Você está na página 1de 13

Norma NP

EN ISO 3834-1
2015

Portuguesa
Requisitos da qualidade na soldadura por fusão dos materiais
metálicos
Parte 1: Critérios para a seleção do nível apropriado dos requisitos da
qualidade
(ISO 3834-1:2005)

Exigences de qualité en soudage par fusion des matériaux métalliques


Partie 1: Critères pour la sélection du niveau approprié d'exigences de qualité
(ISO 3834-2:2005)

Quality requirements for fusion welding of metallic materials


Part 1: Criteria for the selection of the appropriate level of quality requirements
(ISO 3834-2:2005)

ICS HOMOLOGAÇÃO
25.160.01 Termo de Homologação n.º 222/2015, de 2015-11-09

ELABORAÇÃO
CT 19 (ISQ)

CORRESPONDÊNCIA EDIÇÃO
Versão portuguesa da EN ISO 3834-1:2005 2015-11-16

CÓDIGO DE PREÇO
X004

 IPQ reprodução proibida

Rua António Gião, 2


2829-513 CAPARICA PORTUGAL

Tel. + 351-212 948 100 Fax + 351-212 948 101


E-mail: ipq@ipq.pt Internet: www.ipq.pt
Preâmbulo nacional
À Norma Europeia EN ISO 3834-1:2005, foi dado o estatuto de Norma Portuguesa em 2006-05-04 (Termo
de Adoção nº 342/2006 de 2006-05-04).
As Normas ISO são preparadas de acordo com as regras estabelecidas nas Diretivas ISO/IEC, Parte 2.
A EN ISO 3834, sob o título geral Quality requirements for fusion welding of metallic materials, consiste nas
seguintes Partes:
— Part 1: Criteria for the selection of the appropriate level of quality requirements
— Part 2: Comprehensive quality requirements
— Part 3: Standard quality requirements
— Part 4: Elementary quality requirements
— Part 5: Documents with which it is necessary to conform to claim conformity to the quality requirements
of ISO 3834-2, ISO 3834-3 or ISO 3834-4
NOTA: Está em preparação um Relatório Técnico, o ISO/TR 3834-6 Quality requirements for fusion welding of metallic materials
– Part 6: Guidance on implementing ISO 3834*).

A presente Norma foi preparada pela Comissão Técnica de Normalização CT 19 “Soldadura”, cuja
coordenação é assegurada pelo Organismo de Normalização Setorial, Instituto de Soldadura e Qualidade
(ONS/ISQ).

*)
A ISO/TR 3834-6 encontra-se já publicada na forma da ISO/TR 3834-6:2007 (nota nacional).
NORMA EUROPEIA EN ISO 3834-1
EUROPÄISCHE NORM
NORME EUROPÉENNE
EUROPEAN STANDARD dezembro 2005

ICS: 25.160.01 Substitui a EN 729-1:1994

Versão portuguesa
Requisitos da qualidade na soldadura por fusão dos materiais metálicos
Parte 1: Critérios para a seleção do nível apropriado dos requisitos da qualidade
(ISO 3834-1:2005)

Qualitätsanforderungen für das Exigences de qualité en Quality requirements for fusion


Schmelzschweiβen von soudage par fusion des welding of metallic materials
metallischen Werkstoffen matériaux métalliques Part 1: Criteria for the selection
Teil 1: Kriterien für die Auswahl Partie 1: Critères pour la of the appropriate level of
der geeigneten Stufe der sélection du niveau approprié quality requirements
Qualitätsanforderungen d'exigences de qualité (ISO 3834-1:2005)
(ISO 3834-1:2005) (ISO 3834-1:2005)

A presente Norma é a versão portuguesa da Norma Europeia EN ISO 3834-2:2005, e tem o mesmo estatuto
que as versões oficiais. A tradução é da responsabilidade do Instituto Português da Qualidade.
Esta Norma Europeia foi ratificada pelo CEN em 2005-10-28.
Os membros do CEN são obrigados a submeter-se ao Regulamento Interno do CEN/CENELEC que define
as condições de adoção desta Norma Europeia, como norma nacional, sem qualquer modificação.
Podem ser obtidas listas atualizadas e referências bibliográficas relativas às normas nacionais
correspondentes junto do Secretariado Central ou de qualquer dos membros do CEN.
A presente Norma Europeia existe nas três versões oficiais (alemão, francês e inglês). Uma versão noutra
língua, obtida pela tradução, sob responsabilidade de um membro do CEN, para a sua língua nacional, e
notificada ao Secretariado Central, tem o mesmo estatuto que as versões oficiais.
Os membros do CEN são os organismos nacionais de normalização dos seguintes países: Alemanha,
Áustria, Bélgica, Chipre, Dinamarca, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Estónia, Finlândia, França, Grécia,
Hungria, Irlanda, Islândia, Itália, Letónia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Países Baixos, Polónia,
Portugal, Reino Unido, Republica Checa, Suécia e Suíça.

CEN
Comité Europeu de Normalização
Europäisches Komitee für Normung
Comité Européen de Normalisation
European Committee for Standardization

Secretariado Central: Avenida Marnix 17, B-1000 Bruxelas

 2005 CEN Direitos de reprodução reservados aos membros do CEN

Ref. nº EN ISO 3834-1:2005 Pt


NP
EN ISO 3834-1
2015

p. 4 de 13

Sumário Página

Preâmbulo nacional ................................................................................................................................. 2


Preâmbulo ................................................................................................................................................ 5
Nota de endosso........................................................................................................................................ 5
Introdução ................................................................................................................................................ 6
1 Objetivo e campo de aplicação ............................................................................................................ 7
2 Referências normativas ........................................................................................................................ 7
3 Termos e definições .............................................................................................................................. 7
4 Esquema geral da ISO 3834 ................................................................................................................. 8
5 Seleção do nível apropriado dos requisitos da qualidade ................................................................. 9
6 Elementos a considerar para um sistema de gestão da qualidade que complemente a ISO 3834 . 9
Anexo A (informativo) Critérios de ajuda para a selecção da ISO 3834-2, ISO 3834-3 ou
ISO 3834-4 ................................................................................................................................................ 11
Bibliografia ............................................................................................................................................... 13
NP
EN ISO 3834-1
2015

p. 5 de 13

Preâmbulo
A presente Norma (EN ISO 3834-1:2005) foi elaborada por colaboração entre o Comité Técnico ISO/TC 44
“Welding and allied processes” e o Comité Técnico CEN/TC 121 “Welding”, cujo secretariado é assegurado
pela DIN.
A esta Norma Europeia deve ser atribuído o estatuto de Norma Nacional, seja por publicação de um texto
idêntico, seja por adoção, o mais tardar em junho de 2006, e as normas nacionais divergentes devem ser
anuladas, o mais tardar em junho de 2006.
Pode acontecer que alguns dos elementos do presente documento sejam objeto de direitos de propriedade. O
CEN [e/ou CENELEC] não deve ser responsabilizado pela identificação de alguns ou de todos esses direitos.
O presente documento substitui a EN 792-1:1994.
De acordo com o Regulamento Interno do CEN/CENELEC, a presente Norma deve ser implementada pelos
organismos nacionais de normalização dos seguintes países: Alemanha, Áustria, Bélgica, Chipre, Dinamarca,
Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Estónia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Irlanda, Islândia, Itália,
Letónia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Países Baixos, Polónia, Portugal, Reino Unido, República
Checa, Suécia e Suíça.

Nota de endosso
O texto da ISO 3834-1:2005 foi aprovado pelo CEN como EN ISO 3834-1:2005, sem qualquer modificação.
NP
EN ISO 3834-1
2015

p. 6 de 13

Introdução
Os processos como os de soldadura por fusão são largamente utilizados para fabricar muitos produtos.
Nalgumas empresas são a característica principal da produção. Os produtos poderão variar dos mais simples
até aos mais complexos. São exemplos, os recipientes sob pressão, os equipamentos domésticos e agrícolas,
as gruas, as pontes, os veículos de transporte, entre outros.
Os processos de soldadura por fusão exercem uma profunda influência no custo da fabricação e na qualidade
do produto. Por essa razão é da máxima importância assegurar que estes processos sejam realizados da
maneira mais eficaz e que um controlo apropriado seja exercido em todas as etapas da operação.
Enfatiza-se que a ISO 3834 não é uma norma de um sistema de gestão da qualidade para substituir a
ISO 9001:2000. Contudo, pode revelar-se uma ferramenta muito útil se o fabricante aplicar a
ISO 9001:2000.
A especificação dos requisitos da qualidade para os processos de soldadura é importante porque a qualidade
destes processos não pode ser facilmente verificada. Por isso, são considerados como "processos especiais",
de acordo com a ISO 9000:2000.
A qualidade não pode ser garantida num produto por uma simples inspeção. Tem de ser incorporada durante
as etapas do fabrico. Mesmo os mais completos e sofisticados ensaios não destrutivos não podem melhorar a
qualidade dos produtos.
Para que os produtos não apresentem sérios problemas, quer na fase de fabricação, quer em serviço, é
necessário providenciar diversos tipos de controlo, desde a fase do projeto, passando pela seleção de
materiais até à fabricação e posterior inspeção. Por exemplo, um mau projeto poderá criar sérias e
dispendiosas dificuldades na oficina, no estaleiro ou em serviço. Uma seleção incorreta de material poderá
dar origem a problemas, tais como a fissuração em juntas soldadas.
Para assegurar um bom e eficaz fabrico, a gestão da empresa necessita de compreender e avaliar as
potenciais fontes de problemas e de introduzir procedimentos apropriados para as controlar.
A ISO 3834 identifica medidas que são aplicáveis a situações diferentes. Tipicamente, as medidas poderão
ser aplicadas nas circunstâncias seguintes:
 em situações contratuais: especificação dos requisitos da qualidade para a soldadura;
 pelos fabricantes: definição e atualização dos requisitos da qualidade para a soldadura;
 pelas comissões técnicas que elaboram códigos de produtos ou normas de aplicação: especificação dos
requisitos da qualidade para a soldadura;
 por organizações que avaliam a qualidade da soldadura, isto é., entidades terceiras, clientes ou
fabricantes.
A ISO 3834 pode ser usada por organizações internas ou externas, incluindo organismos de certificação, com
o objetivo de avaliar a capacidade do fabricante para cumprir com os requisitos do cliente, regulamentares ou
do próprio fabricante.
NP
EN ISO 3834-1
2015

p. 7 de 13

1 Objetivo e campo de aplicação


A presente Parte da ISO 3834 apresenta um esquema geral da ISO 3834 e os critérios a ter em conta para a
seleção do nível apropriado dos requisitos da qualidade para a soldadura por fusão dos materiais metálicos,
de entre os três níveis especificados nas ISO 3834-2 [3], ISO 3834-3 [4] e ISO 3834-4 [5]. Aplica-se à
fabricação, quer em oficina quer em estaleiro.
NOTA 1: As ISO 3834-2, ISO 3834-3 e ISO 3834-4 apresentam conjuntos completos de requisitos da qualidade para o controlo do
processo, relativos a todos os processos de soldadura por fusão (para cada processo tomado isoladamente ou para uma combinação
de processos, consoante for especificado). A ISO 3834-5 especifica os documentos cujas disposições têm de ser cumpridas para
declarar a conformidade com os requisitos da qualidade da ISO 3834-2, ISO 3834-3 ou ISO 3834-4.

A presente Parte da ISO 3834 não especifica requisitos relativos a um sistema de gestão da qualidade total.
Contudo na secção 6, identificam-se os elementos do sistema de gestão da qualidade que, se forem tidos em
conta, complementam a ISO 3834.
NOTA 2: As ISO 3834-2, ISO 3834-3 e ISO 3834-4 poderão ser utilizadas por um fabricante, de forma autónoma ou em conjunto
com a ISO 9001:2000.

2 Referências normativas
Os documentos a seguir referenciados são indispensáveis à aplicação desta Norma. Para referências datadas,
apenas se aplica a edição citada. Para as referências não datadas, aplica-se a última edição do documento
referenciado (incluindo as emendas).
ISO 9000:2000 Quality management systems – Fundamentals and vocabulary

3 Termos e definições
Para os fins da presente Norma, aplicam-se os termos e as definições da ISO 9000:2000 e ainda os seguintes.

3.1 especificação de projeto


Requisitos relativos aos produtos especificados pelos clientes ou pela organização em antecipação aos
requisitos do cliente ou pela regulamentação.
NOTA: Os requisitos relativos aos produtos e, nalguns casos, aos processos associados podem, p. ex. constar em especificações
técnicas, normas de produto, normas de processos, acordos contratuais e requisitos regulamentares.

3.2 pessoa qualificada


Uma pessoa cuja competência e conhecimentos tenham sido obtidos pelo ensino, pela formação e/ou por
experiência prática relevante.
NOTA: Poderá ser requerida uma prova de qualificação para demonstrar o nível de competência e de conhecimentos.

3.3 construção
Um produto, uma estrutura ou qualquer outro componente obtido por soldadura.

3.4 fabricante*)
Pessoa ou organização responsável pela produção por soldadura.

*)
A presente Norma não adota o termo produtor como tradução de “manufacturer” de acordo com o direito Europeu e
designadamente a Diretiva Segurança Geral dos Produtos (Diretiva 2001/95/CE). Este facto ocorre devido à total habituação da
indústria nacional ligada à soldadura / metalomecânica por aquele termo bem como pelo facto do próprio enquadramento
legislativo Português no âmbito dos Recipientes sob pressão não ter adotado aquele critério de tradução (nota nacional).
NP
EN ISO 3834-1
2015

p. 8 de 13

3.5 subcontratado
Fornecedor de produtos, serviços ou atividades ao fabricante, ao abrigo de um contrato.

3.6 operador de soldadura


Pessoa que efetua soldaduras utilizando processos de soldadura por fusão totalmente mecanizados ou
automáticos.

4 Esquema geral da ISO 3834


A ISO 3834 especifica requisitos da qualidade apropriados aos processos de soldadura por fusão dos
materiais metálicos. Os requisitos apresentados na presente Norma poderão ser adotados para outros
processos de soldadura. Estes requisitos referem-se apenas aos aspetos da qualidade do produto que poderão
ser influenciados pela soldadura por fusão, sem serem atribuídos a um grupo de produtos específico.
Assim, a presente Norma ISO 3834 estabelece um método para demonstrar a capacidade de um fabricante
para produzir produtos com a qualidade especificada.
A Norma foi elaborada de modo a:
a) ser independente do tipo de construção fabricada;
b) definir requisitos da qualidade para a soldadura na oficina e/ou no estaleiro;
c) fornecer linhas de orientação para descrever a capacidade do fabricante para produzir construções
soldadas que satisfaçam os requisitos especificados;
d) fornecer uma base para avaliar a capacidade do fabricante em matéria de soldadura.
A ISO 3834 é apropriada se a demonstração da capacidade de um fabricante para produzir construções
soldadas que satisfaçam os requisitos da qualidade especificados, for especificada por um ou mais dos
seguintes documentos:
 especificação;
 norma de produto;
 exigência regulamentar.
Os requisitos contidos na presente Norma poderão ser adotados na totalidade ou poderão ser eliminados de
um modo seletivo pelo fabricante, caso eles não sejam aplicáveis à construção soldada em questão. Eles
fornecem um enquadramento flexível para o controlo da soldadura nos casos seguintes.
 Caso 1: Fornecer requisitos específicos em especificações que requerem que o fabricante possua um
sistema de gestão da qualidade de acordo com a ISO 9001:2000 [1].
 Caso 2: Fornecer requisitos específicos em especificações que requerem que o fabricante possua um
sistema de gestão da qualidade que não o da ISO 9001:2000 [1].
 Caso 3: Fornecer linhas de orientação específicas para um fabricante desenvolver um sistema de gestão
da qualidade para soldadura por fusão.
 Caso 4: Fornecer requisitos pormenorizados para especificações, regulamentos ou normas de produto
que requerem o controlo das atividades da soldadura por fusão.
NP
EN ISO 3834-1
2015

p. 9 de 13

5 Seleção do nível apropriado dos requisitos da qualidade


A seleção da Parte apropriada da ISO 3834, especificando o nível de requisitos da qualidade requerido,
deverá ser feita de acordo com a norma de produto, a especificação, o regulamento ou o contrato. Dado que a
ISO 3834 poderá ser utilizada num grande número de situações e para diferentes aplicações, não podem ser
dadas na presente secção regras precisas sobre o nível dos requisitos da qualidade a adotar em cada caso.
A ISO 3834 poderá ser aplicada num grande número de situações. O fabricante deverá escolher uma das três
Partes especificando níveis de requisitos da qualidade diferentes, com base nos critérios seguintes,
relacionados com o produto:
 grau de criticidade do produto em termos de segurança;
 complexidade da fabricação;
 gama de produtos fabricados;
 gama dos diversos materiais utilizados;
 medida em que possam ocorrer problemas metalúrgicos;
 medida em que as imperfeições de fabrico, p. ex. desalinhamentos, deformações ou imperfeições na
soldadura, afetam o desempenho do produto.
Considera-se que um fabricante que demonstra a conformidade em relação a um dos níveis dos requisitos da
qualidade, cumpre igualmente todos os requisitos dos níveis de menor exigência, sem necessidade de
demonstração adicional [p. ex. um fabricante que cumpra com os requisitos da qualidade abrangentes (isto é,
ISO 3834-2), demonstra a conformidade com os requisitos da qualidade normais (isto é, ISO 3834-3) e os
requisitos da qualidade elementares (isto é, ISO 3834-4)].
O Anexo A lista critérios que ajudam na escolha da Parte apropriada da ISO 3834.

6 Elementos a considerar para um sistema de gestão da qualidade que


complemente a ISO 3834
A ISO 3834 contém muitas disposições que contribuem para um sistema de gestão da qualidade (SGQ). A
presente secção identifica os elementos do SGQ que o fabricante deverá considerar implementar para dar
suporte aos requisitos da qualidade da ISO 3834.
a) controlo dos documentos e dos registos (ver ISO 9001:2000, 4.2.3, 4.2.4);
b) responsabilidade da gestão (ver ISO 9001:2000, secção 5);
c) disponibilidade de recursos (ver ISO 9001:2000, 6.1);
d) competência, consciência e formação do pessoal que efetua o trabalho [ver ISO 9001:2000, 6.2.2,
7.5.2 b)];
e) planeamento da realização do produto (ver ISO 9001:2000, 7.1);
f) determinação dos requisitos relativos ao produto (ver ISO 9001:2000, 7.2.1);
g) revisão dos requisitos relativos ao produto (ver ISO 9001:2000, 7.2.2);
h) compras (ver ISO 9001:2000, 7.4);
i) validação dos processos (ver ISO 9001:2000, 7.5.2);
j) propriedade do cliente (ver ISO 9001:2000, 7.5.4);
k) auditoria interna (ver ISO 9001:2000, 8.2.2);
NP
EN ISO 3834-1
2015

p. 10 de 13

l) monitorização e medição do produto (ver ISO 9001:2000, 8.2.4);


A ISO 9004:2000 [2] fornece linhas de orientação para o desenvolvimento e a implementação de um sistema
de gestão da qualidade.
NP
EN ISO 3834-1
2015

p. 11 de 13

Anexo A
(informativo)

Critérios de ajuda para a seleção da ISO 3834-2, ISO 3834-3 ou ISO 3834-4

N.º Elemento ISO 3834-2 ISO 3834-3 ISO 3834-4


1 Revisão dos requisitos revisão requerida
registo requerido registo poderá ser registo não requerido
requerido
2 Revisão técnica revisão requerida
registo requerido registo poderá ser registo não requerido
requerido
3 Subcontratação tratar como um fabricante para o produto, os serviços e/ou as atividades
subcontratadas; no entanto, a responsabilidade final pela qualidade é do fabricante
4 Soldadores e operadores qualificação requerida
de soldadura
5 Pessoal de coordenação requerido sem requisito especifico
da soldadura
6 Pessoal de inspeção e qualificação requerida
ensaios
7 Equipamento de adequado e disponível conforme as necessidades para preparação, execução do
produção e de ensaio processo, ensaio, transporte e elevação, em combinação com equipamentos de
segurança e vestuário de proteção
8 Manutenção do requerida para fornecer, manter e garantir a sem requisito específico
equipamento conformidade do produto
planos e registos registos recomendados
documentados requeridos
9 Lista de equipamento lista requerida sem requisito específico
10 Planeamento da requerido sem requisito específico
produção
planos e registos planos e registos
documentados requeridos documentados
recomendados
11 Especificações de requeridas sem requisito específico
procedimentos de
soldadura
12 Qualificação dos requeridas sem requisito específico
procedimentos de
soldadura
13 Ensaio de lote dos se requerido sem requisito específico
consumíveis
NP
EN ISO 3834-1
2015

p. 12 de 13

N.º Elemento ISO 3834-2 ISO 3834-3 ISO 3834-4


14 Armazenamento e procedimento requerido, de acordo com as de acordo com as
manuseamento dos recomendações do fornecedor recomendações do
consumíveis de fornecedor
soldadura
15 Armazenamento dos proteção requerida contra a influência do meio sem requisito específico
materiais de base ambiente;
manter a identificação durante o armazenamento
16 Tratamento térmico após confirmação de que são cumpridos os requisitos de sem requisito específico
soldadura acordo com a norma de produto
procedimento, registo e procedimento e registo
rastreabilidade do registo requeridos
ao produto requeridos
17 Inspeção e ensaio antes, requerida se requerida
durante e após a
soldadura
18 Não conformidades e medidas de controlo postas em pratica medidas de controlo
ações corretivas procedimentos de reparação e/ou retificação postas em pratica
requeridos
19 Calibração ou validação requerida se requerida sem requisito específico
do equipamento de
medição, inspeção e
ensaio
20 Identificação durante o se requerida sem requisito específico
processo
21 Rastreabilidade se requerida sem requisito específico
22 Registos da qualidade se requerido
NP
EN ISO 3834-1
2015

p. 13 de 13

Bibliografia

[1] ISO 9001:2000 Quality management systems – Requirements


[2] ISO 9004:2000 Quality management systems – Guidelines for performance improvements
[3] ISO 3834-2 Quality requirements for fusion welding of metallic materials – Part 2:
Comprehensive quality requirements
[4] ISO 3834-3 Quality requirements for fusion welding of metallic materials – Part 3: Standard
quality requirements
[5] ISO 3834-4 Quality requirements for fusion welding of metallic materials – Part 4:
Elementary quality requirements