Você está na página 1de 6

ABNT NBR 14085

Segunda edição
31.12.2004

Argamassa colante industrializada para assentamento de


placas cerâmicas – Determinação do deslizamento

Dry-set Portland cement mortars – Determination of the slip

Prefácio

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) é o Fórum Nacional de Normalização.


As Normas Brasileiras, cujo conteúdo é de responsabilidade dos Comitês Brasileiros (ABNT/CB), dos
Organismos de Normalização Setorial (ABNT/ONS) e das Comissões de Estudo Especiais Temporárias
(ABNT/CEET), são elaboradas por Comissões de Estudo (CE), formadas por representantes dos setores
envolvidos, delas fazendo parte: produtores, consumidores e neutros (universidades, laboratórios e outros).

A ABNT ABNT NBR 14085 foi elaborada no Comitê Brasileiro de Cimento, Concreto e Agregados
(ABNT/CB-18), pela Comissão de Estudo de Argamassa Colante (CE-18:406.04). O Projeto circulou em
Consulta Nacional conforme Edital nº 04, de 30.04.2004, com o número Projeto NBR 14085.

Esta Norma contém o anexo A, de caráter normativo.

Esta segunda edição cancela e substitui a edição anterior (ABNT  NBR 14085:1998), a qual foi tecnicamente
revisada.
1 Objetivo

Esta Norma fixa um método para determinação do deslizamento de placas cerâmicas, quando assentadas
com argamassa colante industrializada em parede, pelo método da camada fina.

2 Referências normativas

As normas relacionadas a seguir contêm disposições que, ao serem citadas neste texto, constituem
prescrições para esta Norma. As edições indicadas estavam em vigor no momento desta publicação.
Como toda norma esta sujeita à revisão, recomenda-se àqueles que realizam acordos com base nesta que
verifiquem a conveniência de se usarem as edições mais recentes das normas citadas a seguir.
A ABNT possui a informação das normas em vigor em um dado momento.

ABNT NBR 13817:1997 – Placas cerâmicas para revestimento – Classificação

ABNT NBR 14081:2004 – Argamassa colante industrializada para assentamento de placas cerâmicas –
Requisitos.

ABNT NBR 14082:2004 – Argamassa colante industrializada para assentamento de placas cerâmicas –
Execução do substrato-padrão e aplicação de argamassa para ensaios

3 Materiais

3.1 Argamassa colante industrializada preparada e aplicada conforme a ABNT NBR 14082:2004.

3.2 Substrato-padrão conforme ABNT NBR 14082.

3.3 Três placas cerâmicas quadradas, com lado (100 ± 1) mm do grupo de absorção BIa
(absorção ≤ 0,5%), de acordo com a ABNT NBR 13817, e com massa individual de (195 ± 5) g.

4 Aparelhagem

4.1 Aparelhagem de mistura conforme ABNT NBR 14082.

4.2 Régua metálica rígida e aparelhada, com cerca de 500 mm de comprimento.

4.3 Fita adesiva de aproximadamente 25 mm de largura.

4.4 Seis espaçadores de material rígido, com formato de pastilha quadrada de (25 ± 1) mm e espessura de
(10 ± 1) mm.

4.5 Massa-padrão de material sólido, rígido, de (5 ± 0,01) kg e com base de seção de apoio de formato
quadrado com lado de aproximadamente 100 mm.

4.6 Paquímetro com resolução mínima de 0,1 mm.

4.7 Dispositivo de fixação para prender firmemente a régua metálica rígida ao substrato-padrão
(por exemplo: sargento, presilha).

4.8 Desempenadeira metálica denteada

Desempenadeira retangular de chapa de aço, com pelo menos um lado denteado. Os dentes devem ter
largura, altura e espaçamento de aproximadamente 6 mm, de modo a se obterem cordões conforme 8.3 da
ABNT NBR 14082:2004.

4.9 Cronômetro.

5 Condições ambientais do laboratório

Devem ser as prescritas pela ABNT NBR 14082.


6 Execução do ensaio

6.1 Prender a régua metálica rígida contra a borda longitudinal do substrato-padrão, mediante dispositivo
de fixação, de modo que os lados da régua e do substrato fiquem coincidentes. Deve ser garantida a
condição de horizontalidade da borda inferior da régua, quando o substrato-padrão for colocado na posição
vertical.

6.2 Colar a fita adesiva sobre o substrato-padrão de modo que a sua aresta fique rente à régua.

6.3 Estender a argamassa preparada, conforme ABNT NBR 14082, sobre o substrato-padrão limpo, na
posição horizontal seguindo as prescrições indicadas na seção 8 da ABNT NBR 14082, tomando as
precauções para que a argamassa se sobreponha ligeiramente à fita adesiva e para que os cordões fiquem
perpendiculares à régua metálica.

6.4 Retirar a fita adesiva e imediatamente posicionar dois espaçadores para cada placa cerâmica,
separados aproximadamente 25 mm entre si, encostados contra a régua metálica, conforme figura A.1.

6.5 Após 2 min da aplicação da argamassa, posicionar três placas cerâmicas, lado tardoz, em contato com
a argamassa, de modo que uma de suas arestas fique encostada, centralizadamente, contra os
espaçadores.Posicionar cuidadosamente as massas-padrão sobre as placas cerâmicas, aguardar 30 s e
retirá-las.

6.6 Retirar cuidadosamente os espaçadores e medir, com o paquímetro, em dois pontos de cada placa
cerâmica, a distância (Li) entre a borda da placa cerâmica e a régua metálica, conforme figura A.2.

6.7 A seguir, mover suavemente o substrato-padrão, deixando-o na posição vertical, com a régua metálica
e as placas cerâmicas assentadas na parte superior. Realizar esta operação sem golpes ou vibração.
Decorridos 20 min da leitura inicial à primeira decimal, retornar suavemente o substrato-padrão à posição
horizontal, medir novamente a separação (Lf) nos mesmos pares de pontos, conforme figura A.3. Registrar os
valores com aproximação mínima à primeira decimal.

7 Expressão do resultado

7.1 Calcular o deslizamento (L) de posição das três placas cerâmicas como a média das diferenças entre
as leituras finais e iniciais, mediante a seguinte equação:

L 
 (L f  Li )
6

7.2 Expressar o resultado em milímetros, com aproximação à primeira decimal.

7.3 Se o valor encontrado em 7.1 estiver entre 0,8 mm e 1,0 mm, repetir o ensaio completo uma única vez.
Adotar como resultado final o valor encontrado na repetição.

8 Relatório do ensaio

O relatório deve indicar os seguintes dados:

a) tipo do material submetido ao ensaio de deslizamento e seu prazo de validade;

b) marca comercial do fabricante;

c) identificação do lote de substrato-padrão utilizado no ensaio, com resultados da absorção capilar e


resistência de aderência superficial, conforme anexo B da ABNT NBR 14082:2004;

d) identificação da amostra de argamassa: sua coleta, remessa e preparo (data, local e método de coleta);

e) grupo de absorção de água ao qual pertencem as placas cerâmicas utilizadas, segundo a


ABNT NBR 13817;

f) informações sobre as condições de ensaio: data de cada determinação e das condições


termoigrométricas de cada ensaio durante a aplicação;

g) apresentação dos resultados individuais e média final;


h) citação desta Norma.

Anexo
(normativo)

Figuras
fixador da régua régua metálica

espaçador espaço da fita adesiva (25 mm de largura)

Placa cerâmica
(100 ± 1) mm

Cordões da argamassa

Figura A.1 — Aparato para ensaio de deslizamento

Li1 Li2 Li3 Li4 Li5 Li6

Figura A.2 — Leituras iniciais


Lf1 Lf2 Lf3 Lf4 Lf5 Lf6

Figura A.3 — Leituras finais

Você também pode gostar