Você está na página 1de 3

EXERCICIOS PARA A1

1- Tendo em vista a necessidade de investimento público de caráter urgente e de relevante interesse


nacional, o Estado de Sergipe, mediante Lei complementar, em 06 de junho de 2005, instituiu
empréstimo compulsório cujo fato gerador era a venda de mercadoria; a base de calculo, o valor da
mercadoria importada; e a alíquota de 10%. Esta medida é constitucional? NÃO

2- Considere que a União institua uma lei visando definir o valor de serviços administrativos de órgão
do Ministério da agricultura, pecuária e abastecimento quanto às fiscalizações de estabelecimentos que
acondicionam carnes bovinas destinadas à exportação. Nessa hipótese, qual modalidade de tributo a
ser pago pelos contribuintes? Justifique TAXA DE POLÍCIA PORQUE REMUNERA O EXERCÍCIO DO
PODER DE POLÍCIA

a. Em 15 de dezembro de 2018, foi publicada lei majorando as alíquotas dos seguintes tributos:
Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural; contribuição para seguridade social e Imposto sobre
operações de seguro. As alíquotas majoradas podem ser aplicadas, RESPECTIVAMENTE: - marque a
resposta correta
b. imediatamente / 90 dias após/ no exercício seguinte
c. no exercício seguinte / 90 dias após/ 90 dias após;
d. no exercício seguinte/ imediatamente/ 90 dias após
e. no exercício seguinte / no exercício seguinte / no exercício seguinte.
f. no exercício seguinte/ 90 dias após/ imediatamente

3- Seria constitucional a cobrança de uma “taxa de melhoramentos urbanos” em razão de uma obra
pública realizada que gerasse valorização dos imóveis do local? Justifique. NÃO. taxa não remunera
serviço coletivo e obra pública é remunerada com contribuição de melhoria

4- Determinado contribuinte praticou infração à legislação tributária, tendo-lhe sido cominada multa
equivalente a 75% do valor do tributo envolvido. Essa multa foi quitada, sem que o contribuinte
tivesse impugnado na esfera administrativa. Posteriormente, sobreveio nova legislação que reduziu
a multa exigível nesta mesma hipótese para 50%. O contribuinte terá direito à restituição? NÃO
PORQUE HOUVE A QUITAÇÃO

5- Se um tributo é criado em 20 de agosto de 2019, é certo que só poderá ser cobrado em:

a) 31 de dezembro do mesmo ano, eis que, via de regra, os tributos devem ser cobrados no mesmo
exercício financeiro que haja sido publicada a lei que os instituiu;

b) 2021, já que os tributos só podem ser cobrados pelo menos dois anos após a lei que os instituiu,
já que o princípio da anualidade não foi adotado pelo atual Constituição Federal;

c) 1º de janeiro de 2020, porque a lei que cria ou aumenta um tributo, ao entrar em vigor, fica com
sua eficácia paralisada, até o início do próximo exercício financeiro, quando poderá então incidir e
produzir efeitos na ordem jurídica; ( NONAGESIMAL – 20 DE NOVEMBRO DE 2019 +
ANTERIORIDADE = 01.01.2020)

d) a qualquer momento, pois a própria lei que cria um determinado tributo deve expressamente
especificar o momento oportuno para que se efetue a sua cobrança, para que os contribuintes
saibam com antecedência o momento exato que deverão ter de recolhê-lo.

6- Em 2012, a alíquota do IPI de um certo bem industrializado era de 8%. No dia 15 de julho do
mesmo ano, o Poder executivo baixou um decreto, elevando-a para 10%. No ano seguinte, houve
um novo aumento da alíquota, passando para 14%, e a partir de 2014, a alíquota foi reduzida para
zero. Em março de 2015, um fiscal da Receita Federal autuou o estabelecimento industrial
Bonsucesso Ltda, pelo não recolhimento do IPI incidente sobre este bem, relativo a uma operação
ocorrida em novembro de 2012. Além da multa e juros de mora, o fiscal deverá lançar o imposto
aplicando qual alíquota? Justifique NOVEMBRO DE 2012 CONSIDERA A DATA DO FATO
GERADOR. NESSA DATA A ALÍQUOTA É DE 10%, LOGO SERÁ ESSA APLICADA

7- No ano de 2001, certo contribuinte deixou de recolher um imposto cuja alíquota, à época, era de
10%. A lei então em vigor previa multa de 20% do valor devido, em caso de inadimplência. No
decorrer do ano de 2002, a legislação foi alterada, para majorar a alíquota desse imposto para 15%
e reduzir a multa por inadimplência para 10% do valor devido. Eventual auto de infração a ser
lavrado em 2003 contra esse contribuinte, pelo não pagamento do imposto referente ao fato gerador
ocorrido em 2001, deverá aplicar:

Qual alíquota para o imposto? Justifique 10% = A ALIQUOTA DO IMPOSTO É SEMPRE A DA


DATA DO FG
Qual alíquota para multa? Justifique 10% = ENTRE A DATA DO FG E O PAGAMENTO, ESTA É A
MAIS BENÉFICA.

8- Considere os impostos sobre:


I. Produtos industrializados;
II. Serviços de qualquer natureza;
III. Renda e proventos de qualquer natureza;
IV. Operações de credito, cambio e seguro ou relativas a títulos ou valores mobiliários;
V. Operações relativas à circulação de mercadorias e sobre prestações de serviços de
transporte interestadual e intermunicipal e de comunicação.

A CRFB/88, ao definir as limitações ao poder de tributar, determina a aplicação dos princípios da


anterioridade de exercício e,ao mesmo tempo, da nonagesimal APENAS para os tributos:

a. I, III
b. III, IV
c. I, III, V
d. II, V
e. I, II, IV

9- Marque a resposta correta e fundamente. Caso determinado município venha a atualizar o valor
monetário da base de cálculo do IPTU, tal hipótese: ART 97 E PARAGRAFOS CTN
a. deve vir regulada por lei.
b. deve vir regulada por lei complementar.
c. poderá ser disciplinada mediante decreto.
d. enquadra-se como majoração de tributo.

10- A União criou um novo imposto não previsto na CRFB mediante lei complementar sobre a
propriedade de veículos de duas rodas não motorizados, que adota fato gerador e base de cálculo
diferente dos demais discriminados na Constituição. Nessa situação, a União terá feito uso de
competência

a. comum.
b. residual.
c. cumulativa.
d. extraordinária.