relatório e LAGARES MATOS, 1º SARGENTO PM RG
voto. Tomados os votos nos termos 23.206, do 1º BPMRv - Goiânia - GO, da
regimentais, foi o Acórdão nº 2746/2020, Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO).
aprovado por unanimidade, nos seguintes O Relator disponibilizou para a leitura o
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE relatório e voto. Tomados os votos nos

59
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

termos regimentais, foi o Acórdão nº devolução dos autos a origem”.


2748/2020, aprovado por unanimidade, nos 12. Processo nº 201800002084921 - Trata
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL de Promoção e Transferência para a
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Reserva Remunerada de SEBASTIÃO
pelos integrantes da sua Segunda Câmara, APARECIDO MENDES, 2º SGT PM RG
ante as razões expostas pelo Relator, em 23.218, da 16º CIPM - Aparecida de Goiânia
considerar legais os atos de (i) admissão, na - GO, da Polícia Militar do Estado de Goiás
graduação de Soldado, a partir do dia (PMGO). O Relator disponibilizou para a
01/06/1990 e (ii) de transferência para a leitura o relatório e voto. Tomados os votos
reserva remunerada, na graduação de nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
Subtenente, para fins de registro, do 2750/2020, aprovado por unanimidade, nos
servidor militar Dorival Lagares Matos, RG seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
nº 23.206 PMGO, com proventos integrais, DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
no valor anual de R$ 142.237,55 (cento e pelos integrantes da sua Segunda Câmara,
quarenta e dois mil, duzentos e trinta e sete ante as razões expostas pelo Relator, em
reais e cinquenta e cinco centavos), considerar legais os atos de (i) admissão, na
determinando, de consequência, o seu graduação de Soldado, a partir do dia
registro concomitante, nos termos da Lei 01/06/1990; e (ii) de transferência para a
Orgânica e Regimento deste Tribunal de reserva remunerada, na graduação de 1º
Contas, para todos os fins legais. À Sargento, a partir do dia 04/02/2019, para
Gerência de Comunicação e Controle para fins de registro, do servidor militar Sebastião
publicação, demais atribuições e devolução Aparecido Mendes, com proventos
dos autos a origem”. integrais, no valor anual de R$ 124.408,18
11. Processo nº 201800002084173 - Trata (cento e vinte quatro mil, quatrocentos e oito
de Promoção e Transferência para a reais e dezoito centavos), determinando, de
Reserva Remunerada de ROBERTO PINTO consequência, os seus registros
RIBEIRO, 1º Sargento PM RG Nº 23.183, do concomitantes, nos termos da Lei Orgânica
1º BPM - Goiânia - GO, da Polícia Militar do e Regimento deste Tribunal de Contas, para
Estado de Goiás (PM/GO). O Relator todos os fins legais. Ainda, determino ao
disponibilizou para a leitura o relatório e Comando da Polícia Militar do Estado de
voto. Tomados os votos nos termos Goiás que acompanhe o processo judicial
regimentais, foi o Acórdão nº 2749/2020, em curso, no qual o interessado é parte, até
aprovado por unanimidade, nos seguintes decisão final, para verificar eventual
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE cassação do ato de transferência para a
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos reserva remunerada. À Gerência de
integrantes da sua Segunda Câmara, ante Comunicação e Controle para publicação,
as razões expostas pelo Relator, em demais atribuições e devolução dos autos a
considerar legais os atos de (i) Admissão na origem”.
graduação de Soldado PM, a partir do dia 13. Processo nº 201800002084984 - Trata
01/06/1990, conforme o Boletim Geral nº de Promoção e Transferência para a
143, de 01/08/1990, e (ii) de Transferência Reserva Remunerada de RONALDO DA
para a Reserva Remunerada, na graduação SILVA BARBOSA - 1º Sargento PM 18.516,
de Subtenente PM, para fins de registro, do da Polícia Militar do Estado de Goiás
servidor militar Roberto Pinto Ribeiro, PM (PM/GO). O Relator disponibilizou para a
RG nº 23.183, com proventos integrais no leitura o relatório e voto. Tomados os votos
valor anual de R$ 142.237,55 (cento e nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
quarenta e dois mil, duzentos e trinta e sete 2751/2020, aprovado por unanimidade, nos
reais e cinquenta e cinco centavos), de seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
acordo com a Portaria nº 464, de DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
08/02/2019, expedida pela Goiás pelos integrantes da sua Segunda Câmara,
Previdência, determinando, de ante as razões expostas pelo Relator, em
consequência, o seu registro concomitante, considerar legais os atos de: admissão, no
nos termos da Lei Orgânica e Regimento posto de Soldado, a partir de 15/10/1986; e
deste Tribunal de Contas, para todos os fins de transferência para a reserva
legais. A Polícia Militar deverá acompanhar remunerada, na graduação de Subtenente,
o desenrolar da ação penal em desfavor do a partir de 06/02/2019, para fins de registro,
interessado e, por ocasião do trânsito em do servidor militar Ronaldo da Silva
julgado, informar a este Tribunal de Contas. Barbosa, com proventos integrais, no valor
À Gerência de Comunicação e Controle anual de R$ 142.237,55 (cento e quarenta e
para publicação, demais atribuições e dois mil, duzentos e trinta e sete reais e

60
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

cinquenta e cinco centavos), determinando, anual de R$ 278.126,94 (duzentos e setenta


de consequência, os seus registros e oito mil, cento e vinte e seis reais e
concomitante, nos termos da Lei Orgânica e noventa e quatro centavos), determinando,
Regimento deste Tribunal de Contas, para de consequência, os seus registros
todos os fins legais. À Gerência de concomitante, nos termos da Lei Orgânica e
Comunicação e Controle para as anotações Regimento deste Tribunal de Contas, para
pertinentes, publicação e devolução dos todos os fins legais. À Gerência de
autos a origem”. Comunicação e Controle para as anotações
14. Processo nº 201800002084996 - Trata pertinentes, publicação e devolução dos
de Promoção e Transferência para a autos a origem”.
Reserva Remunerada de JUVERCINO 16. Processo nº 201800002093574 - Trata
VERÍSSIMO DE FARIA, 1º SGT PM RG de Promoção e Transferência para a
19.636, do 1º BPM - Goiânia - GO, da Polícia Reserva Remunerada de DIVINO PEREIRA
Militar do Estado de Goiás (PMGO). O DA SILVA - 2º SGT PM RG 21.951, do 10º
Relator disponibilizou para a leitura o BPM - Luziânia - GO, da Polícia Militar do
relatório e voto. Tomados os votos nos Estado de Goiás (PMGO). O Relator
termos regimentais, foi o Acórdão nº disponibilizou para a leitura o relatório e
2752/2020, aprovado por unanimidade, nos voto. Tomados os votos nos termos
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL regimentais, foi o Acórdão nº 2754/2020,
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, aprovado por unanimidade, nos seguintes
pelos integrantes da sua Segunda Câmara, termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
ante as razões expostas pelo Relator, em CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
considerar legais os atos de: admissão, no integrantes da sua Segunda Câmara, ante
posto de Soldado, a partir de 20/09/1987; e as razões expostas pelo Relator, em
de transferência para a reserva considerar legais os atos de (i) Admissão na
remunerada, na graduação de Subtenente, graduação de Soldado PM, a partir do dia
a partir do dia 20/02/2019, para fins de 22/01/1990, conforme o Boletim Geral nº
registro, do servidor militar Juvercino 056, de 22/03/1990, e (ii) de Transferência
Veríssimo de Faria, com proventos Para a Reserva Remunerada, na graduação
integrais, no valor anual de R$142.237,55 de 1º Sargento PM, para fins de registro, do
(cento e quarenta e dois mil, duzentos e servidor militar Divino Pereira da Silva, PM
trinta e sete reais e cinquenta e cinco RG nº 21.951, com proventos integrais no
centavos), determinando, de consequência, valor anual de R$ 124.408,31 (cento e vinte
os seus registros concomitante, nos termos e quatro mil, quatrocentos e oito reais e
da Lei Orgânica e Regimento deste Tribunal trinta e um centavos), de acordo com a
de Contas, para todos os fins legais. À Portaria nº 524, de 15/02/2019, expedida
Gerência de Comunicação e Controle para pela Goiás Previdência, determinando, de
as anotações pertinentes, publicação e consequência, o seu registro concomitante,
devolução dos autos a origem”. nos termos da Lei Orgânica e Regimento
15. Processo nº 201800002090050 - Trata deste Tribunal de Contas, para todos os fins
de Promoção e Transferência para a legais. À Gerência de Comunicação e
Reserva Remunerada de AGUINEL ALVES Controle para publicação, demais
BARBOSA FILHO, 1º Tenente PM RG atribuições e devolução dos autos a origem”.
20.882, do 26º BPM - Caldas Novas - GO, 17. Processo nº 201800011019630 - Trata
da Polícia Militar do Estado de Goiás de Promoção e Transferência para a
(PMGO). O Relator disponibilizou para a Reserva Remunerada de ELHO FERREIRA
leitura o relatório e voto. Tomados os votos DE CARVALHO - 1º SGT RG 00.725, OBM:
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº Companhia Independente Bombeiro Militar
2753/2020, aprovado por unanimidade, nos de Posse, do Corpo de Bombeiros do
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL Estado de Goiás (CBMGO). O Relator
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, disponibilizou para a leitura o relatório e
pelos integrantes da sua Segunda Câmara, voto. Tomados os votos nos termos
ante as razões expostas pelo Relator, em regimentais, foi o Acórdão nº 2755/2020,
considerar legais os atos de: admissão, no aprovado por unanimidade, nos seguintes
posto de Soldado, a partir de 15/07/1989; e termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
de transferência para a reserva CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
remunerada, na graduação de Capitão, a integrantes da sua Segunda Câmara, ante
partir de 04/02/2019, para fins de registro, as razões expostas pelo Relator, em
do servidor militar Aguinel Alves Barbosa considerar legais os atos de (i) admissão, na
Filho, com proventos integrais, no valor graduação de Aluno Soldado, a partir do dia

61
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

01/08/1990; e (ii) de transferência para a aprovado por unanimidade, nos seguintes


reserva remunerada, na graduação de termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
Subtenente, a partir do dia 06/11/2018, para CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
fins de registro, do servidor militar Elho integrantes da sua Segunda Câmara, ante
Ferreira de Carvalho, com proventos as razões expostas pelo Relator, em
integrais, no valor anual de R$ 126.624,68 considerar legais os atos de (i) admissão, na
(cento e vinte e seis mil, seiscentos e vinte e graduação de Soldado, a partir do dia
quatro reais e sessenta e oito centavos), 01/10/1990; e (ii) de transferência para a
determinando, de consequência, os seus reserva remunerada, na graduação de 1º
registros concomitantes, nos termos da Lei Sargento, a partir do dia 02/04/2019, para
Orgânica e Regimento deste Tribunal de fins de registro, do servidor militar Edvaldo
Contas, para todos os fins legais. À José Felix, com proventos integrais, no valor
Gerência de Comunicação e Controle para anual de R$ 124.408,18 (cento e vinte
publicação, demais atribuições e devolução quatro mil, quatrocentos e oito reais e
dos autos a origem”. dezoito centavos), determinando, de
18. Processo nº 201800011033992 - Trata consequência, os seus registros
de Promoção e Transferência para a concomitantes, nos termos da Lei Orgânica
Reserva Remunerada de FRANCINILTON e Regimento deste Tribunal de Contas, para
BEZERRA DA SILVA, onde promove de todos os fins legais. À Gerência de
Capitão QOA/Músico para o posto de Major Comunicação e Controle para publicação,
em virtude de contar mais de 30 (trinta) anos demais atribuições e devolução dos autos a
de serviços no Corpo de Bombeiros Militar origem”.
do Estado de Goias - CBM-GO. O Relator 20. Processo nº 201900002008469 - Trata
disponibilizou para a leitura o relatório e de Promoção e Transferência para a
voto. Tomados os votos nos termos Reserva Remunerada de HIRAM ALVES
regimentais, foi o Acórdão nº 2756/2020, VIEIRA - 2º TEN PM RG 20.511, da 2ª CIPM
aprovado por unanimidade, nos seguintes - Rio Verde - GO, da Polícia Militar do
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Estado de Goiás (PMGO). O Relator
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos disponibilizou para a leitura o relatório e
integrantes da sua Segunda Câmara, ante voto. Tomados os votos nos termos
as razões expostas pelo Relator, em regimentais, foi o Acórdão nº 2758/2020,
considerar legais os atos de (i) Admissão na aprovado por unanimidade, nos seguintes
graduação de 3º Sargento BM, a partir do termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
dia 01/09/1990, conforme o Boletim Geral nº CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
071, de 13/11/1990, e (ii) de Transferência integrantes da sua Segunda Câmara, ante
para a Reserva Remunerada, na graduação as razões expostas pelo Relator, em
de Major BM, para fins de registro, do considerar legais os atos de (i) admissão, na
bombeiro militar Francinilton Bezerra da graduação de Soldado, a partir do dia
Silva, BM RG nº 00.198, com proventos 20/01/1989; e (ii) de transferência para a
integrais no valor anual de R$ 317.932,16 reserva remunerada, na graduação de 1º
(trezentos e dezessete mil, novecentos e Tenente, a partir do dia 10/04/2019, para
trinta e dois reais e dezesseis centavos), fins de registro, do servidor militar Hiram
conforme a Portaria nº 1365, de 18/06/2019, Alves Vieira, com proventos integrais, no
expedida pela Goiás Previdência, valor anual de R$ 190.759,14 (cento e
determinando, de consequência, o seu noventa mil, setecentos e cinquenta e nove
registro concomitante, nos termos da Lei reais e quatorze centavos), determinando,
Orgânica e Regimento deste Tribunal de de consequência, os seus registros
Contas, para todos os fins legais. À concomitantes, nos termos da Lei Orgânica
Gerência de Comunicação e Controle para e Regimento deste Tribunal de Contas, para
publicação, demais atribuições e devolução todos os fins legais. À Gerência de
dos autos a origem”. Comunicação e Controle para publicação,
19. Processo nº 201900002008451 - Trata demais atribuições e devolução dos autos a
de Promoção e Transferência para a origem”.
Reserva Remunerada de EDVALDO JOSÉ 21. Processo nº 201900002016037 - Trata
FELIX, 2º SGT PMGO RG 23.536, do 3º de Promoção e Transferência para a
BPM - Porangatu - GO, da Polícia Militar do Reserva Remunerada de JUCIMAR
Estado de Goiás (PMGO). O Relator DELMONDES DE SOUZA - 2º Sargento PM
disponibilizou para a leitura o relatório e 23.174, do 48º CIPM, Goianira - GO, da
voto. Tomados os votos nos termos Polícia Militar do Estado de Goiás (PM/GO).
regimentais, foi o Acórdão nº 2757/2020, O Relator disponibilizou para a leitura o

62
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

relatório e voto. Tomados os votos nos ANTÔNIO BARBOSA - SUB TEN PM RG


termos regimentais, foi o Acórdão nº 20.777, do 17º CIPM - Anicuns - GO, da
2759/2020, aprovado por unanimidade, nos Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO).
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL O Relator disponibilizou para a leitura o
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, relatório e voto. Tomados os votos nos
pelos integrantes da sua Segunda Câmara, termos regimentais, foi o Acórdão nº
ante as razões expostas pelo Relator, em 2761/2020, aprovado por unanimidade, nos
considerar legais os atos de (i) admissão, na seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
graduação de Soldado, a partir do dia DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
01/06/1990; e (ii) de transferência para a pelos integrantes da sua Segunda Câmara,
reserva remunerada, na graduação de 1º ante as razões expostas pelo Relator, em
Sargento, a partir do dia 29/05/2019, para considerar legais os atos de (i) admissão na
fins de registro, do servidor militar Jucimar graduação de Soldado PM, a partir do dia
Delmondes de Souza, com proventos 05/04/1989, conforme o Boletim Geral nº
integrais, no valor anual de R$ 124.408,18 111, de 15/06/1989, e (ii) de transferência
(cento e vinte quatro mil, quatrocentos e oito para a reserva remunerada, na graduação
reais e dezoito centavos), determinando, de de 2º Tenente PM, para fins de registro, do
consequência, os seus registros servidor militar Gilberto Antônio Barbosa,
concomitante, nos termos da Lei Orgânica e PM RG nº 20.777, com proventos integrais
Regimento deste Tribunal de Contas, para no valor anual de R$ 164.052,98 (cento e
todos os fins legais. À Gerência de sessenta e quatro mil, cinquenta e dois reais
Comunicação e Controle para publicação, e noventa e oito centavos), de acordo com a
demais atribuições e devolução dos autos a Portaria nº 1798, de 29/08/2019, expedida
origem”. pela Goiás Previdência, determinando, de
22. Processo nº 201900002035740 - Trata consequência, o seu registro concomitante,
de Promoção e Transferência para a nos termos da Lei Orgânica e Regimento
Reserva Remunerada de BRÍGIDA DE deste Tribunal de Contas, para todos os fins
SOUZA LIMA - 2º Sargento PM 20.682, do legais. À Gerência de Comunicação e
12º CIPM, Quirinópolis - GO, da Polícia Controle para publicação, demais
Militar do Estado de Goiás (PM/GO). O atribuições e devolução dos autos a origem”.
Relator disponibilizou para a leitura o 24. Processo nº 201900002039755 - Trata
relatório e voto. Tomados os votos nos de Promoção e Transferência para a
termos regimentais, foi o Acórdão nº Reserva Remunerada de NELSIRON
2760/2020, aprovado por unanimidade, nos MOREIRA DE JESUS, 1º Sargento PM RG
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL 19.815, do 34º BPM - Itaberai - GO, da
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, Polícia Militar do Estado de Goiás (PM/GO).
pelos integrantes da sua Segunda Câmara, O Relator disponibilizou para a leitura o
ante as razões expostas pelo Relator, em relatório e voto. Tomados os votos nos
considerar legais os atos de (i) admissão na termos regimentais, foi o Acórdão nº
graduação de Soldado PM, a partir do dia 2762/2020, aprovado por unanimidade, nos
01/04/1989, conforme o Boletim Geral nº seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
089, de 12/05/1989, e (ii) de transferência DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
para a reserva remunerada, na graduação pelos integrantes da sua Segunda Câmara,
de 1º Sargento PM, para fins de registro, da ante as razões expostas pelo Relator, em
servidora militar Brigida de Souza Lima, PM considerar legais os atos de (i) admissão, na
RG nº 20.682, com proventos integrais no graduação de Soldado, a partir do dia
valor anual de R$ 124.408,31 (cento e vinte 15/07/1987 e (ii) de transferência para a
e quatro mil, quatrocentos e oito reais e reserva remunerada, na graduação de
trinta e um centavos), Portaria nº 1546, de Subtenente, para fins de registro, do
24/07/2019, expedida pela Goiás servidor militar Nelsiron Moreira de Jesus,
Previdência, determinando, de RG nº 19.815 PMGO, com proventos
consequência, o seu registro concomitante, integrais, no valor anual de R$ 142.237,55
nos termos da Lei Orgânica e Regimento (cento e quarenta e dois mil, duzentos e
deste Tribunal de Contas, para todos os fins trinta e sete reais e cinquenta e cinco
legais. À Gerência de Comunicação e centavos), determinando, de consequência,
Controle para publicação, demais o seu registro concomitante, nos termos da
atribuições e devolução dos autos a origem”. Lei Orgânica e Regimento deste Tribunal de
23. Processo nº 201900002035766 - Trata Contas, para todos os fins legais. À
de Promoção e Transferência para a Gerência de Comunicação e Controle para
Reserva Remunerada de GILBERTO publicação, demais atribuições e devolução

63
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

dos autos a origem”. Geral para as devidas providências”.


Pelo Conselheiro HELDER VALIN 3. Processo nº 201800005002676 - Trata de
BARBOSA foram relatados os seguintes ato de Concessão de Aposentadoria a ANA
feitos: MARIA GOMES NAGATO, da Secretaria de
APOSENTADORIA - CONCESSÃO: Gestão e Planejamento (SEGPLAN), com
1. Processo nº 201600013003382 - Trata de fundamento no art. 3º, incisos I, II e III, e
ato de Concessão de Aposentadoria a parágrafo único da Emenda Constitucional
JORGE MARQUES, da Secretaria de Federal nº 47/2005, com proventos
Estado de Gestão e Planejamento integrais. O Relator disponibilizou para a
(SEGPLAN), com fundamento no art. 6º, leitura o relatório e voto. Tomados os votos
incisos I a IV, da Emenda Constitucional nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
Federal nº 41/2003, com proventos 2765/2020, aprovado por unanimidade, nos
integrais. O Relator disponibilizou para a seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
leitura o relatório e voto. Tomados os votos DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº pelos integrantes da Segunda Câmara,
2763/2020, aprovado por unanimidade, nos presumida a legitimidade e a veracidade da
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL documentação constante destes autos, em
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, considerar legal o ato da aposentadoria no
pelos integrantes da Segunda Câmara, cargo de Assistente de Gestão
presumida a legitimidade e a veracidade da Administrativa, Classe "B", Padrão III, do
documentação constante destes autos, em Grupo Ocupacional de mesmo nome, do
considerar legal o ato da aposentadoria no Quadro Permanente dos Servidores da
cargo de Assistente de Gestão Secretaria de Gestão e Planejamento, em
Administrativa, Classe "B", Padrão III, do nome de ANA MARIA GOMES NAGATO,
Grupo Ocupacional de mesmo nome, do determinando o seu registro, nos termos do
Quadro Permanente dos Servidores da artigo 1º, IV, da Lei Estadual n.º 16.168, de
Secretaria de Gestão e Planejamento, em 11 de dezembro de 2007. À Secretaria Geral
nome de JORGE MARQUES, determinando para as devidas providências”.
o seu registro, nos termos do artigo 1º, IV, 4. Processo nº 201800066006374 - Trata de
da Lei Estadual n.º 16.168, de 11 de ato de Concessão de Aposentadoria a
dezembro de 2007. À Secretaria Geral para WILTON GONÇALVES PINHEIRO, da
as devidas providências”. Agência Goiana de Defesa Agropecuária
2. Processo nº 201700010012331 - Trata de (AGRODEFESA), com fundamento no art.
ato de Concessão de Aposentadoria a 3º, incisos I, II e III, e parágrafo único da
SIRLEI MARIA CARNEIRO, da Secretaria Emenda Constitucional Federal nº 47/2005,
de Estado da Saúde (SES), com com proventos integrais. O Relator
fundamento no art. 3º, incisos I, II e III e disponibilizou para a leitura o relatório e
parágrafo único, da Emenda Constitucional voto. Tomados os votos nos termos
Federal nº 47/2005, com proventos regimentais, foi o Acórdão nº 2766/2020,
integrais. O Relator disponibilizou para a aprovado por unanimidade, nos seguintes
leitura o relatório e voto. Tomados os votos termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
2764/2020, aprovado por unanimidade, nos integrantes da Segunda Câmara, presumida
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL a legitimidade e a veracidade da
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, documentação constante destes autos, em
pelos integrantes da Segunda Câmara, considerar legal o ato de aposentadoria no
presumida a legitimidade e a veracidade da cargo de Fiscal Estadual Agropecuário,
documentação constante destes autos, em Classe “F”, do Grupo Ocupacional de
considerar legais os atos de admissão no mesmo nome, do Quadro Permanente dos
cargo de Técnico em Enfermagem TS-2, da Servidores Efetivos da Agência Goiana de
Secretaria de Estado da Saúde e Defesa Agropecuária - AGRODEFESA, em
aposentadoria no cargo de Técnico em nome de Wilson Gonçalves Pinheiro,
Enfermagem, Nível II, Referência M, do determinando o seu registro, nos termos do
Grupo Ocupacional Assistente de Saúde, do artigo 1º, IV, da Lei Estadual n.º 16.168, de
Quadro Permanente dos Servidores da 11 de dezembro de 2007. À Secretaria Geral
Secretaria de Estado da Saúde, em nome para as devidas providências”.
de SIRLEI MARIA CARNEIRO, 5. Processo nº 201800066008868 - Trata de
determinando os seus registros, nos termos ato de Concessão de Aposentadoria a
do artigo 1º, IV, da Lei Estadual n.º 16.168, MARIA APARECIDA DA SILVA, da Agência
de 11 de dezembro de 2007. À Secretaria Goiana de Defesa Agropecuária

64
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

(AGRODEFESA), com fundamento no art. companheira de Ramon Silva de Souza, ex-


3º, incisos I, II e III e parágrafo único, da servidor ocupante da graduação de Soldado
Emenda Constitucional Federal nº 47/2005, da Polícia Militar do Estado de Goiás
com proventos integrais. O Relator (PM/GO), bem como alteração do valor da
disponibilizou para a leitura o relatório e cota pensional da filha menor Amábllya
voto. Tomados os votos nos termos Vitórya Batista de Carvalho Souza. O
regimentais, foi o Acórdão nº 2767/2020, Relator disponibilizou para a leitura o
aprovado por unanimidade, nos seguintes relatório e voto. Tomados os votos nos
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE termos regimentais, foi o Acórdão nº
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos 2769/2020, aprovado por unanimidade, nos
integrantes da Segunda Câmara, presumida seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
a legitimidade e a veracidade da DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
documentação constante destes autos, em pelos integrantes da Segunda Câmara,
considerar legal o ato de aposentadoria no presumida a legitimidade e a veracidade da
cargo de Assistente de Gestão documentação constante destes autos, em
Administrativa, Classe “G”, do Grupo considerar legal o ato de concessão de
Ocupacional de mesmo nome, do Quadro pensão a CAMILLA CARVALHO DO
Permanente dos Servidores Efetivos da CARMO, determinando o seu registro, nos
Agência Goiana de Defesa Agropecuária - termos do art. 1º, IV, da Lei Estadual n.º
AGRODEFESA, em nome de Maria 16.168, de 11 de dezembro de 2007. À
Aparecida da Silva, determinando o seu Secretaria Geral para as devidas
registro, nos termos do artigo 1º, IV, da Lei providências”.
Estadual n.º 16.168, de 11 de dezembro de 2. Processo nº 201811129002837 - Trata de
2007. À Secretaria Geral para as devidas ato de Concessão de Pensão a ALBERTINA
providências”. SALOMITA MODESTO PEREIRA, instituída
APOSENTADORIA - REVISÃO: pelo segurado Francisco Lima Pereira,
1. Processo nº: 201711129002562 - Trata aposentado no cargo de Mantenedor de
de ato de Revisão de Aposentadoria a Veículo II, M-2, do Quadro de Pessoal da
ISRAEL PEREIRA RODRIGUES, da Secretaria de Gestão e Planejamento
Secretaria de Estado da Fazenda (SEFAZ), (SEGPLAN). O Relator disponibilizou para a
com fundamento nas disposições do art. leitura o relatório e voto. Tomados os votos
264, inciso I, alíneas "c" e "d", da Lei nº nos termos regimentais, foi o Acórdão nº
10.460/1988, a fim de converter os 2770/2020, aprovado por unanimidade, nos
proventos de sua aposentadoria de seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
proporcionais para integrais, a partir de 07 DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
de novembro de 2016. O Relator pelos integrantes da Segunda Câmara,
disponibilizou para a leitura o relatório e presumida a legitimidade e a veracidade da
voto. Tomados os votos nos termos documentação constante destes autos, em
regimentais, foi o Acórdão nº 2768/2020, considerar legal o ato de concessão de
aprovado por unanimidade, nos seguintes pensão a ALBERTINA SALOMITA
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE MODESTO PEREIRA, determinando o seu
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos registro, nos termos do art. 1º, IV, da Lei
integrantes da Segunda Câmara, presumida Estadual n.º 16.168, de 11 de dezembro de
a legitimidade e a veracidade da 2007. À Secretaria Geral para as devidas
documentação constante destes autos, em providências”.
considerar legal o ato de revisão de 3. Processo nº 201811129010421 - Trata de
aposentadoria, a fim de converter os ato de Concessão de Pensão a IVANILDE
proventos proporcionais em integrais no CABALINE DE ARAÚJO, na condição de
cargo de Auditor Fiscal dos Tributos viúva de Carlos Carvalho de Araújo, ex-
Estaduais do Quadro de Pessoal do Fisco, servidor aposentado no cargo de Executor
da Secretaria da Fazenda, em nome de de Serviços Técnicos-Profissionais II, M-1,
ISRAEL PEREIRA RODRIGUES, posteriormente reposicionado no cargo de
determinando o seu registro, nos termos do Assistente de Gestão Administrativa, Classe
artigo 1º, IV, da Lei Estadual n.º 16.168, de A, Referência "I", do Quadro de Pessoal da
11 de dezembro de 2007. À Secretaria Geral Secretaria de Desenvolvimento Econômico,
para as devidas providências”. Científico e Tecnológico e de Agricultura,
PENSÃO - CONCESSÃO: Pecuária e Irrigação , com efeito retroativo a
1. Processo nº 201611129008340 - Trata de 30/10/2018, data do óbito. O Relator
ato de Concessão de Pensão a CAMILLA disponibilizou para a leitura o relatório e
CARVALHO DO CARMO, na condição de voto. Tomados os votos nos termos

65
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

regimentais, foi o Acórdão nº 2771/2020, voto. Tomados os votos nos termos


aprovado por unanimidade, nos seguintes regimentais, foi o Acórdão nº 2773/2020,
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE aprovado por unanimidade, nos seguintes
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE
integrantes da Segunda Câmara, presumida CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
a legitimidade e a veracidade da votos dos integrantes da Segunda Câmara,
documentação constante destes autos, em presumindo a veracidade e a legitimidade da
considerar legal o ato de concessão de documentação constante dos autos, em
pensão a IVANILDE CABALINE DE considerar LEGAL o ATO DE
ARAÚJO, determinando o seu registro, nos APOSENTADORIA, determinando seu
termos do art. 1º, IV, da Lei Estadual n.º REGISTRO, nos termos do art.71, inciso III,
16.168, de 11 de dezembro de 2007. À da Constituição Federal/88, art.26, inciso III,
Secretaria Geral para as devidas da Constituição Estadual, art.1º, inciso IV e
providências”. art.104, inciso III, da Lei n.º 16.168, de 11 de
ADMISSÃO DE SERVIDOR EFETIVO - dezembro de 2007 (Lei Orgânica do TCE-
ADMISSÃO DE SERVIDOR GO), e art.2º, inciso IV, 297, inc. II, 302 do
CONCURSADO: Regimento Interno desta Corte de Contas e
1. Processo nº 201700003009105 - Trata de art.3º, §2º, da Resolução Normativa/TCE nº
Ato de Admissão de MÁRCIO 002/2001. Ao Serviço de Controle das
ALESSANDRO DE SAN`TIAGO Deliberações para as providências, devendo
POTENCIANO, da Procuradoria Geral do o processo ser enviado à GOIASPREV após
Estado de Goiás (PGE), encaminhado a a conclusão do trâmite processual no âmbito
esta Corte de Contas para fins de registro, desta Corte”.
em atendimento aos termos do Acórdão 2. Processo nº 201810892000325 - Trata de
TCE nº 998/2017, objeto dos Autos de nº ato de Concessão de Aposentadoria a
201400047000403. O Relator disponibilizou ANTÔNIO JOSÉ ISAAC NETO, da
para a leitura o relatório e voto. Tomados os Defensoria Pública do Estado de Goiás
votos nos termos regimentais, foi o Acórdão (DPEG), com fundamento no art. 3º, incisos
nº 2772/2020, aprovado por unanimidade, I, II e III e parágrafo único, da Emenda
nos seguintes termos: “ACORDA o Constitucional Federal nº 47/2005, com
TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE proventos integrais. O Relator disponibilizou
GOIÁS, pelos integrantes da Segunda para a leitura o relatório e voto. Tomados os
Câmara, presumida a legitimidade e a votos nos termos regimentais, foi o Acórdão
veracidade da documentação constante nº 2774/2020, aprovado por unanimidade,
destes autos, em considerar legal o ato de nos seguintes termos: “ACORDA o
admissão do servidor Márcio Alessandro de TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
San’Tiago Potenciano no cargo de GOIÁS, pelos votos dos integrantes da
Procurador do Estado de 3ª Categoria, da Segunda Câmara, presumindo a veracidade
Procuradoria Geral do Estado de Goiás, e a legitimidade da documentação
determinando o seu registro, nos termos da constante dos autos, em considerar LEGAIS
Lei Estadual n.º 16.168, de 11 de dezembro os ATOS DE ADMISSÃO E CONCESSÃO
de 2007. À Secretaria Geral para as devidas DE APOSENTADORIA, determinando seus
providências”. REGISTROS, nos termos do art.71, inciso
Assumiu a Presidência dos trabalhos o III, da Constituição Federal/88, art.26, inciso
Conselheiro EDSON JOSÉ FERRARI, para III, da Constituição Estadual, art.1º, inciso IV
que o titular pudesse relatar os processos de e art.104, inciso III, da Lei n.º 16.168, de 11
sua responsabilidade. de dezembro de 2007 (Lei Orgânica do
Pelo Conselheiro SEBASTIÃO JOAQUIM TCE-GO), e art.2º, inciso IV, 297, inc. II, 302
PEREIRA NETO TEJOTA foram relatados do Regimento Interno desta Corte de Contas
os seguintes feitos: e art.3º, §2º, da Resolução Normativa/TCE
APOSENTADORIA - CONCESSÃO: nº 002/2001. Ao Serviço de Controle das
1. Processo nº 201800036007492 - Trata de Deliberações”.
ato de Concessão de Aposentadoria a 3. Processo nº 201900040000031 - Trata de
EILTON JAIRO RODRIGUES, da Agência ato de Concessão de Aposentadoria a
Goiana de Infraestrutura e Transportes CARMEM LÚCIA SOARES BATISTA
(GOINFRA), com fundamento no art. 3º, OLIVEIRA, da Procuradoria Geral de Justiça
incisos I, II e III e parágrafo único, da do Estado de Goiás (PGJ/GO), com fulcro
Emenda Constitucional Federal nº 47/2005, no artigo 6º da Emenda Constitucional
com proventos integrais. O Relator Federal nº 41/2003, e art. 56 da Lei
disponibilizou para a leitura o relatório e Complementar Estadual nº 77/2010, com

66
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

proventos integrais e paridade. O Relator Ministério Público de Contas: Carlos


disponibilizou para a leitura o relatório e Gustavo Silva Rodrigues. Sessão
voto. Tomados os votos nos termos Ordinária da Segunda Câmara Nº 29/2020
regimentais, foi o Acórdão nº 2775/2020, (Virtual). Ata aprovada em: 22/10/2020.
aprovado por unanimidade, nos seguintes
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Tribunal Pleno
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos Acórdão
votos dos integrantes da Segunda Câmara, Processo - 201900047002369/905
presumindo a veracidade e a legitimidade da
documentação constante dos autos, em Acórdão 2863/2020
considerar LEGAIS os ATOS DE ÓRGÃO: TRIBUNAL DE CONTAS DO
ADMISSÃO E CONCESSÃO DE ESTADO DE GOIÁS
APOSENTADORIA, determinando seus INTERESSADO:APARECIDO SPARAPANI
REGISTROS, nos termos do art. 71, inciso ASSUNTO:905-RECURSOS-REEXAME
III, da Constituição Federal/88, art. 26, inciso RELATOR:SEBASTIÃO JOAQUIM
III, da Constituição Estadual, art.1º, inciso IV PEREIRA NETO TEJOTA
e art. 104, inciso III, da Lei n.º 16.168, de 11 AUDITOR:HELOISA HELENA ANTONACIO
de dezembro de 2007 (Lei Orgânica do MONTEIRO GODINHO
TCE-GO), e art.2º, inciso IV, 297, inc. II, 302 PROCURADOR:FERNANDO DOS
do Regimento Interno desta Corte de Contas SANTOS CARNEIRO
e art.3º, §2º, da Resolução Normativa/TCE EMENTA: Pedido de Reexame.
nº 002/2001. Ao Serviço de Controle das Comprovação nos autos da consagração
Deliberações para as providências”. regional do artista. Conhecimento.
4. Processo nº 201900063001367 - Trata de Provimento. Cancelamento da multa
ato de Concessão de Aposentadoria a aplicada.
ISRAEL RIBEIRO CAVALCANTE, da Vistos, oralmente expostos e discutidos os
Assembleia Legislativa do Estado de Goiás presentes Autos n.º 201900047002369/905,
(AL-GO), com fundamento no art. 3º da que trazem o Pedido de reexame interposto
Emenda Constitucional nº 47/2005 e art. 58 pelo Sr. Aparecido Sparapani, na condição
da Lei Complementar Estadual nº 77/2010, de ex-presidente da Goiás Turismo, por
com proventos integrais e paridade. O intermédio de seus advogados, em face da
Relator disponibilizou para a leitura o decisão proferida no Acórdão TCE n.º
relatório e voto. Tomados os votos nos 2956/2018, retificado pelo Acórdão TCE nº
termos regimentais, foi o Acórdão nº 306/2019, proferido nos autos nº
2776/2020, aprovado por unanimidade, nos 201300047003063, em que foi dado
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL provimento parcial à Representação, em
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, razão de ilegalidades em contratações
pelos votos dos integrantes da Segunda diretas de shows artísticos, aplicando-lhe
Câmara, presumindo a veracidade e a multa no valor de R$5.625,27 (cinco mil
legitimidade da documentação constante seiscentos e vinte e cinco reais e vinte e sete
dos autos, em considerar LEGAL o ATO DE centavos), correspondente a 10% sobre o
CONCESSÃO DE APOSENTADORIA, valor vigente à época da ocorrência do fato,
determinando seu REGISTRO, nos termos considerando o Relatório e Voto como
do art.71, inciso III, da Constituição partes integrantes deste,
Federal/88, art.26, inciso III, da Constituição ACORDA
Estadual, art.1º, inciso IV e art.104, inciso III, o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
da Lei n.º 16.168, de 11 de dezembro de GOIÁS, pelos votos dos integrantes do
2007 (Lei Orgânica do TCE-GO), e art.2º, Tribunal Pleno, com fundamento nos artigos
inciso IV, 297, inc. II, 302 do Regimento 120, inciso II, e 126 da Lei Orgânica, em
Interno desta Corte de Contas e art.3º, §2º, conhecer do recurso e dar-lhe provimento,
da Resolução Normativa/TCE nº 002/2001. cancelando a multa aplicada ao recorrente
Ao Serviço de Controle das Deliberações pelo Acórdão nº2596/2018, retificado pelo
para as providências cabíveis”. Acórdão nº 306/2019.
Nada mais havendo a tratar, às quatorze Ao Serviço de Controle das Deliberações
horas (14) do dia 15 (quinze) de outubro foi para as providências a seu cargo.
encerrada a Sessão. Presentes os Conselheiros: Celmar Rech
Presentes os Conselheiros: Sebastião (Presidente), Sebastião Joaquim Pereira
Joaquim Pereira Neto Tejota Neto Tejota (Relator), Edson José Ferrari,
(Presidente), Edson José Ferrari e Helder Carla Cintia Santillo, Kennedy de Sousa
Valin Barbosa. Representante do Trindade, Saulo Marques Mesquita

67
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

(Divergente) e Helder Valin Barbosa. Carla Cintia Santillo, Kennedy de Sousa


Representante do Ministério Público de Trindade, Saulo Marques Mesquita e
Contas: Maisa de Castro Sousa. Sessão Helder Valin Barbosa. Representante do
Plenária Ordinária Nº 32/2020 (Virtual). Ministério Público de Contas: Maisa de
Processo julgado em: 22/10/2020. Castro Sousa. Sessão Plenária Ordinária
Nº 32/2020 (Virtual). Processo julgado
Processo - 201700041000082/101-01 em: 22/10/2020.

Acórdão 2864/2020 Processo - 201500037000101/102-01


ÓRGÃO: TRIBUNAL DE JUSTICA DO
ESTADO DE GOIAS Acórdão 2865/2020
INTERESSADO:TRIBUNAL DE JUSTIÇA ÓRGÃO: SECRETARIA DE ESTADO DA
DO ESTADO DE GOIAS - TJGO SEGURANÇA PÚBLICA
ASSUNTO:101-01-TOMADA DE CONTAS- INTERESSADO: FUNDO PENITENCIARIO
ANUAL ESTADUAL - FUNPES
RELATOR:SEBASTIÃO JOAQUIM ASSUNTO: 102-01-PRESTAÇÃO DE
PEREIRA NETO TEJOTA CONTAS-ANUAL
AUDITOR:FLÁVIO LÚCIO RODRIGUES DA RELATOR: SEBASTIÃO JOAQUIM
SILVA PEREIRA NETO TEJOTA
PROCURADOR:SILVESTRE GOMES DOS AUDITOR: HENRIQUE CESAR DE
ANJOS ASSUNÇÃO VERAS
EMENTA: Processo de Contas. Tomada de PROCURADOR: SILVESTRE GOMES
Contas Anual. Regulares. Quitação. DOS ANJOS
As contas são julgadas regulares quando EMENTA: Processo de Contas. Prestação
expressarem, de forma clara e objetiva, a de Contas Anual. Regulares com
exatidão dos demonstrativos contábeis, a Ressalvas. Quitação.
legalidade, a legitimidade e a As contas são julgadas regulares com
economicidade dos atos de gestão do ressalvas quando evidenciada
responsável. impropriedade ou qualquer outra falta de
Vistos, oralmente expostos e discutidos os natureza formal de que não resulte dano ao
presentes Autos n.º 201700041000082/101- erário, expedindo-se quitação ao
01, que trazem a Tomada de Contas Anual, responsável.
referente ao exercício de 2016, do Tribunal Vistos, oralmente expostos e discutidos os
de Justiça do Estado de Goiás, unidade presentes Autos n.º 201500037000101/102-
orçamentária 401, considerando o Relatório 01, que trazem a Prestação de Contas Anual
e Voto como partes integrantes deste, referente ao exercício de 2014 do Fundo
ACORDA Penitenciário Estadual - FUNPES, unidade
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE orçamentária 3450, considerando Relatório
GOIÁS, pelos votos dos integrantes do e Voto como partes integrantes deste:
Tribunal Pleno com fundamento nos artigos ACORDA
209, I, do RITCE/GO, e art. 72, parágrafo o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
único, da Lei nº 16.168/2007, em julgar as GOIÁS, pelos votos dos integrantes do
contas regulares, dando-se quitação plena Tribunal Pleno, com fundamento nos artigos
ao responsável, nos termos do art. 72, da 66, § 2º, 70 e 73 da Lei nº 16.168/2007, em:
Lei Orgânica do Tribunal do Estado de 1) Julgar as contas referentes ao exercício
Goiás, destacando-se, no entanto, na de 2014, prestadas pelo Fundo
presente decisão, a possibilidade de Penitenciário Estadual - FUNPES, unidade
responsabilizar o gestor abarcado neste orçamentária 3450, nos termos do art. 209,
julgamento no que se refere a outros II, do RITCE/GO, e art. 73, § 2º da Lei nº
processos em que se identifique dano ao 16.168/2007, como regulares com ressalva,
erário, bem como as respectivas multas que qual seja: a ausência de documentos;
decorram destes débitos, conforme previsão 2) Determinar a expedição de quitação aos
do art.129 da LOCTE, do mesmo modo os ex-Secretários de Estado de Segurança
demais processos em andamento neste Pública, Sr. Edemundo Dias de Oliveira
tribunal, com vista a dar efetividade às Filho e Sr. Joaquim Cláudio Figueiredo
ressalvas do art.71 da LOTCE. Mesquita.
Ao Serviço de Controle das Deliberações. 3) Advertir a Secretaria de Estado de
Presentes os Conselheiros: Celmar Rech Segurança Pública e o seu responsável que,
(Presidente), Sebastião Joaquim Pereira para fins de controle de reincidência de
Neto Tejota (Relator), Edson José Ferrari, irregularidades e impropriedades, as

68
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

decisões do Tribunal de Contas vinculam a intimação e demais atribuição a seu cargo.


unidade jurisdicionada, a qualquer tempo, Autoriza, outrossim, a citação do i)
bem como o gestor responsável, mesmo DETRAN/GO, na pessoa do seu
que haja o rompimento do vínculo funcional representante legal; e do ii) Pregoeiro
originário ou a alteração da pasta de responsável pela condução do Edital de
atuação. Leilão nº 02/2020 e do Edital de Leilão nº
Destaca-se deste julgamento a 03/2020, para conhecimento dos fatos
possibilidade de responsabilizar o gestor no representados e, querendo, apresentarem
que se refere aos seguintes processos: as suas justificativas e razões de defesa,
tomada de contas especial; inspeções ou acompanhadas da respectiva
auditorias; atos de pessoal; pertinentes a documentação comprobatória das
obras e/ou serviços paralisados; em que se alegações.
identifique dano ao erário, bem como às OBS.: junto ao mandado de citação deve
respectivas multas que decorrem deste acompanhar cópia do inteiro teor da
débito, conforme art. 71 da Lei Orgânica Instrução Técnica nº 21/2020 - SERV-
desta Corte de Contas. EDITAIS e chave eletrônica para acesso ao
Ao Serviço de Controle das Deliberações. presente processo, se necessário.
Presentes os Conselheiros: Celmar Rech Presentes os Conselheiros: Celmar Rech
(Presidente), Sebastião Joaquim Pereira (Presidente), Edson José Ferrari
Neto Tejota (Relator), Edson José Ferrari, (Relator), Sebastião Joaquim Pereira
Carla Cintia Santillo, Kennedy de Sousa Neto Tejota, Carla Cintia Santillo,
Trindade, Saulo Marques Mesquita e Kennedy de Sousa Trindade, Saulo
Helder Valin Barbosa. Representante do Marques Mesquita e Helder Valin
Ministério Público de Contas: Maisa de Barbosa. Representante do Ministério
Castro Sousa. Sessão Plenária Ordinária Público de Contas: Maisa de Castro
Nº 32/2020 (Virtual). Processo julgado Sousa. Sessão Plenária Ordinária Nº
em: 22/10/2020. 32/2020 (Virtual). Processo julgado em:
22/10/2020.
Processo - 202000047002203/312
Processo - 201700047002216/311
Acórdão 2866/2020
Ementa: Representação. Licitação. Leilão. Acórdão 2867/2020
DETRAN/GO. Medida cautelar. ÓRGÃO: Tribunal de Contas do Estado de
Deferimento. Suspensão do Edital de Leilão Goias
nº 02/2020, e do Edital de Leilão nº 03/2020. INTERESSADO: Assis Vaz Instrumentos
Intimação. Citação. Musicais Eireli Epp
Com os fundamentos expostos nestes autos ASSUNTO: 311-PROCESSOS DE
processuais de nº 202000047002203, que FISCALIZAÇÃO - ATOS-DENÚNCIA
tratam de representação formulada pelo RELATOR: SAULO MARQUES MESQUITA
Serviço de Análise Prévia de Editais e AUDITOR: HUMBERTO BOSCO LUSTOSA
Licitação, tendo o relatório e voto como BARREIRA
partes integrantes deste, PROCURADOR: MAISA DE CASTRO
ACORDA SOUSA
o TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE Vistos, oralmente expostos e discutidos os
GOIÁS, pelos votos dos membros que presentes Autos n.º 201700047002216/311,
integram o seu Tribunal Pleno, ante as que tratam de Representação apresentada
razões expostas pelo Relator, pela adoção pela empresa Assis Vaz Instrumentos
de medida cautelar para suspender, na fase Musicais EIRELI EPP, em face de supostas
em que se encontram, o i) Edital de Leilão irregularidades detectadas no Pregão
nº 02/2020, publicado no Diário Oficial do Eletrônico n. 24/2017 do Departamento
dia 1º/09/2020, com data de lances marcada Estadual de Trânsito de Goiás - DETRAN-
para os dias 04 e 05 de novembro próximo; GO, tendo o Relatório e o Voto como partes
e o ii) Edital de Leilão nº 03/2020, publicado integrantes deste, ACORDA o TRIBUNAL
no Diário Oficial do dia 06/10/2020, com DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
data de lances marcada para os dias 09 e pelos votos dos integrantes do seu Tribunal
10 de dezembro também próximo, até que o Pleno, ante as razões expostas pelo Relator,
este Tribunal de Contas decida sobre o em conhecer a referida Representação e, no
mérito desta representação. mérito, dar-lhe provimento, com o seguinte
À Gerência de Comunicação e Controle encaminhamento:
para as anotações pertinentes, publicação, I) Determinar ao DETRAN/GO que receba e

69
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

processe todos os recursos interpostos


contra decisões que desclassifique e/ou Processo - 201800047000139/311
inabilite participante de procedimento
licitatório, cabendo ao pregoeiro, na Acórdão 2868/2020
modalidade pregão, apenas o exame da ÓRGÃO: Tribunal de Contas do Estado de
presença dos pressupostos recursais Goias
(sucumbência, tempestividade, INTERESSADO: Norton Teixeira Monteiro
legitimidade, interesse e motivação), ASSUNTO: 311-PROCESSOS DE
devendo esse agente remeter a análise da FISCALIZAÇÃO - ATOS-DENÚNCIA
peça recursal à autoridade superior RELATOR: HELDER VALIN BARBOSA
competente quando mantiver sua decisão, AUDITOR: HELOISA HELENA
parcial ou integralmente, conforme previsão ANTONACIO MONTEIRO GODINHO
do art. 9º da Lei 10.520/02, c/c art. 49, §3º e PROCURADOR: MAISA DE CASTRO
art. 109 da Lei nº 8.666/93, e art. 2º, SOUSA
parágrafo único, X, e artigos 56 a 58, todos ACORDÃO
da Lei estadual nº 13.800/01. ILEGALIDADE NA CONCESSÃO DE
II) Dar ciência ao DETRAN/GO que: PENSÃO POR MORTE. DENÚNCIA.
a) é ilegal, e constitui-se de erro grosseiro AUDITORIA PREVIDENCIÁRIA PELA
para fins de responsabilização perante o GOIASPREV. CANCELAMENTO DE
TCE/GO e tipificação pelo art. 28 do BENEFÍCIO. REABERTURA DA
Decreto-lei 4.657/1942 - Lei de Introdução INSTRUÇÃO PRECESSUAL.
às Normas do Direito Brasileiro, o uso de CONTRADITÓRIO E AMPLA DEFESA.
"declaração de fracasso" como sucedâneo INEXISTÊNCIA DE FATOS NOVOS.
da revogação ou anulação de procedimento SEPARAÇÃO DE FATO COMPROVADO.
licitatório; JULGAMENTO PREJUDICADO. PERDA
b) em qualquer modalidade licitatória, a DO OBJETO. ACÓRDÃO QUE
decisão por revogar ou anular certame REGISTROU O ATO DE LEGALIDADE DA
licitatório deve ser sempre adequadamente PENSÃO REVISÃO DE OFÍCIO.
motivada, e deverá respeitar a previsão do RECOMENDAÇÃO. ARQUIVAMENTO.
art. 49, §3º da Lei nº 8.666/93, sempre que 1 - A comprovação da separação de fato
tal decisão possa afetar direitos subjetivos impôs o cancelamento do benefício
dos participantes; previdenciário pela GOIASPREV.
c) em qualquer modalidade licitatória, os 2 - Inexistindo comprovação de má-fé
recursos interpostos contra decisões de quanto ao recebimento da pensão antes do
habilitação e inabilitação de participante, ou cancelamento, não há que se falar em
contra decisão de julgamento de proposta, restituição de valores.
possuem efeito suspensivo por força do art. 3 - Acórdão que julgou pela legalidade e
109, §2º da Lei nº 8.666/93, podendo a registro do ato de concessão de pensão em
autoridade competente, motivadamente e favor da denunciada, revisão de ofício, nos
presentes razões de interesse público, moldes do artigo 105 §2º da LOTCE-GO.
atribuir eficácia suspensiva aos demais Vistos, oralmente expostos e discutidos os
recursos. presentes Autos n.º 201800047000139/311,
d) a interpretação restritiva do art. 4º. XVIII referente a Denúncia formulada por Norton
da Lei 10.520/02, no sentido de que apenas Teixeira Monteiro, encaminhada a este
quando declarado um vencedor será cabível Egrégio Tribunal de Contas, quanto à
recurso, viola o microssistema normativo ilegalidade da concessão de pensão por
licitatório, e o art. 5º, LV da Constituição da morte do ex-segurado Nilson Vieira
República. Monteiro, a Beatriz Teixeira Monteiro, com
À Secretaria Geral, para as providências a fundamento no artigo 65, I da Lei
seu cargo. Complementar nº 77/2010,
Presentes os Conselheiros: Celmar Rech ACORDA
(Presidente), Saulo Marques Mesquita O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO
(Relator), Sebastião Joaquim Pereira DE GOIÁS, pelos votos dos integrantes em
Neto Tejota, Edson José Ferrari, Carla conhecer da Denúncia, e, ante a perda
Cintia Santillo, Kennedy de Sousa superveniente do objeto, julgar prejudicado
Trindade e Helder Valin Barbosa. a presente demanda.
Representante do Ministério Público de Quanto aos valores recebidos, não há que
Contas: Maisa de Castro Sousa. Sessão se falar em restituição, posto que não ficou
Plenária Ordinária Nº 32/2020 (Virtual). configurado a má-fé da denunciada.
Processo julgado em: 22/10/2020. Como consectário lógico, determinar o

70
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

assentamento da presente decisão nos julgar regular com ressalvas as contas,


autos que julgou legal a pensão já cassada, referente ao exercício de 2015, com a
nos termos do artigo 105, §2º, LOTCE-GO, consequente quitação a Sra. Lêda Borges
proferida nos autos n.º 201511129002222, de Moura, inscrita no CPF sob o nº
de modo a cassá-lo ex officio. 576.951.806-53, destacando no acórdão, os
Expeça-se recomendação à GOIASPREV motivos que ensejaram as ressalvas:
para que exija nos futuros processos de a) Ausência de documentação exigidos pela
pensão por morte declaração do(a) cônjuge Resolução Normativa do TCE (item 2.3
sobrevivente de que não se encontra Documentação);
separado(a) de fato ou divorciado(a) do b) Ausência de organização e de eficiente
segurado(a). planejamento orçamentário (item 2.4. Plano
À Secretaria Geral, para as providências de Plurianual);
mister. c) Déficit na execução do orçamento e
Cumprida as diligências, arquivem-se os repasse ilegal de recursos ao Tesouro
autos com as cautelas de estilo. Estadual (item XX Resultado Orçamentário
Presentes os Conselheiros: Celmar Rech do Exercício (item 2.5.3 Resultado
(Presidente), Helder Valin Barbosa Orçamentário do Exercício);
(Relator), Sebastião Joaquim Pereira d) Ausência de Inventário de bens de
Neto Tejota, Edson José Ferrari, Carla consumo e permanentes (item 2.7.2.3.1
Cintia Santillo, Kennedy de Sousa Inventário);
Trindade e Saulo Marques Mesquita. e) Reavaliação de bens baseado em
Representante do Ministério Público de metodologia não prevista na legislação (item
Contas: Maisa de Castro Sousa. Sessão 2.7.2.3.1.1 Reavaliação dos Bens do
Plenária Ordinária Nº 32/2020 (Virtual). Estado/Instituição);
Processo julgado em: 22/10/2020. f) Aplicação incompleta da mensuração de
ativos pelo modelo de reavaliação (item
Processo - 201600047000406/101-01 2.7.2.3.1.2 Modelo de Mensuração dos
Bens do Estado/Instituição);
Acórdão 2869/2020 g) Ausência de controle tempestivo do
ÓRGÃO: Secretaria de Estado de almoxarifado (item 2.7.2.3.2 Almoxarifado);
Desenvolvimento Social e
INTERESSADO: Secretaria de Estado de h) Superavaliação do ativo transitório (item
Desenvolvimento Social - Seds 2.7.2.4 Ativo Transitório).
ASSUNTO: 101-01-TOMADA DE CONTAS- Outrossim, advirta-se à Secretaria Cidadã e
ANUAL a Sra. Lêda Borges de Moura, para fins de
RELATOR: HELDER VALIN BARBOSA controle de reincidência de irregularidades e
AUDITOR: FLÁVIO LÚCIO RODRIGUES impropriedades, as decisões do Tribunal de
DA SILVA Contas vinculam à unidade jurisdicionada, a
PROCURADOR: SILVESTRE GOMES qualquer tempo, bem como o gestor
DOS ANJOS responsável, mesmo que haja o rompimento
ACORDÃO do vínculo funcional originário ou a alteração
TOMADA DE CONTAS ANUAL. da pasta de atuação.
EXERCÍCIO DE 2015. SECRETARIA Dê ciência a Secretaria Cidadã sobre os
CIDADÃ. AUSÊNCIA DE INVENTÁRIO DE prazos para o cumprimento das obrigações
BENS DE CONSUMO PERMANENTES. contábeis que estão delineados no anexo da
IMPROPRIEDADES. PORTARIA 548 STN. Portaria nº 548/2015, da STN.
AUSÊNCIA DE DANO AO ERÁRIO. Por fim, destaque-se ainda no acórdão de
JULGAMENTO REGULAR COM julgamento:
RESSALVAS. QUITAÇÃO. DESTAQUES. A possibilidade de reabertura das contas,
Vistos, oralmente expostos e discutidos os conforme previsão do artigo 129 da LOTCE-
presentes Autos n.º 201600047000406/101- GO;
01, de Tomada de Contas Anual da Os demais processos em andamento neste
Secretaria Estadual da Mulher, do Tribunal com vistas a dar efetividade às
Desenvolvimento Social, da Igualdade ressalvas do artigo 71 da LOTCE-GO.
Racial, dos Direitos Humanos e do Trabalho a) tomada de contas especial;
- Secretaria Cidadã, referente ao exercício b) inspeções ou auditorias cujo período
de 2015, envolva mais de um exercício;
ACORDA c) registro de atos de pessoal;
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO d) obras e/ou serviços paralisados;
DE GOIÁS, pelos votos dos integrantes em e) qualquer processo que se identifique

71
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

dano ao erário. SESSÃO ORDINÁRIA (VIRTUAL)


Presentes os Conselheiros: Celmar Rech TRIBUNAL PLENO
(Presidente), Helder Valin Barbosa ATA da 31ª Sessão Ordinária do Tribunal
(Relator), Sebastião Joaquim Pereira Pleno do egrégio Tribunal de Contas do
Neto Tejota, Edson José Ferrari, Carla Estado de Goiás (Virtual).
Cintia Santillo, Kennedy de Sousa Nos termos da Resolução Normativa nº
Trindade e Saulo Marques Mesquita. 002/2020, às dez horas do dia doze (12) do
Representante do Ministério Público de mês de outubro do ano dois mil e vinte,
Contas: Maisa de Castro Sousa. Sessão iniciou-se a Trigésima Primeira Sessão
Plenária Ordinária Nº 32/2020 (Virtual). Ordinária do Tribunal Pleno do egrégio
Processo julgado em: 22/10/2020. Tribunal de Contas do Estado de Goiás, sob
a Presidência do Conselheiro CELMAR
RECH, com a participação dos Conselheiros
Resolução SEBASTIÃO JOAQUIM PEREIRA NETO
Processo - 202000047001995/004-17 TEJOTA, EDSON JOSÉ FERRARI, CARLA
CINTIA SANTILLO, KENNEDY DE SOUSA
RESOLUÇÃO Nº 4/2020 TRINDADE, SAULO MARQUES
O TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO MESQUITA e HELDER VALIN BARBOSA, a
DE GOIÁS no uso de suas atribuições legais Procuradora Geral de Contas MAISA DE
e regimentais; CASTRO SOUSA, e MARCELO AUGUSTO
CONSIDERANDO o que consta do PEDREIRA XAVIER, Secretário-Geral desta
Processo nº 202000047001995, em que a Corte de Contas que a presente elaborou.
Douta Procuradora de Contas, Dra. Maisa Passou o Tribunal Pleno a deliberar sobre
de Castro Sousa Barbosa, solicita a fixação as matérias constantes da pauta de
de licença - prêmio; julgamento.
CONSIDERANDO as informações Pelo Conselheiro SEBASTIÃO JOAQUIM
prestadas pela Gerência de Gestão de PEREIRA NETO TEJOTA foram relatados
Pessoas e manifestações da Diretoria os seguintes feitos:
Jurídica e do Controle Interno (eventos 5, 6 TOMADA DE CONTAS - ANUAL:
e 7); 1. Processo nº 201800012000012 - Trata da
CONSIDERANDO o disposto no artigo 130 Tomada de Contas Anual da Vice-
da Constituição Federal, o art. 134 da Lei Governadoria (VG), referente ao Exercício
Estadual nº 16.168/07 e a Lei de 2017, encaminhada esta Corte de Contas
Complementar nº 25/98; para apreciação, em cumprimento a
RESOLVE Resolução Normativa TCE nº 001/2003. O
Art. 1° - Conceder licença-prêmio à Relator disponibilizou para a leitura o
Procuradora de Contas Maísa de Castro relatório e voto. Tomados os votos nos
Sousa Barbosa, relativo ao 2º período termos regimentais, foi o Acórdão nº
aquisitivo, referente ao lapso temporal de 2777/2020, aprovado por unanimidade, nos
01º de junho de 2.014 a 31 de maio de seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
2.019, a ser usufruída em data oportuna. DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
Art. 2º - Esta Resolução entra em vigor na pelos votos dos integrantes do Tribunal
data de sua publicação. Pleno, com fundamento nos artigos 66, § 2º,
Presentes os Conselheiros: Celmar Rech 70 e 72 da Lei nº 16.168/2007, em: “1) Julgar
(Presidente), Saulo Marques Mesquita as contas regulares; 2) Determinar a
(Relator), Sebastião Joaquim Pereira expedição de quitação ao Vice-Governador
Neto Tejota, Edson José Ferrari, Carla do Estado de Goiás à época, Sr. José Eliton
Cintia Santillo, Kennedy de Sousa de Figuerêdo Júnior. Destaca-se deste
Trindade e Helder Valin Barbosa. julgamento a possibilidade de
Representante do Ministério Público de responsabilizar o gestor no que se refere
Contas: Maisa de Castro Sousa. Sessão aos seguintes processos: tomada de contas
Plenária Extraordinária Administrativa Nº especial; inspeções ou auditorias; atos de
18/2020 (Virtual). Resolução aprovada pessoal; pertinentes a obras e/ou serviços
em: 22/10/2020. paralisados; em que se identifique dano ao
erário, bem como às respectivas multas que
decorrem deste débito, conforme art.71 da
Ata Lei Orgânica desta Corte de Contas. Ao
Serviço de Controle das Deliberações”.
ATA Nº 31 DE 12 A 15 DE CONTRATO - PRESTAÇÃO DE
OUTUBRO DE 2020 SERVIÇOS:

72
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

1. Processo nº 200300009002081 - Trata do devida manifestação do responsável: o


Convênio/Contrato celebrado entre a desconto integral ou parcelado da dívida em
Agência Goiana de Comunicação, seus vencimentos, subsídios, salários ou
Secretaria de Indústria e Comércio e a proventos, observados os limites previstos
empresa Logos Propaganda Ltda. O Relator na legislação pertinente (inc. II do art. 83 da
disponibilizou para a leitura o relatório e LOTCE-GO); ou, caso não efetivado o
voto. Tomados os votos nos termos referido desconto, a cobrança judicial da
regimentais, foi o Acórdão nº 2779/2020, dívida e a inclusão de seu nome no cadastro
aprovado por unanimidade, nos seguintes informativo de créditos não quitados do
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE poder público estadual (inc. III e IV, do artigo
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos 83 da LOTCE/GO). b) Determinar à
votos dos integrantes do Tribunal Pleno, Secretaria Geral que intime o responsável
com arrimo na Instrução Técnica nº 3/2017 sobre a presente decisão, encaminhando-
(evs. 15/16) e Instrução Técnica Nº 2/2020 - lhe a respectiva cópia, a fim de que, caso
GF-A4 (ev. 44), no Parecer nº 318/2020 (ev. não haja a interposição de recurso, efetue e
48) e na Manifestação da Auditoria Nº comprove, no prazo de 15 (quinze) dias, o
457/2020 - GAFR (ev. 49), em arquivar os pagamento da multa imposta, nos termos
feitos, sem resolução do mérito, nos termos preconizados pelo artigo 217 do Regimento
do art. 66, § 3º c/c art. 99, inc. I da Lei Interno desta Corte; c) Determinar à
Orgânica. Ao Serviço de Controle das jurisdicionada que, nos procedimentos
Deliberações”. futuros de contratação direta, promova a
LICITAÇÃO - INEXIGIBILIDADE: publicação da ratificação do ato dentro do
1. Processo nº 201500027000720 - Trata de prazo legal, nos termos do art. 26, caput, da
Inexigibilidade de Licitação, da Agência Lei 8.666/93 e art. 33, inciso X da Lei
Estadual de Turismo (GoiasTurismo), em Estadual nº 17.928/2012; d) Determinar
favor da empresa Art Brasil Produções encaminhamento de cópia dos autos ao
Artísticas Ltda-Me, visando a realização de MPE/GO e à Receita Federal do Brasil -
show com a dupla "Marcos e Fernando", no RFB em Goiânia para, respectivamente,
dia 31 de dezembro de 2015, no valor de R$ apurarem eventuais infrações penais e
60.000,00, no réveillon da cidade de tributárias no caso concreto, em face dos
Britânia-Go. O Relator disponibilizou para a indícios apontados nos parágrafos 10, 11 e
leitura o relatório e voto. Tomados os votos 12 Parecer nº 275/2020, GPFS, evento nº
nos termos regimentais, foi o Acórdão nº 43. e) Por fim, dado o cancelamento do
2778/2020, aprovado por unanimidade, nos empenho, não obstante a existência de
seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL indícios de que os contratados prestaram o
DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, serviço avençado, determinar
pelos votos dos integrantes do Tribunal encaminhamento de cópia dos autos ao
Pleno, em julgar a não conformidade do Ato Exmo. Conselheiro Relator do Processo nº
de contratação direta, na modalidade 201600047002274, para que tome
Inexigibilidade de Licitação da Agencia conhecimento dessa contratação e das
Estadual de Turismo, para: a) Aplicar a pena ilegalidades ora detectadas, ante o grave
pecuniária ao então Gestor da Goiás indicativo de descontrole de gestão da
Turismo, Sr. Leandro Marçal Garcia Gomes, Goiás Turismo durante o período fiscalizado
portador do CPF: 856.596.731-04 e do R.G. nesse Processo (2015/2016). f) Dar ciência
nº 2993273 - SSP/GO, residente e à Goiás Turismo de que a fiscalização
domiciliado na quadra D3, Lote 44-45 Nº contratual constitui em dever da
1945, Setor Oeste, Goiânia-GO, CEP Administração Pública, é atividade formal e
74.115-030, com fundamento do art. 112, deve obedecer, no mínimo, a rotina
inc. II, da Lei n.º 16.168/07 (LOTCE-GO), estabelecida pelos artigos 51 a 54 da Lei
pelo descumprimento do prazo previsto no estadual nº 17.928/12, estado os agentes
art. 26, caput, da Lei nº 8666/93, sem causa incumbidos de tal função sujeitos a
justificada, no valor de R$ 7.276,80 (sete mil responsabilização por inexatidão na
duzentos e oitenta e seis reais e oitenta execução das tarefas que lhe são atribuídas,
centavos), correspondente ao percentual de ou por omissão, conforme art. 53 do mesmo
10% (vinte por cento) da quantia prevista no estatuto. g) Ao Serviço de Controle das
caput do referido artigo; e, determinando Deliberações”.
desde logo: i) caso comprovado o Pelo Conselheiro EDSON JOSÉ FERRARI
pagamento integral, a quitação da multa (art. foram relatados os seguintes feitos:
82 da LOTCE-GO); ou ii) caso expirado o RECURSOS - AGRAVO:
prazo para o pagamento da multa, sem a 1. Processo nº 202000047001082 - Trata os

73
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

autos de Recurso de Agravo, interposto pelo termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE


Sr. Claudio César Santa Cruz Modesto, em CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos
face do Despacho nº 422/2020 - GCKT, que integrantes do seu Tribunal Pleno, ante as
indeferiu o pedido de cautelar requestado no razões expostas pelo Relator: I - julgar
Processo nº 202000047000978. O Relator regular com ressalva as contas do Fundo
disponibilizou para a leitura o relatório e Estadual do Meio Ambiente - FEMA,
voto. Tomados os votos nos termos referente ao exercício financeiro de 2017,
regimentais, foi o Acórdão nº 2780/2020, nos termos do art. 73, caput, da Lei estadual
aprovado por unanimidade, nos seguintes nº 16.168/2007; e art. 209, II, do Regimento
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE deste Tribunal de Contas, em função da
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos divergência entre o inventário de bens
votos dos membros que integram o seu permanentes e o Balanço Patrimonial. II -
Tribunal Pleno, ante as razões expostas dar quitação ao gestor responsável e
pelo Relator, em conhecer do recurso para, expedir determinação aos atuais
no mérito, negar-lhe provimento, mantendo responsáveis, nos termos do art. 73, § 2º, da
incólume a decisão recorrida. À Gerência de Lei estadual nº 16.168/2007, para que
Registro e Jurisprudência para as adotem providências visando a correção
anotações pertinentes e à Gerência de das impropriedades identificadas pela
Comunicação, para publicação. Após, Unidade Técnica e relacionadas no item
arquive-se”. anterior; III - destacar, na decisão a ser
PROCESSOS DE FISCALIZAÇÃO - ATOS tomada, dos efeitos constantes do art. 71 da
- REPRESENTAÇÃO: Lei Orgânica, a apreciação em separado de
1. Processo nº 202000047002117 - Em que outros processos e quanto à possibilidade
a empresa CS BRASIL FROTAS LTDA, faz de reabertura das contas; IV - autorizar o
Representação com pedido de suspensão arquivamento dos autos. À Gerência de
liminar, em face do Pregão Eletrônico nº Comunicação e Controle para suas
001/2020, deflagrado pela Secretaria de anotações, publicação, demais atribuições,
Estado da Segurança Pública do Estado de e devolução dos autos à origem”.
Goiás - SSPGO, visando a contratação de OUTRAS SOLICITAÇÕES - CGE:
empresa especializada em serviços de 1. Processo nº 201300047003103 - Acerca
locação de veículos automotores, pelo do relatório de Auditoria realizada pela
período de 60 meses. O Relator Controladoria-Geral do Estado, sobre a
disponibilizou para a leitura o relatório e acumulações de cargos dos servidores do
voto. Tomados os votos nos termos Núcleo Estadual do Ministério da Saúde. O
regimentais, foi o Acórdão nº 2781/2020 Relator disponibilizou para a leitura o
aprovado por unanimidade, nos seguintes relatório e voto. Tomados os votos nos
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE termos regimentais, foi o Acórdão nº
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos 2783/2020, aprovado por unanimidade, nos
votos dos membros que integram o seu seguintes termos: “ACORDA o TRIBUNAL
Tribunal Pleno, referendar a decisão DE CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS,
monocrática tomada nestes autos de nº pelos membros que integram o seu Tribunal
202000047002117, pelo Despacho nº Pleno, antes as razões expostas pelo
1119/2020 - GCEF, de 02/10/2020, do Conselheiro Relator, determinar o seu
Gabinete do Conselheiro Edson José arquivamento em função do exaurimento de
Ferrari. À Gerência de Comunicação e sua finalidade. À Gerência de Comunicação
Controle para as anotações pertinentes, e Controle para as anotações pertinentes,
publicação e demais atribuições a seu publicação, intimação e demais atribuições”.
cargo. Após, à tramitação regimental”. Pela Conselheira CARLA CINTIA
PRESTAÇÃO DE CONTAS - ANUAL: SANTILLO foi relatado o seguinte feito:
1. Processo nº 201800017000848 - Trata da PROCESSOS DE FISCALIZAÇÃO - ATOS
Prestação de Contas Anual do Fundo - REPRESENTAÇÃO:
Estadual do Meio Ambiente (FEMA), 1. Processo nº 201900047002811 - Trata de
referente ao Exercício de 2017, Representação com pedido de Medida
encaminhada a esta Corte de Contas em Cautelar, apresentada a esta Corte de
cumprimento ao disposto na Resolução Contas pelo consórcio SANEAMENTO
Normativa TCE nº 001/2003. O Relator BÁSICO NOVO GAMA, representado por
disponibilizou para a leitura o relatório e seu procurador Frederico Camargo
voto. Tomados os votos nos termos Coutinho, em razão de supostas
regimentais, foi o Acórdão nº 2782/2020, ilegalidades no procedimento licitatório nº
aprovado por unanimidade, nos seguintes 15.3-007/2019 - SANEAGO. A Relatora

74
Tribunal de Contas do Estado de Goiás - Diário Eletrônico de Contas - Ano - IX - Número 183 Goiânia, segunda-feira, 26 de outubro de 2020.

disponibilizou para a leitura o relatório e horas do dia 15 (quinze) de outubro foi


voto. Tomados os votos nos termos encerrada a Sessão.
regimentais, foi o Acórdão nº 2784/2020, Presentes os Conselheiros: Celmar Rech
aprovado por unanimidade, nos seguintes (Presidente), Sebastião Joaquim Pereira
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE Neto Tejota, Edson José Ferrari, Carla
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos Cintia Santillo, Kennedy de Sousa
votos dos integrantes de seu Tribunal Pleno, Trindade, Saulo Marques Mesquita e
ante as razões expostas pela relatora, em Helder Valin Barbosa. Representante do
determinar, cautelarmente, nos termos do Ministério Público de Contas: Maisa de
art. 119 da Lei nº 16.168/07 - Lei Orgânica Castro Sousa. Sessão Plenária Ordinária
do TCE/GO, que a Saneamento de Goiás Nº 32/2020 (Virtual). Ata aprovada em:
S/A - SANEAGO suspenda a execução do 22/10/2020.
contrato firmado com a empresa vencedora Atos
do certame, Goetze Lobato Engenharia Atos da Presidência
Ltda., originado do Procedimento Licitatório Portaria
nº 20659/2018, até o julgamento final de
mérito, com a observação de que a tutela PORTARIA Nº 305 /2020 - GPRES
cautelar de urgência pode ser modificada a Dispõe sobre a alteração do feriado que
qualquer tempo. À Secretaria Geral para as especifica, no âmbito do Tribunal de Contas
providências a seu cargo”. do Estado de Goiás.
Pelo Conselheiro KENNEDY DE SOUSA O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE
TRINDADE foi relatado o seguinte feito: CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, no uso
PROCESSOS DE FISCALIZAÇÃO - ATOS de suas atribuições legais e regimentais,
- DENÚNCIA: Considerando que o feriado consagrado ao
1. Processo nº 201900047000422 - Trata de funcionário público, se dará na próxima
Denúncia apresentada a Ouvidoria desta quarta-feira, dia 28 de outubro de 2020;
Corte de Contas pela empresa Rem Considerando o Decreto nº 9.728/2020, de
Indústria e Comércio Ltda., representada 15 de outubro de 2020, do Excelentíssimo
pelo Sr. André de Sá Braga, contra o Senhor Governador do Estado de Goiás,
Instituto de Desenvolvimento Tecnológico e RESOLVE:
Humano (IDTECH), por irregularidades Art. 1º - Transferir no âmbito do Tribunal de
cometidas no âmbito do Pedido de Cotação Contas do Estado de Goiás, de 28 (quarta-
Presencial nº 027/2018, da Secretaria de feira) para 30 de outubro de 2020 (sexta-
Estado da Saúde (SES). O Relator feira), o feriado previsto na alínea “c” do
disponibilizou para a leitura o relatório e inciso II do art. 269 da Lei nº 20.756/2020, e
voto. Tomados os votos nos termos Portaria nº 029/2020 GPRES, consagrado
regimentais, foi o Acórdão nº 2785/2020 ao funcionário público.
aprovado por unanimidade, nos seguintes Art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data
termos: “ACORDA o TRIBUNAL DE sua publicação.
CONTAS DO ESTADO DE GOIÁS, pelos CUMPRA-SE e PUBLIQUE-SE
integrantes de seu Plenário, pelo GABINETE DA PRESIDÊNCIA DO
conhecimento da presente Denúncia e seu TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE
desprovimento com o respectivo GOIÁS, Goiânia, 23 de outubro de 2020.
arquivamento dos autos, nos termos do art.
87, §3º, inc. II, da Lei Estadual nº Conselheiro Celmar Rech
16.168/2007. A Secretaria Geral para as Presidente
providências a seu cargo”.
Nada mais havendo a tratar, às 15 (quinze) Fim da publicação.

75

Você também pode gostar