Você está na página 1de 11

Escola Superior de Ciências Náuticas

Departamento de Maquinas Marítimas

Engenharia Electromecânica
Electrónica de Potência
Transistores BJT de Potência

Nome do Estudante: Houston Jerónimo Macaze

Docente: Eng. Roberto Tandaucane


Indice
Lista de Abreviaturas e Siglas......................................................................................................... 3
Lista de figuras ................................................................................................................................ 4
Introdução ....................................................................................................................................... 5
Metodologia .................................................................................................................................... 6
Transistores de Potência ................................................................................................................. 7
Transistores BJT de Potência .......................................................................................................... 8
Caracteristicas do Transistores BJT de Potência ............................................................................ 8
Aplicações do Transistores BJT de Potência .................................................................................. 9
Comparação BJT com outros transistores....................................................................................... 9
Conclusão...................................................................................................................................... 10
Referencias Bibliograficas ............................................................................................................ 11

2
Lista de Abreviaturas e Siglas

BJT- Transistor de Junção Bipolar;

3
Lista de figuras

Figua1: Transistores de Potência;

Figua2: Transistores BJT de Potência;

4
Introdução

A evolução que a humanidade alcançou atualmente trouxe um fator que vem preocupando
bastante as pessoas: o alto consumo de energia elétrica. Praticamente todos os lugares do mundo,
de indústrias a pequenas residências, utilizam a energia elétrica em seu cotidiano. E quando
pensamos em fábricas e empresas, por exemplo, podemos calcular uma grande energia sendo
gasta.

Para reduzir os gastos, vários equipamentos foram criados. E um deles são os transistores de
potência. Esses dispositivos têm como objetivo optimizar o uso da energia elétrica, mensurando
sua quantidade ou potencializando suas possibilidades.

Os transistores de potência foram criados nos anos 1950 para optimizar o uso da energia elétrica.
Trata-se de um transistor que funciona com a maior quantidade de energia de um circuito.
Geralmente, são transistores de saída ou transistores chaveadores, pois esses são o que
consomem a maior parte de energia de um circuito.

Objectivo geral

 Desenvolvimento sobre os transistores de potência.

Objectivos especificos

 Definir Transistores BJT de Potência;


 Diferenciar Transistores BJT de Potência dos normais;
 Ilustrar Transistores BJT de Potência;
 Carctristicas de Transistores BJT de Potência;
 Aplicações de Transistores BJT de Potência;

5
Metodologia

Para a realização do presente trabalho sobre transistores de potência realizaram-se pesquisas


bibliográficas, que consistiram na busca minuciosa de informações em livros ou manuais,
artigos, e relatórios.

Também foi-se usado um laboratório electrónico digital (um aplicativo simulador de circuitos
eléctricos), Multisim para esquematizar alguns cicuitos ao longo do trabalho.

Para além da ferramenta acima mencionada, deu-se o uso de um outro aplicativo para o desenho
e recorte, Paint.

Para o caso de livros ou manuais, artigos, e relatórios de idiomas diferentes de português


submeteu-se o auxílio de uma ferramenta de tradução para o idioma português.

6
Transistores de Potência

Existem diversos tipos de transistores de potência e eles podem ser encontrados em vários
tamanhos e modelos. Por isso, podem ser instalados nos mais diversos equipamentos
eletroeletrônicos, desde dispositivos caseiros até dispositivos industriais. Geralmente os
transistores de potência são instalados em uma chapa de metal, que vai servir para dissipar parte
do calor do transistor. Sua utilização varia conforme o equipamento onde está instalado, mas o
resultado é sempre o mesmo: energia elétrica usada de forma eficaz, sem exageros e com um
ótimo aproveitamento.

Os transistores de potência possuem uma utilização e um funcionamento semelhante à dos


transistores normais. No mercado existem três tipos diferentes de transistores de potência: o
bipolar, o unipolar ou FET (Field Effect Transitor) e o IGBT. Cada um deles será adequado para
um equipamento e uma situação específica. Por isso, para ter o melhor resultado, é aconselhável
avaliar o tipo de transistores de potência que será usado.

Figua1: Transistores de Potência

7
Transistores BJT de Potência
Os transistores bipolar de potência representaram um importante passo no desenvolvimento de
componentes de média potência, atingindo tensões de bloqueio da ordem de 1000V, conduzindo
correntes de 500A. Embora estes valores não permitam sua aplicação direta, estes dispositivos
são a base para uma série de outros conversores para condicionamento de energia elétrica.

O que diferencia um transistor de potência, do tipo bipolar de junção, de um transistor comum, é


a sua capacidade de trabalhar com correntes intensas ou com tensões elevadas, e em alguns casos
com ambos.

Transistores com correntes de coletor acima de 1 A são normalmente considerados transistores


de potência, e as tensões de operação, ou seja, tensões máximas que suportam entre coletor e
emissor podem superar os 1000 V.

Figua1: Transistores BJT de Potência

Caracteristicas do Transistores BJT de Potência


 O transistor bipolar é um típico amplificador de corrente que opera com portadores de
carga majoritários. Isso significa que este dispositivo controla a corrente a corrente entre
coletor e emissor a partir de uma corrente de entrada;
 Assim os transistores bipolares tendem a diminuir a velocidade quando a temperatura
aumenta e também a conduzir mais intensamente a corrente, levando a possibilidade da
deriva térmica que estudamos no item anterior.

8
Aplicações do Transistores BJT de Potência
Nas aplicações industriais encontramos estes componentes em diversos tipos de
equipamentos. Eles são utilizados em fontes de alimentação tanto do tipo linear como
chaveado, na excitação de relés, solenoides e no controle de outros tipos de cargas,
emcomutação e muito mais.

Comparação BJT com outros transistores


Apesar de terem sido fabricados transistores bipolares para correntes da ordem de centenas de
ampères e tensões de bloqueio até 800 V, este tipo de componente praticamente não é mais
utilizado em fontes chaveadas. Um dos motivos é pela velocidade de chaveamento do BJT ser
muito baixa, e então, podendo ser substituído pelo MOSFET, em que a velocidade de
chaveamento é muito maior. Outro ponto que fez o BJT ser substituído por outros transistores, é
o controle dele ser feito pela corrente de base, precisando de uma alta corrente para mantê-lo
ligado (chave fechada), e uma alta corrente reversa para ter um desligamento rápido
(chave aberta). Com isto, o circuito que utiliza um BJT é muito mais complexo e se torna mais
caro. Porém, em contrapartida, o BJT tem uma vantagem quando utilizado em circuitos em alta
frequência, pois as perdas de chaveamento no estado ligado são mais baixas no BJT, mesmo que
o desempenho seja menor em altas frequências, as perdas de chaveamento são importantes para o
circuito como um todo.
O transistor bipolar de porta isolada, IGBT, foi desenvolvido para suprir as limitações do BJT e
MOSFET, ele tem perdas de chaveamento quando ligado baixas, sua velocidade de chaveamento
é relativamente alta, e requer um circuito de acionamento simples.
Em suma, hoje, o IGBT é o transistor mais utilizado na eletrônica de potência, por ter mais
vantagens que o BJT e MOSFET.

9
Conclusão
Atrvés do presente trbalho de investgação poderam-se adquirir divesos e relevanes
conhecimentos sobre o que ocorre na hora do funcionamento do proprio transistor bjt de
potência. O que ocorre é que, ao conduzir a corrente entre o coletor e o emissor, que é a corrente
controlada, o transistor apresenta certa resistência, o próprio nome do componente indica isso.
Transistor significa Transfer-Resistor ou resistor de transferência. Ele se comporta como um
resistor cuja resistência pode ser variada por uma corrente de base.

No entanto, mesmo na saturação, a resistência entre coletor e emissor não é nula, o que significa
que calor é gerado. Esse calor é dado pelo produto da corrente que circula pelo componente entre
o coletor e o emissor (Ice) pela tensão que aparece entre o coletor e o emissor (Vce).

Pode-se também vericar as características e aplicações do transistor BJT de potência e


principalmente o conhecimento chave de que este transistor particularmente funciona com
correntes e tensoes altas.

10
Referencias Bibliograficas
MALVINO, Albert Paul. Electrónica. Makron Books: 4 ed- São Paulo, 1995

MALVINO, Albert e BATES, David J. Electrónica. 7 ed- Porto Alegre: AMGH, 2011

http://www.newtoncbraga.com.br/index.php/eletronica-de-potencia/15358-curso-de-eletronica-
de-potencia-parte-3-transistores-bipolares-de-potencia-cur3003--------------------------------17:30

http://www.gesep.ufv.br/wp-content/uploads/Aula_05-ELT-313-Transistors-de-
Pot%C3%AAncia.pdf-17:45

http://www.professorpetry.com.br/Ensino/Eletronica_Potencia/Apresentacao_Aula_03.pdf--------
-17:45

https://www.studocu.com/pt-br/document/universidade-do-estado-de-santa-catarina/eletronica-
analogica/resumos/caracteristicas-do-bjt-de-potencia/5586918/view-----------------18:00

https://www.docsity.com/pt/transistores-de-potencia-2/4772034/-------------------18:16

11

Você também pode gostar