Você está na página 1de 27

APRIMORANDO

A JUDICIALIZAÇÃO DA SAÚDE

FELIPE DRUMMOND
DEFENSOR PÚBLICO
(3ª DPE SANTANA DO LIVRAMENTO)
felipe-drummond@defensoria.rs.def.br
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

1. O QUE FAZ A DEFENSORIA PÚBLICA


EM MATÉRIA DE SAÚDE PÚBLICA?

2. O QUE PRECISA CONSTAR DE UM BOM


LAUDO DE SAÚDE?

3. INTERNAÇÕES PSIQUIÁTRICAS:
DEPENDEM SEMPRE DE PROCESSO
JUDICIAL???
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

O QUE FAZ A
DEFENSORIA PÚBLICA
EM MATÉRIA DE SAÚDE?
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

QUANDO e POR QUE é preciso levar


um caso de saúde ao PODER
JUDICIÁRIO?
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

Quando é preciso levar um caso de saúde


ao PODER JUDICIÁRIO?

OMISSÃO/MORA ESTATAL
Medicamento não coberto pelo SUS, falta de estoques, ausência de
especialistas ou recursos diagnósticos na região, fila de espera sem
previsão de atendimento para cirurgia, etc..

DEMORA PERIGOSA
Riscos à saúde do paciente associados à falta da providência
terapêutica/diagnóstica ou à demora de sua realização.
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

O QUE É NECESSÁRIO POR PARTE DA


REDE PARA UMA AÇÃO DE SAÚDE?

LAUDO MÉDICO

DECLARAÇÃO DA
INDISPONIBILIDADE OU
DEMORA
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

UM BOM LAUDO
JUÍZES
• NÃO são da área de saúde.
• NÃO examinam os pacientes.
• NÃO presumem os riscos associados às patologias.
• NÃO telefonarão para o médico do caso investigando a
situação (em regra)
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

UM BOM LAUDO
JUÍZES
• NÃO são da área de saúde.
• NÃO examinam os pacientes.
• NÃO presumem os riscos associados às patologias.
• NÃO telefonarão para o médico do caso investigando a
situação (em regra)
MAS....
• TENDEM A CONFIAR nas informações
médicas prestadas!
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

UM BOM LAUDO (1)

LETRA LEGÍVEL
(de preferência, digitado)
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

UM BOM LAUDO (2)


SEMPRE MENCIONAR O
C.I.D.
(“CLASSIFICAÇÃO INTERNACIONAL DE DOENÇA”)

Laudos sem CID não são aptos a


concessão de medida liminar.
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

UM BOM LAUDO (3)


TRAZER UM POUCO DA HISTÓRIA
CLÍNICA DO PACIENTE
Quando começaram os sintomas?
Há comorbidades?
Há fatores de risco associados?

O laudo NÃO é uma mera receita


médica, mas uma descrição do estado
de saúde e da providência daí
necessária.
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

UM BOM LAUDO (4)


NOMEAR O MEDICAMENTO
CONFORME A D.C.B.
(DENOMINAÇÃO COMUM BRASILEIRA).
EX: DIPIRONA SÓDICA

NÃO usar o nome comercial


(ex: Novalgina  )
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

UM BOM LAUDO (5)


ESPECIFICAR A CIRURGIA
NECESSÁRIA E ONDE HÁ
RECURSOS CLÍNICOS PARA
SUA REALIZAÇÃO.
Se não for possível especificar, mencionar
a necessidade de encaminhamento
para avaliação por especialista.
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

UM BOM LAUDO (6)


SEMPRE ESPECIFICAR O
RISCO DA DEMORA
EX: RISCO DE MORTE, RISCO DE PERDA DO MEMBRO,
SEQUELAS PERMANENTES, ETC.

É impossível obter uma liminar


sem a descrição do risco da
demora.
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

CERTIDÃO DE INDISPONIBILIDADE
OU DEMORA
MEDICAMENTOS
• NORMALMENTE, OBTIDA NA FARMÁCIA BÁSICA,
ATESTANDO A DISPENSAÇÃO FRUSTRADA.

CIRURGIAS / TRATAMENTOS /
EXAMES
• QUALQUER DOCUMENTO APTO A DEMONSTRAR A
FALTA DE PREVISÃO EM FILA OU A
IMPOSSIBILIDADE DE REALIZAÇÃO DO
PROCEDIMENTO DE SAÚDE
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

ATENÇÃO
é DEVER do PODER PÚBLICO,
por meio de seus agentes,
EMITIR CERTIDÕES
para a defesa de direitos.
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

INTERNAÇÕES
PSIQUIÁTRICAS
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

INTERNAÇÕES PSIQUIÁTRICAS
Lei 10.216/2001
(LEI DA REFORMA PSIQUIÁTRICA)
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

INTERNAÇÕES PSIQUIÁTRICAS

VOLUNTÁRIA

INVOLUNTÁRIA

COMPULSÓRIA
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

INTERNAÇÕES PSIQUIÁTRICAS

INTERNAÇÃO VOLUNTÁRIA

PACIENTE MÉDICO
CONSENTE INDICA
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

INTERNAÇÕES PSIQUIÁTRICAS

INTERNAÇÃO INVOLUNTÁRIA

FAMILIAR MÉDICO
CONSENTE INDICA

FISCALIZAÇÃO POSTERIOR
O Ministério Público deve ser comunicado, em até 72 horas da
internação realizada, o que deve ser feito pelo responsável do
estabelecimento.
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

INTERNAÇÕES PSIQUIÁTRICAS

INTERNAÇÃO COMPULSÓRIA
MÉDICO PROCESSO JUDICIAL JUIZ
INDICA Pelo MP ou Defensoria DETERMINA
JUIZ DETERMINA AVALIAÇÃO
REDE IDENTIFICA PROCESSO
JUDICIAL MÉDICA, PRÉ-AUTORIZANDO A
SITUAÇÃO INTERNAÇÃO.
MP ou DP

FISCALIZAÇÃO PRÉVIA
Só é possível internar APÓS ordem judicial que
assim o determine.
APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

INTERNAÇÕES PSIQUIÁTRICAS

INVOLUNTÁRIA COMPULSÓRIA
• DISPENSA ORDEM JUDICIAL. • EXIGE ORDEM JUDICIAL.

• EXIGE PRESENÇA DO FAMILIAR • DISPENSA FAMILIAR.

• FISCALIZAÇÃO A POSTERIORI • FISCALIZAÇÃO A PRIORI


APRIMORANDO
A JUDICIALIZAÇÃO DE SAÚDE

INTERNAÇÕES PSIQUIÁTRICAS

INTERNAÇÃO COMPULSÓRIA
• NÃO DEVE SER USADA COMO
FERRAMENTA DE REGULAÇÃO DE LEITOS.
(CASO DE AÇÃO COMUM DE SAÚDE, PARA OBTENÇÃO
DE LEITO PSIQUIÁTRICO CONFORME NECESSIDADE
TERAPÊUTICA INDICADA)

• NÃO DEVE SER USADA QUANDO HÁ


PARENTES DO PACIENTE CONCORDANDO
COM O TRATAMENTO. NESSE CASO, A
SOLUÇÃO CORRETA É FAZER A
INTERNAÇÃO INVOLUNTÁRIA, QUE
DISPENSA ORDEM JUDICIAL.
OBRIGADO.
E BOM ALMOÇO 

DÚVIDAS? COMENTÁRIOS?
felipe-drummond@defensoria.rs.def.br