Você está na página 1de 14

SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO

CURSO SUPERIOR EM TECNOLOGIA DE GESTÃO FINANCEIRA


1º FLEX / 2º REG

PANDEMIA COVID-19 E LOCKDOWN: Estratégias e Impactos


do Trabalho Remoto para as Pessoas e Sociedade

Jaguariaíva
2020
PANDEMIA COVID-19 E LOCKDOWN: Estratégias e Impactos
do Trabalho Remoto para as Pessoas e Sociedade

Trabalho apresentado à Universidade Norte do Paraná-


UNOPAR, para obtenção de nota as disciplinas Norteadoras do
Semestre Letivo no. Curso Superior em Tecnologia de Gestão
Financeira;

Professores: Natália Martinez Ambrogi Woitas; Maria Luzia


Silva Mariano; Mariana Ribeiro; Maurílio Bergamo; Mônica
Maria Silva.

Jaguariaíva
2020
SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO................................................................................................................. 4
2 DESENVOLVIMENTO.....................................................................................................5
2.1 PASSO 1..........................................................................................................................5
2.2 PASSO 2..........................................................................................................................6
2.3 PASSO 3..........................................................................................................................8
2.4 PASSO 4..........................................................................................................................9
2.5 PASSO 5........................................................................................................................10
2.5.1 Relatório Final do Trabalho apresentando o Resumo realizado nos passos acima..10
3 CONCLUSÃO................................................................................................................ 12
REFERÊNCIAS.................................................................................................................13
4

1 INTRODUÇÃO

A proposta de Produção Textual Interdisciplinar Individual (PTI) terá


como temática “Pandemia COVID-19 e Lockdown: estratégias e impactos do
trabalho remoto para as pessoas e sociedade”.
Desde o início do surto causado pelo novo coronavírus acompanha-se
a adoção de algumas medidas de restrição para conter o avanço do vírus como
isolamento lockdown, shutdown e entre outros.
Essas estratégias são conhecidas como intervenções não
farmacológicas - INF (Nonpharmaceutical interventions - NPI) que visam inibir a
transmissão entre humanos, desacelerar o espalhamento da doença, e
consequentemente diminuir e postergar o pico de ocorrência na curva
epidêmica com o objetivo de diminuir a morbidade e a mortalidade causada
pelo coronavírus.
As intervenções não farmacológicas são utilizadas quando não há
medicamento, vacina ou tratamento para o enfrentamento de um surto,
epidemia ou pandemia que colocam em risco à saúde e vidas das pessoas. O
objetivo dessas estratégias é diminuir o contato físico entre pessoas e o risco
de transmissão do coronavírus para promover o achatamento da curva de
crescimento dos casos de COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus
(SARS-CoV-2). Entre as estratégias que podem ser adotadas estão: lockdown,
shutdown, quarentena, isolamento e distanciamento.
No momento no Brasil a estratégia mais adotada é o distanciamento
físico (chamado por alguns de distância social).
5

2 DESENVOLVIMENTO

2.1 PASSO 1

O Serviço Geológico do Brasil (CPRM) dá um passo importante para


atrair novos investimentos e fomentar o setor mineral brasileiro, desta vez,
liberando gratuitamente os dados brutos e processados, em formato XYZ, dos
levantamentos aero geofísicos de seu amplo acervo.
Essa ação, definida como um dos pilares principais pela Diretoria
Executiva da empresa para fomentar o setor mineral brasileiro, constitui um
programa contínuo e prioritário de disponibilização de dados e informações
geocientíficas à sociedade. Estão sendo disponibilizados no GeoSGB, Banco
de Dados da CPRM, inicialmente os dados brutos e processados (XYZ) de 95
projetos aerogeofísicos, da série 1.000 e seus respectivos relatórios técnicos
de aquisição. No decorrer deste ano os demais projetos serão disponibilizados
para download, explica o diretor-presidente da CPRM Eduardo Ledsham,
destacando ainda que a iniciativa universaliza o acesso aos dados
aerogeofísicos existentes no Brasil.
“ É a resposta da empresa, a uma demanda antiga da comunidade
científica e do setor mineral. ” Ledsham informa ainda que cerca de 95% do
embasamento cristalino do Brasil já estão mapeados com modernos métodos e
equipamentos de ponta.
Ambiente Externo
Oportunidades
Cultura organizacional flexível aberta às mudanças do ambiente
externo (como a tecnologia);
A liderança liberal;
Incentivo as práticas inovadoras;
Ameaças
Mudança repentina para aquisição de produtos/serviços;
Vulnerabilidade dos sites nas medidas de segurança online;
Custos com plataformas digitais;
Desemprego.
Ambiente Interno
Pontos Fortes (Forças)
Variedade de métodos de pagamento;
6

Criação de empregos na área de entrega, atendimento e tecnologia;


Abertura de mercado para possíveis microempreendedores. Os
mesmos poderão investir em seu negócio com um capital de giro inferior, pois
não necessitará de um local físico, sendo assim, reduzindo gastos.
Pontos Fracos (Fraquezas)
O sistema pode cair, a internet falhar e, consequentemente, a
produtividade baixar. É um momento que ajuda a estreitar a relação de
confiança entre as equipes. Isso significa que os imprevistos devem ser
comunicados e, juntos, os times devem buscar formas de contornar as
adversidades.
Nem sempre é possível controlar pets, filhos e vizinhos. Nesse caso, o
diálogo também é crucial. Em uma reunião por vídeo, o ideal é explicar à
pessoa com quem está falando que se trata de home office, para que algum
barulho ou interrupção não seja surpresa.
Combinar com o gestor como e com que frequência deve-se reportar o
status das atividades de cada um é o mais indicado para evitar muitas
cobranças ou ficar se explicando demais, reuniões periódicas de alinhamento
de atividades e criar prazos para cada tarefa, ajuda a equipe a desenvolver a
autogestão.

2.2 PASSO 2

Trabalho
Está em oferta, por causa da pandemia provocada pelo risco de
propagação novo coronavírus, a oferta de trabalho home office disparou não
somente no Brasil, mas no mundo. Pois existe uma quantidade limitada de
vagas e competição por esses profissionais no segmento bancário, alguns
funcionários do banco foram remanejados para o home office, porém existe
algumas vagas especiais para atendimento ao cliente, vendedores de serviços
bancários, analista bancário e até supervisores de call center para o home
office.

Recursos Humanos

Está em oferta, conforme a pandemia do novo coronavírus, muitos


7

profissionais que estavam empregados trabalhando presencialmente foram


desligados da empresa, gerando sim uma mão de obra especializada agora
para o home office e gerando uma competição para conseguir as vagas de
emprego a distância.
iante desta crise, que atinge a todos, do pessoal ao profissional,
precisamos mudar rapidamente nossos hábitos e criar novos métodos de
trabalho em equipe e gestão.
Muitas empresas adotaram acordos de trabalho remoto, escritórios
domésticos bem conhecidos. Toda a equipe ou parte da equipe (grupo de
risco) é convidada a trabalhar em casa. Tome as medidas adequadas para
conter a propagação de COVID-19.
Os colaboradores que estão em home office devem ter clareza do que
é esperado em relação a suas entregas no período do afastamento presencial,
isso traz segurança e objetividade na organização da rotina de trabalho.
•        Deverá chegar a um consenso com os funcionários para definir
as atividades prioritárias a serem realizadas e o cronograma de entrega.
•        Deverá ter uma concentração nos resultados ao invés do
controle.
•        Disponibilização de recursos (tecnologia, informação, etc.)
necessários à realização das atividades;
•        Fornecer suporte técnico para o desenvolvimento do evento
quando necessário, como conversas com gestores ou outros especialistas da
equipe.
•        Definir em quais canais digitais os gestores e a equipe pode ser
acessada.
Já os procedimentos de gestão:
•        Estabelecer data e horário para conversas exclusivas com cada
colaborador em home office, não passando de 3 dias de intervalo cada reunião.
Evitar convocar o funcionário de surpresa para uma reunião. Isso gera
ansiedade desnecessária. Lidere pela confiança.
Criar um formulário com check list ou perguntas a serem respondidas
pelo colaborador com antecedência à conversa virtual on line com o
gestor, para que reunião seja mais objetiva e que as questões possam ser
debatidas em conjunto.
•        Estabelecer uma agenda predefinida para reuniões coletivas com
8

todos os membros da equipe com o objetivo criar momentos de interação, em


que cada um possa dizer brevemente o que está fazendo e como está se
sentindo.
•        Manter a equipe informada com as novas estratégias da
empresa.

2.3 PASSO 3

Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda – Bem


O Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda – BEm é
destinado a trabalhadores que formalizaram acordo com os seus
empregadores, durante o período da pandemia da COVID-19, para suspensão
do contrato de trabalho ou redução proporcional de jornada de trabalho e de
salário nos termos Lei nº 14.020, de 6 de julho de 2020 e Decreto nº 10.422, de
13 de julho de 2020. Os acordos são firmados entre empregador e empregado
e são informados ao Ministério da Economia, que avalia as condições de
elegibilidade e encaminha os pagamentos para serem processados na CAIXA
ou no Banco do Brasil. De modo geral, o valor do benefício é creditado na
conta bancária informada pelo Empregador ao Ministério da Economia.
Em situações especiais, o pagamento pode ser feito mediante crédito
em outra conta de titularidade do trabalhador ou ainda por meio do Cartão do
Cidadão. O Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda se
destina ao trabalhador que, em função da crise causada pela pandemia do
Coronavírus. O valor do BEm é calculado pelo Ministério da Economia com
base nas informações salariais do trabalhador dos últimos três meses e
corresponde a um percentual do Seguro-Desemprego a que o trabalhador teria
direito caso fosse demitido, variando entre R$ 261,25 até R$ 1.813,03,
conforme o tipo de acordo e o percentual de redução negociado com o
empregador.
Considerando que os 15 funcionários desse setor recebem R$
3.000,00 bruto, cada um, tendo como direito ao seguro-desemprego no valor
de R$ 1.813,03 e que a empresa optou pelo Benefício Emergencial de
Preservação do Emprego e da Renda – Bem, responda:
a) Qual valor será pago pelo empregador e pela União para cada
funcionário deste setor? Resposta: 3.000,00 salários bruto, valor máximo do
9

BEM e de 1.813,03, desse valor máximo a união pagará 70% ou seja 1.813,03
- 70% = 1.269,12, valor que a empresa pagará e de 30% ou seja 3000,00 -
30% = 900,00.
b) Considerando somente o valor do auxílio pago pela União, quanto
a empresa está economizando com esses 15 funcionários durante um período
de 3 meses? E qual o percentual dessa economia? A União pagará o valor de
R$ 1.269,12 x 15 funcionários=R$ 19.036,80. Por 3 meses = R$ 57.110,40. A
empresa pagaria o valor de R$ 3.000,00 bruto x 15 funcionários =45.000,00.
Por 3 meses = R$ 135.000,00. Então: R$ 135.000,00-R$ 57.110,40 = R$
77.889,60 de economia para a empresa. Ou seja: Em termo percentual: R$
57.110,40x100% / R$ 135.000,00 = 42,88% de economia para a empresa no
período de 3 meses.

2.4 PASSO 4

O Covid19 pegou muitas empresas e fez com que muitas fossem


obrigadas a ingressar no trabalho remoto, mesmo sem estarem preparadas.
Algumas semanas atrás, os escritórios domésticos não eram exatamente uma
obrigação. De repente, a pandemia obrigou as pessoas a ficarem isoladas e
tentarem trabalhar home office, para reduzir os prejuízos o máximo possível.
Nesta nova situação, o trabalho remoto se tornou uma ótima
alternativa, para que a economia não fosse congelada para sempre, se faziam
necessárias ideias alternativas para contornar a situação. Como a doença se
alastra rapidamente, as organizações devem se preocupar com os seus
negócios e também em proteger a integridade de seus funcionários e
colaboradores. Por ser um momento repleto de riscos e incertezas, manter o
engajamento e a produtividade dos funcionários pode ser um desafio.
No entanto, muitas empresas podem achar esse modelo de trabalho
mais adequado às suas necessidades, porque o custo de manter os
funcionários trabalhando em casa pode ser muito menor do que o custo de
operação do escritório.
A Responsabilidade Social Empresarial é uma política que guia todos
os passos da empresa, de forma a torná-la mais ética, responsável, sustentável
e humana. Não só atrai funcionários que desejam desempenhar uma função
em seu trabalho, mas também clientes que desejam se tornar uma parte maior
10

dos produtos ou serviços da empresa, portanto, leais à marca.


O home office pode sim ser considerado uma responsabilidade social
utilizada pelo banco XYZ, pois se refere às ações e esforços que uma empresa
executa, baseados no propósito de melhorar o mundo. Assim, a empresa
contribui para o desenvolvimento sustentável, se tornando agente de
transformação em temas variados, de acordo com o impacto que deseja gerar.
Esses temas podem ser desde direitos humanos a meio ambiente, só
para citar alguns exemplos mais comuns de causas inclusive por essa
pandemia que assola o mundo.
Quando o banco faz um planejamento bem estruturado para
implementar o trabalho remoto como um regime permanente, ela garante
vários benefícios. No entanto, as organizações precisam considerar vários
fatores. O cumprimento das leis e regulamentos trabalhistas por meio do
controle da jornada de trabalho, organização de departamentos, realização de
reuniões, cumprimento de metas e promoção da integração entre as equipes
são elementos importantes para o sucesso do banco XYZ.

2.5 PASSO 5

2.5.1 Relatório Final do Trabalho apresentando o Resumo realizado nos


passos acima

O isolamento social, provocado pela pandemia gerada pelo novo


corona-vírus e a COVID-19 (doença associada ao vírus), transformou a rotina
das empresas no mundo inteiro, forçando-as a dar respostas adequadas em
um curto espaço de tempo. Uma delas é o trabalho remoto, instrumento já
utilizado, mas que teve uma expansão significativa neste período. O
planejamento e uso adequado desta modalidade laboral, dentro do contexto da
gestão de crises, planos de continuidade de negócios, programas de
segurança cibernética nem sempre fazem parte do arcabouço estratégico das
empresas. Neste novo cenário mundial, as dúvidas começam a pairar na mente
de líderes de negócios e profissionais em geral, sobre como utilizar
mecanismos para se proteger, trabalhando fora dos limites físicos das
empresas, através de recursos corporativos ou próprios. Ao mesmo tempo,
criminosos aproveitam o momento de fragilidade para explorar o tema “corona-
11

vírus” e tudo que está em seu entorno, atingindo empresas e indivíduos. Este
artigo tem o objetivo de discorrer sobre estes assuntos, trazer reflexões e
propor algumas recomendações de segurança para minimizar os riscos e
armadilhas no mundo digital. O momento é crítico, complexo, vulnerável e
muda a todo instante. Líderes devem ser capazes de observar o cenário,
observar as demandas e necessidades de sua empresa, seus colaboradores e,
com base nas condições e ferramentas que tem em mãos, devem atuar da
forma mais adequada e possível. Líderes devem deixar claro, aos seus
colaboradores, como riscos de segurança devem ser gerenciados durante o
período de uso do trabalho remoto, quais medidas de segurança estão
definidas para minimizar os riscos, quais políticas, normas e procedimentos de
segurança devem ser executados, o que fazer em caso de incidentes e, ao
longo de todo o processo, orientar e comunicar novas diretrizes ou diretrizes
alteradas. Considerando que ameaça é a “causa potencial de um incidente
indesejado, que pode resultar em dano para um sistema ou organização”,
segundo a norma de segurança ABNT ISO/IEC 27002:2013 e que, pela mesma
norma, vulnerabilidade é a “fragilidade de um ativo ou grupo de ativos que pode
ser explorada por uma ou mais ameaças”, os líderes precisam estar atentos às
ameaças que podem se transformar em vetores de ataques para suas
empresas, precisam identificar e estar atentos às vulnerabilidades existentes
em seus ativos (tecnológicos, pessoas, processos e ambientes).
Medidas de segurança são importantes para minimizar riscos, visto que
eles são a “possibilidade de uma determinada ameaça explorar
vulnerabilidades de um ativo ou de um conjunto de ativos causando, dessa
maneira, impactos e prejudicando a Organização”, de acordo com a norma de
segurança ABNT ISO/IEC 27005:2019. Um outro ponto que deve ser
observado é a comunicação. Ela precisa ser clara, objetiva e transversal, sendo
possível que todos entendam as diretrizes no uso do trabalho remoto, seja em
formato “home-office” (em casa) ou em qualquer outro local. Todos devem
conhecer as políticas relacionadas a este formato de trabalho, estar atentos
aos riscos e tomar os cuidados necessários quando estiverem trabalhando.
Enfim, a cultura de segurança da informação deve ser vista como diferencial na
empresa e que dará suporte à sua reputação e confiança digital perante
clientes, acionistas, fornecedores e à sociedade. O velho e bom trinômio
Pessoas – Processos – Tecnologias deve ser considerado em todas as
12

estratégias de segurança nos negócios. As empresas precisam promover


ações neste sentido. Passado esse difícil momento, quiçá o trabalho remoto
torne-se o “novo normal” nas empresas, que já experimentam e observam
vantagens e desvantagens deste modal, mesmo com a diversidade de
profissões, tipos de trabalho, áreas de atuação e as responsabilidades das
empresas enquanto controladoras de dados pessoais (e sensíveis) sob sua
responsabilidade.

3 CONCLUSÃO

O isolamento social não dá qualquer alternativa para a sociedade, ou


nos adaptamos rapidamente, naquilo que for possível, ou estaremos fadados
ao completo imobilismo diante dos efeitos desastrosos no campo da economia
decorrentes desse indigesto estado de calamidade pública. Que saibamos viver
e conviver, nestes tempos difíceis, com as alternativas, possibilidades,
tecnologias que estão aí para serem utilizadas em benefício da humanidade,
fazendo o trabalho girar, minimizando os efeitos da crise e evitando a paralisia
das empresas públicas e privadas.
Que se tenha, igualmente, a capacidade de perceber novas
oportunidades para viver em um mundo em constante e rápidas mudança; a
capacidade de inovar, mesmo com dificuldades e limitações; e capacidade de
criar novas formas de convivência e comunicação, seja para trabalhar, como
para aprender, nos comunicarmos e nos divertimos. Que esta crise sirva de
laço, unindo povos e sociedades em cooperação global, visando um bem maior
para a humanidade, preparando os indivíduos de hoje para um novo mundo.
Manter-se atualizado é imprescindível, acompanhar as notícias de tecnologia e
segurança, através de sites e ambientes conhecidos ou recomendados, é outra
medida que deve fazer parte do cotidiano de quem precisa trabalhar no meio
digital.
As ameaças evoluem a todo momento, os criminosos estão utilizando
ferramentas cada vez mais poderosas e sofisticadas para atacar, invadir,
acessar indevidamente e obter dados e informações que se transformem em
lucro e poder.
13

REFERÊNCIAS

BASTOS, Maria Clotilde Pires, FERREIRA, Daniela Vitor.Metodologia


cientifica– Londrina : Editora e Distribuidora Educacional S.A., 2016.

DUTRA, Joel Souza. Gestão de pessoas: modelos, processos, tendências


e perspectivas. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2015.

MACHADO, Rosa Teresa Moreira. Estratégia e competitividade em


organizações agroindustriais. Lavras: UFLA/FAEPE, 2005.

PINTO, Luiz Fernando Gomes. Planejamento Estratégico. Londrina: Editora e


Distribuidora Educacional S.A., 2016.

SANTOS, João Carlos dos. Matemática financeira. Londrina: Editora e


Distribuidora Educacional S.A., 2016. 216 p.

Painel Covid-19 do Congresso em Foco –


https://congressoemfoco.uol.com.br/covid19/.Acesso nov.2020.

Análise de parâmetros de capacidade assistencial da rede de urgência –


https://public.tableau.com/profile/thiago.augusto.hernandes.rocha#!/vizhome/
desenhado_celular/PainelMundo.Acesso nov.2020.

Painel Coronavírus Brasil (UFBA, Fiocruz, Cidacs) –


http://painel.covid19br.org/. Acesso nov.2020.

Cúpula Mundial da OIT firma compromisso de criar um mundo do trabalho


14

melhor após a COVID-19


https://www.ilo.org/brasilia/noticias/WCMS_750857/lang- -pt/index.htm. Acesso
nov.2020.