Você está na página 1de 10

Principais Vícios de

Linguagem
VÍCIOS DE LINGUAGEM

Ao contrário das figuras de linguagem, que


representam realce e beleza às mensagens
emitidas, os vícios de linguagem são palavras
ou construções que vão de encontro às
normas gramaticais.

Os vícios de linguagem costumam ocorrer


por descuido, ou ainda por desconhecimento
das regras por parte do emissor.
BARBARISMO
É o desvio relativo à palavra. É quando
grafamos ou pronunciamos uma palavra que
não está de acordo com a norma culta.
Pode ser:
Pronúncia
- Pograma (o certo seria programa)
- Rúbrica (o certo seria rubrica)

Grafia
- Advinhar (o certo seria adivinhar)
- Seguimentos (o certo seria segmentos)
- Maizena (o certo seria maisena)
BARBARISMO
Morfologia
- Quando eu pôr o vestido (o certo seria puser)

Semântica
- Assim que chegaram à metrópole, absolveram
a poluição (o certo seria absorveram)

Estrangeirismos
- Show, menu, know-how, hall.
SOLECISMO
É o desvio em relação à sintaxe. Pode ser:
De concordância
- Haviam pessoas. (o certo seria havia)
- Fazem dois meses. (o certo seria faz)
- Faltou muitos alunos. (o certo seria faltaram)
De regência
- Obedeça o chefe. (o certo seria ao chefe)
- Assisti o filme. (o certo seria ao filme)
De colocação
- Tinha ausentado-me.
- Não espere-me.
CACÓFATO
É o som formado pela junção de duas palavras dando
origem a uma terceira palavra.
Marcha do remador (Chiclete Com Banana)

É bangulê, dum, dum... É demais Nana Banana


Olhe o batom na boca dela
A boca dela tem sabor, Nana Banana
Se eu pudesse amá-la-ia
Mas não posso amar ela sem amor
Meu amor por ti gela, por ti gela
Ela sempre me gelou, Nana Banana
Hoje eu sei que amo ela, amo ela
Como é grande esse amor,
Com seu jeito de menina
Tinha muita adrenalina, quero mais
Eu vi ela e ela tinha dado um beijo
Havia dado e o cara era o professor
Se a canoa não virar, olê, olê, olá
Eu chego lá
A Marcha Do Remador.mp3
ECO

Repetição desagradável de terminações iguais.

-Vicente já não sente dores de dente tão fre-


quentemente como antigamente quando estava
no Oriente.

-Maria dizia que preferia a padaria da Luzia.

OBS: O eco na prosa é considerado um vício,


um defeito. Já na poesia é o fundamento da
rima.
HIATO
Aproximação de vogais idênticas

-Traga a água.
- Trago o ovo.

AMBIGUIDADE
É o duplo sentido.

- O cachorro do seu irmão avançou sobre o


amigo. (“cachorro” refere-se ao animal
irracional ou ao irmão?)
-
PRECIOSISMO
Exagero da linguagem.

- Na pretérita centúria, meu progenitor


presenciou o acasalamento do astro-rei com a
rainha da noite.
(ou seja: No século passado, meu avô presenciou
um eclipse solar.)

ARCAISMOS
Uso de expressões que caíram em desuso.
- Brotinho (moça bonita e jovem)
PLEBEÍSMO
Qualquer desvio que caracteriza a falta de
instrução.

As gírias são um bom exemplo de plebeísmo.

PLEONASMO VICIOSO
Repetição desnecessária de uma expressão.

Tautologia ou Pleonasmo.flv

Você também pode gostar