Você está na página 1de 3

Lilith

Introdução

Primeiramente devo deixar claro que este está mais para um diário mágico do que
um livro, por isso farei o máximo possível para que ele se pareça mais com um
livro com uma leitura mais lúdica, contudo fiel e verdadeira à experiência a qual
vou passar nos próximos dias.
Eu simplesmente não queria, mas vou tentar ser um pouco mais precisa, caso
você esteja lendo esse livro para entender a experiência, comparar até mesmo
com a sua própria se quiser fazer.
Ano passado comecei fazer a prática de Mansões Lunares junto com uma amiga,
e, tal prática pode ser encontrada num blog bastante conhecido e acessado na
internet chamado Bruxaria Sem Dogmas. Ao mesmo tempo estava escrevendo
uma história fictícia onde Lilith fazia parte do enredo.
Aconteceu que durante aquele período eu tive um sonho lúcido com ela,
explicando-me todas as fases e o que aconteceria nelas enquanto ela me possuía.
A palavra possessão sempre soou muito forte pra mim e não ia soar diferente
num sonho lúcido que logo percebi que era uma projeção astral.
Isso porque, enquanto ela fazia o processo que não consigo me lembrar com
exatidão o que era mostrado num tipo de espelho ou tela, percebia que a
possessão dela em mim havia começado e lúcida me forcei para acordar, porque
não queria me tornar o que ela estava me transformando.
Repetidas vezes consegui acordar, mas não conseguia me manter acordada e
retornava para o mesmo ponto que tinha parado e Lilith continuava com seu
processo. Só consegui sair daquela situação quando noutra tentativa de
despertar, levantei-me da cama e fiquei em pé, até afastar aquele sono
descomunal.
Não sei precisar o exato dia e que signo que estava a lua quando isso aconteceu,
pois estava levando toda a experiência numa forma mais descontraída e ao falar
isso, acho que devo mencionar aqui na introdução minha relação com magia e
espiritualidade no momento.
Fiquei anos sob a noite escura da alma e posso dizer que fiquei questionando por
todo esse tempo todas as minhas experiências e até mesmo ficando muito
confusa com tudo. Nessa altura e digo com certa precisão que estou encarando
essa experiência de forma empírica.
Você, assim como eu, deve se perguntar o que exatamente aconteceu entre eu e
Lilith. Minha vida deu uma virada, meu humor tornou-se melhor e as coisas
caminharam de forma próspera e senti-me capaz de pensar num futuro, em criar
projetos, ou seja, estava pronta para fazer todo o necessário para dar continuar
com todo o meu processo.
Vale ressaltar que a lua estará em Áries dia 26 e menstruei exatos três dias
antes, provável que menstruarei enquanto estiver terminando essa prática Lunar.
E acredito que será uma oferenda excepcional.