Você está na página 1de 7

Estruturas Pedagógicas

Direção-Geral dos Estabelecimentos


Área disciplinar de Biologia e Geologia
Escolares Ano letivo 2020/2021
Direção de Serviços da Região Centro

Sismologia/Vulcanismo

I
1. Na figura 1 estão representados dois aparelhos vulcânicos, I e II.

I II
Figura 1
1.1. Faz a legenda da figura 1.
1.2. Classifica o tipo de vulcanismo representado na figura.
1.2.1. Justifica a resposta anterior.
1.3. Identifica o tipo de erupção presente em cada um dos aparelhos vulcânicos (I e II)
1.3.1. Justifica a resposta à questão anterior, utilizando dois dados observáveis na figura, para
cada aparelho vulcânico.
1.4. Caracteriza quanto ao teor de sílica e viscosidade a lava resultante do aparelho vulcânico II.

2.Lê com atenção seguinte texto:

2.1. Indica, justificando com frases do texto, qual o tipo de atividade vulcânica descrita.
2.2. Refere quais as manifestações secundárias de vulcanismo referidas. Justifica com uma frase do
texto.
2.3. Indica outras duas manifestações secundárias de vulcanismo.
2.4. Indica duas consequências, uma positiva e uma negativa, da atividade vulcânica descrita no texto.

MOD.01, revisão 0 Página 1 de 7


3. A atividade vulcânica emite uma grande variedade de materiais. Estabelece a correspondência entre os
materiais da coluna I e as suas características descritas na coluna II.

Coluna I Coluna II
1 - Piroclastos de maiores dimensões.
A – Magma 2 - Mistura de rocha fundida com bolhas de gases e fragmentos sólidos.
B - Lava encordoada, 3 - Formações arredondadas de lava, que arrefece rapidamente debaixo
"pahoehoe" de água.
C - Lava escoriácea, "aa" 4 - Correntes de lava com a superfície estilhaçada e angulosa.
D – Bombas
5 - Materiais vulcânicos sólidos, muito porosos e leves.
E - Nuvem ardente
6 - Piroclastos de menor tamanho, resultantes de erupções violentas.
F – Cinzas
G - Pedra-pomes 7 - Corrente de gases e cinzas incandescentes.
8 - Correntes de lava em dobras paralelas
H - Lava em almofada

II
1. A figura 3 representa o desencadeamento de um sismo.

Figura 3
1.1. Identifique o fenómeno responsável pelo sismo.
1.2. Faz a legenda da figura 3.

2. A figura 4 representa uma carta de isossistas de um sismo em Lisboa.

Figura 4

2.1 Refere qual o nome da escala utilizada para a construção de uma carta de isossistas.
2.2 . Define isossista.
2.3 Indica a intensidade do sismo no epicentro.
2.4 Identifica duas cidades nas quais o sismo tenha atingido o grau 6.
2.5 Para além da escala utilizada para a construção de isossistas, na figura 4, existe uma outra escala
para caracterizar os sismos – a escala de Richter. Refere duas diferenças entre estas duas escalas.

MOD.01, revisão 0 Página 2 de 7


3. A figura 5 representa dois sismogramas registados em duas estações sismográficas: Montana (EUA) e
Panamá.

A B C

Figura 5

Nota : Para 100 Km a Vp = 6,1 Km/s e a Vs = 4,1 Km/s

3.1. Identifica as ondas sísmicas representadas por A, B e C.


3.2. Caracteriza as ondas sísmicas representadas pela letra B.
3.3. Indica qual o tipo de ondas sísmicas; A, B ou C, provoca maiores danos. Justifica com base em
dados da figura.
3.4. Determina a distância ao epicentro de cada estação sismográfica. (Apresenta todos os cálculos que
tiveres que efetuar).
3.5. Localiza no mapa o epicentro do sismo.
3.6. Indica se os dados que dispões são suficientes para determinar com exatidão o epicentro do sismo.
3.6.1. Justifica a tua resposta.

4.Estabelece a correspondência entre os termos da coluna I e as afirmações da coluna II.


Coluna I Coluna II
A – Réplica 1 - Aparelho que regista os sismos.
2 - Abalos de menor intensidade que se seguem a um sismo principal
B – Hipocentro
3 - Onda gigante originada por um sismo com epicentro no mar.
C – Sismógrafo
4 – Local no interior da Terra onde ocorre a libertação da energia
D - Abalo premonitório sísmica
E – Sismograma 5 - Pequeno abalo que antecede um sismo principal.
F – Epicentro 6 – Ponto localizado à superfície da Terra onde o sismo é sentido com
maior intensidade.
G - Tsunami
7- Registo de um sismo obtido por um sismógrafo

MOD.01, revisão 0 Página 3 de 7


5. Os dados sismológicos são muito úteis para o estudo da estrutura interna da Terra. A figura 5 representa
uma possível interpretação desses dados.

5.1. As Linhas 1, 2, 3, 4 e 5 representam trajetos de ondas sísmicas.


5.1.1. Identifique-as, colocando os respetivos algarismos à frente das possíveis designações dadas.
Exclusivamente ondas P
Ondas L
Ondas S e P
Exclusivamente ondas S
Nenhuma das situações anteriores
5.1.2. Justifique a sua resposta.

5.2. As ondas sísmicas que atravessam o núcleo sofrem um decréscimo de velocidade.


5.2.1. Justifique esse facto com base nos fatores que influenciam a velocidade das ondas sísmicas.

5.3. Complete a figura 5 A, assinalando a zona de sombra sísmica.


5.4. Designe as descontinuidades representadas pelas letras a e b.
5.5. Complete a figura 5 B, identificando as camadas internas da Terra.
5.6. Legende a figura 5B.

MOD.01, revisão 0 Página 4 de 7


Proposta de soluções da Ficha
I

1.1 - Câmara magmática; 2 - Chaminé; 3 - Correntes de lava; 4 - Piroclastos; 5 – Cone vulcânico; 6 -


Doma; 7 – Nuvem ardente; 8 - Caldeira.
1.2 - Vulcanismo do tipo primário central.
1.2.1. Primário pq ocorre uma erupção e central pq existe um aparelho vulcânico (vulcão).
1.3. I - Erupção mista; II - Erupção explosiva.
1.3.1. I - Observam-se correntes de lava e explosões com emissão de piroclastos e, por isso, é uma
erupção mista;
II - Observa-se a formação de um doma à superfície e de nuvens ardentes.
1.4. – II – lava rica em sílica (>62%) logo é ácida pq a erupção é do tipo explosivo e é mto viscosa e pobre em
gases.

2.1. – Explosiva. “(...)erupção curta e muito violenta(...)” “(...)o manto colossal de cinzas expelidas pelo vulcão
Katmai(...)”.
2.2. Fumarolas: “(...)se erguiam milhares de jactos de vapor uivantes e assobiadores que, em espirais, saíam
das fissuras do terreno(...)”.
2.3. Géisers e nascentes termais.
2.4. Cinzas – ricas em sais minerais q irão tornar os solos férteis
Consequência negativa – as cinzas podem provocae intoxicações nas populações.

3. A – 2; B–8 C–4 D–1 E–7 F–6 G–5 H-3

II
1.1.- Falha
1.2. - 1 – onda sísmica 2 – hipocentro 3 – epicentro 4 – falha

2.1. Mercalli modificada (MCS).


2.2. Linhas irregulares, em torno do epicentro e q unem pontos de igual intensidade sísmica.
2.3. 12 graus.
2.4. Leiria e Portalegre.
2.5.

3.1. A – ondas P B – ondas S C – ondas L


3.2. .as partículas vibram perpendicularmente à direcção de propagação da onda
.não há alterção do volume dos materiais
.só se propagam em meios sólidos
.são ondas transversais
.s as segundas a serem registadas
3.3. C. Porque têm maior amplitude e portanto s mais destrutivas.
3.4. Montana

S – P = 00.30-00.26 = 4min = 4X60 = 240s

Para 100Km

Vp = 6,1 Km/s 6,1 = 100 t = 16,4s


t

Vs = 4,1 Km/s 4,1 = 100 t = 24,4s


t

S-P = 24,4-16,4 = 8 s

Distância epicentral:

100 Km ______8 s
X ______240 s x = 3000 Km 1 cm
Panamá

S – P = 00.36-00.27 = 9min = 9X60 = 540s

MOD.01, revisão 0 Página 5 de 7


Para 100Km

Vp = 6,1 Km/s 6,1 = 100 t = 16,4s


t

Vs = 4,1 Km/s 4,1 = 100 t = 24,4s


t

S-P = 24,4-16,4 = 8 s

Distância epicentral:

100 Km ______8 s
X ______540 s x = 6750 Km 2,25 cm

3.5.

3.6. Não, uma vez que o epicentre teria q se localizar num dos pontos de intersecção das duas circunferências,
para determinar o epicentro com rigor teria q utilizar dados de uma 3ª estação sismográfica.

4. A – 2; B–4 C–1 D–5 E–7 F–6 G–3

5.1.1. Exclusivamente ondas P - 1, 2 e 3. Ondas S e P - 4 e 5.


5.1.2. As ondas 1, 2 e 3 são exclusivamente ondas P, porque percorrem todas as camadas do interior da
Terra. As ondas 4 e 5 podem ser P ou S, porque são ondas profundas registadas antes da zona de sombra
sísmica.
5.2.1. A velocidade das ondas sísmicas diminui com o aumento da densidade e diminuição da rigidez, factos
que são verificados ao nível do núcleo externo.
5.3.

5.4. a - Descontinuidade de Moho;


b - Descontinuidade de Gutenberg.
5.5.

MOD.01, revisão 0 Página 6 de 7


5.6. 1 – núcleo interno 2 – núcleo externo 3 – manto infarior 4 – manto superior
5 – crosta 6 – descontinuidade de Lehman

MOD.01, revisão 0 Página 7 de 7