Você está na página 1de 24

AMOSTRA

AMOSTRA – RESUMOS PRF 2021


AUTOR: Henrique de Lara Morais
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

Sumário
Código de Trânsito Brasileiro – CTB .............................................................................................................................................................. 2

Resoluções Contran ......................................................................................................................................................................................... 5

Português.......................................................................................................................................................................................................... 7

Direito Penal ..................................................................................................................................................................................................... 9

Direito Processual Penal ............................................................................................................................................................................... 10

Legislação Penal Especial ............................................................................................................................................................................. 11

Direito Constitucional .................................................................................................................................................................................. 13

Direito Administrativo ................................................................................................................................................................................. 14

Ética e Cidadania ........................................................................................................................................................................................... 16

Raciocínio Lógico-Matemático .................................................................................................................................................................... 18

Informática .................................................................................................................................................................................................... 19

Direitos Humanos ......................................................................................................................................................................................... 21

Glossário de Siglas ......................................................................................................................................................................................... 22

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 01
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

CÓDIGO DE TRÂNSITO BRASILEIRO – CTB

D AS PEN A LI DA D ES

PEN A LI DA D ES AP LI C ÁV E IS

DEVERÁ (era poderá) ser imposta advertência por escrito à


Advertência
infração LEVE ou MÉDIA, passível de multa, caso o infrator NÃO
por escrito
TENHA cometido nenhuma outra infração nos últimos 12 meses.

1 Leve ..................... 3 pontos ➤ R$ 88,38


Média ................... 4 pontos ➤ R$ 130,16
Multa
Grave ................... 5 pontos ➤ R$ 195,23
Gravíssima .......... 7 pontos ➤ R$ 293,47

Pontuação atingir, no período de 12 meses:


20 pontos, caso constem 2 ou mais infrações gravíssimas

30 pontos, caso conste 1 infração gravíssima


40 pontos, caso não conste infração gravíssima
2
A suspensão se dá pelo prazo de 6 meses a 1 ano. No caso de
Suspensão do reincidência no período de 12 meses, de 8 meses a 2 anos.
direito de dirigir
PENALIDADES APLICÁVEIS

Por transgressão prevista no CTB, cujas infrações preveem, de


forma específica, a penalidade de suspensão do direito de dirigir.
Regra geral, de 2-8 meses. Na reincidênciano período de 12 meses, o
período é de 8-18 meses.

Quando, suspenso o direito de dirigir, o infrator conduzir veículo

Quando condenado judicialmente por delito de trânsito

3
Cassação da
Reincidência, no período de 12 meses:
CNH / PPD
- Dirigir com CNH/PDD/ACC cassada ou suspensa
- Dirigir alcoolizado ou sob efeito de sbstância psicoativa
- Entregar veículo a pessoa inabilitada para dirigir
- Disputar corrida (racha)
- Fazer manobras, arrancadas, derrapagens, "queimar pneu", etc.
- Promover ou participar de evento automobilístico sem permissão

- Infrator contumaz, for necessário à sua reeducação;


- Quando suspenso do direito de dirigir

Curso de - Quando condenado judicialmente por delito de trânsito

reciclagem - Quando se envolver em acidente grave para o qual haja


contribuído, independentemente de processo judicial
- A qualquer tempo, se for constatado que o condutor está
colocando em risco a segurança do trânsito

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 02
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

Aplicação e arrecadação: pelo órgão com circunscrição sobre a via onde houve a infração.
Valores: podem ser corrigidos monetariamente pelo Contran (respeitando IPCA do ano anterior). Os novos valores
devem ser divulgados 90 dias antes.
Agravamento: o CTB estipula casos em que a multa deve ser dobrada, triplicada etc. Apenas os valores financeiros
o são, ou seja, a quantidade de pontos continua a mesma!

Novidade Lei 14.071/20

Há casos que a infração não é culpa do condutor. Assim, o CTB foi atualizado para comportar essas hipóteses. Dessa
forma os CONDUTORES não sofrerão a penalidade de PONTOS (a multa $$ continua). São elas:
• Infrações praticadas por usuários do transporte de passageiros (ônibus) em viagens de longa distância, seja de
1 linhas regulares intermunicipais, interestadual e internacional), seja por fretamento e turismo.

• Infrações puníveis de forma específica com suspensão do direito de dirigir


• Portar no veículo placas de identificação em desacordo com as especificações do Contran
• Conduzir o veículo com a cor ou característica alterada
• Conduzir o veículo com equipamento ou acessório proibido
• Conduzir veículo sem os documentos de porte obrigatório
• Deixar de efetuar o registro de veículo no prazo de 30 dias
• Deixar de promover a baixa do registro de veículo irrecuperável ou definitivamente desmontado
• Deixar de atualizar o cadastro de registro do veículo ou de habilitação do condutor

Pontos importantes (atenção às novidades trazidas pela Lei 14.071/20):


• Aplicação: por decisão fundamentada da autoridade de trânsito, em processo ADM., assegurada a ampla defesa.
• Ocorrendo a suspensão, a CNH será devolvida imediatamente APÓS cumprida a penalidade E a reciclagem.
2 • [NOVIDADE] A imposição de suspensão ELIMINA a quantidade de pontos para fins de contagem subsequente.
• [NOVIDADE] Condutores remunerados: a suspensão será imposta ao se atingir 40 pontos, independentemente da
natureza das infrações. Fica FACULTADO a ele participar da reciclagem sempre que, no período de 12 meses,
atingir 30 pontos.

Cassação: por decisão fundamentada da autoridade de trânsito, em processo ADM., assegurada a ampla defesa.

3 Período: a cassação da CNH tem um prazo de 2 anos. Após esse período o infrator poderá requerer a reabilitação,
submetendo-se a TODOS os exames necessários à habilitação.

RES PON SA BIL I DA D E

RESPONSÁVEL PELO QUE É RESPONSÁVEL OBSERVAÇÃO

Pela infração referente à prévia REGULARIZAÇÃO,


conservação e inalterabilidade das características dos Toda vez que houver
Proprietário responsabilidade SOLIDÁRIA
veículos, componentes, agregados e HABILITAÇÃO legal
dos seus condutores em infrações dos preceitos que
lhes couber observar, as
penalidades serão impostas
Pelas infrações decorrentes de atos praticados na
Condutor concomitantemente.
DIREÇÃO do veículo

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 03
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

RESPONSÁVEL PELO QUE É RESPONSÁVEL OBSERVAÇÃO

Pela infração relativa ao transporte de carga com EXCESSO


Embarcador
DE PESO nos eixos ou no PBT, quando simultaneamente São SOLIDARIAMENTE
(é o “dono da mercadoria”,
for o único remetente da carga E o peso declarado for responsáveis pela infração
quem expede a NF)
inferior àquele aferido relativa ao excesso de PBT, se o
peso declarado for superior ao
Transportador Pela infração relativa ao transporte de carga com EXCESSO
limite legal.
(é o dono do veículo ou DE PESO nos eixos ou quando a carga proveniente de mais
empresa de transporte) de um embarcador ultrapassar o PBT

E se não for imediata a identificação do infrator?

O principal condutor ou o proprietário terá o prazo de 30 dias , contado da notificação da


autuação, para apresentar a identificação do infrator.

E se o prazo vencer e não houver identificação?

Será considerado responsável pela infração o principal condutor (1º) OU, em sua ausência, o
proprietário do veículo (2º).

REG I STR O N A CIO N A L P OS IT I V O D E C O N DU TO RES ( RN P C )

Essa foi uma das novidades da Lei 14.071/20. O RNPC, administrado pelo órgão máximo executivo de trânsito da União, tem a
finalidade de cadastrar os condutores que não cometeram infração de trânsito sujeita à pontuação, nos últimos 12 meses.

O RNPC deverá ser atualizado MENSALMENTE

A abertura de cadastro requer AUTORIZAÇÃO PRÉVIA e EXPRESSA do potencial cadastrado. Após a abertura do
cadastro, a anotação de informação no RNPC independe de autorização e de comunicação ao cadastrado.

A exclusão do RNPC dar-se-á:


• Por solicitação do cadastrado;
• Quando for atribuída ao cadastrado pontuação por infração;
• Quando o cadastrado tiver o direito de dirigir suspenso;
• Quando a CNH estiver cassada ou com validade vencida há mais de 30 dias;
• Quando o cadastrado estiver cumprindo pena privativa de liberdade.

A consulta ao RNPC é garantida a TODOS os cidadãos.

E qual o benefício de ser cadastrado no RNPC?

A União, os Estados, o DF e os Municípios poderão utilizar o RNPC para conceder benefícios fiscais ou tarifários aos
condutores cadastrados.

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 04
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

RESOLUÇÕES CONTRAN

RES OL U ÇÃ O 80 9 /20 20 – C RV , CL A E CT P EM MEI O DIG ITA L

• Certificado de Registro de Veículo (CRV)


• Certificado de Licenciamento Anual (CLA)
• Comprovante de Transferência de Propriedade (CTP)

C er ti fi ca d o d e R egi s tr o e Li c en ci am e n to de V eí c ul o e m M ei o Di gi t al ( CR LV - e )

Leiaute do CRLV-e O CRLV-e conterá, vinculados em um único documento, o CRV e o CLA. A partir de
04/01/2021 fica proibido ao órgão ou entidade executivo de trânsito do Estado/DF
expedir o CRV em meio físico.

No registro do veículo

No licenciamento anual do veículo


Expedição obrigatória do CRLV-e

Na transferência de propriedade

Na mudança de Município de domicílio ou residência do


proprietário

Na alteração de qualquer característica do veículo

Na mudança de categoria

Segunda via de documentos

Remarcação de chassi

Nos casos previstos em regulamentos complementares

Forma

Para fins de fiscalização, o CRLV-e pode ser apresentado na versão digital


por meio dos aplicativos oficiais do Gov.Federal OU na versão impressa em
papel A4 branco comum. A expedição do CRLV-e DISPENSA a obrigatoriedade
da versão impressa

Emissão

Somente será emitido após quitação de débitos relativos a tributos, encargos


e multas, vinculados ao veículo, bem como o pagamento do DPVAT. Também
impede a emissão a existência de restrições administrativas ou judiciais.

Validação

Será feita por meio de QRCode, gerado a partir de algoritmo específico, de


propriedade do órgão máximo executivo de trânsito da União, composto pelos
dados individuais do veículo obtidos por meio do RENAVAM.

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 05
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

Au t ori z a çã o par a T r ans f er ê n ci a d e Pro pr i ed a de d o Veí c ul o e m Mei o Di gi ta l (A TP V - e )

O que é a ATPV-e? documento gerado pelo órgão máximo executivo de trânsito da União em que o antigo e o novo
proprietário, respectivamente, vendedor e comprador, declaram estar de acordo com a transferência da propriedade do
veículo.

Leiaute do da ATPV-e Emissão: Por meio dos canais de atendimento dos órgãos ou entidades executivos
de trânsito dos Estados e do DF.

Disponibilidade: aos veículos registrados após 04/01/2021, SALVO segunda via


de documentos OU por requerimento do proprietário

Quais dados a ATPV-e contém?


1. Identificação do proprietário do veículo
2. Identificação do veículo
3. Identificação do comprador
4. QRCode gerado pelo órgão máximo executivo de trânsito da União

Assinatura
1
Versão digital: poderá ser feita via assinatura eletrônica quando AMBOS,
proprietário vendedor e comprador a possuírem.

Os órgãos ou entidades executivas de trânsito dos Estados ou do DF


poderão estabelecer outros meios para autenticar a identificação.
2
Versão impressa: deverá ser assinada e conter o reconhecimento de firmado
vendedor e do comprador por autenticidade.
1
A assinatura eletrônica da ATPV-e pelo antigo proprietário caracteriza a comunicação de venda eletrônica do veículo.
2
O antigo proprietário deverá encaminhar ao órgão ou entidade executivo de trânsito do Estado /DF onde o veículo for
registrado a cópia autenticada da ATPV-e ou da ATPV, respectivamente, devidamente preenchida.

CO MU NI CA Ç ÃO DE V EN D A DE V E Í CU LO

O encaminhamento do comprovante de transferência de propriedade aos órgãos ou entidades executivos de trânsito dos Estados
e do DF corresponde à comunicação de venda do veículo.

Por sistema eletrônico implantao pelo órgão máximo executivo de trânsito da União,
utilizando:
1) Assinatura digital avançada; ou
2) Certificado digital, conforme padrão ICP-Brasil

No caso da ATPV-e, Entidade PÚBLICA ou PRIVADA com atribuição legal, EXPRESSAMENTE autorizada pelo
a comunicação de órgão máximo executivo de trânsito da União para tal finalidade.
venda será
Obs: p/ realizar a comunicação de venda, as entidades públicas ou privadas poderão
realizada ...
contratar entidades privadas cuja atividade principal ou acessória, prevista em lei,
estatuto ou contrato social, a prestação de serviços inerentes à comunicação de venda de
veículos

Pelo órgão ou entidade executivo de trânsito do Estado / DF, conforme procedimentos


definidos por cada órgão ou entidade

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 06
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

PORTUGUÊS

EXE MP LO – US O D A V ÍRG U L A

Separar ADJUNTOS ADVERBIAIS. Via de regra os adjuntos adverbiais estão no final da oração, portanto, utilizamos
a vírgula quando estão deslocados, antecipados ou intercalados. Exemplos:
1 a) Viajei para o Amapá semana passada (ordem normal). A vírgula poderia ser inserida antes
do adjunto, mas é facultativa. Seu
b) Semana passada, viajei para o Amapá (deslocado para o início).
uso teria a intenção de dar ênfase.
c) Viajei, semana passada, para o Amapá (adjunto intercalado).

Separar o VOCATIVO (aquilo que serve para chamar o interlocutor). Ele pode estar no início, no meio ou ao final da
frase. Exemplos:
2 a) Henrique, que dia é a prova?
b) Olá, professor.
c) Traga logo, meu filho, o livro que você me prometeu.

Utilizada para ENUMERAÇÃO de termos (“elementos coordenados de uma série enumerativa”). Exemplos:
3 a) O Sudeste é composto pelos estados de Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo.
b) A Xuxa gosta de pera, uva, maçã, salada mista.

Separar o APOSTO (termo que se junta a outro para explicá-lo ou especificá-lo melhor). Exemplos:
a) Pedro, amigo de João, passou no concurso.
4
b) Alexandre, presidente do clube, fez a premiação
Obs: o aposto também pode ser isolado por dois pontos. Ex: “Tocaram duas músicas: um samba e um forró.”

Separar ORAÇÕES INTERCALADAS / INTERFERENTES. Exemplos:


5 a) Aguardamos ansiosos, disseram os alunos, pela entrega dos resultados.

b) Festejaram, gritando pela cidade, a vitória.

Separar EXPRESSÕES explicativas, retificativas e palavras de situação. NÃO confundir com o caso acima, pois
aqui não há verbo, portanto NÃO são orações! Exemplos:
6 a) Afinal, quem vigia os vigilantes?
b) Foi, aliás, condenado à morte.

Gosto de me alimentar bem, isto é, comer frutas e verduras.

Separar ORAÇÕES ADJETIVAS EXPLICATIVAS (são aquelas que exercem a função sintática de adjetivo,
geralmente introduzidas por que, quem, qual, quanto, onde, cujo, etc.).
a) O rapaz, cujo nome esqueci, foi nomeado ontem.
b) A cidade, onde nasci, comemorou 100 anos.
Ao separar com vírgulas temos uma oração
adjetiva explicativa. Dessa forma
A omissão1 da vírgula altera o SENTIDO da frase.
QUALQUER concurseiro que se dedicar, será
7
• O concurseiro, que se dedica, será aprovado aprovado. Por outro lado, sem as vírgulas,
• O concurseiro que se dedica será aprovado estamos diante de uma oração adjetiva
restritiva. Assim SOMENTE o concurseiro
que se dedicou será aprovado
1
Há casos que a retirada da vírgula não é possível, pois não faria sentido restringir. Por exemplo: “Einstein,
que era um gênio da física, morreu aos 76 anos”. Bom, até onde eu sei, o único Einstein gênio da física é o das
fotos com a língua para fora, rsrrs.

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 07
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

Marcar a OMISSÃO DE PALAVRAS. Existem dois casos com nome estranho: zeugma e elipse.
Zeugma: é a omissão de um termo já mencionado expressamente (vírgula vicária). Exemplo:
a) Eu dirijo um fusca; ele, uma Ferrari – veja que a vírgula retoma o verbo dirigir.
8 b) Em casa eu leio jornais; ela, revistas de moda – veja que a vírgula retoma o verbo ler.
Elipse: é a omissão de um termo NÃO mencionado expressamente (sim, você tem que “adivinhar” pelo contexto).
a) Na sala, apenas quatro ou cinco convidados – veja que o verbo haver (“há”) foi omitido
b) A tarde talvez fosse azul, não houvesse tantos desejos – veja que o termo “se” foi omitido

Separar OBEJTO DIRETO PLEONÁSTICO (aquele que se repete). Exemplos:


9 a) A mim, não me cabe intervir
b) Os insensíveis, por que não os ignorar?

Isolar CONJUNÇÃO COORDENATIVA na ordem indireta (normalmente elas estão no início).

a) É um sujeito muito simples, todavia, cheio de vaidades.


10 b) É, porém, imperiosa sua análise.
c) Ele estudou, entretanto, não logrou êxito.
Atenção! A conjunção “mas” é a ÚNICA que NÃO PODE ficar separada entre vírgulas.

Separar ORAÇÕES COORDENADAS (sindéticas – com conjunção e assindéticas – sem conjunção).

a) Chegou, sentou, começou a discursar – veja que são 3 orações independentes entre si – assindética
b) Não dormi, pois estava preocupado - são 2 orações independentes ligadas pela conjunção “pois” – sindética

1. Polissíndeto (repetição): “Ela chorava, e chorava, e chorava”.


2. Remover ambiguidade: “João vendeu a casa, e o carro deixou para depois”
Obrigatória
11
 Veja que se removermos a vírgula o sentido muda, dando a entender que
João vendeu tanto a casa quanto o carro.
1. Antes de “etc.”: “Gosto de vôlei, basquete, futebol, e etc.”
Vírgula
Facultativa 2. Separar orações aditivas c/ sujeitos distintos: “Ela nada, e ele rema”.
antes do “e”
3. Separar orações c/ relação adversativa (=“mas”): “Sofri, e superei”.

Desaconselhada 1. Separar orações com mesmos sujeitos: “Fui ao hospital e realizei exames”.

Dica! SEMPRE que houver termos isolados pode duas vírgulas há a possibilidade se se substitui por dois parênteses
“(......)” ou dois travessões “– ....... –“

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 08
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

DIREITO PENAL

EXE MP LO – LES ÕES CO R PO RAI S

Lesão Corporal
Art. 129. OFENDER a integridade
corporal ou a saúde de outrem

LEVE GRAVE GRAVÍSSIMA SEGUIDA MORTE CULPOSA


Detenção Reclusão Reclusão Reclusão Detenção
3-12 meses 1-5 anos 2-8 anos 4-12 anos 2-12 meses

Conceito residual, Incapacidade para Incapacidade Resulta morte, MAS Atenção! A lesão
ou seja, é a lesão que ocupações permanente agente não quis culposa NÃO se
não é grave nem habituais, por +30d para o trabalho nem assumiu risco divide em leve,
gravíssima de produzí-lo grave e gravíssima!
2

Perigo Enfermidade
de vida incuravel Cuidado!! Há intenção de causar a
lesão, mas não de matar! Se
houvesse o dolo de matar , seria o
caso de homicídio doloso
Debilidade Perda / inutilização
permanente do membro, sentido É o caso de preterdolo: Dolo no
ou função antecedente (lesão)+ Culpa no
1 consequente (morte)
Aceleração
de parto
Deformidade
permanente

Resulta em
aborto

1 Sempre pensar em “dobro”. Exemplo: a perda de um só ouvido não causa perda da função auditiva, mas “apenas”
debilidade, portanto tratar-se-ia de uma lesão grave e não gravíssima

2 Dica! X, com intenção de matar Y, ataca-o. Por algum motivo, X desiste voluntariamente e poupa a vida de Y. Assim, X
responderá pelos atos já praticados, ou seja, lesão corporal e não pela tentativa de homicídio (exemplo AQUI).

Ação Penal: somente é condicionada à representação nos casos de lesão corporal LEVE e CULPOSA. Contudo, ainda que seja leve
ou culposa, nos crimes previstos na Lei Maria da Penha a AP será incondicionada.

SUBSTITUIÇÃO DE PENA DIMINUIÇÃO DE PENA AUMENTO DE PENA

Pena de detenção pode ser substituída Pena reduzida de ↓1/6 a ↓1/3 Pena aumentada de 1/3
por MULTA, caso as lesões NÃO sejam • Motivo de relevante valor social ou • Praticado por milícia privada ou
graves e: moral grupo de extermínio
• Sejam recíprocas
• Violenta emoção, logo em seguida a • Inobservância de regra técnica de
• Haja hipóteses de diminuição de pena injusta provocação profissão, arte ou ofício

• Agente deixa de prestar socorro ou


foge para evitar o flagrante

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 09
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

DIREITO PROCESSUAL PENAL

EXE MP LO – P RO C E D IMEN T O D A PRI SÃ O EM F LAG R ANTE

Caso não haja testemunhas: NÃO há impedimento do auto de prisão em flagrante, bastando que o condutor e mais 2
1
pessoas assinem que testemunharam a apresentação do preso à autoridade.

Acusado se recusa / não sabe / não pode assinar o auto de prisão: o auto será assinado por 2 testemunhas que tenham
2
ouvido a leitura do auto na presença do acusado

Agente reincidente ou integra organização criminosa armada ou milícia, ou que porta arma de fogo de uso restrito? Juiz
3
DEVERÁ denegar a liberdade provisória, com ou sem medidas cautelares.

O que ocorre caso não seja realizada audiência de custódia, sem motivação idônea, no prazo de 24h?
1) Autoridade que deu causa responde administrativa, civil e penalmente
4
2) Prisão considerada ILEGAL, a ser relaxada pela autoridade competente, sem prejuízo da possibilidade de
imediata decretação de prisão preventiva.

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 10
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

LEGISLAÇÃO PENAL ESPECIAL

LEI 12 .037 /09 – I DE N T IFI C A Ç ÃO C RI MI NA L

ID ENTI FI C A ÇÃ O CI V IL

Outro Doc.
Público que
Carteira
Carteira de Carteira de Carteira permita
Passaporte Funcional
Identidade Trabalho Profissional identificação

Para as finalidades desta Lei, equiparam-se aos documentos de identificação civis os documentos de identificação
militares.

ID ENTI FI C A ÇÃ O C RI MIN AL

O civilmente identificado NÃO SERÁ submetido a identificação criminal, SALVO nos casos previstos nesta Lei.

Documento apresentar rasura ou tiver indício de falsificação

Documento apresentado for insuficiente para identificar cabalmente o indiciado

Indiciado portar documentos de identidade distintos, com informações conflitantes entre si


Hipóteses de
identificação
criminal do
Constar de registros policiais o uso de outros nomes ou diferentes qualificações
civilmente
identificado

Estado de conservação ou a distância temporal ou da localidade da expedição do documento


apresentado impossibilite a completa identificação dos caracteres essenciais

Identificação criminal for essencial às investigações policiais, segundo despacho da autoridade


JUDICIÁRIA competente, que decidirá DE OFÍCIO ou mediante REPRESENTAÇÃO da autoridade
policial, do MP ou da defesa

A autoridade encarregada tomará as providências para evitar o constrangimento do identificado. A identificação criminal:

INCLUI PODERÁ INCLUIR

Processo Processo Coleta de material biológico para


Datiloscópico Fotográfico1 obtenção do perfil genético

VEDADO mencionar a identificação criminal do indiciado em atestados de antecedentes OU em informações não


destinadas ao juízo criminal, ANTES do trânsito em julgado da sentença condenatória.

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 11
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

1
Remoção da Identificação Fotográfica:

 Não oferecimento da denúncia


FACULTADO ao indiciado / réu requerer, APÓS arquivamento
 Rejeição da denúncia definitivo do inquérito ou trânsito em julgado da sentença, DESDE QUE
apresente provas de sua identificação civil.
 Absolvição

BAN C O D E DA D OS D E P ER FIS G EN ÉTI C O S

Serão gerenciados por unidades oficiais de perícias criminais. As informações genéticas NÃO PODERÃO revelar traços
somáticos ou comportamentais das pessoas, EXCETO:

✓ Determinação genética de gênero


Os dados terão caráter SIGILOSO. O uso ou permissão de uso
✓ Genoma humano
dessas informações para fins diversos gera responsabilidade
✓ Dados genéticos civil, penal e administrativa.

NOVIDADE PACOTE ANTICRIME

EXCLUSÃO dos perfis genéticos dos bancos de dados ocorrerá:

 No caso de ABSOLVIÇÃO

 No caso de CONDENAÇÃO, mediante requerimento, após 20 anos do cumprimento da pena.

BAN C O N A CI ON A L M ULT I BIO MÉT RI C O E D E IM P RESS ÕES DIG IT AIS – B NMI D

Muita Atenção! Tema novo, introduzido pelo Pacote Anticrime (Lei 13.964/19). Não tenho dúvidas que esse tópico será objeto de
cobrança.

OBE TIVO

Armazenar dados de registros biométricos, de impressões digitais e, quando possível, de íris, face e voz, para
subsidiar investigações criminais federais, estaduais ou distritais.

PODERÃO ser colhidos os registros biométricos, de impressões digitais, de íris, face e voz dos presos
provisórios ou definitivos quando não tiverem sido extraídos por ocasião da identificação criminal.

G EST ÃO

O BNMID foi criado no âmbito do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), sendo sua formação, gestão e
acesso regulamentados em ato do Poder Executivo Federal.

US O D OS D A DOS

A autoridade policial e o MP poderão REQUERER ao juiz, no caso de inquérito ou ação penal instaurados, o acesso ao BNMID.

Os dados terão CARÁTER SIGILOSO, e aquele que permitir ou promover sua utilização para fins diversos dos
previstos nesta Lei ou em decisão judicial responderá civil, penal e administrativamente.

É VEDADA a comercialização, total ou parcial, da base de dados do BNMID

IN T EG RA Ç Ã O

Poderão integrar o BNMID, ou com ele interoperar, os dados de registros constantes em quaisquer bancos de
dados geridos por órgãos dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário das esferas federal, estadual e distrital,
inclusive pelo TSE e pelos Institutos de Identificação Civil.

Integração: no caso de bancos de dados de identificação de natureza civil, administrativa ou eleitoral, a integração ou o
compartilhamento será limitado às impressões digitais e às informações necessárias para identificação do seu titular.

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 12
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

DIREITO CONSTITUCIONAL

EXE MP LO - D A O R DE M S O C IA L: S EG URI D A DE SO CI AL

Base da Ordem Social: o primado do trabalho. | Objetivo: o bem-estar e a justiça sociais.

PRIVATIVA da U LEGISLAR sobre SEGURIDADE (delegável aos Estados questões específicas via LC)

CONCORRENTE da U, E / DF LEGISLAR sobre PREVIDÊNCIA e PROTEÇÃO E DEFESA DA SAÚDE.

COMUM de TODOS CUIDAR DA SAÚDE, ASSISTÊNCIA PÚBLICA, PROTEÇÃO E GARANTIA DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA.

S EG U RI D A DE S O CI A L

Conceito: conjunto integrado de ações de iniciativa dos poderes públicos e da sociedade, destinadas a assegurar os direitos
relativos à SAÚDE, PREVIDÊNCIA e ASSISTÊNCIA SOCIAL (PAS).

Objetivos / Princípios da Seguridade Social

“Cobertura”: caráter objetivo - maior nº possível de riscos sociais


UCA
“Atendimento”: caráter subjetivo – maior nº possível de pessoas.
Universalidade da cobertura e do atendimento
“Todas as pessoas residentes no país, sem nenhuma distinção”

SDBS
Estabelecer parâmetros p/ concessão de benefícios e serviços buscando dar
Seletividade e distributividade na prestação
mais a quem tem menos.
dos benefícios e serviços

IRRVB Valor real: manter o poder de compra – benefícios da previdência;


Irredutibilidade do valor dos benefícios Valor nominal: manter o valor numérico – benefícios da seguridade;

EQPC Contribui mais quem tem maior capacidade contributiva. Aplica-se apenas
Equidade na forma de participação no custeio às contribuições da previdência.

Possibilidade de múltiplas fontes de custeio, inclusive instituição de outras


fontes não previstas (CSRESIDUAL, via LC).
DBF
Conforme EC 103/2019: deve-se identificar as receitas e as despesas
Diversidade da base de financiamento
VINCULADAS a ações de saúde, previdência e assistência, PRESERVADO
o caráter contributivo da previdência social.

CDDA Gestão QUADRIPARTITE: trabalhadores, empregadores, aposentados e do


Caráter democrático e descentralizado da adm. Governo nos órgãos colegiados.

UEBS
Uniformidade e equivalência dos benefícios e Decorrência imediata do princípio da isonomia.
serviços às populações urbanas e rurais

D EM AIS DI SP OS I ÇÕ ES

Tríplice forma de custeio: governo, empresas e empregadores (aposentados)

Justiça do Trabalho tem competência p/ executar (cobrar) de ofício as CS dos empregadores e das empresas decorrentes das
sentenças que proferir.

PJ em débito com a seguridade não poderá contratar com o poder público nem receber benefícios ou incentivos fiscais ou
creditícios - um dos motivos pelos quais as empresas devem apresentar certidão negativa no processo de licitação.

[DESPENCA] Nenhum benefício ou serviço da SEGURIDADE poderá ser criado, majorado ou estendido sem a correspondente
fonte de custeio TOTAL.

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 13
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

DIREITO ADMINISTRATIVO

EXE MP LO – P A RT E R EG IM E DIS C IP LIN AR ( LEI 8. 112/ 90 )

RES PON SA BIL I DA D E S

As sanções civis, penais e administrativas PODERÃO cumular-se, sendo INDEPENDENTES entre si

PENAL CIVIL ADMINISTRATIVA


Crimes e contravenções imputadas ao Decorre de ato omissivo ou comissivo, Ato omissivo ou comissivo praticado
servidor, nessa QUALIDADE – “Crimes doloso ou culposo, que RESULTE em no desempenho do cargo ou função.
Contra a Adm. Pública” prejuízo ao erário ou a terceiros (ação
regressiva).

Cai Muito! Absolvição ou Condenação Penal, negando / confirmando a AUTORIA ou afirmando a inexistência /
existência do FATO, implica absolvição / condenação nas outras duas esferas.

Atenção! FALTA DE PROVAS na esfera penal NÃO interfere nas demais esferas.

PR O IBI Ç ÕES

Art. 117, X - Participar de gerência ou adm. de sociedade privada, personificada ou não, exercer o comércio, EXCETO
na qualidade de acionista, cotista ou comanditário. Essa vedação NÃO se aplica:
(i) Participação nos conselhos de ADM e FISCAL de empresas em que a UNIÃO detenha CS
(ii) Participação nos conselhos de ADM e FISCAL em cooperativa que presta serviços a seus membros
(iii) Gozo de LIP – PODERÁ exercer gerência ou adm. e praticar o comércio.
Art. 117, XII - Receber vantagem de qualquer espécie (EX - propina, presente) em razão das atribuições.
Art. 117, XIII - Aceitar comissão, emprego ou pensão de Estado estrangeiro.
Art. 117, XIV - Praticar USURA (AGIOTAGEM) sob QUALQUER de suas formas (juros altos ou não)
Art. 117, XV - Proceder de forma desidiosa (desleixo / preguiça)
Art. 117, XVI - Utilizar pessoal ou materiais da repartição em atividades PARTICULARES.
Art. 132, II - Abandono - AUSÊNCIA intencional do servidor ao serviço por +30d consecutivos.
Art. 132, III - Inassiduidade habitual – FALTA, sem justa causa, por 60d, interpoladamente, em 12 meses.
DEMISSÂO

Art. 132, V - Incontinência pública e conduta escandalosa, na repartição;


Art. 132, VI - Insubordinação GRAVE em serviço;
Art. 132, VII - Ofensa física, em serviço, a servidor ou a particular, salvo legítima defesa sua ou de outrem;
Art. 132, IX - Revelação de segredo do qual se apropriou em razão do cargo;
Art. 132, XII - Acumulação ILEGAL de cargos, empregos ou funções públicas;
Art. 117, IX - Valer-se do cargo p/ proveito pessoal ou de outrem
Art. 117, XI - Atuar, como procurador ou intermediário, junto a IMPEDE, por 05 anos, o retorno ao
repartições, SALVO se tratar de benefícios previdenciários ou serviço público FEDERAL
assistenciais de parentes até o 2º grau, e de cônjuge.
Art. 132, I - Crime contra a ADMP - Impede, para
Art. 132, IV - Improbidade Administrativa Indisponibilidade SEMPRE, retorno
Art. 132, VIII - Aplicação irregular de dinheiros públicos de bens ao serviço público
+ FEDERAL
Art. 132, X - Lesão aos cofres públicos e dilapidação do patrimônio
Ressarcimento ao “A bem do serviço
Art. 132, XI – Corrupção erário. público”

Art. 130 - Reincidência em ADVERTÊNCIA


SUSPENSÃO

Art. 130, §1º - Recusa INJUSTIFICADA de inspeção médica oficial (até 15 dias de suspensão)
Art. 117, XVII - Cometer a outro servidor atribuições estranhas ao cargo que ocupa, EXCETO em situações de
emergência e transitórias
Art. 117, XVIII - Exercer quaisquer atividades INCOMPATÍVEIS com o exercício do cargo e horário

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 14
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

Art. 117, I - AUSENTAR-SE durante expediente, SEM prévia autorização


Art. 117, II – Retirar objetos ou documentos da repartição, SEM anuência da autoridade competente
Art. 117, III - Recusar fé aos documentos públicos
ADVERTÊNCIA

Art. 117, IV - Opor resistência injustificada ao andamento de documento e processo ou execução de serviço
Art. 117, V - Promover manifestação de apreço ou desapreço no recinto da repartição
Art. 117, VI - Cometer a pessoa estranha à repartição, o desempenho de atribuição de sua responsabilidade ou de seu
subordinado (“terceirizar”)
Art. 117, VII - Coagir ou aliciar subordinados para filiarem-se a associação, sindicato, ou partido político
Art. 117, VIII - Manter sob chefia imediata, em cargo ou FC, cônjuge, companheiro ou parente até 2º grau
Art. 117, XIX - Recusar-se a ATUALIZAR seus dados cadastrais quando solicitado

PEN A LI DA D ES

Penalidades Disciplinares

ADV SUSP DEM Cassação de Destituição Destituição


aposentadoria ou de CC de FC
disponibilidade

Aplicada por quem o


NOMEOU
Inativo que tenha praticado, na
atividade = DEM Exclusivamente ocupa CC: casos de
SUSP ou DEM

ADVERTÊNCIA SUSPENSÃO* DEMISSÃO

Servidor Efetivo e Comissionado Efetivo Efetivo

Prescrição 180 dias 2 anos 5 anos1


SIND: até 30 dias
Instrumento SIND PAD
PAD: +30 dias
• Presidente Rep. – delegável a
ATÉ 30d: Chefe repartição ou outro,
Ministros / AGU
Chefe da repartição ou conforme RI
Competência • Presidente do SF / CD
outro conforme RI +30d: quem imediatamente abaixo de
• Presidente TRF
quem pode demitir (EX: Ministros)
• PGR
Cancelamento Após 3 anos de efetivo
Após 5 anos de efetivo exercício, se no
do registro nos exercício, se no período NÃO HÁ
período NÃO houver nova
assentamentos NÃO houver nova
Principal SUSPENSÃO, se reincidente Suspende contagem tempo de serviço
-
consequência no período de 3 anos e cancela remun.
Observações - Prazo MÁX = 90 dias

*Importante! Quando houver conveniência PARA O SERVIÇO, SUSPENSÃO PODERÁ ser convertida em multa, na
base de 50% por dia de remuneração, ficando o servidor OBRIGADO a permanecer em serviço.
1
Prazo aplicável à CASSAÇÃO de aposentadoria / disponibilidade e DESTITUIÇÃO de CC.

PRESCRIÇÃO: STJ (Súmula 635/2019): os prazos prescricionais iniciam-se na data em que a autoridade COMPETENTE para
a abertura do PAD toma CONHECIMENTO do fato, interrompem-se com o primeiro ato de instauração válido - SIND de
caráter punitivo ou PAD - e voltam a fluir por inteiro, após decorridos 140 dias desde a interrupção.

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 15
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

ÉTICA E CIDADANIA

EXE MP LO – CÓ D IG O D E ÉT I CA DO S ER VI DO R PÚ BLI C O FE D E RA L ( D E CR ETO 1 .1 7 1/94 )

ABRANGÊNCIA: TODOS vinculados ao EXECUTIVO FEDERAL, seja servidor CIVIL ou os que prestam em caráter
permanente, temporário ou excepcional, remunerado ou não pelos cofres públicos, desde que ligados a qualquer AUT,
FUND, Paraestatais, EP, SEM, etc.

D AS REG R AS DE ON T OLÓ G I CA S (P RIN CI P AIS T ÓP I COS )

⚫ Dignidade, decoro, zelo, eficácia e a consciência dos princípios morais são primados maiores no EXERCÍCIO do cargo ou
função, ou FORA DELE - portanto, a conduta na vida privada INTEGRA a vida funcional.
⚫ A decisão deve ser baseada PRINCIPALMENTE entre o honesto e o desonesto, NÃO se limitando à distinção entre [i]legal,
[in]justo, [in]conveniente, [in]oportuno - mesmo se revestida de “ilegalidade”.
⚫ Moralidade do ato administrativo: NÃO se limita à distinção entre o bem e o mal, MAS no equilíbrio entre LEGALIDADE
e FINALIDADE (esta é SEMPRE o bem comum).
⚫ PUBLICIDADE: requisito de EFICÁCIA (produção de efeitos) e de moralidade, SALVO casos de sigilo.
⚫ Toda ausência (falta) injustificada é fator de desmoralização do serviço público.
⚫ A verdade NÃO pode ser omitida ou falseada, ainda que contrária aos interesses do interessado ou da ADMP.
⚫ Tratar mal, permitir atrasos ou a formação de longas filas = GRAVE dano moral.
⚫ Servidor não poderá JAMAIS desprezar o elemento ético de sua conduta.

DO S P RIN C IP AIS D E V ER ES D O S ERV I DO R P ÚB LI CO

⚫ Exercer suas atribuições com rapidez, perfeição e rendimento, com o fim de evitar dano moral ao usuário.
⚫ Diante de duas opções, escolher SEMPRE a melhor e a mais vantajosa para o BEM COMUM.
⚫ JAMAIS retardar qualquer PRESTAÇÃO DE CONTAS.
⚫ Apresentar-se ao trabalho com vestimentas adequadas e manter limpo e em ordem o local de trabalho.
⚫ Manter-se atualizado com as instruções, normas e legislações pertinentes.
⚫ ZELAR, no exercício de GREVE pelos serviços de defesa da vida e da segurança coletiva.
⚫ FACILITAR a fiscalização de TODOS os atos ou serviços por quem de direito – EX: TCU.
⚫ DIVULGAR o Código de Ética, estimulando seu integral cumprimento.
⚫ RESPEITAR à hierarquia, SEM nenhum temor de representar contra os superiores – servidor NÃO deve obedecer a ordens
manifestadamente ilegais, NEM deverá ceder a pressões, DEVENDO, inclusive, denunciá-las.
⚫ Abster-se, de forma ABSOLUTA, de exercer sua função, poder ou autoridade com finalidade estranha ao interesse
público, MESMO que observando as formalidades legais e não cometendo qualquer violação expressa.

V E DA Ç ÕE S A O S ER V ID OR

 RETIRAR da repartição, sem autorização, QUALQUER documento, livro ou bem - conduta VEDADA, independentemente
da intenção (mesmo que seja para dar mais celeridade aos processos).
 Apresentar-se embriagado no SERVIÇO ou FORA dele HABITUALMENTE.
MUITO COBRADO
 DEIXAR de utilizar os avanços técnicos e científicos ao seu alcance ou do seu conhecimento.

CO MISS ÕE S DE ÉT I C A DO DE C RET O 1 .17 1/94

CRIAÇÃO: em 60 dias.

ONDE: TODOS os órgãos e entidades da ADMPF: ADMD, ADMI, AUT, FUND e DELEGATÁRIAS*.
EP exploradora de atividade econômica: NÃO são obrigadas a criar Comissão de Ética.

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 16
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

*Concessionárias / Permissionárias: DEVEM constituir Comissão de Ética.

COMPOSIÇÃO: 03 servidores / empregados (+3 suplentes) com vínculo EFETIVO / PERMANENTE designados pelo dirigente
máximo, para mandatos NÃO coincidentes de 3 anos.

COMPETÊNCIAS:
▪ FORNECER registros sobre a conduta do servidor, para instruir e fundamentar promoções.
▪ Orientar e aconselhar sobre a ética profissional do servidor.
▪ Aplicar, unicamente, pena de CENSURA (suspensão, advertência, demissão) – parecer assinado por todos integrantes,
com ciência do faltoso.

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 17
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

RACIOCÍNIO LÓGICO-MATEMÁTICO

EXE MP LO – M AT EM ÁT I C A B ÁS I C A

TÓPICO LEMBRETES

Princípio da casa Se tivermos mais pombos do que casas, então pelo menos uma casa terá dois pombos. Veja ESSA e ESSA
dos pombos questão.

 São aqueles que só são divisíveis por 1 e por si mesmos: 2, 3, 5, ...

Números  O número 1 não é considerado primo.


primos  Único número primo par é o 2.
 Todo inteiro não-primo pode ser decomposto pelo produto de nºs primos (ex: 12 = 3 x 2 x 2)
Ex: 43,258656565

1- Colocar a parte que NÃO faz parte da dízima em uma fração com base 10:
43258
̅̅̅̅
+ 0,00065
1000
Transformar 2- Ver quantas casas decimais tem a dízima e dividir por “x” 9’s. Como 0,00065 a dízima é de x = 2
dízima periódica algarismos → divido por 99, de forma que:
em fração geratriz 1 65 65
0,00065 = × =
1000 99 99000
3- Agora basta somar as duas frações, obtendo então a fração geratriz:
43258 65 4282542070
+ =
1000 99000 99000000

Progressão Termo Geral (PA): 𝑎𝑛 = 𝑎1 + (𝑛 − 1) ∙ 𝑟


Aritmética (PA)
(𝑎1 +𝑎𝑛 )∙𝑛
[r: razão da PA] Soma dos “n” termos (PA):
2

Termo Geral (PG): 𝑎𝑛 = 𝑎1 × 𝑞 𝑛−1


Progressão
(𝑞 𝑛 −1)
Geométrica (PG) Soma dos termos (PG): 𝑎1 × 𝑞−1
[q: razão da PG]
𝑎1
Soma PG Infinita, para 0 < q < 1:
1−𝑞

log(𝑥 ∙ 𝑦) = log 𝑥 + log 𝑦


Propriedade dos
Logaritmos log(𝑥⁄𝑦) = log 𝑥 − log 𝑦
𝑎log𝑎 𝑥 = 𝑥
Injetora: quando elementos diferentes do
Função composta domínio são relacionados a elementos
𝑔(𝑓(𝑥)) = 𝑔°𝑓(𝑥) = (𝑔𝑜𝑓)(𝑥) diferentes do contradomínio;

Funções Sobrejetora: quando o contradomínio é


Função Inversa igual ao conjunto imagem.
−𝟏
𝒇(𝒙) = 𝒇(𝒚)
Bijetora: quando é injetora e sobrejetora ao
Substitui-se x por y e então encontra-se novamente y. mesmo tempo (só essas podem ser inversa)

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 18
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

INFORMÁTICA

EXE MP LO – C LOU D C OMP U T IN G

CO N CEI TO

Computação em nuvem (cloud computing) é o fornecimento de serviços de TI por meio da


Internet. Trata-se da disponibilidade sob demanda de recursos do sistema de computador,
especialmente armazenamento de dados e/ou capacidade de computação (virtualização,
hospedagem de máquinas e banco de dados).
Ou seja, existe uma mudança de paradigma na forma de gerenciar e entregar recursos de TI,
assim, ao invés de trabalhar adquirindo equipamentos ou softwares, trabalha-se adquirindo
serviços.

Atenção! Não confunda computação em nuvem (cloud computing) com armazenamento em nuvem (cloud storage). O
armazenamento é espécie, do qual computação é gênero.

C AR A CT ERÍ STI C AS ES S E N CIA IS

Autoatendimento O provedor de serviços identifica as necessidades do usuário e reconfigura todo o hardware e software
sob demanda de forma transparente. Isto é, sem a necessidade de interação humana.

O acesso a serviços é por meio de mecanismos padronizados. Em razão disso, o usuário precisa apenas
Amplo acesso a
de um navegador para utilizar a computação em nuvem sem ter que modificar o ambiente de
serviços de rede
trabalho.

Os recursos computacionais são agrupados para servir a vários usuários simultaneamente. Os


Pool de recursos
recursos físicos e virtuais são alocados e desalocados de acordo com a demanda dos usuários.

Elasticidade É a rápida capacidade de um sistema de se adaptar a uma variação na carga de trabalho quase
rápida instantaneamente. O usuário deve ter a impressão de ter recursos ilimitados .

Serviços Os recursos são monitorados e controlados de forma transparente tanto para o provedor de serviço
mensuráveis quanto para o usuário. Assim, ambos podem saber a quantidade exata de recursos utilizados.

MO DE LO S DE S E RV I ÇO

Oferece um ambiente com recursos para


PaaS odesenvolvimento, execução e teste de
Plataforma na nuvem softwares.
(Estrutura) Ex: Windows Azure e Google App Engine

Modelos de IaaS Oferece infraestrutura FÍSICA (hardware) para o


Cloud processamento e armazenamento de dados.
Computing Infraestrutura (Plataforma
+ Softwares) na nuvem Ex: IBM SmartCloud IaaS e EC2 da Amazon

Oferece um software para o usuário final. Assim


SaaS não é necessário que ele instale nada em sua
Softwares na nuvem máquina, bastando acesso à internet.
(Aplicativos, Programas) Ex: Google Drive, OneDrive, Microsoft 365, etc.

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 19
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

BEN EF Í CIOS E RIS C O S

Benefícios Riscos
- Otimização no uso dos recursos, pois o cliente contrata o - Segurança da Informação – é preciso verificar se a
que precisa e pode ajustar a demanda atual e futura. empresa que oferece o serviço possui e cumpre uma
política de segurança.
- Redução dos custos de pessoal – dispensa equipe de TI
para gerenciar a infraestrutura.
X - Indisponibilidade temporária e não continuidade – o
que pode acontecer com os seus dados se a empresa não
- Aumento da segurança e disponibilidade.
tiver condições de continuar oferecendo o serviço.

- Baixo desempenho do serviço contratado.

T IPOS DE NUV EM

Tipos de Nuvem

PRIVADA PÚBLICA HÍBRIDA COMUNITÁRIA

De propriedade de um
Infraestrutura
ÚNICO cliente. Acesso É uma combinação de Restrita para diversos
compartilhada,
exclusivo, o que evita núvem pública e grupos com interesses
ABERTA ao público
compartilhamento não privada. em comum.
(ex: Google Drive)
autorizado

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 20
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

DIREITOS HUMANOS

C LAS SIF I CA Ç ÃO DO S D IR EIT O S HU MA N OS

Status subjectionis (passivo): SUJEIÇÃO da pessoa em relação ao


Estado

Status libertatis (negativo): pessoa detém tão somente a prerrogativa


de exigir uma ABSTENÇÃO do Estado
Teoria do Status de Jellinek
Status civitatis (positivo): pessoa tem a possibilidade de exigir
PRESTAÇÕES do Estado
Classificação dos Direitos Huamnos

Status activus (ativo): pessoa poderá PARTICIPAR na formação da


vontade do Estado

TODOS os direitos possuem um viés negativo e positivo ao mesmo


tempo. O que varia é a carga entre uma e outra, de modo que os
Classificação do caso Lüth direitos ditos prestacionais possuem tão somente uma carga
prestacional mais significativa, ao passo que os direitos negativos,
possuem uma carga abstencionista mais intensa.

Direito-pretensão: direito de exigir algo devido pelo Estado ou por


outroa pessoa. Gera uma obrigação para a outra parte.

Direito-liberdade: impõe a ABSTENÇÃO ao Estado ou a terceiros, ou


seja, de não atuarem.
Estrutura dos DH segundo
André Carvalho Ramos
Direito-poder: possibilita à pessoa exigir a sujeição do Estado ou de
outrem para que esses direitos sejam observados

Direito-imunidade: IMPEDE que uma pessoa ou o Estado haja no


sentido de interferir nesse direito

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 21
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

GLOSSÁRIO DE SIGLAS

SIGLA SIGNIFICADO
ADCT Ato das Disposições Constitucionais Transitórias
ADM Administração / Administrativo / Administrador
ADMD Administração Direta
ADMI Administração Indireta
ADMP Administração Pública
ADMPF Administração Pública Federal
ADMT Administração Tributária
AMF Anexo de Metas Fiscais
ARO Antecipação de Receita Orçamentária
AUT Autarquia
BRA Brasil
C&T Ciência e Tecnologia
CA Créditos Adicionais
CASP Contabilidade Aplicada ao Setor Público
CD Câmara dos Deputados
CF Constituição Federal
CMPOF Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização
CN Congresso Nacional
CS Capital Social ou Contribuições Sociais
CTN Código Tributário Nacional
DA Dívida Ativa
DC Demonstrações Contábeis
DK e DC Despesa de Capital e Despesa Corrente, respectivamente
DOCC Despesa Obrigatória de Caráter Continuado
DP Defensoria Pública
DRU Desvinculação das Receitas da União
EC Emenda Constitucional
EP/SEM Empresa Pública / Sociedade de Economia Mista
FAT Fundo de Amparo ao Trabalhador
FPE Fundo de Participação dos Estados e DF
FPM Fundo de Participação dos Municípios
Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do
FUNDEF
Magistério
FUP Fundação Pública
i.e. Id Est = "Isto é" (ou seja, em outras palavras...)
LC Lei Complementar
LDO Lei de Diretrizes Orçamentárias
LET Legislação Tributária
LO Lei Ordinária

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 22
Amostra – Resumos PRF 2021
Henrique de Lara Morais

SIGLA SIGNIFICADO
LOA Lei Orçamentária Anual
LOAS Lei Orgânica da Assistência Social
LRF Lei de Responsabilidade Fiscal
LTN Letras do Tesouro Nacional
MP Ministério Público
MPV Medida Provisória
OF Orçamento Fiscal
OI Orçamento de Investimento
ORC Outras Receitas Correntes
OS Orçamento da Seguridade Social
P.A.R.T Program Assessment Rating Tool
PAC Programa de Aceleração do Crescimento
PCPR Prestação de Contas do Presidente da República
PEC Proposta de Emenda Constitucional
PGFN Procuradoria Geral da Fazenda Nacional
PL Patrimônio Líquido / Projeto de Lei Ordinária
PLC Projeto de Lei Complementar
PLEN Plenário
PPA Plano Plurianual
PR Presidente / Presidência da República
RAP Restos a Pagar
RCL Receita Corrente Líquida
RGF Relatório de Gestão Fiscal
RGPS Regime Geral de Previdência Social
RK Receita de Capital
RPPS Regime Próprio de Previdência Social
RREO Relatório Resumido da Execução Orçamentária
SF Senado Federal
SI Sistema(s) de Informação(ões)
SL Sessão Legislativa
SOF Secretaria de Orçamento Federal
STN Secretaria do Tesouro Nacional
TC / TCM / TCE / TCU Tribunal de Contas (Municipal, Estadual e da União, respectivamente)
TN Tesouro Nacional
U, E, DF e M União, Estados, Distrito Federal e Municípios
VPA Variações Patrimoniais Aumentativas
VPD Variações Patrimoniais Diminutivas

Atenção! Está é uma amostra. Os tópicos completos estão nos respectivos resumos. concurseiroforadacaixa.com.br | 23