Você está na página 1de 1

FSS 13.

02
PREVENÇÃO DE RISCOS
Data: 01-02-2021

EXPOSIÇÃO AO RUÍDO

1. CARACTERIZAÇÃO

Os níveis elevados de ruído implicam riscos para a saúde e a segurança dos trabalhadores.

A exposição a níveis elevados de ruído pode acontecer em zonas de concentração de máquinas ou associada à
utilização de determinado equipamento de trabalho como, por exemplo, um martelo pneumático ou uma
perfuradora.

edp
2. RISCOS MAIS FREQUENTES
 Perda da capacidade auditiva
 Distúrbios gastrointestinais
 Interferência na comunicação

3. MEDIDAS DE PREVENÇÃO

 Identificar as máquinas e equipamentos ruidosos e, se possível, actuar na organização do trabalho de


modo a diminuir o ruído ambiente e/ou o número de pessoas afectadas.

 Organizar o trabalho de modo a diversificar a actividade e permitir a rotatividade.

 Sempre que os trabalhadores estejam expostos a um nível de acção pessoal diária igual ou superior a 85
dB(A), ou sempre que utilizem equipamentos de trabalho considerados com nível de ruído elevado (ver
instruções do fabricante)devem:
 Utilizar protecção auricular adequada às características do ruído;
 Ser objecto de vigilância médica, incluindo exames audiométricos anuais.

 Colocar no estaleiro sinais de “Protecção obrigatória dos ouvidos”.

4. LEGISLAÇÃO APLICÁVEL
 Decreto-Lei n.º 72/92, de 28/04 - Estabelece a protecção dos trabalhadores contra os riscos devidos à
exposição ao ruído durante o trabalho
 Decreto Regulamentar n.º 9/92, de 28/04 - Estabelece as normas relativas à protecção dos
trabalhadores contra os riscos decorrentes da exposição ao ruído durante o trabalho
 Decreto-Lei n.º 292/2000, de 14/11 - Aprova o Regulamento Geral sobre o Ruído
 Decreto-Lei n.º 259/2002, de 23/11 - Altera o Regulamento Geral sobre o Ruído (DL 292/2000, de
14/11)
 Decreto-Lei n.º 76/2002, de 26/03 - Aprova o Regulamento das Emissões Sonoras para o Ambiente
do equipamento para utilização no exterior.

pág. 1/1

Você também pode gostar