Você está na página 1de 5

2

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE

2019 Fundamentos de Química


Uma nova substância a cada 2.6 segundos
Após ocorrerem as ligações entre os átomos se formam as
moléculas que constituem as mais diversas substâncias
químicas. Elas podem ser classificadas pelo tipo de ligação que as
forma ou pelo número de átomos participantes nessas ligações.
Como se forma uma grande quantidade de substâncias, elas são divididas em grupos, com propriedades químicas
semelhantes, chamados de funções químicas. Os primeiros 10 milhões de substâncias foram registradas
oficialmente ao longo de 33 anos. Atualmente essa quantidade é atingida a cada nove meses ao ponto de uma nova
substância ser isolada ou sintetizada a cada 2.6 segundos. O contador on line da base de dados Chemical Abstracts
Service (CAS) da American Chemical Society (ACS) mostra mais de 112 milhões de substâncias cadastradas sem
contar as moléculas produzidas e patenteadas por laboratórios privados.

5. FUNÇÕES QUÍMICAS

5.1 Determinar o estado de oxidação dos elementos sublinhados:


a) PH3 b) H2S c) CrF3 d) H2SO4 e) H2SO3 f) Al2O3
g) S-2 h) H2SO2 i) S2O3-2 j) CS2 k) S8 l) Na2S4O6
a) NH3 b) HN3 c) N2H4 d) NO2 e) N2O4 f) NO2-
m) ClO- n) ClO2- o) ClO3- p) ClO4- q) P2O7-4 r) NaAuCl4
s) MnO4- t) UO2+2 u) MnO4-2 v) Na2Cr2O7 w) K4P2O7 x) VO2+
y) Rb4Na[HV10O28]
5.2 Escrever a fórmula e o nome dos hidretos não metálicos que contêm os elementos seguintes:
a) Cl (nox=-1) b) I (nox=-1) c) S (nox=-2) d) F (nox=-1) e) Se (nox=-2)
estes hidretos ionizam na água liberando hidrogênio H+, comportando-se como qualquer ácido. Neste caso, qual o
nome destes hidrácidos?
5.3 Escrever a fórmula e o nome dos Hidretos metálicos contendo:
a) Tl (nox=+1, +3) b) Ba (nox=+2) c) Co (nox=+2, +3) d) Ni (nox=+2, +3)
5.4 Nomear e formular todos os hidróxidos dos metais seguintes:
a) Hg (nox=+1,+2) b) Na (nox=+1) c) Fe (nox=+2,+3) d) Al (nox=+3)
5.5 Nomear e formular todos os sais formados quando os cinco ácidos hidrácidos (do item 5.2) são neutralizados
respectivamente com os seis hidróxidos (do ítem 5.4). Lembrar que nos sais haloides os ácidos ÍDRICO derivam
seus sufixos para ETO.
5.6 A fórmula dos oxiácidos depende do estado de oxidação do elemento E e se constrói segundo o critério:
Se nox(E)= ímpar H EOY onde Y=[1+nox(E)]/2
Se nox(E)= par H2EOY onde Y=[2+nox(E)]/2
Se E=As, Sb, B, P H3EOY onde Y=[3+nox(E)]/2
Formular e nomear todos os ácidos oxigenados dos elementos seguintes:
p) Sn(nox=+2,+4) q) As(nox=+3, +5) r) Sb(nox=+3,+5)
m) P(nox=+3,+4,+5) n) S(nox=+2,+4,+6) o) Se(nox=+2,+4,+6)
5.7 Nomear e formular todos os sais formados quando os quinze oxiácidos (do ítem 5.6) são neutralizados
respectivamente com os dez hidróxidos (do ítem 5.4). Lembrar que nos sais oxigenados ácidos OSO e ICO derivam
seus sufixos para ITO e ATO.
5.8 Escrever a fórmula e o estado de oxidação dos cátions e ânions seguintes:
a) Ferroso b) Cúprico c) Nitrato d) Brometo e) Mercúrico f) Sulfeto g) Áurico h) Hidreto

5.9 Escrever o nome dos cátions e ânions seguintes:


a) F- b) Mn+2 c) SO4-2 d) Sn+2 e) CrO4-2 f) Cu+ g) Ba+2 h) I- i) Cr+3
5.10 Completar as tabelas nomeando e formulando as substâncias químicas. Nas fórmulas sendo todos os
subíndices divisíveis por um mesmo número, eles deverão ser simplificados.
a) Hidretos: b) Óxidos:
Fórmula Nome Fórmula Nome Fórmula Nome Fórmula Nome
AgH Hidreto niqueloso CO2 Óxido brómico
AuH3 Hidreto mercúrico Cl2O5 Óxido clórico
BeH2 Hidreto platinoso Li2O2 Óxido cobaltoso
CoH2 Hidreto de rubídio Cl2O3 Óxido de alumínio
CrH2 Ácido fluorídrico As2O3 Óxido de níquel
CsH Hidreto de magnésio CuO Óxido estânico
FeH3 Hidreto de estrôncio I2O Óxido férrico
H2Se Ácido telurídrico Hg2O Óxido hipocloroso
c) Hidróxidos: d) Ácidos
Fórmula Nome Fórmula Nome Fórmula Nome Fórmula Nome
AgOH Hidróxido de berílio HClO4 Ácido bromídrico
Be(OH)2 Hidróxido estânico H3BO3 Ácido bromoso
Ca(OH)2 Hidróxido estanoso HIO2 Ácido carbônico
Ce(OH)4 Hidróxido cuproso H2Cr2O7 Ácido clórico
Co(OH)2 Hidróxido mercúrico H2CO3 Ácido clorídrico
Cu(OH)2 Hidróxido de cádmio H2TeO3 Ácido cloroso
FrOH Hidróxido ferroso H2SiO3 Ácido crômico
NaOH Hidróxido férrico H2SeO2 Ácido fluorídrico
e) Sais haloides e oxigenados:
Fórmula Nome Fórmula Nome
Cr(IO3)2 Carbonato de cálcio
Cr2Te3 Sulfito ferroso
CsF Sulfeto aúrico
Cu(NO3)2 Manganato de lítio
Fe2(TeO4)3 Fosfato cobáltico
FeP Sulfeto auroso
FePO4 Iodeto de berílio
KClO Telurato férrico

6. SOLUÇÕES

6.1 Calcule a molaridade de um volume V de solução aquosa na que estão dissolvidos m gramas da substância A.
A V (mL) m (g) A V (mL) m (g) A V (mL) m (g)
a) ZnSO4 100 19.0 b) PtP2O7 110 18.0 c) OsPO2 120 17.0
d) NaNO3 130 16.0 e) MgS 140 15.0 f) LiCl 150 14.0

6.2 Quantos gramas da substância B são necessários para preparar v mL de uma solução aq. de molaridade M?
B v (mL) M (mol/L) B v (mL) M (mol/L) B v (mL) M (mol/L)
a) Al3PO4 200 0.01 b) K2Cr2O7 250 0.10 c) KBr 300 1.00
d) Li3BO3 350 0.02 e) LiCl 400 0.20 f) MgS 450 2.00

6.3 a) Calcule a concentração molar de um volume de 110 mL de solução aquosa em que foram dissolvidos
18.0 gramas de fosfato de platino (PtP2O7).
b) Quantos gramas de KBr são necessários para preparar 170 mL de uma solução aquosa com 1.7 mol/L?
6.4 Quantos g das soluções a 20%p e 4%p de NaOH devem ser misturados visando 400g de uma solução a 8%p?
6.5 Qual a quantidade de água que deve ser adicionada a 12 L de uma solução a 15%v para diluí-la até 4%v?
6.6 Uma solução aquosa de NaCl a 2.08 mol/l tem uma densidade de 1.08 g/cm 3. Qual a concentração em
percentual mássico de 58.5 ml dessa solução?
6.7 Quando 39.2 g de ácido sulfúrico (=1.84 g/cm3) são dissolvidos em 200 mL de água, é obtida uma solução de
volume igual a 220 mL. Qual é o %p, %v, molaridade e molalidade dessa solução?
6.8 Se se dissolvem 2.54 g de BaCl2 em 250mL de uma solução 0.72 M de Ba(OH)2. Qual é a concentração molar de
íons Ba++ na solução?

7. GASES

7.1 Determinar o volume ocupado por 28 g de N2 a 0ºC e 1 atm.


7.2 Uma massa gasosa ocupa 15 L sob pressão de 1.95 atm, qual a variação no volume dessa massa se a pressão é
reduzida até 0.195 atm, mantendo a temperatura constante?
7.3 Uma massa gasosa ocupa 26 L a 150ºC, qual a variação volumétrica do gás se ocorrer um resfriamento até 7º
C, mantendo a pressão constante?
7.4 Um gás a 2ºC e 2atm confinado em um tanque metálico de 20 L sofre aquecimento até 200ºC. Qual a pressão
interna atingida?
7.5 A 12ºC e 21 atm uma massa de gás ocupa 120 L. Qual o volume do gás se ele for comprimido até o dobro da
pressão inicial, aquecendo a o mesmo tempo até o dobro da temperatura inicial?
7.6 Calcular a pressão dentro de um botijão de gás
a) num dia de inverno (10ºC) b) num dia de verão (30ºC)
Considerações:
- Gás butano (C4H10: 58 g/mol) - Conteúdo 13 kg - Botijão D=50 cm; H=60 cm. (Volume do cilindro V= πD2H/4)

7.7 Calcular o volume de líquido perdido após a agitação proposital de uma lata de refrigerante gelado.
Considerações:
- Lata de refrigerante comum de 350 mL;
- Assuma a temperatura de refrigeração da sua preferência. Evitar congelamento do líquido;
- Pressão interna na lata, 1.2 atm;
- Bolhas esféricas de gás carbônico com um diâmetro médio de 4 mm. (Volume da esfera V= πD3/6)
- Número total de bolhas formado na agitação igual a _____________ (*).
(*) Preencher com os três últimos dígitos de sua matrícula

8. FÓRMULAS, EQUAÇÕES E CÁLCULOS QUÍMICOS

8.1 Determinar a composição elementar percentual da riboflavina ou vitamina B 2 (C17H20O6N4). Quantos gramas
de nitrogênio existem em 15 g de riboflavina?
8.2 Calcular a fórmula de um composto orgânico cuja composição elementar percentual é
a) C=40,67%, H=8,47%, N=23,73%, O=27,13% Resposta: C2H5NO
b) C=50.77%, H=24,61%, O=12,31%, S=12,31% Resposta: C11H64O2S

8.3 Libb Thims, em seu livro The Human Molecule (2008) apresenta a composição elementar percentual de um ser
humano
Percentual dos elementos do corpo humano
E nº átomos M g/mol nºM % E nº átomos M g/mol nºM %
H 2,50109 1,01 2,52x109 9,90 Zn 1,20x104 65,41 7,85x105 0,00308411
O 9,70x108 16,00 1,55x1010 60,98 Si 9,10x103 28,09 2,56x105 0,00100423
C 4,90x108 12,01 5,89x109 23,12 Cu 1,20x103 63,55 7,63x104 0,00029963
N 4,70x107 14,01 6,58x108 2,587 B 710 10,81 7,68x103 0,00003016
P 9,00x106 30,97 2,79x108 1,095 Cr 980 52,00 5,10x103 0,00002002
Ca 8,90x106 40,08 3,57x108 1,402 Mn 930 54,94 5,11x103 0,00002008
K 2,00x106 39,10 7,82x107 0,3073 Ni 870 58,69 5,11x103 0,00002006
Na 1,90x106 22,99 4,37x107 0,1716 Se 650 78,96 5,13x103 0,00002017
S 1,60x106 32,07 5,13x107 0,2016 Sn 640 118,71 7,60x103 0,00002985
Cl 1,30x106 35,45 4,61x107 0,1811 I 600 126,90 7,61x103 0,00002992
Mg 3,00x105 24,31 7,29x106 0,0287 Mo 190 95,94 1,82x103 0,00000716
Fe 5,50x104 55,85 3,07x106 0,0121 Co 170 58,93 1,00x103 0,00000394
F 5,40x104 19,00 1,03x106 0,00403106 V 1 50,94 50,94 0,00000020
2,545x1010 100 %

indicando que dos 118 elementos conhecidos o ser humano utiliza 26 elementos na sua composição sendo
facilmente deduzida a fórmula molecular de um homem:
H2,5109 O9,7108C4,9108 N4,7107 P9,0106 Ca8,9106 K2,0106 Na1,9106 S1,6106 Cl1,3106 Mg3,0105
Fe5,5104 F5,4104 Zn1,2104 Si9,1103 Cu1,2103 B7,1102 Cr98 Mn93 Ni87 Se65 Sn64 I60 Mo19 Co17 V
Cuja massa corresponde a M=2,545x1010 g/mol.

a) Quantas pessoas de 70 kg pode haver em um mol de essa fórmula? Rpta: 363.572


b) Considerando uma pessoa de 70 kg, quantos dólares podem ser obtidos, pela quantidade de vanádio,
cobre e potássio se o custo internacional por kg destes metais é V: em U$2.200,00; Cu: U$160,00; K: U$1.000,00.
8.4 Utilizando o método algébrico balancear as seguintes reações
1.- H2 + O2 → H2O 11.- CuO + H2SO4 → CuSO4 + H2O
2.- Na + Cl2 → NaCl 12.- Al2S3 + H2O → Al(OH)3 + H2S
3.- CaO + SiO2 → CaSiO3 13.- Ba(IO3)2 → Ba5(IO6)2 + I2 + O2
4.- BaCO3 → BaO + CO2 14.- (NH4)2Cr2O7 → Cr2O3 + H2O + N2
5.- P2H4 → PH3 + P4H2 15.- Sn + HNO3 → SnO2 + NO2 + H2O
6.- TiCl4 + Mg → MgCl + Ti 16.- I2 + HNO3 → HIO3 + NO2 + H2O
7.- KrF2 + H2O → Kr + O2 + HF 17.- H2SO4 + C → CO2 + SO2 + H2O
8.- Na2CO3 + C + N2 → NaCN + CO 18.- CuO + NH3 → N2 + H2O + Cu
9.- S + HNO3 → SO2 + NO + H2O 19.- MnO2 + HCl → Cl2 + MnCl2 + H2O
10.- ClO3 + H2O + I2 → IO3 + Cl + H 20.- (NH4)2MoO4 + HNO3 + H3PO4 → NH4NO3 + (NH4)3PO4•12MoO3 + H2O
8.5 Utilizando o método algébrico balancear as seguintes reações de combustão que envolvem
a) hidrocarbonetos lineares: b) hidrocarbonetos cíclicos:
1.- CH4 + O2 → CO2 + H2O 7.- C3H6 + O2 → CO2 + H2O
2.- C2H6 + O2 → CO2 + H2O 8.- C4H8 + O2 → CO2 + H2O
3.- C3H8 + O2 → CO2 + H2O 9.- C5H10 + O2 → CO2 + H2O
4.- C4H10 + O2 → CO2 + H2O 10.- C6H12 + O2 → CO2 + H2O
5.- C8H18 + O2 → CO2 + H2O 11.- C8H16 + O2 → CO2 + H2O
6.- CnH2n+2+O2→CO2+H2O Rpta: a=1, b=(3n+1)/2, c=n, d=(n+1) 12.- CnH2n+O2→CO2+H2O Rpta: a=1, b=3n/2, c=n, d=n

Dados

Números de oxidação dos elementos químicos


Os estados de oxidação mais comuns estão em negrito.
−1 H +1 Kr +2 Lu +3
He Rb +1 Hf +2 +3 +4
−1 Li +1 Sr +2 −1 Ta +2 +3 +4 +5
Be +2 Y +1 +2 +3 −2 −1 W +1 +2 +3 +4 +5 +6
B +1 +2 +3 Zr +1 +2 +3 +4 −3 −1 Re +1 +2 +3 +4 +5 +6 +7
−4 −3 −2 −1 C +1 +2 +3 +4 −1 Nb +2 +3 +4 +5 −2 Os +1 +2 +3 +4 +5 +6 +7 +8
−3 −2 −1 N +1 +2 +3 +4 +5 −2 −1 Mo +1 +2 +3 +4 +5 +6 −1 Ir +1 +2 +3 +4 +5 +6
−2 −1 O +1 +2 −3 −1 Tc +1 +2 +3 +4 +5 +6 +7 Pt +2 +4 +5 +6
−1 F −2 Ru +1 +2 +3 +4 +5 +6 +7 +8 −1 Au +1 +2 +3 +5
Ne −1 Rh +1 +2 +3 +4 +5 +6 Hg +1 +2 +4
−1 Na +1 Pd +2 +4 Tl +1 +3
Mg +1 +2 Ag +1 +2 +3 −4 Pb +2 +4
Al +1 +3 Cd +2 −3 Bi +3 +5
−4 −3 −2 −1 Si +1 +2 +3 +4 In +1 +2 +3 −2 Po +2 +4 +6
−3 −2 −1 P +1 +2 +3 +4 +5 −4 Sn +2 +4 −1 At +1 +3 +5 +7
−2 −1 S +1 +2 +3 +4 +5 +6 −3 Sb +3 +5 Rn +2
−1 Cl +1 +2 +3 +4 +5 +6 +7 −2 Te +2 +4 +5 +6 Fr +1
Ar −1 I +1 +3 +5 +7 Ra +2
K +1 Xe +2 +4 +6 +8 Ac +3
Ca +2 Cs +1 Th +2 +3 +4
Sc +1 +2 +3 Ba +2 Pa +3 +4 +5
−1 Ti +2 +3 +4 La +2 +3 U +3 +4 +5 +6
−1 V +1 +2 +3 +4 +5 Ce +2 +3 +4 Np +3 +4 +5 +6 +7
−2 −1 Cr +1 +2 +3 +4 +5 +6 Pr +2 +3 +4 Pu +3 +4 +5 +6 +7
−3 −2 −1 Mn +1 +2 +3 +4 +5 +6 +7 Nd +2 +3 Am +2 +3 +4 +5 +6
−2 −1 Fe +1 +2 +3 +4 +5 +6 Pm +3 Cm +3 +4
−1 Co +1 +2 +3 +4 +5 Sm +2 +3 Bk +3 +4
−1 Ni +1 +2 +3 +4 Eu +2 +3 Cf +2 +3 +4
Cu +1 +2 +3 +4 Gd +1 +2 +3 Es +2 +3
Zn +2 Tb +1 +3 +4 Fm +2 +3
Ga +1 +2 +3 Dy +2 +3 Md +2 +3
−4 Ge +1 +2 +3 +4 Ho +3 No +2 +3
−3 As +2 +3 +5 Er +3 Lr +3
−2 Se +2 +4 +6 Tm +2 +3 Rf +4
−1 Br +1 +3 +4 +5 +7 Yb +2 +3
Estados de oxidação mais comuns dos elementos.

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18
IA II A III B IV B VB VI B VII B VIII B VIII B VIII B IB II B III A IV A VA VI A VII A 0
1 2
H He
1 0
3 4 5 6 7 8 9 10
Li Be B C N O F Ne
+1 +2 +3 +2 4 +2 3 -2 -1 0
+4 +5
11 12 13 14 15 16 17 18
Na Mg Al Si P S Cl Ar
+1 +2 +3 +4 3 +4 2 +4 1 +3 0
+5 +6 +5+7
19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36
K Ca Sc Ti V Cr Mn Fe Co Ni Cu Zn Ga Ge As Se Br Kr
+1 +2 +3 +3 +4 +2 +3 +4 +2 +3 +2 +3 +2 +3 +2 +3 +2 +3 +1 +2 +2 +3 +4 3 +5 -2 +4 1 +5 +2
+5 +6 +4 +6 +7 +6
37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 47 48 49 50 51 52 53 54
Rb Sr Y Zr Nb Mo Tc Ru Rh Pd Ag Cd In Sn Sb Te I Xe
+1 +2 +3 +4 +3 +5 +2 +3 +7 +2 +3 +2 +3 +2 +4 +1 +2 +3 +2 +4 3 +5 -2 +4 1 +3 +2
+4 +5 +4 +6 +8 +4 +6 +5 +7 +4 +6
+6
55 56 57 a 72 73 74 75 76 77 78 79 80 81 82 83 84 85 86
Cs Ba 71 Hf Ta W Re Os Ir Pt Au Hg Tl Pb Bi Po At Rn
+1 +2 +4 +5 +2 +3 -1 +2 +2 +3 +2 +3 +2 +4 +1 +3 +1 +2 +1 +3 +2 +4 +3 +5 +2 +4 1 +3 +2
+4 +5 +6 +4 +6 +7 +4 +6 +8 +4 +6 +5 +7
87 88 89 a 104 105 106 107 108 109 110 111 112
Fr Ra 103 Rf Db Sg Bh Hs Mt Uun Uuu Uub
+1 +2 +4 +5 +6 +7 +4 +5 +6 +4 +3
57 58 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70 71
La Ce Pr Nd Pm Sm Eu Gd Tb Dy Ho Er Tm Yb Lu
+3 +3 +4 +3 +4 +3 +3 +2 +3 +2 +3 +3 +3 +4 +3 +3 +3 +2 +3 +2 +3 +3
89 90 91 92 93 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103
Ac Th Pa U Np Pu Am Cm Bk Cf Es Fm Md No Lr
+3 +4 +4 +5 +3 +4 +3 +4 +3 +4 +3 +4 +3 +3 +4 +3 +3 +3 +3 +2 +3 +3
+5 +6 +5 +6 +5 +6 +5 +6

Metais Não metais Metalóides


Observação: Número de grupos na T.P: G= 8 (de 0 a VII), Número de famílias F=18 (de 1 a 18)
• Mínimo estado de oxidação de um elemento: nox(E)=G-8,
• Máximoestado de oxidação de um elemento: nox(E)=G

Você também pode gostar