Você está na página 1de 4

CONTRATO DE CESSÃO DE DIREITOS HEREDITÁRIOS .

S A I B A M quantos este instrumento particular de cessão de direitos


hereditários virem, que:

Qualificação dos herdeiros.

doravante denominados CEDENTES, vem, na melhor forma de direito, e por


estarem em seu juízo perfeito, livres de qualquer coação, sugestão ou
induzimento, CEDER, transferir, quaisquer e todos os direitos hereditários à

Qualificação do cessionário;

doravante denominada CESSIONÁRIA

firma-se o presente contrato de cessão de direitos hereditários, conforme


cláusulas a seguir:

CLÁUSULA 1ª – OBJETO DO CONTRATO

Por meio deste contrato, firmam entre si os CEDENTES e a CESSIONÁRIA,


regula-se a cessão da totalidade dos direitos hereditários, decorrentes do
falecimento de ___, ocorrido no dia __, nesta cidade e __, ocorrido no dia ___,
conforme certidão de óbito em anexo.

PÁRAGRAFO ÚNICO – Declaram os CEDENTES que são legítimos e os


únicos herdeiros do “de cujus”

CLÁUSULA 2ª – DOS BENS A SEREM PARTILHADOS

Os CEDENTES declaram que o falecido deixou o seguinte bem a partilhar:

_____.

§1º - A CEDENTE declara, ainda, que os falecidos morreram sem deixar


testamento.
CLÁUSULA 3ª – DA POSSE DOS BENS DO INVENTÁRIO

Lavrada a escritura pública, a CESSIONÁRIA tomará a posse indireta do


referido bem do inventário, podendo exercer todos os atos possessórios.

CLÁUSULA 4ª – DO PREÇO

Para a cessão dos direitos hereditários, as partes ajustam o preço certo de R$


___ somados a todos os encargos relativos ao IPTU.

PARÁGRAFO ÚNICO – Em caso de mora no pagamento, serão cobrados juros


de 1% (um por cento) por mês de atraso.

CLÁUSULA 5ª – DA ELABORAÇÃO DA ESCRITURA PÚBLICA

As partes comprometem reciprocamente a realizar todas as diligências e


prestar assistência para a cessão definitiva dos direitos hereditários por meio
de escritura pública, fornecendo todos os documentos necessários para tanto.

§1º - é de responsabilidade da CESSIONÁRIA o pagamento de custos,


encargos e tributos necessários à cessão de direitos hereditários.

§2º - As partes convencionam, por meio deste instrumento, o prazo de 30


(trinta) trinta dias para efetivar a cessão via escritura pública, contados a partir
do pagamento integral do valor.

CLÁUSULA 6ª – DOS DIREITOS E OBRIGAÇÕES

I – DOS CEDENTES

a) Ceder os direitos livres e desembaraçados de quaisquer ônus, na data


estipulada neste contrato;
b) Informar à CESSIONÁRIA sobre quaisquer ônus reais, judiciais ou
extrajudiciais ou quaisquer outros fatos, ações ou medidas
administrativas que possam porventura atingir os direitos objeto deste
contrato;
c) Realizar as diligências e prestar toda a assistência à CESSIONÁRIA
para a elaboração da escritura pública.
d) Realizar o processo do inventário judicial ou extrajudicial, arcando com
todas as despesas, taxas judiciárias, honorários advocatícios, impostos
a qualquer título, taxas, multas, tributos em geral, registros, que recaiam
ou venham recair no procedimento de inventário necessário para
obtenção do formal de partilha, responsabilizando por toda e qualquer
providência legal e processual, inclusive seu registro.

II – DA CESSIONÁRIA

a) Adimplir suas obrigações no tempo e modo acordados neste contrato;


b) Fornecer todos os documentos pessoais necessários à cessão;
c) Informar à CEDENTE sobre a insolvência civil, recuperação judicial ou
extrajudicial, falência ou de qualquer ação ou execução declarada contra
si.

CLÁUSULA 7ª – DAS PENALIDADES E RESCISÃO CONTRATUAL

Todas as obrigações assumidas neste instrumento são irrevogáveis e


irretratáveis e, em caso de óbito de alguma das partes, serão transferidas a
seus herdeiros ou sucessores, a qualquer título.

§1º - o contrato poderá ser, porém rescindido de pleno direito, entre outras
hipóteses previstas neste contrato e na legislação cabível:

a) Se a CESSIONÁRIA não quitar integralmente o valor referente ao preço


acordado, no prazo máximo de 30 (trinta) dias após o vencimento da
parcela;
b) Se os CEDENTES constituir, antes da cessão definitiva via escritura
pública, qualquer ônus real no bem, tais como hipoteca, penhor e
anticrese, sem expressa autorização da CESSIONÁRIA.

§2º - Rescindido o contrato fica estabelecido o valor de 30% (trinta por cento)
do valor do contrato para a parte que deu causa a rescisão.
§3º - Rescindido o contrato, as partes comprometem a desfazê-lo, retornando-
se ao estado de coisas anterior, devendo o CEDENTE devolver os valores
pagos, descontados a multa, juros e correção monetária, quando houver.

§4º - Caso os CEDENTES se recuse a elaborar a escritura pública, a


CESSIONÁRIA poderá, desde que cumprida todas as suas obrigações, exigir a
adjudicação compulsória.

CLÁUSULA 8ª – DA ELEIÇÃO DE FORO

As partes elegem o foro Curvelo para dirimir quaisquer conflitos decorrentes


deste contrato, sendo que a parte vencida, suportará multa ou pena
convencional de 10% (dez por cento) sobre o valor do presente Contrato, além
das demais despesas judiciais, extrajudiciais e honorários advocatícios da
parte vencedora.

CLÁUSULA 9ª – DAS CONDIÇÕES GERAIS

O presente contrato passa a valer a partir da assinatura pelas partes, obrigando-se a


ele os herdeiros ou sucessores das mesmas.

Por estarem assim justos e contratados, firmam o presente instrumento, em


duas vias de igual teor, juntamente com 2 (duas) testemunhas.

__, _____ de 20__.