Você está na página 1de 11

11/07/2020 Questionário 4

Painel / Meus cursos / Obras Públicas de Edificação e de Saneamento - Módulo Planejamento


/ Aula 4 / Questionário 4

Iniciado em sábado, 11 jul 2020, 09:02

Estado Finalizada

Concluída em sábado, 11 jul 2020, 09:36

Tempo
34 minutos 40 segundos
empregado

Avaliar 20,00 de um máximo de 20,00(100%)

https://mooc.escolavirtual.gov.br/mod/quiz/review.php?attempt=6827621 1/11
11/07/2020 Questionário 4

Questão 1
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Uma Prefeitura Municipal deseja licitar uma obra de uma escola por
meio do regime de execução de empreitada por preço global, em
virtude de esse regime facilitar o trabalho de fiscalização do contrato.
Contudo, o setor técnico de engenharia da Prefeitura tem dúvidas
quanto a qualidade do projeto, pois foram encontradas diversas
inconsistências quando feitas comparações entre os desenhos, os
memoriais descritivos, as especificações técnicas e a planilha
orçamentária. Nessa situação, assinale a alternativa correta:

 
a. A Prefeitura deve trocar o regime de execução para
empreitada por preço unitário e lançar a licitação com o projeto
inconsistente.
b. A Prefeitura deve lançar a licitação e esperar que os licitantes
façam impugnações quanto ao projeto falho.
c. A Prefeitura deve ter cautela e não lançar a licitação com o
projeto no estado em que se encontra, antes o projeto deve ser
inteiramente reanalisado até que ele esteja consistente e
contenha tudo o que a legislação exige.
d. A Prefeitura deve lançar a licitação com o projeto no estado
em que se encontra, pois como o regime adotado é por “preço
certo e total” a má qualidade do projeto não afetará a obra.

Sua resposta está correta.


A lei 8.666/1993 (art. 6º, inciso IX e art. 47) deixa claro que o projeto
básico de uma licitação realizada sob o regime de empreitada por
preço global deve ser preciso e consistente. Isso não significa, de
modo algum, que o projeto básico de uma licitação de empreitada por
preço unitário possa conter falhas. Assim, a conduta correta da
Prefeitura é não lançar a licitação enquanto o projeto não for
escoimado de todas as falhas verificadas.

https://mooc.escolavirtual.gov.br/mod/quiz/review.php?attempt=6827621 2/11
11/07/2020 Questionário 4

Questão 2
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Uma prefeitura municipal deseja lançar uma licitação de RDC sob


regime de contratação integrada para licitar a obra de um hospital
público. Nessa situação, assinale a alternativa correta:

 
a. O orçamento base da licitação deverá ser tornado público
juntamente com o edital para todos os licitantes.
b. A licitação desse hospital, caso seja lançada no regime de
contratação integrada, precisará contar com orçamento base
analítico bem detalhado.
c. A Prefeitura poderá lançar o edital ainda que a obra não conte
com anteprojeto de engenharia.
d. O anteprojeto de engenharia da obra, a ser incluído no edital,
deverá demonstrar, de forma clara, quais as principais diretrizes
que nortearão a elaboração do projeto básico da obra.  Este
item está correto. O art. 9º, § 2º, inciso I, da Lei 12.462/2011 traz
o conteúdo mínimo de um anteprojeto de engenharia. Nesse
dispositivo legal, fica claro que uma das funções do projeto básico
é estabelecer as diretrizes sobre as quais o projeto básico da obra
será
elaborado.

Sua resposta está correta.


Cabe lembrar quais são as principais características de uma licitação
realizada no RDC sob o regime de contratação integrada: orçamento
sigiloso; anteprojeto de engenharia bem definido; e orçamento base da
licitação embasado nos valores praticados pelo mercado, nos valores
pagos pela Administração Pública em serviços e obras similares ou na
avaliação do custo global da obra, verificado por meio de orçamento
sintético ou metodologia expedita ou paramétrica.

https://mooc.escolavirtual.gov.br/mod/quiz/review.php?attempt=6827621 3/11
11/07/2020 Questionário 4

Questão 3
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Acerca da fase interna da licitação e do planejamento de uma


contratação, julgue os itens a seguir:
 

A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO)


federal não traz nenhuma regra a ser seguida Falso
em licitações e contratos de obras
públicas financiadas com recursos federais. 

Caso o prazo para conclusão da obra a ser


licitada ultrapasse mais de um ano, não é Falso
necessário que a obra esteja prevista no Plano
Plurianual (PPA). 

A Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) exige


que as prefeituras priorizem recursos para a
conclusão de obras em andamento e Verdadeiro
somente após garantidos esses recursos podem 
ser iniciados novos empreendimentos.

A licitação de uma obra só pode ser publicada


após o gestor garantir que o empreendimento Verdadeiro
conta com previsão orçamentária suficiente na
Lei Orçamentária Anual. 

Sua resposta está correta.

https://mooc.escolavirtual.gov.br/mod/quiz/review.php?attempt=6827621 4/11
11/07/2020 Questionário 4

Questão 4
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Uma prefeitura municipal deseja licitar uma obra cujo valor global foi
orçado em R$ 10 milhões. Trata-se da construção de um grande
complexo escolar, formado por cerca de 10 edificações de R$ 1 milhão
cada. Com vistas a ampliar a competitividade e considerando o
mercado local de construção civil formado por empresas de pequeno
porte, a Prefeitura decidiu parcelar o objeto em várias licitações,
lançando uma licitação para cada edificação, totalizando 10 licitações na
modalidade Concorrência. Nessa situação hipotética, assinale a
alternativa correta:

 
a. Embora o empreendimento como um todo possua valor global
de R$ 10 milhões, as 10 licitações a serem lançadas poderiam ser
Tomadas de Preços, já que cada obra individualmente totaliza R$ 1
milhão.
b. A Prefeitura decidiu errado e não poderia parcelar o objeto.
c. A Prefeitura decidiu corretamente em ambos aspectos: o
parcelamento do objeto e a modalidade das licitações
(Concorrência). 
Toda a decisão da Prefeitura foi correta. Conforme visto na aula, o
parcelamento do objeto é a regra legal sempre, tanto na Lei
8.666/1993 (art. 23, § 1º), quanto no RDC (art. 4º, inciso VI, da Lei
12.462/2011). Contudo, esse parcelamento jamais deve ser
confundido com o fracionamento do objeto, que consiste em
realizar licitações em modalidade mais simples para objetos que,
em seu todo, exigem modalidades mais complexas.

d. A Prefeitura poderia ter considerado licitar essas obras na


modalidade Pregão.

Sua resposta está correta.


Toda a decisão da Prefeitura foi correta. Conforme visto na aula, o
parcelamento do objeto é a regra legal sempre, tanto na Lei 8.666/1993
(art. 23, § 1º), quanto no RDC (art. 4º, inciso VI, da Lei 12.462/2011).
Contudo, esse parcelamento jamais deve ser confundido com o
fracionamento do objeto, que consiste em realizar licitações em
modalidade mais simples para objetos que, em seu todo, exigem
modalidades mais complexas.

https://mooc.escolavirtual.gov.br/mod/quiz/review.php?attempt=6827621 5/11
11/07/2020 Questionário 4

Questão 5
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

A respeito dos modos de disputa que podem ser utilizados numa


licitação processada pelo RDC, julgue as assertivas a seguir:

O modo de disputa fechado ocorre quando os


licitantes apresentam lances públicos e Falsa
sucessivos. 

A combinação entre esses dois modos de


disputa não pode acontecer por não haver Falsa
previsão legal. 

O modo de disputa aberto ocorre quando os


licitantes ofertam lances públicos e sucessivos, Verdadeira
como ocorre nos pregões previstos na Lei
10.520/2002. 

Para licitações regidas pelo RDC, estão


previstos em lei os modos de disputa aberto, Verdadeira
fechado e a combinação entre os
dois. 

Sua resposta está correta.

https://mooc.escolavirtual.gov.br/mod/quiz/review.php?attempt=6827621 6/11
11/07/2020 Questionário 4

Questão 6
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Sobre as modalidades de licitação previstas na Lei 8.666/1993, julgue os


itens a seguir:

A concorrência é a modalidade adequada para


obras de grande vulto. De acordo com a Lei
8.666/1993, é obrigatório adotar a Verdadeiro
modalidade concorrência para obras cujo valor 
seja acima de R$ 1.500.000,00.

A Lei 8.666/1993 prevê cinco modalidades


principais de licitação: concorrência, tomada
de preços, convite, concurso e leilão. Além Verdadeiro
delas, a Lei 10.520/2002 incluiu outra, o 
pregão.

A tomada de preços é a modalidade mais


simples de todas e só se aplica a pequenas Falso
obras de valor abaixo de R$ 150.000,00. 

O leilão pode ser utilizado para licitar obras e Falso


serviços de engenharia.

Sua resposta está correta.

https://mooc.escolavirtual.gov.br/mod/quiz/review.php?attempt=6827621 7/11
11/07/2020 Questionário 4

Questão 7
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Sobre as possibilidades de dispensa e inexigibilidade de licitação para


obras públicas, julgue os itens a seguir:

Na área de obras públicas,  não é possível


contratar projetos complementares
conjuntamente com um projeto arquitetônico Verdadeiro
contratado por inexigibilidade junto a arquiteto 
de notória especialização.

No caso de contratar remanescente de obra


por meio de dispensa de licitação junto aos
proponentes da licitação original da obra, o Verdadeiro
contrato deve ser sempre firmado pelas
condições e preços da proposta do primeiro 
colocado da licitação.

Uma determinada obra cujo contrato foi


rescindido não pode ter seu remanescente de
obra contratado por meio de dispensa de Falso
licitação junto aos demais proponentes da 
licitação original da obra.

Além das modalidades de licitação, para obras


de pequeno valor, abaixo de R$ 15.000,00 a lei Verdadeiro
8.666/1993 permite que sejam contratadas por
meio de dispensa de licitação. 

Sua resposta está correta.

https://mooc.escolavirtual.gov.br/mod/quiz/review.php?attempt=6827621 8/11
11/07/2020 Questionário 4

Questão 8
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

A Secretaria Municipal de Obras Públicas de um determinado município


pretende lançar um edital de licitação para contratar a execução de
uma rede de saneamento. O edital foi apontado como restritivo pela
Assessoria Jurídica da Prefeitura, em virtude de (i) exigir atestados de
capacidade técnico-operacional em quantidade acima de 50% do porte
da obra; (ii) exigir que todos os serviços nos quais se exige experiência
da empresa estejam incluídos em um único atestado; (iii) exigir
atestados de capacidade técnico-operacional referente a serviços sem
relevância na obra, embora sejam tecnicamente complexos. Nessa
situação, assinale a alternativa correta:

 
a. O Secretário Municipal de Obras deve desconsiderar o parecer
jurídico da Assessoria Jurídica, já que esse parecer não é
obrigatório do ponto de vista legal.
b. O Secretário Municipal de Obras deve acostar despacho aos
autos do processo de licitação no qual assume inteira
responsabilidade pela licitação e publicar o edital com as cláusulas
na forma em que se encontram, já que nenhuma das cláusulas
apontadas como restritivas ferem a jurisprudência do TCU.
c. A Secretaria Municipal de Obras Públicas deve corrigir essas
cláusulas apontadas como restritivas pela Assessoria Jurídica e
somente feito isto, poderá publicar o edital.

d. A Secretaria Municipal de Obras Públicas pode exigir atestados
referentes a serviços sem relevância material na obra, desde que
eles sejam tecnicamente complexos.

Sua resposta está correta.


Todas as cláusulas apontadas como restritivas pela Assessoria Jurídica
ferem a jurisprudência do TCU. Além disso, o parecer jurídico não
pode ser desconsiderado, já que a Lei 8.666/1993 dispõe que todo
edital de licitação antes de ser publicado deve ser analisado e emitido
parecer pela Assessoria Jurídica.

https://mooc.escolavirtual.gov.br/mod/quiz/review.php?attempt=6827621 9/11
11/07/2020 Questionário 4

Questão 9
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Uma Prefeitura Municipal lançou uma licitação do tipo menor preço de


uma obra pública de grande vulto, na qual uma das concorrentes,
embora seja caracterizada como empresa de pequeno porte,
apresentou toda a documentação exigida em edital para habilitação.
Nessa situação, assinale a alternativa correta.

 
a. A concorrente de pequeno porte não possuirá nenhuma
vantagem competitiva em relação às demais concorrentes e deverá
competir em igualdade de condições.
b. A empresa, por ser empresa de pequeno porte, deverá ser
inabilitada, já que a licitação se refere a obra de grande vulto e a
empresa não conseguirá executar a obra até o final.
c. A empresa, além de ser regularmente habilitada e poder
apresentar proposta, deve possuir preferência no direito à
contratação, por ser empresa de pequeno porte, em atendimento
ao disposto na Lei Complementar 123/2006. 
d. Se uma empresa de pequeno porte conseguiu se habilitar, isso
significa que os critérios de habilitação técnica do edital foram
abrangentes demais.

Sua resposta está correta.


Como a empresa apresentou toda a documentação exigida para
habilitação, ela deve ser regularmente habilitada, não podendo ser
inabilitada unicamente em virtude do fato de ser empresa de pequeno
porte. Semelhantemente, o simples fato de uma EPP ter se habilitado
não significa que os critérios para habilitação do edital foram falhos. E,
por fim, conforme vimos, a Lei Complementar 123/2006 confere
diversas vantagens competitivas às Microempresas e às Empresas de
Pequeno Porte quando estiverem participando de certames públicos.

https://mooc.escolavirtual.gov.br/mod/quiz/review.php?attempt=6827621 10/11
11/07/2020 Questionário 4

Questão 10
Correto

Atingiu 2,00 de 2,00

Em determinada licitação lançada por uma Prefeitura Municipal, uma


licitante impugnou os termos do edital sob a alegação de que o edital
continha cláusulas restritivas, a exemplo da exigência de atestados de
capacidade técnico-profissional que contivessem determinada
quantidade de serviço realizado. Considere que você é o presidente da
Comissão de Licitação. Nessa situação, qual deve ser sua atitude?
Assinale a alternativa correta:

 
a. Você deverá submeter a impugnação ao prefeito, sugerindo
que ele tome a decisão do que fazer.
b. Você deverá desconsiderar a impugnação já que a empresa
está só querendo retardar a licitação.
c. Você deverá, em conjunto com a comissão, reanalisar os
termos do edital, retificar a cláusula de habilitação técnico-
profissional retirando qualquer menção a quantitativos de serviço
nesse item, publicar a retificação em imprensa oficial e reabrir o
prazo da licitação.
d. A impugnação deve ser negada, devendo ser mantidos
inalterados os termos do edital.

Sua resposta está correta.


A empresa tem razão em sua impugnação. Exigências de capacidade
técnico-operacional não podem exigir nenhum quantitativo de serviço.
Dessa forma, o edital deve ser retificado, publicada sua retificação e
reaberto o prazo para apresentação de propostas, já que esse é o tipo
de modificação do edital que impacta diretamente as propostas das
empresas. Empresas que, porventura, não tinham interesse em
oferecer proposta, poderão vir a se interessar na licitação, expandindo
o universo de concorrentes.

https://mooc.escolavirtual.gov.br/mod/quiz/review.php?attempt=6827621 11/11