Você está na página 1de 6

ATIVIDADE SOBRE RAZÃOE PROPORÇÃO PARA A TURMA 332.

PROFESSOR: MARTEL

Razão e proporção são conteúdos chave para todo o estudo da matemática e são a base
para a regra de três, seja ela simples ou composta. Para entender bem razão e proporção
é necessário que você já tenha conhecimentos sobre frações para poder sair desse artigo
com vontade de saber ainda mais!
Razão

Preliminarmente, uma razão é uma fração entre dois números ou grandezas a fim de
obtermos uma relação comparativa entre eles. Isso ocorre, pois, a divisão é a maneira
mais intuitiva de relacionar dois números ou grandezas.
Na teoria, a razão entre duas grandezas, dadas como números reais, A e B, em que B é
diferente de 0, é o quociente da divisão de A por B. Na prática, a razão entre A e B é:

Dizemos que A é o numerador da fração ou antecedente da razão. Ademais, o número B


é o denominador da fração ou consequente da razão.

OBS: A razão é usada para exprimir a relação entre as duas grandezas, dessa forma, a

razão entre A e B e a razão entre B e A, ou seja: ou podem ter valores diferentes,


porém, ambas podem ser usadas dependendo da situação.

Exemplos:

• , ou seja, 0,428 é o número aproximado da razão entre 3 e 7;

• , isto é, 3,2 é a razão entre 16 e 5;

• , em outros termos, 2 é a razão entre os números 8 e 4.

• A razão entre a distância e o tempo informa quantos metros/quilômetros foram


percorridos em um segundo/hora. Isso nada mais é que a velocidade média como
conhecemos.

Proporção

Agora que você já sabe sobre razão, resta saber sobre a proporção. Portanto, a
proporção nada mais é do que uma igualdade entre duas razões. De maneira teórica,
se uma razão A por B e outra razão C por D são iguais, dizemos que há proporção entre
elas. Por outro lado, de maneira prática temos que a proporção entre duas razões é:

Observando a proporção das razões acima, dizemos que os extremos são A e D e os


meios são B e C.

OBS: Os numeradores e denominadores das duas razões não são necessariamente


iguais. Além disso, se fossem iguais, estaríamos falando de uma mesma razão.
Também, é importante saber que uma proporção pode ser feita por mais de duas razões.

Exemplo:

• , dizemos que a razão três quartos é proporcional a razão dezoito para vinte
quatro. Melhor ainda, temos uma proporção, no qual, três está para quatro, assim como,
dezoito está para vinte e quatro.

• “Toda manhã eu acordo, escovo os meus dentes e tomo café com leite na proporção de
2 para 3”, analisando esse trecho vemos que a pessoa toma café com leite na proporção
de 2 para 3, ou seja, para cada duas determinadas quantidades de café a pessoa coloca
três para leite, portanto, para qualquer tamanho da xícara que ela tome, temos a mesma
proporção.

Propriedades da Razão e Proporção

Ao reescrevermos uma proporção de maneira algébrica, isto é, modificarmos a sua


estrutura original sem desequilibrar a igualdade, observamos diversas propriedades.
Dessa maneira, a seguir vemos algumas propriedades das proporções:

1. O produto dos extremos é igual ao produto dos meios.

Reescrevendo a proporção pela propriedade acima, então:

Essa propriedade da matemática é conhecida como “multiplicação em ‘xis’” ou


“multiplicação cruzada”. Porém, isso nada mais é do que multiplicar ambos os lados da
proporção por :
Simplificando os lados da igualdade temos:

2. Troca de posição entre os extremos.

Essa propriedade nos diz que e, da mesma maneira como a primeira


propriedade usamos a “multiplicação cruzada” para chegarmos a esse resultado. Em

outros termos, multiplicamos a proporção por :

Ao fazer as possíveis simplificações obtemos como resultado:

3. Troca de posição entre os meios.

De forma análoga a propriedade 2, temos que . Como você já deve ter


imaginado, essa igualdade deriva da “multiplicação cruzada” também. Melhor

dizendo, é o produto de por .

4. Frações equivalentes.
Se uma fração é equivalente a uma fração reduzida, então, elas são proporcionais. Em
outras palavras, isso ocorre porque uma fração equivalente é uma fração reduzida que
foi multiplicada tanto o numerador quanto o denominador pelo mesmo número.

Exemplo:

é a fração reduzida de , ou seja, e são proporcionais.

Razão e Proporção: Grandezas Diretamente ou Inversamente Proporcionais


Duas grandezas são proporcionais quando uma grandeza se altera e, por conta disso,
outra grandeza também se altera.

Grandezas Diretamente Proporcionais

De forma teórica, dizemos que duas grandezas, a e b, são diretamente

proporcionais se , em que k é a constante de proporcionalidade, isto é, a


constante que garante que a e b são proporcionais. Em outras palavras, se a é
diretamente proporcional a b, então significa dizer que ao aumentar o valor de a, então o
valor de b aumenta na mesma proporção. Da mesma forma, se diminuirmos o valor de
a, então o valor de b diminui proporcionalmente.

Exemplo:
Maria foi fazer um bolo de chocolate e viu que na receita ia quatro ovos, três xícaras de
farinha, uma xícara de achocolatado em pó, etc. Porém, ao procurar os ingredientes, ela
encontrou apenas três ovos. Sem desanimar ela conseguiu separar corretamente de
forma proporcional a quantia, em xícaras, de farinha e achocolatado em pó para a
receita com três ovos. Quantas xícaras de farinha e achocolatado em pó Maria separou?

Resolução:
No enunciado do exercício, a receita de Maria tinha que para três xícaras de farinha iam
quatro ovos e para uma xícara de achocolatado em pó iam quatro ovos também, ou seja:

Como são 3 xícaras de farinha para 4 ovos, a constante proporcional é igual

a . De forma análoga, a constante proporcional do achocolatado em pó para

os ovos é igual a .

Sabendo que constantes proporcionais garantem a proporção e que Maria irá fazer a
receita com 3 ovos, então:

Isolando as variáveis:
Portanto, Maria precisou de 2 xícaras mais um quarto de xícara de farinha e três quartos
de xícara de achocolatado em pó para fazer a mesma receita com três ovos.

Analisando o exemplo, podemos perceber que para que a receita desse certo, as
grandezas ‘quantia de ovos’ e ‘xícaras de farinha’ devem ser diretamente proporcionais.
Assim como, a ‘quantia de ovos’ tinha que ser diretamente proporcional com ‘xícaras de
achocolatado em pó’. Pois, se diminuirmos a quantia de ovos, a quantia de xícaras de
farinha e xícaras de achocolatado em pó devem diminuir proporcionalmente também,
para que a receita não fique com mais farinha e achocolatado em pó do que o normal.

Grandezas Inversamente Proporcionais

Por outro lado, temos as grandezas que são inversamente proporcionais. Em suma, duas
grandezas, a e b, são inversamente proporcionais se , em que k é a
constante que garante a proporcionalidade. Perceba que grandezas inversamente
proporcionais se multiplicam para gerar a constante, já as grandezas diretas se dividem.
Isso ocorre, pois, se a é inversamente proporcional a b, significa que ao aumentarmos o
valor de a, o valor de b deve ser diminuído proporcionalmente. De forma análoga, ao
diminuir o valor de a, o valor de b deve ser aumentado.
Exemplo:
Uma casa será construída em 180 dias com 15 trabalhadores. O dono da casa está
ficando com suas dívidas apertadas e, por isso, diminuiu a quantidade de trabalhadores
para 10. Dessa forma, em quantos dias os 10 trabalhadores terminaram a construção
(considerando que cada trabalhador tem o mesmo rendimento)?

Resolução:
Pelo enunciado, o dono da casa esperava a casa pronta em 180 dias para 15
trabalhadores. Analisando de forma lógica, ao diminuir a quantia de trabalhadores,
então o serviço demorará mais para terminar. Ou seja, diminuindo a quantidade de
trabalhadores irá aumentar os dias para a casa ficar pronta. Dessa forma, temos duas
grandezas inversamente proporcionais e, portanto:

Analisando a proporcionalidade, temos que a constante proporcional é igual


a . Dessa maneira, ao diminuirmos o número de trabalhadores, o
número de dias vezes o novo número de trabalhadores deverá dar o mesmo resultado k:
Isolando a grandeza dos dias:

Portanto, diminuindo o número de trabalhadores para 10, a casa ficará pronta em 270
dias.

Perceba que para seguir a lógica, ao diminuir o número de trabalhadores é necessário e


natural que demore mais tempo para uma construção ficar pronta. Consequentemente,
uma grandeza diminui e outra aumenta e, dessa forma, temos que elas são inversamente
proporcionais.

Exercícios de Razão e Proporção

a) A razão é igual a 10. Determine a razão . RESPOSTA: 1/10

b) A distância entre duas cidades num mapa de escala 1:2000 é de 8,5 cm. Qual a
distância real entre essas duas cidades? RESPOSTA 17000 CM

c) A idade de Pedro é 30 anos e a idade de Josefa é 45 anos. Qual é a razão entre as


idades de Pedro e Josefa? RESPOSTA: 3/45=2/3

d) Uma caixa de chocolate possui 250g de peso líquido e 300g de peso bruto. Qual é a
razão do peso líquido para o peso bruto? RESPOSTA: 5/6