Você está na página 1de 12

Impresso por LUCAS, CPF 065.541.975-67 para uso pessoal e privado.

Este material pode ser protegido por direitos autorais e não pode
ser reproduzido ou repassado para terceiros. 01/12/2020 04:48:24

Exercícios

Obs.: as respostas devem classificar o modo de suceder de cada herdeiro quanto natureza do
direito e quanto a forma de partilhar.

1 – Alex tinha 3 filhos: Bruno, Carlos e Diogo. Bruno, que faleceu em 10/02/94, teve também
uma filha chamada Érica. Falecendo Alex em 12/06/03, como será feita a sucessão
hereditária, considerando uma herança de R$ 300.000,00?
Carlos: R$ 100.000,00 por direito próprio; por cabeça
Diogo: R$ 100.000,00 por direito próprio; por cabeça
Érica: R$ 100.000,00 por direito de representação; por estirpe

2 – Adriano era pai de Bia e Cida, tendo como neto Dimas, filho de Cida. Adriano morreu
apenas 2 dias antes de Cida, sem que esta tenha se manifestado sobre a sucessão dos bens de
seu pai. Como será feita a sucessão hereditária dos bens de Adriano, considerando uma
herança de R$ 300.000,00?
Bia: R$ 150.000,00 por direito próprio; por cabeça
Dimas: R$ 150.000,00 por direito de transmissão; por estirpe

3 – Áureo perdeu os pais num acidente de carro. Ainda estão vivos os avós paternos Bernardo
e Carla, e sua avó materna Diva. Com o falecimento de Áureo, como será dividida sua
herança, considerando uma herança de R$ 300.000,00?
Diva: R$ 150.000,00 por direito próprio; por linha
Bernardo: R$ 75.000,00 por direito próprio; por linha
Carla: R$ 750.000,00 por direito próprio; por linha

4 – Aline tinha 2 filhas: Beatriz e Cristina. Beatriz faleceu em junho de 1990, deixando um
filho chamado Erasmo, que também tinha um filho chamado Félix. Cristina faleceu em 1991,
deixando um filho adotivo chamado Gustavo. Erasmo morreu em janeiro de 2001. Com o
falecimento de Aline no mês passado, como será dividida sua herança de R$ 500.000,00?
Gustavo: R$ 250.000,00 por direito próprio; por cabeça
Félix: R$ 250.000,00 por direito de representação; por estirpe

5 – Bento faleceu deixando 4 filhos: Anderson, Catarina, Dionísio e Elano. Catarina morreu
deixando um filha chamada Gina. Dionísio e seu filho Heitor morreram num acidente, no qual
sobreviveu Igor, filho deste último. Com o falecimento de Anderson, como será feita a
sucessão hereditária dos R$ 200.000,00 encontrados?
Elano: R$ 100.000,00 por direito próprio; por cabeça
Gina: R$ 100.000,00 por direito de representação; por estirpe

6 – Ascânio tinha duas filhas chamadas Brenda e Cleuza. Brenda teve 2 filhos (Dina e Eva) e
Cleuza (Flávia, Geise e Hugo). Cleuza morreu em 2001. Com o falecimento de Ascânio em
janeiro de 2004, Brenda renunciou a sua parte na herança. Como será partilhada a herança de
Ascânio, considerando uma herança de R$ 700.000,00?
Dina, Eva, Flávia, Geise e Hugo: R$ 140.000,00 cada, por direito próprio; por cabeça

1
Impresso por LUCAS, CPF 065.541.975-67 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não pode
ser reproduzido ou repassado para terceiros. 01/12/2020 04:48:24

7 - Paula tinha um filho chamado Carlos e três netos, de nome Marina, José e Pedro. Marina
adotou uma criança, que se chamava Lúcio. Em decorrência de um acidente, Marina veio a
falecer. Paula, desgostosa da situação, morreu alguns dias depois, tendo Carlos renunciado à
sua herança. Como será partilhada a herança de Paula, no valor de R$ 60.000,00?
José: R$ 20.000,00 por direito próprio; por cabeça
Pedro: R$ 20.000,00 por direito próprio; por cabeça
Lúcio: R$ 20.000,00 por direito de representação; por estirpe

8 - Zélia tinha dois filhos chamados Cristiano e Paulo, além de dois netos, filhos de Cristiano,
de nome Danilo e Bruno. Bruno teve uma filha chamada Flávia. Cristiano e Bruno se
envolveram num acidente em 10/08/03, tendo o primeiro falecido na hora, e o segundo duas
horas depois. Como será partilhada a herança de Cristiano, sabendo-se que tinha bens na
ordem de R$ 300.000,00?
Danilo: R$ 150.000,00 por direito próprio; por cabeça
Flávia: R$ 150.000,00 por direito de transmissão; por estirpe.

9 - Ana tinha quatro filhas: Berenice, Cristina, Dalva e Júlia. Tinha também quatro netos
chamados Eros, filho de Berenice; Flávio e Gustavo, filhos de Cristina; e Heitor filho de
Dalva. Berenice faleceu em 02/03/00. Dalva foi declarada indigna, em virtude de ato
praticado contra sua mãe. Com o falecimento de Ana, Cristina renunciou a seu quinhão
hereditário. Como ficará a partilha dos bens de Ana, considerando uma herança de R$
900.000,00?
Júlia: R$ 300.000,00 por direito próprio; por cabeça
Heitor: R$ 300.000,00 por direito de representação; por estirpe
Eros: R$ 300.000,00 por direito de representação; por estirpe.

10 – Aldo adotou 2 filhos chamados Bruno e Carlos. Bruno teve um filho de nome Diego e
Carlos dois, chamados Eva e Frederico. Com o falecimento de Aldo, seus filhos renunciaram
a seus bens. O que acontecerá com a herança de R$ 30.000,00 deixada por Aldo?
Diego: R$ 10.000,00 por direito próprio; por cabeça
Eva: R$ 10.000,00 por direito próprio; por cabeça
Frederico: R$ 10.000,00 por direito próprio; por cabeça

11 – Bruno tinha um filho chamado Antônio, quando se casou com Cida. Com ela, teve Dina,
Eva e Flor. Bruno e Cida faleceram ano passado. Flor morreu, deixando R$ 50.000,00 em
bens. Como será dividida sua herança?
Antônio: R$ 10.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Dina: R$ 20.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Eva: R$ 20.000,00 por direito próprio; por excepcional

12 – Bruno e Ana foram declarados indignos, após terem matado seu filho Carlos. Na família
haviam ainda, Diego, avô paterno de Carlos, e seu irmão Júnior. Como será distribuída sua
herança de R$ 10.000,00?
Diego: R$ 10.000,00 por direito próprio.

2
Impresso por LUCAS, CPF 065.541.975-67 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não pode
ser reproduzido ou repassado para terceiros. 01/12/2020 04:48:24

13 – Andréia era casada com Breno em regime de separação total de bens. Como será
partilhada sua herança de R$ 300.000,00, tendo falecido deixando dois filhos chamados
Carlos e Daniel?
Breno: R$ 100.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Carlos: R$ 100.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Daniel: R$ 100.000,00 por direito próprio; partilha excepcional

14 – Antônio era casado no regime de comunhão universal de bens com Beatriz, tendo um
patrimônio adquirido na constância do casamento avaliado em R$ 400.000,00 (qua trocentos
mil reais) e recebeu um legado no valor de R$ 300.000,00 (trezentos mil reais) de um de seus
tios. Como será partilhada sua herança se:
a) Antônio morrer, ab intestato, deixando, além da esposa, quatro filhos de casamento
anterior?
Beatriz: R$ 350.000,00 de meação
Cada filho recebe: 87.500,00 por direito próprio; por cabeça

b) Antônio morrer, ab intestato, deixando, além da esposa, quatro filhos comuns com sua
esposa?
Beatriz: R$ 350.000,00 de meação
Cada filho recebe: 87.500,00 por direito próprio; por cabeça

c) Antônio morrer, ab intestato, e se Beatriz tiver quatro filhos de casamento anterior?


Beatriz: R$ 350.000,00 de meação
Beatriz: R$ 350.000,00 por direito próprio

15 - Augusto, companheiro de Bianca, tem um patrimônio adquirido na constância da união


estável, avaliado em R$ 400.000,00 (quatrocentos mil reais) e recebeu um legado no valor de
R$ 300.000,00 (trezentos mil reais)`, de um de seus tios. Como será partilhada sua herança se:

a) Augusto morrer, ab intestato, deixando, além da companheira, dois filhos de anterior


casamento?
Bianca: R$ 200.000,00 de meação
Bianca: R$ 40.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Cada filho recebe R$ 230.000,00 por direito próprio; partilha excepcional

b) Augusto morrer, ab intestato, deixando, além da companheira, três filhos comuns com
a mesma?
Bianca: R$ 200.000,00 de meação
Bianca: R$ 50.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Cada filho recebe R$ 150.000,00 por direito próprio; partilha excepcional

3
Impresso por LUCAS, CPF 065.541.975-67 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não pode
ser reproduzido ou repassado para terceiros. 01/12/2020 04:48:24

16 - Fabrício falece e deixa um monte mor de R$ 600.000,00 (seiscentos mil reais). Como
será partilhada sua herança caso ocorram as seguintes hipóteses. Na resposta, diga a natureza
do direito e a forma de partilhara herança de cada beneficiário.

a) Se deixar vivo um irmão, de nome Geraldo, dois sobrinhos vivos, de nomes Afonso e
Rogério, filhos de um irmão pré-morto chamado Gustavo, e três sobrinhos netos, de
nomes Rafael, Raquel e Igor, Filhos de um sobrinho pré-morto de nome Amaro e
netos de um irmão pré- morto chamado Álvaro?
Geraldo: R$ 300.000,00 por direito próprio; partilha por cabeça
Afonso: R$ 150.000,00 por direito de representação; partilha por estirpe
Rogério R$ 150.000,00 por direito de representação; partilha por estirpe

b) Se deixar um tio vivo de nome Orlando, e dois primos vivos, de nomes Renato e
Rafael, filhos de um tio pré- morto, chamado Rodolfo?
Orlando: R$ 600.000,00 por direito próprio

c) Se deixar a cônjuge, de nome Alice, casada pelo regime de comunhão universal de


bens, dois irmãos vivos de nomes Apolônio e Adolfo, e um sobrinho vivo de nome
Cláudio, filho de um irmão pré- morto de nome Artur?
Alice: R$ 300.000,00 de meação
Alice: R$ 300.000,00 por direito próprio.

d) Se morrer deixando a cônjuge de nome Alice, casada pelo regime de comunhão


universal de bens, e os dois avós paternos de nomes Ismael e Lindaura?
Alice: R$ 300.000,00 de meação
Alice: R$ 150.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Ismael: R$ 75.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Lindaura: R$ 75.000,00 por direito próprio; partilha excepcional

17 - Carlos tinha uma companheira de nome Márcia e veio a falecer ab intestato em maio de
2.003. Como será partilhada sua herança, pelas disposições legais, se ocorrerem as seguintes
hipóteses:

a) Se Carlos tinha R$ 300.000,00 (trezentos mil reais) de patrimônio, adquiridos antes da


união estável, se adquiriu um patrimônio na constância da união de R$ 400.000,00
(quatrocentos mil), e morrer deixando três filhos, nascidos na constância da união, de
nomes Carlos, Rodrigo e Miriam?
Márcia: R$ 200.000,00 de meação
Márcia: R$ 50.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Carlos: R$ 150.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Rodrigo: R$ 150.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Miriam: R$ 150.000,00 por direito próprio; partilha excepcional

4
Impresso por LUCAS, CPF 065.541.975-67 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não pode
ser reproduzido ou repassado para terceiros. 01/12/2020 04:48:24

b) Se Carlos tinha R$ 300.000,00 (trezentos mil reais) de patrimônio, adquiridos antes da


união estável, se adquiriu um patrimônio na constância da união de R$ 140.000,00
(cento e quarenta mil), e morrer deixando três filhos, nascidos antes da constância da
união, de nomes Renato, Fernando e Mônica?
Márcia: R$ 70.000,00 de meação
Márcia: R$ 10.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Renato: R$ 120.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Fernando: R$ 120.000,00 por direito próprio; partilha excepcional
Mônica: R$ 120.000,00 por direito próprio; partilha excepcional

c) Se falecer sem filhos, deixando um patrimônio de R$ 500.000,00 (quinhentos mil


reais), se receber um legado de R$ 100.000,00 (cem mil reais), ambos adquiridos na
constância da união, e se morrer deixando, além da companheira, um tio chamado
Rodrigo?
Márcia: R$ 250.000,00 de meação
Márcia: R$ 83.333,33 por direito próprio; partilha excepcional
Rodrigo: R$ 266.666,66 por direito próprio; partilha excepcional

d) Se ocorrer a mesma hipótese da letra “c”, mas se o tio Rodrigo for pré- morto ao de
cuj us?
Márcia: R$ 250.000,00 de meação
Márcia: R$ 250.000,00 por direito próprio
Estado: R$ 100.000,00

18 - Romeu, casado com Tereza pelo regime de comunhão universal de bens, teve três filhos
de nome Ricardo, Paulo e Beatriz, e morreu ab intestato, deixando um monte mor de R$
120.000,00 (cento e vinte mil reais). É de se dizer que Ricardo já era falecido quando da
morte de seu pai e tinha três filhos de nomes Ana, Flávia e Maria, netos de Romeu, sendo que
Flávia, tinha uma filha de nome Bárbara, bisneta de Romeu. Paulo, por sua vez, tinha também
três filhos de nomes Clarice, Antônio e Wilson, netos de Romeu. Beatriz não tinha filhos.
Diante disto, como seria dividido o monte mor partilhável de Romeu, caso ocorressem as
seguintes hipóteses. Na resposta, diga a natureza do direito e a forma de partilhara herança de
cada beneficiário.

a) Se Ricardo renunciar a herança de Romeu através de testamento público.


Tereza: R$ 60.000,00 de meação
Paulo: R$ 20.000,00 por direito próprio; partilha por cabeça
Beatriz: R$ 20.000,00 por direito próprio; partilha por cabeça
Ana: R$ 6.666,66 por direito de representação; partilha por estirpe
Flávia: R$ 6.666,66 por direito de representação; partilha por estirpe
Maria: R$ 6.666,66 por direito de representação; partilha por estirpe

5
Impresso por LUCAS, CPF 065.541.975-67 para uso pessoal e privado. Este material pode ser protegido por direitos autorais e não pode
ser reproduzido ou repassado para terceiros. 01/12/2020 04:48:24

b) Se Flávia houvesse renunciado a herança de seu pai, Paulo e a esposa tivessem sido
declarados indignos de receberem sua herança, e se Beatriz houvesse morrido em
comoriência com seu pai.
Tereza: R$ 60.000,00 de meação
Ana: R$ 10.000,00 por direito próprio; partilha por cabeça
Flávia: R$ 10.000,00 por direito próprio; partilha por cabeça
Maria: R$ 10.000,00 por direito próprio; partilha por cabeça
Clarice: R$ 10.000,00 por direito próprio; partilha por cabeça
Antônio: R$ 10.000,00 por direito próprio; partilha por cabeça
Wilson: R$ 10.000,00 por direito próprio; partilha por cabeça

c) Se Paulo renunciar à herança de seu pai.


Tereza: R$ 60.000,00 de meação
Beatriz: R$ 30.000,00 por direito próprio; partilha por cabeça
Ana: R$ 10.000,00 por direito de representação; partilha por estirpe
Flávia: R$ 10.000,00 por direito de representação; partilha por estirpe
Maria: R$ 10.000,00 por direito de representação; partilha por estirpe

d) Se todos os filhos e netos renunciarem à herança de Romeu e se ele houvesse deixado


seus dois avós paternos vivos.
Tereza: R$ 60.000,00 de meação
Barbara: R$ 60.000,00 por direito próprio