Você está na página 1de 2

FILOSOFIA - ÉTICA E JUSTIÇA obedysjunio@gmail.

com

ÉTICA E JUSTIÇA
ÉTICA AMORAL

INTRODUÇÃO DEFINIÇÃO : É AQUELE QUE NÃO CONHECE AS


REGRAS (COLETIVAS) OU NÃO AS ENTENDE.

DO GREGO : “NÃO SEGUE AS REGRAS COLETIVAS PORQUE NÃO AS CONHECE.”


Þ ÉTHOS : CARÁTER
Þ ÉTHOS-MOS (MORES) : COSTUMES/MORAL ÉTICA DA VIRTUDE X ÉTICA DO DEVER
DEFINIÇÃO : ÉTICA É COMO VOCÊ ENTENDE AS
REGRAS/NORMAS. ÉTICA DAS VIRTUDES ÉTICA DO DEVER
Þ SE CONCORDA;
Þ SE DISCORDA; TOMA A FELICIDADE TOMA A BOA
Þ SE SÃO BOAS OU NÃO; HUMANA COMO PONTO VONTADE COMO
Þ ETC. DE PARTIDA; PONTO DE PARTIDA;
“REFLEXÃO SOBRE MINHAS ATITUDES.”
A ÉTICA ESTÁ NO A ÉTICA ESTÁ NAS
DIVIDIDA EM : INDIVÍDUO; RELAÇÕES;
Þ ÉTICA INDIVIDUAL;
Þ ÉTICA COLETIVA;
ENFATIZA OS
Þ E A ANTI ÉTICA. AS QUALIDADES
EFEITOS DA AÇÃO
DO CÁRATER SÃO
SOBRE OS OUTROS
ÉTICA INDIVIDUAL : REFLEXÕES DO INDIVIDUO VIRTUDES MORAIS;
(JUSTIÇA);
SOBRE AS NORMAS MORAIS.
ÉTICA COLETIVA : AQUILO QUE É VISTO E SER ÉTICO SIGNIFICA
SER ÉTICO
ENTENDIDO COMO O CERTO, O CORRETO EM UM CULTIVAR AS VIRTUDES
SIGNIFICA AGIR
(VIDA MODERADA E
CERTO GRUPO. (SOCIEDADE) APENAS POR DEVER.
CONTEMPLATIVA).
ANTI (ÉTICA) : NÃO SEGUE SUA PRÓPRIA
INDIVIDUALIDADE.
ÉTICA NA ANTIGUIDADE
OBSERVAÇÃO : A ÉTICA É DIFERENTE DA MORAL, POREM,
AMBAS CORRELACIONAM-SE.
SOFISTAS
MORAL
TINHAM UMA CONCEPÇÃO ÉTICA BASEADA NUMA
PROMOÇÃO DE AÇÕES OU FALA SEM SE
ORIGEM : SURGE DA ÉTICA DA COLETIVIDADE;
PREOCUPAR COM A VERDADE.
DEFINIÇÃO : É AQUILO QUE UM CONJUNTO DE
ÉTICAS FORMALIZOU E ENTENDEU COMO NATURAL.
OBSERVAÇÃO : NÃO ERA UMA TEORIA, ERA APENAS UMA
CONCEPÇÃO À RESPEITO DA ÉTICA.
A MORALIDADE SE ALTERA A PARTIR :
Þ DA CULTURA; “O SER HUMANO PODE CRIAR VERDADES/SITUAÇÕES
Þ DA RELIGIÃO; EM QUE CONSIGA CONVENCER OS OUTROS
Þ DA ÉPOCA VIVENCIADA; À RESPEITO DESSAS SITUAÇÕES.”

Þ DO LOCAL.
SÓCRATES
IMORAL
QUESTIONOU OS SOFISTAS, BUSCANDO DEFINIR A
DEFINIÇÃO : BASICAMENTE, É QUANDO O SER ÉTICA.
HUMANO NÃO SEGUE AS REGRAS COLETIVAS. Þ DEFINIR O QUE É O BEM;
Þ DEFINIR O QUE É O BEM AGIR;
“NÃO SEGUE AS REGRAS COLETIVAS PORQUE NÃO QUER.” Þ DEFINIR O QUE É JUSTIÇA.
1
FILOSOFIA - ÉTICA E JUSTIÇA obedysjunio@gmail.com

JUSTIÇA
ARISTÓTELES
ANTIGUIDADE
CRIOU A 1ª TEORIA SOBRE A ÉTICA. (EUDAIMONIA)
EUDAIMONIA : GUIA PARA AS AÇÕES DOS SERES
HUMANOS, BASEADO NA FINALIDADE MAIOR DA DO GREGO :
VIDA HUMANA (A FELICIDADE). Þ JUS-LEI
Þ JUSTITIA - DIREITO, ADM LEGAL
“COMO O SER HUMANO DEVE SE COMPORTAR ETICAMENTE.”
SÓCRATES E ARISTÓTELES COMO OS 1ª A
FORMULAR (NA FILOSOFIA) UMA TEORIA DA
ÉTICA NA MODERNIDADE JUSTIÇA.

KANT PLATÃO :
Þ BEM COMUM E ADM DE POLIS.

ÉTICA DO DEVER. (IMPERATIVO CATEGÓRICO)


ARISTÓTELES :
IMPERATIVO CATEGÓRICO : O AGIR DO SER
Þ FINALIDADE MORAL
HUMANO DEVE SER UNIVERSALIZADO; VÁLIDO EM
QUALQUER SITUAÇÃO.
Þ EXEMPLO : O SER HUMANO NÃO PODE MENTIR. CONTRATUALISTAS

UTILITARISTAS TEORIA DO CONTRATO SOCIAL

HOBBES :
CONCEPÇÃO ÉTICA LIGADA AO MAIOR NÚMERO DE
Þ JUSTIÇA NO ESTADO CIVIL.
PRAZER/FELICIDADE PARA O MAIOR NÚMERO DE
PESSOAS E O MAIOR MENOR SOFRIMENTO
LOCKE :
POSSÍVEL.
Þ JUSTIÇA COMO A POSSIBILIDADE E RESPEITO A
PROPRIEDADE PRIVADA.
OBSERVAÇÃO : É DIFERENTE DA CONCEPÇÃO DE KANT.

ROUSSAU :
ÉTICA CONTEMPORÂNEA Þ DEFENDIA UM RETORNO AO ESTADO DE NATUREZA.

“O ESTADO DE NATUREZA É O ESTADO DE PUREZADO HOMEM.”


HABERMAS
ILUMINISTAS
TEORIA FUNDAMENTADA NO AGIR COMUNICATIVO.

BASEADA NA EMANCIPAÇÃO INTELECTUAL.


HANS JONAS
VOLTARIE :
TEORIA FUNDAMENTADA NO PRINCÍPIO DA Þ DEFENDIA A LIBERDADE (PRINCIPALMENTE A
RESPONSABILIDADE. RELIGIOSA E A DE EXPRESSÃO).

“SER ÉTICO É QUANDO VOCÊ REALIZA UMA AÇÃO PENSANDO MONTESQUIEU :


NAS DEMAIS PESSOAS E/OU NAS PRÓXIMAS GERAÇÕES.” Þ DEFENDIA A TRIPARTIÇÃO DOS PODERES DENTRO
DO ESTADO.
IMPORTANTE : A AÇÃO HUMANA DEVE TER
RESPONSABILIDADE COM AS GERACÕES FUTURAS, ”PARA QUE O GOVERNO POSSA GARANTIR QUE
PRINCIPALMENTE, EM RELAÇÃO AS QUESTÕES HAJA JUSTIÇA ENTRE OS CIDADÃOS.”
AMBIENTAIS.

Você também pode gostar