Você está na página 1de 4

DMA –IMECC – UNICAMP

MATRIZES 1o Sem / 2016


Prof. ROBERTO ANDREANI DCCE – Sala 143

LISTA DE EXERCÍCIOS 1

1. Seja k · k uma norma em IRm×n não necessariamente consistente. Baseado no fato


de que todas as normas em IRm×n são equivalentes à norma infinito, isto é, existem
α, β ∈ IR+ tais que αkAk∞ ≤ kAk ≤ βkAk∞ , mostre que existe γ ∈ IR+ tal que
γk · k é uma norma consistente.

n
X
m×n
2. Sejam A, B, C ∈ IR com C = AB − BA. Mostre que cii = 0.
i=1

3. Sejam k · k uma norma induzida em IRn×n e 0 6= y ∈ Rm . Defina para todo


x ∈ IRn , kxky = kyxT k. Mostre que k · ky é uma norma.

4. Sejam A ∈ IRn×n não singular e E = αA com α ∈ IR. Sejam x, y, b ∈ IRn tais


|α|
que Ax = b e (A + E)y = b. Mostre que kx − yk ≤ kxk. Para que valores de
|1 + α|
α é possível garantir que kyk ≤ 1.5kxk?

5. Sejam A ∈ IRn×n uma matriz singular, b ∈ IRn , {Ak } ⊂ IRn×n uma seqüência
de matrizes não singulares com lim Ak = A e {xk } ⊂ IRn a seqüência das soluções
k→∞
dos sistemas lineares Ak xk = b. Mostre ou dê um contra-exemplo para a seguinte
afirmação: a seqüência {xk } converge.

q q
6. Seja A ∈ IRn×n mostrar que, kAkF = tr(AAH ) = tr(AAH )
7. Seja Q ∈ IRn×n e A ∈ IRn×n , ortonormal provar que
(a) kQk2 = 1
(b) kQxk = kxk
(c) kQAk = kAk
(d) kQAkF = kAkF
8. Seja B ∈ IRm×n uma submatriz de A ∈ IRn×n com m ≤ n. Denotemos por K o
número de condição. Mostre ou dê um contra-exemplo para as seguintes afirmações:
(i) K(B) ≤ K(A); (ii) K(B) ≥ K(A).

A + AT
9. Mostre que A∗ = é a matriz simétrica mais próxima de A ∈ IRn×n na
2
norma de Frobenius.

qP
n 2
10. Seja kxkw = i=1 (wi xi ) , com wi > 0 para todo i = 1, . . . , n, provar que k.kw
é uma norma.

11. Seja P ∈ IRn×n tal que kP k∞ < 1 provar que:


n
(−1)n P i = B
X
lim
n→∞
i=0

onde B = (I + P )−1

12. Provar que


(a) kxk2 ≤ kxk1 ≤ nkxk2


(b)kxk∞ ≤ kxk2 ≤ nkxk∞

(c) kxkinf ty ≤ kxk1 ≤ nkxk∞

13. Provar a desigualdade de Holder para p = 2.


14. Provar ou dar um contraexemplo

n 1+ n
v ∈ IR ⇒ kvk1 kvk∞ ≤ kvk2
2

IRn×n provar que


(a) kAk2 ≤ kAkF ≤ nkAk2


(b) maxi,j |aij | ≤ kAk2 ≤ mn maxi,j |aij |

Pm
(c) kAk1 = max1,...,n i=1 |aij |

Pn
(d) kAk1 = max1,...,m i=1 |aji |


(e) √1 kAk∞ ≤ kAk2 ≤ mkAk∞
n


(f) √1m kAk1 ≤ kAk2 ≤ nkAk1

16. A inversivel, provar

(a) Kp (A) = Kp (A−1 )

(b) Kp (rA) = Kp (A)

(c) Kp (I) = 1

(d) Kp (A) ≥ 1
maxkxkp =1 kAxkp
(e) Kp (A) = minkxkp =1 kAxkp

(f) K∞ (A) = K1 (AT )

(g) Se A = [a1 , a2 , . . . , an ],
kai kp
Kp (A) ≥ max
i,j kaj kp

Você também pode gostar