Você está na página 1de 4

Fundação Educacional Serra dos Órgãos

Centro Universitário Serra dos Órgãos - UNIFESO


Centro de Ciências da Saúde

REVISÃO PÁGINA CÓDIGO


LABORATÓRIO DE HABILIDADES
01 1/4 028

TÍTULO
OTOSCOPIA

CONCEITO: É o exame do conduto auditivo externo (CAE) e, ao fundo,


da membrana timpânica.

RESPONSÁVEL PELA PRESCRIÇÃO: Médicos.

RESPONSÁVEL PELA EXECUÇÃO: Médicos e estudantes sob


supervisão.

FINALIDADE

• Avaliar a presença de corpo estranho e alterações patológicas, degenerativas


e/ou traumáticas no conduto auditivo e membrana timpânica.
• Este exame também permite monitorar a efetividade de eventuais
tratamentos realizados.

ELABORADO VERIFICADO APROVADO DATA


Paulo César Coelho Regina Meireles Ribeiro Cassia Murtha 2016
Fundação Educacional Serra dos Órgãos
Centro Universitário Serra dos Órgãos - UNIFESO
Centro de Ciências da Saúde

Indicações: Afecções e infecções que atingem os ouvidos externo e


médio.

MATERIAL NECESSÁRIO

• Otoscópio

DESCRIÇÃO DA TÉCNICA/JUSTIFICATIVA:

• Orientar o paciente em relação ao procedimento, quando possível

• Posicionar o paciente em posição sentada ou ortostática (possibilita a


identificação do líquido no ouvido médio), com a cabeça levemente inclinada
para o lado contrário ao ouvido a ser examinado.
• Crianças menores devem ficar no colo com as pernas abertas. Cabeça com
rotação contrária ao ouvido a ser examinado, sendo segura pelo responsável.
• Usar o espéculo com tamanho adequado ao paciente (crianças têm o CAE
mais estreito e retificado, enquanto nos adultos ele é mais amplo e um pouco
curvado).
• Em casos de conduto auditivo tortuoso, usa-se espéculo mais fino, que possa
ser introduzido mais fácil e profundamente.
• Certificar-se da integridade do otoscópio (baterias fracas tornam o feixe de
luz menos intenso, levando a uma visualização do tímpano como se estivesse
mais hiperemiado e opacificado).
Fundação Educacional Serra dos Órgãos
Centro Universitário Serra dos Órgãos - UNIFESO
Centro de Ciências da Saúde

• Certificar-se da ausência de febre (esta pode tornar o tímpano mais


hiperemiado e opacificado)
• Retificar a orelha, tracionando-a para cima e para fora nos adultos.

• Na criança, especialmente no lactente, essa tração deve ser feita para baixo.
• Em caso de otite média, associa-se a pesquisa da região mastóidea.
• Introduzir o Otoscópio e examinar o conduto auditivo externo (CAE): observa-
se o aspecto da pele que reveste o CAE, os pêlos em sua porção anterior, a
presença ou não de detritos ceruminosos ou descamação. Ao fim do conduto,
encontra-se a membrana timpânica. Observar a integridade, aspecto, cor,
forma e contorno.
• No estado patológico, todos os elementos anatômicos da região examinada
podem estar alterados em maior ou menor grau de intensidade, fornecendo
dados diagnósticos de alterações no ouvido externo e/ou médio.

RESULTADO ESPERADO

Avaliação da integridade do conduto auditivo externo e membrana timpânica.

CUIDADOS ESPECIAIS

• Utilização de luvas sempre que houver secreções no conduto auditivo.


• Limpeza cuidadosa do otoscópio com álcool a 70% antes e ao final do exame
de cada ouvido .
• Iniciar pelo ouvido “bom”
Fundação Educacional Serra dos Órgãos
Centro Universitário Serra dos Órgãos - UNIFESO
Centro de Ciências da Saúde

BIBLIOGRAFIA

I) PERNETTA, C. Semiologia Pediátrica. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan


S.A., 1990;
II) PORTO, C.C. Semiologia Médica. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan S.A.
1990;
III) LIMA, A.J. de. Pediatria Essencial. Rio de Janeiro: Atheneu, 1992.
IV) SAVIC, B. Manual de Semiologia Médica. São Paulo: EDUSP, 1980.
V) OLIVEIRA, R.G. de. Blackbook Pediatria. Belo Horizonte: Black Book Editora
2005.
VI) LOPES FILHO O & CAMPOS CAH. Tratado de Otorrinolaringologia. Roca
Editora, São Paulo, 1994.

Critérios de Avaliação:
Explica o procedimento e posiciona o paciente........................................ S( ) N( )
Segura o otoscópio corretamente..............................................................S( ) N( )
Traciona a orelha.......................................................................................S( ) N( )
Avalia as estruturas internas (conduto auditivo e tímpano).......................S( ) N( )

Você também pode gostar