Você está na página 1de 1

Resumo: “Ora pois, uma língua bem brasileira”

Caroline da Rosa
Disciplina: LLV5122-02429 (20201)
Professoras: Thais Fernandes e Silvia Coneglian
UFSC – Universidade Federal de Santa Catarina

FIORAVANTI, Carlos. Ora pois, uma língua bem brasileira. Revista Pesquisa FAPESP, ed. 230,
abril 2015. Disponível em: https://revistapesquisa.fapesp.br/ora-pois-uma-lingua-bem-brasileira/.
Acesso em: 31 out. 2020.

Carlos Fioravanti é repórter e editor da revista Pesquisa FAPESP, ganhou diversos prêmios
de jornalismo. Em sua obra ele faz uma análise através de documentos e textos antigos para verificar
as alterações no português brasileiro, o qual é possível verificar que atualmente com as mudanças já
o fizeram se tornar único. Existem diferenças suficientes entre o português brasileiro e o português
europeu que justificam. De acordo com Fioravanti (2015) os “[...] documentos antigos evidenciam que
o português falado no Brasil começou a se diferenciar do europeu há pelo menos quatro séculos.” Um
exemplo que o texto traz é em relação ao significado das palavras, que podem até gerar alguns mal-
entendidos. O português brasileiro é também uma língua que difere em relação à língua falada e à
língua escrita, enquanto o português europeu mantém uma proximidade maior entre as duas.
Com o estudo de textos antigos é possível notar as semelhanças do português arcaico com o
modo de falar de algumas regiões do Brasil, principalmente nas regiões do interior. Desde o modo de
falar, até mesmo termos que não são mais usados nem em Portugal. O que a sociedade discrimina,
pode ser considerado como uma forma de preservação no modo de falar do passado. As pessoas
modificam seu modo de falar de acordo com sua motivação, influenciada pelo acesso a cultura e ao
contato com outros modos de se expressar.
Ditar como errado algo que era certo em algum momento da construção do português é algo
que deveria ser evitado. Esse estudo traz uma luz diferente à maneira como se percebe as variações
linguísticas no Brasil. O português brasileiro é uma soma de diversas influencias e está em constante
mutação. E a compreensão desse estudo vai modificar o modo como olhamos as diversas formas da
nossa língua, indicado tanto para o ambiente acadêmico como a sociedade em geral.

Você também pode gostar