Você está na página 1de 40

Universidade Estadual do Ceará

Faculdade de Filosofia Dom Aureliano Matos

Estatística descritiva

Apresentação da disciplina
Conceitos iniciais
Series e gráficos
Camila Raquel Câmara Lima
O que é a estatística
• A estatística é um conjunto de técnicas que permite, de forma
sistemática, organizar, descrever, analisar e interpretar dados
oriundos de estudos ou experimentos, realizados em qualquer área
do conhecimento.

• Pode-se dizer que seu objetivo é o de apresentar informações sobre


dados em análise para que se tenha maior compreensão dos fatos
que os mesmos representam.
Áreas da estatística
Estatística Descritiva
Se preocupa em descrever os dados.

Probabilidade
A teoria de probabilidades nos permite descrever os fenômenos aleatórios,
ou seja, aqueles em que está presente a incerteza.

Inferência estatística
Se preocupa com a análise destes dados e sua interpretação.
Estudo de técnicas que possibilitam a extrapolação, a um grande conjunto de
dados, das informações e conclusões obtidas a partir da amostra
Conceitos fundamentais
População:
 conjunto de elementos que tem pelo menos uma característica em comum.
 Esta característica deve delimitar corretamente quais são os elementos da população que podem
ser animados ou inanimados.

Exemplo:
Deseja-se saber se nas indústrias situadas no Estado do Rio Grande do Sul, em 2010, existia algum
tipo de controle ambiental.
População ou universo
indústrias situadas no Estado do Rio Grande do Sul em 2010.
Características - existência ou não de algum tipo de controle ambiental na indústria.

Deseja-se conhecer o consumo total de energia elétrica em Mwh nas residências da cidade de
Santa Maria – RS, no ano de 2010.
População ou universo
todas as residências que estavam ligadas à rede elétrica em Santa Maria -RS, no ano de 2010.
Características – consumo anual de energia elétrica em Mwh.
Amostra:
 subconjunto de elementos de uma população.
 Este subconjunto deve ter dimensão menor que o da população e seus
elementos devem ser representativos da população.

Exemplo:
Para se verificar a concentração de poluentes no ar de algumas casas noturnas,
é feita a verificação por um aparelho que testa uma pequena quantidade de ar

Censo: Coleção de dados relativos a todos os elementos da


população
Estatística: medida numérica que representa característica da
amostra

Parâmetro: medida numérica que representa característica da


população

Amostragem: técnicas de seleção de uma amostra


Variável:
 é a característica que vai ser observada, medida ou contada nos elementos da
população ou da amostra

discreta
quantitativa
contínua
Variável
ordinal
qualitativa
nominal
 Variável qualitativa: é uma variável que assume como possíveis
valores atributos ou qualidades. Também são denominadas variáveis
categóricas.

Variável qualitativa nominal:


é uma variável que assume como possíveis valores, atributos ou qualidades e
estes não apresentam uma ordem natural de ocorrência.
Exemplo: sexo biológico, cor preferida, religião, raça.

Variável qualitativa ordinal:


é uma variável que assume como possíveis valores atributos ou qualidades e
estes apresentam uma ordem natural de ocorrência.
Exemplo: grau de instrução, colocação em um concurso, grau de satisfação da
população brasileira com relação ao trabalho de seu presidente
 Variável quantitativa: é uma variável que assume como possíveis
valores, números.

Variável quantitativa discreta:


é uma variável que assume como possíveis valores números, em geral inteiros,
formando um conjunto finito ou enumerável.
Exemplo: número de reprovações, número de filhos.

 Variável quantitativa contínua:


é uma variável que assume como possíveis valores números, em intervalos da
reta real e, em geral, resultantes de mensurações.
Exemplo 04: peso (quilogramas), altura (cm)
Fases do método estatístico

Definição do problema

Planejamento

Coleta dos dados

Crítica aos dados

Apresentação dos dados

Análise de interpretação
 Definição do problema
Saber exatamente aquilo que se pretende pesquisar é o mesmo que
definir corretamente o problema.
Hipótese inicial

 Planejamento
consiste em planejar o modo como serão realizadas as fases
seguintes, determinando o objetivo da pesquisa e os métodos que
serão utilizados.
Nessa etapa são definidos os objetivos, as características da amostra,
o método de aquisição e de processamento de dados.
 Coleta de dados
fase operacional.
É o registro sistemático de dados, com um objetivo determinado.
Direta ou indireta

 Crítica aos dados


 análise de consistência

 Apresentação dos dados


a apresentação tabular, que é uma apresentação numérica dos dados em
linhas e colunas distribuídas de modo ordenado, segundo regras práticas
fixadas pelo Conselho Nacional de Estatística;
a apresentação gráfica dos dados numéricos, que constitui uma
apresentação geométrica que permite uma visão rápida e clara do
fenômeno.
 Análise e interpretação dos dados

Está ligada essencialmente ao cálculo de medidas e coeficientes cuja


finalidade principal é descrever o fenômeno.
Séries estatísticas
Define-se como toda e qualquer coleção de dados estatísticos referidos a uma mesma
ordem de classificação quantitativa.

Uma sequencia de números que se referem a uma certa variável

As séries estatísticas consistem na apresentação das informações (variáveis estatísticas)


em formas de tabelas, objetivando sintetizar os dados estatísticos observados tornando-
os mais compreensivos.

O título deve conter o suficiente para compreender os seguintes elementos


fundamentais:
 Fato – fenômeno observado
 Espaço Geográfico – local ou região onde o fato ocorreu
 Época – refere-se a data ou ao tempo em que o fato foi observado
 Série temporal, cronológica, evolutiva ou histórica
É a série estatística em que os dados são observados segundo a época
de ocorrência . O tempo é variável e o fato e o local são fixos.
 Série geográfica ou de localização
É a série em que os dados são observados segundo a localidade de
ocorrência. O local varia e o tempo e o fato são fixos.
 Série Específica
Os dados são agrupados segundo a modalidade de ocorrência. Fato
variável, tempo e local fixos.
Série mista
É uma combinação de duas ou mais dos 3 tipos de séries anteriores
Tabelas
 Recomendações preliminares

 A tabela deve ser simples


 Auto-explicativa
 Nenhuma casela deve ficar em branco
 Se houver mais de uma tabela, deverão receber numeração
 As colunas externas não devem ser fechadas
 Deverá ser mantida uniformemente quanto ao número de casas decimais
 Totais e subtotais destacados
 Deve se maior no sentido vertical do que horizontal
Partes principais de uma tabela

 Corpo: conjunto de informações horizontais e verticais


 Coluna indicadora: designação do conteúdo da linha
 Cabeçalho: indica o conteúdo de cada coluna
 Casa/casela: divisões que aparecem no corpo da tabela

Partes secundárias de uma tabela

 Rodapé: espaço na parte inferior destinado a informações necessárias


referente aos dados
 Fonte: entidade responsável pela elaboração da tabela
 Notas: colocada depois da fonte. Tem caráter geral.
 Chamadas: tem caráter particular.
Sinais convencionais:

 -: dado não existe/ valor zero


 0: valor muito pequeno
 ...: quando não tem o dado
 x: dado confidencial
 ?: não tem certeza da informação
Gráficos
 A representação gráfica dos dados estatísticos tem por objetivo
apresentar de forma rápida e concisa os resultados obtidos,
permitindo-se chegar a conclusões sobre a evolução do fenômeno ou
sobre como se relacionam os valores da série.
 Gráfico em Colunas ou Barras
Os dados são representados através de retângulos dispostos
verticalmente (colunas) ou horizontalmente (barras).
 Para o gráfico em colunas apresente a variável no eixo das abscissas e
as frequências no eixo das ordenadas.
 Para o gráfico em barras apresente a variável no eixo das ordenadas e
as frequências no eixo das abscissas.
 Para representar a variável construa colunas com bases de mesma
largura mas alturas iguais as respectivas frequências.
 Gráfico de Setor:
 É a representação gráfica dos dados estatísticos em um círculo através de
setores .
 As áreas são proporcionais aos valores da série.
 O círculo é dividido em setores cujas áreas são proporcionais aos
valores da série.
 O ângulo de cada setor é dado por:
 Gráfico de Linha:
 Utilizado usualmente para verificar o comportamento de uma
determinada variável ao longo do tempo.
 O eixo x representa anos, meses, semestres, entre outros.
 Gráfico de dispersão

 Gráficos de dispersão mostram as relações entre os valores numéricos


em várias sequências de dados ou plotam dois grupos de números
como uma sequência de coordenadas XY.

 Um gráfico de dispersão tem dois eixos de valores, mostrando um


conjunto de dados numéricos ao longo do eixo horizontal (eixo X) e
outro ao longo do eixo vertical (eixo Y)
Histograma
 É a representação gráfica de uma distribuição de frequência por meio de
retângulos justapostos
Exercícios de fixação
1. População ou Universo é:

a. Um conjunto de pessoas
b. Um conjunto de elementos quaisquer
c. Um conjunto de pessoas com uma característica em comum
d. Um conjunto de elementos com pelo menos uma característica em
comum
2. A parte da estatística que se preocupa somente com a descrição de
determinadas características de um grupo, sem tirar conclusões sobre
um grupo maior denomina-se:

a. Estatística de população
b. Estatística de amostra
c. Estatística de inferencial
d. Estatística de descritiva
e. Estatística de grupal
3. Classifique as variáveis em qualitativa nominal, qualitativa ordinal,
quantitativa discreta, quantitativa contínua:

A temperatura diária para o mês de junho


Quantitativa contínua

Os cinco primeiros times de futebol segundo pesquisa


Qualitativa ordinal

Os comprimentos de uma amostra de peixe jaraqui capturados nas águas do rio


Amazonas.
Quantitativa contínua

Número de casos notificados de COVID diariamente


Quantitativa discreta
Cor dos olhos
Qualitativa nominal

Número de alunos de uma escola


Quantitativa discreta

Área de um círculo
Quantitativa contínua

4. Uma pesquisa educacional procura determinar a eficácia de um novo método de


alfabetização de adultos. Terminado o período de ensino, o rendimento é medido pelos
resultados obtidos pelos alunos na leitura de um texto.

Descreva a população de interesse


Estudantes adultos em alfabetização
5. O gráfico mais comumente utilizado quando se deseja evidenciar a
participação de um dado em relação ao total é denominado:

a. Gráfico em barras
b. Gráfico em colunas
c. Gráfico em setores
d. Gráfico decorativo
e. Gráfico pictograma
6. Identifique o tipo de série e construa um gráfico para representá-la

Você também pode gostar