Você está na página 1de 30

PRÁTICAS EMERGENTES DA PSICOLOGIA

CONTRIBUIÇÕES DO CFP E CRP-PE

19,20 e 21 de agosto de 2015


FÓRUM DE PSICOLOGIA INSTITUTO DE
DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL - RECIFE
MARIA DA CONCEIÇÃO PEREIRA
Roteiro
 Panorama histórico da psicologia no Brasil
 O que é prática emergente?
 Desenvolvimento de Práticas Emergentes e inovadoras
- CFP e CRP-PE
 A psicologia e os tempos atuais novas práticas como
possibilidades.
 Novos campos de trabalho para o psicólogo
historia da psicologia no Brasil
Histórico da psicologia no
Brasil

1962 – A psicologia é reconhecida por lei como


profissão no Brasil.

Lei 4119 de agosto de 1962 dispõe sobre os


cursos de formação e regulamenta a profissão.

Determina funções privativas do psicólogo a


tríade de títulos – Bacharel, licenciado e o
titulo de Psicólogo.

O espírito da lei volta-se a uma formação


generalista.
1985 – O CFP elaborou um documento para integrar
o Catálogo Brasileiro
de ocupações do Ministério do trabalho
Psicólogo clinico

Psicólogo educacional
Psicólogo do
transito
Psicólogo jurídico

Psicólogo social
Psicólogo do esporte
Psicólogo do trabalho
Professor de psicologia
O que são áreas Emergentes ??
As áreas emergentes são constituídas a partir de práticas que
transcendem a própria Psicologia, definindo-se assim na
transdiciplinaridade e hoje constitui um desafio para o
mundo, não só para a psicologia.

O emergir novas práticas estão relacionados :

Oferta, demanda típica do mercado, e um chamado da


sociedade .

Inquietação diante das práticas Emergentes

A qualificação recebida pelo psicólogo nos cursos de


graduação confere uma base sólida para o exercício em
qualquer área Emergente?
A psicologia passa ampliar e
a consolidar práticas entre
as que se pode chamar
Tradicionais e as que se
pode chamar Emergentes.
Em 2004 parecer 0062

Diretrizes Curriculares Nacionais Formação ampla.


A proposta é formar psicólogos capaz de:

Diagnosticar, avaliar e atuar em problemas humanos


comportamental e afetivos, coordenar e manejar
processos grupais, Inter e multiprofissional, realizar
orientação, aconselhamento psicológico e psicoterapia;
levantar questões teóricas e de pesquisa, gerando
conhecimentos a partir de sua prática profissional;
realizar investigação cientifica levando em consideração
a dimensão social ética profissional e o respeito.
(Conselho Nacional da Educação)
Título de Especialista
Um outro caminhar
RESOLUÇÃO CFP N.º 013/2007

Institui a Consolidação das Resoluções relativas ao Título


Profissional de Especialista em Psicologia e dispõe sobre normas e
procedimentos para seu registro.
CONSIDERANDO a necessidade de estabelecer normas e
procedimentos para o registro de Especialista em Psicologia e;
CONSIDERANDO os avanços da Ciência Psicológica, os quais têm
propiciado a emergência de áreas de conhecimento específico
para a atuação do profissional de Psicologia e;
CONSIDERANDO as sugestões apresentadas pelos Conselhos
Regionais de Psicologia;
CONSIDERANDO a decisão do Plenário do CFP, de 01 de junho de
2007.
As especialidades já concedidas até o momento:
I. Psicologia Escolar/Educacional;
II. Psicologia Organizacional e do Trabalho;
III. Psicologia de Trânsito;
IV. Psicologia Jurídica;
V. Psicologia do Esporte;
VI. Psicologia Clínica;
VII. Psicologia Hospitalar;
VIII. Psicopedagogia;
IX Psicomotricidade;
X. Psicologia Social;
XI. Neuropsicologia.
Essas especialidades contemplam a toda a
categoria?
No Brasil 80% dos profissionais de Psicologia
são mulheres. Há uma média de duas áreas de
atuação e a grande maioria escolhe ser
assalariada/o. E a média de salário é de 6
salários mínimos.
(Bastos; Gomite, 2010)
Prevalência na formação
Área Clinica

A formação: Ainda no modelo


clinico, sustentado por teorias
que têm foco para a descrição
e o tratamento de
comportamentos patológicos.

Existe ainda dificuldade em


construir um modelo de
profissional que venha atender
as demandas nas práticas
Emergentes.
Conselho Federal de
Psicologia vem trabalhando
no sentido de focalizar e
ampliar o debate em relação
as Práticas Emergentes.

Exemplo: A criação da
Comissão Nacional de
Gestão do Risco, Desastres
e Emergência

Comissões e grupos de
trabalhos.
O novíssimo rede social
Orientapsi
Práticas Emergentes x
CFP

CFP – Através do Centro de Referência Técnica em


Psicologia e Política Pública desde 2006 desenvolveu 25
referências técnicas.

Exemplos : Referências técnicas para atuação de psicólogas(os) em


Programas de Atenção à Mulher em Situação de Violência
01/02/2013
Desde o ano 1995 a 2012
52 Resoluções.
RESOLUÇÃO CFP N° 011/ 2012

Regulamenta os serviços psicológicos


realizados por meios tecnológicos de
Comunicação à distância, o
atendimento psicoterapêutico em
caráter experimental e revoga a
Resolução CFP n.º 012/2005
CFP – Evolução das Práticas
x Emergentes

 Avaliação psicológica no
Avaliação sistema prissional
Psicológica  Avaliação psicológica
para concursos públicos

Direitos humanos
 Combate a Tortura e
outras violências
 Direitos humanos e
LGBT
 Usuários de drogas e
família
Psicologia e  Atuação do psicólogo
assistência no SUAS
 Psicologia e
Participação Social

Psicologia e
 Emergência e
Cidades
Desastres
 Esporte
 Cultura
Ecologia
 Lazer
turismo
 Mobilidade
Humana e Urbana
 Psicologia do
esporte
Psicologia e Politicas
Públicas  Psicologia e
diversidades
 Direito da
mulheres
 Diretos das
Pessoas
Deficientes
 Direitos sexuais e
reprodutivos
 Psicologia e
Relações Raciais

Psicologia nas Condições de trabalho


organizações Trabalho e Organizações
Complexas
Psicologia e  PL-3.688/2000 TRATA DA
Educação INSERÇÃO DO
PSICOLOGO NA REDE
PÚBLICA DE EDUCAÇÃO
BÁSICA
 Formação permanente
Universalização da
educação

 Atuação do psicólogo no
Psicologia e saúde SUS. (Saúde da família,
criança, adolescente e
idoso)
 Saúde mental, álcool e
outras drogas.
 Saúde suplementar
Psicologia jurídica  Atuação do
psicólogo no
sistema prisional
 Criança e
adolescentes
 Execução penal
 Família conciliação
e mediação
 Justiça e segurança
pública
Ainda nem falados dentro do CFP

Psicologia Econômica Psicologia do


consumo
Psicologia das
decisões
financeiras
Psicologia Aeroespacial
Psicologia da Aviação
Publicações - CFP

Jornal Federal
Livros – 36 publicados
Relatórios e cartilhas
Revistas - Diálogo e a Ciência e
Profissão

Rede social
webradio
CRP - PE

Comissões Permanentes:
 Comissão de Orientação e Fiscalização – COF;
 Comissão de Ética – COE;
 Comissão de Direitos Humanos – CDH;
 Comissão de Políticas Públicas – CPP;

Comissões Temáticas:
 Comissão de Especialista - COMESP;
 Comissão de Interiorização – COMINTER;
 Comissão de Educação e Formação – COEDUF;
 Comissão de Saúde e Hospitalar;
 Comissão de Psicologia Organizacional (sem funcionamento);
 Comissão de Psicologia Jurídica;
 Comissão da Política da Comunicação;
CRP – PE (Pernambuco)

Grupos de Trabalho:

Sistema Prisional;
 A Psicologia no Enfrentamento ao Racismo;
 Psicologia e Atenção à Pessoa com Deficiência;
 Gênero e Sexualidade;
 Despatologização da Vida – em formação;
 Psicologia do Trânsito – em formação;
 Estudos e Práticas do Psicólogo no Contexto do
Envelhecimento – em formação;
 População de Rua – em formação;
 Gestão de Risco e Emergência e desastres
CRP - PE

BOLETIM SEMANAL -0NLINE


Psicologia dos tempos atuais...
pensar no que virá ... O que Emerge
na sociedade / tendências

Mundo Selfie
 Dominância da economia sobre a politica
 Novas formulações indenitárias
 Incertezas entretenimento infinito
 Individuo como editor de si próprio
 Mundo liquido e gasoso
 A globalização de modas e tendências
 As celebridades fazedores de opinião
 Concorrência acrescida e global
 Um mundo 24 horas online
Alguns sinais que desarmonizam o ser humano de
hoje . Desequilíbrios contemporâneos ?

 Hiperatividade
 Imediatismos
 Autocentração
 Narcisismo
 Problemas de falta de foco
 Déficit de atenção
 Dificuldades de processamento de informação e de
memorização
 Déficit de resiliência
 Consumismo acrítico de modas e tendências
 Empobrecimento comunicacional
 Mais atos impulsivos
 Desarticulação mente-mente e mente-corpo
 Deficiente de empatia
 Empobrecimento e volatidade das relações
 Insatisfação com o desempenho desejo de soluções
rápidas
 Consumos excessivos e novas dependências
 Desejo excessivo de superação pessoal
Algumas das necessidade humanas da
contemporaneidade

 Auto proteção
 Parar para pensar
 Ser ouvido aceito e amado
 Pertinência social
 Justiça

O profissional de psicologia precisa pensar


sua prática:

 A intervenção na mudança pessoa e


profissional visando a construção de um
devir com mais sentido
 Construir pontes (a psicologia como
ponte)
 Foco nas especificidades da intervenções
Oportunidades mais
pontuais do hoje
CONGRESSO IBEROAMERICANO DE PSICOLOGIA-
PORTUGAL 2014

Novos caminhos para Psicologia


•A psicologia social do trabalho e das organizações
•coaching psicólogo
•Avaliação de riscos psicossocial e gestão do stress /fadiga
ocupacional
•Neuropsicologia /neurofeedback
Economia Politica

Psicologia

A psicologia como self power


Psicologia dos tempos atuais...
pensar no que virá

A PSICOLOGIA: IMPULSIONAR SOCIEDADES


MAIS SUSTENTÁVEIS E RESILIENTES.

O PSICÓLOGO SER PONTE ENTRE


EXPECTATIVA E CAPACIDADE DE RESPOSTA
DO SER HUMANO.
Feliz dia do Psicólogo !
Viva a Psicologia !

Dra. Psi. Maria da Conceição Pereira


Psicóloga em Aviação
+55 81-996 358 838
Recife / Brasil
concepereira@uol.com.br

Você também pode gostar