Você está na página 1de 4

PROGRAMA

Designação da cadeira
Técnicas de Expressão Oral e Escrita em Português

Docentes:
Francisco de Carvalho Salvador e Abias Catito
Descrição geral
Epígrafe
«A utilizaçãpo correcta da língua, no domínio Institucional, constitui uma
ferramenta importante nos dias que correm, pois, isso possibilita ao utente, uma melhor
interpretação e adequação do seu discursoem conformidade com as normas gramaticais da
língua oficial e de comunicação,como é o caso da Língua Portuguesa no nosso context.»
Com a intenção de termos a Instituição preparada aos desafios correntes, entedemos
necessário munir os estudantes do 2.º ano do curso de direito da FDUMA, com Técnicas de
Expressão Oral e Escrita em Português, apresentando a língua na perspectiva pragmática,
com reflexões sobre as principais incorrecções verificdaas no nosso quotidiano, tanto na
escrita, tanto na oralidade e apresentar com exercícios e diálogo científico o que o normativo
linguístico do Português orienta, visto ser a língua oficial de Angola, nos termos do n.º 1 do
artigo 19.ºda Constituição da República de Angola. (CRA).
Assim, apresentamos os objectivos, as várias fases metodológicas, os instrumentos e
forma de avaliação a serem usadas na cadeira, bem como uma orientação bibliográfica para
eventuais estudos, pesquisas ou reflexões futuras por parte dos estudantes, no sentido de
elevar os seus níveis de proficiência linguística, desenvolver as competências linguística,
comunicativa e metalinguística e consequentemente melhorar o comportamento linguístico
dos mesmos.

OBJECTIVOS:
INSTRUTIVO:
Interpretar e aplicar as regras linguístico-gramaticais para o desenvolvimento de
hablidades lógicas e profissionais nos estudantes, com aspectos pragmáticos sobre Técnicas
de Expressão Oral e Escrita em Português. Por exemplo: Conhecer as formas de tratamento
e endereçamento, como e quando se utiliza o modo imperativo em Português, redigir um
requerimento, carta e afins, dentre outras temáticas.

EDUCATIVO:
Sentir responsabilidade na utilização correcta da língua como meio formal de
comunicação interpessoal e institucional, quer na vertente escrita, quer vertente oral.
CONTEÚDO PROGRAMÁTICO
1. As Formas de Tratamento e Endereçamento
Tema: 1 Formal, Informal, Mais-que-formal e Reverencial
1.1.- Conceito;
1.1.1. -Contexto de Utilização
2. A formação do Modo Imperativo em Português
Tema: 2
2.1. Imperativo afirmativo;
2.1.1. Imperativo Negativo
3. Processo de Formação de Palavras
Tema: 3 3.1. Processos regulares (derivação e composição)
3.2. Processos Irregulares (sigla, acronímico, empréstimos
etc.)
Tema:4 4. A Pronominalização
4.1. Conceito
4.2. Regras de selecção do pronome clítico na frase
4.3. Regras de colocação do Pronome na frase

Tema: 5 5. A Crase
5.1. Regras e Excepções
Tema: 6 6. Os Sinais de Pontuação (virgulação)
6.1. Conceito e regras de aplicação
Tema: 7 7. Texto literário e não literário (características)

Tema: 8 8. Níveis/ Registos de Língua

Tema: 9 9. Estatuto das Línguas


9.1. L1 (língua materna); L. Oficial; L.nacional; e L2 Língua
segunda
Tema:10 10. Estudo dos verbos
10.1 Constituição, Classificação, função, connjugação
Tema.11 11.Elementosdo Processo de comunicação verbal
Emissor, Mensagem, receptor, canal, código e contexto/
Referente
Tema: 12 12. Relação Semântica entre as palavras
Tema: 13 13. Marcadores e conectores discursivos
Tema: 14 14. Analogia entre algumas classes morfológicas
-Nome, Verbo, Adjectivo
Tema: 15 Acentuação Gráficas das Palavaras ( classificação)

PARTE 2- Exercícios e Aula oficina


A) Aulas oficinas com fichas de exercícios individuais;
B) Aulas oficinas de trabalhos em equipas (dupla ou tríade);
C) Aulas oficinas de exploração e interpretação textual e
vocabular.
Métodos de Ensino,Instrumentos e Formas de Avaliação
MÉTODO INSTRUMENTO FORMAS DE QUEM
AVALIAÇÃO AVALIA
Expositivo Questionário Inicial Diagnóstica Heteroavaliação
Socrático Participação dialogada nas Formativa Heteroavaliação
sessões
Elaboração Trabalho em equipa Formativa Coavaliação
conjunta
Indutivo e Questionários, exercícios etc. Formativa Autoavalição
dedutivo

Momentos de Avaliação
- Quanto a esse ponto, as avaliações períodicas, passíveis de
lançamento de nota no (SIIUMA), são as orientamentas pela faculdade. No
entanto, tratando-se de uma cadeira Semestral, são as seguintes:
1.ª Frequência: Att. Podendo ser trabalhos equivalentes,
(individuais ou em grupo, a critério do Docente.);
2.ª Frequência: (Prova escrita de aplicação Obrigatória);
Exame Final: (Prova escrita de aplicação Obrigatória).
Exame de Recurso: (caso nas avaliações anteriores o estudante não
tenha obtido nota igual ou superior a 10 valores).

Meios de Ensino
Meios Permanentes Material de apoio ( fichas de
exercícios)
Projector, cumputador, tela de Código Oral e escrito
projecção, marcador, apagador
etc
BIBLIOGRAFIA RECOMENDADA
CHAMACA, Teresa Manuela, Os Emprestismos das Línguas Bantu no Português
Falado em Angola, Grafvico, Lda, 2013.
CHICUNA, Alexandre Mavungo, Portugesismos nas Línguas Bantu, Edições Colibri,
Lisboa, 2014.

CUNHA, Celso e Lindley Cintra, Nova Gramática do Português Contemporâneo, 18.ª


Edição, 2005;

Dicionário Integral da Língua Portuguesa, Texto editores, 3.ª Edição, 2010;

MIGUEL, Maria Helena e Antónia Alves, Convergência Manual Universitário,


Luanda, 2008
MIGUEL, Maria Helena e Antónia Alves, Saber+, Luanda, 2016

MOREIRA, Vasco e Hilário Pimenta, Gramática de Português, 3.º ciclo do Ensino


básico/ensino secundário, Porto Editora,2009

NASCIMENTO, Zacarias e PINTO, José Manuel de, A Dinâmica da Escrita, Como


Escrever com Êxito, Plátano Editora, 3ª Edição.

NOGUEIRA, Rodrigo de Sá - Dicionário de Erros e Problemas de Linguagem, 4ª


Edição Revista e Actualizada, Clássica Editora, 1995.

NOGUEIRA, Rodrigo de Sá - Dicionário de Verbos Portugueses Conjugados 12.ª


Edição, Clássica Editora, 2012.

NUNES, Carmen e SARDINHA, Leonor –Vocabulário, Regime Preposicional de


Verbos Exemplicação, Plátano Editora,1999.

PINTO, José Manuel de Castro e LOPES, Maria do Céu Vieira - Gramática do


Português Moderno, Remodelada, Ensino Básico e Secundário, Plátano Editora, 6ª Edição,
Fevereiro de 2005.

RIBEIRO, Helga e outros - GRAMÁTICA MODERNA DA LÍNGUA PORTUGUESA –


Para o conhecimento e aperfeiçoamento dos aspectos fundamentais da estrutura e
funcionamento da língua, Escolar Editora, Lisboa 2010.

RTP, Bom Português, Porto Editora, 2012.


TAVARES, António e MORANGUINHO, Jorge – Prontuário de Verbos com
Preposições, Plátano Editora, 2008.

VENTURA, M.ª Helena; CASEIRO, M.ª Manuela - Guia Prático de Verbos com Preposições,
Lisboa, Lidel, 1996.

Você também pode gostar