Você está na página 1de 92

STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.

1)

Central do Processo Eletrônico


Petição Inicial

Autor do Documento
SERGIO RODRIGUES LEONARDO
CPF: 03049190639 OAB: MG085000

Data de Recebimento do Documento no STJ


Data: 14/12/2020 Hora: 11:38:50

Peticionamento
SEQUENCIAL: 5317949
CLASSE: HC
JUSTIÇA DE ORIGEM: TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE MINAS GERAIS
NÚMEROS DE ORIGEM: 54515868820208130000

Detalhes
PEDIDO DE LIMINAR: Sim
PRIORIDADE Lei 12.008: Não
MAIOR DE 80 ANOS: Não

Partes/Advogados
IMPETRANTE: SERGIO RODRIGUES LEONARDO - 03049190639
MG085000 SERGIO RODRIGUES LEONARDO
IMPETRADO: TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE MINAS GERAIS -
PACIENTE: JORGE MOREIRA MARRA - Preso/Internado - 32114060691

Nome do Arquivo Tipo Hash


JORGE MARRA - inicial HC STJ.pdf Inicial do Habeas 668539A3CD7307AD7418C02D1972F1D7695
Corpus B1717
DOC. 01 - Pedido Autoridade Policial.pdf Denúncia/Representaç F0A1F51EBAC7B8E74A92222223DAD28743
ão AF14FE
DOC. 02 - Parecer Ministério Público.pdf Parecer do Ministério 233E59368805FF7C7BC070AA8F5E3AAE6F2
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Público A3E2D
DOC. 03 - Decisão Prisão Preventiva.pdf Decisão de Prisão 0BB5255DA91CCC3940A2E4AA1277EF9465
Preventiva AC9A6F
DOC. 04 - Termo de Declarações do Outros Documentos 881031E2B9CA025D81B152EA46CA979057B
Paciente.pdf D7DD8
DOC. 05 - Relatório cumprimento mandado de Outros Documentos B34754F698ED477DDCB99D15D7A82A9A8E
prisão.pdf C3C58D
DOC. 06 - Exoneração Paciente.pdf Outros Documentos 957C54A8D68C994EDDA19897EDD9CB59A
AC989B0
DOC. 07 - Carteira de Identidade.pdf Outros Documentos B7ADB529F1D4A36C12E705274A1228CEC4
694DF9
DOC. 08 - Comprovante de Residência.pdf Outros Documentos 1759482F38229E6EBFE3839D080A07FC55E
26382

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.2)
DOC. 09 - Comprovante de Ocupação.pdf Outros Documentos 98482633A727D24F1B7C640928936C123940
F5B4
DOC. 10 - Declaração Sindicato.pdf Outros Documentos C65AD16BE2F254070219F6A49F152A59A81
A7455
DOC. 11 - CAC e FAC.pdf Antecedentes 72C55BD6F42FCA7B423862557007DA07F66
Criminais C4F69
DOC. 12 - Exames Médicos.pdf Outros Documentos DF7E4AE484EA10B25BF8A9B6BEF9BFEE21
5C6147
DOC. 13 - Relatório Médico.pdf Outros Documentos C86E09A3F3D5FEB3FD1CA3271830BDB731
727624
DOC. 14 - Receita Médica.pdf Outros Documentos 72DB845A26D7A3FB34CF3BBCC4F41DFA8
C324DE0
DOC. 15 - Acórdão HC Jorge Marra TJMG.pdf Decisão / Acórdão do B4E05D0342B0BD221CA9CEDA4098DE42E8
Tribunal de Origem 7C7746

Documento assinado eletronicamente nos termos do Art. 1º. § 2º., Inciso III, alínea “b”, da Lei
11.419/2006.

A exatidão das informações transmitidas é da exclusiva responsabilidade do peticionário (Art. 12 da


Resolução STJ//GP N. 10 de 6 de outubro de 2015).

Os dados contidos na petição podem ser conferidos pela Secretaria Judiciária, que procederá sua
alteração em caso de desconformidade com os documentos apresentados, ficando mantidos os
registros de todos os procedimentos no sistema (Parágrafo único do Art. 12 da Resolução STJ
10/2015 de 6 de outubro de 2015)
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.3)

EXCELENTÍSSIMO SENHOR MINISTRO PRESIDENTE DO


SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA

SÉRGIO RODRIGUES LEONARDO, brasileiro,


divorciado, advogado inscrito na OAB/MG sob o nº 85.000, ROGÉRIO
MAGALHÃES LEONARDO BATISTA, brasileiro, divorciado, advogado
inscrito na OAB/MG sob o nº 93.779, CAROLINA LUJÁN RODRIGUES
LEONARDO, brasileira, solteira, advogada inscrita na OAB/MG sob o nº
98.800 e MARCELO DE SIQUEIRA ZERBINI, brasileiro, casado,
advogado, inscrito na OAB/DF sob nº 44.555, todos com escritório à Av.
Afonso Pena, 4100, 11º andar, bairro Mangabeiras, em Belo
Horizonte/MG, vêm, com fundamento nos artigos 5º, LXVIII, 93, IX, e
105, I, c, da Constituição da República, nos artigos 282, § 6º, 315,
319, 647 e 648, I, IV e VI, do CPP, impetrar:

HABEAS CORPUS, com pedido de liminar, em


caráter de urgência, em favor de

JORGE MOREIRA MARRA, brasileiro, produtor


rural, portador da carteira de identidade nº M-1794091 (SSP/MG),
inscrito no CPF sob o nº 321.140.606-91, residente e domiciliado à
Fazenda Santo Antônio, localizada na Estrada Rural Patrocínio
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Buqueirão, Km 8 PTC 0382, atualmente recolhido na Penitenciária


Deputado Expedito de Faria Tavares, em Patrocínio/MG, que padece de
constrangimento ilegal em sua liberdade de locomoção, sendo apontado
como Autoridade Coatora o:

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
1
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.4)

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE


MINAS GERAIS, que por sua 8ª Câmara Criminal julgou e denegou o
Habeas Corpus nº 5451586-88.2020.8.13.0000, cujo acórdão foi
publicado no DJe de 10/12/2020, quinta-feira próxima passada,
mantendo, assim, a ilegal decisão proferida pelo MM. Juiz de Direito em
substituição legal na Vara Criminal da Comarca de Patrocínio/MG, Dr.
Walney Alves Diniz, que decretou a prisão preventiva do ora paciente
nos autos do Inquérito Policial nº 0035378-94.2020.8.13.0481, em
virtude dos seguintes fatos e fundamentos:

I – RELATÓRIO

1 – O paciente era investigado e atualmente


está sendo processado pela suposta prática de homicídio qualificado
(art. 121, §2º, II e IV, do CP) contra a vítima Cássio Remis Santos, fato
ocorrido em 24/09/2020, na comarca de Patrocínio/MG.

2 – A Autoridade Policial, assim que tomou


conhecimento dos fatos, representou pela medida cautelar de prisão
preventiva do paciente (DOC. 01), in verbis:

“ Is t o po r q u e, a f ug a d o i nv es t ig a do d o d is tr i to d a c u lp a ,
ap ós c om e ti m e nt o do d e li t o, é f un d am e nt aç ão
s uf ic i en te p ar a e mb a s ar a d ec r e t aç ã o d a c us t ód i a
pr ev e nt iv a, or de n ad a par a gar a nt ir a a pl ic a ç ão da l e i
pe n a l” ( Re pr es e n taç ão pela pr is ã o pr ev e nt iv a
pr o f er id a p e la Au t or id ad e P o l ic ia l , DO C . 0 1)
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

3 – Instado a se manifestar sobre o pedido da


Autoridade Policial, o Ministério Público de Minas Gerais opinou
favoravelmente à decretação da prisão preventiva do paciente (DOC.
02).

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
2
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.5)

4 – O MM. Juiz de Direito em substituição legal


na Vara Criminal da comarca de Patrocínio/MG, Dr. Walney Alves Diniz,
deferiu o pedido da Autoridade Policial e decretou a prisão preventiva
do ora paciente (DOC. 03).

5 – Mesmo tendo ciência da existência de


decisão de decretação de sua prisão preventiva, na data de 27/09/2020,
o paciente se apresentou espontaneamente perante a Autoridade
Policial, oportunidade em que prestou declarações (DOC.04) e foi
recolhido ao cárcere, conforme comprova o relatório de cumprimento do
mandado de prisão (DOC. 05). O paciente se encontra PRESO desde
então.

6 – Foi contra a decisão de decretação da


prisão prev entiva proferida pelo MM. Juiz em substituição legal na
Vara Criminal de Patrocínio/MG que foi impetrado o Habeas Corpus
nº5451586-88.2020.8.13.0000, perante o Egrégio Tribunal de Justiça
do Estado de Minas Gerais, o qual foi denegado (vide acórdão DOC.
15), ensejando a presente impetração perante este Colendo
Superior Tribunal de Justiça.

7 – Os impetrantes esclarecem que


interpuseram o Recurso Ordinário de Habeas Corpus perante o
TJMG ontem, 13/12/2020. Entretanto, diante da urgência que o caso
requer, mormente diante da ilegalidade manifesta da decisão de
decretação da prisão preventiva, que não justificou o não
cabimento da substituição da custódia por outra medida cautelar,
descumprindo frontalmente o comando do art. 282, § 6º, do CPP,
impetram o presente writ para fazer cessar imediatamente o
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

constrangimento ilegal à liberdade de locomoção do paciente.

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
3
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.6)

II – MÉRITO

8 – Remetendo principalmente à suposta fuga do


paciente do distrito da culpa, o Douto Juiz de Direito em substituição
legal na Vara Criminal da comarca de Patrocínio/MG, Dr. Walney Alves
Diniz, decretou a prisão preventiva do paciente, utilizando para tanto os
seguintes fundamentos, in verbis:

“ P ar a a d ec r et aç ão d a p r is ã o pr ev en t iv a , a l e i ex i ge a
pr es e nç a d o fu m us b on i iu r is e d o p er ic ul um i n m or a
i ns c u l p id os s o b a é g i de d o ar t i g o 31 2 do C6 d ig o d e
Pr oc es s o P e n al .
O f u m us b on i i ur is es tá c alc a d o n a pr ov a do c r i m e e
em in díc i os s uf ic i en t e s d e au to r i a , e, c o mo d iz Bo r g es
da R os a, in Pr oc es s o P en a l, v o l u me 3, p á g. 28 1 :
“ E l es dev e m s er t ais q ue g er e m a c o nv ic ç ã o de q u e fo i
o ac us ad o o au t or da i nfr aç ão , e m bor a n ã o h a ja
c er t ez a d is s o. N o en t an t o, el es dev e m s er s uf ic i en tes
par a tr a nq u i liz ar a c on s c i ênc i a d o J u iz ” .
O fu m us bo n i iu r is es t á pr es e nt e na h i p ót es e d os
au t os , c o mo c o ns ta d o bo l et i m d e oc or r ê n c i a p o l ic ia l
de fl s . 0 3 /1 3, d o f or m u lár i o d e n o t if ic aç ã o d e m or t e de
fl . 14 , be m c o mo d a p r ov o t es t e mu n ha l j á c o lh i da p e la
au t or i d a de p o l ic i a l ( fls . 15 / 34) , a qu a l a po nt a o
r ep r es e nt ad o c om o s en d o o au t or d os d i s par os de
ar ma d e fo g o q ue a ti n g ir a m e c e if ar a m a v i da d a
v ít i ma C Á S S IO R EM I S S A NTO S .
O per ic u l um i n m or a t am b é m es tá pr es e nt e , t e nd o em
v is t a q u e, a lé m d a g r av id a de do d el i to i m pu t ad o a o
r ep r es e nt ad o ( h om ic í d io q ua l i fic a do ) , o qu a l, a v is t a
dos e le m e nt os i n for m at iv os c o ns t a nt es d os a u tos , e m
es p ec i al d a pr ov a t es t e mu n ha l , fo i ex ec ut a do c o m
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

ex tr e ma br u t al i d ad e e fr iez a , n a m ed i d a em qu e a
v ít i ma , c a í da a o s o l o ap ós j á t er s id o at i n g id a pe l os
d is p ar os d e ar ma d e fo g o, fo i n ov a m en t e a lv e j a da ,
de n ot a nd o a per ic u los i da d e d o a ge nt e , es t á a b al a d a a
pac a ta or de m pú b l ic a l oc a l , pr i nc ip a l me n te d ia nt e dos
i nd íc ios d e q ue a aç ã o c r i m in os a te n ha v ié s p o lí tic o ,
Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
4
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.7)

j á q u e o r ep r es e nt ad o oc up av a o c ar g o d e S ec r e t ár i o
Mu n ic i pa l d e O br as , n om e ad o p e lo ir m ã o e at ua l
pr e f ei t o, q ue p u b lic a m en t e já m a n if es t o u qu e bus c a a
r ee l e iç ão , e n qu a nt o a v í ti m a er a at or p o lí tic o da
op os iç ão , q ue já h av ia ex er c i do o m an d at o de
v er e a d or e p le i te av a o r et or no a C as a de L e is , f at o
qu e , i nc l us iv e, a tr ai u a at e nç ã o d a i m pr e ns a n ac io n a l.
A lé m d is s o, c o ns i der a n do as n u anc es ac im a
ex p l ic it a das , q u e a po nt a m p ar a c r i me c om c o nt or n os
po l ít ic os , h á o r is c o d e qu e o r e pr es e nt ad o v e nh a
am e aç a r as tes te m un h as , o que p od e i nc lus iv e
es t i mu l ar nov os c o n fr on t os , pr i nc i pa l m en te d i a nt e d a
pr ox i m i da d e d o pl e it o el e it or a l m u n ic i p a l, o qu e, a l ém
do r is c o de v er d a de ir a b ar bár i e, r es u l tar i a e m pr ej u íz o
a pr ó pr i a ins tr uç ã o d o f ei t o e a a pur aç ão da v er da d e
r ea l .
A de m a is , a c us tó d i a t am b é m s e m os tr a i nd i s pe ns áv e l
par a as s e gur ar a ap l ic aç ã o d a l e i p en a l, na me d i da em
qu e o r epr es en t ad o , l og o a p ós o c r i m e, ev ad i u-s e d o
d is tr it o d a c u l pa .
O p ar ec er M i nis t er i a l e f av or áv e l a pr is ã o do
i nv es t ig a do .
Des tar t e, a pr is ão pr e v en t iv a do r e pr es e nt a do J O RG E
MO R E IR A M A RR A e m ed i d a qu e s e i m põ e, c om v is t as ,
pr inc i p al m en t e, a g ar a n ti a da or d e m p úb l ic a, da
ap l ic aç ã o d a l e i p en a l e d a i ns tr uç ão c r im i n a l.
E ns i n a o m es tr e Es p ín o la F i l ho i n “ C o me nt ár ios a o
Có d ig o d e Pr oc es s o P en a l” , v o l. I l l, p á g. 3 6 7, q u e:
“ A pr is ão pr ev e nt iv a e s e m d úv i d a u ma me d i da d e
for ç a, qu e o in te r es s e s oc ia l r ec l a m a da l i b er d a de
i nd iv i du a l c om tr íp l ic e f i n al i d ad e de p er m it ir q ue o
i nd ic i ad o s e m a nt en h a ac es s ív el a J us t iç a n o d istr i to
da c u lp a , d e ev i tar q ue e le , p or ma n ob r as r eg u le a
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

pr o d uç ão d as pr ov as e obs te o pr os s e g u im en t o d e s u a
at iv i da d e d e l it u os a” . ( Dec is ã o, f ls . 6 5 /6 8 dos a ut os ,
DO C . 0 3)

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
5
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.8)

9 – O que se demonstrará a seguir é que a


decisão é nula e ilegal, eis que o magistrado de 1º grau não
cumpriu os ditames do art. 282, § 6º, do CPP, uma vez que não
justificou o não cabimento da substituição da prisão preventiva por
outra medida cautelar alternativa. A deci são afronta cabalmente o
art. 93, IX, da Constituição da República, e o art. 315 do CPP, sendo
absolutamente desprovida de fundamentação quanto à inviabilidade
da adoção das medidas cautelares alternativ as previstas no art. 319
do CPP.

10 – Por outro lado, caso fosse possível superar


esta insuperável nulidade, os demais argumentos apresentados na
decisão combatida para pretender justificar a suposta necessidade da
segregação cautelar para assegurar a aplicação da lei penal, por
conveniência da instrução ou para garantia da ordem pública, estão
superados (apresentação espontânea, eleições findas) ou foram
baseados em ilações e suposições que não encontram amparo fático na
realidade (investigações e instrução processual sem qualquer registro
de perturbação), razões pelas quais se pede e espera deste Colendo
STJ a concessão da ordem de habeas corpus para restabelecer a
liberdade do paciente. Senão vejamos:

1º FUNDAMENTO DA IMPETRAÇÃO: o
magistrado de 1º grau não justificou em sua
decisão o não cabimento da adoção de
medidas cautelares alternativ as à prisão.
Violação do art. 282, § 6º, do CPP. Nulidade
da decisão. Afronta ao art. 93, IX, da
Constituição da República de 1988 e ao art.
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

315 do CPP. Ilegalidade manifesta.


Precedentes recentes deste Colendo STJ.

11 - Na decisão originalmente atacada e mantida


pelo TJMG (DOC. 03), o ilustre magistrado da Vara Cível de
Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
6
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.9)

Patrocínio/MG em substituição legal na Vara Criminal simplesmente


ignorou a possibilidade de aplicação de medidas cautelares
alternativas à prisão, previstas no art. 319, do CPP, não
demonstrando os motivos pelos quais as referidas medidas não
seriam cabíveis no caso concreto. Basta ler e reler a decisão: não
há uma linha sequer sobre a possibilidade de substituição da
prisão prev entiva por outra medida cautelar. Nada! Sendo assim, é
insuperável a constatação de que o magistrado de 1º grau violou
expressamente o comando do art. 282, § 6º, do CPP, tornando a
decisão inequivocamente nula e ilegal, in verbis:

Ar t . 2 8 2. As m e di d as c au t el ar es pr ev is t as n es t e Tí t ul o
dev er ã o s er ap l ic ad as o bs er v a n do-s e a: ( R e daç ã o
da d a p el a L e i n º 1 2. 40 3, d e 2 0 11) .
I - n ec es s i d ad e par a ap l ic aç ã o da l e i p e n a l, par a a
i nv es t ig aç ão ou a i n s tr uç ã o c r i m i na l e, nos c as os
ex pr es s a me nt e p r ev is tos , p ar a ev it ar a p r át ic a d e
i nfr aç õ es p e na is ;
II - a d e qu aç ão d a me d i da à g r av i da d e d o c r i me ,
c ir c uns tâ nc i as do f a to e c o nd iç ões pes s oa is do
i nd ic i ad o o u ac us a d o.
( .. .)
§ 6 º A pr i sã o p r ev en t iv a so m ent e s er á de t e rmi na da
quan do n ão f o r ca bí v el a s ua su bst it u iç ão po r o ut ra
med id a c aut el a r, ob s er v ado o a rt . 31 9 d es t e Cód igo ,
e o n ão c ab im ent o da sub st it ui ç ão por o ut r a
med id a c aut el a r de ve r á s e r ju st if ic ad o d e f o r ma
f unda m ent ad a no s el em ent os p r e sen t e s do ca so
con c ret o, d e f o rm a i ndi vid ua liz ad a. ( Re d aç ã o d a da
pe l a L e i n º 13 . 96 4, de 2 0 19)
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

12 – As alterações legislativas do processo


penal brasileiro deixaram clara, desde o advento da Lei Federal
nº12.403/2011, a opção do legislador, em consonância com a
Constituição, no sentido da absoluta excepcionalidade que deve ser
reservada à decretação de prisão prev entiva, sendo certo que as

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
7
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.10)

medidas cautelares diversas da prisão dev em ser preferencialmente


utilizadas pelo magistrado, o que ao certo contribui também para
diminuir o colapso do nosso já combalido sistema prisional.

Neste sentido, desde 2011, a jurisprudência


deste Colendo STJ e do Excelso STF registram inúmeros casos de
concessão de HABEAS CORPUS (liminar e mérito), para fazer cessar o
constrangimento ilegal causado por decisões que deixaram de aplicar
medidas cautelares alternativas à prisão preventiva que seriam
adequadas e suficientes para os casos em foco, a saber:

“ R EC UR SO O R DI N Á RIO EM HABEAS CO R PU S .
TR ÁFI CO IL ÍC ITO DE EN TO R P E C ENT E S . P RI S ÃO
PR E V E NTI V A . S U P E RV E NI Ê NC I A DE S EN T EN Ç A
CO N D EN ATÓ RI A . D I RE ITO DE R EC O R RE R EM
LI B E RD AD E . S EG R E G A Ç ÃO FU N DA D A N O A RT. 3 12
DO C P P. Q U AN TI D AD E D A S DRO G A S A PR E EN DI D A S.
G A R ANT I A D A O RD E M PÚ B LI C A. N EC E S S ID AD E D E
AC A UT E L AM E NTO . CO N DI ÇÕ E S P E S SO AI S .
FA VO R A BI LI D AD E . M ED ID A S CA UT E L AR E S
A LT ER N ATI V A S . N E CE S S ID A D E, AD EQ UA Ç ÃO E
SU FI CI Ê NC I A. CO A ÇÃ O IL EG A L D E M O N STR A D A.
RE CU R SO P RO VI D O . 1. A p ri sã o pr ev ent i va
som ent e se r á d et er m ina da qu ando não f o r ca bí v el a
su a s ub st it u i çã o p or o ut r a me did a c aut el a r e
q u an do r e alm en t e m o st re - s e ne c es s á ri a e ad equ ad a
às c i rc un st â nc ia s e m qu e co m et id o o del it o e à s
cond i çõ es p es so ai s do ag ent e. E x eg es e d o a rt . 2 82 ,
§ 6 .º , do CPP. 2. Emb or a a cu st ód ia est e ja
ju s t if ic ad a n a g a r an t i a d a o r d e m p ú b l i ca , mo st r a- se
ne ce s sá r ia , d ev id a e s uf i ci ent e a im p osi ç ão d e
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

med id as c aut el ar e s a lt er nat i va s em r el a ção ao


pa ci ent e, d ad a s a s ci r cun st ânc i as d o d el it o e as
cond i çõ es p es so ai s f av or á v ei s d o re co r r ent e, c om
ap en as 2 1 ano s ao t emp o do d el it o, p ri má ri o, s em
re gi st ro d e en vo l vi ment o e m de lit os a nt e ri or e s e
que n ão int eg r a o rg aniz a çã o c ri mino s a. 3.

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
8
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.11)

Cond iç õe s p e ss oa is f av or á v ei s, me sm o n ão se ndo
ga ra nt id or a s d e e ve n t ua l di r eit o à s olt u r a, m e re c em
se r d e vid am ent e va lor ad a s, q ua ndo d e mon st r ad a
pos si bi lid ad e de sub st i t ui ç ão da p ri s ão p or
ca ut e l ar e s di v er s as , p rop or c ion ai s, ad e quad a s e
su f ic ie n t e s ao f im a q u e s e p ro p õe m. 4 . R ec ur s o
or d i n ár io e m h ab e as c o r p us pr ov i do p ar a r ev o g ar a
c us t ó di a pr ev en t iv a do r ec or r e n te , m ed i a nt e a
i mp os iç ão d as m e d id a s a l ter n at iv as à pr is ão pr ev is t as
no ar t. 3 1 9, I , I V e V, d o Có d ig o d e Pr oc es s o P en a l.”
( ST J. R H C 38 4 59 / S P . 5ª Tu rm a. R el . M i n. JO RG E
MU S S I, D Je d e 1 3/ 0 9/ 20 1 3, g rif os no s sos )

“ E M ENT A R ec ur s o or d i n ár io em h ab e a s c or pus .
Pr oc es s u a l. I n ter p os iç ão c o ntr a ju l ga d o c o l eg i a do do
S up er i or Tr i b u na l d e J us t iç a, o q ua l n ã o c on h ec e u d a
i mp et r aç ã o c o m o f u n da m en t o d e s er s u bs t it u tiv o d e
r ec u r s o or d in ár i o. A pr ec iaç ã o, c o nt ud o , d o mé r i t o d a
i mp et r aç ã o, a l e gi t im ar o c on h ec im e nt o d o pr es en te
r ec u r s o p e la S u pr e ma C or t e . Pe n a l. Tr á fic o de
en t or p ec en t es . Pr is ã o pr ev e nt iv a. F un d a me n tos d o ar t.
31 2 do C ód i g o de Pr oc es s o P en a l. I ni do n e id a de .
G r av id a d e e m abs tr at o d o d el i to , q u e nã o bas t a pa r a
j us t if ic ar , p or s i s ó, a p r iv aç ão c a ut e lar d a l ib er da d e
i nd iv i du a l d o ag e nt e. Pr ec e d en t es . O r d e m co n c ed i da
pa ra su bst it u ir a p r is ão ca ut e l ar da s r ec or r ent e s
por m edi da s c aut el ar e s d e la di v er s a s. Rec ur s o
pr ov i d o. 1. O e nt en d i me n to d o S u pe r i or T r i bu n a l d e
J us t iç a q ua n to ao c ab i m en t o do h ab e as c or pus
enc a mp o u a j ur is pr u dê nc i a da Pr i me ir a Tur ma da
Cor te q ua nt o a s er i n ad m is s ív e l o ha b eas c or p us qu e
te n ha p or ob j et iv o s ub s ti t uir o r ec ur s o o r d i n ár io ( H C n º
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

10 9 .9 5 6/ P R, Re l at or o M in is tr o M ar c o Aur é l i o, DJ e d e
11 / 9/ 12) . 2. E m t es e, es s a d ec is ão o bs tar i a a a ná l is e
per s a lt u m d a q u es t ã o tr az id a à a pr ec i aç ã o d a C or t e .
P or é m , p ar a jus t if ic a r q ue o c as o n ã o c om p or t ar i a
or d e m d e of íc i o , a M i nis tr a Ma r i a Th er ez a d e As s is
Mo ur a ac ab o u por a n a l is ar o m ér i to d o h ab e as c or p us .

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
9
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.12)

As s i m, nã o h á ób ic e ao c o nh ec i me nt o do r ec ur s o . 3 .
Nã o obs t an te o P l en ár i o da Cor t e t en h a, no
j ul g a me nt o d o H C n º 1 04 .3 3 9/ S P , R e l at or o M in is tr o
G i l mar M en d es (DJe de 6/ 12 / 12) , as s e n ta d o,
i nc i d en t er t an tu m , a i nc o ns ti t uc i o na l i d ad e do ar t . 4 4,
c ap u t, da Lei nº 1 1 .3 4 3/ 06 , p ar a a d m it ir a
pos s i b i li d a de d e c o n c es s ã o de l i b er d a de pr ov is ór i a
nos c as os d e pr is ã o e m fl a gr an te p e l o de l it o d e t r á f ic o
de e nt or pec e nt es - q ua n do a us en tes os pr es s u p os t os
au t or iz a d or es da c o ns tr iç ão c a ut e l ar ( ar t. 31 2 do
Có d ig o d e Pr oc es s o P en a l) - , o J u íz o d a Va r a Cr i m in a l
de M o gi G u aç u/ S P n eg o u às r ec or r e nt es o d ir e it o à
l ib er d ad e pr ov is ór i a s em ap r es e nt ar f un d am e nt aç ão
ad e qu a da . 4. Es t á s e d im e nt a do na C or t e o
en t en d i me nt o de q ue a gr av id a d e e m a b s tr a to d o
de l i to n ão b as t a p ar a j us t if ic ar , p or s i s ó, a p r iv aç ão
c au t el ar da l ib er d ad e in d iv id u a l do a g en t e.
Pr ec e d en t es . 5 . N ão su bs is t en t e a sit u a çã o f át i c a
que en s ejo u a d ec r e t aç ão d a p ri s ão ca u t el a r, é o
ca so d e con c es s ão d e o rd em d e h ab ea s c orpu s , e m
men or ext en s ão, p a r a q ue o Ju íz o d e p r i me ir o g r au
sub st i t ua a s eg r eg aç ão c aut el a r p el a s me did a s
ca ut e l ar e s d iv e r sa s da p r is ão p re v ist a s n os in ci so s
I e I I do a rt . 3 19 d o Códi go d e P ro c es so P en al , co m
a re da ç ão d ad a pe l a L ei n º 12 .4 0 3/ 1 1. 6. R ec ur s o
or d i n ár io a qu e s e d á pr ov i me n to . D ec is ã o. A T ur ma
de u pr ov i me n to ao r ec ur s o or d in ár i o em ha b eas
c or p us , nos t er mos do v o to d o R el a tor . U nâ n im e. N ã o
par t ic ip o u, jus t if ic ad am e nt e, des t e j ul g am e nt o, o
S en h or M i nis tr o M ar c o A ur él i o. Pr es id ê nc i a d o S e nh or
M in is tr o L u iz Fux . 1ª T ur ma , 2 5 .6 . 20 1 3.” ( STF . R HC
17 4 93 / S P. 1ª T ur m a. Re l . M i n. DI A S T O F FO L I, DJ e-
19 8 d e 2 8/ 0 8/ 20 1 3, gr i fos n os s os )
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

13 – As circunstâncias do caso concreto revelam,


com clareza solar, que é possível e recomendável a substituição da
prisão preventiva por liberdade provisória cumulada ou não com
medidas cautelares alternativas à prisão (art. 319, CPP), cuja aplicação,

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
10
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.13)

nos termos do art. 282, § 6º, do CPP, é prioritária em detrimento da


segregação cautelar, que só deve ser decretada subsidiariamente, em
último caso.

14 - Após o advento do chamado Pacote


Anticrime (Lei Federal nº 13.964/2019), a jurisprudência deste
Colendo STJ firmou-se definitivamente no sentido da imperiosa
observância da nova redação do art. 282, § 6º, do CPP. Os
impetrantes colacionam abaixo alguns acórdãos dos últimos 90
(noventa) dias de HCs e RHCs que foram concedidos para fazer cessar
a ilegalidade de constrições cautelares da liberdade que não cumpriram
tal imperativo legal, in verbis:

HA BE A S CO R PU S . T RÁ FI CO D E D RO G A S . P RI S ÃO
PR E V E NTI V A . PE R I CU LU M LI B ER T ATI S . M E DI DA
DE S P RO PO RC IO N A L. A D EQ U A Ç ÃO E S U FIC I ÊN CI A
DE C A UT E L AR E S DI V ER S A S . E XC E P CIO NA L ID A DE
MO M ENT Â N E A. CO V I D- 1 9. C RI M E CO M E TIDO S EM
VI O L Ê NC I A O U G R A V E AM E A Ç A. R É PR I M ÁR I A. RE -
CO M E ND A Ç ÃO N. 62 / 20 2 0 DO CNJ . A P LI C A BI L ID AD E .
O RD E M CO NC E DI DA .
1. A pr is ã o pr ev e nt iv a é c o mp at ív el c o m a pr es u nç ã o
de n ão c u l pa b i li d ad e do ac us a d o d es de q u e n ã o as -
s um a n at ur ez a d e a nt ec ip aç ão d a p en a e n ão d ec or r a,
au t om at ic a me n te , do c ar á t er abs tr a t o d o c r i me o u do
at o pr oc es s ua l pr a t ic ad o ( ar t . 3 1 3, § 2 º , CP P) . A lé m
d is s o , a d ec is ão j u d ic i al d ev e ap o ia r- s e e m m ot iv os e
fu n da m en t os c o nc r et os , r e l at iv os a f at os n ov os o u
c on t em p or â n eos , dos qu a is s e pos s a ex tr a i r o per i g o
qu e a l ib er da d e pl e n a do i nv es t i g ad o ou r é u r e pr es e n-
ta par a os m e i os o u os f i ns d o pr oc es s o p en a l ( ar ts .
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

31 2 e 3 1 5 d o C PP ) .
2. D e ve , a ind a, f i c ar con c ret a men t e e v id e nci ad o, n a
f o r ma d o ar t . 2 8 2, § 6º , do C P P , que , p re se nt e s o s
mot i vo s q ue a ut o riz am a s eg re ga ç ão p ro vi só ri a ,
não é suf i c ien t e e ad equ ad a a su a sub st it uiç ão po r

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
11
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.14)

out r a( s) m ed id a( s) c aut el a r( e s) m en os in va s iv a( s) à
lib e rd ad e.
3. An t e a cr is e mu nd ia l d o n ov o co ron a ví ru s e, es-
pe ci al me nt e , a m ag nit ud e do pan or a ma n a cion a l,
int er v en çõe s e at it u de s m a is ou s ada s s ão de ma n-
dad a s d as a ut o ri dad es , in clu si v e d o Pod er J udi c iá-
rio .
4. A c on st ri çã o ant e t e mpu s é o últ imo re cu r so a
se r ut i liz ado , d e f o r ma a p r es e r va r a sa úde de t o-
dos , c onf o rm e p r es c re v e a r e cen t e Re co men da ç ão
n. 6 2/ 20 2 0 do CN J.
5. N a es p éc ie , h á c ir c uns t ânc i as qu e r ev e la m a nec es -
s i da d e de ac a ut e la m en t o da or d em p ú b l ic a, n ot a da-
me n te p e la a pr e ens ã o d e 43 ,7 6 g d e mac o n ha e 1 8, 9 6
g d e c oc a í na , be m c o mo d e pe tr ec h os pr ó p r i os d o tr á-
fic o d e dr o gas e r az oá v e l q ua nt i a e m d i nh e ir o. T od av i a,
ta is r az õ es n ã o s e mos tr am b as t an t es , e m j u íz o de
pr o p or c io n a l id a de , pa r a ma n ter a r é s o b o r i gor d a
c au t el a p es s o al ma is ex tr e ma d a, s obr e tu d o p or q ue os
de l i tos f or a m s u pos t a me n te c o m et i dos s e m v i o lê nc i a
ou gr av e a m eaç a , a p ac ie nt e é pr i m ár i a e o q ua nt u m
de en tor p ec en te enc o ntr a do n ã o é v u l tos o.
6. O rd em c onc ed id a, p ar a su bst it u i r a p ri s ão pr e-
ve nt i v a da p a ci ent e p or m ed id as ca ut e l ar e s a lt e rn a-
t iv a s des c r i tas n o v ot o, s e m pr ej u íz o d e ou tr as m e di -
das q u e o pr u de n te ar bí tr io d o J uíz o na t ur a l d a c a us a
i nd ic ar , as s i m c o m o d o r es t ab e l ec i m e nt o da c ons tr iç ão
pr ov is ór i a s e h ouv er v i ol aç ão das m e d id as i m pos t as
ou s obr ev i er s i tu aç ão q u e c o nf i gur e a e x i gê nc i a d a
c au t el ar m a is gr av os a .
( HC 6 09 . 45 5/ S P , Re l. M ini st ro RO G E RIO SC HI E TTI
CR UZ, S E XT A T UR M A, jul ga do em 0 1/ 12 / 20 2 0, D Je
11 / 12 /2 0 20 )
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

HA BE A S CO R P U S. T RÁ FI CO D E E NTO R P EC E NT E S.
CO N ST RI Ç ÃO P R E VE NTI V A . AR T. 3 12 DO C P P. P E-
RI CU LU M LI B E RT AT I S. M E DI D A D E S P RO P O RC IO N A L.
CA UT E L AR E S DI V E R S A S D A P RI S ÃO . AD EQ U AÇ ÃO
E S UF IC I ÊN CI A. O RD E M CO N C ED ID A .

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
12
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.15)

1. A s egr e g aç ã o pr ev en t iv a é c om p at ív e l c om a pr e-
s unç ã o d e nã o c u lp a b il i d ad e do ac us a d o des d e q u e
nã o as s um a n at ur ez a d e an tec i p aç ã o d a p en a e n ão
dec or r a, a ut o ma t ic a m en t e, da n at ur ez a a bs tr at a do
c r i me o u do a to pr oc es s u a l pr a t ic ad o ( ar t . 31 3 , § 2 º ,
CP P) . A l é m d is s o , a dec is ã o j ud ic i al dev e a po i ar- s e
em m ot iv os e fu n da m e nt os c o nc r et os , r e l at iv os a fa tos
nov os ou c on t em p or â ne os , d os q u ai s s e po s s a ex tr a ir
o p er ig o q u e a l ib er d ad e p l e na do i nv es t ig ad o o u r éu
r ep r es e nt a p ar a os m e i os ou os f ins d o pr oc es s o pe n al
( ar ts . 3 12 e 31 5 d o C P P) .
2. D e ve , a ind a, f i c ar con c ret a men t e e v id e nci ad o, n a
f o r ma d o art . 28 2 , § 6º , d o C P P , qu e, pr e se nt e s a s
jus t if ic at iv a s qu e a u t or iz a m a cu st ó di a p ro vi só ri a ,
não é suf i c ien t e e ad equ ad a a su a sub st it uiç ão po r
out r a( s) me did a( s) c aut el a r( e s) m eno s in va s iv a s à
lib e rd ad e.
3. A n a tur ez a e a qu an t id a de d e s u bs t â nc i as i líc itas
c ap t ur a d as p el a a ut or i da d e po l ic i a l, e m bor a ev i de nc i-
em a m a ter i a l id a de d e li t iv a e r ev e l em a n ec es s i d ad e
de ac a ut e l am e nt o d a or d e m p ú bl ic a, nã o t ê m o c o n dã o,
por s i s ós , d e ev i d en c i ar o e nv o lv im e nt o d o r éu c o m
or g a n iz aç ã o c r i m in os a .
4. N ã o obs t an te a pr e s enç a d e m ot iv os q ue fac u lt a m o
c ár c e r e pr ev e nt iv o, n ão s e m os tr a m t a is r az õ es bas -
ta nt es , e m j uíz o d e p r op or c i on a l i da d e, p ar a m an t er o
ac us a do s o b o r i gor d a c au te l a p es s o a l ma i s ex tr e m a-
da - s o br et u do à v is ta d a s u a pr i m ar i e d ad e, s e us b o ns
an t ec e d en tes e d a fa lt a d e em pr eg o d e v i o lê nc ia o u
gr av e a m eaç a n a pr át i c a d a s up os ta in fr aç ã o .
5. An t e a cr is e mu nd ia l d o n ov o co ron a ví ru s e, es-
pe ci al me nt e , a m ag nit ud e do pan or a ma n a cion a l,
int er v en çõe s e at it u de s m a is ou s ada s s ão de ma n-
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

dad a s d as a ut o ri dad es , in clu si v e d o Po d er J u d i c iá-


rio . A co nst r iç ão ant e t e mpu s é o ú lt i mo re cu r so a
se r ut i liz ado , d e f o r ma a p r es e r va r a sa úde de t o-
d o s - conf o r me p re s cr e v e a re c ent e Re co men da ç ão
n. 6 2/ 20 2 0 do CN J.

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
13
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.16)

6. O rd em con ce did a, com a co nf i rm a çã o d a li mi na r,


pa ra sub st it ui r a p ri sã o p r e ve nt i va d o p a ci ent e po r
pro vi dê nc ia s c aut e la re s d iv e rs a s, s e m p r ej u íz o do
r es t a be l ec im e nt o da c au t el a m ais o n er os a, s e v io l ad as
as me d i das a l ter n at iv as ou s e s o br ev ier s it uaç ã o qu e
c on f ig ur e s u a ex ig ê nc i a.
( HC 6 14 . 66 7/ S P , Re l. M ini st ro RO G E RIO SC HI E TT I
CR UZ, S E XT A T UR M A, jul ga do em 0 1/ 12 / 20 2 0, D Je
11 / 12 /2 0 20 )

PR O C E S SO P EN A L . HA BE A S CO R P U S. T RÁ FI CO D E
EN TO R P E C ENT E S . P RI S ÃO PR E V EN TI V A. Q U A NTI -
DA D E N Ã O EX A C ER B AD A D E D RO G A A P R E EN DI D A.
RE IT E R AÇ ÃO D EL IT I V A. P A ND E M IA D E C O RO N A V Í-
RU S. PR I M AZI A DAS M E DI D A S C AUT E L AR E S D I-
V ER S A S . PO S S IB I LI D AD E .
1. A v a l id a de d a s eg r eg aç ão c a ut e l ar es t á c on d ic io n a-
da à o bs er v â nc i a, e m dec is ã o d ev i da m e nt e f un d am e n-
ta d a, a os r eq u is it os i n s er t os n o ar t . 31 2 d o Có d ig o d e
Pr oc es s o P en a l, r ev e la n do- s e in d is pe ns á v e l a de-
mo ns tr aç ã o d e e m qu e c o ns is t e o p er ic ul u m l i ber ta t is .
2. Na es péc i e, r e al iz a da a pr is ã o e m fl a gr a nt e, a pr i -
s ão pr ev e nt iv a f o i d e c r et a da e m r az ão d a qu a nt i da d e
da dr og a a pr e e nd i d a - 2, 2 g d e c r ac k - e d a r e it er aç ã o
de l i tiv a .
3. E m r az ã o da a t ua l pa n de m i a de C ov id - 1 9 e a nt e os
r e it er ad os es for ç os d o P o der P úb l ic o p ar a c o nt er a
d is s e m i naç ã o d o n ov o c or o n av ír us , i nc l us iv e n as u n i-
da d es pr is i o na is , es ta C as a e , es p ec i al m e nt e, es t e r e-
l at or v ê m o lh a nd o c o m m en or r i g or p ar a c a s os c o mo o
pr es e nt e, f l ex ib i l iz an d o, p on t ua l m en te , a j u r is pr u d ên -
c i a d o S u pe r i or Tr i b un a l d e J us t iç a n a h i pó tes e de
c r i mes p r a t ic a d os s em v i o lê nc i a ou g r av e a me aç a e/ o u
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

qu e n ã o r ev e l e m, a o me n os n es t e m om e nt o , um a m a i-
or gr av id a de e um a p er ic u l os i da d e ac e n tu a da d os
ag e nt es , c om o é o c a s o d os a ut os , em qu e s e es t á d i-
an t e do c r im e d e t r á f ic o de e nt or p ec e nt es c om a pr e-
ens ã o d e r e duz i da qu a nt i da d e d e dr og a.

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
14
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.17)

4. A ss im , a s pa rt icu l ar id ad es do c as o d e mon st r a m
a suf i ci ên ci a, ad eq ua çã o e p rop or ci on al id ad e da
impo s iç ão d as m ed id as m en os s e ve r a s p r ev i st a s no
ar t . 31 9 , e m at en ç ão ao p r ec ei t o d e p rog r es s iv id ad e
da s c aut el a s di sp ost o n o a rt . 2 8 2, §§ 4 º e 6º , t od os
d o C ód i g o d e P ro c e s so P en al .
5. O rd em c on ced id a, co n f i rm an d o a d e ci s ão l imi n a r ,
par a s u bs ti t ui r a pr is ã o pr ev e n tiv a p or me d i das c au t e-
l ar es d iv er s as a s er e m f ix ad as p e lo J u íz o s i n gu l ar .
( HC 6 0 2. 7 69 /R S , R el . M in ist ro ANTO NI O S ALD AN HA
PA LH E IRO , SE X TA T UR MA , ju lg ado em 1 7/ 1 1/ 20 2 0,
DJ e 0 3/ 1 2/ 20 2 0)

RE CU R SO E M H AB E AS CO R PU S . F AL S IFI CA Ç ÃO DE
DO C UM E NTO , U SO DE DO C U M ENTO F A L SO E
FR AU D E P RO C E S S U A L. PR I S ÃO P R E V EN TI V A. D E-
CR ETO D E VI D A ME N TE MO T I V ADO . R EI TE R AÇ ÃO
DE L ITI V A . M ED ID A S CA UT E L AR E S A LT E R NA TI V A S À
PR I S ÃO . P O S S I BI LI DA D E. P RO PO RC IO NA L ID A DE ,
SU FI CI Ê NC I A E A D EQ UA Ç ÃO .
1. Na e sp é ci e, co n q u an t o o d ec r et o p r is i o n a l t ra ga
mot i v aç ão idôn e a - poi s de st a cou o Juí z o p ro c es-
sa nt e a r e it e r aç ão d e lit iv a do re co r r ent e - , a c u st ó-
dia c aut el a r é p ro v i dên ci a ext r em a qu e , com o t a l,
som ent e d ev e s e r o r den ad a e m c ar át e r e x ce pc ion al ,
conf o r me di s cip li na ex pr e ss a men t e o art . 2 82 , § 6º ,
d o C ó d i g o d e P ro c e s so P en al .
2. As p ar t ic u l ar i d ad es d o c as o , e m es p ec i a l a pr ox i m i-
da d e d o e nc er r am e nt o d a ins tr uç ã o c r im i n a l e a a u-
s ênc i a d e v i o lê nc i a ou gr av e a me aç a à p es s oa na pr á-
tic a d e l it iv a, de m ons tr am a s u fic i ê nc i a , a a d eq u aç ã o e
a pr o p or c io n a li d ad e d a i mp os iç ã o d as me d i das c a ut e-
l ar es a l t er n at iv as a o c ár c e r e .
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

3. R ecu r so em h abe as co rp us p ro vido p ar a sub st i-


t u i r a p r i sã o p re v ent iv a do r e co rr ent e po r m ed id as
alt e rn at i v as à p ri s ão c ons is te n tes e m: a) c om p ar ec i -
me n to e m j u íz o p ar a i nf or mar e j us t if ic ar s u as a t iv id a-
des ; b) pr o i b iç ã o d e a us e n tar- s e d a c o m ar c a s em a u-
tor iz aç ã o j u d ic i a l; c ) pr o i b iç ão d e m an ter c on t at o c om

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
15
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.18)

os c o r r é us ; d) pr o ib iç ão d o ex er c íc io d a ad v oc ac i a. F i-
c a p os s ib i l it a da , a i n da , a a p l ic aç ã o d e o ut r a s c a u te l as
pe l o J u iz d o pr oc es s o o u d e d ec r et aç ã o d a pr is ã o pr e-
v en t iv a e m c as o de d es c u m pr i me nt o de q u a lq u er d as
obr i g aç õ es i mp os t as por f or ç a d as c a ut e l a r es o u de
s up er v e ni ê nc ia de m o tiv os c o nc r et os p ar a t an t o. Pr e -
j ud ic ad a a an á l is e d o p ed i do d e r ec ons i de r aç ã o d a li -
m in ar , for m u la d o às f l s . 44 2 /4 4 4.
( RH C 1 30 .2 2 0/ R S, R el . Mi ni st ro S E BA ST IÃO R E I S
JÚ NIO R, S EX TA TU RM A, ju lg ado e m 2 7/ 1 0/ 20 2 0,
DJ e 2 3/ 1 1/ 20 2 0)

HA BE A S CO R P U S S UB ST ITU TO D E RE C UR SO P RÓ -
PR IO . I N AD EQ U AÇ ÃO D A VI A EL E IT A. TR ÁF ICO I LÍ-
CITO D E E NTO R P EC EN T E S. PR I S ÃO P R E V EN TI V A.
G R A VI DA D E AB S TR A TA . Q U AN TI D AD E E NA TU R EZ A
DO S E NTO R P EC E NT E S Q U E N ÃO S E MO ST R AM S U-
FIC I ENT E S ( 57 G D E CO C A ÍN A , 2 1G D E M AC O N H A, 1
P L ANT A DE M AC O N HA e 2 . 00 0 C Á P S UL A S D E E P-
P EN DO RF V A ZI A S) . PO S SI B I LI DA D E D E SU B S TIT UI-
ÇÃ O D A P RI S ÃO PO R M ED ID A S CA UT E L AR E S DI-
V ER S A S . H A B E A S C O R PU S N ÃO CO NH E CI DO . O R-
DE M CO NC E DI D A D E O FÍC IO .
1. O h ab e as c or pus n ão po d e s er u ti l iz ad o c om o s u bs -
ti t ut iv o d e r ec ur s o pr ó pr io , a f i m d e q u e n ão s e des v ir -
tu e a f i na l i da d e des s a g ar a nt i a c o ns t i t uc i o na l , c o m a
ex c eç ã o d e q u an d o a i l eg a l id a de ap o nt a da é f l ag r a nt e ,
h ip ót es e e m q ue s e c o nc e d e a or d em d e o fíc i o.
2. A pr is ã o pr ev en t iv a é u ma me d id a ex c e pc io n al , d e
na t ur ez a c au te l ar , q u e a ut or iz a o Es ta d o, obs er v a das
as b a l iz as le g ais e d em o ns tr a da a a bs o l ut a n ec es s i-
da d e, r es tr i ng ir a l i be r da d e d o c i d ad ã o a nt e s d e ev e n-
tu a l c o n d en aç ão c o m tr â ns it o em j u l ga d o ( a r t. 5 º, L XI ,
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

L X V, LX V I e ar t. 93 , I X, d a CF) . Par a a pr iv aç ã o des s e


d ir e i to fu n da m e nt a l d a pes s o a h u ma n a é i nd i s pe ns áv e l
a d em o ns tr aç ão d a e x is t ê nc ia d a pr ov a da m at er i a li-
da d e d o c r i me , d a p r e s enç a de i nd íc ios s uf i c i en tes d a
au t or i a e do per i g o ge r ad o p e l o es t a do de l i ber d a de d o
i mp ut a d o, be m c om o a oc or r ênc i a de u m o u ma is

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
16
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.19)

pr es s u p os t os d o ar t i go 3 12 d o C ó di g o d e Pr oc es s o
P en a l.
3. N o c as o , e m bor a o d ec r et o p r ev e nt iv o s e r e fer i u à
qu a nt i da d e d e dr o g a s e nc o n tr a d as , t a l f un d am e nt o
nã o c o nd iz c o m a r e a li d ad e d os au t os , e m qu e fo i
apr e e nd i da q u a nt i da d e qu e , c on q ua n to r az oáv e l, n ã o
po d e s er c o ns i d er a d a ex pr es s iv a, a p o nt o d e s us te n tar
a nec es s id a de d a s eg r eg aç ã o c a u te l ar ( 57 g d e c oc a í-
na , 21 g de m ac o n ha , 1 p l a nt a d e m ac o n h a e 2 .0 0 0
c áps u l as de ep p en d or f v az i as )
4. Po r o u t ro l ad o , n os t e rmo s d o a rt . 2 8 2, § 6 º, d o
Códi go d e P ro c e sso Pe na l, mod if i c ado p el a L ei n .
13 . 96 4/ 2 01 9 , "a pr i sã o pr e ve nt i v a s om ent e se r á d e-
t e rmi n a d a q u an d o n ão f o r c ab ív e l a su a su b st it u i-
çã o p or out r a me did a c aut el a r, ob s er v ado o a rt . 3 19
d e st e Có d ig o , e o n ão c ab im en t o d a s u b st it u i ç ão
por o ut ra me did a ca ut e la r d e ve r á s e r ju s t if i c ado d e
f o r ma f u n d am en t ad a n o s el em en t o s p r e se n t e s d o
ca so co nc r et o , d e f orm a ind iv idu a liz ad a ". De s se
modo , c as o s e v is lu mbr e , co mo n a h ipó t es e do s a u-
t os , a po ss ibi li da d e de a l ca nç a r os re su lt ado s
ac aut e lat ór io s a lm ej ado s po r v ia s m eno s gr a vo sa s
ao ac us ado , el as de v em se r ado t ad a s com o al t e rn a-
t iv a à p ri sã o.
5. Ha b eas c or pus n ã o c o n hec i d o. O rd em con c edi da
de of íc io, p ar a r ev og ar a pr is ã o pr ev en t iv a d o pac i en -
te , s e m pr ej uíz o da i mp os iç ão , a c r i t ér i o do J uíz o a
qu o , das m e di d as c a ut e lar es d iv er s as d a pr i s ão , i nc lu-
s iv e o m on i tor a m en to e le tr ô n ic o.
( HC 6 0 4. 9 66 / S P, R e l. M in ist ro R EY N ALDO SO A R E S
DA F O N S EC A, Q U INT A T UR MA , jul gado em
15 / 09 /2 0 20 , D Je 2 1 /0 9 /2 0 20)
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

15 – Diante do exposto, por este 1º


fundamento, os impetrantes pedem e esperam seja concedida a
ordem de habeas corpus para fazer cessar o constrangimento ilegal
à liberdade de locomoção do paciente decorrente de decisão nula e
ilegal, que decretou sua prisão preventiva sem justificar o não

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
17
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.20)

cabimento de outra medida cautelar alternativa, violando


cabalmente o disposto nos artigos 282, § 6º, 315 e 319, do CPP,
bem como o art. 93, IX, da Constituição da República de 1988.

16 – Caso seja superado o insuperável 1º


fundamento desta impetração – o que só se admite para fins de
argumentação – os impetrantes pedem e esperam a concessão da
ordem por outros 4 (quatro) fundamentos. A saber:

2º FUNDAMENTO DA IMPETRAÇÃO:
Desnecessidade da manutenção da prisão
preventiva. Ciente de sua decretação, o
paciente se apresentou espontaneamente
perante a Autoridade Policial para ser preso.
Não há risco para a aplicação da lei penal.

17 - Uma das premissas que norteou a decisão


de decretação da prisão preventiva do paciente foi a crença do juízo,
no momento do seu deferimento, de que o paciente estava e
permaneceria foragido do distrito da culpa, oferecendo assim um risco à
aplicação da lei penal.

18 – Entretanto, como já esclarecido e


comprovado (vide item “5” acima e DOCs. 04 e 05), o paciente, após se
recompor do choque causado pela situação extrema por ele vivenciada,
tendo tomado conhecimento de que figurava como investigado no
Inquérito Policial e era procurado pelas autoridades, constituiu defensor
e, mesmo ciente de que já havia contra si expedido um mandado de
prisão preventiva, decidiu se apresentar espontaneamente perante a
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Autoridade Policial para ser preso e responder ao referido inquérito e


ação penal.

19 – Desta forma, o comportamento do paciente


demonstrou obj etivamente que ele não oferece nenhum risco à
Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
18
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.21)

aplicação da lei penal, razão pela qual se pede e espera, por este 2º
fundamento, a concessão da ordem de habeas corpus, para cassar a
decisão combatida neste writ.

3º FUNDAMENTO: Não existe risco para a


instrução do inquérito/ação penal. A decisão
que decretou a prisão preventiv a do paciente
está baseada em ilações e conjecturas que
não tem suporte nos fatos apurados no
inquérito policial. Violação do art. 315, §1º,
do CPP.

20 – Além dos argumentos relativos à suposta


intenção do paciente de evadir do distrito da culpa, totalmente afastada
por sua apresentação espontânea, o ilustre magistrado de 1º grau, em
sua decisão, apresentou como argumento para a decretação da prisão
preventiva “o risco de que o representado venha ameaçar as
testemunhas, o que pode inclusive estimular novos confrontos,
principalmente diante da proximidade do pleito eleitoral municipal, o
que, além do risco de verdadeira barbárie, resultaria em prejuízo a
própria instrução do feito e a apuração da verdade real”.

Ora, com a devida vênia que merece o Douto


Magistrado, tais elucubrações não são passíveis de verificação no
inquérito policial, não passando de ilações e suposições que j amais
poderiam servir de fundamento para a decretação de uma prisão
preventiva.

O artigo 315, §1º, do CPP, com as recentes


Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

alterações decorrentes da Lei Federal nº 13.964/2009, estabelece o


seguinte:

Ar t . 3 1 5. A d ec is ão qu e d ec r et ar , s ubs t it u ir ou de n e gar
a pr is ã o pr ev e n tiv a s er á s e m pr e m ot iv ad a e

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
19
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.22)

fu n da m en t ad a. ( R ed aç ão d a da p e la L e i n º 13 .9 6 4,
de 20 1 9)
§ 1º Na m ot i v aç ã o da de c re t a ç ão da p ri sã o
p r ev en t i va o u d e q u al q u er o u t r a ca ut el ar , o j uiz
de ve r á in di ca r con c r et a m ent e a ex is t ên c i a de f at o s
novo s ou co nt e mp or ân eo s q ue ju st if iqu em a
apl i ca ç ão da m ed id a adot ad a.

O referido dispositivo, com sua nova redação,


deixou evidente que é um dever do magistrado “indicar concretamente
a existência de fatos novos ou contemporâneos que justifiquem a
aplicação da medida adotada”, o que não ocorreu na decisão
combatida, já que, data venia, o que se observa é um exercício de
futurologia, que lastreia a decisão em situações hipotéticas que não
foram verificadas na realidade: Já tendo sido ouvidas diversas
testemunhas pela Autoridade Policial, bem como em juízo, não há uma
menção sequer, em qualquer dos depoimentos, sobre qualquer atitude
do paciente no sentido de “ameaçar” testemunhas, “estimular novos
confrontos”, destruir provas ou causar qualquer “prejuízo a própria
instrução do feito e a apuração da verdade real”.

21 – A prova colhida desde o fatídico dia


24/09/2020 vai exatamente no sentido contrário, ou seja, a de que o
paciente não oferece o menor risco à instrução processual e colaborou
ativamente com as apurações, na medida em que apresentou-se
espontaneamente para cumprimento do mandado de prisão preventiva e
prestou declarações, respondendo às perguntas que lhe foram dirigidas
pelas Autoridades Policiais, oportunidade em que relatou ter deixado
seu veículo, onde estavam a arma utilizada e o seu celular, com
instruções expressas para que fossem entregues para a Autoridade
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Policial, o que acabou ocorrendo (DOC. 04).

22 – Não foi por outro motivo que o Delegado


de Polícia Civil, Dr. Renato Mendonça Cardoso, o qual representou
pela prisão preventiva do paciente, ao conceder entrevista coletiva
Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
20
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.23)

à imprensa na noite de domingo, 27/09/2020, perguntado pelo


repórter sobre a necessidade da manutenção da prisão preventiva
do paciente diante de sua apresentação espontânea, afirmou, in
verbis:

“ É o s e gu i nt e : a pr is ão pr ev e nt iv a el a n ã o te m u m
pr az o es p ec í fic o . A g en t e pe d i u a pr is ã o pr ev e nt iv a
de l e por q ue ele es t av a a tr a p a lh a nd o o i níc i o da
i ns tr uç ã o d a inv es t i g a ç ão . A ge n te pr ec is av a d e le a q u i
pr a te r m i n ar o in q ué r i to . A g en te pr ec is av a de o uv ir a
v er s ã o d e le pr a te r m i nar o in q uér i to . E nt ã o a ge nt e
pe d i u a pr is ã o d e le por q u e el e es tav a e m fu g a e a
ge n te pr ec is av a d e o uv ir e l e. E nt ão é o n os s o i nt u it o
na .. . n o pe d id o de pr is ão é t er mi n ar o i nq uér i to c o m
s uc es s o . E a p ar t ir d o m o me n to qu e o i n q uér i to v a i
c onc l us o pr o F ór u m aí já é do e nt e nd i me nt o do
pr o m ot or e d o j u iz s e e le d ev e o u n ã o c o nt i nu ar pr es o .
E t a m bé m há a p os s i b i l id a de d os a dv og a d os da p art e ,
do a ut or , é. .. p ed ir o ha b eas c or p us e aí v a i de p en d er
do en te n d im e nt o d o j u iz l á d o c as o s e v a l e a p en a o u
nã o c onc e der es s e h a be as c or p us , s e e le d ev e o u n ã o
c on t in u ar pr es o . Pr a nó s é .. . ele p r est ou s eu
d ep o im en t o , o in q u ér it o v ai s e r c o n c lu íd o ag o r a,
ent ão va mo s diz e r as s im n ão int er e s s a m ai s a
pri s ão d e le ... ” .
(ht tps :/ /w ww .y ou tu b e. c om /w a tc h ?v = nb q i 3f L Hg 9w & fe a t
ur e= y o ut u. b e: mi n ut o 23 : 38 , gr if o e d es ta q u e n os s o)

23 – Diante do exposto, por este 3º


fundamento - evidente que sob o império dos fatos não há nos autos
do inquérito policial qualquer prova no sentido de que solto o paciente
representaria um risco à instrução da ação penal, ao contrário, as suas
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

atitudes indicam claramente que ele preservou para a entrega às


autoridades uma importante prova (a arma utilizada) e apresentou-se
espontaneamente para colaborar com as investigações - os impetrantes
pedem e esperam a concessão da ordem de habeas corpus, para
imediato restabelecimento da liberdade de locomoção do paciente.
Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
21
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.24)

4º FUNDAMENTO DA IMPETRAÇÃO: Não


existe risco para a ordem pública. A decisão
que decretou a prisão preventiv a do paciente
está baseada em suposições também neste
item. O Paciente tem 60 (sessenta) anos de
convivência na comunidade de Patrocínio
sem qualquer ato de violência registrado. O
fato objeto da inv estigação é isolado na vida
do paciente. A v ida pregressa e todas as
condições pessoais do paciente são
favoráveis e afastam sua periculosidade.

24 – A liberdade do paciente definitivamente não


representa risco à ordem pública.

Ao desenvolver o referido argumento em sua


decisão, o Ilustre Magistrado se utilizou da gravidade do próprio delito,
da “brutalidade e frieza” com as quais o delito teria sido perpetrado
pelo paciente para j ustificar a existência de um abalo na “pacata ordem
pública local”. O MM. Juiz discorreu ainda sobre um suposto “viés
político” do crime pelo fato do paciente ocupar o cargo de Secretário
Municipal de Obras, seu irmão ser o atual prefeito e a vítima pertencer
à oposição e ser candidato a vereador.

25 – Não houve um fato concreto e obj etivo,


diferente do próprio delito apurado, que causasse transtorno ou
preocupação, seja à autoridade policial ou judiciária, seja à população
em geral, ao contrário, o paciente deu uma clara demonstração de que
respeita e acredita no trabalho das autoridades e que manterá uma
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

postura colaborativa com as investigações.

26 - Por outro lado, o irmão do paciente e atual


Prefeito, assim que tomou conhecimento do trágico acontecimento,
exonerou o paciente do cargo (DOC. 06), demonstrando claramente que
Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
22
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.25)

os fatos não tiveram conotação política e não tem nenhuma ligação com
as pretensões do alcaide.

27 - Ademais, o pleito eleitoral municipal j á


passou, tendo transcorrido na cidade de Patrocínio/MG em absoluta
normalidade, sendo que o Prefeito Deiró Moreira Marra, irmão do
paciente, foi reeleito com mais de 60% dos votos válidos.

28 - Desde há muito, este Colendo Superior


Tribunal de Justiça rechaça a possibilidade de que a própria conduta
do acusado sej a utilizada como fundamento da prisão preventiva,
exigindo motivação concreta para justificar a segregação cautelar para
garantia da ordem pública. Em julgado de 2015, decidiu a 5ᵃ Turma
neste exato sentido, consignando que, in verbis:

“ P RO C E S SU A L P E N A L. R EC UR SO O R DI N ÁR IO E M
HA B E A S CO RP U S. T RÁ FI CO DE ENT O R P EC E NT E S.
A S SO C I AÇ ÃO PARA O T R ÁFI CO . PR I S ÃO
PR E V E NTI V A . G A R A NTI A DA O R D EM PÚ B L IC A.
AU S Ê NC I A DE F UN DA M E NT AÇ ÃO . RE CU R SO
O RD IN Á RIO PRO V ID O . I - A pr is ão c a u te l ar d ev e s er
c ons i d er a d a ex c eç ã o, j á q u e, p or m e io des ta m e d id a,
pr iv a- s e o r éu de s eu j us l ib er ta t is an t es do
pr o n u nc i a me n to c on d e na tór i o de f in i t iv o ,
c ons u bs t a nc i a d o n a s en t enç a tr a ns it a da e m j u lg a do . É
por is s o qu e t a l me d id a co ns t r i t iv a s ó s e j us ti f ic a c as o
de m ons tr ad a sua r ea l in d is pe ns ab i l i d ad e p ar a
as s e g ur ar a or d e m pú b lic a , a ins tr uç ã o c r i m in a l ou a
ap l ic aç ã o d a le i p en a l , ex v i d o ar t i go 3 1 2 do C ód i g o
de Pr oc es s o P e na l . A pr is ã o pr ev e nt iv a, por t an t o,
en q ua n to m e d id a d e na t ur ez a c a ut e lar , n ã o po d e s er
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

ut i l iz a d a c o m o i ns tr u me n to d e p un iç ã o a nt ec ip a da do
i nd ic i ad o o u do r éu , ne m p er m it e c o mp l em en t aç ã o d e
s ua f u nd a m en taç ã o p e las ins tâ nc i as s u per i or es ( H C
93 4 98 / M S, S eg u nd a T ur ma , R e l. M i n. Ce ls o de M e l lo ,
DJ e de 18 / 10 /2 0 12 ) . II- N o c as o dos au t o s , a d o ut a
S ub pr oc u r a d or ia-G er a l da R e pú b l ic a m a n if es to u- s e
Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
23
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.26)

fav or av e l m en te ao pr ov i m en t o do r ec ur s o , p or
v is lu m br ar , no p r es en t e c as o, a ex is t ênc i a de
c ons tr an g i me nt o i le g a l, um a v ez q ue " a us e nt es
fu n da m en t os i d ôn e os par a a d ec r et aç ão da pr is ão
pr ev e nt iv a da r ec or r en t e, d ev e e l a s er r ev o g a da" ,
r eq u er en d o, ao f i n al , " s ej a m a p l ic a d as à d en u nc ia d a,
or a r ec or r en t e, m ed i d as c a u te l ar es d iv er s as da pr is ão ,
a s er e m d et a lh a das p e lo J u íz o p er an t e o q ua l tr am i ta
a aç ã o p en a l" ( f ls . 1 66 / 16 7, e- STJ ) . II I - O d e cr et o
que imp ôs a p r is ã o pr e ve nt i v a à pa c ien t e n ão
ap re s ent a a d e vid a f unda m ent aç ão , u ma vez qu e a
si mpl e s in voc a çã o da gr a vid ad e ge né r i ca ou d a
re pe r cu ss ão so c ia l do d eli t o n ão se r e ve la
suf ic ie nt e pa r a aut o r iz a r a s eg r eg aç ão c a ut e la r c o m
fu n da m en t o n a g ar a nt i a d a or de m p úb lic a e a pl ic aç ão
da l e i p en a l. R ec u r s o or d i n ár io pr ov i do p ar a r ev og ar a
pr is ã o pr ev e nt iv a dec r et a da e m d es fav or d a r ec o r r e nt e ,
s a lv o se por ou tr o m ot iv o es t iv er pr e s a, e s em
pr e j uíz o da d ec r e t aç ão d e n ov a pr is ão , des d e q u e
c onc r e ta m en t e f un d a me n ta d a, de t er m i n an do q ue o
j uíz o de pr i m ei r o gr au a p l iq u e, c o m o e n te n der d e
d ir e i to , a l g um a das me d i das c a ut e lar es d iv er s as d a
pr is ã o, pr ev is t as n o ar t . 3 19 do Có d i go d e Pr oc es s o
P en a l.” ( STJ . RH C 5 50 7 0/ M S R EC UR SO O RD IN A RIO
EM HABEAS CO R P US 2 01 4/ 0 3 36 0 72- 9 . R e l at or ( a) :
M in is tr o F E LI X F I SC H ER ( 1 1 0 9) . Ó r g ã o J ul ga d or : T5 -
Q UI NT A T UR M A. Da ta do J u l ga m en t o: 1 0/ 0 3/ 20 1 5.
Da ta da Pu b l ic aç ã o/F o nt e: DJ e 2 5/ 0 3/ 2 01 5)

29 – Quanto à pessoa do paciente JORGE


MOREIRA MARRA, sua vida pregressa aponta claramente para o fato
de que se trata de um cidadão honesto, trabalhador, um pai de família
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

que sempre colaborou para o desenvolvimento da comunidade


patrocinense. O triste e lamentável ocorrido é um fato isolado na vida
do paciente, que jamais se envolveu em qualquer outro ato de violência,
não podendo, portanto, ser considerado como um “agente” de alta
periculosidade.

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
24
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.27)

29.1 – O paciente, como dito, se apresentou


espontaneamente para cumprimento do mandado de prisão preventiva
existente em seu desfavor (DOC. 05).

29.2 – O paciente é natural de Patrocínio/MG,


nascido em 18/02/1960, sendo civilmente identificado e idoso, conforme
pode ser aferido pela cópia de sua Carteira de Identidade anexa
(DOC.07).

29.3 – O paciente tem residência fixa na


Fazenda Santo Antônio, localizada na Estrada Rural Patrocínio
Buqueirão, Km 8 PTC 0382, conforme faz prova o comprovante de
residência em nome do paciente em anexo (DOC.08).

29.4 – O paciente tem fortes vínculos e raízes


no local de residência, onde é produtor rural (DOC. 09), associado ao
Sindicato Rural de Patrocínio (DOC. 10), foi Vice-Prefeito Municipal e,
até o ocorrido, exercia a função de Secretário Municipal de Obras do
município (DOC. 06).

29.5 – O paciente é primário e possui bons


antecedentes, conforme comprovam sua CAC e FAC (DOC. 11)

30 – Diante do exposto, demonstrado que a


liberdade do paciente não representará qualquer risco à ordem pública
da sociedade de Patrocínio/MG, seja pela vida pregressa, seja pelas
condições subjetivas totalmente favoráveis, por este 4º fundamento,
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

espera-se seja concedida a ordem por este Colendo STJ para cassar a
decisão combatida neste writ.

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
25
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.28)

5º FUNDAMENTO DA IMPETRAÇÃO: Paciente


idoso e com condições de saúde frágeis
(diabético, hipertenso, portador de carcinoma
nos rins). Pandemia de COVID-19.
Observância da recomendação nº 62 do CNJ.
Adequação e suficiência de medidas
cautelares diversas da prisão previstas no art.
319, do CPP.

31 – Além da patente ilegalidade do decreto de


prisão preventiva, existem outras circunstâncias agravam a situação,
eis que o paciente, além de ser idoso, possui condições de saúde muito
frágeis, que tornam especialmente temerária a manutenção do seu
recolhimento ao sistema prisional.

32 - Conforme Termo de Declarações prestado


pelo paciente perante a Delegacia de Polícia em Patrocínio no dia
27/09/2020 e conforme os exames, relatório e receituário médicos
anexos (DOCs. 12, 13 e 14 respectivamente), constata-se que JORGE
MOREIRA MARRA é portador de câncer de rim (CARCINOMA DE
CÉLULAS RENAIS DO TIPO CELULAS CLARAS), além de ser
diabético e hipertenso, estando em tratamento contínuo e uso de
medicação regular.

33 – As condições de saúde desfavoráveis e o


fato do paciente ser idoso revelam, de forma inequívoca, a temeridade
de seu encarceramento cautelar, mormente tratando-se de cidadão
trabalhador, cuja liberdade não causará qualquer perturbação às
investigações ou à ordem pública. Entretanto, caso este Colendo STJ
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

entenda não ser possível o restabelecimento pleno da liberdade de ir e


vir do paciente – o que só se admite para fins de argumentação - os
impetrantes pedem e esperam, subsidiariamente, a concessão da ordem
para substituição da prisão preventiva por medidas cautelares
alternativas à prisão, previstas no art. 319, do CPP.
Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
26
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.29)

34 - Isto porque, nos últimos meses, em virtude


da decretação pela Organização Mundial da Saúde da pandemia de
COVID-19, as condições do paciente, pelos parâmetros definidos pelas
órgãos de saúde, comprovam que ele pertence a um grupo de alto
risco em relação à pandemia, sendo um dado público e notório que a
infecção por coronavírus se comporta de modo parecido a uma gripe
comum (que é causada por outro vírus, o influenza), mas sua
disseminação se mostra mais rápida e, especialmente letal, na
população acima dos 60 anos e/ou portadora de problemas crônicos de
saúde, como a diabetes e a hipertensão arterial.

34 – Pelos motivos acima elencados, há


determinação expressa do CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA – CNJ,
presente na Recomendação nº 62, de 17 de março, de 2020, de que,
além da reavaliação da necessidade de manutenção de prisões
provisórias a cada 90 (noventa) dias, os m agistrados considerem a
revogação das prisões provisórias de todas as pessoas idosas e/ou
pessoas que se enquadrem no grupo de risco da COVID-19, in verbis:

“ Ar t. 4º R ec o m en dar a os m a g is tr a dos com


c om p et ê nc ia p ar a a fa s e d e c on h ec im e nt o c r i mi n a l q u e,
c om v is t as à r e d uç ã o dos r is c os ep i d em i o ló g ic os e em
obs er v â nc i a ao c on t ex t o l oc a l d e d is s e m in aç ão do
v ír us , c o ns i d er em as s eg u i nt es m ed i d as :
I – a r e av a l i aç ã o d as pr is õ es pr ov is ór i as , nos t er m os
do ar t . 3 16 , do Có d ig o de Pr oc es s o P e na l ,
pr ior iz a nd o-s e:
a) m u lh er es g es t an t e s , lac t an t es , m ã es o u p es s o as
r es p o ns áv e is p or c r i anç a d e at é d oz e a nos o u p or
pes s o a c o m de f ic iê nc i a, as s i m c o m o i dos os , i n dí g en as ,
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

pes s o as c o m d ef ic i ê nc ia ou qu e s e en q ua dr e m n o
gr u p o d e r is c o;
b) p es s oas pr es as e m es ta b e lec i m en tos pe n a is q ue
es t e ja m c o m oc u paç ã o s u per i or à c a p ac id a de , q ue nã o
d is p o nh a m de e q u ip e de s a ú de l ot a da no
es t a be l ec im e nt o, q u e es t e ja m s o b or d e m de i nt er d iç ã o,

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
27
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.30)

c om m e di d as c a u te l a r es d e ter m i na d as p or ór g ã o d o
s is t e ma d e j ur is d iç ã o i nt er n ac i on a l, o u q u e d is p o nh a m
de ins t al aç ões qu e f a v or eç a m a pr o pa g aç ã o d o nov o
c or o n av ír us ;
c ) pr is ões pr ev e nt iv a s q ue t e nh a m ex c e d i do o pr az o
de 90 ( n ov e nt a) di as o u q u e es te j a m r e l a c i on a das a
c r i mes pr a t ic a d os s e m v i o lê nc i a ou gr av e a m eaç a à
pes s o a;”

35 – Ora, é perfeitamente viável para “proteção”


da ordem pública conjugar os requisitos essenciais da necessidade
(para assegurar a aplicação da lei penal ou por conveniência da
instrução criminal ou para evitar a prática de infrações penais) e da
adequação (à gravidade do crime, às circunstâncias do fato e às
condições pessoais do acusado) determinando, por exemplo, o
cumprimento cumulativo de algumas das medidas cautelares previstas
nos incisos I a V do art. 319 do CPP, que são inequivocamente
adequadas e suficientes à situação do paciente, a saber:

I - c o m p ar ec i m en t o pe r i ód ic o e m j u íz o , n o p r az o e n as
c on d iç ões f ix ad as p e l o j uiz , p ar a in f or m ar e j us t if ic ar
at iv i da d es ;
II - p r o i b iç ã o de ac es s o o u fr e qu ê nc ia a d e ter m i na d os
l ug ar es qu a nd o , por c ir c u ns t â nc i as r e l ac i on a das a o
fa to , d ev a o in d ic i ad o ou ac us a do p er m an ec er d is t a nt e
des s es l oc a is pa r a ev i tar o r is c o de nov as i n fr aç õ es ;
III - pr o ib iç ão de ma nt er c on t at o c om p es s o a
de t er m i n ad a q u an d o, por c ir c uns t ânc i as r e l ac io n ad as
ao f a to , d ev a o i nd ic i a do ou ac us a do de l a p er ma n ec er
d is t an t e;
IV - pr o i b iç ã o de aus en t ar- s e da Co m ar c a q u an d o a
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

per m a nê nc ia s ej a c o nv e n i en te o u n ec es s ár ia pa r a a
i nv es t ig aç ão o u i ns tr u ç ão ;
V – r ec o l hi m e nt o d o m ic i li ar n o p er í o do n ot u r no e nos
d ias de f o l ga qu a nd o o i nv es t i ga d o o u ac us ad o t e nh a
r es id ê nc ia e tr a ba l h o f ix os ;

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
28
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.31)

36 – Diante do exposto, sej a pela condição de


idoso ou pelas condições frágeis de saúde, por este 5º fundamento, os
impetrantes pedem e esperam, subsidiariamente, a concessão da ordem
para substituir a prisão preventiva por medidas cautelares alt ernativas
à segregação cautelar, nos termos dos artigos 282, I, II e §6º, e 319,
ambos do CPP.

III – PEDIDO DE LIMINAR

37 – Os requisitos excepcionais autorizadores


da concessão de liminar estão cristalinamente presentes no caso
concreto.

37.1 - O fumus boni iuris é aferív el diante


plausibilidade jurídica do pedido alicerçada em forte base legal (art.
282, § 6º, CPP), jurisprudencial e doutrinária, sendo inequívoco que
(i) a prisão prev entiva somente pode ser decretada se nenhuma das
outras medidas cautelares alternativas à prisão for adequada e
suficiente, sendo nula e ilegal a decisão que não justifica o não
cabimento destas medidas em detrimento da segregação cautelar, e
(ii) os fundamentos utilizados para justificar a decretação da prisão
preventiva de JORGE MOREIRA MARRA não encontram respaldo
fático, processual e legal, a saber:

a) não há justificativa para a não adoção de


medidas cautelares alternativas à prisão
preventiva, que só deve ser decretada, em
último caso, quando não for possív el aplicar
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

aquelas (art. 282, § 6º, CPP);

b) Não existe risco para a aplicação da lei penal


na medida em que o paciente se apresentou
espontaneamente para ser preso e prestar
Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
29
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.32)

declarações;

c) Não há fato concreto a sustentar as ilações


do magistrado de 1º grau quanto à existência de
supostas “ameaças a testemunhas” ou intenção
de “causar tumultos”, portanto, inexiste qualquer
fundamento para a decretação da prisão
preventiva por risco à instrução da ação penal;

d) A jurisprudência não admite que a própria


narrativa da conduta objeto da acusação - com
suas consequências intrínsecas ao tipo penal (a
morte no homicídio por exemplo) - sej a erigida
como fundamento para segregação cautelar por
perturbação da ordem pública;

e) A gravidade do crime não é admitida nem


pela jurisprudência, nem pela doutrina, como
fundamento para a decretação de prisão
preventiva para garantia da ordem pública,
sendo imprescindível a indicação de fatos
concretos que vinculem o paciente à
perturbação da ordem pública;

f) o pleito eleitoral municipal já ocorreu, sem


qualquer incidente, tendo o irmão do paciente
sido reeleito com ampla maioria de votos,
denotando que o fato não abalou a comunidade;
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

g) a instrução criminal, iniciada em audiência


realizada em 26/11/2020, será encerrada em
audiência prevista para 15/12/2020, na comarca
de Patrocínio/MG, na mais absoluta normalidade;

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
30
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.33)

h) As condições pessoais totalmente favoráveis


do paciente e sua vida pregressa, afastam a
alegação de sua periculosidade;

i) As condições frágeis de saúde do paciente


(câncer, diabetes e hipertensão), o fato de ser
idoso e a existência de uma pandemia de
COVID-19, indicam a pertinência, a adequação e
suficiência da aplicação de medidas cautelares
alternativas à prisão, caso não sej a plenamente
restabelecido seu status libertatis, como se
pede e espera.

A segregação cautelar do paciente é, repita-se,


desnecessária, drástica e cruel, especialmente por tratar-se de cidadão
idoso, com profissão definida, residência fixa, com fortes vínculos e
raízes no distrito da culpa, além de padecer de situação de saúde
desfavorável, especialmente em meio a uma pandemia de COVID-19.

37.2 – Já o periculum in mora é evidente eis


que o cumprimento do mandado de prisão preventiva materializou o
constrangimento ilegal à liberdade de locomoção do paciente, que
está PRESO desde 27/09/2020, quando se apresentou
espontaneamente perante a Autoridade Policial, que, frise-se,
afirmou textualmente que sua prisão não mais interessava às
investigações. Não se pode, nas circunstâncias postas, mormente
diante da ilegalidade manifesta da decisão, aguardar-se o
julgamento de mérito deste Habeas Corpus ou do Recurso
Ordinário de Habeas Corpus interposto perante o TJMG, para fazer
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

cessar o constrangimento ilegal á liberdade de locomoção do


paciente. Estamos às vésperas do recesso. Urge, portanto, que a
legalidade seja restabelecida a parti r da concessão de liminar pelo
Ministro Relator.

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
31
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.34)

38 – Diante de tal quadro, invoca-se, ainda, o


princípio constitucional fundamental da dignidade da pessoa humana
(art. 1º, III, da Constituição da República de 1988).

39 – Estas as razões pelas quais se pede e


espera ao Douto(a) Ministro(a) Relator(a) deste Colendo Superior
Tribunal de Justiça, em caráter excepcional e de máxima urgência,
que, diante da ilegalidade manifesta da nula decisão mantida pelo
TJMG, seja concedida liminar para suspender a eficácia da decisão
que decretou a prisão preventiva, expedindo alvará de soltura em
favor do paciente, com ou sem a imposição de medidas cautelares
alternativas à prisão, assumindo o mesmo o compromisso de
comparecimento a todos os atos do processo.

IV – PEDIDO FINAL

40 – Em face de todo o exposto, os impetrantes,


confiados na sabedoria, serenidade e prudência do ínclito Ministro(a)
Relator(a) e de seus doutos Pares, integrantes da respectiva Turma
deste Colendo STJ, após o exame e concessão da liminar, como se
espera, requerem:

a) Sejam colhidas as informações da Autoridade


Coatora;

b) Sej a colhido, em seguida, o parecer da douta


Procuradoria-Geral da República;

c) E, afinal, seja concedida a ordem


Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

impetrada, ratificando-se a liminar, para cassar-se o acórdão


proferido pelo TJMG nos autos do Habeas Corpus nº 5451586-
88.2020.8.13.0000, bem como a nula e ilegal decisão do magistrado
de 1º grau proferida nos autos do Inquérito Policial nº 0035378-
94.2020.8.13.0481, da Vara Criminal da Comarca de Patrocínio/MG,
Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
32
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.35)

que decretou a prisão preventiva do paciente, assegurando-se a


JORGE MOREIRA MARRA o direito de responder à ação penal em
liberdade (cumulada ou não com alguma outra medida cautelar
diversa da prisão prevista no art. 319 do CPP), assumindo o
compromisso de comparecer a todos os atos processuais para os
quais for intimado.

V – PEDIDO DE CIÊNCIA DA SESSÃO DE


JULGAMENTO DA RESPECTIVA TURMA

41 – O primeiro impetrante pretende fazer


sustentação oral na Sessão de Julgamento perante a Egrégia Turma
deste Colendo Superior Tribunal de Justiça, razão pela qual requer
expressamente seja cientificado da inclusão em pauta deste habeas
corpus, por ocasião da sessão da respectiva Turma destinada ao
seu julgamento, seja através do Gabinete do(a) Ministro(a) Relator(a),
seja pela respectiva Secretaria da Turma, por qualquer meio de
comunicação, com a antecedência mínima para viabilizar o
comparecimento e a realização de sustentação oral, invocando para o
acolhimento deste pedido a garantia constitucional da ampla defesa,
bem como a orientação consagrada no SUPREMO TRIBUNAL
FEDERAL através de seu Regimento Interno, aqui invocado por
analogia, dada a semelhança de situação processual: Art. 192 –
Parágrafo Único – A: “... o impetrante do habeas corpus poderá
requerer seja cientificado pelo Gabinete, por qualquer via, da data do
julgamento” (Emenda Regimental n o 17/06 do RI/STF).

Para tanto, o 1º impetrante informa: a) o


telefone do seu escritório profissional: (31) 3282-5000; b) o seu
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

endereço eletrônico: sergio@marceloleonardo.com.br; c) o seu telefone


celular: (31) 99950-8070.

Nestes termos, pedem deferimento.

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
33
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.36)

De Belo Horizonte para Brasília, 14 de dezembro de 2020.

SÉRGIO R. LEONARDO
OAB/MG nº 85.000

ROGÉRIO M. LEONARDO BATISTA


OAB/MG 93.779

CAROLINA L. R. LEONARDO
OAB/MG 98.800

MARCELO DE SIQUEIRA ZERBINI


OAB/DF 44.55
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Belo Horizonte|MG: Av. Afonso Pena, 4.100, 11º andar, Mangabeiras, CEP 30.130-009. Tel. +55 (31) 3282-5000
São Paulo|SP: Rua Padre João Manuel, 755, Cj. 152, Jardins, CEP 01.411-001. Tel. +55 (11) 3896-1777
Brasília|DF: SHIS, QI 07, Conjunto 1, Casa 6, Lago Sul, CEP 71615-210. Tel. + 55 (61) 3226-3035
34
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.37)

POLÍCIA DELEGACIA REGIONAL DE POLÍCIA CIVIL/10° DPC


CIVIL Av. FARIA PEREIRA, 3517, Bairro São Cristóvão, CEP 38.740.512 — (34) 3831-1432

MINAS GERAIS PATROCÍNIO

IP n. 9930924
REDS: 2020-046358198-001
INCIDÊNCIA: Art. 121, § 2°, II e IV do CP.
INVESTIGADO: JORGE MOREIRA MARRA
VITIMA: CÁSSIO REMIS SANTOS

A Polícia Civil do Estado de Minas Gerais, pela Autoridade Policial

que esta subscreve, com fulcro no artigo 144 §4 2 da Constituição da

República de 1988 e artigos 69, 13, 311 e seguintes do Código de

Processo Penal, vem, com a devida vênia, à presença de Vossa

Excelência REPRESENTAR pela medida cautelar de

PRISÃO PREVENTIVA. QUEBRA DE ANTENA (ERB) eQUEBRA DE SIGILO BANCÁRIO

Em desfavor de JORGE MOREIRA MARRA, RG 1794091, inscrito no CPF

sob o n. 2 321.140.606-91, filho de Terezinha Moreira Marra e João

Marra, nascido no dia 18/02/1960, residente na Rua Martins Mundim,

497, Centro, Patrocínio — MG, pelos fatos e fundamentos abaixo

delineados

FATOS:

Instaurou-se, na presente data, com base no boletim de ocorrência de

número 2020-046358198-001, Inquérito Policial visando apurar a

prática, em tese, do crime de homicídio qualificado praticado em face


Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

da vítima CÁSSIO REMIS SANTOS.

Conforme narrado no documento noticiador dos fatos, a polícia militar

fora acionada, reportando o solicitante que a vítima havia sido

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.38)

POLÍCIA DELEGACIA REGIONAL DE POLÍCIA CIVIL/10° DPC


CIVIL Av. FARIA PEREIRA, 3517, Bairro São Cristóvão, CEP 38.740.512 —(34) 3831-1432

MINAS GERAIS PATROCÍNIO

atingida por disparos de arma de fogo em frente a Secretaria de Obras

da Prefeitura Municipal de Patrocínio.

Chegando ao local dos fatos, verificaram que CÁSSIO já não

apresentava sinais vitais, sendo acionadas a equipe do SAMU e a

perícia criminal, bem como providenciando o devido isolamento do

local.

Iniciadas as diligências a fim de apurar o ocorrido, procederam ao

levantamento de imagens capturadas por circuito de segurança, assim

como entrevistas as testemunhas presenciais do ocorrido.

Narraram as testemunhas GABRIEL MOTA RIBEIRO, ARMANDO DA

SILVA, JOSÉ RICARDO LUCAS DE LIMA e NELSON CRISPIM que após

desentendimento inicial entre autor e vítima, no qual o autor tomou o

celular de CÁSSIO, em razão dele estar filmando supostas irregulares

praticadas pela Administração Municipal, a vítima seguiu o autor até

a secretaria municipal de obras, no intuito claro de recuperar seu

telefone, conforme gravado por câmeras, sendo que, a todo momento,

o autor tentava quebrar o aparelho de telefone celular da vítima.

Na Secretaria de Obras, enquanto CÁSSIO era dissuadido de seu

intento de recuperar seu telefone por servidores da prefeitura que

estavam no local, o autor se aproveitou para entrar na sua

caminhonete TOYOTA/HILUX e se munir de arma de fogo do tipo

revólver, calibre 38, disparando, em seguida, ao menos, cinco disparos

contra a vítima, que tentou correr, vindo a ser atingida,


Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

primeiramente, nas costas.

Disseram ainda que após a vítima cair, o autor ainda continuou

efetuando disparos, empreendendo fuga em seguida no veículo Toyota

Hillux, não sendo até o momento encontrado.

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.39)

POLÍCIA DELEGACIA REGIONAL DE POLÍCIA CIVIL/10° DPC


CIVIL Av. FARIA PEREIRA, 3517, Bairro São Cristóvão, CEP 38.740.512 —(34) 3831-1432

MINAS GERAIS PATROCÍNIO

Por todo o exposto, tendo em vista que JORGE MARRA, após o cometimento do crime,

evadiu do distrito da culpa, encontrando-se em local incerto e não sabido, nota-se

imprescindível adecretação de sua prisão preventiva, assim como aquebra da ERB de seus

aparelhos telefônicos esigilo bancário, afim de obter com êxito sua localização.

Nessa toada, como oautor fugiu com ocelular da vítima em seu poder, aproveita oensejo

para também pedir aquebra de ERB do terminal da vítima.

DOS FUNDAMENTOS JURÍDICOS

Por tudo que foi levantado, restam presentes os pressupostos do Fumus Comissi Delicti,

bem como do Periculum Libertatis, além de se amoldar nos demais requisitos constantes do

artigo 312 e313 do Código de Processo Penal, sendo que aprisão preventiva do autor se

dará para garantia da aplicação da lei penal.

Isto porque, afuga do investigado do distrito da culpa, após o cometimento do delito, é

fundamentação suficiente aembasar adecretação da custódia preventiva, ordenada para

garantir aaplicação da lei penal.

Com efeito, o Superior Tribunal de Justiça tem reiteradamente

decidido que "a fuga do distrito da culpa, comprovadamente

demonstrada nos autos e que persiste, constitui fundamento idôneo a

ensejar a decretação da segregação cautelar, pois revela a intenção

do acusado de não colaborar com a instrução criminal".


Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Assim entendendo vossa Excelência, desde já solicita-se que seja

expedido o respectivo mandado, com o fim de se dar o mais célere

cumprimento possível.

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.40)

Sã_
POLÍCIA DELEGACIA REGIONAL DE POLÍCIA CIVIL/10° DPC
CIVIL Av. FARIA PEREIRA, 3517, Bairro São Cristóvão, CEP 38.740.512 —(34) 3831-1432

MINAS GERAIS PATROCÍNIO

Frise-se, por oportuno, que os números de telefone indicados são de

conhecimento público e notório de que pertencem a autor e vítima.

Também estão presentes os requisitos do artigo 52, inciso VI, da

CRFB/88, bem como do artigo 3°, inciso I, da Lei n.° 9.296/96, logo,

representa-se pela quebra de sigilo telefônico do autor e vítima, no

intuito de localizar o paradeiro do autor de crime cruel e de grande

repercussão, sendo, ainda, a presente quebra, importante instrumento

a serviço da investigação, considerando as circunstâncias do fato e a

necessidade da investigação.

Por fim, representa-se pela quebra de sigilo bancário do autor, pois o

mesmo pode utilizar seu cartões para financiar sua fuga do distrito da

culpa, conform artigo 1°, §42, da LC 105/2001.

DO PEDIDO:

Ante o exposto, REPRESENTA

1 - Pela concessão de medida cautelar de PRISÃO PREVENTIVA, com a

expedição dos respectivos mandados, em desfavor JORGE MOREIRA

MARRA, RG 1794091, CPF 321.140.606-91, filho de Terezinha Moreira

Marra e João Marra, nascido no dia 18/02/1960, residente na Rua

Martins Mundim, 497, Centro, Patrocínio — MG.

2 — QUEBRA DA ERB determinando às operadoras VIVO e CTBC que comuniquem a

Identificação elocalização, em tempo real, das ERB's utilizadas pelos terminais alvos, saber,

linhas (34) 98882-0120 e(34) 98882-0653 —operadora CTBC; (34) 99984-5874— operadora
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

VIVO; e(34) 9.9981-6988.

3—QUEBRA DO SIGILO BANCÁRIO de JORGE MOREIRA MARRA CPF do n° 321.140.606-91

ante a possibilidade de sua localização, mediante verificação das localidades em que

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.41)

POLÍCIA DELEGACIA REGIONAL DE POLÍCIA CIVIL/10° DPC


CIVIL Av. FARIA PEREIRA, 3517, Bairro São Cristóvão, CEP 38.740.512 — (34) 3831-1432

MINAS GERAIS PATROCÍNIO

utilizados seus cartões de crédito, tendo em vista indispensabilidade da medida, com fulcro

no art. 1°, §42,da Lei Complementar 105/2001

Caso o pedido de quebra de sigilo bancário seja deferido, requer a

expedição de ofício ao Gerente do Banco em que o investigado possui

conta, após pesquisa a ser efetiva por este juízo, para que sejam

fornecidos, imediatamente, sob pena de incorrer no crime de

desobediência, os extratos de movimentação financeira das contas

(corrente/poupança) objeto desta representação, a partir desta data.

Solicito, ainda, que todas as informações solicitadas sejam encaminhadas arquivos de PDF e

também nas planilhas de EXCEL ao seguinte e-mail: matias.moreira@policiacivil.mg.gov.br.

Requeiro que se digne Vossa Excelência espeça ALVARÁ AUTORIZATIVO às empresas de

telefonia TIM, VIVO, 01, CTBC, NEXTEL eCLARO para que forneçam os extratos solicitados.

Assim entendemos serem essas medidas necessárias ao deslinde da investigação levada a

efeito nestes autos, consistindo medida de extremada necessidade, não havendo outra

forma de terminarmos as nossas trabalhos, visando dar resposta àaltura do dano cometido

epara que, ao final, seja efetivada aJustiça no caso em concreto.

Nesses termos, pede deferimento.

Patrocínio, 25 de setembro de 2020.

Valt ndré Biscarj alvi no


Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

elegado Regional de Policia


MASP 1188730-4

Rn o en o ` deÉd`'oso
j -

egado de Polícia
Masp 1478982-0

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.42)

MINISTERIO PUBLICO DO EST ADO DE MINAS GERAIS


48 Promotoria de Justir;a da Comarca de Patrocinio-MG

Autos n°. 0035378-94.2020


Inq uerito Policial no. 9930924
Origem: Policia Civil do Estado de Minas Gerais
Investigado: Jorge Moreira Marra
Vara Criminal da Comarca de Patrocinio- MG

r MM. Juiz,

Cuida-se de inquerito policial instaurado para apurar a pratica do suposto crime de


homicidio qualificado, previsto no art. 121, incisos II e IV, do C6digo Penal, praticado, em tese,
pelo investigado, Jorge Moreira Marra, em face da vitima, Cassio Remis Santos.

Segundo consta do boletim de ocorrencia juntado as tls. 03/13, no dia 24 de


setembro de 2020, por volta de 15h20min, a policia militar foi acionada com noticia de que estava
ocorrendo urn atrito verbal entre a vitima, Cassio Remis Santos, e Jorge Moreira Marra, ocasiao
em que Jorge se apoderou do aparelho celular de Cassio. Logo em seguida, os policiais militares
foram informados que Cassio havia sido atingido com disparos de arma de fogo em frente a

r Secretaria Municipal de Obras. Ao chegarem no local, a policia militar constatou que a vitima,
Cassio Remis Santos, tinha sido atingida com cerca de 5 (cinco) projeteis de arma de fogo e ja
estava sem vida. Ainda no local, as testemunhas presenciais afirmaram que o autor dos disparos era
o secretario municipal de obras, Jorge Moreira Marra, o qual ja tinha se evadido do local em fuga
na posse do celular da vitima.
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Testemunhas presenciais foram formalmente ouvidas as tls. 15/35, ocasiao em


que narraram as circunstancias dos fatos e confirmaram a autoria do investigado, Jorge Moreira
Marra, esclarecendo, ainda, que o conflito entre o autor e a vitima ra dec
politica e da disputa eleitoral que ja estava se iniciando.

l/5

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.43)

MINISTERIO PUBLICO DO EST ADO DE MINAS GERAIS


48 Promotoria de Justi~a da Comarca de Patrocinio-MG

As tls. 49/53, a autoridade policial formulou representa~ao pela prisao


preventiva do investigado, pela guebra de sigilos de dados telefonicos dos terminais do autor e da
vitima, para identifica~ao e localiza~ao das ERB's, em tempo real, bern como pela guebra de sigilo
bancario de todas as contas de titularidade do investigado, visando o fomecimento do extrato de
movimenta9ao financeira com a informacao do local onde utilizados cartoes de creditos ou
efetuados eventuais sagues.

r Em seguida, os autos vieram com vista ao Ministerio Publico.

E o breve relato do feito.

DA PRISAO PREVENTIV A

0 pedido para a decreta~ao da prisao preventiva merece prosperar, uma vez que
os indicios colhidos nos autos revelam, com suficiencia, a autoria do investigado, Jorge Moreira
Marra.

Conforme os depoimentos colhidos, em especial as declara~oes das testemunhas


presenciais, o investigado, Jorge Moreira Marra, foi o autor do crime de homicidio praticado
contra a vitima, Cassio Remis Santos, supostamente, motivado por conflitos decorrentes de

r disputa eleitoral. Impende frisar que, conforme consta dos autos, o investigado, Jorge Moreira
Marra, ocupava o cargo de secretario municipal de obras, sendo, ainda, irmao do atual prefeito
municipal, que ja divulgava sua pretensao a reelei9ao no proximo pleito eleitoral. Por sua vez, a
vitima, Cassio Remis Santos, era ex-vereador municipal e se apresentava, novamente, como pre-
candidato ao cargo do legislativo municipal.

Consta, ainda, consoante se extrai das declara9oes da testemunha presencial


Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Gabriel Mota Ribeiro, ouvido a fl. 33, que, no dia dos fatos, a vitima estava fazendo uma filmagem
transmitida ao vivo pelas suas redes sociais ("live"), onde mostrava obras, supostamente, ilegais
realizadas pela prefeitura municipal, momenta em que o investigado,
chegou ao local e, tornado por agressividade, se apoderou do aparelho c lular da itima e saiu do
local, se dirigindo ate a sede da secretaria municipal de obras. Nesse ins nte, a viti a foi atras do

2/5

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.44)

MINISTERIO PUBLICO DO EST ADO DE MINAS GERAIS


48 Promotoria de Justi~a da Comarca de Patrocinio-MG

investigado e, chegando no local, ap6s uma discussao verbal, foi surpreendida com disparos de arma
de fogo que causaram sua morte ainda no local dos fates. Logo ap6s, o investigado, Jorge Moreira
Marra, evadiu-se em fuga, nao sendo localizado pela polfcia militar.

Diante destas circunstancias, resta patente que o crime apurado neste feito causou
INTENSA COMOCAO SOCIAL, neste municipio e regiao, inclusive com REPERCUSSAO
NACIONAL, sendo noticiado nos principais veiculos jomalisticos do pais, pois alem de

r envolverem pessoas publicas, foi PRATICADO EM DECOR.RiNCIA DE RIV ALIDADE


POLiTICA E DISPUT A ELEITORAL. Frise-se, ainda, que, conforme prints acostados as fls.
43/45, as armas de fogo encontradas em nome do investigado estavam com os registros vencidos
desde o anode 2013, sem informa~ao de que possuia autoriza~ao para o porte, havendo, portanto,
indicios de que Jorge Moreira Marra portava, ilegalmente. o revolver utilizado no crime.

Nesses termos, as circunstancias concretas do delito retratado denotam a


necessidade de decreta~ao da prisao cautelar do investigado, Jorge Moreira Marra, sendo, noutro
vertice, incompativeis as medidas cautelares diversas da prisao. Resta patente nos autos que a
liberdade do investigado coloca em risco a convivencia comunitaria, pois fomenta a vinganca
privada, principalmente, entre familiares e adversarios politicos. Sendo assim, a custodia
e a unica providencia adequada e necessaria a garantia da ordem publica,

r
cautelar do investigado
da aplica~ao da lei penal e da instru~ao criminal, nao sendo suficientes as medidas cautelares
previstas no art. 319 do C6digo de Processo Penal.

DAS QUEBRAS DOS SIGILOS DE DADOS TELEFONICOS E BANCARlO

Inicialmente, vale registrar que a quebra de sigilo de dados telefonicos pretendida


-pe\a digna autoridade policial se limita apenas a identifica~ao de ERB's utilizadas pelos terminais
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

telefonicos (34) 98882.0120, (34) 98882.0653- operadora CTBC, e (34) 99984.5874- operadora
VIVO, e (34) 99981.6988, os quais, em tese, estao em poder do investigado, com o unico tim de
apurar sua localizacao, nao visando, por ora, a intercepta~ao do fluxo das comunica~oes telefonicas.

~os fates,

3/5

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.45)

MINISTERIO PUBLICO DO EST ADO DE MINAS GERAIS


48 Promotoria de Justi9a da Comarca de Patrocinio-MG

sendo assim, a quebra do sigilo dos dados telefonicos para identifica9ao das antenas utilizadas e
fundamental para a continuidade das investigacoes. especialmente para apurar sua localizacao,
merecendo ser deferida por esse Juizo, ressaltando-se que o direito a privacidade, gravado na
Constitui9ao Federal de 1988, nao tern carater absoluto, segundo orienta9ao jurisprudencial
consolidada.

Do mesmo modo, mostra-se imprescindivel a medida de quebra do sigilo

r bancario das contas de titularidade do investigado. 0 sigilo bancario e protegido em nosso


ordenamento no art. 5°, incisos X e XII, da Constitui9ao Federal, entendendo-se como uma extensao
do sigilo de dados e do direito a intimidade e vida privada. Posteriormente, a Lei Complementar n°
105/2001 veio disciplinar o assunto e consagrou expressamente o sigilo bancario, em seu artigo 1°,
caput: "as institui~oes financeiras conservariio sigilo em suas opera~oes ativas e passivas e
servi~os prestados ".

Todavia, este sigilo nao e absoluto, e pode ser afastado quando sua manuten9ao
implicaria em violayao a outros direitos e garantias insculpidos na Constitui9ao, em particular no
que toea a investiga9ao criminal, con forme disposto no §4° do art. 1o da mencionada Lei
Complementar, o qual dispoe: "A quebra de sigilo podera ser decretada, quando necessaria para
apura~lio de ocorrencia de qualquer ilicito, em qualquer fase do inquerito ou do processo judicial,

r'
'
e especialmente nos seguintes crimes(. .. )".

In casu, a quebra de sigilo das contas bancarias de titularidade do investigado, Jorge


Moreira Marra, visa instruir o presente inquerito policial, estando amparado em indicios
suficientes de autoria do crime de homicidio gualiticado, sendo imprescindivel. portanto. para
lastrear o autor, que encontra-se FORAGIDO. Nesse sentido, orienta-se o Superior Tribunal de
Justi9a, verbis:
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

"CRIMINAL. RESP. INQUERITO POLICIAL. QUEBRA DE SIGILO


BAN CARlO, TELEFONICO E FISCAL. FUNDAMENTA<;AO SUFICIENTE.
AUSENCIA DE PROTE<;AO ABSOLUTA AO SIGILO. RESPALDO LEGAL.
RELATIVIDADE DO DIREITO A PRIVACID EGALIDADE DA
MEDIDA. RECURSO PROVIDO. Hip6tese em que e apura a ventual pnitica de
de1ito de exclusao de creditos tributarios no siste infonnati do do INSS, em
prejuizo a autarquia. A rote iio aos si ilos bane io tele oni 0 e ISCa/ nilo e

4/5

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.46)

MINISTERIO PUBLICO DO EST ADO DE MINAS GERAIS


48 Promotoria de Justi~a da Comarca de Patrocinio-MG

direito absoluto. podendo os mesmos serem quebrados quando houver a


prevalencia do direito publico sobre o privado. na apuraciio de fatos delituosos
ou na instruciio dos processos criminais. desde que a decisiio esteja
adequadamente (undamentada na necessidade da medida. Precedentes. Recurso
provido, nos termos do voto do Relator." (STJ - REsp - 690877 I RJ. Processo:
2004/0146733-7 Relator(a) Ministro GILSON DIPP (II II) Orgao Julgador T5 -
QUINT A TURMA. Data do Julgamento 05/05/2005 Data da Publica~ao/Fonte DJ
30/05/2005 p. 41 0) (grifos nao originais).

r
CONCLUSAO
.

Ante o exposto, o MINISTERIO PUBLICO, com fulcra nos artigos 311, 312 e
313, incisos I e II, do C6digo de Processo Penal, requer a V. Exa. a decretayao da PRISAO
PREVENTIVA do investigado, Jorge Moreira Marra, bern como, considerando a
imprescindibilidade das medidas para a localizayao do autor, manifesta-se favoravelmente aos
pedidos de quebra de sigilo teleionico e bancario nos moldes pretendidos pela autoridade policial.

si iloso em razao do dis osto no art. 3° ca ut da Lei co

cum rimento do mandado de

Pede defera
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

5/5

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.47)

Poder Judicia rio do Estado de Minas Gerais

AUTOS: 481.20.003.537-8 , ,
REPRESENTANTE: DELEGADO DE POLICIA DE PATROCINIO- MG
REPRESENTADO: JORGE MOREIRA MARRA

Vistos, etc.

R. as 15h20min.

0 Dr. Delegado de Polfcia, com base nos


elementos de convicc;ao coligidos em lnquerito Pollcial, ajuizou
pedido de prisoo preventive de JORGE MOREIRA MARRA,
brasileiro, casado, produtor rural, nascido aos 18/02/1960,
natural de Patrocfnio - MG, filho de Jooo Marra e Terezinha
Moreira Marra, inscrito no CPF sob o n° 321.140.606-91, RG
1794091; de QUEBRA DE SIGILO TELEFONICO das linhas
telef6nicas (34} 9 8882-0120 (operadora CTBC}; (34} 9 8882-0653
(operadora CTBC}; (34} 9 9984-5874 (operadora VIVO}; , e (34) 9
9981-6988; e pedido de QUEBRA DE SIGILO BANCARIO, com
vistas a obtenc;ao dos dodos relatives as localidades em que
utilizados cartoes de cn3dito de titularidade do investigado
JORGE MOREIRA MARRA, para fins de investigac;ao criminal do
delito de homicfdio qualificado que teve por vftima CASSIO
REMIS SANTOS.

Relata o representante, em sfntese, que o


representado JORGE MOREIRA MARRA, no dia 24.09.2020, teria
ceifado a vida da vftima CASSIO REMIS SANTOS, nesta cidade
de Patrocfnio- MG, em razao de desentendimento de natureza
polftica.

Sustenta que a custodia preventive do


Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

representado e demais medidas cautelares requeridas se


mostram necessaries, por ser imprescindfvel a continuidade das
investigac;6es, bem como para assegurar a aplicac;ao da lei
penal, em razao da fuga do investigado do distrito da culpa.

0 Representante do Ministerio Publico, atraves


do parecer de fls. 59/63, opinou favoravelmente decretac;ao a

1
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.48)

Poder Judicia rio do Estado de Minas Gerais

da prisao preventive do representado JORGE MOREIRA MARRA,


a
bem como quebra dos sigilos banc6rio e telefonico.

Eo relat6rio. Fundamento e decido.

DO PEDIDO DE PRISAO PREVENTIVA

Para a decretac;ao da prisao preventive, a lei


exige a presenc;a do fumus boni iuris e do pericu/um in mora
insculpidos sob a egide do artigo 312 do C6digo de Processo
Penal.

0 fumus boni iuris est6 calcado na provo do


crime e em indfcios suficientes de autoria, e, como diz Borges da
Rosa, in Processo Penal, volume 3, p6g. 281:

"... e/es devem ser lois que gerem a convic~oo de que


lol o acusado o aufor da inlra~oo, embora noo haja
cerleza disso. No enfanlo, e/es devem ser su/icienfes
para franqiiilizar a consclencia do Julz".

0 fumus boni iuris est presente na hip6tese dos a


autos, como consta do boletim de ocorrencia policial de fls.
03/13, do formul6rio de notificac;ao de morte de fl. 14, bem
como da provo testemunhal j6 colhida pela autoridade policial
(fls. 15/34), a qual aponta o representado como sen do o autor ~
dos disparos de arma de fogo que atingiram e ceifaram a vida
da vftima CASSIO REMIS SANTOS.

0 periculum in mora tambem est6 presente,


tendo em vista que, alem da gravidade do delito imputado ao
representado (homicfdio qualificado), 0 qual, a vista dos
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

elementos informativos constantes dos autos, em especial da


provo testemunhal, foi executado com extrema brutalidade e
frieza, na medida em que a vftima, cafda ao solo ap6s j6 ter
sido atingida pelos disparos de arma de fogo, foi novamente
alvejada, denotando a periculosidade do agente, est6
abalada a pacata ordem publica local, principalmente d\ante
dos indfcios de que a ac;ao criminosa tenha vies polftico, j6 que
o representado ocupava o cargo de Secret6rio Municipal de

2
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.49)

Poder Judicia rio do Estado de Minas Gerais

Obras, nomeado pelo irmao e atual prefeito, que publicamente


j6 manifestou que busca a reeleic;ao, enquanto a vltima era
ator politico da oposic;ao, que j6 havia exercido o mandate de
vereador e pleiteava o retorno Casa de Leis, fato que, a
inclusive, atraiu a atenc;ao da imprensa nacional.

Alem disso, considerando as nuances acima


explicitadas, que apontam para crime com contornos politicos,
h6 o risco de que o representado venha ameac;ar as
testemunhas, o que pode inclusive estimular novos confrontos,
principalmente diante da proximidade do pleito eleitoral
municipal, o que, alem do risco de verdadeira barb6rie,
a
resultaria em prejufzo propria instruc;ao do feito e apurac;ao a
da verdade real.

Ademais, a custodia tambem se mostra


indispens6vel para assegurar a aplicac;ao da lei penal, na
medida em que o representado, logo apos o crime, evadiu-se
do distrito da culpa.

0 parecer Ministerial e favor6vel a prisao do


investigado.

Destarte, a prisao preventive do representado


JORGE MOREIRA MARRA e medida que se impoe, com vistas,
principalmente, a garantia da ordem publica, da aplicac;ao da
lei penal e da instruc;ao criminal.

Ensina o mestre Espinola Filho in "Coment6rios


ao Codigo de Processo Penal", vol. Ill, p6g. 367, que:
11
A prisoo prevenliva e
sem duvida uma medida de
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

for~a, que o interesse social reclama do 1/berdade


individual com lrfplice Rnal/dade de perm/fir que o
indiciado se manlenha acessfvel a Jusll~a no dlsldlo do
culpa, de ev/lar que ele, por manobras regule a
produ~ao das provas e obsle o prossegu/menlo de sua
al/vldade delifuosa".

DO PEDIDO DE QUEBRA DE SIGILO BANCARIO

3
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.50)

Poder Judicia rio do Estado de Minas Gerais

0 pedido da digna Autoridade Policial foi


apresentado com base em inquerito policial regularmente
instaurado, 0 qual aponta series indfcios de cometimento, pelo
representado, do delito de homicfdio qualificado.

A materialidade ja se encontra estampada nos


autos e ha serios indfcios de autoria, conforme elementos
informativos ja encartados ao feito e mencionados (inhas
volvidas.

Ha, por outro lado, interesse da Justic;a, na


medida em que busca identificar locais em que o representado ~
possa ter passado em fuga, alem do que o interesse publico
suplanta o privado neste coso.

Presentes, portanto, os requisites previstos pelo


disposto no art. 1°, § 4°, da Lei Complementar n° 105, de
10.01.2001, 0 que leva quebra pretendida.a
DO PEDIDO DE QUEBRA DE SIGILO TELEFQNICO

Embora o pedido apresentado pela


Autoridade Policial refira-se somente quebra de sigilo de a
dodos telefonicos, ja que pretende somente receber
informac;oes acerca de dodos constantes de cadastros da
empresa de telefonia, sera apreciado luz da Lei n° 9.296/96, a ~
em homenagem ao princfpio da proporcionalidade.

Pelo que se verifica da Lei n° 9.296/96, para


concessoo da medida, faz-se necessaria a demonstra9ao de
que e necessaria para a apurac;oo de um crime grave e
definido, punido com reclusoo e em face do qua\ ex\stam
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

indfcios razoaveis da autoria ou participac;oo da pessoa contra


a qual se faz o pedido.

No caso dos autos, ha relate do cometimento


do crime narrado pela autoridade representante, conforme
boletim de ocorrencia policial e a provo oral co\h\da pe\a
Autoridade Policial e mencionada linhas volvidas.

4
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.51)

-
- Poder Judicliirio do Estado de Minas Gerais

Por outro lado, as investigac;oes ate aqui


levadas a cabo pela autoridade policial demonstram que o
representado fugiu do distrito da culpa, provavelmente na
posse de seus telefones celulares e tambem daquele subtrafdo
da vftima mementos antes do evento fatal, tornando-se, assim,
indispensavel a medida requerida para apurac;co da autoria,
nco havendo outros meios disponfveis para a realizac;co da
prova.

A analise das ligac;oes telef6nicas originadas e


recebidas pelas linhas telef6nicas indicadas poder6 permitir,
eventualmente, a identificac;ao do local em que se encontra o
representado e demais elementos de provo relatives ao crime
apurado neste inquerito policial, interesse que suplanta o direito
ao sigilo de dodos neste coso.

Por fim, registro que o caso dos autos nco se


enquadra nas vedac;oes do art. 2°, da Lei 9.296, de 1996.

POSTO ISSO:

A) pelo mais que dos autos consta, doutrina e


jurisprudencia aplic6veis ao caso, patenteada a materialidade
delitiva, para garantia da ordem publica, da aplicac;co da lei
r' penal e por conveniencia da instruc;co criminal, decreta a
prisco preventive do investigado JORGE MOREIRA MARRA,
qualificado nos autos, com fundamento nos artigos 311, 312, 313
e 315 do C6digo de Processo Penal;

B) DEFIRO, SOB SEGREDO DE JUSTICA, A QUEBRA


DO SIGILO BANCARIO REQUERIDA, autorizando a obtenc;co dos
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

dodos relatives aos locais em que foram utilizados cartoes de


credito de titularidade do representado JORGE MOREIRA
MARRA, inclusive extratos, no perfodo de 24 de setembro de
2020 em diante. Proceda-se via SISBAJUD, com a expedi~ao de
offcio aos gerentes das institui~oes bancarlas em que o
teptesentado tiver contas, solicitando as informa~oes requeridas
no prazo de 05 (cinco) dias.

5
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.52)

Poder Judiciario do Estado de Minas Gerais

C); A QUEBRA DO SIGILO DE DADOS


TELEFONICOS relatives as linhas telefonicas (34) 9 8882-0120
(operadora CTBC); (34) 9 8882-0653 (operadora CTBC); (34) 9
9984-5874 (operadora VIVO); e (34) 9 9981-6988, consistente em
obten<;oo dos relat6rios das chamadas originadas e recebidas
desde o dia 24 de setembro de 2020, data dos fatos, inclusive
ERB's (esta<;oes de radio base) de onde partiram e de onde
recebidas as liga<;oes, bem como da obten<;oo das contas
detalhadas do mesmo perfodo, devendo ser oficiado as
empresas concession6rias de telefonia m6vel TIM, VIVO, 01,
CTBC, NEXTEL e CLARO para esse fim.

Expe<;a-se mandado de prisoo, em duas vias,


observadas as formalidades do artigo 286 do mesmo C6digo.

Em obediencia ao art. 2°, I, da Recomenda~Cio


n° 20, do CNJ, devera constar do mandado de prisao que este
possui validade estimada ate 23 de setembro de 2040,
considerando-se a data do fato e a capitula~ao dada pela
Autoridade Policlal (art. 109, I, do C6digo Penal).

No que tange a
quebra de sigilo de dados,
expedidos os offcios e alvaras autorizativos, deverao ser
entregues a Autoridade que subscreve o pedido, que devera
providenciar o seu encaminhamento as empresas ~
concessionarias de telefonia fixa e m6vel respectivas.

Expe<;am-se os offcios e alvar6s necessaries, o


que devera ser providenciado exclusivamente pela Sr. EscrivCio,
consignando-se que se tratam de offcios sigilosos, devendo
neles constar tambem:
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

1 - 0 nome, endere~o e telefone de contato da


Autoridade responsavel pela lnvestiga~Cio e que tera acesso as
informa~oes; ·

2 - 0 nome do escnvao como servldor da


secretaria responsavel pela tramita~ao da medida e expedi~ao
dos respectivos oficios;

6
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.53)

-
- Poder Judicliiirio do Estado de Minas Gerais

3 - A informa~co de que constitul crime realizer


intercepta~co de comunica~oes telefonlcas, de informatica ou
telematica, ou quebrar segredo de justi~a, sem autorlza~co
judicial ou com objetivos nco autorizados em lei (art. 10, da Lei
9.296/96);

4- A informa~co de que o offcio-resposta


devera ser encaminhado a
Autoridade requerente, lacrado,,
com a observa~ao "CONFIDENCIAL- SEGREDO DE JUSTICA" - SO
PODE SER ABERTO PELO DESTINATARIO;

5 - A informa~ao de que, recebldo o offcio da


autoridade judicial, a operadora de telefonia devera confirmor
com o Jufzo a data em que efetivada a intercepta~co, para fins
de controle judicial do prazo;

6 - A veda~co de intercepta~ao de outros


numeros nco discriminados na declsco, a nco ser em
decorrencia do monitoramento do IMEI.

/
/
/

Retornem-se OS autos a De egacia de Policia,


na forma da Resolu<;ao n° 59, doCNJ.

/ \

A~6s, retorn m~se os autos a


1
. Delegacia de
ongem, para concJusao das i vestiga<;6es no prazo legal.
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

p setembro de 2020.

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


7
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.54)

fl.

POLiCIA D ELEGACIA DE POLICIA CIVIL DE


CIVIL
MINAS GERAIS
PLANTAO/PATROCINIO
AV.FARJA PEREIRA, 3517 ·SAO CRJSTOVAO· PATROCINIO

N° PCnet: 2020-481-000540-001-009930924-45
No FATO/REDS: 2020-046358198-001

TERMO DE DECLARA<;AO

Patrocinio, 27 de setembro de 2020.

Autoridade Policial: RENATO MENDONCA CARDOSO


Editor: RENA TO MENDONCA CARDOSO

Declaray<>es que presta: Declaray<>es


Nome: JORGE MOREIRA MARRA

Documento Identidade: 1794091 Data Expedi9ao:


Orgao Expedidor: Secretaria Estado da Seguran9a Publica
- MG
CPF:

Filiayao:
Pai: JOAO MARRA
Mae: TEREZINHA MOREIRA MARRA

Naturalidade: PATROCINIO/MG Nacionalidade: Brasileira


Data de Nascimento: 18/02/ 1960 Estado Civil: Casado
Profissao: FAZENDEIRO Cor: Branca

Endereco: RUA MARTINS MUNOIM, 497, bairro CENTRO, PATROCINIO- MG, .


CEP 38740000 \
t(\_)
"-
Endereyo Eletronico: Telefone:
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Le: Sirn Escreve: Sim


Grau de Instru9ao: Ensino medio comp leto (2° grau)

Costumes: disse nada


Compromisso Legal: NAO
0 Delegado de Polfcia deu ciencia a pessoa a ser ouvida, informando os seus
Pagina I de 5 ~

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
((!? ~(1.
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.55)

fl.
POUClA DELEGACIA DE POLl CIA CIVIL DE
CIVIL
MINAS GERAIS
PLANTAO/P ATROCIN IO
AV.FARIA PEREIRA. 3517 ·SAO C RISTO VAO • PATROCiNIO

N° PC net: 2020-481-000540-001-009930924-45
N° FATO/REDS : 2020-046358198-001
direitos e garantias fundamentais do art.5° da CRF/88, dentre eles, o de perrnanecer em
silencio.
PERGUNTADO disse QUE: QUE o declarante comparece voluntariamente para prestar
suas declarat;oes; QUE afirma que seu enderer;o atual e Fazenda Santo Antonio
localizada na Estrada Rural Patrocinio Buqueir~o Km 8 PTC 0382; QUE foi advertido do
seu direito constitucional de permanecer, deter direito a constituir advogado, sendo que,
no presente feito , encontra-se representado pelos Doutores SERGIO RODRIGUES
LEONARDO, OAB / MG 85.000, DRA. CRISTIANE LUJAN RODRIGUES
LEON ARDO, OAB/MG 107.900 e do Dr. MARCELO ZERBINI, OAB/DF 44.555,
tambem foi dado direito de comunicar familiar, sendo que sua esposa foi comunicada,
Sra. Sonia Aparecida Marra. 0 declarante disse ser casado, que possui tres filhos,
nenhum menor de idade, que e produtor rural e ex-Secretario de Obras da cidade de
Patrocinio; QUE PERGUNTADO se era inimigo da vitima RESPONDEU QUE nao;
Que, quanto aos fatos, disse que no fatfdico dia, por volta das 15h:00min, estava
passando pelo loca~ onde a vftima gravava video sobre suposta irregularidade praticada
pelo declarante na obra, quando viu a vitirna e ela apontou o dedo para o declarante,
entao o declarante se dirigiu ao local em que a vftirna estava, com intuito de tomar o
celular da vitima, pois ja havia visto a vitima fazer aquilo por diversas vezes, e o
declarante acreditava que aquilo era injusto, pois nao via nenhuma irregularidade, pois
estava apenas consertando o passeio que foi quebrado durante a obra de drenagem na
Avenida Joao Alve s do Nascimento. Dessa forma, desceu da caminhonete
FORD/RANGER que era dirigida pelo motorista FRANCISCO CARLOS BARBOSA, e
foi em dire9ao ao acompanhante da vftima, que era quem fazia as imagens como
telefone celular, em seguida, o declarante tentou quebrar o telefone no capo do veiculo
FORD/RANGER, nao tendo obtido exito, entrou na caminhonete e pediu para que o
motorista lhe levasse para casa, enquanto quebrava no seu joelho o telefone celular da
vitima, e nao se recorda do que foi feito do celular. Enquanto o motorista do declarante
lhe retirava do local em que ocorreu o desentendimento, a vitima se postou a frente da
caminhonete em que o declarante estava; QUE PERGUNTADO se o declarante mandou
o seu motorista seguir como veiculo enquanto a vftima estava sob a capo RESPONDEU
QUE disse ao motorista vamos embora que ele desce; QUE em seguida, declarou que a
vitima lhe perseguiu, e cercou o veiculo do declarante, impedindo com que ele virasse na
rua de sua casa, e acrescenta que a vitima deu urn "cavalo de pau" no seu veiculo
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

impedindo que o dec larante seguisse para sua casa, o que !he fez se dirigir para a
Secretaria de Obras, local em que o declarante acreditava que poderia impedir a entrada
da vitima no loca l; QUE PERGUNTADO se o veiculo que o declarante se encontrava
fechou o veiculo da vitima RESPONDEU QUE n~o; QUE todavia, o declarante relata
que a vitima chegou junto ao veiculo que conduzia o dec larante e com o seu veiculo
bloqueio a entrada da secretaria de obras; QUE o declarante aftrma que a vitima foi para
cima do declarante pedindo seu ce lular, que outros colegas do declarante que estavam no
local tentaram impedir que a vitirna agredisse o declarante; QUE o declarante af1rma que

Pagina 2 de 5

(11:;/
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.56)

fl.
POUClA D ELEGACIA D E POLICIA CIVIL DE
CIVIL
MINAS CERAJS PLANTAO/PATROCINIO
AV.FARIA PEI~EI RA, 35 17 ·SAO CRISTOVAO. PA TROCiNIO

No PCnet: 2020-481-000540-001-009930924-45
No FATO/REDS: 2020-046358198-001
entrou em sua caminhonete e tinha inten9g0 de sair do local, mas a vitirna tambem entrou
na cabine da caminhonete e come·fYOU agredir o declarante com socos e xingamentos com
os dizeres "vou rachar voce no rneio, seu velho ladrao filho da puta"; QUE mesmo o
declarante afirmando que nao esta1va como celular da vitima a mesma desceu do vefculo,
deu a volta e foi em dire<;:ao ao dec larante; QUE o declarante a firma que neste instante
com intuito de se defender pegou seu revolver que estava dentro da caminhonete e
disparou em dire<;:ao da vitima; QUE PERGUNTADO se passou pela cabe<;:a do
declarante em sair da caminhone1te e se abrigar no seu escrit6rio, pois poderia trancar a
porta RESPONDED QUE estava com muito medo devido ao porte fisico da vitima e ao
fato da vitima ter partido para cima do declarante; QUE PERGUNTADO sobre a arma
usada no crime RESPONDEU QUE tern trinta anos que possui a arma, que ela estava
municiada dentro da caminhonete e que guardava a arma para se defender porque tern
casas em tres fazendas diferentes e sempre transportava a arma de uma fazenda para
outra para se defender; QUE PERGUNTADO se tinha dormido em alguma fazenda na
noite anterior RESPONDED QUE nao, dormiu na casa da cidade; QUE o declarante
acrescenta que nao tinha inten<;:ao de matar a vitima, pois caso tivesse desde o inicio
quando a vftima chegou no local ja teria descido da caminhonete atirando; QUE o
declarante afrrma que s6 tinha intuito de repelir injusta agressao da vftirna, o declarante
afrrma que saiu andando dando tiros em dire9ao da vitima, mas afrrrna nao saber quantos
tiros deu pois estava muito amedrontado com a situa<;:ao; QUE PERGUNTANDO porque
teria continuado atirando ap6s a vitima fugir do local QUE RESPODENDEU QUE
estava em tal estado de animo, apavorado que nao se recorda de quantos d isparos efetuou
e nem a forma de como ocorreu 1e disse " que a vitima ja tinha !he rodeado dos quatro
lados"; QUE PERGUNTADO se seu animo de se defender nao se transformou em
intenyao de matar RESPONDED QUE negativamente que afrrmando que seu intuito era
apenas de se defender e acresce:nta "o que eu tinha para afastar ele de mim al i era
aquilo"; QUE PERGUNTADO se tinha s6 inten<;:ao de se defender porque fugiu do local
RESPONDED QUE estava muito• amedrontado, desnorteado e nao sabe esclarecer quem
retirou os veiculos que bloqueavam a passagem do local para que o declarante pudesse
evadir em seu veiculo, alegando que s6 se recordar de pedir para alguem retirar o veiculo
se nao o declarante iria passar por c ima; QUE PERGUNTADO mesmo que tinha urn
carro bloqueado a entrada da secretaria de obras como o declarante pretendia fugir
RESPONDED QUE iria consegu ir fugir de qualquer maneira pois conhece toda a
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

secretaria e ate mesmo pe los fundos conseguiria fugir, mesmo que amassado veiculos,
que acrescentada que seu unico in1tuito era evitar urn confronto flsico com a vitima; QUE
PERGUNTADO se nao teve medlo de urn confronto fisico quando retirou o celular da
vitima RESPONDEU QUE ate se arrepende de ter pego o ce lular de propriedade da
vitima que estava nas maos do c inegrafista da vit ima, mas na hora agiu sem pensar
quando viu a vitima faze ndo a gravayao com todas as mentiras que dizia no video; QUE
PERGUNTADO se afu·ma estar todo transtornado entao nao pode dizer que se recorda
que aconteceu nos momentos dos disparos RESPONDEU QUE tinha muito medo ap6s
ter sido ameayado pela vitima; QUE PERGUlNADO se estava muito amedrontado com
Pagina 3 de 5

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.57)

fl.
POLlCIA D ELEGACIA DE POLICIA CIVIL DE
CIVIL
MINAS GERAIS
PLANTAO/PATROCINIO
AV.FARIA PERGIRJ\, 3S I 7 ·SAO CRISTOVAO • PATROCINIO

N° PCnet: 2020-481-000540-001-009930924-45
No FATO/REDS: 2020-046358198-001
medo, mesmo estando no seu local de trabalho com a presen9a de tres funcionarios
RESPONDEU QUE a partir desse momento vai exercer seu direito de si lencio; QUE
PERGUNTADO qual era o pensamento do declarante no momenta em que fugia ap6s os
disparos RESPONDEU QUE a partir desse momenta vai exercer seu direito de silenc io;
QUE PERGUNTADO quem prestou assistenc ia na cidade de Perdizes ap6s o dec larante
ter evadido do local RESPONDED QUE a partir desse momenta vai exercer seu direito
de silencio; QUE PERGUNTADO se o dec larante conhecia o ex prefeito de Perdizes
PE<:ONHA RESPONDED QUE a partir desse momenta vai exercer seu direito de
silencio; QUE PERGUNTADO se foi o declarante que estacionou seu veiculo na casa do
ex prefeito PE<:ONHA RESPODEU QUE sim; QUE PERGUNTADO como encontrou
com ex prefeito PEc;ONHA ao chegar em Perdizes RESPONDED QUE disse a
PE<:ON HA que queria relatar o ocorrido e pedido urn copo de agua, que PEc;ONHA
teria acolhido o declarante e acalmado, mas ele nao o ajudou fugir; QUE o declarante
esclarece que no fmal da tarde saiu da Perdizes e pediu para PEc;ONHA que entregasse a
caminhonete aos policias militares caso ninguem fosse busca-la; QUE o declarante
esclarece que PEc;ONHA nao o ajudou em nada s6 o ouviu e deu urn copo de agua; QUE
PERGUNTADO quanto tempo ficou na companhia de PE<:ONHA RESPONDED QUE
foi pouco tempo, pois quando saiu da casa de PEc;ONHA ainda era dia, o so l estava se
pondo; QUE PERGUNTADO se contou para PE<:ONHA que tinha acabado de matar
alguem RESPONDED QUE nao s6 relatou o que aconteceu, que tinha feito urna besteira
mas nao contou quando aconteceu ( em que dia ou hora); QUE PERGUNTADO se de
Perdizes em diante estava sozinho ou acompanhado RESPONDED QUE iria usar o seu
direito de permanecer em silencio; QUE passada a palavra para os advogados
PERGUNTADO se o declarante e diabetico RESPONDED QUE sim e acrescenta que
tambem e hipertenso; QUE PERGUNTADO se possui problemas saude, sendo cancer no
rim RESPONDED QUE sim; QUE PERGUNTADO qual foi a decisao do declarante
quando tomou conhecimento que o juiz teria deferido sua prisao RESPONDED QUE foi
contratar os advogados de defesa e ir se apresentar;
Nada mais disse nero lhe foi perguntado. Lido e achado conforme vai assinado
pela Autoridade, pelo Declarante e por mim RENATO MENDONCA CARDOSO que
o digitei e assino. 0V /J /
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Pagina 4 de 5

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.58)

fl.
POLiCIA DELEGACIA DE POLl CIA CIVIL DE
CIVIL
MINAS CERAIS
PLANTAO/PATROCINIO
AV.FARJA PEREIRA, 35 17- SAOCRJSTOVAO- PATROCiNIO

N° PCnet: 2020-481-000540-001-009930924-45
N° FATOIREDS: 2020-046358198-001

-< I j(/L_ ~~A~


01~4tf. rc7-80'C -

(}v j1u11 fS·O(}J


Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Pagina 5 de 5

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.59)

POLÍCIA
DELEGACIA DE POLÍCIA CIVIL DE
CIVIL
MINAS GERAIS
PLANTAO/PATROCINIO
AV FARIA PEREIRA 3517 -SAO CRISTOVA0 -PATROCÍNIO

N° PCnet: 2 02 0-481-000540-018-009937665-34

N° FATO/REDS: 2020-038200967-00

RELATÓRIO DE CUMPRIMENTO DE MANDADO DE PRISÃO

Senhor(a) Delegado

Atendendo determinação da Inspetoria/Subinspetoria de Investigadores, cumprimos o


MANDADO DE PRISÃO n°1077929, PROCESSO n° 00353789420208130 4812001 ,
ficando o(a) desfavorecido(a) de nome JORGE MOREIRA MARRA recolhido(a). O
presente MANDADO DE PRISÃO foi cumprido pelos policiais abaixo discriminados, na
cidade de PATROCINIONG, na data de 97/09/9090.

Nome: VALTE5IKNDRE B1SC t 1O SALVIANO


Nível: DELF ADO DE POLICIA MASP n°m1188730

/MANDADO RATIFICADO PELO(A):


BELC): VALTER ANDRE BISCARO SALVIANO
Nível: DELEGADO DE POLICIA MASP n° m1188730

CIENTE:

JORGE MOREIRA MARRA

Ok.: quando o(a) desfavorecido(a) não assinar, dever-se-á colher o testemunho de duas pessoas
devidamente qualificadas.
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Página 1de 1
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.60)
Mina, Gerais ,2s de Setembro de 21)20 • lhano Oficral tioç Alinticipio• Mineiros • ANO XII N"21“0

ITundamenta-se 11 referida decisão pelo tato de que a Administraçâo Patrocinar-NI(,. 25 de setembro de 2020
Nlioncipal por interesse publico entende não ser comentem,: a
aquisição do presente 1111 1e ta no momento, pon t-
, ot ai, a presente
l mau) 110REIR I31 IRRA
rexopte-1i CalP4 qualquer premiei ri Adinunsiraçáo Municipal. que se Preleitii Municipal
ieserva no direito de realizar nos o procedimento lienatário em Publicado por:
memento oportuno lleitoa Rodngues Borees
Código Identificador:ste-INCILBA
remando o juizo de concerne:1cm e oportunidade a respeito da
fin tIgaçall da licitação. que por sua PrOtirtà natureza e Wel
ES1 XDO DE NIINAS GERAIS
discricionário e pintaiso da atuiu idade administrato a, considei o que
PIZEFEI 11 ILX N11 N ii IP.X1. MAM/Ni E MI% A
o presente procedimento seja REVOGADO e arquisado. pudendo a
Administração Municipal, UsNIIII que lhe :uns set. realizar noto
PIZEITEI l'RA NII NICIPAL DE PONTE NOVA
procciliniento heitatono, te...guindado o mieresse publico
EVI RA 1o DE Ansitinic,x0o EliompEocAçÃo
Patiosiluo. 25 de setembio de 20"ti
Prosesso 12113 2020 -Pret2.ão N" a
IN.311 2020 Objeto ontraiação de
sen iço de expansão e elleicntização do parque de iluminação
DE1Ró MOREI/ti MIRRA
Contratada I. ERA ENERGIA 11
-DA ,urgiu 1311877401)01-61, no
Palco() Municipal
salto .Global de RS ;.3.15 000,11114tres iiiilIitcs, trezentos equarenta e
Publicado por:
cinco 11111 IC:11%)
Ilelton !Linhal:
toes Borges
Código Itlentificaclor:LA002110"
Publique-se

SECRE IXIMX NIUNICIPAI. PLANEJAM\ I() E


II IGVER Cl /1/ IR-FES
ItECI USOS 111 XIANOS
Preleito
POR IAMA N" 12.128'2020
Publicado por:
Sandia Ilelena de Cais alho Lassa
Portaria N" 12.128/2020
Código Identificador:A.1E17 ,M 5

EXONERA SI CRI 1,k1t1t) MUNICIPAL


n411111 I14 Ni(%i.Dr 1,0% 1i; N o%
EXTIt Xi
o DE AI. 1EitAc k() CON 1II XI1..11.
O Nd -
cito NIunte trai de Palio:imo-NIG, no uso das atribuições que
lhe são contei idas pela Iei Oliganica do Muni,. imo e,
PROCESSO V: 060/2020 - PREG k0 N": 0-13/2020. Objeto:
4/ disposto no inciso Ido art 68 da iei t. °implementar
aditamento de aproximadamente 8,63% ao '.ator global do
n", atol) 2009 Estatuto dos Seis atores Publico. do Si tiou:mio
contrato pana execuçáo de Construçáo da sede dti Secretaria
Nlimicipal de Esporte tater e Jus entorte. para atender a
RESOLVE
Secretaria Municipal de Esportes Lazer e Jus enlode (SENIE.1).
incluindo material e anilo-de-obra. obsen ridos os padrões e
An. 1" - Exonerar, .1014(:E. ‘101(1112 ,1 NI XIXIIA. do cargo em
principio% técnicos definidos pelo CIMA. Contratada: Ideei'
comisslio ale Secretário %lindeira, de Obras Públicas, \hei
Construtona lida. inscrita no UNIU Nob Ne 111.794.362/0001-55.
Especial. Ullttil II da Er. n" 100/2011. a partir de 25 119'2020.

Piddirple-se.
An 2" -I.sta Portaria entra em sisor na data de sua publicação

li IGNE/t IML G11.11 IR


Pausas 23 de setembio de 11 111
Pleieth)
Publicado por:
DEM) MORE/R.I 11.I RR.l
SIM!' aI[eleita de Cunalho Lana
Ni:leito Municipal
Código Identiliendor:SC2A0(i,413
Publicado por:
licitou Roda [gires Liorges
('Iidigt, Identificador:C.11 61 AND ES! UM) DE NI1N XS GERAIS
P121.1.1 111 II A XIUNI('IP XI 1)1.. l'It EXPO! IS
sEC111-.1 \MA XIIINICIPAI. PIAN•11,t‘11:‘ I()
RECI 14505 III NEXNOS PILEI:El IVILA NIUNICIP.XI. DE Plt.X [APOIAS
l'OR IA RIA N" 12.129/21120 PliEC,k0 PILESENCEXI. 27/2020

Portaria N" 12.129/2020 PILEI:Eu 1RA N111N ICI PAI. DE PRA IÁPOILIS. Processo
adua:usinaiso 782020 Piegati Piesencial 27 2020, tom.1 publico
NON11 IA SN RI. IARI() MI INICIPAI que celebrou teM10 Ilthii•t) de reetimliboo financeiro para Registrar
preço para aquisiçáo futura e parcelada de Géneros Alimenticios
Prefeito Murucipal de Panos:imo-NIG, no usti das atribuições que e Outros para Manutenção das Secretarias NIunicipats. com as
lhe são contendas pela Lei 1. bgánica do "domei /no e, empresas XN IA II XIIILUZA NI ULULAM X 1.0PES LIDA ME
Consolem:ido, tidispostts no inciso II do ara 12, e I" do an 1.1 da (CNP) 17.525 -129 0001-031. IIELLNA MARIA LEI I"E IWAR .IE
1.4:1 L'ompleine 51 tar n" (!lr0 20( 'g 1 Ser idotC% Publiço% do EM' (CNN 25 967.738 0001-51r e 1.1 li. CI STAX 0 (OS 1A
Municipio e, ÁRIA SUPERNIER( •UM) 'CNP) 17749 SI 1001111N)
Considerando, odisposto nas Leis Complementar e, ti" 53 c61 2009 e R E IEL CORRÊA RAMOS,
100 21111 \lembro da 1. omissão de Licitação.
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Publicado por:
It E S () I. v E Rafael Correu Itninos
Código Identificador:SbC I( 082
Art. 1" -Nomear. VIESON II.X1 IS IA PINHEIRO PERES, para
exercer em comissão, as cargo de Secretário Nliinicipal de Ohrus PRE14:111 RA IUNR IP %I. DE PILA 1A1 101.1S
Públicas, Nis et Especial. anexo II da I.C. n* 10012011, a partir de PREGÃO PRESENCIAI. 67/2020
2509'2020.
Ari 2" -Esta Kumla entra cio sigor na data de sua publicação

St tburiamainicipal cama br aium-ing 187


Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
sEcurrARIA N11rNIC1PAL DE PLANEJANIENTO
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51
E
(e-STJ Fl.61)

RECURSOS HUMANOS
PORTAIZ1A N" 12.128/2020

Portaria N° 12.128/2020

EXONERA SECRETÁRIO MUNICIPAL.

O Prefeito Municipal de Patmcinio-MG, no uso das atribuições que


lhe são conferidas pela Lei Orgânica do Município e;
Considerando, o disposto no inciso Ido art. 68 da Lei Complementar
n". 060/2009 Estatuto dos Servidores Públicos do Município,

RESOLS'E

Art. I" - Exonerar, JORGE N1OREIRA MARRA, do cargo em


comissão de Secretário Municipal de Obras Públicas, Nk cl
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Especial, :mexo 11 da 1.C. n" 100/201 I, apartir de 25/09/2020.

Art. 2" -lista Portaria entra em vigor na data de sua publicação.

Patiocinio-MG, 24 de setembro de 20 20.

DEIRO MOREIRA MARRA


Prekito Municipal
Publicado por:
licitou Rodrigues Borges
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
Código Identificador:C41:6 1A8D
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.62)

- -7-•"":"4,"*
1 .:,,t p•

etitia";70
.- a
ss:t%

-_
17.:5------ ,
1
:1
1 i/ ...
'\ 4 ff:

0
• s ,

-.. \'. ;?,.,•) ,i \4... .\,k,


.,..:---- -•
"•••• .: - ,•-s,-_-:,—
¡
-
41, :;..„ks.: -',.;,:•,:‘,..,--`...-:::. ---„.?.,-:--_-
,

\:,\,„:.,•::::
\, %i :•-•
o s


‘N."
s•••-•

• 7,41•-•.:..-
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.63)

f
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.64)

linra Av. earbacena. 1203 •IP Mia •


a AM At 02.1261R4SOULitsrvanw pé
..,
ta* Acoalnto •CEP 30.150131
Emissão:16136/2020 ImIrehrsifine/910-013537 Tarifa Social de Energia Elido -TSEE criado pela
Emissão autorizada peio Regime Especiall,TA H' 4500000976237 -
SEF 'MG lei n' 10.438 de abril d,2002

JORGE MOREIRA MARRA


N° DO CLIENTE: 7003603871

RIJA MAR11IIS MUNDIM 400 CX

Modalidade Tarifária
CL-ti Ino
arlfa Convencionai
PATIMCINIO -MO
CEP: 38740-000
MEDIDOR N°: BAB075000097
irs °mu • ri cai Consumo k1AN
Constante de là•dlçlo
Tipo do 11~ laturra Ardido( Loltura Atual
5350
40
Energia kWh 13254 13398

VALORES FATURADOS Valor (R$)


Quan tidade Preç o 3251,12
Descric5o
Energia Elétrica Will 5360 0,6065 5521
ENCARGOS1COBRANÇAS Valor R$
1026,6 6
Descrição
71,40
Dif. rocálculo tarifa integral
Multa 2% eoh( econta de 0412020
TARIFAS APLICADAS(Sern Impostos)
0,47753000
Energia Eléte ica kWh
ABATIMENTOS E DEVOLUÇÕES 808,28

Subsidio tarifa liquida

Pág 1 de 1
CP1-: 321.140.600 01

RESERVADO kin Fisco5BE5.DED5.BD57.90C1.27C9.9EB1.83A1.4CB5 •


_ _
VALOR APAGAR
VENCIMENTO
REFERENTE A
1710712020 R$ 3540,90
JUN12020 Valor pup
Arseueter.:
eape do cadimo (RI*
18,00 R$ /70,00
4277.78 R$ 24,89
1013 0,71
3507.78 R$ 115,05
MEU. 3,28
3507.72
cantei
IMAYMO De COMI MODAS IDe1M111 AIMIRIORLI
FootOdeo do Coimam
Dias de té 061)112020 constar apandente odébito que
Consumo Ilida Fanxern. ujelta aunidade consumidora ir suspensão do
leAti WAftildia 79 ornecimento de energia iiitrica apai* da
ItistAno
au,r2o 4600 153,152 ata discriminada:
5440 181,33 30
33 DEBITO(s)
5480 166p6 PreY.Cotte
MAM 1/Ano Valor
FEW29 6/20 231;72 24/0772020
33 APRI2020 R$ 3745,19
56.40 17990
.1~20
OC2r12 5640 194,48 29
5440 181X3 20
ucring 29
OUTII: 5020 204.13
wao 118,19 33
sun] 20
AC-0112 1%3 ILA,00 32 reigação esuiri condicionada èine
5120 19103 29 edébitos vencidos de sua responsabãidade
JUU19
JUZ19 5040 2CC27
Ciersts
Tarfa vigerts codurte Re: Aneel na 2350, de 2105721319.
pej it~ enbubirta, os descerias aque se refere oDecreto Faterei 7291113 também integram a

base de caScuio do Kin. PASEP •CUINS. -— _


11.U2020 Band. Verde •JU irmo 9jn4. Ver&
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Omar...anca deva conta não casta débitos arterions. Para estes, estio sujeitas penalidades legais
Ingiras (ambas) elou e asçoSnMlcsfl Vir- opas. *do no vencimento das mesmas.
Édever do conva-jrdot manar os dados cedas:tais :erige mudados eirgormar akaracies da adsidada

enfade no locai
1
.ENDEREÇO RURAL - IN STALA-CAO--..309244 5
-378
.•

PAZ SA0 PEDRO 9999


PATROCIt110 -MG! CEP:311740-000

VENCIMENTO "TOTAL A PAGAR

Cr -MIG 000024463168 1710712020 R$ 3540,90


~et JU W2.020 ar os ~Ma 3002446316

g3590OO0034 40900138003-2 81057636411-3 00024463168-5

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
Scansionato con CannScanner
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.65)

SECRETARIA DE 1 _:..STAI)0 DE
- COMPROVANTE DP. IN:IGNIÇÃO ENTADUAL DE PRODUTOR RURAUPF
PA::ENDA DII N1INA;;

DADOS CADASTRAIS

INSCRIÇÃO ESTADUAL GPF

001407748,0I-W 321,140~1

NOME DO RESPONSÁVEL
JORGE MOREIRA MARRA

NOME DO ESTABELECIMENTO IPROPRIEDADE RURAL

FAZENDA SANTO ANTONIO I

CNAE/DESCRIÇÃO _ _
0151-2/02 -Criaçào de bovinos pura laIlu

REGIME DE APURAÇÃO IENQUADRAMENTO CATEGORIA .._


._
DEBITO E CRÉDITO PRIMEIRO ESTABELECIMENTO

DATA DA INSCRIÇÃO DATA DO FIM DO CONTRATO


. _ _.
17/09/2010

SITUAÇÃO DA INSCRIÇÃO DATA DA SITUAÇÃO DA INSCRIÇÃO

ATIVO i

ENDEREÇO DO ESTABELECIMENTO
CEP UF MUNICÍPIO

38740-000 MINAS GERAIS PATROCINIO

DISTRITO/POVOADO

-
BAIRRO
ZONA RURAL

LOGRADOURO - _ _

FAZENDA SANTO ANTONIO I


COMPLEMENTO
NÚMERO

S/N°
-
REFERÊNCIA DE LOCALIZAÇÃO

ESTRADA PATROCÍNIO/SANTO ANTONIO LAGOA SECA. .

28/09/2020 às 08:32 DATA E HORA DE Er-RA.51 1


-1A j
EMITIDA EM:
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
Scansionato con CannScanner
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.66)

Av. Marciano Pires, 625


Sindicato Rural PABX: (34) 3831.3445
Distrito Industrial
de Patrocínio CEP 38740-500 -Patrocínio/MG
FAEMG•SENAR•INAES contato@sindicatoruraldepatrocinio.com.br

DECLARAÇAO

Declaramos para os devidos fins, que Jorge Moreira Marra, brasileiro,

casado, produtor rural, é associado nesta entidade Sindical desde

22/05/1995. Que é uma pessoa conciliadora e muito respeitada no meio

rural. É sempre procurado por colegas da atividade agropecuária para troca

de idéias econselhos sobre os mais diversos assuntos.

Foi eleito Presidente desta entidade para os mandatos de 2001-2004 e2004-

2007. Também foi eleito Vice-Presidente para os mandatos de 2007-2010 e

Delegado Representante no mandato de 2010-2013. Foi eleito Vice-

Presidente da FAEMG (Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de

Minas Gerais) em 2005 esuplente da diretoria em 2002.

Por ser verdade, firmo apresente.

Patrocínio-MG, 28 de setembro de 2.020.

\ c
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

João Figueired Ne
\,:t RA-MG 32.927

Diretor Superintendente do Sindicato Rural de Patrocínio.

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.67)

Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais


PATROCÍNIO

CERTIDÃO CRIMINAL NEGATIVA

CERTIFICO que, revendo os registros de distribuição de ação de NATUREZA PENAL nesta comarca, até a
presente data, NADA CONSTA com condenação criminal transitada em julgado contra:

Nome: JORGE MOREIRA MARRA


CPF: 321.140.606-91
RG: 1794091
Nome pai: JOÃO MARRA
Nome mãe: TEREZINHA MOREIRA MARRA

Processo Distribuição Situação

0017699-81.2020.8.13.0481 29/07/2020 SENTENCIADO


SECRETARIA: UJ CRIMINAL (SEM TRÂNSITO
CLASSE: PROCEDIMENTO INVESTIGATÓRIO DO MP (PEÇAS DE INFORMAÇÃO) EM JULGADO)
VÍTIMA: R.R.S.
INQUÉRITO No.: 0
SENTENÇA: 09/09/2020 - EXT PROCES AUS LEGIT/INTERESSE
ENQUADRAMENTO(S):
ART. 27 13869/19
ART. 30 13869/19

0040036-69.2017.8.13.0481 09/06/2017 EM INSTRUÇÃO


SECRETARIA: VARA CRIMINAL
CLASSE: AÇÃO PENAL - PROCEDIMENTO ORDINÁRIO
AUTOR: JUSTIÇA PÚBLICA
CRIME: 25/04/2017 INQUÉRITO No.: 6017777
DENÚNCIA: 13/11/2017
ENQUADRAMENTO(S):
ART. 38 Lei n 9605/1998
ART. 48 Lei n 9605/1998
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

ART. 50 Lei n 9605/1998


ART. 53 Inc. I Lei n 9605/1998
ART. 15 Inc. II Alinea r Lei n 9605/1998
ART. 70 CPB

0071551-25.2017.8.13.0481 02/08/2017 FASE DE


SECRETARIA: VARA CRIMINAL INQUÉRITO
CLASSE: INQUÉRITO POLICIAL
AUTOR: JUSTIÇA PÚBLICA
CRIME: 25/04/2017 INQUÉRITO No.: 6236111
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
ENQUADRAMENTO(S):
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.68)

Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais


PATROCÍNIO

CERTIDÃO CRIMINAL NEGATIVA

Processo Distribuição Situação

ART. 48 9605/98

0035378-94.2020.8.13.0481 25/09/2020 FASE DE


SECRETARIA: VARA CRIMINAL INQUÉRITO
CLASSE: INQUÉRITO POLICIAL
VÍTIMA: C.R.S.
CRIME: 24/09/2020 INQUÉRITO No.: 9930924

0000588-84.2020.8.13.0481 09/01/2020 FASE DE


SECRETARIA: VARA CRIMINAL INQUÉRITO
CLASSE: PROCEDIMENTO INVESTIGATÓRIO DO MP (PEÇAS DE INFORMAÇÃO)
AUTOR: JUSTIÇA PÚBLICA
CRIME: 01/06/2019 INQUÉRITO No.: 0
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.69)

Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais


PATROCÍNIO

CERTIDÃO CRIMINAL NEGATIVA

Observações:
a) Certidão expedida gratuitamente através da internet, nos termos do caput do art. 8º da Resolução 121/2010
do Conselho Nacional de Justiça;

b) a informação do número do CPF/CNPJ é de responsabilidade do solicitante da certidão, sendo pesquisados


o nome e o CPF/CNPJ exatamente como digitados;

c) ao destinatário cabe conferir o nome e a titularidade do número do CPF/CNPJ informado, podendo


confirmar a autenticidade da Certidão no portal do Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais
(http://www.tjmg.jus.br), pelo prazo de 3 (três) meses após a sua expedição;

d) esta Certidão inclui os processos físicos e eletrônicos, onde houver sido implantado o Processo Judicial
Eletrônico - PJe, o Sistema CNJ (Ex-Projudi) e o SEEU - Sistema Eletrônico de Execução Unificada, tendo a
mesma validade da certidão emitida diretamente no Fórum e abrange os processos da Justiça Comum, do
Juizado Especial e da Turma Recursal apenas da comarca pesquisada, com exceção do SEEU, cujo sistema
unificado abrange todas as comarcas do Estado;

e) A presente certidão não faz referência a período de anos, uma vez que somente se refere à existência de
feitos judicias em andamento (processos ativos) contra o nome pesquisado, conforme Provimento 355/2018 da
Corregedoria Geral de Justiça.

Não houve decisão definitiva em relação aos procedimentos e processos listados na presente certidão, cuja
situação processual seja: FASE DE INQUÉRITO, EM INSTRUÇÃO ou SENTENCIADO (SEM TRÂNSITO EM
JULGADO).

Certidão solicitada em 28 de Setembro de 2020 às 08:37


Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

PATROCÍNIO, 28 de Setembro de 2020 às 13:17

Código de Autenticação: 2009-2813-1755-0942-5528


Para validar esta certidão, acesse o sítio do TJMG (www.tjmg.jus.br) em Certidão Judicial/AUTENTICIDADE DA CERTIDÃO
/AUTENTICAÇÃO 2 informando o código.
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
ATENÇÃO: Documento composto de 3 folhas(s). Documento emitido por processamento eletrônico. Qualquer
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
emenda ou rasura gera sua invalidade e será considerada como indício de possível adulteração ou tentativa
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02 STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.70)

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02 STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.71)

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02 STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.72)

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
e
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.73)

t ALBERT EINSTEIN MEDICINA DIAGNÓSTICA

Av. Albert Einstein, 627/701 — Morumbi.


ALBERT EINSTEIN CEP 05651-901 — São Paulo — Brasil
MEDICINA DIAGNOSTICA Tel: (5511)2151-5555
Fax: (5511)2151-0408
Exmo(a)Sr(a): Jorge Moreira Marra
Prontuário: 2139017 Data de Nascimento: 18/02/1960
Unidade: AO5W Clin.Med.Cir.5 and B2 Alta em: 08/05/2018
Local: 1 Méd.Solic: RAFAEL BIRELO MARTINS -156332CRMSP
N° de Episódio: 26106178 Méd.Resp: Rodrigo Gobbo Garcia -93948CRMSP

Anatomia Patológica

Número do laboratório: AE-18-0011990 Profissional solicitante:


Data/hora da coleta: 07/05/2018 13:06 BRT Data/hora de recebimento: 07/05/2018 16:18 BRT

Relatório Anatomopatológico
Dados clínicos
Historia Clinica: Nódulo renal de 3cm em rim direito
Hipótese diagnostica: _

Espécimes e procedimentos

A Fragmento de nódulo renal direito (frasco 1)

Fragmento de nódulo renal direito (frasco 2)

Microscopia e Conclusão Diagnostica


A e B) Nódulo renal direito:
CARCINOMA DE CÉLULAS RENAIS DO TIPO CÉLULAS CLARAS
.Localização: rim direito
.Grau nuclear (ISUP): 1

Nota: Vide laudo do estudo imunohistoquímico.

Ma croscopia
Espécime recebido afresco e posteriormente fixado em formalina tamponada 10% consta de:
A) Nódulo renal direito (frasco 1): um fragmento filiforme de tecido acastanhado eelástico que mede 1,0 cm.
Todo material é submetido aexame histológico. (1 bloco /1lâmina)
B) Nódulo renal direito (frasco 2): um fragmento filiforme de tecido acastanhado eelástico que mede 1,4 cm.
Todo material é submetido aexame histológico, (1 bloco)
am

Exame analisado por


Dra. Renée Zon Filippi
Dra. Denise da Cunha Pasqualin

Revisado eassinado eletronicamente por:


Denise da Cunha Pasqualin -90583CRMSP
10/05/2018
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Dra. Renee Zon Filippi CRM 96.083 Dr. Eduarda Bittencourt Damasceno CRM 141.235 Dr. Marcus Vinicius de Nigro Corpa CRM 100.400
Dra. Alanna Mara R S. Bezerra CRM 99.910 Dr. Fernando Pereira Frassetto CRM 140.271 Dr. Ricardo Silvestre eSilva Macarenco CRM 100.4
Dra. Chrislina Shiang CRM 116.003 Dr. Giulio Casara Santo CRM 40.233 Dr. Thiago Trolez Amancio CRM 146.135

Dra. Denise da Cunha Pasqualin CRM 90.583 Dr. Joao Norberto Stavale CRM 22.350 Dr. Vanderlei Segatelli CRM 94.969

Dra. Denise Malheiros CRM 56703 Dr. Leandro Aurelio Liporoni Martins CRM 98.631
Dra. Ebe Christie de Oliveira CRM 96.426 Dr. Marcos Takeo Obara CRM 100.743

Responsável técnico: Dr. Cristóvão Luis P Mangueira -CRM-SP: 80933 (Gerente Medico)

Registro do Laboratório no CRM-SP 00105 -ANVISA 355030890-861-000051-1-8

Data/hora da impressão: 10/05/2018 15:38 BRT ID: 56016346 Página 1de 2

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.74)

mo(a)Sr(a): Jorge Moreira Marra


rontuário: 2139017 Data de Nascimento: 18/02/1960
Unidade: AO5W Clin.Med.Cir.5 and 82 Número do Laboratório: AE-18-0011990
N° de Episódio: 26106178 Local: 1

Histórico de Nomes dos Profissionais.

Nome do profissional: Número do conselho:


Ariana Andresa Moreira de Souza -24884CRBM1 24884CRBM1
Catia Solange Almeida Santos
Denise da Cunha Pasqualin -90583CRMSP 90583CRMSP
RAFAEL BIRELO MARTINS -156332CRMSP 156332CRMSP
Renee Zon Filippi -96083CRMSP 96083CRMSP
Rodrigo Gobbo Garcia -93948CRMSP 93948CRMSP
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Data/hora da impressão 10/05/2018 15:38 BRT ID: 56016346 Página 2de 2

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.75)

ALBERT EINSTEIN MEDICINA DIAGNÓSTICA

Av. Albert Einstein, 627/701 — Morumbi.


ALBERT EINSTEIN CEP 05651-901 — São Paulo — Brasil
MEDICINA DIAGNOSTICA Tel: (5511)2151-5555
Fax: (5511)2151-0408
Exmo(a)Sr(a): Jorge Moreira Marra
Prontuário: 2139017 Data de Nascimento: 18/02/1960
Unidade: AO5W Clin.Med.Cir.5 and B2 Alta em: 08/05/2018
Local: 1 Méd.Solic: RAFAEL BIRELO MARTINS -156332CRMSP
N° de Episódio: 26106178 Méd.Resp: Rodrigo Gobbo Garcia -93948CRMSP

Anatomia Patológica

Número do laboratório: IH-18-0001168 Profissional solicitante:


Data/hora da coleta: 07/05/2018 13:07 BRT Data/hora de recebimento: 07/05/2018 16:18 BRT

Relatório Imunohistoquimico
Dados Clínicos
Tumor renal direito.

Material

A Fragmento de nódulo renal direito -AE-18-11990

Painel de Anticorpos

Marcador Anticorpo /Clone Resultado


AMACR 13H4 Negativo
Citoqueratina alto peso 34b12 Negativo
PAX8 MRO-50 Positivo
FH J-13 Positivo
Citoqueratina 7 OV-TL 12/30 Positivo focal
TFE3 MRO-37 Negativo
CD10 56C6 Positivo
Anidrase carbonica IX policlonal Positivo

Conclusão Diagnostica
PERFIL IMUNOHISTOQUiMICO CONSISTENTE COM CARCINOMA RENAL DE CÉLULAS CLARAS.

Metodologia
Desparatinização erecuperação antigénica com calor esoluções próprias.
Painel incluindo anticorpos monoclonais e/ou peticionais.
Amplificação por polímeros. Revelação DAB e/ou Fast Red.
Unirdes positivos enegativos adequados.
Protocolos padronizados evalidados no setor de Imunohistoquímica -
Laboratório de Anatomia Patológica do Hospital Albert Einstein
(Acreditaçâo Internacional CAP •Co/foge of Amenean Radiologista)
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Dra. Renee Zon Filippi CRM 96.083 Dr. Eduarda Bittencourt Damasceno CRM 141.235 Dr. Marcus Vinicius de Nigro Coroa CRM 100.400
Dra. Alanna Mara P. S. Bezerra CRM 99.910 Dr. Fernando Pereira Frassetto CRM 140.271 Dr. Ricardo Silvestre eSilva Macarenco CRM 100.4
Dra. Christina Shiang CRM 116.003 Dr. Giulio Cesare Santo CRM 40.233 Dr. Thiago Trolez Amancio CRM 146.135

Dra Denise da Cunha Pasqualin CRM 90.583 Dr. Joao Norberto Stavale CRM 22.350 Dr. Vanderlei Segatelli CRM 94.969

Dra. Denise Malheiros CRM 56703 Dr. Leandro Aurelio Liporoni Martins CRM 98.631
Dra. Ebe Christie de Oliveira CRM 96.426 Dr. Marcos Takeo Obara CRM 100.743

Responsável técnico: Dr. Cristóvão Luis P Mangueira -CRM-SP: 80933 (Gerente Médico)

Registro do Laboratório no CRM-SP 00105 -ANVISA 355030890-861-000051-1-8

Data/hora da impressão: 10/05/2018 15:42 BRT ID: 56016397 Página 1de 3

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.76)

Exmo(a)Sr(a): Jorge Moreira Marra


Prontuário: 2139017 Data de Nascimento: 18/02/1960
Unidade: AO5W Clin.Med.Cir.5 and B2 Número do Laboratório: IH-18-0001168
I\1 - de Episódio: 26106178 Local: 1

Anatomia Patológica

Número do laboratório: IH-18-0001168 Profissional solicitante:


Data/hora da coleta . 07/05/2018 13:07 BRT Data/hora de recebimento: 07/05/2018 16:18 BRT

Exame analisado por


Dra. Renée Zon Filippi
Dra. Denise da Cunha Pasqualin

Revisado eassinado eletronicamente por:


Denise da Cunha Pasqualin -90583CRMSP
10/05/2018
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Data/hora da impressão 10/05/2018 15:42 BRT Ia 56016397 Página 2 de 3

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.77)

Exmo(a)Sr(a): Jorge Moreira Marra


Prontuário: 2139017 Data de Nascimento: 18/02/1960
Unidade: AO5W Clin.Med.Cir.5 and B2 Número do Laboratório: IH-18-0001168
N° de Episódio: 26106178 Local: 1

Histórico de Nomes dos Profissionais.

Nome do profissional: Número do conselho:


Ariane Andresa Moreira de Souza -24884CRBMI 24884CRBM1
Catia Solange Almeida Santos
Denise da Cunha Pasqualin -90583CRMSP 90583CRMSP
RAFAEL BIRELO MARTINS -156332CRMSP 156332CRMSP
Renee Zon Filippi -96083CRMSP 96083CRMSP
Rodrigo Gobbo Garcia -93948CRMSP 93948CRMSP
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Data/hora da impressão: 10/05/2018 15:42 BRT ID: 56016397 Página 3de 3

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.78)

TeleMedimagem MC
MedCenter
Telerradiologia sem Limites f
0. UR KNOW( HANARKS
t "."‘ "

Paciente: Jorge Moreira Marra Data: 29/02/2016


Sexo: Masc. Idade: 56 A Pront: 287.474
Médico: DR. Aldeci Pereira de Oliveira Categoria: Unimed

RESSONÂNCIA MAGNÉTICA DO ABDOME SUPERIOR

TÉCNICA DE EXAME:

Foram realizadas sequências multiplanares, ponderadas em Ti e T2, com e sem


supressão de gordura, antes e após a infusão intravenosa do agente
paramagnético.

Os seguintes aspectos foram observados:

Fígado de dimensões pouco aumentadas econtornos regulares, exibindo sinais de


acentuada esteatose difusa. Não se observam nódulos parenquimatosos bem
definidos.

Vasculatura hepática e portal preservadas.

Não há evidência de dilatação das vias biliares intra, extra—hepáticas ou da


vesícula biliar.

Pâncreas, baço e adrenal direita de aspecto habitual.

Discreto espessamento nodular da adrenal esquerda, de aspecto inespecifico.

Rins tópicos, de morfologia e dimensões normais.

Formação nodular sólida parcialmente exofitica (menos que 50% do componente


exofitico), localizada na cortical lateral do terço inferior do rim direito,
ultrapassando a linha interpolar, entretanto sem extensão ao seio renal, medindo
2,5 x2,2 x3,0 cm, distando 0,4 cm do seio renal, hipovascularizada.

Não foram observadas outras lesões no parênquima renal bilateral.


Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Divertículos em alças cólicas, sem sinais inflamatórios.

Não se observam linfonodomegalias, líquido livre ou coleções líquidas organizadas


no abdome superior.

Aorta abdominal eveia cava inferior pérvias, de calibre e trajeto normais.

PAG 01/02

Nota: Avaliado por Tele Med-Imagem Medicina Digital Ltda -Telerradiologia


O referido laudo está de acordo com aResolução do CEM n° 1890 de 15/Janeiro/2009

Hospital e Maternidade Med Center Ltda


Setor de Ressonância Magnética —34 3839-5622 -Ernall: ressonanciamedcenter@yahoo.com.br
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Rua LEONARDO
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES Otávio de CPF:Brito, 20 —Fone/Fax: 34 3839-5600 —CEP 38740-000 -Patrocínio -MG
03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.79)

OTeleMedimagem N:=
MedCenter
21..C4SA Ur"
reerraC , I r

IMPRESSÃO DIAGNOSTICA:

Esteatose hepática

Formação nodular sólida hipovasculanzada no rim direito, devendo — se considerar,


como principal diagnóstico diferencial, a possibilidade de carcinoma papilitero

Diverticulose cólica

Restante do exame sem particularidades

Avaliados por:

rLrÃ
aR1
- 1

„tmo-1.4
Dr. Fábio Lewin Dr. lbciano Araújo Caramori
Radiologista especialização em Hematologia Radiriggistal
CRM/SP - 117.395 CRM /MG— 27.384
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Jorge Moreira Marra Pag 02

Nota Avahado por Teia Med-Imagem Medicina Digital Lida -Telerrarhologia


O relendo laudo estia de acordo com aResolução do CFM n° 1890 do 15/Janeiro/2009

Hospital eMaternidade Med Center Ltda


Setor de Ressonância Magnética -34 3839-5622 -Email: ressonanclamedcenterGyahoo.com.br
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Rua Otávio de Brito, 20 -Fone/Fax: 34 3839-5600 -CEP 38740-000 -PatrocInb -MG
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.80)

lb

Dr. Ald( ci 1. Oliveira

,•
.

P‘, ELARC

11)0 re.H L.

)
,\
A ACHADO DL PR OL

—4

L.P>.

t' tt

'•:
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Consultório: Tel. 3515-2513 ou 3515-2512 Cel. 34 99168-1265


Rua João Alvas do Nascimento. 905 -Santa Casa -Centro Médico 1° Andara Patrocínio -MG
aldecipayaboo.com.br

Atendimento Hospitalar: u 3839-1000 /u 3839-5600

Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital


Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
Digitalizado com CamScan
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.81)

(i)rti _11/1 rcetfii ara Nunes;


,tri 45692,

Clínica Médica
Endocrinologia eMetabologia

Relatório 411édico

pAra u de.Hdos lins. que slor2.e \iluHra Marra. 60 anos.

portador de Diabetes Mellitus tipo 2 há cerca de 5 anos em uso de Nleritor

1()00 mo 1comprimido após almoço. Gliffiue XR 500 mg 1comprimido

•jantar. (1\.\ainNi 25 in cedo eOzempic 0.5 n 1vez por semana com

controle 2licemico. Possui 11ipertensão Arterial Sistêmica em uso de

.art 11( 1.',20 ml e I


)islipalemia em uso de LipiLlill 160 mo eRuso\ as 10

md., de )( iniciado mo e no momento.

Hri1 L ti(1

:\ Iene iodmen[e.
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

I
);ttrocinio, 28 0') 20'0

(31) 3515 2513


1)ia \larcella Nara Nunes
Centro Médico da Santa Casa de Patrocínio
Av. João Alves do Nascimento, 905, sala 05 -5. Vicente -Patrocínio -MG
rnarcellandraohotinail.com

Digitalizado com LamScanr


Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.82)

Dra Marcerra Yara 2y:mg


Clínica Médica
Endocrinologia eMetabología
Para Jorlte N1orc ira Marra

USO ORAL:

kl' 1) Meritor 4 1000 mg continuo

Tomar 1comprimido após alm ço

2) Glvxambi contin 110

Tomar 1comprimido cedo

3) Rusovas 5mv, continuo

Tomar 1comprimido após jantar •

4) Lipidill 160 mg continuo

Tomar 1comprimido r:eie

5) Diovan 11CT 320 +25 ma continuo

Tomar 1comprimido cedo

6) Novanlo 5mg continuo

Tornar 1comprimido cedo

USO SUBCUTANEO:

x 7) Ozempic 0.25/0,5 111Q, -------------------------------------------------- contin uo

Aplicar 0.5 mg AOS SABADOS


Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

USO INTRAMUSCULAR:

8) Citoneurin 5000 Ul -------------------------------------------------- 3ampolas

Aplicar Iampola, IM profUndo, Ix/MIS

Dra. Mareelia Nara Nunes


(34) 3515-2513
elb7rA.C, 49698
Centro Médico da Santa Casa de Patrocárto CONTROLE 29'13321
Av. João Alves do Nascimento, 905, sala 05- S. Vicente -Patrocínio -MG
Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital Email: marcellanara@hotmail.com
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.83)

Habeas Corpus Criminal Nº 1.0000.20.545158-6/000

<CABBCAADDAABCCBBADCABADACDABACCBBCAAADDABACCB>
EMENTA: HABEAS CORPUS – HOMICÍDIO DUPLAMENTE QUALIFICADO
– PRISÃO PREVENTIVA DECRETADA – REVOGAÇÃO –
IMPOSSIBILIDADE – ÉDITO CONSTRITIVO DEVIDAMENTE MOTIVADO E
FUNDAMENTADO – PRESENÇA DOS REQUISITOS AUTORIZADORES DA
MEDIDA EXTREMA – GRAVIDADE CONCRETA – GARANTIA DA ORDEM
PÚBLICA – CARACTERÍSTICAS PESSOAIS ABONADORAS QUE, POR SI
SÓS, NÃO AUTORIZAM A SOLTURA – COVID-19 – PRISÃO DOMICILIAR –
PEDIDO NÃO APRECIADO PELO JUÍZO PRIMEVO – SUPRESSÃO DE
INSTÂNCIA – AUSÊNCIA DE DEMONSTRAÇÃO DA IMPOSSIBILIDADE DE
MANUTENÇÃO DO PACIENTE EM CÁRCERE – ORDEM DENEGADA.
HABEAS CORPUS CRIMINAL Nº 1.0000.20.545158-6/000 - COMARCA DE PATROCÍNIO - PACIENTE(S): J.M.M. -
AUTORID COATORA: J.D.V.C.I.J.C.P.

ACÓRDÃO
(SEGREDO DE JUSTIÇA)

Vistos etc., acorda, em Turma, a 8ª CÂMARA CRIMINAL do


Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais, na conformidade da
ata dos julgamentos, em DENEGAR A ORDEM.

DESA. MÁRCIA MILANEZ


PRESIDENTE E RELATORA.
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Fl. 1/10

Número Verificador: 1000020545158600020201390185


Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.84)

Habeas Corpus Criminal Nº 1.0000.20.545158-6/000

DESA. MÁRCIA MILANEZ (PRESIDENTE E RELATORA)

VOTO

Trata-se de habeas corpus, com pedido liminar, impetrado pelos


advogados Sérgio Rodrigues Leonardo, Rogério Magalhães Leonardo
Batista, Carolina Lujan Rodrigues Leonardo e Marcelo de Siqueira
Zerbini, inscritos na OAB/MG, respectivamente, sob os números
85.000, 93.779 e 98.800 e OAB/DF 44.555, em favor de J. M. M.,
apontando como autoridade coatora o Juiz de Direito em substituição
da Vara Criminal da comarca de Patrocínio/MG.
Aduzem os impetrantes que o paciente é atualmente investigado
pela prática de delito de homicídio qualificado, inscrito no art. 121, § 2º,
II e IV do Código Penal, perpetrado contra a vítima C. R. S. em
24/09/2020. Ao tomar conhecimento dos fatos, a autoridade policial
imediatamente requisitou a decretação da prisão preventiva de J. M.
M., pedido este acatado pelo magistrado primevo em 25/09/2020.
Sobre os fatos, veja-se o que consta do relatório policial:

“(...)
Instaurou-se, na presente data, com base no boletim
de ocorrência de número 2020-046358198-001,
Inquérito Policial visando apurar a prática, em tese, do
crime de homicídio qualificado praticado em face da
vítima C. R. S..
Conforme narrado no documento noticiador dos fatos,
a polícia militar fora acionada, reportando o solicitante
que a vítima havia sido atingida por disparos de arma
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

de fogo em frente à Secretaria de Obras da Prefeitura


Municipal de Patrocínio.
Chegando ao local dos fatos, verificaram que C. R. S.
já não apresentava sinais vitais, sendo acionadas a
equipe do SAMU e a perícia criminal, bem como
providenciado o devido isolamento do local.
Iniciadas as diligências a fim de apurar o ocorrido,
procederam ao levantamento de imagens capturadas

Fl. 2/10

Número Verificador: 1000020545158600020201390185


Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.85)

Habeas Corpus Criminal Nº 1.0000.20.545158-6/000

por circuito de segurança, assim como entrevistas as


testemunhas presenciais do ocorrido.
Narraram as testemunhas G. M. R., A. d. S., J. R. L. d.
L. e N. C. que após desentendimento inicial entre
autor e vítima, no qual o autor tomou o celular de C.
R. S., em razão dele estar filmando supostas
irregularidades praticadas pela Administração
Municipal, a vítima seguiu o autor até a secretaria
municipal de obras, no intuito claro de recuperar seu
telefone, conforme gravado por câmeras, sendo que,
a todo momento, o autor tentava quebrar o aparelho
de telefone celular da vítima.
Na Secretaria de Obras, enquanto C. R. S. era
dissuadido de seu intento de recuperar seu telefone
por servidores da prefeitura que estavam no local, o
autor se aproveitou para entrar na sua caminhonete
TOYOTA/HILUX e se munir de arma de fogo do tipo
revólver, calibre 38, disparando, em seguida, ao
menos, cinco disparos contra a vítima, que tentou
correr, vindo a ser atingida, primeiramente, nas
costas.
Disseram ainda que após a vítima cair, o autor ainda
continuou efetuando disparos, empreendendo fuga
em seguida no veículo Toyota Hilux, não sendo até o
momento encontrado.
Por todo o exposto, tendo em vista que J. M. M., após
o cometimento do crime, evadiu do distrito da culpa,
encontrando-se em local incerto e não sabido, nota-se
imprescindível a decretação de sua prisão preventiva,
assim como a quebra da ERB de seus aparelhos
telefônicos e sigilo bancário, a fim de obter com êxito
sua localização.
Nessa toada, como o autor fugiu com o celular da
vítima em seu poder, aproveita o ensejo para também
pedir a quebra de ERB do terminal da vítima. (...)” (fls.
38/42 do doc. único)

Em 27/09/2020, mesmo tendo ciência do mandado de prisão


expedido contra si, o paciente se apresentou perante a autoridade
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

policial espontaneamente, prestando declarações, ocasião em que foi


recolhido preventivamente.
Por todo o exposto, os impetrantes pleiteiam seja restabelecida
a liberdade de J. M. M., tendo em vista a fundamentação inidônea do
édito constritivo, em afronta o art. 315, § 1º do CPP, baseada em

Fl. 3/10

Número Verificador: 1000020545158600020201390185


Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.86)

Habeas Corpus Criminal Nº 1.0000.20.545158-6/000

meras suposições que não encontram respaldo na realidade,


especialmente ao se considerar que, ciente da decretação da prisão
preventiva, o paciente se apresentou espontaneamente para ser preso,
não representando, portanto, risco à aplicação da lei penal, bem como
entregou às autoridades a arma do crime. Também afirmam a
inocorrência de motivação acerca da não aplicação de medidas
cautelares diversas.
Apontam, igualmente, a ausência dos demais requisitos
autorizadores da medida extrema.
Destacam que o paciente sempre manteve conduta ilibada
perante a sociedade, sendo o delito em apreço um fato isolado em sua
vida.
Pontuam que J. M. M. é primário e de bons antecedentes,
possui residência fixa, é produtor rural associado ao Sindicato Rural de
Patrocínio, foi Vice-Prefeito Municipal e, à época do crime, exercia a
função de Secretário Municipal de Obras da cidade.
Ainda, ressaltam que o paciente é pessoa idosa, contando com
sessenta anos de idade, e sofre de câncer renal, diabetes e
hipertensão, pertencendo, assim, ao grupo de risco de contágio pelo
COVID19, razão pela qual pugnam, alternativamente, pela concessão
da prisão domiciliar (fls. 01/28 do doc. único).
A inicial veio acompanhada dos documentos de fls. 29/157 do
doc. único.
A liminar foi indeferida (fls. 164/168 do doc. único).
Prestadas informações pela autoridade apontada como coatora
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

(fls. 176/192 do doc. único).


Instada a se manifestar, a Procuradoria de Justiça opinou pela
denegação da ordem (fls. 197/200 do doc. único).
É o breve relatório.

Fl. 4/10

Número Verificador: 1000020545158600020201390185


Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.87)

Habeas Corpus Criminal Nº 1.0000.20.545158-6/000

Conheço do habeas corpus, presentes os requisitos de sua


admissibilidade.
Dando início ao exame dos pedidos, trago a decisão que
decretou a prisão preventiva de J. M. M.:

“(...)
Para a decretação da prisão preventiva, a lei exige a
presença do fumus boni iuris e do periculum in mora
insculpidos sob a égide do artigo 312 do Código de
Processo Penal.
O fumus boni iuris está calcado na prova do crime e
em indícios suficientes de autoria, e, como diz Borges
da Rosa, in Processo Penal, volume 3, pág. 281:

„... eles devem ser tais que gerem a convicção de que


foi o acusado o autor da infração, embora não haja
certeza disso. No entanto, eles devem ser suficientes
para tranquilizar a consciência do Juiz’.

O fumus boni iuris está presente na hipótese dos


autos, como consta do boletim de ocorrência policial
de fls. 03/13, do formulário de notificação de morte de
fl. 14, bem como da prova testemunhal já colhida pela
autoridade policial (fls. 15/34), a qual aponta o
representado como sendo o autor dos disparos de
arma de fogo que atingiram e ceifaram a vida da
vítima C. R. S..
O periculum in mora também está presente, tendo em
vista que, além da gravidade do delito imputado ao
representado (homicídio qualificado), o qual, à vista
dos elementos informativos constantes dos autos, em
especial da prova testemunha, foi executado com
extrema brutalidade e frieza, na medida em que a
vítima, caída ao solo após já ter sido atingida pelos
disparos de arma de fogo, foi novamente alvejada,
denotando a periculosidade do agente, está abalada a
pacata ordem pública local, principalmente diante dos
indícios de que a ação criminosa tenha viés político, já
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

que o representado ocupava o cargo de Secretário


Municipal de Obras, nomeado pelo irmão e atual
prefeito, que publicamente já manifestou que busca a
reeleição, enquanto a vítima era ator político da
oposição, que já havia exercido o mandato de
vereador e pleiteava o retorno à Casa de Leis, fato
que, inclusive, atraiu a atenção da imprensa nacional.

Fl. 5/10

Número Verificador: 1000020545158600020201390185


Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.88)

Habeas Corpus Criminal Nº 1.0000.20.545158-6/000

Além disso, considerando as nuances acima


explicitadas, que apontam para crime com contornos
políticos, há o risco de que o representado venha
ameaçar as testemunhas, o que pode inclusive
estimular novos confrontos, principalmente diante da
proximidade do pleito eleitoral municipal, o que, além
do risco de verdadeira barbárie, resultaria em prejuízo
à própria instrução do feito e à apuração da verdade
real.
Ademais, a custódia também se mostra indispensável
para assegurar a aplicação da lei penal, na medida
em que o representado, logo após o crime, evadiu-se
do distrito da culpa.
O parecer Ministerial é favorável à prisão do
investigado.
Destarte, a prisão preventiva do representado J. M. M.
é medida que se impõe, com vistas, principalmente, à
garantia da ordem pública, da aplicação da lei penal e
da instrução criminal. (...)” (fls. 29/31 do doc. único)

Dito isto, no que compete ao édito constritivo, tenho que a


decisão que decretou a prisão preventiva de J. M. M. acha-se
devidamente motivada e fundamentada, sem afronta ao art. 93, IX da
Constituição Federal ou ao novo art. 315 do Código de Processo
Penal, demonstrados prova da materialidade e indícios suficientes de
autoria.
Ao que consta dos autos, o crime em tese cometido apresenta
elevada gravidade, a evidenciar o perigo da liberdade do paciente, não
apenas por se tratar de delito contra a vida, consumado, mas, com
efeito, por haver elementos a revelar sua possível motivação política –
J. M. M., irmão do atual Prefeito de Patrocínio, então Secretário de
Obras da prefeitura, efetuando disparos de arma de fogo contra um
vereador da oposição, pouco antes do início da campanha eleitoral,
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

havendo, inclusive, vídeo amplamente divulgado na imprensa dando


conta do momento em que realizados os tiros, enquanto o ofendido
tentava, em vão, fugir da violência.

Fl. 6/10

Número Verificador: 1000020545158600020201390185


Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.89)

Habeas Corpus Criminal Nº 1.0000.20.545158-6/000

Tais elementos, a meu ver, tornam patente a necessidade da


constrição de J. M. M. como garantia da ordem pública, tendo em vista
a repercussão causada pelos fatos em nível nacional e, até mesmo, a
necessidade de garantia da moralidade do Poder Público de
Patrocínio, tão fragilizado por um suposto rompimento não apenas à
ordem comum, mas à própria democracia.
Consta do feito, outrossim, que o paciente, malgrado primário,
responde a ação penal pela prática de crimes contra o meio ambiente,
denotando potencial reiteração delitiva.
Ademais, a pena privativa de liberdade máxima em abstrato do
crime de homicídio, superior a quatro anos, autoriza a medida extrema,
nos termos do art. 313, I do CPP.
Assim, tenho como inviável a revogação da constrição de J. M.
M. à presença dos requisitos autorizadores do acautelamento,
elencados nos arts. 312 e 313 do Código de Processo Penal,
mostrando-se de rigor a manutenção da prisão preventiva como
garantia à ordem pública – o que igualmente indica desarrazoadas as
medidas cautelares diversas da prisão, tais quais comparecimento
periódico em juízo, recolhimento noturno ou mesmo monitoramento
eletrônico, pelo perigo que representa sua liberdade.
Noutro giro, estando presentes os fundamentos necessários à
manutenção da custódia cautelar, que tem amparo legal, afigura-se
irrelevante a existência de condições pessoais favoráveis, tais quais a
primariedade. É o que entende a jurisprudência pátria:
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

STJ: "Ementa: Penal - Processual - Prisão preventiva


- Fundamentação - Primariedade - Bons antecedentes
- Habeas corpus. 1. Não há constrangimento ilegal se
o decreto, conquanto conciso, justifica plenamente a
necessidade da prisão preventiva. 2. Primariedade,
bons antecedentes, residência fixa, por si, não servem
como fundamento para a revogação da custódia
cautelar. 3. Não se exige, para a prisão preventiva, a

Fl. 7/10

Número Verificador: 1000020545158600020201390185


Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.90)

Habeas Corpus Criminal Nº 1.0000.20.545158-6/000

mesma certeza necessária à condenação. Suficientes


indícios de autoria e prova da existência do crime. 4.
Habeas corpus conhecido; ordem indeferida" (RSTJ
118/349).

Finalmente, não se olvida a necessidade de aplicação de


medidas, também pelo Poder Judiciário, para a contenção da
contaminação e do espalhamento do SARS-CoV-2, vírus causador da
doença COVID-19, de facílima dispersão e que tem causado severas
perdas por todo o mundo, especialmente no Brasil. Não por outro
motivo, o Conselho Nacional de Justiça editou a Recomendação nº 62,
de 17 de março de 2020, elencando providências a serem adotadas
nos sistemas de justiça penal e socioeducativo no sentido da
prevenção de propagação do vírus. De igual modo, este Tribunal de
Justiça do Estado de Minas Gerais publicou a Portaria Conjunta nº
19/PR-TJMG/2020, voltada à aplicação no sistema prisional das
medidas necessárias ao contingenciamento da pandemia.
Impende destacar, neste seguimento, que a recomendação e
portaria supracitadas, por se tratarem de atos normativos, não
determinam a necessária adoção das medidas por si elencadas, mas
as recomendam, traçando diretrizes de atuação no sistema penal com
vistas ao controle da disseminação da doença, sem, contudo, caráter
vinculante e tomando por base o pormenorizado exame das
circunstâncias do caso concreto.
Neste diapasão, tem-se que o pedido de concessão de prisão
domiciliar ao paciente, dos elementos trazidos ao feito pelos
impetrantes, não foi previamente apreciado pelo juízo da origem,
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

sendo certo que seu exame, por este egrégio Tribunal, implicaria em
supressão de instância, o que não se pode admitir.
Acerca da questão, trago precedente do colendo Superior
Tribunal de Justiça:

Fl. 8/10

Número Verificador: 1000020545158600020201390185


Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.91)

Habeas Corpus Criminal Nº 1.0000.20.545158-6/000

“Quaisquer providências referentes à pandemia da


Covid-19 deverão ser, primeiramente, decididas por
Juiz de primeiro grau - o que não se demonstrou ter
ocorrido na espécie -, conforme ressaltou, em
18/03/2020, o Plenário do STF, no julgamento do
pedido de tutela provisória incidental na ADPF
347/DF, Rel. Ministro MARCO AURÉLIO, Redator
para o acórdão Ministro ALEXANDRE DE MORAES.
Precedentes do Superior Tribunal de Justiça.” (RHC
126.169/MG, Rel. Ministra LAURITA VAZ, SEXTA
TURMA, julgado em 30/06/2020, DJe 04/08/2020)

E, ainda que assim não fosse, os relatórios e demais


documentos colacionados não são suficientes à concessão da
benesse.
Isto porque, malgrado tenham os impetrantes comprovado o
pertencimento de J. M. M. a grupo de risco de contágio pelo COVID-
19, tendo em vista sua idade (fl. 55 do doc. único) e o fato de sofrer de
diabetes e hipertensão (fl.73 do doc. único) – valendo destacar, quanto
ao alegado câncer renal, que a documentação trazida ao feito (fls.
65/72 do doc. único) é dos anos de 2016 e 2018, portanto,
desatualizada relativamente ao presente estado de saúde de J. M. M. –
não há nos autos qualquer notícia da impossibilidade de sua
manutenção em cárcere, seja quanto a atendimento por equipe médica
da unidade, seja, ainda, por demais circunstâncias a tornar insalubre o
ambiente prisional e inviável a segura assistência de seus detentos.
Soma-se a isto o fato de que a própria Recomendação nº 62, de
lavra do Conselho Nacional de Justiça, adverte quanto às prisões
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

preventivas decretadas em casos de delitos perpetrados mediante


violência ou grave ameaça, o que, por óbvio, é o caso dos autos.
E, por derradeiro, observa-se que a instrução criminal se acha
próxima ao fim, sendo certo o juízo sumariante procederá, com base

Fl. 9/10

Número Verificador: 1000020545158600020201390185


Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51
STJ-Petição Eletrônica recebida em 14/12/2020 11:38:51 (e-STJ Fl.92)

Habeas Corpus Criminal Nº 1.0000.20.545158-6/000

nas circunstâncias colhidas ao longo do feito, ao reexame do


acautelamento do paciente.
Logo, não vislumbro constrangimento ilegal a ser sanado por
esta via, razão pela qual DENEGO A ORDEM.
Sem custas.

DES. DIRCEU WALACE BARONI - De acordo com o(a) Relator(a).

DES. ANACLETO RODRIGUES - De acordo com o(a) Relator(a).

SÚMULA: "ORDEM DENEGADA"


Documento assinado eletronicamente, Medida Provisória nº 2.200-2/2001 de 24/08/2001.
Signatário: Desembargadora MARCIA MARIA MILANEZ, Certificado:
00CA5A634F6EBB60155A0F203E3B02E625, Belo Horizonte, 03 de dezembro de 2020 às 11:53:14.
Julgamento concluído em: 03 de dezembro de 2020.
Verificação da autenticidade deste documento disponível em http://www.tjmg.jus.br - nº verificador:
1000020545158600020201390185
Petição Eletrônica protocolada em 14/12/2020 11:40:02

Fl. 10/10

Número Verificador: 1000020545158600020201390185


Documento eletrônico e-Pet nº 5317949 com assinatura digital
Signatário(a): SERGIO RODRIGUES LEONARDO CPF: 03049190639
Recebido em 14/12/2020 11:38:51