Você está na página 1de 3

Atividade Online – AO 01 - Formulário do aluno

Curso: PEAR
Professor(a): Fernando Lionel Quiroga
Nome da disciplina: Sociologia da Educação
Discente: Beatriz Pereira Santos

Resenha
A partir da leitura do texto e das reflexões decorrentes dos filmes, elabore uma resenha
apontando as principais contribuições de Karl Marx, Émile Durkheim e Max Weber para a
sociologia da educação.

No decorrer dos séculos, as sociedades passou por muitas mudanças e isso fez
vários sociólogos apresentam teorias de como deveria ser o comportamento das pessoas
e instituições. No meio educacional não foi muito diferente após a revolução capitalista,
Karl Marx apresentou fatores que a sociedade não enxergava, e relatou que o papel da
escola era esclarecer, desenvolveram um cidadão crítico, e mostrar uma realidade
diferente para os alunos. Provavelmente pode-se afirmar que Max definiu essa função
para escola, visando a situação das classes mais baixas porque provavelmente aquelas
pessoas sofreriam bastante, sem uma escolaridade decente, e aceitaria o futuro conforme
as pessoas das classes mais altas ditaria, e o sonho dele era acabar com as divisões
sociais e a escola ser o lugar ideal para essa transformação no mundo.
Ao Contrário, Emile Durkheim via a escola como um centro principal para as
apresentações das regras sociais e um lugar ideal para o desenvolvimento social do
homem. Essa era a função da escola ser um lugar onde a criança iria aprender como ser
uma pessoa socialmente integrada e aprender a respeitar as regras, para Durkheim a
escola não tinha vínculo nenhum com a economia do país, como Max havia dito pois para
ele a economia não era uma instituição organizadora.
Outro sociólogo importante para o processo educacional foi Max Weber que apesar
de não ter escrito nada em relação à educação, contribuiu bastante nesse processo. Para
ele o professor não deveria interagir em outras atmosferas da vida pessoal do aluno, pois
isso poderia afetar em sua posição como cidadão e feriria a integralidade do professor,
outra concepção weberiana, era que o professor não deveria ser visto como líder, pois
essa não era a função destinada para aquele cargo e caso o docente orientasse algum
aluno a situações ou práticas da vida pessoal, o professor deveria abster-se na ocupação
Com isso nota-se que as teorias que até mesmo se chocam, contribuíram muito
para o processo de educação do mundo, pois cada um contribuiu e contribui até hoje
nesse processo da educação, entretanto essas teorias não devem ser implementadas ao
pé da letra mas sim interpretados e adaptado para realidade em questão onde a escola
está inserida, para que possa ser utilizada e ter o real aproveito delas.

 Referências bibliográficas
QUIROGA, F. L., & PAOLUCCI, Aparecida B. (2020). Revisitando os clássicos: as contribuições de
Karl Marx, Émile Durkheim e Max Weber para a sociologia da educação. Educação Por
Escrito, 11(1), e34614. https://doi.org/10.15448/2179-8435.2020.1.34614
CASSIN, Marcos. Sociedade Capitalista e Educação: uma leitura dos clássicos da
sociologia. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, n.32, p.150-157, dez.2008. Disponível em
https://www.fe.unicamp.br/pf-fe/publicacao/5096/art10_32.pdf
Vídeo 1. Marx e a Educação. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=LvQB3fqENDc
Clássicos da Sociologia: Émile Durheim . Disponível em: https://www.youtube.com/watch?
v=SMaxxNEqk7U