Você está na página 1de 2

 

CERIMÔNIA DE NOIVADO 
  Visualize em PDF

Texto Bíblico: Mt 1.18 – NVI - ...foi assim o nascimento de Jesus Cristo: Maria, sua


mãe, estava “prometida em casamento” (desposada) a José, mas, antes que se
unissem, achou-se grávida pelo Espírito Santo...
O QUE É UM NOIVADO?
O noivado é um compromisso não somente com o futuro cônjuge, mas também com
a família e com a sociedade, é também um compromisso moral e material, pois
envolve responsabilidades para com a futura família que se formará, é necessário
pensar em seu sustento, moradia, segurança. Além disso, o noivado cristão é também
um compromisso espiritual, pois desde o início o casal deve convidar a Cristo para
fazer parte do seu relacionamento, pois o nosso relacionamento com Deus é a base
para todos os outros relacionamentos da nossa vida e é principalmente a base
fundamental para um casamento bem sucedido.

O NOIVADO NOS TEMPOS BÍBLICOS:


Na época do antigo e do novo testamento, o noivado era bastante sério; neste período
que durava aproximadamente um ano, eram feitos os preparativos para o casamento,
tais como: O acerto do dote; a indenização (para os pais da noiva) caso o casamento
não se concretizasse; etc...

Era praticamente impossível que o casamento não ocorresse, pois o envolvimento


familiar e da sociedade era tão grande que um rompimento de noivado causaria sérios
problemas.

Foi neste contexto que José e Maria se encontravam quando ela se achou grávida pelo
poder do Espírito Santo. Após o noivado os jovens eram chamados de esposa e
marido respectivamente (Mt 1.19). O período de noivado duraria aproximadamente
um ano e neste período o rapaz era liberado do serviço militar (Dt 20.7). Somente
após o casamento eles viveriam juntos e teriam relações sexuais  (Mt 1. 18-25). A
pureza sexual era tão importante que se um homem tivesse relações sexuais com uma
noiva, seria morto a pedradas (Dt 22.22-29)!

A IMPORTÂNCIA DO NOIVADO PARA O CRISTÃO


Existem muitos motivos para que o noivado seja mantido entre os cristãos, embora os
costumes tenham mudado no que se refere aos dotes e outras práticas. Vejamos:

1) O noivado é um modo de formalizar um compromisso. Sabemos que o ser humano


tende a falhar em suas promessas, e o noivado firma as promessas do namoro diante
de Deus, da igreja e da sociedade.

2) O noivado evita a irresponsabilidade por parte de ambas as partes envolvidas no


relacionamento e estabelece um limite no tempo de namoro. O namoro serve para
confirmar o relacionamento e o noivado para afirmar esta confirmação. Ser noivo
significa afirmar que já fizeram a escolha definitiva e que estão assumindo um
compromisso de, em breve, se casar.
CONCLUSÃO: Concluímos que o noivado é um tempo de preparação para a união
definitiva de duas pessoas.