Você está na página 1de 9

Ficha de Trabalho nº 8

Módulo 1 – Ensino Profissional 10º TDS

Objetivos:
• Criar um documento/relatório no word;
• Consolidar conceitos.

Na sociedade moderna, é comum a utilização da expressão fake news para referir todo o tipo de
informação que circula na Internet, como meio privilegiado de difusão, com o objetivo de
enganar as pessoas em relação à realidade.

Objetivo do Trabalho:
Pretende-se que os formandos apliquem os conhecimentos adquiridos no decorrer das
aulas, e desenvolvam um relatório no word.

Tema do trabalho:
Realizar um trabalho de pesquisa sob o tema será O que são fake news?

Grupos de trabalho: 1 elemento.

Trabalho a desenvolver:
Deverá responder ao tema O são fake news e de acordo com as considerações
apresentadas deverá selecionar no mínimo 5 tópicos para desenvolver no seu relatório.
Poderá seguir as sugestões que lhe são propostas e/ou procurar em outros sites que
considere relevantes para o tema.
− Como e onde apareceram as fake news.
− O que são deep fakes.
− Como se propagam.
− Qual a relação entre as fake news e a Internet.
− Qual a relação entre os posts e a propagação das fake news.
− O que são fake news e porque nos preocupam.
− Porque devemos combater as fake news.
− Porque é que as fake news são uma ameaça à democracia.
− As diferenças entre produção de fake news e o trabalho jornalístico.
− Como identificar uma "notícia" falsa.

1 Tecnologias de Informação e Comunicação


Ficha de Trabalho nº 8
Módulo 1 – Ensino Profissional 10º TDS

− Um olhar crítico.
− Atenção à forma.
− Cuidado com o conteúdo
− Quem dá a notícia.
− Como é que teve conhecimento da notícia.
− O que tem a ganhar o autor da informação/publicação com a sua divulgação.
− Não devemos ser cúmplices das "fake news".
− Olhe sempre de forma crítica.
− Não partilhe informação duvidosa nas redes sociais.
− Não comente "posts" duvidosos.
− Não apoie ações ou indivíduos que não conhece.
− Checklist para verificar informação.

Trabalho a desenvolver:
Trabalho escrito entregue em formato Word, cumprindo as seguintes instruções:
− Capa (logótipo da escola, identificação da escola, identificação dos elementos do
grupo, título do trabalho [Fake News], identificação do professor orientador, data
e local).
− Índice (Realização de índice automático com ajuda o Microsoft Word).
− Introdução (Apresentar o assunto do trabalho, quais os objetivos a atingir e a
metodologia de trabalho).
− Desenvolvimento (Conteúdos do trabalho).
− Conclusão (Breve resumo, as conclusões que atingiram, se atingiram os objetivos
a que se propuseram na introdução e referir a importância de ter realizado o
trabalho).
− Bibliografia (Referir toda fonte consultada).

Avaliação:
o Pesquisa efetuada 20%;
o Capacidade de síntese 20%;
o Criatividade e originalidade 10%;

2 Tecnologias de Informação e Comunicação


Ficha de Trabalho nº 8
Módulo 1 – Ensino Profissional 10º TDS

o Estrutura 20%.
o Exemplos práticos 10%.
o Organização e gestão da informação 10%.
o Direitos de autor 10%.

Sugestões Propostas
− O que são fake news.
É comum a utilização da expressão fake news para referir todo o tipo de informação que
circula na Internet, como meio privilegiado de difusão, com o objetivo de enganar as
pessoas em relação à realidade – seja para defender um ponto de vista, para acusar
alguém, para ganhar dinheiro com visualização de páginas (pageviews), seja para obter
gostos (likes) e publicidade, para vender produtos, para burlar consumidores ou,
simplesmente, para impressionar os amigos.
Num sentido mais fechado, aquele que mais preocupa as sociedades democráticas, fake
news são informação manipulada (parcial ou totalmente falsa), que procura confundir-
se com as notícias produzidas por órgãos de comunicação social, e que tem por objetivo
enganar as pessoas e levá-las a apoiar ou a combater realidades políticas,
desacreditando dirigentes, partidos, instituições públicas, órgãos de soberania ou
regimes.
https://youtu.be/AZf7Dtp0gKU?list=PLHLm2BpEEm6r8xQiO2dQaCP-fcQK9dpaa –Apresentação

− Como e onde apareceram as fake news.


https://www.youtube.com/watch?v=X8nZXlXR5H4&list=PLHLm2BpEEm6r8xQiO2dQaCP-

fcQK9dpaa&index=4 – vídeo 3

− O que são deep fakes.


Por vezes, a manipulação da informação e dos dados (ex. imagens) é realizada com tal
profundidade ou profissionalismo que se criam deep fakes. (glossário) As deep fakes
recorrem a técnicas de manipulação de imagens e/ou sons, criando vídeos ou imagens,
que parecem reais, onde surgem personalidades a “dizer” e/ou “fazer” algo que nunca
fizeram ou disseram. Instrumento temível. Por enquanto tem sido utilizado para
entretenimento

3 Tecnologias de Informação e Comunicação


Ficha de Trabalho nº 8
Módulo 1 – Ensino Profissional 10º TDS

Poderá consultar: https://www.publico.pt/multimedia/interactivo/deepfake


Cheap fakes (glossário) é outro conceito de manipulação que, ao contrário das deep
fakes, que são concebidas através de inteligência artificial e exigem tempo e elevados
recursos computacionais, recorrem a software básico, gratuito e acessível a qualquer
pessoa. Ambas são formas de deturpar a realidade.

− Como se propagam.
https://www.youtube.com/watch?v=-uw1R8xS-fA&list=PLHLm2BpEEm6r8xQiO2dQaCP-

fcQK9dpaa&index=5 – vídeo 4

− Qual a relação entre as fake news e a Internet.

− Qual a relação entre os posts (https://www.lexico.pt/post/) e a propagação das


fake news.

− O que são fake news e por que nos preocupam.


Em qualquer das suas variantes, as fake news são sempre informação falsa criada com
o objetivo de enganar ou manipular. Algumas vezes com consequências irrelevantes,
outras vezes constituindo crimes graves.
Num sentido mais popular e mais amplo, podem abranger todas as falsidades que
pretendem enganar as pessoas, muitas vezes com o objetivo de tirar proveitos
económicos ilegítimos.
A devolução do acesso só seria permitida mediante o pagamento de um resgate em
criptomoedas (glossário), isto é, dinheiro digital. A este tipo de ataque chama-se
ransomware (glossário). Muitas vezes estes engodos são iniciados com notícias
falsificadas, com intuito de conferir seriedade à armadilha montada.
Para mais informação sobre ransomware pode visualizar o vídeo
(https://www.youtube.com/watch?v=ivqBfHe1ZwM&list=PLHLm2BpEEm6rxgz_PL8Ot1lFFzML5DKVg&in

dex=16&t=0s) sobre a temática.

https://www.youtube.com/watch?v=z1LswLfpKX8&list=PLHLm2BpEEm6r8xQiO2dQaCP-

fcQK9dpaa&index=6– Vídeo 5

4 Tecnologias de Informação e Comunicação


Ficha de Trabalho nº 8
Módulo 1 – Ensino Profissional 10º TDS

− Por que devemos combater as fake news.


− Por que é que as fake news são uma ameaça à democracia.
https://www.youtube.com/watch?v=i0yOmVLK5mU&list=PLHLm2BpEEm6r8xQiO2dQaCP-

fcQK9dpaa&index=7- Video 6

− As diferenças entre produção de fake news e o trabalho jornalístico.


O trabalho jornalístico não é uma ciência exata, mas é uma atividade que obedece a
princípios éticos e deontológicos claros, a regras e técnicas específicas e a um quadro
regulatório especial.
O trabalho jornalístico na sua versão mais básica e significativa é a produção de notícias
– embora admita outros estilos jornalísticos, como a entrevista, a reportagem, a crónica,
a fotorreportagem ou a infografia. E a sua produção e difusão faz-se através de
diferentes meios (escrita, vídeo, fotografia e som) e de diferentes plataformas (jornais,
rádios, televisões, sites, redes sociais e agências noticiosas).
O fim último do jornalismo é capturar a realidade e transmiti-la às pessoas de forma
objetiva, fidedigna e compreensível.

Como identificar uma "notícia" falsa?


Um olhar crítico
Olhe para a informação que encontra na Internet como se fosse um qualquer produto
que vai comprar ou consumir.
Será de boa qualidade?
É o que diz ser?
Oferece alguma garantia?
Que fontes utiliza?
Tem alguma etiqueta com a origem de produção e o autor?
Tem com quem protestar caso lhe estejam a vender «gato por lebre»?
Em última análise, pode processar alguém, caso esteja a ser enganado?
Não dê como certo aquilo que lê apenas porque está de acordo com o que pensa ou
com o que sente ou porque, simplesmente, dá muito trabalho questionar e verificar se
é verdade junto de outra fonte de informação. Uma coisa é o que se pensa e sente, outra
é a realidade. Os disseminadores de fake news aproveitam o descontentamento das

5 Tecnologias de Informação e Comunicação


Ficha de Trabalho nº 8
Módulo 1 – Ensino Profissional 10º TDS

pessoas com determinados factos (por exemplo, o desemprego) para distorcer a


realidade (dizendo, por exemplo, que é “culpa” dos imigrantes).
Caso leia uma informação importante e impactante, de aparente interesse público,
verifique se algum órgão de comunicação social a divulgou. Se nenhum jornal, rádio,
televisão, website ou página de rede social de órgão de comunicação social divulgou
essa notícia é porque, muito provavelmente, ela não existe. Se tiver dúvidas, aguarde
umas horas ou um dia e volte a verificar. Se continua a não ser publicada é porque não
existe. A informação era falsa.
Vejamos o caso em que um cidadão foi buscar uma fotografia registada na Indonésia e
publicou no Facebook, com um texto, com erros, referindo que na Guiné-Conacri estão
a prender os chineses. A embaixada da China naquele país sentiu necessidade de
desmentir esta informação que circulou por milhares de pessoas. O post obteve 84 mil
visualizações e 843 partilhas.
Atenção à forma
Os textos das fake news estão, muitas vezes, mal escritos, são incoerentes e têm muitos
erros. Exatamente! Fazem lembrar aqueles sites e emails de phishing (glossário) mal
elaborados, como podemos ver abaixo:

Cuidado com o conteúdo


A linguagem utilizada pelos jornalistas deve ser sóbria, tendencialmente neutra e
assente em dados de fontes credíveis e em depoimentos de autoridades e especialistas.
E quando um jornalista transmite opiniões de cidadãos identifica-as como tal, como
opiniões.
Desconfie da veracidade de uma notícia que promove a discriminação e o ódio ou
incentiva à violência. Ou que culpabiliza uma comunidade indeterminada de pessoas,

6 Tecnologias de Informação e Comunicação


Ficha de Trabalho nº 8
Módulo 1 – Ensino Profissional 10º TDS

identificada apenas por alusões à sua raça, crença religiosa, profissão ou outro elemento
de identidade coletiva.
Duvide de uma notícia que faz acusações ou insinuações genéricas, sem as concretizar
de forma muito clara e sustentada em dados confirmáveis ou fontes identificadas.
Quem dá a notícia
O autor e/ou o órgão de comunicação social que dá a notícia deve estar identificado e
ser reconhecido como entidade credível.
Como é que teve conhecimento da notícia
O risco de estar a ser enganado é muito maior quando a notícia vem ter consigo (através
de redes sociais, por exemplo) do que quando a vai procurar num telejornal, num jornal,
num website de um órgão de comunicação social ou noutra fonte fidedigna.
Para além da fonte, tenha atenção às datas das notícias. As fake news utilizam
informação manipulada recorrendo muitas vezes a histórias reais tiradas de contexto,
ou seja, factos que realmente aconteceram, mas noutra altura, noutro lugar e com
outros atores.
O que tem a ganhar o autor da informação/publicação com a sua divulgação?
Pode ser a simples venda de um produto (para isso costumam ser usados esquemas de
phishing (glossário) através de pop-ups (glossário) nas plataformas eletrónicas ou
mesmo pop-ups com publicidade pessoalmente direcionada, por exemplo, o acesso mal-
intencionado aos dados dos cartões de crédito (através de esquemas de phishing para
acesso a dados bancários) ou a simples conquista de audiências e de publicidade através
de pretensas notícias “bombásticas”.
https://www.youtube.com/watch?v=glNGFlRqQCw&list=PLHLm2BpEEm6r8xQiO2dQaCP-

fcQK9dpaa&index=8 - Vídeo 7

Não devemos ser cúmplices das "fake news"


Olhe sempre de forma crítica

7 Tecnologias de Informação e Comunicação


Ficha de Trabalho nº 8
Módulo 1 – Ensino Profissional 10º TDS

Para não cooperar com a disseminação das fake new basta seguir um conjunto simples
de boas práticas: Veja este caso de falsificação do site do jornal Público. Primeiro, é
apresentada uma página falsificada e depois uma verdadeira.

Note que a barra no topo da página tem algumas diferenças.


Fonte: https://www.publico.pt/2019/10/30/tecnologia/noticia/aviso-pagina-fraudulenta-imita-site-publico-1891976

Não partilhe informação duvidosa nas redes sociais

Não comente "posts" duvidosos nem participe em debates que surgem em torno de
informação duvidosa.
Ao comentar um post está a valorizá-lo e a promover a sua visualização e partilha. As
fake news são produzidas especificamente para impressionar as pessoas.

Não apoie ações ou indivíduos que não conhece

8 Tecnologias de Informação e Comunicação


Ficha de Trabalho nº 8
Módulo 1 – Ensino Profissional 10º TDS

Checklist para verificar informação:

− Apresente um caso mediático que expôs as fake news;

Links a consultar
− https://www.cncs.gov.pt/recursos/glossario/ consultado em 21/10/2020

Bom trabalho! ☺

9 Tecnologias de Informação e Comunicação