Você está na página 1de 21

FACULDADE ASSIS GURGACZ

PÓS GRADUAÇÃO ENGENHARIA DE GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE


OBRAS

RODRIGO FÚRIO SOARES

LAUDO DE INSPEÇÃO PREDIAL

CASCAVEL-PR

2020

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
RODRIGO FÚRIO SOARES

LAUDO DE INSPEÇÃO PREDIAL

Trabalho apresentado como critério de obtenção


de nota na disciplina de Manifestações Patológicas,
Prevenção e Tratamento, do curso de Pós-
Graduação de Engenharia de Gerenciamento e
execução de Obras, ministrada pelo professor
Eduardo Pinheiro.

CASCAVEL-PR

2020

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
SUMÁRIO

1. CONSIDERAÇÕES INICIAIS .......................................................................................................04

2. REALIZAÇÃO DO LAUDO..........................................................................................................05

3. DATA DA VISTORIA..................................................................................................................06

4. OBJETO DA INSPEÇÃO.............................................................................................................07

5. METODOLOGIA .......................................................................................................................08

6. NÍVEL DE INSPEÇÃO......... .......................................................................................................09

7. DOCUMENTAÇÃO ANALISADA ...............................................................................................10

8. RESULTADOS...........................................................................................................................11

9. RESPONSABILIDADE................................................................................................................15

10. CONCLUSÃO..........................................................................................................................16

11. ENCERRAMENTO...................................................................................................................17

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
1. CONSIDERAÇÕES INICIAIS
1.1 IDENTIFICAÇÃO
Edificação residencial unifamiliar, de pavimento tipo térreo e área de 120,52m²

1.2 LOCALIZAÇÃO
Rua César Ladeira, nº32, Bairro Pôr do Sol, cidade de Palotina/PR – CEP: 85.950-000

Figura 1 Localização do imóvel avaliado

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
2. REALIZAÇÃO DO LAUDO
Responsável Técnico: Rodrigo Fúrio Soares
Especialidade: Engenheiro Civil, Especialista em Gerenciamento e Execução de Obras
Registro Profissional: CREA-PR 2020.2020/D
ART – Anotação de Responsabilidade Técnica: 20202020202020

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
3. DATA DA VISTORIA
A vistoria técnica para desenvolvimento do laudo de inspeção predial nas dependências
do imóvel do proponente foi realizada no dia 10 de dezembro de 2020, no período
vespertino, acompanhado pelo proprietário do imóvel.

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
4. OBJETO DA INSPEÇÃO

A vistoria e a realização do laudo, foram solicitadas pelos proprietários do imóvel, visto


o apontamento por eles, que a edificação apresentava diversos problemas, em sua
estrutura.

A edificação possui uma área de 120,25m², que se encontra locada sobre um terreno
de 350,00m², apresentando as seguintes características construtivas: estrutura em
concreto armado, fundações em estacas, elevações em alvenarias de lajotas cerâmicas,
cobertura em telhado aparente, sem laje, esquadrias em vidros blindex e estrutura em
alumínio.

Cômodos da edificação:

- 1 Dormitório;

- 1 Suíte;

- 1 Sala de Estar;

- 1 Cozinha;

- 1 Banheiro Social;

- 1 Área de Serviço;

- 1 Garagem para um carro.

Imagem 2 – Fachada da edificação

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
5. METODOLOGIA

A inspeção predial está baseada no “Check-up” da edificação, anamnese da edificação,


que tem como resultado a análise do fato ou da condição relativa á habitabilidade,
mediante verificação “in loco” de cada sistema construtivo, estando a mesma voltado
para o enfoque da segurança, conforto e manutenção predial da edificação em questão,
de acordo e diretrizes com normas de inspeções prediais vigentes,

A inspeção procede ao diagnóstico das anomalias construtivas e falhas de manutenção


que interferem e prejudicam o estado de utilização da edificação e suas instalações,
tendo como objetivo verificar os aspectos de desempenho, vida útil, utilização e
segurança que tenham interface direta com os usuários.

Para este trabalho não foram realizados testes, medições ou ensaios, pela ocasião de
nível de inspeção estabelecido.

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
6. NÍVEL DE INSPEÇÃO

Esta inspeção é classificada como “Inspeção de Nível 1”, representada por análise
expedita dos fatos e sistemas construtivos vistoriados, com a identificação de suas
anomalias e falhas aparentes.

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
7. DOCUMENTAÇÃO ANALISADA

- Projeto Arquitetônico;

- Matrícula do imóvel;

- Levantamento físico.

Nota: destaca-se que não foi disponibilizado projetos complementares, como projeto
estrutural, hidrossanitário, elétrico, bem como memoriais descritivos.

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
8. RESULTADOS

8.1 FISSURA

Não conformidade: apresentação de fissura na alvenaria, próximo a esquadria

Criticidade: mínima

Local: parede externa – garagem

Sistema: Alvenaria

Definição: Aberturas na alvenaria, com espessura inferior 0,5mm, que pode evoluir pra
trincas e rachaduras e casos mais agravantes. Elas se manifestam geralmente quando
as tensões que a superfícies precisa resistir são inferiores às deformações, essa
diferença faz que aconteça alívio no sistema, ocasionando a mesma, podem ainda estar
relacionada pela movimentação do solo. A recuperação, em casos simples, pela
aplicação de selantes flexíveis é bem utilizada, sendo capaz de absorver as tensões,
tomando como referência a Norma de Desempenho 15575-2/2003.

Imagem 2 Fissura – Imagem autoral

8.2 TRINCA

Não conformidade: apresentação de trinca na alvenaria, próximo a esquadria

Criticidade: mínima

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
Local: parede interna – suíte

Sistema: Alvenaria

Definição: Aberturas na alvenaria, com espessura entre 0,5mm e 1,0mm. Elas se


manifestam geralmente quando as tensões que a superfícies precisa resistir são
inferiores às deformações, essa diferença faz que aconteça alívio no sistema,
ocasionando a mesma, podem ainda estar relacionada pela movimentação do solo.
Nota-se também a não presença de elementos estruturais como vergas e contra vergas
na estrutura. A recuperação, em casos simples, pela aplicação de selantes flexíveis é
bem utilizada, sendo capaz de absorver as tensões, segundo a Norma de desempenho
já referenciada.

Imagem 3 Trinca – Imagem autoral

8.3 EFLORESCÊNCIA

Não conformidade: apresentação manchas brancas na superfície das paredes

Criticidade: mínima

Local: parede interna – suíte

Sistema: Alvenaria
ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.
GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
Definição: manchas brancas na superfície da alvenaria, revestimentos cerâmicos ou
concreto, que se origina através de reações químicas quando alguns materiais como a
cal, entram em contato com a água, específicos de locais com presença de infiltrações
na estrutura. Para solução, investir em bons materiais e em produtos de qualidade para
impermeabilização da estrutura é uma solução eficaz.

Imagem 4 Eflorescência – Imagem autoral

8.3 REVESTIMENTO SOLTO

Não conformidade: apresentação trincas no revestimento, acompanhando de


desplacamento de argamassa

Criticidade: mínima

Local: Piso - varanda

Sistema: Revestimento

Definição: Analisado a presença de trincas no revestimento, possibilitando a infiltração


de água, proporcionando infiltração e consequentemente permitindo que o revestimento
se desprenda. Pode ser verificado através do ensaio de percussão realizado in loco,
observando diversos locais com o mesmo problema.

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
Imagem 3 Revestimento – Imagem autoral

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
9. RESPONSABILIDADES

A responsabilidade é limitada exclusivamente ao escopo da inspeção predial, eximindo-


se o profissional de análises de problemas ocultos ou de projetos, de construção,
manutenção, bem como implementação das orientações mencionadas neste laudo,
sendo esta de responsabilidade do contratante

A ordenação das irregularidades deverá ser reavaliada periodicamente, uma vez que as
avarias e os riscos oferecidos são evolutivos e sofrem influências externas diárias.

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
10. CONCLUSÃO

Diante das não conformidades técnicas construtivas e de falta de desempenho dos


sistemas vistoriados e destacados no presente laudo, a frente das condições do imóvel,
destacamos a falta de comprometimento, da mão-de-obra utilizada para execução da
edificação, ainda podemos alegar uso de materiais de uma qualidade não indicada para
os devidos fins de aplicabilidade.

Assim, classifica-se a edificação como grau de risco mínimo, onde é possível ser
recuperado e realizada a manutenção, tomando os devidos cuidados para cada
patologia apontada, pois as patologias foram causadas por pequenas perdas de
desempenho e funcionalidade, principalmente quanto a estética programável e
planejada, sem probabilidade de ocorrência de riscos relativos a impactos
irrecuperáveis.

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
11. ENCERRAMENTO

Este laudo técnico de inspeção predial, com objeto, residência unifamiliar, na cidade de
Palotina/PR, é composto por 18 folhas, foi elaborado pelo Engenheiro Civil Rodrigo Fúrio
Soares, especialista em Engenharia de Gerenciamento e Execução de Obras no CREA-
PR 2020.2020/D.

Palotina, 11 de dezembro de 2020.

___________________________

Responsável Técnico

Eng. Civil Rodrigo Fúrio Soares

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
10. BIBLIOGRAFIA

SENA, G. O.; NASCIMENTO, M. L. M.; NETO, A. C. N. Patologia das construções:


Salvador-BA: Editora 2B Ltda, 2020

https://www.aecweb.com.br/revista/materias/patologias-do-concreto/6160

https://www.mapadaobra.com.br/

Manutenção de edificações - requisitos para o sistema de gestão de manutenção. Rio


de Janeiro, 2012.

GOMIDE, T. L. F.; PUJADAS, F. Z. A.; FAGUNDES NETO, J. C. P. Engenharia


diagnóstica em edificações. São Paulo: Pini, 2009.

Norma de Desempenho – ABNT NBR 155759-2/2003

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
ANEXO I

ART – ANOTAÇÃO DE RESPONSABILIDADE TÉCNICA

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
ANEXO II

MATRÍCULA DO IMÓVEL

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG
ANEXO III

PROJETO ARQUITETÔNICO

ESSE LAUDO SE TRATA DE UM TRABALHO ACADÊMICO, SEM VALOR LEGAL – ENG.


GERENCIAMENTO E EXECUÇÃO DE OBRAS – FAG

Você também pode gostar