Você está na página 1de 82

MANUAL DE NORMATIZAÇÃO DE

TRABALHOS ACADÊMICOS

ABNT E VANCOUVER

São Paulo
2020
UNIVERSIDADE SANTO AMARO

BIBLIOTECA MILTON SOLDANI AFONSO

MANUAL DE NORMATIZAÇÃO DE TRABALHOS


ACADÊMICOS: ABNT E VANCOUVER

São Paulo

2020
M25 Manual de normatização de trabalhos acadêmicos: ABNT e
Vancouver / Universidade Santo Amaro – São Paulo: Unisa, 2020.
74 p.: il.

1. Normalização 2. Metodologia. Cientifica 3. Normalização da


documentação I. Título

CDD: 001.42

Bibliotecária: Janice Toledo dos Santos – CRB: 8/8391


Sebastião Lacarra Medina
Presidente da Mantenedora

Profa. Dra. Luciane Lucio Pereira


Reitora

Cristiane Vidal da Silva


Coordenador de Biblioteca

Janice Toledo dos Santos


Mônica de Almeida Sousa
Ricardo Pereira de Souza
Bibliotecários
SUMÁRIO

1 PRODUÇÃO DO TRABALHO CIENTÍFICO ...................................................... 8

1.1 Trabalho Acadêmico .................................................................................................. 8

1.1.1 Monografia ........................................................................................................... .......8

1.1.2 Dissertação ................................................................................................................. 8

1.1.3 Tese ............................................................................................................................. 8

1.1.4 Artigo Científico .......................................................................................................... 9

1.1.5 Projeto Integrador....................................................................................................... 9

2 REGRAS GERAIS ............................................................................................ 10

2.1 Formato ..................................................................................................................... 10

2.2 Espaçamento ............................................................................................................ 11

2.3 Seções e subseções ................................................................................................. 11

2.4 Paginação.................................................................................................................. 12

2.5 Notas de Rodapé ...................................................................................................... 12

2.6 Aspas, itálico e negrito............................................................................................. 12

2.7 Entrega de Trabalhos em Mídia eletrônica ............................................................. 13

3 ESTRUTURA DO TRABALHO ........................................................................ 14

4 ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS ........................................................................ 15

4.1 Capa........................................................................................................................... 15

4.2 Folha de rosto ........................................................................................................... 17

4.3 Modelos de notas explicativas ................................................................................ 18

4.4 Ficha Catalográfica................................................................................................... 20

4.5 Errata ......................................................................................................................... 20

4.6 Folha de Aprovação ................................................................................................. 21


4.7 Dedicatória ................................................................................................................ 23

4.8 Agradecimentos........................................................................................................ 23

4.9 Epigrafe ..................................................................................................................... 23

4.10 Resumo em Língua Portuguesa .............................................................................. 23

4.11 Resumo em Língua Estrangeira (Inglês) ................................................................. 24

4.12 Palavras-chave / Keywords ..................................................................................... 27

4.13 Listas de Ilustrações ................................................................................................ 27

4.14 Lista de Abreviaturas e/ou Siglas ............................................................................ 28

4.15 Lista de símbolos ..................................................................................................... 28

4.17 Sumário ...................................................................................................................... 29

5 ELEMENTOS TEXTUAIS ................................................................................. 31

5.1 Introdução ................................................................................................................. 31

5.2 Desenvolvimento ...................................................................................................... 31

5.3 Conclusão ................................................................................................................. 32

6 ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS ........................................................................ 33

6.1 Referências ............................................................................................................... 33

6.2 Glossário ................................................................................................................... 33

6.3 Apêndice ................................................................................................................... 33

6.4 Anexo (s) ................................................................................................................... 34

6.5 Índice ........................................................................................................................ 34

7 ELEMENTOS DE APOIO AO TEXTO .............................................................. 35

7.1 Gráficos .................................................................................................................... 36

7.2 Tabelas ...................................................................................................................... 36

7.3 Quadro....................................................................................................................... 37
7.4 Figuras ...................................................................................................................... 38

8 CITAÇÕES PADRÃO ABNT ............................................................................ 39

8.1 Citação Indireta ......................................................................................................... 40

8.2 Citação de Citação.................................................................................................... 40

8.3 Citações com Destaques, Supressões e Interpolações. ........................................ 41

8.4 Citação de Comunicação Pessoal ........................................................................... 41

8.5 Tradução ................................................................................................................... 41

9 REFÊNCIAS PADRÃO ABNT .......................................................................... 42

9.1 Autores, Organizadores, Editores, Coordenadores e etc. ..................................... 43

9.1.1 Sobrenomes .............................................................................................................. 43

9.1.2 Sobrenomes constituídos de palavras que formem uma expressão .................... 43

9.1.3 Nomes franceses com prefixos ............................................................................... 44

9.2 Obra sem autoria ...................................................................................................... 44

9.3 Entidades como autoria / Normas Técnicas ........................................................... 44

9.4 Título.......................................................................................................................... 44

9.5 Edição, Reimpressão, Atualização etc. ................................................................... 45

9.6 Local .......................................................................................................................... 45

9.7 Editora ....................................................................................................................... 45

9.8 Data............................................................................................................................ 45

10 REFERÊNCIAS POR TIPO DE DOCUMENTO ................................................ 47

10.1 Referência de livro com 1 (um) autor ...................................................................... 47

10.2 Referência com até 4 (quatro) autores ................................................................... 47

10.3 Obras com mais de 4 (quatro) autores .................................................................... 47

10.4 Parte do livro ............................................................................................................. 47


10.5 Documentos diferentes do mesmo autor................................................................ 48

10.6 Autores com a mesma opinião ............................................................................... 48

10.7 Documento sem autoria ........................................................................................... 48

10.8 Correspondência ...................................................................................................... 49

10.9 Obras de responsabilidade jurídica ........................................................................ 49

10.10 Trabalhos acadêmicos ............................................................................................ 49

10.11 Verbete de enciclopédia ou dicionário ................................................................... 50

10.12 Evento ....................................................................................................................... 50

10.13 Trabalho apresentado em um evento ..................................................................... 51

10.14 Artigo de periódico .................................................................................................. 51

10.15 Artigo de periódico em meio eletrônico ................................................................. 51

10.16 Periódico no todo .................................................................................................... 52

10.17 Suplemento .............................................................................................................. 52

10.18 Artigo de jornal ........................................................................................................ 52

10.19 Documentos jurídicos ............................................................................................. 52

10.19.1 Legislação ............................................................................................................. 52

10.19.2 Jurisprudência (Decisões Judiciais) ................................................................... 53

10.19.3 Doutrina ................................................................................................................. 53

10.19.4 Documentos civis e de cartórios ......................................................................... 53

10.19.5 Documento jurídico em meio eletrônico ............................................................. 54

10.20 Outros materiais ...................................................................................................... 54

10.20.1 Documento iconográfico ...................................................................................... 54

10.20.2 Documento Cartográfico ...................................................................................... 55

10.20.3 Documento Sonoro ............................................................................................... 55


10.20.4 Documentos audiovisuais .................................................................................... 55

10.20.5 Patente ................................................................................................................... 56

10.20.6 Partitura ................................................................................................................. 56

10.20.7 Obra Mediúnica ..................................................................................................... 56

10.21 Documentos de Acesso Eletrônico ........................................................................ 56

10.22 Modelos de referências em meio eletrônico .......................................................... 57

10.23 Base de Dados ......................................................................................................... 57

10.25 E-mail ........................................................................................................................ 58

10.26 Programas de computador, jogos e etc. ................................................................ 58

11 CITAÇÕES EM FORMATO VANCOUVER ...................................................... 59

11.1 Citações .................................................................................................................... 59

11.2 Tipos de citações...................................................................................................... 60

11.2.1 Citação direta ................................................................................................ 60

11.3 Citação Indireta ......................................................................................................... 61

11.4 Citação de Citação.................................................................................................... 62

11.5 Citações com Destaques, Supressões e Interpolações. ........................................ 62

11.6 Citação de Comunicação Pessoal ........................................................................... 63

11.7 Tradução ................................................................................................................... 63

12 REFERÊNCIAS EM FORMATO VANCOUVER .............................................. 64

12.1 Organização como autoria ....................................................................................... 64

12.2 Autoria de tradutores, organizadores e etc. ........................................................... 65

12.3 Sobrenomes Compostos ......................................................................................... 65

12.4 Sobrenomes constituídos de palavras que formem uma expressão .................... 65

12.5 Nomes franceses com prefixos ............................................................................... 65


12.6 Documentos sem autoria ......................................................................................... 66

12.7 Edição........................................................................................................................ 66

12.8 Documento sem local de publicação ...................................................................... 66

12.9 Documento sem editora ........................................................................................... 67

12.10 Documento sem data de publicação ...................................................................... 67

12.11 Séries e/ou coleções................................................................................................ 67

12.12 Notas de rodapé ....................................................................................................... 68

13 REFERÊNCIAS POR TIPO DE DOCUMENTO EM FORMATO VANCOUVER .. 69

13.1 Livro com 1 (um) autor ............................................................................................. 69

13.2 Mais que 6 autores ..................................................................................................... 69

13.3 Partes do Livro ........................................................................................................... 69

13.4 Obra Sem Indicação de Autoria ................................................................................ 69

13.5 Normas Técnicas ....................................................................................................... 70

13.6 Trabalho de Conclusão de Curso, Teses e Dissertações ....................................... 70

13.7 Evento ......................................................................................................................... 70

13.8 Trabalho apresentado em um evento ....................................................................... 70

13.9 Slide em Power Point................................................................................................. 71

13.10 Dicionário ou Verbete .............................................................................................. 71

13.11 Relatório Técnico ou Científico e Catálogo............................................................ 71

13.12 Patente ...................................................................................................................... 71

13.13 Publicações Periódicas ........................................................................................... 72

13.13.1 Artigo de Periódico ............................................................................................... 72

13.13.2 Artigo de Periódico sem Autoria .......................................................................... 72

13.13.3 Artigo com indicação PubMed ............................................................................. 72


13.13.4 Artigo com DOI (Digital Object Identifier) ............................................................ 72

13.13.5 Suplemento ........................................................................................................... 73

13.13.6 Artigos sem número e sem volume ..................................................................... 73

13.13.7 Artigo de Jornal .................................................................................................... 73

13.14 Documentos Jurídicos ........................................................................................... 73

13.14.1 Constituição e/ou Código ..................................................................................... 74

13.15. Materiais Diversos .................................................................................................. 74

13.16 Documentos cartográficos .................................................................................... 74

13.17 Materiais em meio eletrônico................................................................................. 75

13.18 Site, Home Page, Base de Dados, Blog e outros ................................................. 75

13.19 E-mail ...................................................................................................................... 75

REFERÊNCIAS ................................................................................................ 76

ANEXO A – Autorização para divulgação de Trabalhos Acadêmicos ........ 78


8

1 PRODUÇÃO DO TRABALHO CIENTÍFICO

A NBR 14724:2011 especifica os princípios gerais para a elaboração de trabalhos


acadêmicos (monografias, artigos científicos, teses e dissertações), visando sua
apresentação à Instituição (banca, comissão examinadora de professores, especialistas
designados e/ou outros).

1.1 Trabalho Acadêmico

O Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) e seus diversos formatos.

1.1.1 Monografia

Considerem-se, neste tópico, Monografia, Dissertação, Tese, Artigo Científico e


Projeto Integrador, expressando conhecimento de um assunto escolhido, conforme a
NBR 14724:

[...] documento que apresenta o resultado de estudo, devendo expressar


conhecimento do assunto escolhido, que deve ser obrigatoriamente emanado
da disciplina, módulo, estudo independente, curso, programa, e outros
ministrados. Deve ser feito sob a coordenação de um orientador. (ABNT,
2011, p.4).

1.1.2 Dissertação

A dissertação é resultado de um estudo que visa a obtenção do título de Mestre nos


cursos de pós-graduação Stricto Sensu, sendo um:

[...] documento que apresenta o resultado de um trabalho experimental ou


exposição de um estudo científico retrospectivo, de tema único e bem
delimitado em sua extensão, com o objetivo de reunir, analisar e interpretar
informações. Deve evidenciar o conhecimento de literatura existente sobre o
assunto e a capacidade de sistematização do candidato. É feito sob a
coordenação de um orientador (doutor), visando á obtenção do título de
mestre. (ABNT, 2011, p.3).

1.1.3 Tese

A tese é um documento escrito visando à obtenção do título de Doutor ou de livre-


docente, nos cursos de pós-graduações Stricto Sensu, sendo um:
9

[...] documento que apresenta o resultado de um trabalho experimental ou


exposição de um estudo científico de tema único e bem delimitado. Deve ser
elaborado com base em investigação original, constituindo-se em real
contribuição para a especialidade em questão. É feito sob a coordenação de
um orientador (doutor) e visa á obtenção do título de doutor, ou similar
(ABNT, 2011 p.4).

1.1.4 Artigo Científico

O artigo científico, conforme a NBR 6022 de 2018, são “parte de uma publicação, com
autoria declarada, de natureza técnica e/ou científica. ” (ABNT, 2018, p. 2).

É publicado em revistas e jornais científicos e pode ser também apresentado em


congressos e eventos do gênero na forma oral e/ou publicação nos anais do evento; também
é solicitado como atividade didática em cursos de graduação e pós-graduação, para adquirir
habilidades de pesquisa e de escrita.

A ABNT (2018, p.1-2), destaca que artigo científico pode ser:

 Original - parte de uma publicação que apresenta temas ou abordagens originais;


 Revisão - parte de uma publicação que resume, analisa e discute informações já
publicadas.

O modelo e as diretrizes para elaboração de Artigo Científico estão localizadas no capítulo


13 deste Manual.

1.1.5 Projeto Integrador

O projeto integrador visa sistematizar os conhecimentos adquiridos pelos estudantes


durante o desenvolvimento do curso, como também, oferecer vivência prática-profissional
mediante aplicação dos conhecimentos em situações reais.

Têm por objetivo integrar os conhecimentos nas áreas específicas dos cursos e a
prática organizacional, promovendo o desenvolvimento de competências, ou seja, a
capacidade pessoal de mobilizar, articular e colocar em ação conhecimentos, habilidades,
atitudes e valores necessários para o desempenho eficiente e eficaz de atividades requeridas
pela natureza do trabalho e pelo desenvolvimento tecnológico.
10

2 REGRAS GERAIS

As regras deste capítulo se aplicam a todos os tipos de trabalhos.

2.1 Formato

De acordo com a NBR 14724, os textos devem ser digitados no anverso da folha
(frente), com exceção da Ficha Catalográfica que deve vir no verso da olha de rosto, em cor
preta, podendo utilizar outras cores somente para ilustrações. Em papel branco, formato A4
(29mm x 297mm). (ABNT, 2011).

As margens devem ser: 3,0 cm esquerda e superior e 2,0 cm, direita e inferior, fonte
Arial 12 em todo texto, inclusive nos títulos de capítulos, exceto quando houver orientação
específica para outro tamanho de fonte.

Figura 1 – Margens

Fonte: Os autores (2019)


11

Os parágrafos devem ser iniciados em 1,25 na régua, a partir da margem esquerda e


configurado com espaçamento 10 pt depois da última linha e parágrafo justificado.

2.2 Espaçamento

De acordo com a norma NBR 17724 (2011, p. 9):

 Todo texto deve ser digitado ou datilografado com espaçamento 1,5 entre as linhas;
 As citações de mais de três linhas, notas de rodapé, referências, legendas das
ilustrações e das tabelas, natureza (tipo do trabalho, objetivo, nome da instituição a
que é submetido e área de concentração), que devem ser digitados ou datilografados
em espaço simples.
 As referências, ao final do trabalho, devem ser separadas entre si por um espaço
simples em branco.

2.3 Seções e subseções

Os títulos das seções devem começar na parte superior da margem esquerda e ser
separados do texto que os prossegue por um espaço de 1,5, entrelinhas, ou seja sem uma
linha em branco. Da mesma forma, os títulos das subseções devem ser separados do texto
que os antecede por dois espaços de 1,5, sendo assim por um espaço em branco. Já os títulos
sem indicativo numérico tais como: errata, agradecimentos, lista de ilustrações, gráficos,
resumos, sumário, referências glossário, apêndice (s), anexo (s) devem ser centralizados
(ABNT, 2011, p.9).

Exemplos:

1 INTRODUÇÃO (seção)

Xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx.

(Linha em branco)

1.1 Objetivos Gerais (subseção)


12

2.4 Paginação

A paginação deve constar no canto superior direito da página, em algarismos arábicos


com a fonte Arial tamanho 10 e são contadas a partir da folha de rosto, no entanto só
aparecem a partir da Introdução.

2.5 Notas de Rodapé

As notas de rodapé aparecem na parte inferior da página e são indicações,


observações ou aditamentos ao texto feitos pelo autor (ABNT, 2011).

Devem ser digitadas ou datilografadas dentro das margens, ficando separadas do


texto por um espaçamento simples (1,0) entre as linhas. A fonte é menor (tamanho 10 e/ou
11) e a numeração em algarismos arábicos e a sequência dever ser única e crescente (ABNT,
2011).

Exemplo:

No texto:

Os pais estão sempre confrontados diante das duas alternativas: vinculação escolar
ou vinculação profissional. 1

No rodapé da página:

__________________

1 Sobre essa opção dramática, ver também Morice (1996, p. 269-290).

2.6 Aspas, itálico e negrito

ASPAS (“”)

 São utilizadas na citação direta com até 3 linhas definições de termos;


 Em termos como: apelidos, gírias ou até mesmo com sentido de ironia;
 Para definir um conceito ou um termo.

ITÁLICO:
 Usa-se itálico em casos de palavras em língua estrangeira.
13

Negrito:

 Utilizado para destacar os títulos.

2.7 Entrega de Trabalhos em Mídia eletrônica

Os trabalhos acadêmicos elaborados pelos discentes da Unisa, com nota acima de 9,


devem ser enviados pelo coordenador do Curso em formato PDF, armazenado em mídia
digital (CD).

Os trabalhos são entregues na biblioteca pelo coordenador do Curso e só serão


inseridos nas bases Pergamum e no Repositório Institucional1, se os mesmos estiverem
normalizados de acordo com este Manual;

Todos os trabalhos deverão apresentar uma Autorização para publicação eletrônica,


que se fica disponível no Anexo 1 deste manual, lembrando que os trabalhos com mais de 1
(um) autor deve ser preenchido uma autorização por discente.

1 Para saber mais sobre as bases acesse nosso site: http://www.unisa.br/A-


UNISA/Biblioteca/Apresentacao-869
14

3 ESTRUTURA DO TRABALHO

A estrutura básica de um trabalho acadêmico é formada a partir de três elementos:


pré-textuais, textuais e pós-textuais. Alguns elementos do trabalho são obrigatórios e outros
são opcionais conforme o quadro abaixo:

Quadro 2 - Estrutura do trabalho

ELEMENTOS OBRIGATÓRIO OPCIONAL


Capa X
PARTE
EXTERNA Lombada X

Folha de rosto X
Ficha catalográfica X
Errata X
Folha de aprovação X
Dedicatória X
Agradecimentos X
Epigrafe X
ELEMENTOS Resumo em língua Portuguesa X
PRÉ-TEXTUAIS Resumo em língua estrangeira
X
(Inglês)
Listas: ilustrações, tabelas,
gráficos quadros etc. Opcional, se cada tipo de item for
Lista de abreviaturas e / ou inferior a 5, ultrapassando passa a
siglas ser obrigatório
Lista de símbolos
Sumário X
Introdução X
ELEMENTOS
Desenvolvimento X
TEXTUAIS
Conclusão X
Referências X
Glossário X
ELEMENTOS Apêndice X
PÓS-TEXTUAIS
Anexo X
Índice X
Fonte: Os autores, (2017)
15

4 ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS

4.1 Capa

Elemento obrigatório, e as informações são apresentados na ordem a seguir:

Nome da Instituição:

 Centralizado, localizado na margem superior da folha;


 Letras maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 16;
 Negrito

Nome do Curso ou programa de Pós-Graduação:


 Centralizado, abaixo do nome da Instituição;
 Letras iniciais maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 16;
 Negrito;
 Espaçamento de 1,5.

Nome(s) do(s) autor(es):


 Centralizado;
 Letras iniciais maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 14;
 Negrito;
 Espaçamento de 1,5.

Título e subtítulo (se houver):


 Centralizado;
 Letras maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 14;
 Negrito;
 Espaçamento de 1,5;
 O subtítulo será precedido de dois pontos (:).

Local (cidade onde trabalho foi apresentado):


 Centralizado;
 Letras iniciais maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 14;
 Negrito;
 Espaçamento de 1,5.

Ano de entrega / depósito:


 Centralizado, junto a margem inferior da folha;
 Fonte Arial, tamanho 14;
 Negrito
16

Modelo de Capa 2

UNIVERSIDADE SANTO AMARO


Curso de ........

Nome Completo do(s) Autor (es)

TÍTULO DO TRABALHO: SUBTÍTULO (SE HOUVER)

Cidade
Ano

2 As linhas pretas do modelo servem apenas para ilustrar, não se coloca no trabalho original
17

4.2 Folha de rosto

Elemento obrigatório e as informações são apresentadas na ordem a seguir.

Nome(s) do(s) autor(es):

 Centralizado;
 Letras iniciais maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 14;
 Negrito;
 Espaçamento de 1,5.

Título e subtítulo (se houver):


 Centralizado;
 Letras maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 14;
 Negrito;
 Espaçamento de 1,5;
 O subtítulo será precedido de dois pontos (:).

Nota explicativa (Indicação de natureza do trabalho):


 Letras iniciais maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 11;
 Recuo de 8 cm da margem esquerda;
 Espaçamento simples (1,0);
 Parágrafo justificado.

Local (cidade onde trabalho foi apresentado):


 Centralizado;
 Letras iniciais maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 14;
 Negrito;
 Espaçamento de 1,5.
Ano de entrega / depósito:
 Centralizado, junto a margem inferior da folha;
 Fonte Arial, tamanho 14;
 Negrito
18

4.3 Modelos de notas explicativas

Categoria: Graduação

Trabalho de Conclusão de Curso apresentado ao Curso de ........... da Universidade


Santo Amaro – UNISA, como requisito parcial para obtenção do título Bacharel
em ...........
Orientador: Prof. Dr. ............................................

Categoria: Especialização / MBA

Trabalho de Conclusão de Curso de Especialização (ou MBA) apresentado ao


Programa de Pós-Graduação Lato Sensu da Universidade Santo Amaro – UNISA,
como requisito parcial para obtenção do título de Especialista em ......
Orientador: Prof. Dr. ............................................

Categoria: Mestrado

Dissertação apresentada ao Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu da


Universidade Santo Amaro – UNISA, como requisito parcial para obtenção do título de
Mestre em ...........
Orientador: Prof. Dr. ............................................

Categoria: Doutorado

Tese apresentada ao Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu da Universidade


Santo Amaro – UNISA, como requisito parcial para obtenção do título de Doutor
em............. Orientador:
Prof. Dr. ............................................

Categoria: Projeto de Pesquisa

Projeto de Pesquisa apresentado ao Curso de ........... da Universidade Santo Amaro –


UNISA.
Orientador: Prof. Dr. ............................................
19

Modelo de Folha de Rosto3

Nome Completo do(s) Autor (es)

TÍTULO DO TRABALHO:
SUBTÍTULO (SE HOUVER)

Trabalho de Conclusão de Curso


apresentado ao Curso de ........... da
Universidade Santo Amaro – UNISA, como
requisito parcial para obtenção do título
Bacharel em................................................
Orientador(a) Prof. Dr...........................

Cidade
Ano

3 As linhas pretas do modelo servem apenas para ilustrar, não se coloca no trabalho original
20

4.4 Ficha Catalográfica

Elemento obrigatório para TCC, Dissertação e Tese. A ficha catalográfica deve ser
impressa no verso da folha de rosto e deve atender as normas do Código de Catalogação
Anglo-Americano (AACR).

Segundo Brasil (2017) “É obrigatório que conste o número de registro no CRB do


bibliotecário abaixo das fichas catalográficas de publicações de quaisquer natureza e
trabalhos acadêmicos. ” Segue as informações de como solicitar a ficha catalográfica.

Para os alunos da modalidade Presencial:

É necessário fazer a solicitação da ficha catalográfica via Meu Pergamum, no Menu


Serviços, Solicitações, Ficha Catalográfica, preencher de acordo com as informações
solicitadas, e o prazo para envio é de até 10 dias úteis.

Para os alunos da modalidade de Ensino a Distância (EAD):

É necessário fazer a solicitação por meio do site da Unisa (www.unisa.br), no Menu


serviços, Diretrizes para Trabalhos Acadêmicos, Ficha Catalofráfica – EAD.

Modelo

Santos, Marcelo Henrique Ferreira

Cobertura vacinal das macrorregiões brasileiras contra influenza na


população idosa / Marcelo Henrique Ferreira dos Santos. - São Paulo, 2014.

52 f.

Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Santo Amaro


- Unisa , 2014.

Orientador: Profa. Dra. Carolina Nunes França.

1. Vacinação 2. Influenza 3. Idosos 4. Mortalidade I. França, Carolina Nunes ,


orient. II. Título

Bibliotecária(o): Xxxxxxxxxxxxxxxx – CRB: X/XXX

4.5 Errata

Elemento opcional. A finalidade é apresentar erros presentes no trabalho depois que


o mesmo já está concluído, todos os possíveis erros devem constar em uma única errata,
apresentado em folha avulsa contendo as referências de acordo com o padrão definido.
21

Modelo

PEREIRA, A. C. O tomador de decisões no século XXI. 2014. 50f. Dissertação


(Mestrado em Administração) – Universidade Santo Amaro, São Paulo, 2014.

Errata

Folha Parágrafo Linha Onde se lê Leia-se


23 5 7 Tabela Quadro

4.6 Folha de Aprovação

Elemento obrigatório e deve conter:

Nome do autor:

 Letras iniciais maiúsculas;


 Fonte Arial, tamanho 14;
 Negrito;
 Espaçamento de 1,5.

Título e subtítulo (se houver):


 Letras maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 14;
 Negrito;
 Espaçamento de 1,5.

Nota explicativa: (mesma nota explicativa da folha de rosto)


 Letras iniciais maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 12;
 Sem negrito;
 Espaçamento 1,5.

Data da banca: (local, dia, mês e ano)


 Letras iniciais maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 12;
 Sem negrito;
 Espaçamento de 1,5.

Banca examinadora
 Letras iniciais maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 12;
 Sem negrito;
 Espaçamento 1,5.

Conceito Final:
 Letras iniciais maiúsculas;
 Fonte Arial, tamanho 12;
 Sem negrito;
 Espaçamento 1,5;
22

Modelo de Folha de Aprovação

Nome Completo do(s) Autor (es)

TÍTULO DO TRABALHO:
SUBTÍTULO (SE HOUVER)

Trabalho de Conclusão de Curso apresentado ao Curso de ........... da


Universidade Santo Amaro – UNISA, como requisito parcial para obtenção do
título Bacharel em ...... Orientador:
Prof. Dr. ...........................................
Cidade ..... de ......... de 20....

Banca Examinadora

_________________________
Prof. Dr. ....................................

__________________________
Profa.Dra. ..................................

__________________________
Profa.Dra. .....................................

Conceito Final: ____________


23

4.7 Dedicatória

Elemento opcional. Tem como propósito homenagear alguém, o tipo e tamanho da


letra são de livre escolha, não se deve colocar nenhum título na página, nem mesmo a palavra
DEDICATÒRIA.

4.8 Agradecimentos

Elemento opcional. Sua finalidade é mencionar aqueles que contribuíram para a


realização do trabalho. Tipo e tamanho da letra são de livre escolha.

4.9 Epigrafe

Elemento opcional. O autor escolhe uma citação relacionada ao tema abordado no


trabalho. O tipo e tamanho da letra são de livre escolha, não se deve colocar nenhum título
na página, nem mesmo a palavra EPÍGRAFE.

4.10 Resumo em Língua Portuguesa

Elemento obrigatório. “É a apresentação concisa dos pontos relevantes do


documento.” (ABNT, 2003, p. 1).

O resumo deve ser redigido na terceira pessoa do singular, verbo na voz ativa,
sucedido pelas palavras-chave e apresentado da seguinte forma:

 A palavra RESUMO deve estar centralizada na margem superior da folha em letras


maiúsculas, fonte Arial 12 e em negrito.
Texto:
 Separado da palavra resumo, por apenas uma entrelinha (um enter);
 Digitado em apenas um parágrafo;
 Fonte Arial, tamanho 12;
 Espaçamento simples (1,0);
 Texto justificado
24

De acordo com a ABNT 6028, seu tamanho deve ter:

a) De 150 a 500 palavras para trabalhos acadêmicos (teses, dissertações etc.);


b) De 150 a 250 palavras para artigos de periódicos;
c) De 50 a 90 palavras para destinados a indicações breves.
Conforme NBR 6028 (2003) devem ser evitadas, fórmulas, equações, diagramas,
citações entre outros, quando não são de extrema importância.

4.11 Resumo em Língua Estrangeira (Inglês)

Elemento obrigatório. As características são as mesmas do resumo em português


(item 5.10). Digitado em folha separada, seguido das palavras-chave, (keywords).

A seguir estão os modelos de Resumo e Abstract.


25

Modelo de resumo em língua Portuguesa

RESUMO
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Palavras-chave: Xxxxxxxxxx. Xxxxxxxxxx. Xxxxxxxxxx.


26

Modelo de resumo em língua estrangeira (Inglês)

ABSTRACT

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
Keywords: Xxxxxxxxxx. Xxxxxxxxxx. Xxxxxxxxxx.

.
.
27

4.12 Palavras-chave / Keywords

São termos que representam assuntos abordados no documento. Segundo ABNT


(2003), as palavras-chave devem estar abaixo do resumo precedidas da expressão Palavras-
chave / Keywords, separadas por ponto e finalizadas também por ponto. Devem ser listadas
no mínimo 3 (três) e no máximo 5 (cinco) palavras-chave em cada trabalho.

As palavras-chave são definidas com base em vocabulários controlados voltados para


suas respectivas áreas:

 Para área da saúde é usado o vocabulário da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS).


 Para área de Exatas / Humanas é usado o vocabulário SIBI/USP.

4.13 Listas de Ilustrações

Elemento opcional. É a relação de itens tais como: gráficos, tabelas, desenhos,


esquemas, fluxogramas, mapas organogramas, plantas, quadros entre outros. São
representadas em lista na ordem em que aparecem no texto e identificadas por título e número
de páginas. Recomenda-se fazer uma lista por tipo de item sempre que a quantidade for
superior a 5 (cinco) itens.

Modelo de lista

Lista de Tabelas
Tabela 1- Idade ........................................................................................... 25
Tabela 2- Gênero ........................................................................................ 26
Tabela 3- Religião ....................................................................................... 29
Tabela 4- Procedência ................................................................................ 35
28

4.14 Lista de Abreviaturas e/ou Siglas

Elemento opcional. É uma relação de todas as abreviaturas e/ou siglas usadas no


texto, seguidas da respectiva forma por extenso com espaçamento de 1 cm, da abreviatura
para o seu significado. Devem ser separadas por item e a mesma deve estar em ordem
alfabética.

OBS: No texto a primeira vez que a sigla aparece deve ser escrita por extenso a seguir entre
parênteses, e nas demais vezes que elas aparecem podem ser mencionadas apenas pela
sigla correspondente. Devem ser separadas por item e a mesma deve estar em ordem
alfabética.

Modelo de siglas no texto: Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).

Modelo de lista de siglas e / ou abreviaturas

Lista de Abreviaturas

Apo A-IApolipoproteína A-I

CD36 Cluster diferenttiation

CL Colesterol livre

FE Fitoesteróis

4.15 Lista de símbolos

Elemento opcional. “Elaborada de acordo com a ordem apresentada no texto com


seu devido significado. ” (ABNT, 2011, p.8)

Modelo de Lista de Símbolos

Lista de símbolos

@ Arroba

© Copyrigth

® Marca Registrada
29

4.16 Equações e fórmulas

Devem ser numeradas em algarismos arábicos entre parênteses e alinhadas a direita,


na ordem em que aparecem no texto e devem ser separadas por uma entrelinha.

Modelo de equação

(1)

4.17 Sumário

Elemento obrigatório. O Sumário é o último elemento pré-textual onde são


apresentados os seus capítulos e os subcapítulos, na mesma ordem e grafia em que
decorrem o corpo do texto.

 A palavra SUMÁRIO, deve estar centralizada junto a margem superior da folha, em


fonte Arial no tamanho 12;
 O indicativo numérico deve estar alinhado junto a margem esquerda, seguido de um
espaço;
 Número da folha que consta ligado por linha pontilhada;
 Os elementos pré-textuais não são inseridos no sumário, porém as páginas são
contadas;
 Elementos como: referências, glossário, apêndice e anexos aparecem no sumário,
mas não são numerados como capítulo.
30

Modelo de Sumário

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÂO.................................................................. 9

2 OBJETIVOS .................................................................... 14

3 METODOLOGIA.............................................................. 15

4 PRIMEIRA GERAÇÃO (1922-1930) ............................... 17

4.1 Manifestos e Revistas .................................................... 20

4.2 Revista Klaxon ............................................................... 25

REFERÊNCIAS .............................................................. 30
APÊNDICE A – Título ..................................................... 34

APÊNDICE B – Título ..................................................... 35

ANEXO A – Título

ANEXO B – Título
31

5 ELEMENTOS TEXTUAIS

De acordo com a ABNT NBR 14724 (2011, p. 8) “O texto é composto de uma parte
introdutória, que apresenta os objetivos do trabalho e as razões de sua elaboração; o
desenvolvimento, que detalha a pesquisa ou o estudo realizado; e uma parte conclusiva. ”

5.1 Introdução

A Introdução deve expressar de forma sucinta como o trabalho irá se desenvolver. O


texto deve apresentar um referencial teórico que esclareça o tema abordado, além da
especificidade e da extensão que se pretende abordar, ressaltar a relevância do tema e dos
objetivos estabelecidos de maneira a justificar a sua realização, apresentar os capítulos a
serem desenvolvidos e a metodologia empregada no corpo do trabalho.

Nas Dissertações de Mestrado em Ciências Humanas e Ciências Sociais, a


Introdução, que não é considerada um capítulo e, portanto, não deve vir numerada,
deverá ter o texto corrido, sem que sejam indicados números ou marcadores para as partes
que a compõem.

 Nas Dissertações de Mestrado em Ciências humanas e Ciências Sociais, a


Introdução é uma apresentação de todo o trabalho, não cabendo nela, em hipótese
alguma, discussões teóricas, citações e gráficos.
 Nas Dissertações de Mestrado em Ciências humanas e Ciências Sociais, a
Metodologia deve comparecer apenas na Introdução e não como um capítulo à parte.
 Já nas dissertações de Mestrado das Ciências Exatas e das Ciências Biológicas e
da Saúde, deverá haver um capitulo específico para discutir a metodologia, além de
que a Introdução pode vir numerada.

5.2 Desenvolvimento

É a parte do trabalho que exibe de forma precisa o assunto e suas características. O


desenvolvimento é dividido em seções e subseções, ou capítulos e subcapítulos, sempre
numerados e não existe um padrão para sua organização, pois a ordem vai depender da
natureza da pesquisa
32

5.3 Conclusão

Parte do texto construída pelo autor do trabalho, onde se deve demonstrar se as


questões do problema apresentadas na Introdução foram devidamente respondidas e os
objetivos atingidos.

Nas Dissertações de Mestrado em Ciências Humanas e Ciências Sociais, a


Conclusão é uma parte não numerada, já que não é considerada um capítulo. Não deve
conter ilustrações, citações e/ou discussões de novos problemas.
33

6 ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS

6.1 Referências

Elemento obrigatório. Relação das obras utilizadas no texto por meio de citações e/ou
notas de rodapé.

A palavra ”REFERÊNCIAS” deve comparecer em caixa alta, em negrito e centralizada,


e não deve ser numerada, já que também não é considerada um capítulo.

Não é permitida a apresentação de uma bibliografia consultada, composta por obras


não citadas no texto; inserir somente as que fizeram parte da leitura citada pelo autor do
trabalho.

6.2 Glossário

Elemento opcional. São palavras com sentido pouco conhecido.

Modelo de Glossário

Deslocamento: peso da água deslocada por um navio flutuando em águas tranquilas;

Duplo Fundo: robusto fundo interior no fundo da caverna.

6.3 Apêndice

Material ou texto elaborado pelo autor do trabalho acadêmico para complementar a


sua argumentação. São reconhecidos pela palavra APÊNDICE seguidos de uma letra do
alfabeto iniciada em A, e apresentadas da seguinte forma:

 Em letras maiúsculas, seguida de travessão (–);


 Fonte Arial tamanho 12;
 Paginação continuada a do texto principal.

Modelo de Apêndice

APÊNDICE A – Título

APÊNDICE B – Título
34

6.4 Anexo (s)

Elemento opcional. Texto ou documento que não foi produzido pelo autor do trabalho,
e que contribui para melhor entendimento do trabalho.

Identificadas pela palavra ANEXO e apresentadas da seguinte forma:

 Em letras maiúsculas, seguida de travessão;


 Fonte Arial tamanho 12;

Modelo de anexo

ANEXO A – Título

ANEXO B – Título

6.5 Índice

Elemento opcional. Relação de palavras e/ou frases que são ordenadas conforme o
critério determinado que remetem a informações inseridas no texto. (ABNT, 2004).

O índice deve ser impresso no final do documento, com a paginação consecutiva.

A elaboração do Índice é feita por meio da ABNT NBR: 6034:2004.

Modelo de Índice

ÍNDICE

Palavra 1 ................................................................................................. 2
Palavra 2 ................................................................................................. 3
Palavra 3 ................................................................................................. 8
35

7 ELEMENTOS DE APOIO AO TEXTO

Apresentação de dados sendo eles ilustrativos ou complementares podem ser feitos


em forma de tabelas, gráficos, quadros figuras entre outros, a inserção desses dados pode
ser feita próximo ao texto ou em forma de anexo, e deve ser representada da seguinte forma:

 Fonte Arial, tamanho 10 ou 11;

 Indicativo numérico e títulos separados por hífen indicados na parte superior e em negrito;

 Na parte inferior é obrigatório indicação da fonte, mesmo quando forem resultados


elaborados pelo autor;

 O tamanho do item não deve ultrapassar as margens estabelecidas;

 Em casos que o item é retirado de outro documento e não foram usadas todas as
informações, deve-se indicar uma adaptação.

Modelo de Título

Tabela 1 – Óbitos ocorridos entre 1998 e 2008

Gráfico 3 – Demonstrativo de produção

Modelos de estruturação de Fonte

Fonte: O autor (2018)

Fonte: (CHIAVENATO, 2011)

Fonte: Adaptada de Chiavenato (2011)


36

7.1 Gráficos

Representação gráfica de tendências e evolução dos fenômenos abordados. Existem


vários tipos de gráficos: barras, lineares, de círculos, entre outros.

Modelo de Gráfico

Gráfico 1 - Demonstrativo de produção de Petróleo de Jun/12 a Jun/13

Fonte: (ANP, 2013, p.23)

7.2 Tabelas

As tabelas são abertas lateralmente e não tem divisões entre as linhas e colunas. Os
dados numéricos se destacam como informações essenciais.
37

Modelo de Tabela

Tabela 7 - Óbitos ocorridos entre 1998 e 2008 por natureza do óbito e sexo.

Fonte: (IBGE, 2008, p.45)

7.3 Quadro

De maneira oposta da tabela os quadros as informações aparecem de forma textual,


são fechados dos 4 (quatro) lados, as linhas e as colunas são separadas por linhas verticais
e horizontais.

Modelo de Quadro

Quadro 1 – Algumas características das situações onde ocorreu o processo de


implementação de atividades declaradas no planejamento estratégico de mercado e
vendas proposto por gestores da firma “A”

Fonte: (CORREA; SILVA, 2008, p.66)


38

7.4 Figuras

É a representação por meio de uma imagem, foto, ilustração, desenho entre outros. A
figura deve ficar centralizada, na página.

Importante lembrar que o título e a fonte devem ficar perto do trecho onde se menciona. Fazer
à menção a fonte e/ou página que se extraiu a figura.

Modelo de Figura

Figura 3 - Especialidades Médicas que podem se beneficiar com o Google Glass

Fonte: (MEDICAL..., 2014)


39

8 CITAÇÕES PADRÃO ABNT

Citação: Segundo a NBR 10520, “citação é a menção de uma informação extraída de


outra fonte. ” (ABNT, 2002, p.1).

As citações são classificadas em: direta (curta e longa), citação indireta e citação da
citação;

Direta: A citação direta é a cópia fiel do texto ou parte dele, onde é obrigatória a
paginação e o ano da obra consultada, existem 2 (dois) tipos de citação direta a curta e a
longa;

 Curta: Apresenta-se no texto em fonte normal, em até três linhas, e aparece entre aspas
(“ ”).

Modelo de Citação Curta

Segundo Morin (2000, p. 56), “É na linguagem que o discurso ganha seu sentido,
com relação a palavra."

"É na linguagem que o discurso ganha seu sentido, com relação a palavra. ”
(MORIN, 2000, p.56).

 Longa: Apresenta-se no texto quando a citação ultrapassa 3 linhas, com recuo de 4 cm


da margem esquerda, espaçamento simples (1,0), sem aspas (“ ”) e digitada em fonte
menor que o texto;

Modelo de Citação Longa

No começo da sentença

Eco (1998, p. 14), questiona:

O que é um jornal, se não um produto, formado de um número fixo de


páginas, obrigado a sair uma vez por dia, e no qual as coisas ditas não
serão mais unicamente determinadas pelas coisas a dizer (segundo uma
necessidade absolutamente interior), mas pelo fato de que, uma vez por
dia, se deverá dizer o tanto necessário para preencher tantas páginas?

No final da sentença

O que é um jornal, se não um produto, formado de um número fixo de


páginas, obrigado a sair uma vez por dia, e no qual as coisas ditas não
serão mais unicamente determinadas pelas coisas a dizer (segundo uma
necessidade absolutamente interior), mas pelo fato de que, uma vez por
dia, se deverá dizer o tanto necessário para preencher tantas páginas?
(ECO, 1998, p. 14).
40

8.1 Citação Indireta

Adotada em casos onde não há a transcrição fiel do texto original, mas a reprodução
da ideia é a mesma do documento do qual foi extraída, não se usa aspas (“ ”) e a indicação
da página consultada não é obrigatória.

Modelo de Citação Indireta

As atividades a serem desenvolvidas são inúmeras e há somente um enfermeiro


para se responsabilizar por elas, tornando-se difícil conciliá-las. A competência
assistencial abrange a assistência de forma integral, incluindo o cuidado dos familiares,
agentes participantes e ativos desse processo. Para outro enfermeiro, a assistência aos
familiares insere-se na competência Gerencial e não Assistencial. (PENEDO; SPIRI,
2014).

8.2 Citação de Citação

É a citação de um documento cujo a obra original não foi consultada, onde a mesma
foi extraída de um outro documento em que foi feito a menção ao autor, logo essa citação não
é recomendada, pois dá margem a falsas interpretações. Pode ser indicada pelas expressões
apud ou citado por e nas referências deve-se indicar o documento consultado.

IMPORTANTE: Nos casos de citação de citação, deve constar nas referências o título da obra
que foi extraída a citação.

Modelo de Citação de Citação

No começo da sentença

Vigostski (2001 apud ZANELLA, 2006, p. 43) “Não ao adornamento da vida, mas a
elaboração criadora da realidade dos objetos e dos próprios movimentos. ”

No final da sentença

“Não ao adornamento da vida, mas a elaboração criadora da realidade dos objetos


e dos próprios movimentos.” (VIGOSTSKI 2001 citado por ZANELLA, 2006, p. 43).

ZANELLA, A. V. (Org.); DA ROS, S. Z. MAHEIRIE, K. Relações


estéticas, atividade criadora e imaginação: sujeitos e (em)
Modelo
experiência. Florianópolis: Universidade Federal De Santa Catarina,
2006.
41

8.3 Citações com Destaques, Supressões e Interpolações.

Supressões, interpolações, comentários, ênfase ou destaques em citações


devem ser representados conforme os modelos a seguir:

 Supressões [...]: indicadas no caso de palavras ou parte do texto citado;

 Interpolações, acréscimos ou comentários [ ]: indicada quando a necessidade de colocar


alguma explicação no texto.

 Destaque, ênfase: usar grifo nosso em negrito.

Segundo Ficht (2004, p.26) "[...] buscavam explicar o desempenho do indivíduo


nas organizações. ”

“[...] Prestes é o partido comunista e o partido é Prestes. ” (ARRUDA, 1960, p.31,


grifo nosso).

8.4 Citação de Comunicação Pessoal

Caso seja necessária sua introdução no texto, deve-se usar o recurso da Nota
de Rodapé, indicando no texto entre parênteses () a expressão informação verbal
conforme exemplo a seguir.

O novo medicamento estará disponível até o final deste semestre (informação


2
verbal).

____________
2
Informação fornecida por Conselho Regional de Farmácia.

8.5 Tradução

As citações em língua estrangeira devem ser traduzidas e após o nome do autor, data
e/ou página adotar a expressão tradução nossa.

No texto

“Até esse momento havíamos tido sorte.” (PEREZ-REVERTE, 2002, tradução


nossa).
42

9 REFÊNCIAS PADRÃO ABNT

Conforme a ABNT NBR 6023 (2018, p.3) as referências são “Conjunto padronizado de
elementos descritivos, retirados de um documento que permite sua identificação individual. ”

As referências são compostas por elementos fundamentais e caso seja necessário


adicionar elementos que complementam a mesma.

As regras gerais são:

 Localizadas ao final do trabalho em folha independente;

 O título REFERÊNCIAS não é numerado;

 Fonte Arial 12 e em negrito;

 Deve estar em ardem alfabética de autor e/ou responsabilidade.

 Espaçamento simples (1,0) em cada obra

 Separadas entre obras por 1 (um) espaços simples (1,0);

 Alinhadas a margem esquerda da folha;

 Quando a obra tiver edição a mesma só aparece a partir da 2°;

 Nos casos de obras com volume, acrescentar o volume ao final da referência depois do
ano. (v.1 no caso de um volume individual / 2 v. nos casos de em que o livro tem mais de
um volume).

 Devem ser observados:

Pontuação;

Aplicação de letras maiúsculas e minúsculas;

Negrito;

Itálico.
43

9.1 Autores, Organizadores, Editores, Coordenadores e etc.

A indicação de autor é feita pelo nome do responsável, seguido pela abreviação no


singular e deve estar entre parênteses ().

As abreviaturas devem estar da seguinte forma:

Quadro 3 - Abreviação das responsabilidades

RESPONSABILIDADE ABREVIAÇÃO

Editor (ed.)

Organizador (org.)

Coordenador (coord.)

Compilador (comp.)

Tradutor (trad.)

Fonte: Os autores, (2019).

9.1.1 Sobrenomes

Sobrenomes com indicativos de parentesco como: Filho, Júnior, Neto, Sobrinho e


equivalentes estrangeiros são mencionados em seguida aos sobrenomes, por extenso:

Exemplo: VIEIRA SOBRINHO, José Dutra


COSTA NETO, Gabriel
LOURENÇO FILHO, Fábio
ALMEIDA JÚNIOR, Caio
GILSTRAP III, Larry C.

9.1.2 Sobrenomes constituídos de palavras que formem uma expressão

Exemplo: CASTELO BRANCO, C.


ESPÍRITO SANTO, H.
SANTA CRUZ, A.
44

9.1.3 Nomes franceses com prefixos

A entrada do nome é feita pelo prefixo se este consistir de um artigo ou contração do


artigo com a preposição:

Exemplo: LA FONTAINE, J.

9.2 Obra sem autoria

Quando a autoria não for identificada, iniciar a referência pelo título e a primeira palavra
deve aparecer em letras maiúsculas.

Modelo

GLOSSÁRIO de termos técnicos, estatísticos educacionais. Florianópolis: SEC/UDI, 1974.

9.3 Entidades como autoria / Normas Técnicas

“As obras de responsabilidade de entidade (órgãos governamentais, empresas,


associações, congressos etc.) tem entrada de modo geral pelo próprio nome por extenso. ”
(ABNT, 2018, p. 37).

Modelo

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6023: informação e


documentação: referências: elaboração. Rio de Janeiro, 2002.

9.4 Título

O título e o subtítulo devem ser separados por dois pontos (:) e precisam ser
reproduzidos de acordo com o documento, caso seja muito extenso é permitido suprimir
algumas palavras por meio de reticências [...], desde que o mesmo não perca seu sentido.

Nos casos em que os títulos aparecem em mais de uma língua, é necessário que seja
feito o registro do primeiro título e os demais separados por sinal de igualdade (=).
45

9.5 Edição, Reimpressão, Atualização etc.

Nas referências a edição só deve constar a partir da 2° edição, e precisam aparecer


abreviadas e separadas por ponto (.)

Modelo

2. ed. rev. ampl.

9.6 Local

“O nome do local (cidade) de publicação deve ser indicado tal como figura o
documento”. (ABNT, 2002, p.16)

Caso não seja possível identificar o local adotar a expressão sine loco que deve ser
apresentada da seguinte forma: [s.l.].

9.7 Editora

A editora deve ser indicada da forma que está no documento. Quando possuir até duas
editoras em locais diferentes, é necessário indicar ambas separadas por ponto e vírgula (;).
No caso de três ou mais editoras informar a editora que está em destaque.

Caso não seja identificado a editora adotar a expressão sine nomine da seguinte
forma: [s.n.].

Quando o local da publicação e a editora não forem identificados no documento


registra-se da seguinte forma: [S. l.: s.n.].

9.8 Data

A data da publicação deve constar na referência e em algarismos arábicos,


recomenda-se sempre indicar uma data sendo ela de publicação, impressão, copyright entre
outras.

Caso não haja nenhuma data no documento, registra-se entre colchetes ([ ]), uma data
aproximada conforme as indicações a seguir:
46

Quadro 4 – Datas aproximadas

[2009 ou 2011] Um ano ou outro

[2016?] Data provável

[2017] Data certa não indicada no item

[entre 2009 e 2015] Intervalos menores de 20 anos

[ca. 2016] Data aproximada

[201-] Década certa

[201?] Década provável

[20--] Século certo

[20--?] Século provável

Fonte: Adaptada de ABNT, (2018).


47

10 REFERÊNCIAS POR TIPO DE DOCUMENTO

Este capítulo orienta as formas de estruturação das referências por tipo de material,
tais como: livros, periódicos, teses entre outros. Nos casos de materiais em meio eletrônico
seguir as orientações do capítulo 10 deste manual.

10.1 Referência de livro com 1 (um) autor

Elementos SOBRENOME, Prenome. Título: subtítulo (se houver). Edição. Local:


Fundamentais Editora, Ano.

CHIAVENATO, Idalberto. Empreendedorismo: dando asas ao


Modelo
espírito empreendedor. 4. ed. São Paulo: Manole, 2012.

10.2 Referência com até 4 (quatro) autores

SOBRENOME, Prenome; SOBRENOME, Prenome; SOBRENOME,


Elementos
Prenome; SOBRENOME, Prenome. Título: subtítulo (se houver).
Fundamentais
Edição. Local: Editora, Ano.

IUDICIBUS, Sergio De; KANITZ, Stephen Charles; MARTINS, Eliseu;


Modelo CHINEN, Cecilia A. Kobata. Contabilidade introdutória: livro de
exercícios. 10. ed. São Paulo: Atlas, 2006.

10.3 Obras com mais de 4 (quatro) autores

Quando a obra reunir mais de 4 (quatro) autores, deve-se adotar a expressão et al.
(em itálico)

Elementos SOBRENOME, Prenome et al. Título: subtítulo (se houver). Edição.


Fundamentais Local: Editora, Ano.

HOWE, Kerry et al. Princípios de tratamento de água. São Paulo:


Modelo
Cengage Learning, 2017.

10.4 Parte do livro

Usado para indicar determinada parte da obra.

Na citação indica-se o autor do capítulo, já nas referências o autor do capitulo e o


título seguidos da palavra In. (em itálico).
48

SOBRENOME, Prenome (autor do capítulo). Título do capítulo:


Elementos
subtítulo se houver. In: SOBRENOME, Prenome. (Autor do livro)
Fundamentais
Título: subtítulo (se houver). Edição. Local: Editora, Ano.

PORTUGAL, Francisco Teixeira. Comparação a genealogia na


psicologia inglesa no século XIX. In: FERREIRA, Artur Arruda Leal.
Modelo
História da psicologia: rumos e recursos. 2. ed.rev.ampl. Rio de
Janeiro, 2007.

10.5 Documentos diferentes do mesmo autor

Nos casos onde o autor escreveu as obras diferentes, é necessário padronizar os


nomes e incluí-los na lista conforme o exemplo a seguir:

Elementos SOBRENOME, Prenome. Título: subtítulo (se houver). Edição. Local:


Fundamentais Editora, Ano.

PORTER, Michael E. Competição - on competition: estratégias


competitivas essenciais. Rio de Janeiro: Campus, 1999.
Modelo
PORTER, Michael E. Vantagem competitiva das noções. 5. ed. Rio
de Janeiro: Campus, 1999.

10.6 Autores com a mesma opinião

Obras de autores que compartilham a mesma opinião, porém os trabalhos são


diferentes, devem ser citados por ordem alfabética seguida da ordem cronológica.

Braga (2003), Rodrigues (2009) e Xavier (2011) afirmam que....

NA CITAÇÃO Ou

...(BRAGA, 2003; RODRIGUES, 2009; XAVIER, 2011)

No caso de citação com vários autores com a mesma opinião, é


IMPORTANTE
imprescindível que conste todas as referências de cada obra na lista.

10.7 Documento sem autoria

Quando não houver autoria, a citação é feita pela primeira palavra do título do
documento em letras maiúsculas seguida por reticências (...).
49

Elementos
TÍTULO:subtítulo (se houver). Edição. Local: Editora, Data.
Fundamentais

O CICLO do ouro negro; a ONU e os grandes problemas sociais


Modelo
do nosso tempo. 2. ed. Rio De Janeiro: Delta, 1966.

10.8 Correspondência

Engloba: carta, bilhete, cartão entre outros.

REMETENTE (autor). Título ou denominação4. Destinatário


Elementos
(quando houver), precedido pela expressão Destinatário:,
Fundamentais
local, data e descrição física (tipo).

PILLAR, Luiz [Correspondência]. Destinatário: Moyses


Modelo
Vellinho. Porto Alegre, 6 jun. 1979. 1 cartão pessoal.

10.9 Obras de responsabilidade jurídica

Usa-se em casos de órgãos governamentais, empresas, associações e etc. na


referência pode ser escrita por extenso ou abreviada.

Em casos de documentos diferentes da mesma entidade é necessário padronizá-los


na lista de referências e nas citações do texto. Inclui também Normas Técnicas.

Elementos NOME DO ÓRGÃO. Título: subtítulo (se houver). Local: Editora ou


Fundamentais Órgão responsável, Ano.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. ABNT NBR


Modelo 6023: informação e documentação: referências: elaboração. Rio de
Janeiro: ABNT, 2018.

10.10 Trabalhos acadêmicos

Inclui: TCC, Teses, Dissertações entre outros.

Elementos SOBRENOME, Prenome. Título: subtítulo (se houver). Orientador:


Fundamentais Xxxxxxxx. Ano do depósito. Tipo do Trabalho (Grau de especialização

4Quando não existir título, deve-se atribuir uma palavra ou frase que identifique o conteúdo do
documento, entre colchetes.
50

e curso) – Nome da Universidade / Faculdade, Local e data de


apresentação ou defesa.

AGUIAR, André Andrade de. Avaliação da microbiota bucal em


pacientes sob uso crônico de penicilina e benzatina. Orientador:
Modelo Max Grimberg. 2009. Tese (Doutorado em Cardiologia) – Faculdade de
Medicina, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009.

10.11 Verbete de enciclopédia ou dicionário

VERBETE (palavra ou assunto consultado). In: SOBRENOME,


Elementos Prenome (autor da obra). Título da obra: subtítulo (se houver).
Fundamentais Edição. Local: Editora, Ano. Páginas do verbete.

EUFENISMO: In: Mini Aurélio: dicionário de língua portuguesa. 8. ed.


Modelo
Curitiba: Positivo, 2009. p. 250.

10.12 Evento

Conforme ABNT 6023 (2018, p.16) “Inclui o conjunto de documentos resultantes de


um evento.” ( Anais, Simpósios, Atas, Proceddings entre outros.)

Nos casos de eventos em publicações periódicas, acrescentam-se os dados do


periódico.

NOME DO EVENTO, Numeração (se houver), Ano, Local (cidade)


Elementos de realização. Título documento [...] (Anais, Resumos,
Fundamentais Proceedings etc.). Local (publicação): Editora, Ano (publicação).

CONGRESSO INTERNACIONAL DO INES, 8; SEMINÁRIO DO


INES, 14, 2009, Rio de Janeiro. Anais [...]. Rio de Janeiro:
Modelo
Instituto Nacional de Educação de Surdos, 2009. 160 p. Tema:
Múltiplos Atores e Saberes na Educação de Surdos.
51

10.13 Trabalho apresentado em um evento

SOBRENOME, Prenome. Título do trabalho. In: NOME DO


Elementos EVENTO, Numeração (se houver). Ano, Local. Título [...] (Anais,
Fundamentais Resumos, Proceedings etc.). Local (publicação): Editora, Ano
(publicação). Páginas.

GIRÃO, L. F. A.; PAULO, E. A competição por informações é


capaz de reduzir o custo do capital próprio das empresas
Modelo brasileiras? In: XVI Congresso USP de Controladoria e
Contabilidade. 2016, São Paulo. Anais [...] São Paulo: USP,
2016. p. 21-32.

10.14 Artigo de periódico

SOBRENOME, Prenome do autor. Título do artigo. Título do


Elementos
periódico. Local, volume, número ou edição do fascículo, página
Fundamentais
inicial – página final do artigo, mês abreviado, ano de publicação.

VASCONCELOS, I. C. O. Aprender a conviver, sem violência: o que


Modelo dá e não dá certo? Ensaio: avaliação e políticas públicas em
educação. Rio de Janeiro, v. 25, n. 97, p. 897-917, out. / dez. 2017.

10.15 Artigo de periódico em meio eletrônico

SOBRENOME, Prenome do autor. Título do artigo. Título da revista.


Elementos Local, volume, número do fascículo, página inicial – página final do
Fundamentais artigo, mês abreviado, ano de publicação. Disponível em: link. Acesso
em: dia mês abreviado. Ano.

TORRES, Milton Luiz. A importância de um conjunto de valores na


orientação do processo ensino-aprendizagem. Revista Educação
Modelo em Debate. Ceará, v.39, n.74, 9-18, jul./dez. 2017. Disponível em:
http://www.periodicosfaced.ufc.br/index.php/educacaoemdebate/issu
e/view/59. Acesso em: 21 nov. 2017
52

10.16 Periódico no todo

TÍTULO DA REVISTA. Local de publicação: editora, numeração do


Elementos
ano e/ou volume, número do fascículo, informações de períodos e
Fundamentais
data de publicação. ISSN (se houver).

Modelo REVISTA VEREDAS. São Paulo: UNISA, 2018-. ISSN 2595-3508.

10.17 Suplemento

Título do artigo: subtítulo (se houver), Local de publicação, editora,


Elementos
numeração do ano e/ou volume, número do fascículo, informações de
Fundamentais
períodos e data de publicação.

DINHEIRO: revista semanal de negócios. São Paulo: Três, n. 148,


Modelo
28 jun. 2000.

10.18 Artigo de jornal

SOBRENOME, Prenome. Título do artigo. Título do jornal, Local de


publicação, numeração do ano e/ou volume, número (se houver), data
Elementos de publicação (dia, mês, ano). Número ou título do caderno, seção ou
Fundamentais suplemento. Páginas iniciais – finais.

FERRAZ, A. Alckmin aposta na transposição do Rio Tocantins para o


Modelo Nordeste. O Estado de São Paulo, São Paulo, ano 131, n. 42656, 27
nov. 2017. Caderno A8, p. B1.

10.19 Documentos jurídicos

10.19.1 Legislação

JURISDIÇÃO (País, Estado ou Cidade). Título (especificação da


legislação, número e data). Ementa transcrita como publicada.
Elementos Título da publicação oficial, local, volume, número, página, Ano.
Fundamentais Informações adicionais (se necessário)

BRASIL. Lei n. 11.705, de 19 de junho de 2008. Altera a Lei no 9.503,


de 23 de setembro de 1997, que ‘institui o Código de Trânsito
Modelo Brasileiro’, e a Lei no 9.294, de 15 de julho de 1996, que dispõe sobre
as restrições ao uso e à propaganda de produtos fumígeros, bebidas
53

alcoólicas, medicamentos, terapias e defensivos agrícolas, nos


termos do § 4o do art. 220 da Constituição Federal, para inibir o
consumo de bebida alcoólica por condutor de veículo automotor, e
dá outras providências. Diário Oficial da República Federativa do
Brasil, Brasília, 28 jun. 2008.

10.19.2 Jurisprudência (Decisões Judiciais)

JURISDIÇÃO (País, Estado ou Cidade). Órgão Judiciário. Título


Elementos (natureza da decisão ou ementa). Número, Partes envolvidas (se
Fundamentais houver), relator, local data e dados de publicação.

BRASIL. Supremo Tribunal Federal. Súmula nº 333. Cabe mandado


de segurança contra ato praticado em licitação promovida por
Modelo
sociedade de economia mista ou empresa pública. Diário da
Justiça: seção 1, Brasilia, DF, ano 82, p. 246, 14. Fev. 2007.

10.19.3 Doutrina

Importante Informações da fonte conforme o documento consultado. Seguir os


itens 11.1 à 11.3, deste Manual.

RODRIGUES JUNIOR. O. L. Dogmática e crítica da Jurisprudência:


Modelo ou da vocação da doutrina em nosso tempo. São Paulo: Revista dos
Tribunais. v. 891, jan. 2010.

10.19.4 Documentos civis e de cartórios

Elementos JURISDIÇÃO. Nome do cartório ou órgão expedidor. Tipo de


Fundamentais documento. Registro em: (data do registro).

SÃO PAULO. Cartório de Registro Civil das pessoas naturais do


subdistrito de Santo Amaro. Certidão de nascimento [de] Maria da
Modelo Silva. Registro em 29 set. 2000.
54

10.19.5 Documento jurídico em meio eletrônico

NOME DO LOCAL (País, Estado ou Cidade). Título (especificação da


legislação, número e data). Ementa. Título da publicação oficial,
Elementos local, volume, número, página, Ano. Informações adicionais (se
Fundamentais necessário). Disponível em: link. Acesso em: dia mês abreviado. Ano.

BRASIL. Lei n. 9.610, de 19 de fevereiro de 1998. Altera, atualiza e


consolida a legislação sobre direitos autorais e dá outras providências.
Diário oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, 19 fev.
Modelo 1998. Disponível em:
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9610.htm. Acesso em: 28 nov.
2017.

10.20 Outros materiais

10.20.1 Documento iconográfico

Engloba: figuras, pinturas, gravuras, fotografias, transparências entre outros materiais


que são denominados como ilustrações. Não se enquadram gráficos, esquemas, tabelas,
fluxogramas entre outros.

IMPORTANTE

Incluir a imagem junto ao texto, conforme as orientações do capítulo 8.

Elementos SOBRENOME, Prenome. Título: subtítulo (se houver). Local: Editora


Fundamentais (distribuidora), Data. Especificação do suporte.

GOOGLE MAPS. Praça Floriano Peixoto. 2017. 1 fotografia.


Modelo
Disponível em: http://bit.ly/2j11XfN. Acesso em: 29 nov. 2017.

Outro exemplo

IMPORTANTE

Incluir a imagem junto ao texto, conforme as orientações do capítulo 8.

Elementos SOBRENOME, Prenome. Título: subtítulo (se houver). Data,


Fundamentais especificação do suporte.
55

GAZETA de Pinheiros. Reinaugurado o coreto da Praça Floriano


Peixoto. 1 fotografia. Disponível em:
Modelo
http://www.gazetadepinheiros.com.br/cidades/reinaugurado-coreto-da-
praca-floriano-peixoto-04-10-2012-htm. Acesso em: 21 nov. 2017.

10.20.2 Documento Cartográfico

Engloba: atlas, globo, mapas, imagens aéreas, imagens de satélite entre outros.

Nas referencias

Elementos SOBRENOME, Prenome. Título: subtítulo (se houver). Local: Editora,


Fundamentais Data, especificação do suporte. Escala.

PARQUES e terras indígenas. São Paulo: IBGE, 2015. Escala 1:


Modelo 5.000.000. Disponível em: http://bit.ly/2AIk2Kd. Acesso em: 29 nov.
2017.

10.20.3 Documento Sonoro

Engloba: CD (compact disk), cassete, música, podcast entre outros.

Elementos Título: subtítulo (se houver). Responsável pela autoria (compositor,


Fundamentais intérprete e etc.). Local: Produtora, Data. Especificação do suporte.

Modelo O que é educação. Na voz de Adriano Brandão e Danilo Silvestre. [S.l]:


Debate de Bolso, 2018. 1 podcast.

10.20.4 Documentos audiovisuais

Engloba: filmes, vídeos, dvd’s, blu-ray, palestras, seminários, vídeos do YOUTUBE.

Elementos TÍTULO: subtítulo (se houver). Direção (nome do diretor e/ ou produtor).


Fundamentais Local: Produtora, Data. Especificação do suporte.

9 maneiras de administrar seu tempo. Produção de Leandro Karnal.


Modelo
[S.l], YOUTUBE, 2017. 1 vídeo.
56

10.20.5 Patente

Elementos ENTIDADE RESPONSÁVEL e/ou AUTOR. Título: subtítulo (se


Fundamentais houver). Nomes do depositante e/ou titular e do procurador (se houver).
Número da patente, Data de depósito: (período de registro). Data de
concessão (se houver).

Modelo PINHO, A. S. Sistema de propulsão para bicicletas. Mandatário:


João Carlos Sardina de Barros. PT 91840 A. 29 fev. 1996, 29 nov.
1996.

10.20.6 Partitura

Elementos SOBRENOME, Prenome. Título: subtítulo (se houver). Instrumento.


Fundamentais Local: Editora, Data. Designação específica do documento.

CARLOS, R. Como é grande o meu amor por você. Violão. [S.l:


Modelo
s.n.]. 2014. 1 partitura.

10.20.7 Obra Mediúnica

Elementos SOBRENOME, Prenome (Espírito); SOBRENOME, PRENOME


Fundamentais (AUTOR). Título: subtítulo (se houver). Edição. Local: Editora, Ano.

Lucius (Espírito). Ninguém e de ninguém. Psicografado por Zibia


Modelo
Gasparetto. 51. ed. São Paulo: Vida E Consciência, 2009.

10.21 Documentos de Acesso Eletrônico

“Inclui bases de dados, lista de discussão, programas de computador, redes sociais,


mensagens eletrônicas, entre outros.” (ABNT, 2018, p. 7)

Em documentos elaborados em meio eletrônico, os elementos fundamentais devem


ser elaborados de acordo com as orientações por tipo de suporte, é indispensável que
acrescentar a descrição física do suporte (e-book, slides, DVD, DOI e etc.). Quando o link
estiver disponível deve ser representado da seguinte forma: Disponível em: e a data de acesso
57

ao documento, precedida da expressão. Acesso em: opcionalmente acrescida dos dados


referentes a hora, minutos e segundos.

10.22 Modelos de referências em meio eletrônico

SOBRENOME, Prenome. Título da informação, serviço, produto,


Elementos
versão e edição (se houver). Local: Editora, ano. Descrição Tipo de
Fundamentais
suporte. Disponível em: (link). Acesso em: dia mês abreviado ano.

AMADEU, Maria Simone Utilda dos et al. Manual de normatização de


documentos científicos de acordo com as normas da ABNT.
Curitiba: Editora UFPR, 2015. E-book. Disponível em:
Modelo
https://acervodigital.ufpr.br/bitstream/handle/1884/45654/Manual_de_
normalizacao_UFPR.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 1
mar. 2019.

10.23 Base de Dados

Elementos NOME DA BASE DE DADOS. Local: Editora, Ano. Disponível em:


Fundamentais (link) . Acesso em: dia mês abreviado ano.

BIBLIOTECA VIRTUAL EM SAÚDE. São Paulo: Bireme, [2017?].


Modelo
Disponível em: http://brasil.bvs.br/. Acesso em 29 nov. 2017.

10.24 Site, Home Page, Facebook, Twiter, Linkedin, Blog.

SOBRENOME, Prenome (se houver). Título e / ou nome do site.


Elementos (se houver) Local, Data. Nome do programa, rede social e etc:
Fundamentais Disponível em: Acesso em: dia mês abreviado ano.

BIBLIOTECA DE SÃO PAULO (Brasil). Programação de 1° de


março. São Paulo. 1 mar. 2019. Facebook: bibliotecadesaopaulo.
Modelo
Disponível em: https://pt-br.facebook.com/BSPbiblioteca/. Acesso
em 2 mar. 2019.
58

10.25 E-mail

SOBRENOME, Prenome. [Tipo da mensagem]. Destinatário: (nome


Elementos
completo). Local, Ano. Descrição física. Disponível em: (link).
Fundamentais
Acesso em: dia mês abreviado e ano.

SANTOS, Janice Toledo dos. [Mensagem Corporativa].


Destinatário: Mônica de Almeida Sousa. [S. l.], 2019. 1 E-mail.
Disponível em:
Modelo
https://outlook.office.com/mail/inbox/id/AAQkADg2YjAyNTdmLTdk
YzYtNDIxOS1iMmUwLWMyNzllNDVkNjgzYgAQAEM%2B3EK8qhJ
GgnLwO3svy38%3D. Acesso em: 1 mar. 2019.

10.26 Programas de computador, jogos e etc.

SOBRENOME, Prenome. Título da informação, serviço e/ou


Elementos
produto. Versão e/ou edição. Local, Ano. Descrição física.
Fundamentais
Disponível em: (link). Acesso em: dia mês abreviado e ano.

ANGRY BIRDS 2. Versão 10. [S. l.]. [2019?]. 1 jogo de computador.


Disponívél em: https://www.microsoft.com/pt-br/p/angry-birds-
Modelo 2/9ntpjw96tsc0?cid=msft_web_chart&activetab=pivot:regionofsyste
mrequirementstab. Acesso em 28 out. 2010.
59

11 CITAÇÕES EM FORMATO VANCOUVER

O padrão Vancouver foi criado por um grupo de editores científicos da área médica no
Canadá no ano de 1978. Esse grupo estabeleceu requisitos uniformes para a apresentação
de trabalhos científicos para publicação em suas revistas, abrangendo as referências e tendo
como base o padrão da American National Standards Institute (ANSI) adaptado pela US
National Library of Medicine (NLM), publicado em 1978 como “Requisitos uniformes para os
manuscritos apresentados às revistas biomédicas”.

No decorrer dos anos foram feitas diversas atualizações, a última ocorreu em 2007, e
pode ser acessada por meio do link https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK7256/ e
http://www.icmje.org.

Para abreviatura dos títulos dos periódicos recomenda-se consultar o “List of Journals
Indexed in Index Medicus”, publicado pela NLM, através do endereço eletrônico:
http://www.ncbi.nlm.nih.gov/sites/entrez?db=journals.

Todos os documentos citados no texto devem constar nas referências.

11.1 Citações

Citação é o ato ou efeito de citar ou referenciar alguma publicação. A citação é a


menção, no texto, de uma informação obtida de outra fonte. É utilizada para enfatizar e/ou
comprovar as ideias desenvolvidas pelo autor.

As citações devem ser feitas por meio do sistema numérico, sendo elas diretas,
indiretas e/ou citação de citação e elas podem aparecer no texto ou notas de rodapé.

 Sistema Numérico: De acordo com a Vancouver as referências deverão ser citadas


por ordem de aparecimento no texto, em algarismo arábico, sem parênteses em
expoente (sobrescrito) ou entre parênteses em expoente (). Uma única forma deve ser
adotada e seguida em todo o documento. Cada referência receberá um único número
e está poderá ser citada várias vezes, sempre com o mesmo número.

Exemplos:

O número de faculdades oferecendo o curso de medicina aumenta a cada ano.¹

O número de faculdades oferecendo o curso de medicina aumenta a cada ano.(1)

Esquema 1 – Modelos de Chamada em formato Vancouver


60

Fonte: (MICHIELINI, 2016, p. 123)

11.2 Tipos de citações

11.2.1 Citação direta

A citação direta é a cópia fiel do texto ou parte dele, onde é obrigatória a paginação e
o ano da obra consultada, existem 2 (dois) tipos de citação direta a curta e a longa;

 Curta: Apresenta-se no texto em fonte normal, em até três linhas, e aparece entre aspas
(“ ”).

Modelo de Citação Curta

Segundo Morin (1), “É na linguagem que o discurso ganha seu sentido, com relação
a palavra."
61

"É na linguagem que o discurso ganha seu sentido, com relação a palavra. ” (1).

 Longa: Apresenta-se no texto quando a citação ultrapassa 3 linhas, com recuo de 4 cm


da margem esquerda, espaçamento simples (1,0), sem aspas (“ ”) e digitada em fonte
menor que o texto;

Modelo de Citação Longa

No começo da sentença

Eco 2, questiona:

O que é um jornal, se não um produto, formado de um número fixo de


páginas, obrigado a sair uma vez por dia, e no qual as coisas ditas não
serão mais unicamente determinadas pelas coisas a dizer (segundo uma
necessidade absolutamente interior), mas pelo fato de que, uma vez por
dia, se deverá dizer o tanto necessário para preencher tantas páginas?

No final da sentença

O que é um jornal, se não um produto, formado de um número fixo de


páginas, obrigado a sair uma vez por dia, e no qual as coisas ditas não
serão mais unicamente determinadas pelas coisas a dizer (segundo uma
necessidade absolutamente interior), mas pelo fato de que, uma vez por
dia, se deverá dizer o tanto necessário para preencher tantas páginas? 2.

11.3 Citação Indireta

Adotada em casos onde não há a transcrição fiel do texto original, mas a reprodução
da ideia é a mesma do documento do qual foi extraída, não se usa aspas (“ ”) e a indicação
da página consultada não é obrigatória.

Modelo de Citação Indireta

As atividades a serem desenvolvidas são inúmeras e há somente um enfermeiro


para se responsabilizar por elas, tornando-se difícil conciliá-las. A competência
assistencial abrange a assistência de forma integral, incluindo o cuidado dos familiares,
agentes participantes e ativos desse processo. Para outro enfermeiro, a assistência aos
familiares insere-se na competência Gerencial e não Assistencial. 3
62

11.4 Citação de Citação

É a citação de um documento cujo a obra original não foi consultada, onde a mesma
foi extraída de um outro documento em que foi feito a menção ao autor, logo essa citação não
é recomendada, pois dá margem a falsas interpretações. Pode ser indicada pelas expressões
apud ou citado por e nas referências deve-se indicar o documento consultado.

IMPORTANTE: Nos casos de citação de citação, deve constar nas referências o título da obra
que foi extraída a citação.

Modelo de Citação de Citação

Vigostski citado por Zanella 4 “Não ao adornamento da vida, mas a elaboração


criadora da realidade dos objetos e dos próprios movimentos. ”

11.5 Citações com Destaques, Supressões e Interpolações.

Supressões, interpolações, comentários, ênfase ou destaques em citações devem


ser representados conforme os modelos a seguir:

 Supressões [...]: indicadas no caso de palavras ou parte do texto citado;

 Interpolações, acréscimos ou comentários [ ]: indicada quando a necessidade de colocar


alguma explicação no texto.

 Destaque, ênfase: usar grifo nosso em negrito.

Segundo Ficht 6 (2004, p.26) "[...] buscavam explicar o desempenho do indivíduo


nas organizações. ”
63

11.6 Citação de Comunicação Pessoal

Caso seja necessária sua introdução no texto, deve-se usar o recurso da Nota
de Rodapé, indicando no texto entre parênteses () a expressão informação verbal
conforme exemplo a seguir.

O novo medicamento estará disponível até o final deste semestre (informação


2
verbal).

____________
2
Informação fornecida por Conselho Regional de Farmácia.

11.7 Tradução

As citações em língua estrangeira devem ser traduzidas e após o nome do autor, data
e/ou página adotar a expressão tradução nossa.

Perez-Reverte 7 (2002, tradução nossa). “Até esse momento havíamos tido sorte.”
64

12 REFERÊNCIAS EM FORMATO VANCOUVER

As referências ficam localizadas ao final do trabalho em página independente e em


ordem numérica, e as regras gerais são:

 Devem estar alinhadas a esquerda da margem;

 Espaçamento simples (1,0);

 Separadas entre si por 1 (um) espaço simples;

 Pontuação: inserir um espaço depois do ponto(.), depois do ponto e vírgula (;), e


depois dos dois pontos (:);

 O sobrenome do autor é escrito em letras iniciais maiúsculas, não são separados por
ponto, em caso de mais de um autor os mesmos são separados por vírgula (,);
 Colocar nas referências os 6 (seis) primeiros autores, caso a obra possua mais que
seis acrescentar a expressão et al.

Russel JB.

Vale W, Brazeau P, Rivier C, Brown M, Boss B, Rivier J.

Schally AV, Dupont A, Arimura A, Redding TW, Nishi N,


Linthicum GL, et al.

12.1 Organização como autoria

Quando a organização for a autoria, devem ser apresentadas em letras iniciais maiúsculas.
Em caso de mais que uma instituição as separar por virgula (,). Quando necessário a
identificação do país o mesmo aparece entre parênteses (Brasil);

Modelo

Universidade Federal Fluminense.


65

12.2 Autoria de tradutores, organizadores e etc.

 Quando o documento inclui apenas editores, organizadores, coordenadores entre outros,


indicar depois do último nome;

Modelo

Azevedo F, organizador; Michel B, tradutor

12.3 Sobrenomes Compostos

Sobrenomes com indicativos de parentesco como: Filho, Júnior, Neto, Sobrinho e


equivalentes estrangeiros são mencionados em seguida aos sobrenomes, por extenso:

Exemplo: Vieira Sobrinho, José Dutra

Costa Neto, Gabriel

Lourenço Filho, Fábio

Almeida Júnior, Caio

Gilstrap Iii, Larry C.

12.4 Sobrenomes constituídos de palavras que formem uma expressão

Exemplo: Castelo Branco, C.

Espírito Santo, H.

Santa Cruz, A.

12.5 Nomes franceses com prefixos

Entrar pelo prefixo se este consistir de um artigo ou contração do artigo com a


preposição:

Exemplo: La Fontaine, J.
66

12.6 Documentos sem autoria

Em casos de documentos sem autoria a entrada da referência deve ser pelo título;

Modelo

Dicionário Larousse: inglês/português – português/inglês: míni.

12.7 Edição

A edição só deve ser identificada a partir da 2ª edição;

Modelo

Abreviação em
Palavra
inglês
edição ed.
abreviado abbr.
abridged abr.
autorizado authoriz.
expandido expand.
ilustrado ill.
modificado mod.
original orig.
reimpressão repr.
revisão rev.
tradução trad.

12.8 Documento sem local de publicação

Em casos em que o local de publicação não constar no documento, mas a identificação


do mesmo foi feita indicá-lo entre colchetes ([ ]), caso não seja localizado o mesmo deve ser
identificado Sem Local: [S.l.];

[S.l.]
67

Modelo [Rio de Janeiro]

12.9 Documento sem editora

Nos casos em que não constar editora a referência deve ser indicada da seguinte
forma: [s.n.] Sem Editor.

Modelo

[s.n.]

12.10 Documento sem data de publicação

As datas devem ser indicadas como aparecem no documento, caso não apareça
devem ser mencionadas conforme o quadro a seguir:

Quadro 4 – Datas aproximadas

Múltiplas datas 2006-2007

Data provável [2005?]

Década provável [201-?]

Data desconhecida [s.d.]

Copyrigth ©2017

Adaptado Oliveira (2011)

12.11 Séries e/ou coleções

Séries e coleções indicam-se entre parênteses, os títulos das séries ou coleções no


final da referência, devendo o título ser transcrito, seguido do respectivo número,
suprimindo-se as palavras série ou coleção.
68

Modelo

(OMS. Informes Técnicos)

12.12 Notas de rodapé

As notas de rodapé são notações descritas ao pé da página com o objetivo de


clarificar ou acrescentar informações do texto, sendo indicadas, em geral, por números.
Deve-se evitar o número excessivo de Notas de Rodapé

As notas de rodapé englobam: indicações, observações, comentários,


esclarecimentos que são indispensáveis para o trabalho. Os endereços eletrônicos não
devem constar nas notas e sim nas referências.

Modelo

Nóbrega, 1962, p.325. 1

_______________________________________________________
1 Wirth, 1977, v.2, p.7.
2 Azevedo, 1994, v.2, cap. 9, p.258-270
69

13 REFERÊNCIAS POR TIPO DE DOCUMENTO EM FORMATO VANCOUVER

13.1 Livro com 1 (um) autor 5

Elementos Sobrenome Prenome. Título: subtítulo (se houver). Edição. Local:


Fundamentais Editora; Ano.

Modelo
1. Russel JB. Química geral. 2 ed. São Paulo: Pearson; 2011. v.1.

13.2 Mais que 6 autores

Elementos
Sobrenome Prenome. et al. Título: subtítulo (se houver). Edição.
Fundamentais Local: Editora; Ano.

Modelo 2. Kriger L, et al. Noções de odontologia legal e bioética. São


Paulo: Artmed; 2013.

13.3 Partes do Livro

Elementos Sobrenome Prenome (Autor da obra). Título do capítulo


referenciado. In: Sobrenome Prenome. Título: subtítulo (se
Fundamentais
houver). Edição. Local de publicação: Editora; Ano de publicação.

3. Paludo S. Inserção ecológica no espaço da rua. In: Koller SH,


Modelo organizadora. Ecologia do desenvolvimento humano: pesquisa e
evolução no Brasil. São Paulo: Casa do psicólogo; 2011.

13.4 Obra Sem Indicação de Autoria

Quando o documento consultado não possui autoria, iniciar a referência bibliográfica


pelo título.

Elementos
Título: subtítulo (se houver). Edição. Local: Editora; Ano.
Fundamentais

Modelo 2 4. Rockwood & Wilkins' fractures in children. Philadelphia: Wolters


Kluwer Health; 2015.

5 Até 6 autores indicam-se todos nas referências, separados por vírgula entre si.
70

13.5 Normas Técnicas

Elementos
Órgão Normalizador. Título: subtítulo (se houver). Local; Ano.
Fundamentais

5. Associação Brasileira de Normas Técnicas. NBR 10520:


Modelo Informação e documentação – Citações em documentos –
Apresentação. Rio de Janeiro: ABNT; 2002.

13.6 Trabalho de Conclusão de Curso, Teses e Dissertações

Elementos Sobrenome Prenome. Título: subtítulo (se houver). [Tipo de


documento]. Cidade de publicação: Instituição onde foi
Fundamentais
apresentada; Ano

6 6. Rocha BMC. Comportamento sedentário na cidade de São


Modelo Paulo: prevalência e fatores associados. [Dissertação]. São Paulo:
Universidade de São Paulo; 2017.

13.7 Evento

Elementos Nome do evento; data de realização (ano, mês e dias); Cidade de


realização: País. Local de publicação (cidade): Editora ou
Fundamentais
Instituição responsável pela publicação; data de publicação.

7. Congresso Brasileiro de Bioética e Bem-Estar Animal IV; 2017


Modelo abr 18-20; Porto Alegre: Brasil. Porto Alegre: Conselho Federal de
Medicina Veterinária; 2017.

13.8 Trabalho apresentado em um evento

Elementos Sobrenome Prenome. Título do trabalho. Título do evento; data de


realização; cidade de realização, País. Local de publicação
Fundamentais
(cidade): Editora; Ano de publicação. Paginação do trabalho.

8. Costa AN. Procedimentos de manejo relacionado á dor dos


Modelo animais de produção. Congresso Brasileiro de Bioética e Bem-
Estar Animal IV; 2017 abr 18-20; Porto Alegre: Brasil. Porto Alegre:
Conselho Federal de Medicina Veterinária; 2017.
71

13.9 Slide em Power Point

Elementos Sobrenome do autor Iniciais do nome do autor. Título [slide em power


point]. Data [acesso data do acesso]. [Extensão]. Disponível em:
Fundamentais
endereço eletrônico do slide (URL).

9. Cunha MB, Diógenes FCB. A trajetória da biblioteca universitária


Modelo no Brasil no período de 1901 a 2010 [slide em power point]. 2016
[citado nov. 21]. [34 slides]. Disponível em:
http://www.unisa.br/index.encontros.biblio.

13.10 Dicionário ou Verbete

Elementos
Autor ou fonte de onde se retirou a definição do termo. Local de
Fundamentais publicação: Editora; ano. Título do Verbete, página.

10. Michalun N, Michalun MV. Dicionário de ingredientes para


Modelo cosmética e cuidados da pele. 3. ed. norte-americana. São Paulo:
Cengage; 2011. Cosmecêutico, p.53.

13.11 Relatório Técnico ou Científico e Catálogo

Elementos Autor pessoal ou institucional. Título do relatório. Dados do


relatório (se houver). Local de publicação: Entidade responsável;
Fundamentais
data de publicação. Número do relatório. Número de páginas.

11. Ministério da Educação, Secretaria de Educação Superior.


Modelo Relatório Anual de Atividades. Urbelândia: Programa de
Educação Tutorial; 2016 fev. 24 p.

13.12 Patente

Autor(e)s, seguido da expressão inventor(es); depositante. Título


Elementos
da invenção. Local de publicação. Sigla do país seguido da
Fundamentais expressão patente e número da mesma. Data (período de
registro).

12. Rodrigues JAC, inventor; Moreira I, depositante. Estado para


Modelo vagão ferroviário e vagão ferroviário. Piauí. Patente PI 0014790-7
B1. 12 abr. 2000, 25 mar. 2008.
72

13.13 Publicações Periódicas

13.13.1 Artigo de Periódico

Elementos Autor(e)s do artigo. Título do artigo. Título da revista abreviado.


Data de publicação (ano e mês); volume (número): página inicial-
Fundamentais
final do artigo.

13. Sinkunas C, Sikusawa GY, Auler Junior JOC. Estudantes de


Modelo medicina dos três primeiros anos são os principais ingressantes na
Liga Acadêmica de Medicina de Urgência e Emergência. Rev.
Med.. 2017 set-dez;96(3):i-ii.

13.13.2 Artigo de Periódico sem Autoria

Elementos
Título do artigo. Título do periódico abreviado. Data de publicação
Fundamentais (ano e mês); volume(número): página inicial-final do artigo.

14. Tropical malabsorption and infection. Lancet.


Modelo 1980;315(8163):290-1.

13.13.3 Artigo com indicação PubMed

Elementos Sobrenome Prenome.Título. Título do periódico abreviado. Data


de publicação (ano e mês); volume(número): página inicial-final do
Fundamentais
artigo.Citado em Pubmed; identificador.

15. Haaland GS, Falk, RS, Straume O, Lourens JB. Association of


Modelo Warfarin Use With Lower Overall Cancer Incidence Among
Patients Older Than 50 Years. JAMA Intern Med. 2017
dec;177(12):1774-80. Citado em PubMed; PMID 29114736.

13.13.4 Artigo com DOI (Digital Object Identifier)

Elementos Sobrenome Prenome.Título. Título do periódico abreviado. Data


de publicação (ano e mês ); volume(número): página inicial-final
Fundamentais
do artigo. doi/ identificador.

16. Mohr M, Tosun S, Arnod WH, Edenhofer F, Zanker KS, Dittmar.


Quantification of cell fusion events human breast cancer cells and
Modelo breast epithelial cells using a Cre-LoxP-based double fluorescence
reporter system.Cell Moll Life Sci. 2015 oct;72(19):3769-82. doi:
10.1007/s00018-015-1910-6.
73

13.13.5 Suplemento

Elementos Sobrenome Prenome.Título. Título do periódico abreviado. Data


de publicação (ano mês dia); volume ou número do suplemento:
Fundamentais
página inicial-final do artigo.

16. Stella-Ascariz N, Arribas JR, Paredes R, Li JZ. The Role of HIV-


Modelo 1 Drug-Resistant Minority Variants in Treatment Failure. J Infect
Dis. 2017 dec;216 Suppl 9:S847-S850.

13.13.6 Artigos sem número e sem volume

Elementos
Autor(es) do artigo. Título do artigo. Título do periódico abreviado.
Fundamentais Data de publicação (ano e mês ):página inicial-final do artigo.

17. Browell DA, Lennard TW. Immunologic status of the cancer


Modelo patient and the effects of blood transfusion on antitumor responses.
Curr Opin Gen Surg 1993:325-33

13.13.7 Artigo de Jornal

Elementos
Sobrenome Prenome. Título do artigo. Nome do Jornal. Data de
Fundamentais publicação (ano mês dia); seção e/ou página: (coluna.)

18. Ribeiro MLB. Porque tantas escolas médicas no Brasil?


Modelo Medicina Conselho Federal. 2017 oct; p.4.

13.14 Documentos Jurídicos

Engloba: leis, portarias, decretos, emendas, projeto de lei6, entre outros.

Local (País, Estado ou Cidade). Título (especificação de


Elementos
Legislação, número, data). Ementa. Indicação de Publicação
Fundamentais oficial. Data de publicação (ano mês dia); seção. Página inicial-
final.

6 No caso de projeto de lei a entrada é pelo autor do projeto.


74

19. Brasil. Portaria n° 895, de 31 de março de 2017. Institui o


cuidado progressivo ao paciente crítico ou grave com os critérios
de elegibilidade para admissão e alta, de classificação e de
Modelo habilitação de leitos de Terapia Intensiva Adulto, Pediátrico,
Unidade Coronariana, Queimados e Cuidados Intermediários
Adulto e Pediátrico no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS).
Diário Oficial da União. 2017 abr. 3; p. 64.

13.14.1 Constituição e/ou Código

Elementos
Local (País, Estado ou Cidade). Título (especificação de
Fundamentais legislação número, data). Local: Editora; Ano.

20. Brasil. Código de ética médica: código de processo ético –


Modelo profissional: conselhos de medicina: direito dos pacientes. São
Paulo: Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo;
2013.

13.15. Materiais Diversos

Engloba: Cd’s, DVD’s, vídeos, fitas cassete, figuras, pinturas, gravuras, fotografias,
música, podcast entre outros.

Elementos
Sobrenome Prenome. Título [suporte]. Local: Editora; Ano.
Fundamentais Extensão do item, características de acordo com o caso.

21. Karan C. Rotina de uma estudante de medicina. [vídeo]. [São


Modelo Paulo]: [s.n.]; 2017.

13.16 Documentos cartográficos

Engloba: atlas, globo, mapas, imagens aéreas, imagens de satélite entre outros.

IMPORTANTE

Incluir a imagem junto ao texto, conforme as orientações do capítulo 6.

Nas referências
75

Elementos Sobrenome Prenome. Título: subtítulo (se houver) [suporte]. Local:


Editora; Ano. Extensão do item, características específicas (no caso de
Fundamentais
mapas a escala).

Modelo 22. Lima JP. Hospital das Clínicas [foto]. [São Paulo]: Google Maps;
2017.

13.17 Materiais em meio eletrônico

Para materiais eletrônicos na Internet, acrescentar as expressões “acesso em data” e


“Disponível em: endereço eletrônico” após os elementos da referência convencional.
Conforme o exemplo a seguir:

Nas referências

Elementos
[acesso em dia mês mês abreviado e ano]. Disponível em : link
Fundamentais

[acesso em 5 dez 2017 ]. Disponível em:


Modelo https://search.scielo.org/?q=medicina&where=ORG.

13.18 Site, Home Page, Base de Dados, Blog e outros

Elementos
Sobrenome Prenome. Título. [internet]. Local; ano. [acesso em
Fundamentais ano mês abreviado dia]. Disponível em : link.

23. Biblioteca Virtual em Saúde [internet]. São Paulo; 2017.


Modelo [acesso em 2017 dez 6]. Disponível em: http://bvsalud.org/.

13.19 E-mail

Elementos Autor da informação (remetente). Título (assunto da mensagem).


[mensagem pessoal]. E-mail do destinatário. Data de recebimento
Fundamentais
da mensagem.

24. Silva M. Publicação on-line [mensagem pessoal]. Mensagem


Modelo recebida por rodrigues@icict.fiocruz.br em 25 maio 2007.
76

REFERÊNCIAS

ALVES, Magda. Como escrever teses e monografias: um roteiro passo a passo. 2.


ed.rev.atual. Rio de Janeiro: Campus, 2007.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR-10520 – Informação e


documentação – Citações em documentos – Apresentação. São Paulo, 2002.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR-14724 – Informação e


documentação – Trabalhos Acadêmicos – Apresentação. São Paulo, 2011.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR-6023 – Informação e


documentação – Referência – Elaboração. São Paulo, 2018.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR-6024 – informação e


documentação – Numeração progressiva das seções de um documento escrito -
Apresentação. São Paulo, 2012.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR-6027 – Informação e


documentação – Sumário - Apresentação. São Paulo, 2003.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR-6028 – Informação e


documentação – Resumo – Apresentação. São Paulo, 2003.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR-6033 – Ordem alfabética.


São Paulo, 2002.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR-6034 – Informação e


documentação – Índice – Apresentação. São Paulo, 2004.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR- 15287 – Informação e


documentação – Projeto de Pesquisa – Apresentação. São Paulo, 2011.

BRASIL. Resolução CFB n. 184. Dispõe sobre a obrigatoriedade da indicação do nome e do


registro profissional do bibliotecário nos documentos de sua responsabilidade e nas fichas
catalográficas em publicações de qualquer natureza. Brasília, set. 2017. Disponível em:
http://www.cfb.org.br/wp-content/uploads/2016/05/Resolu%C3%A7%C3%A3o-184-
Cataloga%C3%A7%C3%A3o-na-Fonte.pdf. Acesso em 31 set. 2019.

CERVO, Amado Luiz; BERVIAN, Pedro Alcino; SILVA, Roberto Da. Metodologia científica.
6. ed. São Paulo: Pearson, 2007.

CÓDIGO de Catalogação Anglo-Americano. 2. ed. São Paulo: FEBAB, 1983-1992.


77

EVARISTO, Adriana Maria. (Comp.). Manual de referências: conforme o estilo Vancouver.


São Paulo: Unoeste, 2011.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 2. ed. São Paulo: Atlas,
2010.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Normas de apresentação tabular.


3.ed. Rio de Janeiro: IBGE, 1993.

KAHLMEYER-MERTENS, Roberto S. et al. Como elaborar projetos de pesquisa:


linguagem e método. Rio de Janeiro: Fgv, 2007.

MANUAL de normalização de documentos científicos: de acordo com as normas da ABNT.


Curitiba: Universidade Federal do Paraná, 2017.

MARTINS, Gilberto de Andrade; LINTZ, Alexandre. Guia para elaboração de monografias


e trabalhos de conclusão de curso. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

MICHIELINI, Roziane do Amparo Araújo. Orientações para elaboração de trabalhos


técnico/científicos: projeto de pesquisa, teses, dissertações, monografias entre outros,
trabalhos acadêmicos, conforme o Comitê Internacional de Editores de Revistas Médicas
(Vancouver). Belo Horizonte: PUC Minas, 2016.

ROTHER, Edna Terezinha; BRAGA, Maria Elisa Rangel. Como elaborar sua tese:
estrutura e referências. 2. ed. São Paulo: Do autor, 2005.

SEVERINO, Antônio Joaquim. Metodologia do trabalho científico. 23. ed. rev. e


atualizada São Paulo: Cortez, 2012.

SILVA, Marta Pião Alves da Silva. (Org.). Manual de normalização: diretrizes de


normalização técnica na elaboração de trabalhos acadêmicos, dissertações, teses utilizando
o padrão ABNT e Vancouver. São Paulo: Universidade Guarulhos, 2007.
78

ANEXO A – Autorização para divulgação de Trabalhos Acadêmicos

AUTORIZAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO DE TEXTO INTEGRAL NO CATALOGO ON- LINE


DA BIBLIOTECA DR MILTON SOLDANI AFONSO E CÓPIA

Eu, ,
abaixo identificado(a) como autor(a), autorizo a biblioteca da Universidade Santo Amaro a
divulgar, gratuitamente, sem ressarcimento de direitos autorais, o texto integral da
publicação abaixo descrita, de minha autoria, em seu site, em formato PDF, para fins de
leitura e/ou impressão, a partir da data de hoje.

Dados da publicação

Título do trabalho:

__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________

Nome do autor:

_____________________________________________________RA:__________________

Curso: ___________________________________________________________________

Data: ___/___/ 20__

Assinatura: _____________________________________________________________

Você também pode gostar