Você está na página 1de 24

PROFISSIONALIZAÇÃO

FASE 1
Sumário
LARI NAMASTE .3

LIÇÃO NÚMERO UM .4

LIÇÃO NÚMERO DOIS .5

LIÇÃO NÚMERO TRÊS .9

LIÇÃO NÚMERO QUATRO .11

LIÇÃO NÚMERO CINCO .13

LIÇÃO NÚMERO SEIS . 17

FINALIZAÇÃO FASE1 .22

ACESSO À FASE2 .23


3

Lari Namaste
Olá! Sou a Lari Namaste (artista plástica) e
estou aqui para auxiliar você a dar os
primeiros passos para a venda de seus
quadros! Com inúmeras exposições e mais
de 230 Obras no Currículo, minha missão
atual é ajudar os aspirantes a perder o
medo e alcançar a realização na arte.
4

Lição Nº1:
"Detalhes Importam."

Esse será seu lema a partir de agora. Não


esqueça que os detalhes importam. É o
conceito ideal para iniciar em qualquer ramo,
mas em ESPECIAL no mundo da Arte.
Todo e qualquer detalhe, dos mais simples aos
mais refinados, farão a diferença no quesito
PROFISSIONALIZAÇÃO e VENDA.

EXERCÍCIO 1: Antes de prosseguir o treinamento,


já anote em um papel ou em bloco de notas
virtual 02 detalhes (duas coisas) que você não
faz, mas sabe que poderia fazer para melhorar
sua profissionalização como artista plástico.
Pense e apenas prossiga no E-BOOK após
refletir sobre esses detalhes.
Detalhe 1: ______________________________________
Detalhe 2: _____________________________________
5

Lição Nº2:
"Sentimentos
Revelam Resultados."

Veja se você se identifica com o que vou dizer


a seguir:

“Gosto de pintar, não de vender”.

O dilema de quem gosta de criar e pintar é


justamente a parte “chata” do negócio: a
venda.
É comum os seguintes pensamentos:
“Não sei vender, tenho vergonha”
“Não sei comercializar sentimentos”
“Vender não deveria ser papel do artista”
“Como eu vou vender algo que não tem preço,
mas valor?”
“Quando alguém acha lindo meu trabalho eu
acabo dando ele de graça para a pessoa.”
SENTIMENTOS REVELAM RESULTADOS!
O que você sente na hora da venda interfere
diretamente no comportamento do
comprador, mesmo virtualmente!
Mas não se preocupe, nem tudo está perdido!
6

Lição Nº2:
"Sentimentos
Revelam Resultados."
Fico feliz em afirmar que, muito
provavelmente, após este E-BOOK de
TREINAMENTO você já não terá mais a visão
daquelas frases anteriores, nem esses
sentimentos que te impedem de vender.
Falando em sentimentos, o próximo
exercício é:

EXERCÍCIO 2: Anote 03 sentimentos que lhe


ocorrem quando você oferece uma arte a
alguém (seja em rede social, seja
presencialmente). Analise se os sentimentos são
positivos ou negativos (ex: ansiedade, medo,
satisfação, alegria, tristeza, etc.)

Sentimento 1: __________________________________
Sentimento 2: __________________________________
Sentimento 3: __________________________________
7

Lição Nº2:
"Sentimentos
Revelam Resultados."
Se dentre os sentimentos existe um deles (ou
dois, ou todos) que são negativos para você, é
justamente neles que precisa trabalhar! É
muito importante que você esteja oferecendo o
seu trabalho ao seu possível cliente com os
sentimentos de SEGURANÇA (tranquilidade),
SATISFAÇÃO e, se possível, ALEGRIA.

SEGURANÇA: É ter a tranquilidade de que seu


trabalho vale aquilo que o cliente vai pagar. É
saber que sim, você teve todo um investimento
de tempo e dinheiro para alcançar o resultado
daquela arte e que isso é um trabalho digno de
ser vendido e mais que isso: que a pessoa que
está adquirindo seu trabalho sairá satisfeita por
ter levado arte para casa, o que gera muita
alegria aos clientes. Acredite em mim: as
pessoas amam arte, adoram pinturas nas
paredes e compram quadros sim quando
acham bonito. Os clientes estão aí, falta só você
acreditar mais em você e procurar oferecer algo
cada vez melhor, para ter mais segurança na
venda.
8

Lição Nº2:
"Sentimentos
Revelam Resultados."

SATISFAÇÃO: Aqui é a SUA satisfação, por ter


feito um cliente mais feliz, por espalhar mais
objetos com alma no mundo.

ALEGRIA: Alegria por estar vendendo algo


que você compraria, algo que você acredita e
algo que você fez com suas próprias mãos,
cérebro e coração. Quando alguém se
identifica com o trabalho artístico isso gera
toda uma conexão positiva entre as pessoas.
É essa alegria que deve fluir na venda de um
quadro: você está vendendo um pedacinho
de você, porque aquela pessoa gostou desse
seu pedacinho. É uma troca positiva.
9

Lição Nº3:
“Se você sabe dizer o porquê
criou/pintou aquela obra e o que
ela significa para você, então
você sabe vender. O resto são
detalhes (que importam)”.

EXERCÍCIO 3: Escolha 02 obras suas que


você gosta e que estão à venda e explique
sobre ela em um parágrafo, sobre o
processo criativo, sobre a técnica, sobre você
e sua relação com ela, por que ela é
interessante?

Obra 1: _____________________________________
___________________________________________
___________________________________________
Obra 2: ____________________________________
___________________________________________
___________________________________________
10

Lição Nº3:
Se uma pessoa demonstrou interesse
inicial na sua obra, é porque ela quer
saber mais sobre ela. Se ela quer saber
mais sobre a obra, VOCÊ é a melhor
pessoa do mundo para cumprir esse
papel e explicar o que sabe.

A partir do momento que você


consegue explicar sua obra, você está
apto a realizar a sua venda. A primeira
venda será mais difícil, mas a
naturalidade dos acontecimentos irão
trazer cada vez mais SEGURANÇA,
SATISFAÇÃO e ALEGRIA.
Confie, vai ser cada vez mais fácil e
natural e garanto que você irá gostar
do processo ao longo das vendas!
11

Lição Nº4:
"Dê um título para
a sua pintura."

Semanalmente alguém me pergunta: “Qual o


nome dessa obra?” (é inaceitável não ter
resposta, pois essa pessoa JÁ está interessada
e você não pode deixá-la sair sem se interessar
mais ainda, fornecendo o título da obra). Cabe
a você ter as suas obras intituladas e na ponta
da língua!

Obras abstratas, ao contrário do que muitos


pensam, precisam mais que nunca de um
título. Um dégradé azul, por exemplo, pode
remeter ao céu, ao mar, ao vento, à bondade,
ao inverno... são infindáveis possibilidades de
intitulação de uma obra abstrata e isso é uma
grande vantagem: basta utilizar com sapiência
essa oportunidade e trazer títulos que sejam
agradáveis ao senso comum.
12

Lição Nº4:
"Dê um título para
a sua pintura."

Lembre-se que você pode manter suas obras


organizadas em COLEÇÕES, que também
pedem um título próprio.
Exemplo: "Coleção Asas" (Obras "Pássaros
Invernais"; "Canto Náutico" e "Voo Infinito").
Não há regra: coloque quantos quadros quiser
na sua Coleção, sendo no mínimo 03 Obras.

EXERCÍCIO 4: Faça uma análise e revise os


títulos das suas pinturas, cujo significado você
deve saber explicar (caso necessário). Comece
com 03 obras neste treinamento e,
posteriormente analise as demais. Se tem
pinturas sem nome, intitule da melhor forma
possível. Seja criativo, afinal, você é um artista!

Obra 1: ________________________________________
Obra 2: _______________________________________
Obra 3: _______________________________________
13

Lição Nº5:
"Ofereça uma pintura com
padrão de qualidade."
Não importa que seu cliente não
entende de tintas. Você entende - e
deve ter a certeza de que a obra que
seu cliente comprou não vai craquelar,
mofar, que a tinta não vai trabalhar com
a umidade excessiva do ambiente.
Padrão de Qualidade é um termo que
você precisa utilizar e aplicar. Isso
envolve acabamento, material,
responsabilidade.

Veja exemplos de como melhorar o


padrão de qualidade das suas
pinturas:

1) Pinte as bordas da tela, para um


melhor acabamento (caso a tela seja
entregue sem a moldura decorativa);
14

Lição Nº5:
"Ofereça uma pintura com
padrão de qualidade."

2) Envernize sua obra, se for o caso.


Pinturas em acrílico não precisam
necessariamente ser envernizadas (já
estão impermeáveis). Pinturas a óleo,
eventualmente, podem ser
envernizadas e pinturas em papel
recomendo sempre verniz
(preferencialmente). Assim você evita o
mofo, a perda de cor pela luz, pode
aumentar o brilho e impermeabilizar a
obra;

3) Assinatura: tenha a certeza de que


sua assinatura não irá evaporar com o
tempo. Se for utilizar canetas
permanentes, utilize uma que não vá se
apagar em contato com a luz. Assine na
frente seu nome artístico e atrás da tela
insira dados como data, nome da obra,
etc.
15

Lição Nº5:
"Ofereça uma pintura com
padrão de qualidade."

4) Sua tela está com tinta em toda a


superfície, ou você deixou alguma
parte sem pintar? É fundamental que
a tinta percorra toda a área, de modo
que cobertura fique completa. Mesmo
que você queira deixar alguma parte
em branco, pinte-a de branco, mas não
deixe um espaço sequer da tela sem
cobertura. A tela costuma ser porosa e
caso o cliente colque a tela em um
local em que a luz consiga vir por
detrás, os poros irão aparecer e o
aspecto não ficará ideal.

5) Que tintas você usa? Estão dentro


do prazo de validade? Na medida do
possível, invista em tintas profissionais
com permanência alta. Se preocupe
em oferecer um quadro que irá durar
em todos os sentidos.
16

Lição Nº5:
"Ofereça uma pintura com
padrão de qualidade."

6) Material estrutural: já parou para


analisar a madeira que compõe sua
tela? Geralmente é feita com pinus e
isso não é um problema.
Será,entretanto, se a madeira estiver
úmida, com fungo, rachaduras, etc.
Sempre verifique a sua tela na parte da
frente e no verso, faça uma inspeção
na madeira e jamais venda uma tela
com cupim, por exemplo. Qualidade
diz respeito à embalagem também:
capriche na embalagem, use papel
bolha, tenha a certeza de que a tela
está devidamente seca para poder ser
transportada, use cantoneiras (se
necessário), faça aquele cartão de
agradecimento e por aí vai. Há muitas
formas de caprichar e mostrar ao seu
cliente que você se preocupa com
todas as etapas.
17

Lição Nº6:
"Organização é tudo."
Tudo mesmo. Não importa se você tem
duas, dez ou duzentas pinturas: elas
devem estar em alguma tabela,
alguma planilha, algum catálogo, por
mais básico e simples que seja essa
organização, é necessária e vai facilitar
muito a sua vida e a vida dos seus
clientes.
Comece simples, fazendo uma relação
das obras no computador com o nome
da obra, dimensões, técnica, ano, valor,
localização (se está com você ou em
alguma Galeria, por exemplo). Vou
explicar item por item:
18

Lição Nº6:
"Organização é tudo."
- Nome da Obra: coloque entre “aspas”
o título da Obra e informe (se for o
caso) a Coleção que pertence. É um
nome próprio, um título e, portanto,
deve estar maiúscula a primeira letra.
EX: “Amanhecer” (Coleção Primavera)

- Dimensões: o padrão internacional é


em "cm" (centímetros).
Não queira colocar a altura em "m"
(metros) e o comprimento em "cm". Use
a mesma medida (EX: 45cm x 100cm).
19

Lição Nº6:
"Organização é tudo."
DICA IMPORTANTE É COLOCAR
SEMPRE PRIMEIRO A ALTURA,
DEPOIS O COMPRIMENTO, FICA
ASSIM:

Medidas: 80cm x 60cm

Erros comuns:

Medidas: 0,8m x 60cm


80cm

Medidas: 60cm x 80cm

60cm
20

Lição Nº6:
"Organização é tudo."

Dados adicionais: TÉCNICA


UTILIZADA. É importante inserir
alguma informação de material
utilizado. Pode ser de forma genérica,
do tipo: “Tinta Acrílica sobre Tela” –
não precisa por a marca da tinta, as
cores, nada disso, apenas os
“mediums” (termo utilizado em inglês
para denominar o material utilizado
na pintura). Alguns exemplos:

“Óleo sobre Tela”


“Acrílico sobre Tela"
“Óleo sobre linho”
21

Lição Nº6:
"Organização é tudo."

- DATA: sugiro limitar-se ao ano em


que foi pintado o quadro: não precisa
colocar dia/mês/ano, apenas o ano é o
suficiente e fica mais profissional,
mais visual, mais organizado. Inclusive
um ano futuramente pode virar uma
Coleção (ex: "Coleção 2020"). O ano
você pode escolher se quer informar
no início ou ao final. Ficaria assim:

Nome da Obra (Coleção, se houver)


Medidas /Técnica/Ano
22

Parabéns! Se você
chegou até aqui é
porque está engajado
na sua atividade
artística e está
profissionalizando sua
paixão para se tornar
um negócio!
23

O conteúdo gratuito
disponibilizado aqui irá lhe
auxiliar a dar os primeiros
passos para o início das
vendas. Sua visão já deve ter
aperfeiçoado, principalmente
se você refletiu e realizou as
tarefas propostas!

A FASE1 é
inteiramente
gratuita e terminou.

Saiba quais são as


Lições Avançadas da
FASE 2:
24
Adquirindo a FASE 2, você terá
acesso exclusivo aos seguintes
ensinamentos:
LIÇÃO NÚMERO 7 : “Etiquetagem: detalhe que
importa”

LIÇÃO NÚMERO 8: “Valor é diferente de Preço”

LIÇÃO NÚMERO 9: ”Pessoa Física ou Pessoa


Jurídica?”

LIÇÃO NÚMERO 10: “Tome consciência da sua


vitrine”

LIÇÃO NÚMERO 11: “Sobre Nome Artístico”

LIÇÃO NÚMERO 12: “Burocracia apenas se for


conveniente”

LIÇÃO NÚMERO 13: “Sua venda não acaba com a


venda”

LIÇÃO NÚMERO 14: “Sobre Certificado de


Autenticidade”

*BÔNUS: Você receberá por e-mail:

- Modelo de Certificado de Autenticidade de Obra;


- Modelo de Catálogo de Obras para suas artes!

QUERO A
FASE 2

Você também pode gostar