Você está na página 1de 26

DM4610 OLT GPON

Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Overview
Este documento tem o objetivo de demonstrar a instalação e a configuração do DM4610 OLT GPON para operação com uma ONU984-420
(Router) com vários serviços integrados e uma ONU984-100B (Bridge). Para maiores informações consulte os manuais do equipamento
disponíveis no site da Datacom ou entre em contato conosco através do autoatendimento.

Sumário
Cenário de Referência............................................................................................................................................................................................1
Instalação OLT........................................................................................................................................................................................................2
Instalação ONU......................................................................................................................................................................................................3
Acesso para Configuração da OLT..........................................................................................................................................................................3
Configurações Iniciais............................................................................................................................................................................................4
Configuração das VLANs........................................................................................................................................................................................4
Configuração do Bandwidth Profile.......................................................................................................................................................................5
Configuração do Line Profile..................................................................................................................................................................................6
Configuração do ONU Profile.................................................................................................................................................................................8
Configuração do Service Profile.............................................................................................................................................................................9
Configuração do SIP Profile....................................................................................................................................................................................9
Habilitar o Ramo PON............................................................................................................................................................................................9
Adicionar uma ONU.............................................................................................................................................................................................10
Formas de Conexão de Usuários Finais...............................................................................................................................................................11
Service VLAN........................................................................................................................................................................................................11
Service-Port..........................................................................................................................................................................................................12
Profile Default......................................................................................................................................................................................................12
Configuração da ONU Router...............................................................................................................................................................................13
Script de Configuração – ONU Bridge..................................................................................................................................................................25
Observações.........................................................................................................................................................................................................25
Contato................................................................................................................................................................................................................26

Cenário de referência
A figura 1, ilustra o cenário utilizado para a demonstração das configurações, bem como as boas práticas envolvidas.

Figura 1 – Cenário de Referência

www.datacom.ind.br 1
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

O firmware utilizado nos equipamentos do cenário de referência é descrito na tabela 1.

MODELO VERSÃO DE FIRMWARE


DM4610 1.8.2
DM2104 5.16.2
ONU DM984-420 0.5.6
Tabela 1 - Versão de firmware

Instalação OLT
Destaca-se que o equipamento deverá estar devidamente alimentado, de acordo com a fonte conectada. Para a Fonte PSU 120 AC conecte-
a na energia AC (127V/220V) e para a Fonte PSU 120 DC a um retificador (36V~72V), conforme a figura 3.

As PSUs possuem LEDs indicativos do seu funcionamento:


• Power: Indica fonte alimentada e com saída dentro dos limites estabelecidos;
• ACT: Indica que a PSU está ativa.

Os módulos de alimentação – PSU, são instalados em slots específicos, na parte frontal do equipamento. O cabo de alimentação é conectado
na parte traseira do produto. As PSU não são AC/DC simultâneo.

O modelo da PSU dependerá diretamente da ordem de compra solicitada ao comercial e é enviada em uma caixa separada da OLT, realize
a sua instalação corretamente.

Figura 3 – Instalação da PSU

O módulo de ventilação DM4610 - FAN acompanha o produto, porém é enviado em uma caixa separada. Realize a sua instalação na parte
traseira do equipamento conforme a figura 4. Não se recomenda manter o produto ligado sem o módulo FAN.

Figura 4 – Instalação do módulo FAN

www.datacom.ind.br 2
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

A OLT receberá as conexões da parte Ethernet através da interface gigabit-ethernet 1/1/12 (figura 1), a qual estará conectada a um switch
com o objetivo de realizar a entrega dos serviços de DHCP, PPPoE e VoIP, além de permitir a gerência dos equipamentos. O ramo GPON a
ser utilizado será o 1/1/1, que receberá o SFP GPON conforme observado da figura 5.

Figura 5 – Instalação das interfaces GPON e Ethernet

A interface GPON 1/1/1 deverá ser conectada a um splitter, para a atenuação do sinal. Caso a topologia da figura 1 seja realizada em uma
bancada, utilize um atenuador ótico de no mínimo 10dB.

Instalação ONU
As ONUs DM984-100B e DM984-420 deverão ser alimentadas na energia elétrica (127V/220V) e o cordão ótico conectado corretamente,
conforme visualizado na figura 6.

Figura 6 – Instalação da fibra ótica na ONU

Utilize o DIO e as guias de passagem da ONU para a acomodação correta da fibra ótica.

Acesso para Configuração da OLT


O acesso a configuração da OLT pode ser realizado de duas formas, a primeira ocorre através da porta local chamada console com cabo
serial apropriado. A segunda, através da interface de gerência externa/remota chamada MGMT e configurada por default com o endereço
IP 192.168.0.25/24 e acesso por SSH – Security Shell através de um cabo UTP.

Figura 7 – Localização da porta console e interface MGMT

www.datacom.ind.br 3
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Tanto para o acesso por console, como pela interface MGMT é necessário a utilização de um aplicativo, como por exemplo, Putty, Tera
Terminal ou Hyper Term, conforme observado na figura 8.

Figura 8 – Acesso Console ou Remoto via Tera Term

Caso o acesso seja realizado utilizando a interface MGMT, configure o notebook/desktop com um endereço IP da mesma rede do
equipamento ou o conecte a um equipamento com a funcionalidade de roteamento, para o encaminhamento de pacotes entre redes
diferentes ocorra e permita o acesso.
Por default, o usuário com privilégios de configuração é o admin com senha admin.

Configurações Iniciais
É aconselhável a configuração de algumas funcionalidades iniciais para que qualquer alteração no equipamento seja registrada de forma
correta e possa servir como referência para possíveis análises de falhas.
O primeiro requisito é a definição do nome do equipamento dentro da topologia, conforme descrito a seguir e de acordo com a figura 1.

config
hostname DM4610-1
commit

Destaca-se a importância de manter a data e a hora do equipamento correta, realizando a sua sincronização com um servidor de SNTP,
para posterior análise de logs. A configuração de timezone é referente ao fuso horário, utilizou-se como referência Brasília (-3).

config
clock timezone Brasil -3
sntp client
sntp server 10.0.106.24 authenticate none
top
commit

Para verificar a data e a hora do equipamento, utilize a sintaxe:

show system clock

Caso o comando de show seja executado dentro do menu de configuração, utilize a sintaxe do antes do comando, conforme a seguir.

config
do show system clock

A análise dos logs do equipamento é realizada pelo comando:

show log

Configuração das VLANs


Os serviços que serão oferecidos aos clientes estão divididos por VLANs e comentados na tabela 2.

www.datacom.ind.br 4
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

SERVIÇO VLAN
Gerência 4094
DHCP/Dados 2809
PPPoE/Dados 2612
SIP/VoIP 1505
LAN-to-LAN 2807
Tabela 2 – Serviços GPON

Para configurar as VLANs supracitadas, observe a sintaxe a seguir.

config
dot1q vlan 4094 name Gerencia interface gigabit-ethernet-1/1/12
top
dot1q vlan 2809 name DHCP interface gigabit-ethernet-1/1/12
top
dot1q vlan 2612 name PPPoE interface gigabit-ethernet-1/1/12
top
dot1q vlan 1505 name VoIP interface gigabit-ethernet-1/1/12
top
dot1q vlan 2807 name L2L interface gigabit-ethernet-1/1/12
top
commit

As configurações das VLANs podem ser verificadas com os comandos:

show vlan brief


show vlan membership brief
show running-config dot1q

Para associar uma VLAN a um endereço IP, é necessário adicioná-la a uma interface l3 (letra “l”), como demostrado a seguir.

config
interface l3 Gerencia
description interface-gerencia-inband-vlan-4094
ipv4 address 10.0.0.1/24
lower-layer-if vlan 4094
top
commit

Configuração do Bandwidth Profile


Este profile é responsável pela alocação de banda no sentido upstream, ou seja, da ONU em direção a OLT, realizando a limitação do tráfego
diretamente na ONU.

Os tipos de profiles de banda disponíveis são:


• Tipo 1-Fixed (fixo): Alocação de um valor fixo para uma banda desejada. Não ocorre compartilhamento desta reserva. Indicado
para tráfegos constantes de maior relevância para parâmetros de delay e jitter. Por exemplo VoIP;
• Tipo 2-Assured (garantido): Alocação de uma banda garantida. Este tráfego pode ser compartilhado com outros usuários quando
não estiver sendo utilizado. Indicado para tráfegos sem relevância para os parâmetros de delay e jitter. Por exemplo, stream de
vídeo e dados de alta prioridade;
• Tipo 3-Assured + Max (garantido + banda máxima permitida): Define um valor para a banda garantida que pode ser compartilhada
quando não estiver em uso e um limite de banda máximo (não garantido). Indicado para tráfegos com serviços de taxa variável
onde o mais importante é garantir uma taxa média;
• Tipo 4-Maximum (melhor esforço/Best Effort): Define uma banda máxima - não garantida. Indicado para tráfegos com taxa variável
e baixa relevância para parâmetros de delay e jitter. Por exemplo, Internet e serviços de baixa prioridade;
• Tipo 5-Fixed + Assured + Max (misto dos tipos anteriores): Permite definir uma combinação da banda fixa, garantida e máxima.

A alocação de banda para os serviços definidos para a topologia proposta é definida na tabela 3.

www.datacom.ind.br 5
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

SERVIÇO ALOCAÇÃO DE BANDA TIPO DO PROFILE DE


BANDA
Gerência 1M Tipo 1
DHCP/Dados 50M Tipo 3
PPPoE/Dados 80M Tipo 3
SIP/VoIP 5M Tipo 1
LAN-to-LAN 20M Tipo 2
Tabela 3 – Alocação de banda

As configurações envolvidas para o bandwidth-profile estão dispostas a seguir.

config
profile gpon bandwidth-profile Gerencia
traffic type-1 fixed-bw 1024
top
profile gpon bandwidth-profile DHCP
traffic type-3 assured-bw 51200 max-bw 52224
top
profile gpon bandwidth-profile PPPoE
traffic type-3 assured-bw 81920 max-bw 82944
top
profile gpon bandwidth-profile VoIP
traffic type-1 fixed-bw 5120
top
profile gpon bandwidth-profile L2L
traffic type-2 assured-bw 20480
top
commit

Para verificar as configurações de bandwidth-profile utilize os comandos:

show running-config profile gpon bandwidth-profile

Configuração do Line Profile


O tráfego upstream é classificado por um T-CONT (transmission container), que pode ser entendido como um container ou um túnel onde
um determinado tráfego ou serviço será transmitido, formando uma conexão lógica entre a OLT e a ONU.

O GEM (GPON encapsulation method) realiza o encapsulamento dos pacotes Ethernet, se comportando como uma porta virtual para a
transmissão do serviço e a associação de uma interface física/VLAN a uma ONU.

Cada T-CONT pode transmitir até 16 GEMs ou 16 serviços, dentro de uma determinada banda alocada, conforme verificado na figura 9.

Figura 9 – Associação do T-CONT ao GEM e a ONU

Este profile é responsável por agrupar as configurações do tráfego upstream (ONU para a OLT), realizando as associações a seguir:

• T-CONT ao profile de banda, determinando as características do tráfego;


• T-CONT a um GEM Port, definindo a característica do tráfego neste GEM Port;
• GEM Port mapeado por porta, VLAN e Prioridade – CoS.
A configuração do line-profile para cada serviço definido para a topologia proposta é definida na tabela 4.

www.datacom.ind.br 6
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

SERVIÇO T-CONT GEM Port


Gerência 1 1
DHCP/Dados 2 2
PPPoE/Dados 3 3
SIP/VoIP 4 4
LAN-to-LAN 5 5
SIP/VoIP para porta FXS 6 6
Tabela 4 – Correspondência de T-CONT com GEM Port

Na figura 10, observa-se a disposição das portas Ethernet e de telefonia com a configuração do line-profile para uma ONU Router. O VEIP
será responsável pelas portas Ethernet de 1 a 4 e o IPHOST será responsável pelas portas de telefonia 1 e 2.

Figura 10 – ONU Router

A configuração do line-profile para a ONU Router é observada a seguir.

config
profile gpon line-profile Servicos_Unificados_Router
tcont 1 bandwidth-profile Gerencia
gem 1 tcont 1
map Gerencia veip 1 vlan 4094 cos any
exit
exit
tcont 2 bandwidth-profile DHCP
gem 2 tcont 2
map DHCP veip 1 vlan 2809 cos any
exit
exit
tcont 3 bandwidth-profile PPPoE
gem 3 tcont 3
map PPPoE veip 1 vlan 2612 cos any
exit
exit
tcont 4 bandwidth-profile VoIP
gem 4 tcont 4
map VoIP veip 1 vlan 1505 cos any
exit
exit
tcont 5 bandwidth-profile L2L
gem 5 tcont 5
map L2L veip 1 vlan 2807 cos any
exit
exit
tcont 6 bandwidth-profile VoIP
gem 6 tcont 6
map FXS iphost vlan 1505 cos any
top
commit

Ao término da configuração supracitada, a ONU Router estará com o seu profile preparado para receber os seis serviços mapeados e
demonstrados na figura 11.

www.datacom.ind.br 7
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Figura 11 – Associação do GEM ao T-CONT

O profile da ONU Bridge é definido de forma similar ao da ONU Router. Destaca-se que conforme a topologia proposta, será entregue na
interface Ethernet da ONU o serviço de VoIP. Caso seja entregue outro serviço, altere o valor do campo VLAN para o desejado. Na figura 12
observa-se a disposição das portas Ethernet.

Figura 12 – ONU Bridge

config
profile gpon line-profile ONU_BRIDGE
tcont 1 bandwidth-profile VoIP
gem 1 tcont 1
map VoIP-ETH ethernet any vlan 1505 cos 0
top
commit

Para verificar as configurações do line-profile, utilize os comandos:

show running-config profile gpon line-profile

Configuração do ONU Profile


Este profile determina as características físicas da ONU, como a quantidade de portas Ethernet e portas de telefonia.

A configuração dos profiles a seguir é baseada nos modelos de ONUs da Datacom. Não se garante a interoperabilidade com modelos de
ONUs de outros fabricantes.

DM984-420 (Router)

config
profile gpon onu-profile DM984-420
pots adaptive
veip 1
top
commit

Na configuração do VEIP, caso não seja inserida a configuração de native vlan, a porta se comportará como uma interface do tipo tagged.
Para alterá-la, é necessário definir a VLAN a ser associada.

www.datacom.ind.br 8
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

DM984-100B (Bridge)

config
profile gpon onu-profile DM984-100B
ethernet adaptive
top
commit

Para verificar a configuração, observe os comandos a seguir.

show running-config profile gpon onu-profile

Configuração do Service Profile


Este profile gerencia e define as configurações dos serviços a serem aplicados a ONU.

DM984-420 (Router)

config
profile gpon service-profile Servicos_unificados_ONU_Router
onu-profile DM984-420
top
commit

DM984-100B (Bridge)

config
profile gpon service-profile ONU_BRIDGE
onu-profile DM984-100B
top
commit

As configurações de service-profile podem ser verificadas com os comandos:

show running-config profile gpon service-profile

Configuração do SIP Profile


Este profile define as configurações do servidor VoIP para a portas de telefonia da ONU. Caso seja utilizado um telefone IP/VoIP estas
configurações são realizadas diretamente no aparelho e este, conectado a uma porta Ethernet. O endereço IP inserido a seguir refere-se ao
servidor VoIP presente na topologia.

config
profile gpon sip-agent-profile VoIP
registrar 172.24.1.200
proxy-server 172.24.1.200
outbound-proxy 172.24.1.200
top
commit

Para verificar as configurações do sip-agent-profile, utilize:

show running-config profile gpon sip-agent-profile

Habilitar o Ramo PON


A interface GPON desejada necessita ser habilitada para funcionamento.

config
interface gpon 1/1/1
no shutdown
commit

Para verificar a interface GPON, utilize as sintaxes:

www.datacom.ind.br 9
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

show interface gpon 1/1/1


show running-config interface gpon 1/1/1

Adicionar uma ONU


A ONU pode ser provisionada de modo off-line, antes da instalação no cliente ou de modo on-line, com a ONU já instalada no cliente.

Para o modo off-line, digite previamente o serial number da ONU dentro da árvore de configuração conforme a seguir e associe os profiles
correspondentes.

DM984-100B (Bridge)

config
interface gpon 1/1/1
onu 3
name DM984-100B-ONU3
serial-number DACM0000115C
service-profile ONU_BRIDGE
line-profile ONU_BRIDGE
ethernet 1
native vlan vlan-id 1505
top
commit

Para provisionar a ONU no modo on-line, utilize o comando a seguir para a identificação da ONU conectada com o seu serial number
correspondente.

show interface gpon 1/1/1 discovered-onus

Chassis / Slot / Port Serial Number


--------------------- -------------
1/1/1 DACM00001508

Após a localização da ONU não provisionada, adicione-a a interface GPON conforme o seu tipo e os serviços a serem agregados.

interface gpon 1/1/1


onu 1
name DM984-420-ONU1
serial-number DACM00001508
service-profile Servicos_unificados_ONU_Router
line-profile Servicos_Unificados_Router
veip 1
top
commit

Como a ONU 1 terá a utilização das portas de telefonia, adicione a configuração da parte POTS. Destaca-se que a configuração de serial
number, service-profile e line-profile já foram realizadas, conforme acima.

interface gpon 1/1/1


onu 1
ipv4 vlan vlan-id 1505
ipv4 static address 172.24.1.201/24 default-gateway 172.24.1.200
pots 1
sip-agent-profile VoIP
sip-user-agent
username 2803
password 2803
user-part-aor 2803
pots 2
sip-agent-profile VoIP
sip-user-agent
username 2804
password 2804
user-part-aor 2804
top
commit

Caso seja inserido apenas o número da ONU dentro da árvore de configuração da interface gpon, será apresentada uma pré-configuração
dos profiles de service-profile DEFAULT-SERVICE e line-profile DEFAULT-LINE, para alterá-los, apenas associe o profile desejado antes do

www.datacom.ind.br 10
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

comando de commit.
As configurações e o status da ONU podem ser verificadas através dos comandos:

show interface gpon 1/1/1 onu


show interface gpon 1/1/1 onu 1
show running-config interface gpon 1/1/1 onu

Para este exemplo e topologia utilizou-se a configuração de IP estático, porém o endereçamento também por ser definido por DHCP através
da sintaxe:

ipv4 dhcp vlan vlan-id 1505


ipv4 vlan vlan-id 1505

O método de autenticação utilizado por padrão pela OLT para todas as ONUs é através do serial number. É possível alterá-lo para serial
number + password ou apenas password. O password é formado por: CM seguido dos 8 últimos dígitos do número de série, este também
pode ser alterado.

Formas de Conexão de Clientes Finais


É necessário definir a forma de conexão dos clientes finais a rede, sendo as opções:

PPPoE – Point-to-Point Protocol over Ethernet: É um protocolo para conexão de usuários que trabalha com a tecnologia Ethernet, muito
utilizado para facilitar a identificação e controle dos usuários e serviços após a sua autenticação. Ao final, o usuário recebe um endereço IP.
O DM4610 comporta-se como um agente intermediário, inserido entre o usuário e o servidor PPPoE/BRAS.

DHCP – Dynamic Host Configuration Protocol: É um protocolo de serviço TCP/IP que oferece a configuração dinâmica de endereços IP para
dispositivos de rede, o qual utiliza o modelo cliente-servidor. O servidor DHCP mantem o gerenciamento centralizado dos endereços IP
utilizados. Para habilitá-lo, utilize a sintaxe a seguir.

config
dhcp relay vlan 2809
commit

IP Estático: O DM4610 permite que seja configurado um endereço IP associado a uma porta do usuário e relacionado ao service-port. O
tráfego de dados apenas será liberado após a adição deste endereço a tabela allowed IP.

Para verificar os endereços permitidos, utilize a sintaxe:

show allowed-ip

Service VLAN
A configuração de service vlan permite definir a forma de entrega de um serviço na rede GPON. A demonstração das configurações será
baseada na topologia proposta na tabela 2.

N:1 – O serviço N:1 é direcionado para clientes residenciais ou para atendimento a grandes demandas e que podem compartilhar a mesma
VLAN, porém não se comunicam.

config
service vlan 2809 type n:1
top
service vlan 2612 type n:1
top
commit

1:1 – O serviço 1:1 é direcionamento para clientes que necessitam de links dedicados, como uma VLAN exclusiva para o tráfego de dados.
Não há comunicação entre ONUs. O exemplo abaixo não está presente na topologia proposta.

config
service vlan 1234 type 1:1
top
commit

www.datacom.ind.br 11
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

TLS – O serviço TLS é direcionado para clientes ou serviços que necessitam comunicar-se entre si, ou seja, entre ONUs, a qual utiliza uma
VLAN exclusiva para o tráfego de dados. Esta função é chamada de hairpin.

config
service vlan 1505 type tls
top
service vlan 2807 type tls
top
service vlan 4094 type tls
top
commit

As configurações da service vlan podem ser verificadas através do comando:

show running-config service vlan

Service-Port
O service-port é utilizado para estabelecer uma relação entre o tráfego GPON conectado ao cliente através de uma ONU e o UPLink
conectado à porta Ethernet da OLT.

A configuração do service-port é composta por:


 Interface GPON a qual a ONU desejada foi instalada;
 Número da ONU;
 GEM associado ao serviço no line-profile;
 VLAN associada a porta Ethernet da ONU;
 Ação de replace ou add;
 VLAN associada ao ramo PON.

As configurações relacionadas a ONU Router são:

config
service-port 1 gpon 1/1/1 onu 1 gem 1 match vlan vlan-id 4094 action vlan replace vlan-id 4094
service-port 2 gpon 1/1/1 onu 1 gem 2 match vlan vlan-id 2809 action vlan replace vlan-id 2809
service-port 3 gpon 1/1/1 onu 1 gem 3 match vlan vlan-id 2612 action vlan replace vlan-id 2612
service-port 4 gpon 1/1/1 onu 1 gem 4 match vlan vlan-id 1505 action vlan replace vlan-id 1505
service-port 5 gpon 1/1/1 onu 1 gem 5 match vlan vlan-id 2807 action vlan replace vlan-id 2807
service-port 6 gpon 1/1/1 onu 1 gem 6 match vlan vlan-id 1505 action vlan replace vlan-id 1505
commit

Para a ONU Bridge:

config
service-port 7 gpon 1/1/1 onu 3 gem 1 match vlan vlan-id 1505 action vlan replace vlan-id 1505
commit

As configurações de service-port podem ser conferidas através dos comandos:

show service-port brief


show running-config service-port

A configuração da OLT para a topologia proposta na figura 1 está finalizada.

Profile Default
Se desejar, é possível carregar profiles default de configuração para bandwidth-profile, line-profile, onu-profile e service-profile, para ONU
Bridge ou para ONU Router, conforme a seguir:

ONU Bridge

config
load default-gpon-profiles-bridge
commit

www.datacom.ind.br 12
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

ONU Router

config
load default-gpon-profiles-bridge
commit

Após carregar os profiles, adicione a ONU com a associação service-profile DEFAULT-SERVICE e line-profile DEFAULT-LINE. Crie a service vlan
e o service-port, conforme anteriormente.

Configuração da ONU Router


Para acessar a ONU Router, conecte o cabo de rede do seu computador em uma porta Ethernet do DM984-420. A placa de rede deverá
estar configurada para obter o endereço IP via DHCP, conforme a figura 13.

Figura 13 – Endereçamento IP da Placa de Rede do Notebook/Desktop

O endereço obtido será da rede 192.168.0.0/24, conforme visualizado na figura 14.

Figura 14 – Endereçamento IP Obtido pela Placa de Rede

www.datacom.ind.br 13
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Para acessar a página web de configuração da ONU Router, abra um browser e digite o endereço 192.168.0.1, a senha e o login definido é
support, como demonstrado na figura 15.

Figura 15 – Acesso a Página de Configuração da ONU Router

A tela inicial da ONU Router é observada na figura 16.

Figura 16 – Página Principal da ONU Router

Para habilitar a função router, é necessário criar a interface VEIP, dentro do menu Advanced Setup -> Layer 2 Interface, conforme demostrado
na figura 17.

www.datacom.ind.br 14
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Figura 17 – Adição da Interface VEIP

Para a adição dos serviços na ONU, acesse o menu Advanced Setup -> WAN Service, conforme a figura 18.

Figura 18 – Tela de Configuração dos Serviços WAN

As configurações disponíveis para a interface WAN são visualizadas na figura 19.

Figura 19 – Opções de Configuração da Interface WAN

www.datacom.ind.br 15
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Pode ser adicionado um nome ou uma descrição ao serviço a ser configurado, de forma a melhorar a sua identificação. Caso não seja
inserido, o dispositivo colocará uma descrição padrão, como observado na figura 20.

Figura 20 – Descrição do Serviço

O próximo passo se refere a informação ou não de uma VLAN ao serviço. Caso a interface WAN seja untagged, utilize o valor -1, conforme
a figura 21.

Figura 21 – Associação da VLAN a Interface WAN

Conforme a topologia da figura 1, esta ONU terá os serviços de Gerência, DHCP, PPPoE, LAN-to-LAN e VoIP através da porta POTS. Nos
passos a seguir, será demostrada a configuração da interface WAN para o recebimento destes serviços.

Gerência: O objetivo deste serviço é possibilitar o gerenciamento da ONU através de um outro ponto da rede, como por exemplo, através
do computador adicionado a topologia (10.0.0.169). Será possível além do teste de ping, o acesso a página WEB da ONU através do
endereço a ser inserido, conforme visualizado a seguir.
Primeiramente, selecione o tipo de serviço, como a ONU receberá um endereço IP fixo, escolha a opção IP over Ethernet. Realize a descrição
do serviço e informe a VLAN destinada para gerência, neste caso a VLAN 4094. Como não foi selecionado nenhuma prioridade a VLAN,
insira o valor zero. Estas informações estão dispostas na figura 22.

Figura 22 – Associação da VLAN a Interface WAN – Serviço IP Fixo

A próxima tela permitirá a inserção do endereço IP para a ONU, selecione a opção: Use the following Static IP address e preencha os campos,
como na figura 23.

www.datacom.ind.br 16
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Figura 23 – Inserção de um Endereço IP Fixo para a ONU

Selecione a interface que será o gateway deste serviço, conforme demonstrado na figura 24.

Figura 24 – Definição do Gateway

Informe o DNS a ser utilizado pela interface através da opção: Use the following Static DNS IP address, visualizada na figura 25.

www.datacom.ind.br 17
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Figura 25 – Definição do DNS

A última tela trará um resumo das configurações realizadas, clique em Apply/Save, conforme demostrado na figura 26.

Figura 26 – Resumo das Configurações

Na sequência, será demonstrado o serviço adicionado. Para que tenha efeito a configuração, é necessário reinicializar o DM984-420.

Figura 27 – Serviço de Gerência com IP Fixo Criado

DHCP: O objetivo deste serviço é permitir que a ONU obtenha um endereço IP através de um servidor DHCP disposto na topologia. O
procedimento de configuração é similar ao anterior, diferenciando-se na adição da VLAN, conforme a figura 28.

www.datacom.ind.br 18
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Figura 28 – Associação da VLAN a Interface WAN - Serviço DHCP

Selecione a opção de NAT para realizar a tradução dos endereços, como visualizado na figura 29.

Figura 29 – Habilitar NAT

Selecione a interface que será o gateway deste serviço, conforme demonstrado na figura 30.

Figura 30 – Definição do Gateway

Informe o DNS a ser utilizado pela interface através de uma das opções: Select DNS Server Interface from available WAN interfaces ou Use
the following Static DNS IP address, visualizada na figura 31.

www.datacom.ind.br 19
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Figura 31 – Definição do DNS

Será apresentado o resumo das configurações e na sequência o serviço adicionado, como na figura 32. Para que tenha efeito a configuração,
é necessário reinicializar o DM984-420.

Figura 32 – Serviço DHCP Criado

PPPoE: O objetivo deste serviço é permitir que a ONU realize a autenticação em um servidor PPPoE disposto na topologia. Selecione a opção
correspondente, a descrição do serviço e a VLAN, conforme visualizado na figura 33.

Figura 33 – Associação da VLAN a Interface WAN – Serviço PPPoE

www.datacom.ind.br 20
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Insira as informações de login e senha para a autenticação via PPPoE, como demostrado na figura 34.

Figura 34 – Inserção do login e senha de Autenticação do PPPoE

Selecione a interface que será o gateway deste serviço, conforme demonstrado na figura 35.

Figura 35 – Definição do Gateway

Informe o DNS a ser utilizado pela interface através de uma das opções: Select DNS Server Interface from available WAN interfaces ou Use
the following Static DNS IP address, visualizada na figura 36.

Figura 36 – Definição do DNS

Será apresentado o resumo das configurações e na sequência o serviço adicionado, como na figura 37. Para que tenha efeito a configuração,
é necessário reinicializar o DM984-420.

www.datacom.ind.br 21
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Figura 37 – Serviço PPPoE Criado

LAN-to-LAN: O objetivo deste serviço é possibilitar a comunicação de por exemplo, uma matriz e uma filial ou de um estabelecimento que
possua dois ou mais pontos de atendimento. Destaca-se que para a utilização de um LAN-to-LAN a service VLAN deve ser configurada como
TLS, permitindo assim, a comunicação entre ONUs.
Para este serviço será utilizado o modo bridge da ONU Router, de forma a deixar todo o tráfego transparente, conforme demonstrado na
figura 38.

Figura 38 – Associação da VLAN a Interface WAN – Serviço Bridging

Será apresentado o resumo das configurações e na sequência o serviço adicionado, como na figura 39. Para que tenha efeito a configuração,
é necessário reinicializar o DM984-420.

Figura 39 – Serviço L2L Criado

www.datacom.ind.br 22
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

VoIP: O objetivo deste serviço é prover a telefonia IP, seja com o uso das portas de telefonia/FXS ou através de uma porta Ethernet com a
presença de um telefone IP. Para a topologia proposta, a entrega deste serviço será realizada pelas portas FXS, caso deseje-se a utilização
de um telefone IP siga os mesmos passos da criação do serviço por bridging apenas informando qual será a VLAN.

Observando a figura 33 destaca-se os seguintes serviços:

 Veip0.1 – Serviço de Gerência com IP Fixo;


 Veip0.2 – Serviço de DHCP;
 Veip0.4 – Serviço LAN-to-LAN com bridging;
 Ppp0.3 – Serviço de autenticação com PPPoE.

O DM984-420 permite determinar em qual porta Ethernet um serviço será entregue, através da opção Advanced Setup -> Interface
Grouping, observada na figura 40.

Figura 40 – Grupo de Interfaces

Os serviços serão distribuídos conforme a tabela 4.

SERVIÇO PORTA ETHERNET PORTA ETHERNET


ONU INTERFACE GROUPING
DHCP/Dados 1 Eth0.0
PPPoE/Dados 2 Eth1.0
LAN-to-LAN 3 Eth2.0
Tabela 4 – Correspondência das Portas Ethernet e os Serviços

As configurações envolvidas para a definição das interfaces estão destacadas na figura 41. Para inicia-la, clique no botão Add.

www.datacom.ind.br 23
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Figura 41 – Grupo de Interfaces

Na figura 42 é demostrada a configuração para a associação da porta Ethernet 1 da ONU com o serviço de DHCP criado anteriormente.

Figura 42 – Associação de uma Porta Ethernet a um Grupo

Observação: Caso a conexão com a ONU seja perdida, troque o seu computador de porta Ethernet ou não associe esta interface a um grupo,
deixe-a no grupo Default.

Na figura 43 é demostrada a associação das interfaces descritas na tabela 4.

www.datacom.ind.br 24
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

Figura 43 – Associação das Portas Ethernet aos seus Respectivos Grupos

Script de Configuração – ONU Bridge


A ONU Bridge pode ter as suas configurações automatizadas com o uso de uma planilha. O upload pode ser realizado através do link:
https://download.datacom-telematica.com.br/ftp/produtos/DM4610/gpon_update_links/index_gpon.html

Acesse a aba Profile_basico, para criar os profiles e serviços. A aba Profile_basico_ADD_ONU_X, para a adição de uma ONU ou a aba Generica,
para configurações customizadas.

Na figura 44 é demostrada a aba de Profile_basico. Insira as informações necessárias para que o script gere as configurações. Copie os
comandos posicionados ao lado direito (tela preta) e cole no CLI do equipamento. Para remover as configurações inseridas através do script,
copie as informações a partir da linha sinalizada em amarelo e cole no CLI do DM4610.

Figura 44 – Planilha de Configuração da ONU Bridge

Observações
 Mantenha seu equipamento sempre atualizado;
 Para acesso ao autoatendimento da Datacom: https://supportcenter.datacom.ind.br/Qualitor/loginUsuario.php
 Caso seja seu primeiro acesso, solicite usuário e senha via e-mail para suporte@datacom.ind.br ou pelo telefone (51) 3933-3122,
informando sua empresa, nome completo, telefone e e-mail para contato.

www.datacom.ind.br 25
DM4610 OLT GPON
Guia Rápido de Instalação e Configuração – Rev 1.2

 Em caso de dúvidas nas configurações, acesse os vídeos correspondentes a cada configuração.


Contato
Suporte DATACOM
Horário: Segunda à sexta das 08:00 as 17:30.
suporte@datacom.ind.br
Fone: 51 3933.3122
Rua América nº 1000
Eldorado do Sul - RS
CEP: 92990-000 - Brasil
www.datacom.ind.br

www.datacom.ind.br 26