Você está na página 1de 13

1

SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO


SERVIÇO SOCIAL

xxxxxxxxxxxxx

PROJETO DE INTERVENÇÃO
CUIDANDO PARA GESTAR

Arapiraca / AL
2018
xxxxxxxxxxxxxxxxxxx
2

PROJETO DE INTERVENÇÃO
CUIDANDO PARA GESTAR

Trabalho apresentado a disciplina Estágio em Serviço


Social II, do Curso de Serviço Social, da Universidade
Norte do Paraná - UNOPAR, como requisito parcial para
a obtenção de média bimestral na disciplina de: Estágio
em Serviço Social II

Professores:
Adarly Rosana Moreira Goes

Arapiraca- AL
2018
3

SUMÁRIO

1. APRESENTAÇÃO 4

2. JUSTIFICATIVA 6

3. OBJETIVOS 7

3.1. Geral 7

3.2. Específicos 7

4. PÚBLICO ALVO 8

5. METAS 8

6. METODOLOGIA 9

7. RECURSOS HUMANOS 9

8. PARCEIROS 9

9. AVALIAÇÃO 10

10. CRONOGRAMA 11

11. REFERÊNCIAS12
4

1. APRESENTAÇÃO

O aludido projeto visa fornecer informações, tirar dúvidas e orientar


as mulheres grávidas, para que estas se sintam amparadas e seguras com o
advento do seu bebê. O trabalho foi efetuado no espaço da Unidade Mista Nossa
Senhora das Graças, situada na Vila Operária, em Teotônio Vilela - AL
A Unidade Mista Nossa Senhora das Graças (UMNSG) de Teotônio
Vilela - AL é um estabelecimento cuja natureza é típica a de um Hospital Geral, seu
nascedouro se deu em 16 de maio de 1992 por intermédio do documento
‘Diagnóstico das condições de vida’ de autoria do Médico Walter Miranda em
parceria com a FSESP. Situada na Vila Operaria, S/N – Centro, Teotônio Vilela – AL.
A mesma foi edificada para auxiliar no atendimento urgência e
emergência do município, posto que, outrora sofria com a escassez de profissionais
médicos para suprir a demanda de uma população na época estimada em 29.670
mil habitantes. Em tempos hodiernos há população é de 44 mil habitantes segundo
(IBGE/10).
A gravidez impõe grandes demandas ao corpo de uma mulher o que
representa uma carga psíquica, somática e muitas vezes também social. A
experiência de uma mulher é individual e depende de vários fatores e circunstâncias
que afetam a saúde e a qualidade de vida delas em vários graus. A avaliação da
qualidade de vida está atualmente se tornando uma área interdisciplinar
relativamente separada. A qualidade de vida inclui vários aspectos, como saúde,
conforto físico e dimensão mental e social.
Embora cada mulher reaja de maneira diferente à gravidez, em
geral, alguns desconfortos físicos e emocionais, como ansiedade e ansiedade, são
recorrentes para as mulheres que passam por esse processo. Noventa por cento
das mulheres grávidas têm desconforto estomacal e intestinal.  Para reduzir estes
sintomas negativos, recomenda-se que a mãe pode ser adequadamente alimentada
seguindo um conselho de uma dieta nutricionista, e realizar atividade física em uma
base regular, pelo menos uma hora por dia, acompanhado por um profissional
especializado em educação física.
5

O acompanhamento pré-natal é de suma importância para


acompanhar a evolução da gravidez, pois garante uma gestação saudável para a
mãe e o bebê e um parto mais formidável. Com ele, é factível fazer
acompanhamento do desenvolvimento do feto e, caso haja algum problema, que
seja avistado preliminarmente. No caso das mães, problemas que podem florescer,
tais como, diabetes gestacional e pré eclampsia, podem serem controlados.
O pré-natal pelo SUS é um direito resoluto da gestante, que deve
efetuar um mínimo de 6 consultas no Posto de Saúde, acompanhamento todos os
meses enleado para desenvolvimento da gravidez, fazer exames de urina, de
sangue, HIV, hepatite, toxoplasmose e dentre outros exames preventivos, além de
aferir a pressão arterial, peso, diâmetro da barriga e ouvir o coração do bebê, etc.
Na maternidade a mãe é orientada sobre que tipo de cuidados
precisa ter para com relação o recém-nascido e ao aleitamento materno e suas
vantagens. É sabido que o leite materno é um alimento indispensável e de grande
importância até os primeiros 6 meses de vida. Visto que o mesmo propicia um
desenvolvimento saudável, fortalecendo o sistema imunológico da criança contra
quaisquer doenças, como também serve de estímulo para que o cérebro possa se
desenvolver se adaptando as devidas necessidades demandadas através do
crescimento da criança.
Isto posto, torna-se factível a importância de se buscar um espaço
onde possa ser viável efetuar um trabalho para solucionar dúvidas, debater questões
relevantes, fortificar e amparar a nova mãe é de grande importância, pois assegura a
qualidade de vida da gestante e da hodierna vida que está sendo formada.
6

2.JUSTIFICATIVA

A gestação é um momento que cinge grandes mudanças


biopsicossociais, ou seja, há transformações não só no organismo da mulher, mas
também no seu bem-estar, o que altera seu psiquismo e o seu papel sócio familiar.
O vigor das alterações psicológicas dependerá de fatores familiares, conjugais,
sociais, culturais e da personalidade da gestante. E nesse período deve-se ter em
vista não apenas a mulher, mas também o seu cônjuge e o seu espaço social
imediato. (Soifer,1992).
Para que haja uma gestação tranquila e voltada para a segurança do
bebê, é crucial que a futura mãe tenha alguns cuidados necessários, tais como:
Realizar o acompanhamento pré-natal e aderir um estilo de vida saudável, abstendo-
se do consumo de bebidas alcoólicas e cigarros, são alguns desses hábitos. A
gravidez é um período em que acontece mudanças na vida da mulher, não só
apenas no corpo, mas especialmente hormonais, sociais e familiares.
É sabido que a mulher está mais vulnerável com essas mudanças e
necessita de um trabalho de acolhimento, um espaço onde se possa tirar dúvidas,
esclarecer informações sobre direitos, saúde e cuidados tanto para a gestante
quanto para o recém-nascido e a troca de experiências.
Outro ponto de observação é afastar-se de situações de pleno
estresse, que podem acarretar num parto prematuro e agravar casos de hipertensão
e diabetes. Tendo os devidos cuidados auxilia a garantir melhor bem-estar e saúde
para a mãe e o bebê no período da gestação. A realização de diferentes exames
também é de suma importância na trajetória da gravidez.
Sabe-se que existe os testes obrigatórios, que toda mulher grávida
deve fazer, e os específicos, requisitados nos casos de risco, como mulheres acima
dos trinta e cinco anos, com histórico de doenças genéticas ou problemas como
diabetes e hipertensão. No grupo de gestantes assistidas pela Unidade Mista Nossa
Senhora das Graças (UNMSG) participam mulheres que passaram ou estão
passando por algum cenário ou situação de risco e este é o recinto excelente para o
diálogo.
7

O assistente social na esfera da saúde tem o papel de intervir junto a


fenômenos socioculturais e econômicos que afligem a eficiência dos programas e
serviços fornecidos no campo da saúde, nas camadas de promoção, proteção e/ou
recuperação da saúde (PEREIRA, 1982).
Portanto, o interesse voltado a temática se aflorou através de
experiência pessoal, por meio do processo gravídico e como expectadora de outros
processos que permeiam a parturição, onde foi possível notar de forma objetiva
uma clara desvalorização dos sentimentos, angústias, medos e incertezas que as
mulheres no geral vivenciam neste percurso, em particular as primigestas que
carregam suas ânsias, incertezas no tocante ao que irá acontecer, sem a devida
oportunidade de serem protagonistas neste momento ímpar de suas vidas.
Em meio a esse panorama, surge a ideia em implantar um projeto de
intervenção de cunho intersetorial voltado a atender os anseios das gestantes
usuárias dos serviços da Unidade Mista Nossa Senhora das Graças. Com isso,
almeja-se edificar parceira com órgãos Municipais e Núcleos de Apoio à Saúde
visando demostrar a relevância do apoio e da participação factual de um
acompanhamento profissional para as gestantes.

3. OBJETIVOS

3.1 GERAL

O objetivo do referido projeto é desenvolver um trabalho


psicossocial, visando um atendimento holístico, orientar e apoiar às mulheres
grávidas no percurso da gravidez propiciando as mesmas e suas famílias uma
melhor qualidade de vida.

3.2 ESPECÍFICOS

 Criar um espaço de compartilhamento de informações e reflexões


acerca das; mudanças ocorridas na gestação;
8

 Orientar, esclarecer, amparar e promover autoconfiança e bem-


estar das gestantes e seus familiares;

 Informar sobre a influência da alimentação da mãe no


metabolismo do bebê;

 Orientar sobre a importância da amamentação e os cuidados com


o bebê;

 Conscientizar as gestantes da importância de uma gestação


saudável.

4. PÚBLICO ALVO

Todas as gestantes inseridas no espaço de abrangência da Unidade


Mista Nossa Senhora das Graças, independentemente da idade.

5. METAS

O aludido projeto tem como meta abarcar todas as gestantes


independentemente de idade, assistidas pela Unidade Mista Nossa Senhora das
Graças no município de Teotônio Vilela – AL, suas metas principais são:

 Consciencializar as gestantes no tocante a relevância de uma


gestação saudável propiciando-lhes melhor qualidade de vida;
 Reforçar junto aos profissionais da rede de proteção e a
comunidade sobre a importância de uma assistência integral as
gestantes, importância da amamentação e cuidados com o
bebê;
 Desprender a autoestima das gestantes e seus familiares;
 Colaborar para a conservação da sociabilidade.
9

6. METODOLOGIA

De início foi feita uma pesquisa com a Assistente Social da Unidade


Mista Nossa Senhora das Graças de Teotônio Vilela – AL em conjunto com a
coordenadora do Espaço Vida, (Unidade Ambulatorial específica, integrada e
multiprofissional para atender, orientar e acompanhar às gestantes, os bebês e às
Puérperas).
O projeto será executado por intermédio de palestras, debates;
reflexão, oficinas temáticas, folders sobre amamentação, qualidade de vida da
gestante e do bebê no período gestacional, dinâmicas de grupo, cujo propiciará o
intercâmbio a troca de experiências, de informações, de ideias e a resolução de
dúvidas concernentes a temática.

7. RECURSOS HUMANOS

 Assistente Social (Supervisora de campo);


 Estagiária em Serviço Social;
 Psicóloga do Espaço Vida;
 Psicóloga da Unidade Mista;
 Nutricionista da Unidade Mista;
 Nutricionista do Espaço Vida;
 Educador Físico;
 Médico/obstetra-ginecologista.

8. PARCEIROS
10

 Secretaria de Assistência Social;


 Secretaria Municipal de Saúde;
 Espaço vida;
 Centro de Referência de Assistência Social – (CRAS);
 Prefeitura Municipal de Teotônio Vilela.

09. AVALIAÇÃO

A Unidade Mista Nossa Senhora das Graças (UMNSG), buscou se


atentar no trabalho com as gestantes tendo em vista uma melhor qualidade de vida
e observando os anseios, a necessidade de uma base apoio as mesmas em todos
as estâncias. Tendo em consideração as ações fomentadas por essa proposta, a
avaliação deste trabalho foi paulatina e positiva. Houve uma repercussão aprazível.
Percebe-se a necessidade que as pessoas têm de compreender a
mediação entre as políticas e a comunidade, há necessidade de mais informação no
que se refere a garantia de direitos e maiores esclarecimentos nos espaços
participativos e de controle social sobre políticas públicas direcionadas as Mulheres.
11

11. CRONOGRAMA

2019.1 – 5º Semestre Flex e 6º Semestre

Atividades 1ª Semana 2ª Semana 3ª Semana

Discussão sobre o tema e


Divulgação do Projeto
junto ao público de x x
gestantes da Unidade
Mista
Realização da coleta de
informação e Reunião
com a equipe de Saúde x
da Unidade Mista e
equipe ESF

Oficinas Temáticas x

Execução do Projeto x
12

REFERENCIAS BIBLIOGRAFICAS

Direitos da gestante no pré-natal. Pastoral da Criança. 2018. Disponível em:


https://www.pastoraldacrianca.org.br/gestante/30598-os-direitos-da-gestante-no-pre-
natal. Acesso em: 29 set 2018.

Gestantes. Guia do Bebê. Disponível em: http://www.guiadobebe.com.br/gestantes/


Acesso em 6 outubro 2018.

O Pré-Natal. Guia do Bebê. Disponível em: http://www. guiadobebe.com.br/o-pre-


natal/ Acesso em 05 maio 2018.

PEREIRA A. I. Retrospectiva doa serviço social e atuação junto ao processo de


grupo com gestantes. Limeira. 1982. 46p.

Proteção e Atenção Integral à Família – P AIF. Ministério do Desenvolvimento


Social. 2015. Disponível em: http://mds.gov.br/assuntos/assistencia-social/servicos
-e-proramas/paif/servico-de-protecao-e-atencao-integral-a-familia-paif. Acesso em:
04 outubros 2018.
13

Você também pode gostar