Você está na página 1de 8

Google: Aprendendo a melhorar

sua pesquisa na web


Morgana Silveira Lacerda

xmorganax@gmail.com

Resumo.

Neste artigo farei uma breve apresentação do Google, mostrando suas mais importantes técnicas de

pesquisa e seus exemplos, algumas curiosidades sobre o mesmo e por último apresentarei boa parte

dos seus serviços.

Palavras-chave: Google, pesquisa, serviços.

Abstract.

I will do a short Google presentation in this article, showing many of yours most important technical

searchs and some of their examples, Google curiosities and finally a presentation of yours amazing

products.

Key-words: Google, search, products.

1. Introdução

O Google, atualmente o mais grandioso site de busca da internet, foi criado no ano de 1996

por, na época, dois estudantes de doutorado. Os estudantes Larry Page e Sergey Brin da

Universidade de Stanford resolveram criar um projeto baseado em Java e Python chamado

BackRub para desenvolver um site de pesquisa restrito ao banco de dados e os sites da

universidade. O então nome Google foi adotado no ano de 1997 com base na expressão
googol que tem como significado o número 1 seguido de 100 zeros. No ano de 1998 o

Google Inc. foi fundado oficialmente com a ajuda financeira de alguns amigos e de um

particular fundador da Sun, o Andy Bechtolsheim. No ano de 1999 o Google já estava com

mais de 500 mil acessos por dia e resolve então mudar de sede e também aprimorar o site.

Em seguida, no ano de 2000 o Google continua a crescer cada vez mais o seu número de

acessos diários e resolve em 2001 lançar seus primeiros serviços.

O maior sucesso do Google veio através da sua leveza e rapidez nas buscas. O mesmo

dispõe de um algoritmo de extração de dados que faz dele o mais rápido em comparação a

qualquer outro site de busca. Ainda, o Google tem uma interface extremamente leve,

utilizando-se apenas de links em HTML e textos. Por fim, o Google tem de forma facilitadora

diversas técnicas de pesquisa que ajudam a melhorar a pesquisa em uma porcentagem

absurda. Vejamos algumas destas técnicas de pesquisa no tópico a seguir.

2. Técnicas de Pesquisa

2.1.1 Busca Padrão

A busca padrão do Google é feita da maneira mais simples, bastando digitar a palavra

procurada e esperar o resultado. Nos casos de palavras agrupadas, como por exemplo a

procura por coelho branco, o Google utiliza da lógica de Boole e neste exemplo o

delimitador AND encontra-se de forma explícita fazendo a ligação entre coelho e(and)

branco. Ainda, se quisermos fazer uma busca por uma frase específica utilizamos de aspas,

ficando desta maneira a nossa busca: “coelho branco”. Nesta última, o Google irá procurar

por este texto como se fosse único.


2.1.2 Busca Forçada

Quando queremos forçar a procura de determinada palavra de alguma frase, utilizamos do

operador de soma( + ). Esta busca serve para forçar alguns pronomes, preposições etc que

por serem muito freqüentes acabam sendo ignorados na hora da pesquisa. Por exemplo:

– como cozinhar uma feijoada

Esta busca retornaria um número maior de links em comparação à esta:

– +como cozinhar +uma feijoada.

Nesta, estaríamos forçando as palavras como e uma que são frequentemente usadas nos

textos, filtrando melhor nossa busca.

2.1.3 Busca Excluída

A busca excluída difere da busca forçada excluindo palavras que contenham na sua busca.

Temos como exemplo:

– Enearte -Aracaju

Nesta busca estamos excluindo tudo que tenha a palavra Aracaju nos resultados da busca

por Enearte.

2.1.4 Busca Dentro de Sites

O Google tem essa técnica super útil de pesquisa dentro do próprio site. Basta usar o o

operador site. Por exemplo:

– site:morganalacerda.wordpress.com google

Esta busca nos retornará todos os links relacionados a palavra google dentro do

morganalacerda.wordpress.com

2.1.5 Busca por Títulos de Páginas


Para se fazer uma pesquisa apenas nos títulos das páginas basta usar o operador intitle

assim como mostra o exemplo a seguir:

– intitle:Karin

Outro operador que podemos usar é o allintitle que faz uma procura por mais de uma

palavra. Ou seja, quando quisermos procurar por “Software Livre”, usamos o mesmo desta

maneira:

– allintitle:Software Livre

Semelhante a esta procura seria usar o operador intitle como segue no exemplo a seguir:

– intitle:Software intitle:Livre

2.1.6 Busca por Palavras nas URL`s

Inurl é o operador que usamos para encontrar qualquer palavra que esteja incluída na

própria URL de algum site. Usamos o mesmo junto com o operador site ou não. Por

exemplo:

– site:vivaolinux.com.br inurl:dicas

Nesta busca, o Google nos retornará todos os links refentes a palavra dica dentro do site do

Viva O Linux. Poderíamos procurar pela palavra dicas nas URL`s sem referência a algum site

apenas excluindo o operador site e a URL em seguida.

Temos também para uma procura dentro das URL`s o operador allinurl, que ajuda a

procurarmos por mais de uma palavra dentro das URL. Exemplo:

– allinurl:Viva O Linux
2.1.7 Busca Relacionadas

Ao utilizarmos do operador related, o Google nos retorna páginas que são relacionadas ou

semelhantes a que estamos indicando. Exemplo:

– related:google.com

Nesta busca, iremos receber resultados no qual o Google, nos retornará todos os links onde

ele pensa ser semelhante ao site do próprio Google.

2.1.8 Busca por MP3

O Google mais uma vez nos surpreende até na hora de procurarmos nossas músicas,

nossas tão amadas MP3`s. Basta apenas combinar alguns dos operadores do mesmo e

teremos uma vasta lista de links relacionados as músicas que procuramos. Segue alguns

exemplos de busca por MP3:

– -inurl:htm -inurl:html intitle:"index of" "Last modified" mp3 "madonna"

– "madonna" intitle:index.of mp3 -html -htm -php -asp -txt -pls

– intitle:index of+last modified+parent directory+description+size+(wma|mp3)

‘madonna’ -inurl:(htm|html|php)

– intitle:"index of" (mp3|mp4|avi) like.a.prayer -html -htm -pdf -asp -php -cf -jsp (Nesta

busca procuramos pela música Like a Prayer da Madonna e para melhorar procura

colocamos um ponto entre as palavras da música)

2.1.9 Busca por Extensão

Caso queiramos procurar um arquivo no formato PDF, usamos o operador filetype desta

maneira:

– linux filetype:pdf

Neste exemplo procuramos links refrentes a palavra linux com o formato PDF.
2.2.1 Busca por Conceito

Se por acaso não soubermos de fato o termo que estamos a procura no Google, basta

usarmos o operador define para definirmos o que procuramos. Por exemplo:

– define:Morugana

Após clicarmos no botão de pesquisa do Google, ele nos retornará o termo que queríamos

dizer. Neste caso, seria o nome Morgana.

2.2.2 Busca por Informação

Para termos uma pequena informação do site, ou seja sua definição, podemos utilizar do

operador info. Nossa pesquisa ficaria desta maneira:

– info:uol.com.br

2.2.3 Busca no Cache

A busca utilizando do operador cache é aquela na qual procuramos por algum site que já

tenha sido visitado por nós e o Google colocou no seu banco de dados. Utilizamos detsa

maneira:

– cache: wordpress.com

2.2.4 Busca usando Curinga

A busca curinga é aquela onde substituímos pelo * determinadas palavras, letras ou até

mesmo extensões. Se quisermos procurar por uma frase mas não sabemos o sujeito desta,

utilizamos deste operador. Por exemplo:

– “* fez curso de Linux”

O Google irá retornar nessa busca todos os sujeitos que venham agrupados com “fez curso

de Linux”.
2.2.5 Busca por âncora

Através do operador inanchor, achamos links onde a palavra que procuramos é usada como

âncora de texto. Exemplo:

– inanchor:uol

3. Curiosidades

Segue abaixo algumas curiosidades a respeito do Google:

I) O Google possui um bot chamado Googlebot


II) O nome da empresa seria Googol mas o empresário acabou que escreveu errado
ficando o nome Google
III) O Google usa o PageRank para determinar a relevância de uma página
IV) Quatro ex-funcionários do Google criaram o Cuil, mais uma concorrência para o
Google
V) O Google também faz cálculos e conversões. Basta por no Search por exemplo 4 * 5
ou um 18! Outro exemplo seria de transformar 8 hours in minutes, ele nos retorna o
valor de 8 horas em minutos
VI) Existe uma versão brasileira do Google toda preta, é o Google Black

4. Os serviços do Google

O Google é repleto de serviços maravilhosos que ajudam todos nós em várias atividades.

Consta nesta tabela alguns serviços do mesmo:

Google Scholar Google Maps Google Videos


Google Chrome Google Books Google Docs
Google Desktop Google Talk Google Groups
Google Earth Google Mail Google Agenda
iGoogle Google AdWords Google Suggest
Google Images Google Trends Google Webmaster Tools
Google Directory Google Blogs Picasa
Google Translate Google ToolBar Google Code
Google Transit Google Notebook Google New Alerts
Além destes serviços, o Google mantém muitos outros que ainda estão sendo estudados e

testados. Dentre estes serviços citados acima, temos alguns que ajudam ainda em nossas

pesquisas. São eles:

– Google Images

http://images.google.com.br/

O Google Images é um sistema de busca apenas para imagens. É muito útil se quisermos

procurar por fotos, logotipos etc

– Google Scholar

http://scholar.google.com.br/

O Google Scholar, conhecido como o Google Acadêmico nos traz diversos links de artigos,

monografias e tudo relativo ao meio acadêmico, sendo de bastante valor aos estudantes,

professores etc

– Google Books

http://books.google.com.br/

– Google Desktop

http://desktop.google.com/

O Google Desktop dispõe de uma barra de tarefas para sua área de trabalho e na mesma
nos traz um campo de pesquisa tanto na web como também no seu Desktop. O mesmo nos
retorna tudo que encontrar dentro do seu computador, como por exemplo fotos, arquivos de
texto etc

5. Referências

[1] http://pt.wikipedia.org/wiki/Google
[2] Segredos do Google, Tadeu Carmona ( e-Book )
[3] http://www.google.com/help/operators.html
[4] http://www.brasilseo.com.br/category/google.