Você está na página 1de 16

O IMPACTO DO

ENSINO MAKER
NA EDUCAÇÃO
1ª Pesquisa Nacional do Impacto
do Ensino Maker na Educação
INTRODUÇÃO
Insights e análise dos resultados da
1ª Pesquisa Nacional do Impacto do Ensino
Maker na Educação

Buscando um aprendizado que vai além do tradicional, capaz de desenvolver


habilidades necessárias no século XXI, diversas escolas adotaram o ensino
maker em suas grades curriculares. E quais mudanças foram percebidas
nessa implementação?

Neste ebook, você vai encontrar informações sobre o impacto real que as
escolas perceberam no dia a dia das aulas, desempenho dos alunos e até
mesmo engajamento dos professores depois da adoção do ensino maker e
as tendências para 2021.

As informações foram obtidas com base nos resultados da 1ª Pesquisa


Nacional do Impacto do Ensino Maker na Educação, realizada pelo NAV Digital.
A pesquisa ouviu a experiência de mais de 200 escolas de todo o Brasil, que
adotaram ou não a metodologia maker em suas aulas.
ÍNDICE
O ensino maker na educação.................................................................................. 4

Entendendo o maker.................................................................................................... 5

Engajamento dos alunos............................................................................................ 6

Outros benefícios do ensino maker..................................................................... 7

Por que as escolas querem adotar o ensino maker?.................................. 8

Engajamento dos professores................................................................................. 9

Qual o MAIOR impacto no ensino?...................................................................... 11

Ensino maker durante o isolamento social..................................................... 12

Ensino maker: uma tendência para 2021.......................................................... 13

Por que as escolas ainda não adotam um ensino maker?...................... 14

Quem somos................................................................................................................... 15
O ENSINO
MAKER NA
EDUCAÇÃO
A Cultura Maker nasceu do movimento “faça você mesmo”. No contexto
educacional, a metodologia incentiva os alunos a aprender colocando a mão
na massa para construir protótipos e projetos.

Quando incluído na grade curricular, o ensino maker promove um aprendizado


mais significativo, trabalhando na prática os conteúdos da aula de forma
exploratória e contextualizada. Por ser um formato muito mais atraente e
interessante para os alunos, acaba aumentando o engajamento destes.

A metodologia ainda promove o desenvolvimento de habilidades ligadas


à inovação, permitindo que os alunos construam caminhos que impactem,
de fato, o mundo ao seu redor. As aulas mão na massa colaboram também
para o desenvolvimento de competências socioemocionais previstas na Base
Nacional Comum Curricular (BNCC), como criatividade, empatia, colaboração
e autonomia.

04
ENTENDENDO
O MAKER
MAKER = AQUELE QUE FAZ

CULTURA MAKER ENSINO MAKER

É o movimento originado Ensino é a transferência


do “faça você mesmo”, de conhecimento de
que incentiva as pessoas uma ou mais pessoas
a colocar a mão na para outras. Consiste
massa para a solucionar na aplicação da Cultura
problemas. Maker na educação.

METODOLOGIA MAKER AULAS MAKER

É o conjunto de métodos São atividades didáticas e


pa ra s e a t i n g i r u m programadas, digitais ou
objetivo. É aplicada presenciais, que têm por
para formar indivíduos característica a realização
capazes de transformar de projetos mão na
o mundo ao seu redor. massa.

05
ENGAJAMENTOS
DE ALUNOS
“Maior engajamento” foi a principal mudança percebida pelas escolas em
seus alunos, após a implementação do ensino maker na instituição. Por
envolver tecnologia, diversão e também o aprendizado na prática, as aulas
mão na massa fazem com que os alunos se envolvam e engajem mais nas
atividades.

Esse envolvimento com o ensino traz grandes benefícios para o aprendizado.


Ao atrair a atenção do aluno e deixá-lo engajado com as aulas, ele se torna
mais ativo, sendo protagonista na construção do seu conhecimento. Além
de estimular a aprender mais e melhor, as aulas maker e o protagonismo
fazem com que os alunos desenvolvam habilidades além da educação formal.

50,4%
das escolas viram o aumento
do engajamento dos alunos
como principal benefício após
implementação do ensino
maker

80,9%
das escolas que ainda não
adotaram aulas maker no
currículo acreditam que o
engajamento dos alunos
seria um dos benefícios

Fonte: 1ª Pesquisa Nacional do Impacto do Ensino Maker na Educação - NAV Digital


06
OUTROS BENEFÍCIOS
DO ENSINO MAKER
das escolas ouvidas perceberam melhor capacidade

27,4%
socioeducacional dos alunos como maior benefício depois
da implementação de ferramentas de ensino maker. Ou seja:
o aprendizado vai além do tradicional. Entre as capacidades
socioemocionais desenvolvidas com as aulas maker estão a
criatividade, autonomia e a empatia.

das escolas que responderam a pesquisa, e já trabalham

22,2%
com ensino maker em suas grades curriculares, perceberam
a melhora dos alunos ao executar tarefas ministradas em
sala de aula. Isso acontece porque as aulas maker ensinam
atividades práticas e dão mais autonomia para os estudantes,
desde pequenos.

EMPATIA
RESILIÊNCIA

27,4%
LIDERANÇA
22,2%

CRIATIVIDADE

50,4%

COLABORAÇÃO
AUTONOMIA
Melhora o engajamento por parte dos alunos

Melhora na capacidade socioeducacional dos alunos

Melhora o desempenho ao execultar atividades

Fonte: 1ª Pesquisa Nacional do Impacto do Ensino Maker na Educação - NAV Digital


07
POR QUE AS ESCOLAS
QUEREM ADOTAR O
ENSINO MAKER?
Perguntamos às escolas que não contam com ensino maker em suas rotinas
quais os principais atrativos para adotar, futuramente, as aulas mão na
massa. Descobrimos que a maior motivação é sempre oferecer um melhor
desenvolvimento aos estudantes.

Mais uma vez, o motivo mais associado ao ensino maker foi o aumento
do engajamento dos alunos, lembrado por mais de 80% das escolas
participantes. A melhoria nas capacidades socioeducacionais dos alunos
também foi apontada por grande parte dos participantes. 77,5% dos
pesquisados se preocupam em entregar uma educação mais significativa
às crianças e jovens.

Cerca de metade, 48,5%, dos gestores e professores que responderam à


pesquisa disse ter interesse em adotar o maker para agregar ao currículo
dos alunos.

Quais os pontos de interesse em adotar o ensino maker em sua instituição?

Aumentar o engajamento dos alunos


80,9%
Melhorar as capacidades socioeducacionais dos alunos 77,5%
Agregar ao currículo dos alunos 48,3%
Aumentar o engajamento dos professores 43,8%
Melhorar a percepção de valor da escola para o mercado
34,8%
Acompanhar tendências de mercado 25,8%
Não tenho interesse em adotar 1,1%

Fonte: 1ª Pesquisa Nacional do Impacto do Ensino Maker na Educação - NAV Digital


08
ENGAJAMENTO
DOS PROFESSORES
Além de engajar mais os estudantes nas aulas e atividades, o ensino maker
também aumenta o engajamento dos professores. Essa foi uma das mudanças
percebidas não apenas pelas instituições de ensino, mas, principalmente,
pelos próprios professores.

No ensino maker, mesmo com o aluno sendo protagonista do aprendizado,


o professor desempenha um papel essencial. É ele quem vai planejar
quais temas e competências podem ser desenvolvidas em cada aula. É ele
também o responsável por conduzir as aulas de modo a estimular a parti-
cipação e interação dos alunos, dando as coordenadas para aprofundar o
conhecimento e ainda solucionando dúvidas.

É ideal que os professores sejam treinados para guiarem a jornada


maker aos alunos. O NAV Digital oferece um ciclo de formação para os
educadores de escolas parceiras. Cadastre sua escola para ter acesso
à trilha de formação.

65,5% das instituições perceberam maior engajamento dos


professores após implementação do ensino maker

74,5% dos professores se perceberam muito ou


consideravelmente mais engajados

Fonte: 1ª Pesquisa Nacional do Impacto do Ensino Maker na Educação - NAV Digital


09
Motivar o professor é importante para diversas etapas do processo educativo.
Primeiramente, há um aumento na produtividade do professor, o que é
importante não só para a educação, mas para toda a gestão escolar.

Engajado, o professor busca se manter atualizado e desenvolver novas


técnicas de ensino. Com isso, os alunos também saem ganhando, com um
ensino mais significativo e melhorias no aprendizado.

por Freepik

Percepção dos professores sobre aumento do próprio engajamento nas aulas

2,2%
21,21%
53,54%
Muito

Consideravelmente

Um pouco

Nada

23,23% Base: 47 respostas

Percepção dos gestores sobre aumento do engajamento dos professores da instituição

3,8%

23,1%
44,2%
Muito

Consideravelmente

Um pouco

Nada

28,9% Base: 52 respostas

Fonte: 1ª Pesquisa Nacional do Impacto do Ensino Maker na Educação - NAV Digital


10
MAIOR
IMPACTO NO
ENSINO
Perguntamos aos gestores e professores de instituições com aulas maker
qual foi o maior impacto percebido no ensino, em geral. Mais de 70% dos
participantes responderam que o principal efeito percebido foi com relação
ao desempenho dos alunos em sala de aula.

Os outros 29% acreditam que a principal vantagem oferecida pelo ensino


maker é o maior engajamento, tanto de professores quanto de alunos.
Destes, 16,2% perceberam maior impacto no engajamento dos alunos com
as aulas online, enquanto os outros 12,8% destacaram a participação dos
professores

71% consideraram a melhora no desempenho dos alunos


ao executarem as atividades como principal impacto
do ensino maker na escola

perceberam o engajamento dos alunos com as aulas


16,2% online como a principal vantagem do ensino maker
nesse período

perceberam o maior engajamento dos professores com


12,8% as aulas como a principal vantagem do ensino maker
nas escolas

Fonte: 1ª Pesquisa Nacional do Impacto do Ensino Maker na Educação - NAV Digital


11
ENSINO MAKER
DURANTE O
DISTANCIAMENTO
SOCIAL
Com a pandemia do novo coronavírus, que fechou escolas em todo o país,
as instituições precisaram se reinventar para ministrar as aulas de forma
remota. Diante da situação, algumas escolas decidiram adotar o ensino maker
durante o período de isolamento social. Confira um raio-X das motivações
dessas instituições e o impacto gerado pelo ensino maker neste meio tempo.

Por que adotou metodologia maker durante a pandemia?


O principal motivo para implementar o ensino maker durante esse período
foi a busca por um diferencial - tanto para a educação dos alunos, quanto
competitivamente para a escola frente à concorrência.

Melhorar a capacidade
socioeducacional dos alunos

Agregar valor ao que a escola


pode oferecer ao mercado

Acompanhar tendências
de mercado

70% percebeu melhora no desempenho dos alunos ao


realizarem as atividades de forma remota

Fonte: 1ª Pesquisa Nacional do Impacto do Ensino Maker na Educação - NAV Digital


12
ENSINO MAKER
TENDÊNCIA
PARA 2021
A educação já vinha passando por transformações. O isolamento social
acelerou e consolidou algumas mudanças. Entre elas estão a adoção da
tecnologia no ensino e diversificação de metodologias de ensino, buscando
maior engajamento e aprendizado mais eficiente por parte dos alunos.

Diante dessa realidade, perguntamos aos gestores e professores de escolas


de todo o Brasil:

Sua instituição pretende manter o ensino maker em 2021?

Escolas com ensino maker Quem adotou durante a Quem ainda não adotou
pandemia

97,5% 90% 50%


SIM SIM PRETENDE
IMPLEMENTAR

Fonte: 1ª Pesquisa Nacional do Impacto do Ensino Maker na Educação - NAV Digital


13
POR QUE AS
ESCOLAS AINDA
NÃO ADOTARAM
UM ENSINO MAKER?
A 1ª Pesquisa Nacional do Impacto do Ensino Maker na Educação também
quis saber das escolas que ainda não têm aulas maker em sua rotina de
ensino, os motivos de ainda não terem adotado esse modelo.

46,1% 43,8% 10,1%

Preço

Desconhecimento
dos benefícios

Não acham a
implementação prática


Ensino maker de forma gratuita
O NAV Digital é uma plataforma online de aulas maker para o Ensino
Fundamental com implementação totalmente gratuita. Basta cadastrar
sua escola para ter acesso!

14
QUEM SOMOS
O NAV Digital é a plataforma online de ensino maker do Nave à Vela, que
traz aulas e atividades voltadas para alunos do 1º ao 9º ano do Ensino
Fundamental. Com implementação prática e gratuita, o objetivo do NAV Digital
é democratizar a cultura maker nas escolas de todo o Brasil.

Para isso, a plataforma ainda oferece às escolas parceiras espaços voltado


para os educadores e gestores das escolas, que permitem o acompanhamento
das atividades realizadas pelos alunos.

O Nave à Vela é uma empresa de educação que promove a aprendizagem


de forma prática. Nesse modelo, os alunos colocam a mão na massa
para construir uma relação de exploração com o conhecimento. Assim,
desenvolvem competências como autonomia, empatia e colaboração.

Em parceria com mais de 100 escolas de todo o Brasil, nos reinventamos


constantemente para promover um aprendizado que transcende a sala de
aula. Os resultados da 1a Pesquisa Nacional do Impacto do Ensino Maker na
Educação nos mostram que estamos no caminho certo para construir uma
educação mais significativa.

15

Você também pode gostar