Você está na página 1de 1

Página |1

O QUE É O CAMINHO?

O Caminho é mais que um lugar ou um clube de iluminados. Trata-se de um movimento de subversão


do Reino de Deus na Terra. Por esta razão, “o Caminho” é feito de gente chamada a assumir seu papel
de sal que se dissolve e some para poder salgar; de fermento que se imiscui na massa e desaparece a fim
de subverter; de pequena semente que se torna grande e generosa árvore que a todos acolhe; de Casa
do Pai para os filhos Pródigos e também para os Irmãos Mais Velhos que se alegrarem com a Graça do
perdão; e um ambiente espiritual no qual até o “administrador infiel” possa se consertar, e, assim, tentar
fazer o melhor do que restou.

No Caminho todos são irmãos, e ninguém é juiz do outro. Assim, ajudam-se, mas não se esmagam uns
aos outros, posto que no Caminho todos caem e levantam, todos se enfraquecem, mas não desanimam,
todos são humanos, e, com humanidade são tratados, conforme o Dogma do Amor.

Desse modo, “os do Caminho” andam no mundo, no chão da terra, em meio à sociedade humana; e
isto sem fazer propaganda religiosa, mas, antes e sobretudo, “sendo” povo de Deus entre os homens
vivendo mediante a “fé que atua pelo amor”.

Jesus nunca quis fundar uma religião. Nada foi mais danoso para a genuína fé do que terem-na feito
tornar-se uma religião, entre as demais.

Seguir Jesus é aceitar um modo de ser, é assumir como vida as Suas palavras, e é dar testemunho do
Evangelho não como uma “estratégia de evangelização”, mas sim como a natural vocação da Vida em
Cristo.

O “Caminho da Graça” é a simples busca de viver o Evangelho com tal consciência entre os homens.
Nada mais e nada menos do que isto!

Portanto, se o que você aqui ler for algo que receba o testemunho interior do Espírito Santo como
sendo verdade conforme o espírito do Evangelho, então, una-se àqueles que desejam apenas andar
conforme o chamado original dos “do Caminho”, conforme o livro de Atos.

Caminho da Graça

Estações do Caminho: Texto de orientação