Você está na página 1de 7

Condições que permitem a existência de vida na Terra A atmosfera passa a ter uma composição semelhante à da atualidade, o que permitiu o

A órbita da Terra localiza-se numa zona suficientemente próxima do Sol para que tenha uma aparecimento dos seres vivos terrestres
temperatura média moderada à sua superfície. Pode assim concluir-se que a distância ao Sol é um Evolução da biodiversidade
fator importante para a existência de vida na Terra. A vida evolui e diversifica-se até à atualidade
A massa da Terra é responsável pela sua gravidade. Esta é suficiente para atrair e reter uma
atmosfera que envolve todo o planeta.
Campo magnético, serve de escudo contra as partículas emitidas pelo Sol - ventos solares. A EVOLUÇÃO DA ATMOSFERA TERRESTRE
A atmosfera sofreu transformações ao longo do tempo geológico. Tornou-se mais
Resumindo, AS CONDIÇÕES QUE PERMITEM A VIDA NA TERRA SÃO: transparente, aumentando a luminosidade solar.
A quantidade de dióxido de carbono tornou-se residual e a temperatura global baixou.
1º Distância da Terra ao Sol:
Com o aparecimento dos seres fotossintéticos, a atmosfera foi enriquecida em oxigénio.
➜ Permite uma temperatura amena.
O enriquecimento da atmosfera em oxigénio levou à formação da camada de ozono, que
➜ Possibilita a existência de água nos três estados (sólido, líquido e gasoso).
filtrou as radiações solares nocivas e permitiu a conquista do meio terrestre.
2º Massa que retém uma atmosfera
➜ Constituída por nitrogénio, oxigénio, vapor de água, dióxido de carbono, entre outros. A IMPORTÂNCIA DO EFEITO DE ESTUFA
➜ Existência de uma camada de ozono que protege da radiação nociva. A presença de gases na atmosfera, como o dióxido de carbono, o metano e o vapor de
➜ Efeito de estufa moderado. água, com capacidade para reter calor, tornou a superfície da Terra num lugar confortável
para a vida. Este fenómeno designa-se efeito de estufa.
3º Substrato rochoso O efeito de estufa, quando decorre de processos naturais, é responsável por uma
retenção moderada de calor, sendo indispensável à sobrevivência da vida na Terra.
➜ Funciona como suporte à vida.

4º Campo magnético O que é um sistema?


➜ Serve de escudo contra partículas do sol. • Conjunto de elementos que se relacionam entre si.
• Qualquer parte do Universo é um sistema: um átomo, uma célula, um ser vivo,
um planeta...
Como evoluiu o planeta de modo a permitir a vida na Terra?
Formação da Terra:
Na fase inicial da Terra a superfície encontrava-se coberta de lavas devido à intensa atividade
vulcânica.
Arrefecimento e solidificação da superfície terrestre e formação dos oceanos:
1º O planeta arrefeceu; Onde é que encontramos os ecossistemas?
2º A superfície rochosa solidificou; Os ecossistemas encontram-se em todos os subsistemas da Terra.
3º O vapor de água existente na atmosfera condensou e precipitou formando os oceanos
onde se formou matéria orgânica.
Que subsistemas formam o sistema Terra?
Redução da atividade vulcânica e aparecimento dos primeiros seres vivos Sistema Terra = subsistema hidrosfera + subsistema atmosfera + Subsistema geosfera+
Os primeiros seres vivos surgiram nos oceanos a partir de matéria orgânica subsistema biosfera É UM SISTEMA DINÂMICO
Evolução da vida nos oceanos
Aparecimento dos primeiros seres fotossintéticos que vão alterar a composição da
atmosfera
Formação da camada de ozono e aparecimento dos seres vivos terrestres
Como é composta a hidrosfera? Interações entre os subsistemas da Terra
• Subsistema que inclui toda a água no estado líquido (oceanos, mares, lagos,
águas subterrâneas, etc.) e no estado sólido (glaciares e calotes polares) que Exemplos:
encontramos no planeta Terra. • Interação entre a geosfera e atmosfera:
Quando ocorre uma erupção vulcânica há libertação de gases.
Qual é a importância da hidrosfera?
A água é essencial para a existência e manutenção da vida no planeta Terra. • Interação entre a biosfera e a geosfera:
Os restos das plantas, ao abrigo do ar, podem ser transformados em carvões.
Como é composta a atmosfera?
• Subsistema formado pela camada gasosa que envolve a Terra.
• Interação entre a atmosfera e a geosfera:
• Composta por uma mistura de gases, sendo o vapor de água, azoto, oxigénio e
Os agentes atmosféricos podem provocar a erosão das rochas.
dióxido de carbono os mais abundantes.

• Interação entre a biosfera e a atmosfera:


Qual é a importância da atmosfera?
A respiração e a fotossíntese dos seres vivos.
• Reservatório de gases essenciais à vida.
• Proteção de radiações oriundas do Sol e Cosmos.
Resumindo:
• Regulação térmica, pelo efeito de estufa.

O que é a biosfera?
• Subsistema que engloba todos os seres vivos e os ambientes onde eles
habitam.
• A Terra é o único planeta do Sistema Solar com vida conhecida, representada por
uma elevada biodiversidade.

Como é composta a geosfera?


• Subsistema formado pelas várias camadas que constituem o globo terrestre, da
superfície até ao seu interior (litosfera, astenosfera, mesosfera, núcleo externo e
núcleo interno).
• As rochas e os solos fazem parte da geosfera.

Qual é a importância da geosfera?


• Constitui o substrato sobre o qual se desenvolvem e movimentam as diversas
formas de vida.
• Habitat de inúmeras espécies.
• Reservatório e fonte de elementos químicos essenciais à vida.
Como surgiu a vida na Terra?

Que dificuldades existem na formulação de uma teoria explicativa da origem da


Teorias explicativas da origem da vida e respetivos argumentos
vida na Terra?
• Assunto que permanece controverso, sendo alvo de diferentes hipóteses
explicativas.

• Principais dificuldades:

• Impossível recuar no tempo para observar o processo.

• Registo fóssil insuficiente.

• Incerteza sobre alguns aspetos do ambiente na Terra primitiva.

Que hipóteses surgiram para explicar a origem da vida ao longo do tempo?

Teorias sobre a origem da vida

A teoria da “Sopa primordial”:


• A vida surgiu nos oceanos primitivos, com a formação de moléculas orgânicas

A teoria da panspermia:
• A vida surgiu devido à contaminação extraterrestre de moléculas orgânicas,
trazidas pelos meteoritos.

A teoria dos sistemas hidrotermais: Solos e biodiversidade


• A vida surge devido às altas temperaturas e nutrientes que poderão formado
moléculas orgânicas e desenvolvimento de seres vivos. O que é o solo?
O solo, a camada superficial da Terra, é um dos principais suportes da vida.
A sua espessura, composição e propriedades variam muito. As suas funções são
essenciais ao funcionamento do planeta como um sistema.

Como se forma e transforma o solo?


• Processo muito lento (milhares ou até milhões de anos)
• Alteração física e química das rochas
• Desagregação dos minerais constituintes
• Transformação dos minerais e libertação dos seus componentes químicos
Composição do solo Influência do clima no tipo de solos
As condições climáticas dos climas temperados permitem a formação de solos férteis,
com camadas espessas de húmus.

Nas zonas tropicais, a produção de húmus é baixa e a chuva arrasta os nutrientes.

Nos desertos, o solo arenoso é muito permeável e pobre em matéria orgânica.

Qual é a unidade básica de todos os seres vivos?


Todos os seres vivos são constituídos por células, as unidades básicas da vida.

A célula foi observada pela primeira vez, por Robert Hooke, em 1665, quando estudava
a cortiça ao microscópio.
O solo é constituído por:
✓ uma parte mineral, isto é, por pequenos fragmentos que provêm da
desagregação das rochas e por sais minerais;

✓ uma parte orgânica, formada por folhas, ramos, troncos e restos de animais em
decomposição devido à ação de bactérias e de fungos, que se chama húmus e do
qual depende a fertilidade do solo;

✓ O solo também é constituído por água e por ar, que ocupam os espaços entre as
suas partículas. Como se caracterizam os seres vivos quanto ao número de células que os
formam?

Funções do solo Seres vivos

✓ um substrato de fixação e crescimento das plantas que dele retiram água e sais
minerais.

✓ responsável pela reciclagem de detritos orgânicos e pelo armazenamento de Unicelulares Pluricelulares


nutrientes.

✓ Responsável pelo fluxo de água que alimenta os reservatórios subterrâneos.


Formados por uma Formados por várias
o habitat de numerosos seres vivos. única célula, que células, que
assegura todas as desempenham funções
funções. diversificadas.
Quais são os dois grandes tipos de células existentes?
Células procarióticas e células eucarióticas.

Os tipos de células

Como se distinguem as células procarióticas de células eucarióticas?


As células procarióticas são as mais simples pois não apresentam núcleo
individualizado.

As células eucarióticas são mais complexas, apresentam um núcleo e numerosos


organelos no citoplasma.
Teoria Celular
BIODIVERSIDADE
Todos os seres vivos são formados por células.
Enorme variedade de formas vivas.
Todas as células têm origem em outras preexistentes.
A biodiversidade é a grande variedade de seres vivos que vive num determinado
ambiente. Os seres vivos ocupam uma diversidade de espaços físicos, interagem entre si
e com o meio, formando ecossistemas.

Quais são os níveis de organização biológica dos seres vivos?

A biodiversidade está organizada segundo níveis de complexidade crescente, do


átomo até à biosfera.

Níveis de organização biológica: átomo


• É uma estrutura na qual a matéria é organizada no mundo físico ou na natureza.

Níveis de organização biológica: macromolécula


• Molécula orgânica de grandes dimensões. Ex.: DNA, proteínas, etc

• A molécula é segunda menor unidade estrutural de uma substância. Ela formada


por dois ou mais átomos
Níveis de organização biológica: organelo Níveis de organização biológica: ecossistema
• Localizados no citoplasma da célula onde ocorrem processos bioquímicos • Conjunto formado pela comunidade e o seu biótopo, no qual se consideram os
específicos e/ou armazenamento de substâncias, Ex.: mitocôndria. fatores abióticos, como a água, a luz, o solo e a temperatura.

Níveis de organização biológica: célula Níveis de organização biológica: biosfera


• Unidade básica – estrutural, funcional e reprodutora – de todos os seres vivos. • Conjunto dos seres vivos e dos ambientes onde eles vivem.

Níveis de organização biológica: tecido Biodiversidade | Níveis de organização biológica


• Conjunto de células semelhantes que desempenham uma(s) determinada(s) Os seres vivos organizam-se em níveis de crescente complexidade estrutural e
função(ões). Ex.: tecido adiposo (conjunto de células adiposas que produzem e funcional: Célula, Tecido, Órgão, Sistema e Organismo.
armazenam gordura).

Níveis de organização biológica: órgão


• Conjunto de diferentes tecidos, organizados na construção de uma estrutura,
visando o desempenho de uma dada função. Ex.: fígado.

Níveis de organização biológica: sistema


• Conjunto de órgãos organizados para o desempenho de uma função do
organismo. Ex.: digestão.

Níveis de organização biológica: organismo


• Nível hierárquico anterior à espécie.
• Constituído por sistemas de órgãos, como, por exemplo, o sistema digestivo e o
sistema nervoso.
Espécie
• Conjunto de organismos geralmente semelhantes que, quando cruzados entre si,
originam descendência fértil.

Níveis de organização biológica: população


• Conjunto de seres vivos da mesma espécie que vivem no mesmo local e no
mesmo período.

Níveis de organização biológica: comunidade


• Conjunto das populações de seres vivos que interagem entre si num
determinado habitat, num dado ecossistema.