Você está na página 1de 34

INTRODUÇÃO AOS

ANATOMIA ESTUDOS ANATÔMICOS


HUMANA Prof. Thiago Lucena
CONTRATO PEDAGÓGICO
1. Respeito e ordem, baseado no diálogo.
2. 1ª AV + 2ª AV (interdisciplinar) + 3ª AV = 21 pontos (aprovado).
3. 2ª chamada e final.
4. Organização e acompanhamento do Interdisciplinar.
5. Durante o semestre serão realizadas atividades ou exercícios, que irão somar 2 pontos
(extras).
6. Aulas teóricas + aulas práticas (jaleco, calça e tênis).
7. Falta reprova (aluno tem direito a 25% de faltas) - Parecer CNE/CEB nº 5/97.
8. Contato por e-mail: thiagoi.lucenaa@gmail.com
9. O representante será o contato direto do professor com toda a turma.
ANATOMIA
ANATOMIA

✔ ANA = em partes + TOMEIN = cortar.

✔ Estudo das estruturas de um


organismo e das relações entre suas
partes.

▪MORFOLOGIA
▪LOCALIZAÇÃO
▪FUNÇÃO*

✔ ANATOMIA vs FISIOLOGIA.
FORMAÇÃO E CONSTITUIÇÃO DOS ÓRGÃOS
CONCEITOS
• Normal – sadio (médico), mais frequente (estatístico)
• Variação anatômica – diferença morfológica que não
acarreta transtorno funcional
• Anomalia – alteração morfológica que acarreta
transtorno funcional
• Monstruosidade – anomalia muito acentuada,
incompatível com a vida. Ex: anencéfalo
FATORES DE VARIAÇÃO ANATÔMICA
• Idade: número de ossos em um recém-nascido é em torno de 300.
Já de um adulto jovem é de 206.

• Gênero: genitálias, deposição de gordura, diferença da largura dos


ombros em relação a largura do quadril.
FATORES DE VARIAÇÃO ANATÔMICA
• Etnia: o aparelho locomotor do afrodescendente é muito mais
resistente e capaz de gerar mais força, se comparado ao de um
caucasiano de mesmo biótipo.

• Biotipo (são diferenças físicas, geralmente hereditárias, que podem


ser alteradas por fatores ambientais).
• Longilíneo: apresenta pescoço longo, tórax estreito e predominante sobre o
abdome, membros delgados e compridos;
• Brevelíneo: pescoço curto, tórax largo, sendo menor que o abdome, e
membros grossos e curtos;
• Mediolíneo: apresenta características intermediárias entre os dois tipos
anteriores.
DIVISÃO DO CORPO HUMANO
CRÂNIO
CABEÇA FACE
PESCOÇO
TÓRAX
TRONCO
ABDOME

RAIZ - OMBRO
MEMBROS BRAÇO
SUPERIORES PARTE LIVRE ANTEBRAÇO
MEMBROS MÃO
RAIZ - QUADRIL
MEMBROS COXA
INFERIORES PARTE LIVRE PERNA

POSIÇÃO ANATÔMICA

Refere-se à posição do corpo como se a pessoa


estivesse de pé, com:

✔ A cabeça, o olhar e os dedos voltados


anteriormente (para frente);

✔ Os membros superiores ao lado do corpo, com as


palmas voltadas anteriormente;

✔ Os membros inferiores próximos, com os pés


paralelos.
PLANOS ANATÔMICOS
Linhas imaginárias utilizadas para dividir o corpo e seus órgãos.

PLANOS DE SECÇÃO
A → Plano Mediano: corta o corpo longitudinalmente (divide em direita e esquerda)
A → Planos Sagitais: atravessam o corpo paralelamente ao plano mediano.
B → Planos Frontais (coronais):
planos verticais que atravessam o
corpo (divide em anterior e posterior).

C → Planos Transversos: planos


horizontais que atravessam o corpo
(divide em superior e inferior)
PLANOS ANATÔMICOS

PLANOS DE DELIMITAÇÃO
• Ventral ou anterior
• Dorsal ou posterior
• Lateral direito, lateral esquerdo
• Cranial ou superior
• Podálico ou inferior
CORTES ANATÔMICOS

Longitudinais: no sentido do
comprimento ou paralelos ao
eixo longitudinal.

Transversos: corte de partes


perpendiculares ao eixo
longitudinal.

Oblíquos: cortes feitos ao


longo de um dos planos
anatômicos já mencionados.
TERMOS ANATÔMICOS
Termos de relação e comparação
TERMOS ANATÔMICOS
Termos de relação e comparação

• Mediano
TERMOS ANATÔMICOS
Termos de relação e comparação

• Medial
• Intermédio
• Lateral
TERMOS ANATÔMICOS
Termos de relação e comparação

• Cranial
• Médio
• Caudal
TERMOS ANATÔMICOS
Termos de relação e comparação

Para os membros:

• Proximal
• Médio
• Distal
TERMOS ANATÔMICOS
Termos de lateralidade

Bilateral: estruturas pares que têm Unilateral: estruturas presentes apenas


elementos direito e esquerdo. Exemplo: de um lado. Exemplo: baço.
rins.

Ipsilateral: estruturas diferentes que Contralateral: estrutura que está no


estão do mesmo lado do corpo. lado oposto à outra estrutura.
Exemplo: braço esquerdo e perna Exemplo: a mão direita e a perna
esquerda. esquerda.
TERMOS ANATÔMICOS
Termos de movimento
Flexão: curvatura ou diminuição do ângulo Extensão: retificação ou aumento do
entre os ossos ou partes do corpo. ângulo entre os ossos ou as partes do
corpo.
TERMOS ANATÔMICOS
Termos de movimento

Abdução: afastamento do plano Adução: aproximação do plano


mediano. mediano.
TERMOS ANATÔMICOS
Termos de movimento

Circundação: movimento circular Rotação: giro de uma parte do corpo


(consiste numa sequência de flexão, ao redor de seu eixo longitudinal.
abdução, extensão e adução).
TERMOS ANATÔMICOS
Termos de movimento
Elevação: desloca uma parte para
Protusão: movimento para frente.
cima.
Retrusão: movimento para trás.
Depressão: desloca uma parte para
baixo.
TERMOS ANATÔMICOS
Posição do corpo

Decúbito dorsal

Decúbito ventral

Decúbito lateral
CAVIDADES CORPORAIS
São espaços dentro do corpo que contêm os órgãos, SEPARANDO,
PROTEGENDO e dando SUSTENTAÇÃO a estes.

Cavidade nasal
SISTEMA MUSCULAR E ESQUELÉTICO
Consiste em músculos, tendões, ligamentos, ossos e articulações. Essas
estruturas fornecem:

▪SUSTENTAÇÃO DO CORPO.
▪EXECUÇÃO DOS MOVIMENTOS.
▪PROTEÇÃO DOS ÓRGÃOS INTERNOS.
▪MODELAGEM CORPORAL.
SISTEMA NERVOSO
COORDENA as diferentes funções no organismo, contribuindo para o seu
EQUILÍBRIO, ele permite que REAJAMOS de modo rápido a estímulos do meio
ambiente.
SISTEMA CIRCULATÓRIO
Sistema responsável pelo TRANSPORTE de NUTRIENTES, GASES,
HORMÔNIOS, EXCRETAS e outras substâncias por todas as partes do corpo.
SISTEMA RESPIRATÓRIO
Mantém a troca de Oxigênio (O2) e de Dióxido de Carbono (CO2) nos pulmões e
tecidos (HEMATOSE).
SISTEMA DIGESTÓRIO
Constituído por um conjunto de órgãos responsáveis pela ingestão e DIGESTÃO
dos alimentos e pela ABSORÇÃO dos produtos resultantes.
SISTEMA URINÁRIO
O sistema urinário CONTROLA a CONCENTRAÇÃO de líquidos no corpo pela
EXCREÇÃO de uma quantidade variável de água e sais.
SISTEMA GENITAL
Conjunto de órgãos que atuam com finalidade de reprodutiva, além de
atuarem no sistema endócrino, produzindo hormônios.

Sistema genital Sistema genital


masculino feminino
BIBLIOGRAFIA
EXERCÍCIO PARA NOTA
1. Defina anatomia.
2. Explique qual a etimologia dos termos: dissecar e anatomia.
3. Conceitue normalidade e variação anatômica.
4. Diferencie anomalia e monstruosidade.
5. Quais fatores geram variações anatômicas?
6. Descreva como deve ser a posição anatômica.
7. Defina biotipo e exemplifique cada tipo.

Você também pode gostar