Você está na página 1de 44

Vento(S)oltos

Lembranças dum antigo blog


Indice
Libertai-vos....................................................................................................................... 4
Energia.............................................................................................................................. 4
Deixa-me voar .................................................................................................................. 5
Árvore da Vida ................................................................................................................. 5
Rios de Fogo..................................................................................................................... 5
Volta para trás Tempo... ................................................................................................... 6
A Chave ............................................................................................................................ 6
A Luz ................................................................................................................................ 6
A chuva cai la fora............................................................................................................ 7
Olhares.............................................................................................................................. 7
Fogo .................................................................................................................................. 8
Aí vem Ela ........................................................................................................................ 8
Eles e Eu ........................................................................................................................... 8
Mistérios... ........................................................................................................................ 9
Ela Soltou-se..................................................................................................................... 9
Primeiro Uivo ................................................................................................................. 10
Revoltando-se ................................................................................................................. 11
SIM E NAO .................................................................................................................... 12
BLUE RAY .................................................................................................................... 12
JUNTA-TE ..................................................................................................................... 13
MEMÓRIAS DE LOBOS .............................................................................................. 13
ELES............................................................................................................................... 14
SISTEMAS MECANICOS ............................................................................................ 15
BRASA QUENTE.......................................................................................................... 15
SALTOS ......................................................................................................................... 16
ANJO .............................................................................................................................. 16
CAMINHANDO ............................................................................................................ 17
DIAMANTE................................................................................................................... 17
TEIAS............................................................................................................................. 18
SET YOUR WINGS....................................................................................................... 18
ONE BY ONE ................................................................................................................ 19
LOOK INTO MY EYES ................................................................................................ 19
LUZ DA LUZ................................................................................................................. 20
O ESPIRITO................................................................................................................... 20
PALAVRAS ................................................................................................................... 21
RUN SPIRIT .................................................................................................................. 21
CAÇADA ....................................................................................................................... 21
BATALHA... .................................................................................................................. 22
SIMBOLISMOS............................................................................................................. 22
SITTING OVER HERE ................................................................................................. 23
OVER AND OVER........................................................................................................ 23
Prece Energética ............................................................................................................. 23
Chave dos Mistérios ....................................................................................................... 24
SAUDAÇÕES ................................................................................................................ 24
THEY ............................................................................................................................. 24
ANDA............................................................................................................................. 25
TU................................................................................................................................... 25
MERDA.......................................................................................................................... 26
AS PROVAS .................................................................................................................. 27
LIBERDADE ................................................................................................................. 27
EU SOU.......................................................................................................................... 28
PERGUNTAS E RESPOSTAS, OU NÃO .................................................................... 28
WINDS AND WINGS ................................................................................................... 29
SONHO .......................................................................................................................... 29
TEMPOS ........................................................................................................................ 30
CRIAÇÃO ...................................................................................................................... 31
"DEUSES"...................................................................................................................... 31
EU LOBO ....................................................................................................................... 32
ENTRA........................................................................................................................... 32
BEM-VINDOS ............................................................................................................... 33
LIVRO ............................................................................................................................ 34
ESCREVO ...................................................................................................................... 35
A DOR DELA ................................................................................................................ 36
WALKING ..................................................................................................................... 36
OBRA ............................................................................................................................. 37
LUZ E ESCURIDÃO ..................................................................................................... 38
DEBITANDO VENDAVAIS......................................................................................... 39
UM DIA.......................................................................................................................... 39
PORTA ........................................................................................................................... 40
NEGRO .......................................................................................................................... 41
AH LUTA....................................................................................................................... 42
RELEASE AND FIGHT ................................................................................................ 43
NOITES .......................................................................................................................... 44
Libertai-vos
Vivemos todos enjaulados,
Todos com medo,
Todos enfraquecidos,
Todos com a luz fusca.

Libertai-vos,
Rasgai as vossas roupas,
Rasgai as vossas peles,
Libertai-vos finalmente,
Mostrai a vossa força,
Mostrai do que são capazes.

Não se amedrontem,
Libertai a energia que palpita dentro de Vós,
Deixai-a correr,
Deixai-a seguir o seu caminho,
Ela não vos deixará ficar mal,
Ela guiar-vos-à pelos caminhos certos.

Ela aliada à vossa força de vontade derrubarão os muros mais espessos que existem.
E finalmente seremos livres.
Para sempre viveremos em Harmonia!!!

Energia
Energia que flutua por toda a parte, desde dos confins do Universo até ao interior de nós
próprios.
Energia que cria, Energia que tira.
Energia que aquece, Energia que arrefece.
Energia que abre, Energia que bloqueia.
Energia Branca, Energia Negra.
Energia Boa, Energia Má.
Energia do Amor, Energia do Ódio.

Tudo é Energia, Tudo provém da Energia, Tudo provém da mesma fonte.


Ela não é aquilo que disse atrás, Ela simplesmente É...
Nós Humanos é que temos a mania de caracterizar tudo à nossa maneira, quando as
coisas são mais simples do que parece...
Deixa-me voar
Deixa-me voar,
Voar para junto de Ti,
Para Juntos ficarmos a observar as Praias, as Montanhas, as Planicies, as Árvores, as
Florestas que elas criam, as plantas e os animais que vivem nelas.
Sentirmos o aroma da Natureza, vermos as mil e uma cores que Ela cria, ouvirmos as
mais belas sinfonias que há memória vindas de animais tão diferentes e finalmente
aquecermos com a Energia que Ela liberta directamente para Nós.
E assim junto a ti, tapariamos os olhos um ao outro quando encontrassemos um animal
de nome Homem.
Pois Ele não sabe mesmo o que faz e destrói tudo o que há de belo descrito atrás.

Árvore da Vida
Árvore da Vida,
Árvore da minha Vida,
Tu que estas aqui desde o começo de tudo,
Tu que crias-te todos os teus benditos filhos,
Tu que os proteges-te durante milénios,
Tu que os alimentas-te durante épocas de fome e miséria.
Só Tu poderás saber o porquê deste teu filho Homem se ter virado contra a própria Mãe.
O que lhe passa na cabeça?
O que lhe vai na alma?
Porquê continuar com o massacre?
Porque é que Ele está a destruir-te?
Ele não vê que sem ti não poderá viver?
Por favor Árvore da Vida, abre e ilumina os olhos a este teu filho

Rios de Fogo
Rios de Fogo que nascem nos confins da Terra,
Rios de Fogo que correm livremente debaixo dos nossos pés,
Rios de Fogo que suportam o nosso peso, a nosa energia, os nossos males, a nossa
Natureza.
Rios de Fogo que se juntam e descarregam sua energia onde menos se espera.
Rios de Fogo que se cristalizam em Harmonia.

Bendito o Fogo que sem Ele não estariamos aqui!!


Volta para trás Tempo...
Volta para trás Tempo.
Volta para trás, para o Tempo dos Antigos.
Os Antigos que te respeitavam,
Os Antigos que se aliavam a Ti,
Os Antigos que bebiam da tua fonte a àgua que lhes davam força para prosseguirem a
vida.
Os Antigos que entendiam as Tuas leís e não as desrespeitavam.
Os Antigos, Os Antigos, Os Antigos...
Já que os do Presente nada sabem do que estou a falar.
Talvez os do Futuro, talvez...

A Chave
Onde está a Preciosa Chave?
Não sabes qual é?
Aquela que fechou a porta para, tu sabes muito bem do que estou a falar...
Se tens a chave e sabes de que porta estou a falar, de que é que estás à espera de a abrir
e descobrir o que existe do lado de lá?
Se tens a chave e não sabes o que é que ela abre, faz um favor a outro e dá-lhe a chave,
pois ela não te serve para nada.
Se não tens a chave mas sabes da existência da porta, continua a tua caminhada que a
chave te encontrará e tu também saberás quando a encontrares.
E para aqueles que não têm a chave e não sabem da existência da porta, continuem a
viver, que se não for nesta vida será na próxima que descobrirão uma das duas. Se
descobrirem primeiro a chave já sabem o que têm a fazer!

A Luz
Aqui sentado, à frente da janela para o mundo, vislumbro finalmente a Luz.
A Luz que preenche as frestas do meu Ser,
A Luz que me aquece nos dias mais frios,
A Luz que me ilumina nos caminhos dúbios do meu Espirito,
A Luz que me faz companhia, apesar de ser só em sonhos.
Eu sinto a tua presença agora, mesmo estando acordado, e aqui agradeço-te por teres
aparecido e iluminar-me!!
Obrigado Luz!
A chuva cai la fora...
A chuva cai la fora, consigo ouvi-la perfeitamente apesar das interferências constantes
da cidade. Ouço-a escoar pelos canos, Ouço-a bater em metais espalhados pelas ruas,
Ouço-a a bater e a escorrer por esses chãos feitos de pedra.
Consigo até sentir a sua energia, mas não ouço ninguém a agradecer pela sua queda, não
ouço ninguém a agradecer a sua chegada em força após tanto tempo de ausência, apesar
de terem 1001 vezes reclamado pela sua falta.
Agora ela chegou, mas já se esqueceram que há uns meses atrás a seca governava todos
os solos. Também rogam pragas porque ela chegou e irá estragar o fim de semana fora
de casa, não se lembram das reclamações feitas à meses pela sua ausência.
E assim continuamos em seca, sim em seca, pois apesar desta chuva toda, a seca
continua a povoar as mentes e os corações da população.
A seca na dignidade humana, a seca no respeito à Natureza, a seca dos Governantes que
continuam a governar a populaça a seu belo prazer, e esta ainda por cima deixa, a seca
do Amor, essa sim nota-se por toda a parte.
Pois é... a seca está mesmo para durar apesar da chuva incessante que cai lá fora.

Olhares...
Olhares profundos,
Olhares discretos,
Olhares tristes,
Olhares felizes,
Olhares nas nuvens,
Olhares baixos,
Olhares confusos,
Olhares brilhantes,
Olhares sensuais,
Olhares inspiradores,
Olhares no além,
Olhares em ti,
Olhares em mim,
Olhares, Olhares, Olhares,
O Meu Olhar e O Teu Olhar,
Quando se irão finalmente encontrar?
Fogo
Fogo despoletado dos confins da Terra que arde incessantemente há milhões de anos.
Mágico Fogo que dá a sua benção de continuar a haver vida neste planeta.
Belo e eterno Fogo que aquece os nossos corpos, que liberta a energia dos nossos
espiritos , que derrete o mais duro dos pedaços de gelo, que entranha e destrói o mais
espesso de todos os metais, pois eles tal como nós também foram criados através da
energia do fogo, e o que dá a Vida também a pode tirar.
Deixem arder dizem uns.
Pois é, deixem arder eternamente, pois só assim sobreviveremos até ao fim dos nossos
dias.
Também não o tentem controlar, ou ele demonstrar-vos-à quem realmente domina as
forças energéticas activas da Terra.
Oh Belo e Magnifico Fogo, ficaremos presos neste Inferno para sempre?

Aí vem Ela
Ela vem à frente,
Ela seduz,
Ela encanta,
Ela deixa-nos de rastos com a sua beldade.
Ela fulmina-nos com o Seu olhar,
Ela derrete-nos com o Seu aroma.
Ela domina e nunca é subjugada.
Ela faz-nos pensar que não existe nada melhor na vida.
Até que finalmente atrás dela se desvenda a sua verdadeira identidade.
Não vale a pena fugir, Lutem para sobreviver.

Eles e Eu
Eles são muitos,
Eu sou Um,
Eles têm a Besta,
Eu tenho a Luz,
Eles sabem tudo,
Eu sei apenas aquilo que vivo,
Eles estão a ver-me,
Eu estou a senti-los,
Eles querem Guerra,
Eu quero Paz,
Eles querem confusão e Poder,
Eu somente quero Harmonia,
Eles pensam que Eu sou apenas mais Um,
Experimentem e vão ver!!!

Mistérios...
Mistérios escondidos que são a solução para este problema.
Mistérios antigos escondidos de todos os olhares sobre todos os pretextos.
Mistérios a olho nu mas que ninguém desconfia da sua real natureza.
Mistérios descobertos pelos antigos, mas ignorados pelos da actualidade.
Muitos sabem a sua real importância, outros nem tanto, e outros ignoram mesmo
sabendo que eles estão ali.
Porquê tanta confusão sobre estes mistérios?
Porque não os deixam governar o Mundo para finalmente haver Harmonia?
É preciso Ela ganhar liberdade para vos mostrar que esses mistérios são a solução?
Se assim é, que assim seja e que assim se faça!!

P.S. Na sequência deste texto, tal como de vez em quando acontece com outros textos
que escrevo "surgiu" um simbolo no caderno em que escrevo, rabiscos como lhe vou
chamando, eu sei qual o significado desse simbolo por pesquisa, mas cada um que tire
as suas conclusões!!

Ela Soltou-se...
Onde andas Tu?
Tu que sabes de tudo?
Onde estas Tu?
Porque Te escondes?
Porque tens medo?
O que é que fizeram desta vez?
O que é que acontecerá desta vez?
Porque é que Ela se soltou?
Será assim tão grave para Ela ter toda a liberdade?
Tenho receio...
Receio do que possa acontecer.
Mas no fundo também busco as forças para combater o que aí vem.
Acima de tudo desta vez, tenho alguém ao meu lado...

A LUZ...
Primeiro Uivo
A magia não é algo sobrenatural, não natural ou mesmo fora deste mundo. O grande
mistério da magia, é de não haver mistério algum. Ela acontece constantemente à nossa
volta das variadas maneiras: o desabrochar duma flor, uma brisa marítima, o nascer do
sol, a queda da chuva, o aparecimento de um belo arco-íris.

Essas magias que vemos acontecer variadas vezes estão a acontecer cada vez menos,
tudo porque o Homem esqueceu-se que existe magia, esqueceu-se da ligação que tem à
Terra, local de onde nasceu e cresceu em conformidade com as leis da natureza.

Essa desconexão tem alterado todos os planos do nosso planeta desde o espiritual ao
material (aqui falo da matéria viva que os nossos olhos conseguem vislumbrar),
variadas espécies animais desaparecem todos os dias, a agua potável decresce todos os
dias, o ar torna-se cada vez mais irrespirável, a própria atmosfera torna-se insuportável
de tanta energia nefasta (nefasta para alguns, já que há outros que se alimentam desta
energia). Hoje mais que nunca sente-se a necessidade de cuidar do nosso “berço”, para
que este planeta possa continuar a ser um belo “caldeirão” de vida, mesmo que a própria
raça humana desapareça num futuro próximo ou longínquo. Pois este planeta não é só
nosso, como muitos pensam ser, basta olhar lá para fora e ver os pássaros a voar, o
ladrar do cão do vizinho, a queda das folhas das árvores, para quem procura vida lá fora
que a procure melhor cá dentro pois ela está a desaparecer. Se nós somos o microcosmo
do universo cabe a nós restabelecer harmonia à nossa casa mesmo que a única lei que
rege tudo esteja feita sob o caos. Mas não, há quem veja o caos como uma oportunidade
de fazer tudo o que quer, de obter todo o poder, de interferir nos planos e assim
desequilibrar a harmonia que faz sustentar a vida. Para mim são desordeiros que
acabarão mais cedo ou mais tarde serem apanhados e sujeitos à santa providência que
lhes ditará s sua sorte. Esta é a minha visão e a minha verdade, tal como cada indivíduo
tem a sua verdade correspondente do universo, agora o que cada um faz com ela…

A verdade também modifica-se e moldasse durante a vida duma pessoa, Ela nunca é
igual, Ela cresce connosco, e como cada individuo é diferente, cada verdade também é
diferente.

Por isso para mim:

- “O objectivo de toda magia, trilhas ocultas e religiões místicas é a perfeição do ser.


Embora isto possa não ser obtido em uma vida, é perfeitamente possível que
melhoremos a nós mesmos. Este acto singular já faz com que a Terra se torne muito
mais saudável.”
- “A magia é útil quando traz mudanças às nossas vidas e, dessa forma, à própria Terra,
e tais mudanças devem ser positivas.”

E algumas definições de alguns autores a ter em conta…

- "Magick is the Science and Art of causing Change to occur in conformity with Will."
(Aleister Crowley) – Façam o que fizerem com a vossa vontade acabarão sempre por
serem julgados, nunca se esqueçam disso.

- "Real magick is not merely an assortment of skills and techniques. It's more like an
open minded attitude, a blend of interest and dedication, which allows each honest mage
to observe, to learn, to adapt, and to invent unique ways of changing identity and reality
from within." (Jan Fries, Visual Magick)- gosto particularmente desta!

- “Courage is the criterion of belief. To back one horse and fancy another means willing
one thing and believing another. Magic (faith) is simply a means of unifying Desire and
Belief. The subconscious mind is employed to create your belief and unite it to a real
desire.”(Austin Osman Spare, Two Tracts on Cartomancy)

- "Causing change by directing energy with one's will." (Kerr Cuhulain, Full Contact
Magick) – A mesma coisa que para a definição de Aleiter Crowley.

Mil e uma definição para o mesmo…


Agora cada um retira a definição que melhor lhe aguarda. Se nada lhe agradar esqueça
tudo o que escrevi e vive a tua vida como bem te apetecer, desde que os teus intentos
não interfiram com os meus.

Revoltando-se
Farto de passividades,
Farto de mediocricidades,
Farto de medo,
Farto de deixar andar.
E o Mundo a desabar!!

A minha revolta cresce desmesuradamente,


A minha revolta atinge limites,
E já não vale a pena dizerem-me que não vale a pena chatear-me/preocupar-me!!
Não vale a pena?
Não vale a pena lutar pela minha liberdade?
Não vale a pena lutar pelo meu bem-estar?
Não vale a pena lutar pelos meus valores?
Não vale a pena lutar por todos, mesmo que eles não queiram?
Não vale a pena lutar pela Natureza? Que até Ela já perdeu as forças de tanto pedir
ajuda e ninguém a ouve.
Pois Eu lutarei, lutarei sozinho se for preciso.
Sinto que se aproximam momentos dificeis para todos.
Mas estou pronto para os enfrentar!!!
SIM E NAO
Sim,
Sim estudo Magia,
Sim estudo o desconhecido,
Sim procuro as respostas as mil e uma perguntas que surgem na minha cabeça no
Oculto,
Sim tento perceber os sinais da Natureza,
Sim ponho em prática Magia Natural,
Sim tudo me interessa conhecer,
Sim quero o bem da Mãe Natureza acima de tudo,
Sim sacrificarei a minha vida em prol dela caso seja necessário,
Sim estou a preparar-me para a batalha.

Não,
Não desistirei,
Não enfraquecerei,
Não deixarei que os meus desejos se elevem à minha vontade,
Não terei dó a quem a atacar uma e outra vez,
Não caminharei nem lutarei sozinho.

Que a Luz ilumine o nosso caminho,


E que as trevas nos ensinem a percorre-lo.
Que a harmonia prevaleça novamente.

BLUE RAY
Blue Ray of Light,
Blue Ray of Energy,
Blue Ray of Love,
I feel warm at your side,
You're a good and peaceful company.
You´re my friend of the battles in this hard roads of life.
Every person knows you in a single personal way.
Everyone calls you the personal guide,
The personal angel.
Long life of light i wish for you,
Without you,
We fall to eternity.
JUNTA-TE
Anda,
Vem,
Junta-te a mim
Nesta singular cerimónia.
Junta-te e jamais esquecerás para o resto das tuas vidas.
Anda, junta a tua energia à minha,
Vem, junta o teu calor ao meu,
Anda, junta o teu gelo ao meu,
Vem, testemunha o surgimento de algo mágico, cheio de Luz e de Escuridão,
Complementando-se uma à outra, de uma forma nunca antes sentida.
A nossa vida nada é sem elas as duas.
Então porquê não juntá-las duma vez por todas e ver surgir algo diferente e podereso,
Algo que nos ajude na àrdua caminhada de todas estas vidas,
Anda,
Vem,
Junta-te a mim,
E vamos ver esse surgimento.

MEMÓRIAS DE LOBOS
Sim,
São memórias de lobos,
Memórias tão nitidas como nunca,
Memórias de lobos a caçar,
Memórias de lobos a lutar,
Memórias de lobos familiares,
Memórias e mais memórias de tempos antigos.
Tempos tão antigos que incluem humanos, mas não a lutarem contra os lobos.
Eles estão a ajudá-los a caçar,
Eles protegem-se mutuamente,
E não deixam nenhum para trás,
Mesmo que esse individuo esteja às portas de passar para o outro lado.
Eram assim os tempos antigos,
São assim as minahas memórias.
Muito mudou entretanto.
No que é que nos tornamos?
Em que é que evoluimos ou desevoluimos?
Em que??

Em memórias dispersas aparece uma personagem muito distinta de todas as outras,


Ele dispersa uma energia diferente,
Os olhos brilham de maneira diferente e muito intensa,
Ele comuica de maneira diferente.
Ele é um Lobo,
Um Lobo cinzento.
Será o surgimento dele o anunciar de algo muito importante?
Será o surgimento a preparação para alguma batalha futura?
Ou serão somente memórias sem sentido algum que aparecem como tantas outras, mas
que só algumas ficam retidas?
Sinto que não,
Sinto que é algo diferente que irei presenciar,
E que ele me estará a preparar,
Observando dentro de mim tudo o que acontece,
Para um dia se libertar e enfrentar ou presenciar algo inesquecivel.
O que será?
Não sei...
Mas é o que sinto.
E assim continuarei a ter memórias de Lobos,
A ter arrepios, a ter alguns abalos.
Nada que me deitará abaixo.
Pois estarei à espera,
Á espera do que quer que seja!

ELES
Eles choram,
Eles berram,
Eles reclamam,
Eles chateiam-se,
Mas o que Eles podem fazer contra tantos humanos sujos e hipócritas?
Destruimos o Seu Mundo, o nosso Mundo,
Como podemos continuar aassim?
Não somos mais que Eles, nem Eles mais que nós.
Temos de voltar a aprender, a conhecer, a respeitar,
Para que possamos voltar a viver todos em plena harmonia novamente.
Não sabem mesmo o que se perdem ao desleixarem esses Seres que estão espalhados
por todo o lado,
Eles estão sempre prontos a ajudar,
Tão prontos que certos humanos aproveitam-se deles para Brincadeiras e práticas de
mau gosto.
É hora de dizer chega,
É hora de dizer basta,
É hora de atacar com toda a força.
Eliminar esta estrumeira toda que vagueia por estas paragens.
Não merecem pisar jamais esta Terra novamente.
Liberta-te de novo Lobo,
Dá-me força e vigor para enfrentar e devorar todas estas presas mediocres que
deambulam por todos estes caminhos sem fim.
Não chorem mais meus seres.
Tenham somente mais alguma paciência,
Somente mais alguma paciência,
Só isso...
Só espere que chegue a tempo!

SISTEMAS MECANICOS
Sistemas mecânicos,
Construídos ao mais ínfimo pormenor para não falhar,
Sistemas repetitivos e monótonos,
Sistemas mais rígidos que uma parede de betão,
Sistemas cansativos e stressantes.
Porque tendem as pessoas tentarem copiar estes sistemas para a sua vida?
Sistemas de vida mecânicos, repetitivos, monótonos, rígidos, stressantes, e por fim,
MORTAIS. Parecem autênticos Imanes, as pessoas e os sistemas, uma autêntica
atracção fatal.
Virem-se de costas para repelir este malfeitor, esse gastador de energia em vão, esse
assassino de almas. Mas para isso há que ter Vontade,
Para tudo há que ter Vontade.
E eu, sinto muita pena que haja pouca por este Mundo fora.
Haja Vontade e força para a Liberdade!

BRASA QUENTE
Eu,
Agora Tu,
Agora Eu,
Agora Tu,
Agora Eu,
Agora Tu,
Agora Eu,
Agora Tu.
E passa-se assim uma vida.
A passar a brasa quente uns para os outros, sem ninguém ter a devida coragem de a
apagar, de a extinguir da face da Terra.
Acabando duma vez por todas o jogo do empurra-empurra.
Acabando duma vez por todas este mal estar que insiste em permanecer na atmosfera.
Apagai duma vez por todas a brasa.
Mas terá de ser feito todos em conjunto, pois isso jamais será trabalho de uma só Alma.
SALTOS
Saltos dados para o meio do nada,
Saltos dados para o meio do esquecimento,
Saltos dados sem a consciência do risco,
Saltos dados de olhos vendados,
Saltos e mais Saltos dados no abismo.
Mas o abismo também faz parte da nossa realidade.
Se faz parte da nossa realidade, haverá algum dia
Que os nossos caminhos se encontrarão.
Que atravessaremos a sua escuridão sem fim.
Quem nos salvará?
Vocês mesmos, unicamente vocês mesmos.
Não podem confiar em mais ninguém,
Senão afundar-se-ão cada vez mais e mais.
Até que no final do abismo encontra-se
Uma pequena saída,
Uma saída escondida
Por um nevoeiro muito denso,
Mas que do lado de lá encontra-se a maior e
Mais ofuscante de todas as luzes.
E ai percebemos que já não somos os mesmos.
A pele foi renovada e o espírito fortalecido.

ANJO
Oh, meu Anjo,
Tu que segues os meus passos.
Tu, que me segues desde o inicio dos tempos
E que és testemunha de todos os caminhos que percorri.
Tu, que iluminas e encandeias o meu espírito e o meu caminho.
Dá-me ainda mais da Tua força,
Para enfrentar os caminhos difíceis que se seguirão.
Dá-me da Tua luz mais brilhante,
Para ver claramente onde por os pés,
E não errar nas decisões tomadas.
Dá-me as Tuas asas, por um só instante,
Para voar e marcar para sempre no meu espírito
Essa experiência magnifica, atingida por muitos poucos
CAMINHANDO
Caminho sozinho nos trilhos feitos por aqueles já esquecidos.
Aqueles que deixaram a sua magia para nós, mas que raramente a sabemos utilizar.
Por isso lá continuo a desbravar trilhos por entre o labirinto verde da floresta,
procurando as respostas às mil e uma perguntas que subsistem em mim.
Respostas que estão escondidas em lugares jamais alcançados, fora dos trilhos.
Só os Grandes, só aqueles que tiverem coragem de sair dos trilhos, poderão um dia
riscar os jamais e alcançar as respostas.
Mas eu continuo nos trilhos, à procura da saída correcta, pois sei que se sair dos trilhos
na altura errada, perderei-me para sempre e jamais voltarei a encontrar o caminho de
volta.
E continuo a desbravar, a batalhar, a pesquisar, a olhar atentamente a todos os
pormenores, a sentir o ambiente que me rodeia, à espera do momento certo para atacar,
tal como o caçador caça a sua presa.
Espera, Espera, Espera e no momento certo, no momento em que a presa se descuida,
ela é atacada, morta e absorvida pelo seu eterno dono. Carne em carne, espírito em
espírito, eternamente juntos.
Eu sou o caçador à procura das minhas presas. Podem fugir, mas não se podem
esconder. Procurar-vos-ei até ao fim dos meus dias.
Sedento de respostas e conhecimento. Sedento para vos absorver.

DIAMANTE
No meio de tudo que se perdeu,
No meio de tudo que se ganhou,
Lá se encontra um pequeno diamante.
Tão pequeno, que no meio de tanta coisa,
Jamais se pensaria que se encontrasse algo do género.
Ele é o resultado de todos os nossos trabalhos.
Começa por ter o tamanho de um grão de areia no inicio de uma vida,
E vai crescendo, crescendo, crescendo com tudo que ganhamos e perdemos.
Torna-se tão brilhante e tão valioso quanto um real diamante criado pela Mãe.
Quantos mais caminhos percorrermos,
Quantos mais caminhos aprendemos,
Quanto mais ganhamos,
Quanto mais ele será brilhante e valioso,
Bem no centro do nosso peito,
Bem no centro do nosso coração.
Brilha meu diamante, Brilha.
Torna a minha mente cada vez mais clara,
Melhor preparada para os caminhos futuros.
Obrigado minha Mãe por teres criado tal preciosidade,
Que nos acompanha e ajuda durante todas as vidas.
Ele será para sempre o reflexo do nosso crescimento.
Obrigado Mãe.
TEIAS
Teias da vida,
Teias tecidas desde o inicio dos tempos,
Teias que temos de percorrer,
Teias em que não podemos deixar-nos apanhar,
Teias que contêm caminhos fáceis,
Teias que contêm caminhos árduos,
Mas…
Afinal são somente teias, onde,
Apesar de não podermos deixar-nos apanhar,
Também não podemos cair delas, ou,
Para sempre cairemos no abismo,
No esquecimento…
Podendo assim nunca mais ascender aos patamares elevados,
Ficando retido no Inferno sem fim.
Que roda e roda, repete e repete vezes e vezes sem conta,
A mesma história eternamente.
Somente uma Luz vinda da própria teia
O poderá retomar novamente no caminho certo.
Feliz aquele que lutou pelo caminho harmonioso entre as trevas e a Luz.

SET YOUR WINGS


Set your wings,
My angel and fly!
Fly away from here,
Fly away from this Hell.
Free yourself,
Free myself,
Free everyone.
Show the god dam light to everyone.
Show the light and free us.
Set your wings my angel.
ONE BY ONE
One by One,
We will fall into your deepest dreams.
Dreams where we fight for freedom,
Dreams where we anihilate everyone around us,
Dreams where we kill and die for pleasure.
Just for pleasure...
Dreams where we love,
Dreams where we hate,
Dreams where we reach the light,
Dreams where we burn in hell.
Dreams, Dreams and more Dreams.
These are your deepest dreams, Mother.
Why do you have them?
You know that your dreams are our reality.
Everything You dream,
Everything we live...
There is no harder conecticon in the World.
May it be...

LOOK INTO MY EYES


Look into my eyes,
See inside my soul,
See who i am,
See my energy flowing
To everywhere your
Eyes can see.
Look into my eyes, Look..
And feel now the energy
Flowing to you,
Feel a peaceful heat in your skin,
Now you are feeling the same heat,
Deep and Deeper inside your flesh,
She reach your bones and deep,
Deep inside she reach your spirit.
You are now another one,
Another person,
Another type of being.
Run Now,
Free yourself.
LUZ DA LUZ
Luz da Luz que brilha na escuridão,
Luz da Luz que brilha das estrelas,
Luz da Luz que brilha do fogo, da água, da terra e do ar.
Luz da Luz que brilha do coração directamente para o exterior.
Luz de todas as luzes,
Luz que envolve,
Luz que aquece,
Luz que alimenta,
Oh Luz magnífica, que decidis-te iluminar o meu Caminho.
Aqui te abençoo!

O ESPIRITO
Magia da Terra,
Magia do Ar,
Magia do Fogo,
Magia da Água,
Magia dos quatro grandes elementos,
Magia que só poderá ser controlada por uma única força…

O ESPIRITO…

Esse Grande e misterioso Ser que habita em todos nós.


Será que toda a gente o conhece?
Será que sabem o bem que trás a nossa vida?
Será que sabem que é por causa dele que contraímos a maior parte, senão todas as
doenças que temos?
Por não sabermos cuidar dele.
Sim…Esse mesmo…

O ESPIRITO…

Esse que consegue fazer maravilhas, mas que está sempre a ser bloqueado.
Libertem-no duma vez.
Trabalhem juntamente com Ele, e perceberão que nós somos Deuses.
Sim…
Todos nós somos Deuses em miniatura.
Todos nós temos a capacidade de criar e retirar.
Agora era bom que todos soubessem trabalhar com Ele e que trabalhassem para causas
nobres.
Mas cada um sabe de si…
PALAVRAS
Onde estão as palavras que pensei?
Onde foram parar aquelas que escrevi?
Será que terei mais palavras a dizer?
A imprevisibilidade dos nossos pensamentos, das nossas palavras, dos nossos actos é
tanta que nem o maior dos magos arrisca a por as mãos no fogo pelas previsões
aleatórias feitas por ele mesmo.
Ninguém sabe o que realmente se passará.
Ninguém sabe o que acontecera daqui a um minuto, quanto mais num futuro longínquo.
Tudo o que for dito, não passará de previsões.
Certezas? Nenhumas…
Por isso as palavras que pensei e escrevi nada dizem sobre aquelas que pensarei e
escreverei, pois essas jamais apresentarão o caminho que percorrerei, mas sim aquele
que percorri.
As palavras do presente, logo que as escrevo passam de imediato a fazerem parte do
passado.
E assim continuará a ser até ao fim dos meus dias nesta e noutras vidas.

RUN SPIRIT
Run Spirit,
Run for your freedom,
Run like you never did in your entire life.
Run like a horse,
Run like a cat.
Run like a rhino,
And crash the enemies at your front.
Show who commands your life, and Fly...
Fly like a hawk when he hunts his prey.
Knock out all who desires against you,
Kill everyone who tries to fight against you.
Remember my spirit:
NO ONE IS GREATER THAN YOU.

CAÇADA
O Vento frio vindo do Norte ruge como nunca antes tinha rugido, sinto que chegou o
momento.
Sai-o finalmente de casa rumo ao inevitável.
Rumo a ti...
Começo a percorrer os trilhos como sempre antes fiz, mas desta vez é diferente, eu sei,
eu sinto-o.
Finalmente encontro o que procurava.
Farejo o ar à minha volta e encontro os teus vestigios.
Eu, o caçador cinzento estou no teu alcance.
Sinto que já me pressentiste, por isso acelero o passo e a adrenalina começa a ser
descarregada no meu corpo, contraindo os meus musculos, acelerando o meu coração,
apurando os meus sentidos e concentrando a minha alma.
Farejo o teu aroma, ouço o teu coração, sinto o teu espirito, não vale a pena fugires,
ninguém foge ao caçador cinzento.
Vou-te capturar, comer a tua carne, absorver a tua alma, e, juntar a tua energia à minha.
Para sempre esta caçada ficará na marcada na minha memória...
Tal como tantas outras caçadas!

BATALHA...
Acordei mais um dia, tal como todos os meus irmãos.
Hoje é o tal dia, todos nós sabemos, mas ninguém fala no assunto, ninguém quer trazer
más energias para o seio do grupo.
Vagarosamente vamo-nos reorganizando, cada um para seu lado, como tantas outras
vezes o fizemos.
É hora de vestir as roupas e as armaduras certas, horas de escolher as armas preparadas
no dia anterior.
Por fim lá nos vamos juntando em circulo, todos apenhados, ainda havendo tempo para
alguns fazerem os ultimos ajustes e também preparar alguns amuletos de boa sorte,
enquanto não se juntam todos.
Quando o grupo todo se juntou, ninguém falou, todos fixaram os olhos uns nos outros e
o silêncio perdurou no ar, toda a atmosfera em redor se silenciou. Já se conheciam
suficientemente bem e já sabiam o que fazer, não era necessário ninguém gastar
energias em falar.
Num momento singular, todos em plena sintonia desembainham as espadas, juntam-se
todos e gritam:
- QUE CAMULUS LUTE AO NOSSO LADO HOJE E QUE A VITÓRIA NOS
SORRIA.

Começou mais uma batalha...

SIMBOLISMOS
Simbolismos desconhecidos vindos do mundo não visivel directamente para o Homem
"cego".
Sim... Homem cego...
Toda a Humanidade padece de cegueira extrema, e somente alguns conseguiram cura-
la.
Nem os óculos servirão para alguma coisa e uma bengala e cão guia só solucionará
pequenos problemas.
Curai a cegueira, abrei os olhos e vide a destruição massiva que estão a criar, o caos que
perdura nesta Terra.
Senão, uma simples cegueira vos levará à morte certa.
SITTING OVER HERE
Sitting over here,
Looking to the full moon in my head,
I see you,
I feel you,
I touch you,
Like i never did in my life.
My heart is fullness of energy,
fullness of light,
just because of you.
My Soul fly away just to go close to you,
to feel the love that you have for me,
and then she returns to my body,
and recharge me with your beautiful light.
You are my soul mate,
You are my truly love.
You are my light!

OVER AND OVER


Over and Over,
We die and came,
Over and Over,
We return to the Heaven
And Hell of life,
Over and Over,
We walk the roads of life,
Over and Over,
We burn and reborn from ashes,
Too many times in just one life.
This is only the begining,
Over and Over again!

Prece Energética
Energia Invisivel.
Abastece-me com o Teu poder,
Ilumina a minha Mente,
Desobstrui o meu Coração,
Enriquece o meu Espirito,
Fortalece o meu Corpo,
Derrama tudo o que tens sobre mim,
E Eu mostrar-te-ei do que sou capaz.
Do que um simples mortal é capaz...
Que a Tua Benção seja gratificante para todos os Seres!
Chave dos Mistérios
Chave de Todos os mistérios,
Chave que abre todas as portas, que a nossa imaginação poderia algum dia sonhar que
poderiam ser abertas.
Chave esquecida por muitos, Chave encontrada por poucos.
Oh Grandiosa Chave,
Caminha para perto de mim,
Que Eu e a Luz saberemos as portas a abrir e os segredos a desvendar.
Que assim seja!

SAUDAÇÕES
Saudações Mundo,
Que te vislumbro por mais um dia,
Saudações Mãe,
Por me deixares viver mais um dia,
Saudações meu Anjo,
Por estares ao meu lado e por me protegeres mais um dia.
Saudações Luz,
Que me iluminas por mais um dia.
Saudações a todos que se lembram de mim todos os dias,
Saudações a todos os seres deste mundo,
Saudações, Saudações e mais Saudações em mais um dia da minha existência.

Saudações
E por fim um Bom Beltane a todos no Hemisfério Norte e
Um Bom Samhain a todos no Hemisfério Sul.

ALMAAREA NA AN ILYA

THEY
They don't came in peace,
They came to take you,
They came to take all the ruins of this world.
All the weak souls.

They came to clean all the shit that we made,


They don't came to take us all,
But it's close.

If you're in peace with yourself and with the world,


Don't be afraid, they don't take you.
To the others,
Stay where you are,
Nobody will runaway.

The time is now...


If they need some help,
Oh yes,
I'll help them with all my power, strength and with all my pleasure.

It's this that i dream,


It's this that i want.

ANDA
Anda ver o que eles fizeram,
Anda ver o que eles criaram,
Jamais acreditarás nesta obra.
Olha bem,
Olha bem para esta destruição,
Sente bem,
Sente bem este mal-estar,
Ouve bem,
Ouve bem o soar da morte,
Cheira bem,
Cheira bem este fedor tresandante que não desaparece.
Anda,
Anda duma vez,
Anda que chegou a tua hora,
Anda e trás ela contigo,
Trás ela pois haverão muitos sacrifícios.
Sacrifícios daqueles que estão a utilizar a energia em vão.
Vinde duma vez.
Todos nós precisamos de vós!
BLESS!!

TU
Tu comandas desde o inicio dos tempos,
Tu lideras as tuas tropas com uma força e destreza inimaginável,
Tu remodelas todos os locais à tua maneira,
Tu és a seiva que corre nesta terra,
Tu és o alimento que sacia todas estas almas desmesuradas,
Tu és a energia palpitante que corre livremente pelos ares,
Tu és o fogo que explode de dentro da terra,
Tu és a água que acalma esse fogo,
Tu és a terra que coordena todas as forças em movimento,
Tu és única,
Ninguém se compara à tua grandeza e beleza,
Tu minha bela Gaia,
Tu sim,
Tu és tudo aquilo que vislumbramos,
Tu és tudo aquilo que nos move,
Tu és tudo aquilo que nos faz viver,
Tu és a essência da nossa alma,
Tu és tudo e nada ao mesmo tempo.
Como pudemos desrespeitar-te com os nossos prazeres e desejos destrutivos?
Como?
Que volte a Alma dos antigos,
Aqueles que te respeitavam e se aliavam a Ti.

MERDA
Vou eu por estes caminhos da cidades, e o que é que eu piso?
Merda…
Sim, merda de cão por toda a parte.
Espalhada em locais estratégicos para o mais incauto pisar à força toda,
Tal como as minas utilizadas na guerra.
Minas essas que também são merda.
Sim merda.
Merda inventada pelo homem.
Já que não tinham mais nada que inventar e fazer,
Inventaram e fizeram merda para os outros se aleijarem e morrerem.
É assim o mundo dos homens,
Cheio de merda por toda a parte,
Isto tresanda que já não se pode, pior que aqueles peidos quentes que fedem de caralho.
É a merda das armas,
Merda das guerras,
Merda da violência,
Merda da mentira e falsidade,
Merda da justiça,
Merda dos governos,
Merda da poluição,
Merda da destruição do planeta,
Isto é só mesmo merda, merda e mais merda.
Com esta merda toda,
Bem que preferia ter somente calcado a merda do cão e não aturar o resto dessa merda
descrita atrás.
AS PROVAS
As provas estão espalhadas por toda a parte,
Por todo o lugar,
Por toda a natureza,
Só não as vê quem ainda não tiver preparado.
Quem nunca antes ouviu o seu chamamento,
Quem nunca antes sentiu a sua presença.
A esses não vale a pena esperar nada,
Além de que a sua presença cá só irá alimentar esta terra que precisa de muita carne
decomposta para recuperar as forças retiradas, para recuperar as energias consumidas
em vão.
Agora quem já ouviu e a sentiu,
Há que trabalhar e nunca baixar os braços.
Pois somente vós têm direito à vida eterna,
Á energia divina vinda directamente do corpo dela.
Força e muita vontade é o que é preciso!!

LIBERDADE
Deambulamos todos os dias por estes caminhos imundos,
Repletos de sujeira humana,
Presos ao tempo,
Presos ao trabalho,
Presos à família,
Presos ao país e à nação onde nascemos,
Presos aos dogmas religiosos,
Presos às normas da sociedade,
Presos a sistemas tão rígidos que nos deixam sem energia e sem força,
Deixam-nos sem vontade de lutar contra todos estes sistemas.
Andamos todos presos,
Todos sob stress,
Todos cheios de doenças corrosivas da nossa mente, do nosso ser, da nossa dignidade.
Libertai-vos duma vez.
Ergam-se e gritai:
- LIBERDADE!

Abaixo todos os sistemas que nos controlam,


Todos os sistemas que nos roubam,
Todos os sistemas que se alimentam do nosso medo,
Todos os sistemas que destroem os nossos sonhos,
Todos os sistemas inventados por outros humanos que nada mais têm a fazer senão
usar-nos como fantoches para as suas novelas da realidade.
É hora da liberdade,
Hora de cortar as amarras e dizer bem alto:
IDE-VOS FODER, ESTOU LIVRE E NADA PODEM FAZER SENÃO VEREM-ME
PARTIR PARA LONGE DA VOSSA DESGRAÇA.

Espero ansiosamente por esse dia.


LIBERDADE!

EU SOU
Eu sou pagão e não sou pagão,
Eu sou católico e não sou católico,
Eu sou judeu e não sou judeu,
Eu sou muçulmano e não sou muçulmano,
Eu sou espirita e não sou espirita,
Eu sou budista e não sou budista,
Eu sou ateu e não sou ateu,
Eu sou tudo e também sou nada,
Eu sou a luz que encandeia e a escuridão que vos amedontra,
Eu sou o vosso bem e o vosso mal,
Eu sou o principio e o fim unidos num ciclo interminável.
Eu sou a energia que escorre nas veias da Terra,
A energia que permite que haja todos os tipos de vida no universo.
Sem mim vocês não poderiam ser pagãos, católicos, judeus, muçulmanos, espiritas,
budistas e nem ateus.
Por isso podem continuar assim.
Eu sou o que sou e nada alterará a minha essência.
Podem dizer novamente que eu sou isto ou aquilo,
Eu direi que sim sou, mas também não o sou.

Há só um senão,
Parem de me roubar energia para ser utilizada em vão.
Parem o quanto antes,
Senão...
Nem os vossos deuses vos valerão quando a minha paciência atingir o limite.
E está para próximo, muito próximo...

PERGUNTAS E RESPOSTAS, OU NÃO


Aquilo que vejo,
Aquilo que sinto,
O que é?
Será a minha realidade, ou a nossa realidade?
Será somente a minha imaginação a pregar partidas?
Imaginação,
Mundo tão vasto e tão longínquo, que sempre que temos acesso a ele, perdemo-nos nos
seus mil e um caminhos inexplorados.
Será que aquilo que penso que é, é mesmo?
Será que aquilo que sinto, sinto mesmo?
Será que aquilo que vejo, existe mesmo?
Será que aquilo que ouço, faz mesmo barulho?
Ou será tudo parte do mundo imaginário?
Será tudo realidade?
Será o nosso imaginário por acaso parte da realidade?
Será que também os nossos sonhos fazem parte da realidade?
Será?
Será?
O que é e o que não é neste mundo?
É tudo ou é nada?
Quem tem ou não razão nas suas perspectivas da realidade?
Chego à conclusão que todos têm e não têm razão.
Tudo é e tudo não é.
Porquê?
Não sei…
É o que penso e o que não penso…

WINDS AND WINGS


The winds blow up my wings.
That’s unfair, too much unfair.
Why?
Whyyyyyyyyyy?
Now,
I’ve to walk the roads of Humans.
The roads full of trash and dejects.
The roads of destruction and Hell.
Yes…they live in Hell.
In a perfect Hell,
But,
I know that’s the only way to a common human fly to high nevels,
But,
It’s a Hell…
And I don’t want to walk between them,
Please,
Show me where are the humans that understand perfectly the Hell where they live.
Show me, please.
That’s the only thing that I want now,
The only thing...

SONHO
Sonho um dia em que vivemos todos em harmonia,
Sonho em que um dia todos respeitamos a mãe,
Sonho em que um dia todos sejam felizes fazendo aquilo que realmente gostam e têm
vontade, respeitando tudo e todos,
Sonho viver numa realidade completamente diferente,
Sim sonho…

Costuma-se dizer que o sonho comanda a vida,


E são estes sonhos que perseguirei,
Custe quantas vidas custarem pela minha parte.
Mas uma coisa sei,
Jamais estarei sozinho,
A minha tríade estará para sempre comigo, até ao fim dos meus tempos.
Eles perseguirão os mesmos sonhos que eu.
Um dia…
Um dia isto tudo estará diferente, para melhor…

TEMPOS
Passo a Passo,
Volto atrás no tempo,
Oiço a musica,
Vejo o ambiente de festa,
Sinto a Magia
Que reina na Terra.

A Harmonia,
A Alegria,
A Liberdade,
Não se põem em causa.

Passo a Passo,
Recordo esse passado,
Mundo distante,
Mas,
Tão perto ao mesmo tempo.

A Balada da Gaita de Foles ainda entoa no meu espirito,


O Som das flautas ecoam nos confins do tempo,
E fazem-me tremer,
Apertam-me o coração,
E não contenho as lágrimas.

Esses tempos...

Esses tempos,
Em que te descobri Alka.

Esses tempos,
Demasiadamente marcantes,
E que os Deuses quiseram
Perpetuar até aos nossos dias.

Mas os tempos de outrora se foram,


E o meu Ser chora por tudo estar diferente.
Tu estás comigo sim,
Mas o Mundo é diferente,
E eu não me consigo habituar a ele,
Ele revolta-me,
Ele enoja-me.

Mas o que poderei fazer?


Lutar...
Lutar não pelos tempos passados,
Mas sim pelos tempos futuros melhores.
Em que a Harmonia,
A Alegria,
E a Liberdade,
Reinem de novo por esta Terra.

E que Tu Alka,
Estejas presente a meu lado,
Quando esse dia chegar.
(Home Again)

Mas neste momento,


Choro de saudades pelos tempos de outrora.
Uma noite de sono e me recomporei.

CRIAÇÃO
Ar para criar e idealizar,
Terra para plantar,
Agua para fertilizar,
Fogo para brotar e crescer,
E...
Espirito para que tudo corra em Harmonia.

"DEUSES"
"Deuses" da Terra,
Erguei-vos,
Chegou a altura de se mostrarem,
A altura de se rebelarem duma vez.

Chega de esperas,
Chega de sofrer,
Chega de esperanças vãs,
Isto jamais se resolverá sem a vossa ajuda.

Todos aqueles que se sentem com


Força e Energia suficiente para o "enfrentamento",
Erguei-vos duma vez,
Enfrentai-o,
Olhai-o olhos nos olhos,
Mostrai-lhe quem realmente irá
Resolver todos estes problemas.

Quantos aos outros "Deuses",


Aguardai...
Todos serão necessários
Para consciencializar esta PODRIDÃO...

EU LOBO
Eu Lobo,
Separado da alcateia,
Corro livre por estes caminhos,
Corro sem parar,
Corro ao encontro do meu destino.

Pelo caminho encontro perguntas,


Pelo camino encontro perigos,
Pelo caminho encontro dificuldades.

Caminhos árduos estes.


Mas são esses mesmos caminhos
Que nos mostrarão as respostas
E as bênçãos que nos favorecerão.

Nada acontece por acaso,


Se continuarmos sempre a correr livremente
Por estes caminhos.

Eu Lobo,
Continuarei a correr,
Em busca do meu destino,
Para depois regressar em paz
Ao seio da minha alcateia,
Ao seio da minha familia.

ENTRA
Anda,
Entra,
Entra no meu Sonho,
Entra na minha Magia,
Entra no meu Mundo.

Vem,
Vem perder-te na imensidão,
Vem encontrar a tua luz,
Vem conhecer a tua negridão.
Entra,
A porta encontra-se aberta
Entra,
Ganha coragem e entra.

Vem,
Vem conhecer,
Vem evoluir,
Vem renascer para o Mundo!

Eu sei que é isso que queres,


Porque te escondes nessa capa?

Mais tarde ou mais cedo


Terás que passar pela porta,
E do outro lado estarei,
Á Tua espera,
Á Vossa espera.

BEM-VINDOS
Bem-vindos Senhores.

Estava á Vossa espera.


A Vossa presença há muito que era requerida,
Esta situação já ultrapassou os limites,
Só espero que a consigam resolver.

A Vossa Terra está diferente sim,


Não se assustem,
Não se atormentem,
Pois as energias continuam cá,
Um pouco adormecidas,
Mas estão cá.

Elas precisam de Vós,


Precisam que Vocês as comandem,
Tal como fizeram em outras épocas.
Tempos em que o Homem vivia em
Harmonia com a Terra.

Agora que voltaram,


Acredito que esses tempos,
Estarão para próximo,
Para muito próximo.

Fogo,
Ar,
Água e
Terra,
Novamente unidos em Harmonia
Com o Espirito de cada um,
Com o Espirito Universal.

Bem-Vindos Senhores.

LIVRO
Tu que guardas a sabedoria
Nas tuas Folhas,
Na tua Essência,
No teu Espirito.

Tu que guardas os conheceimentos dos Antigos,


Anos e Anos a fio,
Décadas e Décadas a fio,
Séculos e Séculos a fio.
Sem nunca esquecer as Palavras,
Sem nunca esquecer as Frases,
Sem nunca esquecer os Textos,
Sem nunca esquecer a Magia.

Magia essa que foi bem guardada


Por almas corajosas,
Por corações que continham
Um Amor inimaginável,
Um Amor incalculável pelo Conhecimento.

Um Amor inigualável pela Verdade do nosso Mundo.

Enquanto uns destruiam o seu Espirito,


Outros salvaguardavam-no,
Antes que as almas futuras
Tivessem que voltar a aprender
Tudo de inicio,
Desperdiçando assim
Anos e Anos de descobertas,
Anos e Anos de aprendizagem,
Anos e Anos de conhecimento.

Conhecimento da Verdade.

Muita Magia,
Muita Luz,
Muita Escuridão,
Se podem encontrar
Na imensidão das tuas Folhas.
Estará o Mundo preparado para te receber?
Ou terei que voltar a guardar-te?

ESCREVO
Escrevo...

Escrevo porque sim,


Escrevo porque não,
Escrevo para largar este vendaval
Que me sacode violentamente,
Vezes e vezes a fio,
Sem piedade nenhuma do meu Ser.

Escrevo...

Escrevo por mim,


Escrevo para mim,
Escrevo por vós,
Escrevo para vós.

Escrevo...

Escrevo do que sei,


Reescrevo o que suponho saber,
Escrevo e Reescrevo a minha realidade,
Uma e outra vez,
Perdendo a conta às vezes que me perdi e que me encontrei nestas linhas.

Escrevo...

Escrevo sentimentos,
Escrevo acontecimentos,
Escrevo mundos,
Escrevo realidades,
Escrevo afinal de conta os meus vendavais.

Vendavais...

Vendavais sentidos,
Vendavais vividos,
Vendavais reais,
Vendavais irreais,
Vendavais descomunais ao tamanho do meu Ser.

Vendavais...

Sim sou Eu,


O Vendaval em Pessoa.
O Vendaval á solta,
Liberto e sem controlo.
Pronto para começar o meu trabalho,

De destruição/construção.

A DOR DELA
Chora, Chora.
Sente a dor,
Bem dentro do teu peito,
Sente o ardor causado por séculos de espera.
Séculos que pareceram milénios.

O tempo passa e tudo transforma.

Contigo não...
O tempo passou e tudo continuou a ser como dantes.

Choras por teres esperado que este dia jamais chegasse.


Mas chegou...
O tempo não foi brando.
Mas quando ele o é?

Agarra bem essa dor dentro de ti,


Transforma-a em coragem,
Transforma-a em força,
Transforma-a em energia,
Em energia tão poderosa,
Capaz de mover mundos.

Agarra-a bem e transforma-a...


Somente assim seremos salvos!

WALKING
In the Forest,
Not even one soul in this roads,
I walk alone,
Thinking why i'm here.
Thinking about the past lives,
My present life and
About the possible future lives.

Why i´m thinking about it?


Not even i, knows.

I still walking,
With this thoughts deep,
Deep in my soul.

I stop..
I feel cold...
One of my thoughts is right,
And He told me that.
But i still asking why,
That's correct?
Again the cold,
Yes...
Why?
Why me?
I'm only a human,
Or no?
What am I?

Keep walking...
They said...
Keep walking...

There's no alternative,
I'll keep walking.

OBRA
"Faz o que tu queres pois é tudo de lei,
Amor é a lei, amor sob vontade."

Tudo o que quer que façamos em pleno Amor,


Irá ser exaltado à máxima potência.
Todas as energias se concentrarão para que a obra seja feita.
Quer seja na Luz,
Quer seja na Escuridão.
Não há limites para o trabalho feito em pleno Amor.
Tudo pode ser feito,
Pois dentro de todos nós germina o poder de um Deus.

Todos nós somos Deuses...

Para quando o despertar da consciência?


LUZ E ESCURIDÃO
Existe a Luz e a Escuridão.
Uns caminham na Luz e com tanta claridade não conseguem ver o caminho que
percorrem.
Outros caminham na Escuridão e com tamanha obscuridade, muito menos conseguem
percorrer.
Dai que há que saber caminhar sob o caminho do "meio",
No caminho neutro,
Para vermos o que fazemos,
Para vermos o caminho à nossa frente.
Mas tal trabalho é muito raro ser possivel no estilo de vida que todos nós levamos.
Assim há que tentar oscilar entre uma e outra.
E acabamos mesmo por oscilar,
Pois é assim o caminho.

A unica maneira para subir ao topo,


É ter estado no mais profundo dos poços.
A unica maneira de sermos felizes,
É termos passado pela maior das tristezas.
A unica maneira de aprender,
É termos errado pelo menos uma vez.
A unica maneira de subir ao "Céu",
É termos passado pelo Inferno.
Oscilações complementares,
Nenhuma existe sem existir a outra.

É assim a vida,
Não há modo de fugir.
Quem foge, somente acaba por adiar o inevitável.

A "neutralidade" também é para muitos poucos,


E esses também jamais saberão o que é realmente viver.
Jamais sentirão o êxtase,
Jamais sentirão a adrenalina correr-lhes na veia,
Após terem olhado a morte olhos nos olhos.

Por isso,
Há que continuar a viver,
Tendo em consciência que tudo o que acontece é culpa nossa.
Porque fizemos algo para que isso acontecesse.
Não culpemos os outros e muito menos nenhum Deus por tal.
Há que viver...

Entre a Luz e a Escuridão...


DEBITANDO VENDAVAIS
Sento-me quieto na minha cama para não ser perturbado,
Fecho os olhos para não ver,
Tento abstrair-me no silêncio da noite,
Respirar o mais calmo possivel e deixar fluir os pensamentos.

Mil e um pensamentos brotam do meu Ser,


Ou eu não fosse do elemento Ar.
Vendavais percorrem todo o meu espirito,
Todo o meu corpo,
Todo o meu Ser,
Por vezes tão descontrolados que fico abalado e não sei para onde me virar.
Acabando depois por descarregar nas linhas deste caderno.

Sentado nesta cama jamais conseguirei meditar totalmente em paz.


O meu Ser não deixa...
Ele ruge como um Vendaval,
Um atrás de outro,
Ele Ruge,
Ruge pensamentos,
Ruge emoções,
Ruge realidades,
Ruge mundos,
Demasiada coisa para eu assentar e compreender.
Por isso lá continuo a debitar todos os vendavais que posso para estas linhas.

E vocês que passam neste sitio acabam por levar com elas,
Quer gostem ou não.
Mas espero que gostem.
Abraço a todos e um beijo especial à minha Luz que fez com que Eu renascesse,
Tal como a Fénix das cinzas.
Até lá, jamais tinha tido a capacidade de debitar os vendavais de uma maneira tão
"controlada".
O meu obrigado a Ti minha Luz.
Meleth Le

UM DIA
Um dia sonhamos ir longe,
E fomos...
Um dia sonhamos conquistar,
E conquistamos...
Um dia sonhamos ser poderosos,
E fomos...
Um dia sonhamos ser ricos,
E fomos...
Um dia sonhamos estar no topo,
E estivemos...
Passado, Passado e mais Passado.

O porquê de hoje?
Tudo o que fizemos, está a ser pago.

Conquistamos,
Fomos poderosos,
Fomos ricos e estivemos no topo graças a terceitos,
Graças à desgraça dos outros povos,
Graças à escravidão, à guerra, à aniquilação de milhões de pessoas.
Só estamos a receber aquilo que plantamos.
Desgraça...

E continuará a vir mais,


Até ao ponto de viragem,
Que chegará para bem das gerações futuras.

Ao menos a esses ensinai-lhes a Verdade,


A Honra, a consciencialização que o que têm foi a Mãe Terra que o deu e que não
vivem sozinhos mas com outras civilizações.
Por isso respeitem a Mãe e os outros povos,
Ou nem as gerações futuras estarão cá para lhes poderem ensinar isso.

Haja RESPEITO duma vez...


É a unica coisa que peço,
Não por mim mas pelo futuro.

ALMAAREA NA

PORTA
Misteriosa Porta,
Que segredos escondes Tu?
Que passados estão do lado de lá?
Que "tesouros" escondes Tu?
Que regalias poderás Tu mostrar-me?
Tudo...

Se tiver a chave certa para te abrir.


Somente utilizando a chave poderei receber e aprender tudo o que existe do lado de lá.
Se tentasse a força para te abrir, jamais poderia receber o que lá estivesse.
Jamais seria bem-vindo a um lugar onde utilizei a força para lá poder entrar.

Somente não disputando, não haverá rivalidade.

Assim todas as portas que encontrares pela frente com a chave errada na mão,
Não vale a pena disputar a sua entrada,
Pois assim só criarás rivalidades e jamais receberás o que de bom está no lado de lá.
Se é assim a tua Vontade, fa-lo...
Se não é,
Segue o teu Caminho,
Tendo em atenção que tudo o que fizeres,
Tudo pagarás um dia.

ALMAAREA NA

NEGRO
Negro,
Negro aniquilador,
Tu que te aproximas
Sem darmos por nada,
Tu que surpreendes todos
Pelo teu poder,
Pelo poder que ofereces
Seja a quem for.

Tremendo poder realmente.

Dás uma enorme


Sensação de Segurança,
De Liberdade,
De Poder Absoluto.

Mas as pessoas nunca se lembrão,


Que há sempre receber e dar
Nas leis do Universo.

É essa simples factura que


Tu cobras sem avisar.
As pessoas têm a mania
De assinar contratos
Sem lerem as "letras pequenas".

E depois questionam-se
Porque cai o Mundo em cima delas.
Coligam-se com o Negro
E depois questionam-se.

A sensação de Segurança,
Liberdade e Poder
Esfuma-se de um momento para o outro,
O Mundo desaba e não sabem porquê.

Basta tomarem atenção ao caminho


E perceberão
Quando aparecem
Os falseadores e os tentadores.

Mas a vida é assim,


Caimos muitas vezes nos erros
Das tentações e,
Assinamos contratos que
Depois custam a pagar.

Mas só errando
É que aprendemos.
Só descendo ao inferno deles
Podemos depois subir e
Seguir em frente no caminho.

Temos que ter coragem


E muita segurança em nós próprios
Quando batermos no fundo.
Pois podemos nunca mais de lá sair.

E aí sim,
Eles conseguiram
Fazer aquilo para que nasceram,
Apoderarem-se de Ti.

AH LUTA
O Guerreiro acordou...

Tudo o que se tem passado,


Fê-lo acordar.
A energia negra,
A instabilidade,
A revolta,
Todo o ambiente à sua volta,
Fê-lo erguer-se do seu sono profundo.

O Seu Espirito jamais aguentaria


Que a barbaridade continuasse
Impunemente.

O Guerreiro Antigo
Agora prepara-se.
Prepara o Seu Espirito,
A sua arma mais poderosa.
Os dois unidos,
Jamais serão derrotados.
Corpo unido à Energia divina,
O Ser indestrutivel.

AH LUTA,
Grita o bravo Guerreiro.
AH LUTA,
AH LUTA iremos todos,
Na LUTA estaremos todos.

Agora cabe a cada um


Saber armar-se e guerrear
Nas suas batalhas.
Mas uma coisa é certa,
Só começarão a ganha-las,
Quando Corpo e Espirito
SE UNIREM.

AH LUTA

RELEASE AND FIGHT


Release yourself,
Free yourself,
Find a way,
Fast...
No one can help you,
Not even your angel.
He's fighting against things
Higher than you.
So,
Prepare yourself,
So you can fight
For your future lives.
Our lives are not garantied.
So we've to free and fight,
Over and Over again.
Until the end of the war.
We'll win som battles and,
We'll lose others.
In the end,
We've to win,
Or just one thing is garantied.

Total death.
I hope not,
So fight.
NOITES

Noites e mais Noites passadas em branco,


Noites e mais Noites mal dormidas,
Noites e mais Noites de tormenta,
Noites e mais Noites de vendavais,
Noites e mais Noites de descontrolo,
Noites e mais Noites de desespero
Por nunca mais acabar .

Até quando isto tudo?

Autor: Vítor Hugo Nogueira Chousa


E-mail: CroagFilliu@gmail.com

Todos os textos estão protegidos por Creative Commons -


Attribution-NonCommercial-NoDerivs 2.5

http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/2.5/