Você está na página 1de 1

Como Ser um Bom Desenhista

Passos

1. Comece copiando desenhos feitos por outras pessoas. Pode parecer chato e infantil, mas é assim que se aprende.
Não copie por cima: olhe e desenhe. Faça isso até ficar craque em copiar.
2. Depois que ficar craque em copiar, pegue uma imagem e tente reinventá-la: inverta ângulos e/ou a posição do(s)
personagem(ns) do jeito que achar melhor. De novo, faça isso até ficar craque.
3. Agora é hora de criar seus desenhos do zero. Em primeiro lugar, pense: Que tipo de desenho quer fazer? Estilo
mangá ou mais realista? Vai desenhar animais? Todos eles? Defina seu objetivo. Agora pense bem no modo em que
escolheu trabalhar e começe a desenhar. Você pode recorrer aos desenhos dos outros como fonte de inspiração, mas
NÃO COPIE!
4. Depois de já ter aprendido algumas noções de desenho e de como criar seus próprios desenhos, é hora de aprender
as técnicas. Existem três modos de aprender: 1º) tentativa e erro; 2º) ir em cursos de desenho; e 3º) buscar ajuda pela
internet. Use os três.

Métodos

1. Visualizar
o Antes de qualquer coisa, visualize em sua mente o que você vai desenhar. Forme em pensamento a figura,
o fundo, todos os elementos do desenho.
o Use a técnica de copiar, mas, em vez de outro desenho, copie essa figura na sua mente.
o Não desanime, não vai ficar exatamente como você imaginava. Vá consertando uma coisinha aqui e outra
ali até se aproximar do que você realmente queria.
2. Escutando
o Refaça seu desenho várias e várias vezes e, mesmo que já tenha chegado a um resultado "satisfatório" para
você, peça a opinião de outras pessoas, sem receio, e ouça com atenção, principalmente as críticas com as
quais de início você não concorde. Apenas ouça!
o Depois, com calma, analise os comentários, críticas e elogios, e procure entender por que a pessoa teve esta
reação diante de seu desenho.
3. Guardar e buscar referências
o Quando você já tiver feito vários rascunhos do seu projeto, guarde-os. Pode ser numa gaveta, numa pasta...
num lugar em que você não vá ficar olhando.
o Busque outras referências para o mesmo desenho que você fez. Se você desenhou uma casa, por exemplo,
compre uma revista de decoração, procure em livros de arquitetura, pesquise na internet.
o Agora, depois desta pesquisa, abra a gaveta e observe os seus desenhos: O que mudou neles? O que você
mudaria? O que você acha que não está bom? Acredite, isso faz uma diferença enorme, pois quando você
desenha algo por muito tempo e repetidas vezes você ganha experiência, mas muitas vezes também vícios
e/ou repetitividade. Por isso é importante inovar e buscar sempre novas técnicas, referências, enfim,
estudar. E isso vale tanto para desenhistas iniciantes quanto para experientes.

Dicas para iniciar Esboços/Rascunhos

 Sempre que for desenhar faça os traços iniciais (esboço/rascunho) bem leves. Nunca force o lápis no papel. O ideal
é fazer o rascunho com um lápis de cor clara, pois, como o contorno geralmente é preto, o esboço em grafite pode
confundir na hora de arte-finalizar porque se torna algo "sujo" e confuso de se entender depois. Fazendo isso, além
de facilitar o seu trabalho, separando o que é o rascunho (a idéia inicial) do que é definitivo (a arte final), será mais
fácil apagar as linhas de esboço, se elas estiverem bem claras e leves, pois assim você não precisa forçar a borracha,
o que causaria uma "aspereza" no papel, por causa do atrito.

Avisos

 Não exagere, não fique só copiando desenhos de outras pessoas! Assim você vai acabar pegando mania e não irá
conseguir fazer os seus próprios desenhos.

Você também pode gostar