Você está na página 1de 6

Métodos Estatísticos II

Gabarito da Avaliação a Distância I - AD1


Profa. Ana Maria Farias - 2013-2

1. Na Figura 1 é dado o gráfico da função de densidade fX de uma variável aleatória


contínua X .

Figura 1 – Função de densidade para a Questão 1

(a) Determine o valor de k e a expressão matemática de fX .


(b) Determine a função de distribuição acumulada FX de X .
(c) Determine a mediana, o terceiro quartil e o percentil P10 da distribuição da variável
aleatória X .

Solução

(a) k ≥ 0; a área total tem que ser 1:

× (2 − 0) × k + (5 − 2) × k+ ⇐⇒ 1 = 4k ⇐⇒ k =
1 1
1=
2 4

Para x ∈ [0, 2], f(x) é um segmento de reta que passa pelos pontos 2, 41 e (0, 0).
Logo, a equação é do tipo f(x) = bx:

= b × 2 =⇒ b =
1 1
4 8
Logo,  x

 0≤x<2
 8
f(x) =

 1 2≤x≤5

4
(b) Para x ∈ [0, 2), F (x) é a área do triângulo sombreado na Figura 2. Esse triângulo
tem base x e altura f(x). Logo
 x  x2
F (x) = ·x · 0≤x<2
1
=
2 8 16
Para x ∈ [2, 5], F (X ) é a área sombreada na Figura 3; essa é a área de um triângulo
de base 2 e altura 1/4 mais a área de um retângulo de base x − 2 e altura 1/4.
Logo
(x − 1)
F (x) = · 2 · + (x − 2) · =
1 1 1
2 4 4 4

Figura 2 – F (x) − 0 ≤ x < 2 Figura 3 – F (x) − 2 ≤ x < 5

Resumindo: 

 0 x<0




x2


0≤x<2



 16
F (x) =
(x − 1)


2≤x<5





 4



x≥5

1
Na Figura 4 é apresentado o gráfico de FX (x)
(c) A área do triângulo inferior é 0,25; logo, Q1 = 2 e os outros dois quartis são ambos
maiores que 3. Uma vez que foi calculada a função de distribuição acumulada, vamos
usá-la para calcular os quartis.
(Q2 − 1)
F (Q2 ) = 0, 5 =⇒ = =⇒ Q2 = 3
1
4 2
(Q3 − 1)
F (Q3 ) = 0, 75 =⇒ = =⇒ Q3 = 4
3
4 4
Analogamente, o percentil P10 deixa 10% de área abaixo dele e, portanto, P10 < 2.
Logo
P2 p
F (P10 ) = 0, 10 =⇒ 10 = 0, 10 =⇒ P10 2
= 1, 6 =⇒ P10 = ± 1, 6
16

Apenas a raiz positiva pertence ao domínio de definição; logo, P10 = 1, 6 = 1, 2649.

Curso de Administração 2
Figura 4 – Função de distribuição acumulada para a Questão 1

2. O enchimento de frascos de medicamento de 100 ml é feito segundo um processo que


fornece volumes (em ml) de acordo com uma distribuição uniforme no intervalo (92, 107).

(a) Um frasco é selecionado aleatoriamente. Qual é a probabilidade de que contenha


mais de 104 ml?
(b) Ache um valor ν tal que a proporção de frascos com no máximo ν ml seja de 75%.
(c) Um frasco foi retirado para ser re-enchido, pois constatou-se que continha menos
que 98 ml. Qual é a probabilidade de que seja necessário mais de 5 ml para o seu
preenchimento?

Solução

Seja X o volume nos frascos. Então, X ∼ Unif(92, 107).

(a)
107 − 104
P(X > 104) =
3 1
107 − 92
= = = 0, 2
15 5
(b)
ν − 92
P(X ≤ ν) = 0, 75 ⇔ = 0, 75 ⇔ ν = 92 + 0, 75 × 15 = 103, 25
107 − 92
(c) Ser necessário mais de 5 ml significa que o volume tem que ser menor que 95 ml.
Como sabemos que o frasco tem menos de 98 ml, o problema está pedindo

P[(X < 95) ∩ (X < 98)] P(X < 95) 95 − 92


P(X < 95|X < 98) =
P(X < 98) P(X < 98) 98 − 92
= = = 0, 5

3. Seja X ∼ N(32; 42 ). Calcule:

(a) P(X ≥ 36, 8)


(b) P(X < 24)
(c) P(25, 6 < X < 33, 6)

Curso de Administração 3
(d) P(24 < X < 28)
(e) P[(X > 30)

Solução

(a)
 
36, 8 − 32
P(X ≥ 36, 8) = P Z > = P(Z > 1, 2) = 0, 5 − tab(1, 2)
4
= 0, 5 − 0, 3849 = 0, 1151

(b)
 
24 − 32
P(X < 24) = P Z < = P(Z < −2) = P(Z > 2) = 0, 5 − tab(2)
4
= 0, 5 − 0, 4772 = 0, 0228

(c)
 
25, 6 − 32 33, 6 − 32
P(25, 6 < X < 33, 6) = P <Z < = P(−1, 6 < Z < 0, 4)
4 4
= tab(0, 4) + tab(1, 6) = 0, 1554 + 0, 4452 = 0, 6006

(d)
 
24 − 32 28 − 32
P(24 < X < 28) = P <Z < = P(−2 < Z < −1)
4 4
= P(1 < Z < 2) = tab(2) − tab(1) = 0, 4772 − 0, 3413 = 0, 1359

(e)
 
30 − 32
P(X > 30) = P Z > = P(Z > −0, 5) = 0, 5 + tab(0, 5)
4
= 0, 5 + 0, 1915 = 0, 6915

4. Seja X ∼ N(µ; σ 2 ).

(a) Calcule P(X < µ − 2σ ) .


(b) Calcule P(X > µ + σ ) .
(c) Calcule o valor de k tal que P(|X − µ| < kσ ) = 0, 80.
(d) Calcule o valor de k tal que P(X > µ + kσ ) = 0, 05.
(e) Calcule o valor de k tal que P(X < µ + kσ ) = 0, 25.

Solução

(a)
 
X −µ µ − 2σ − µ
P(X < µ − 2σ ) = P < = P(Z < −2) = P(Z > 2) = 0, 5 − tab(2) = 0, 0228
σ σ

Curso de Administração 4
(b)
 
X −µ µ+σ −µ
P(X > µ + σ ) = P > = P(Z > 1) = 0, 5 − tab(1) = 0, 1587
σ σ

(c)

P(|X − µ| < kσ ) = 0, 80 ⇔ P(−kσ < X − µ < kσ ) = 0, 80 ⇔


 
kσ X −µ kσ
P − < < = 0, 80 ⇔ P(−k < Z < k) = 0, 80 ⇔
σ σ σ
2 × P(0 < Z < k) = 0, 80 ⇔ P(0 < Z < k) = 0, 40 ⇔ tab(k) = 0, 40 ⇔ k = 1, 28

(d)
P(X > µ + kσ ) = 0, 05 ⇔ P(Z > k) = 0, 05 ⇔ tab(k) = 0, 45 ⇔ k = 1, 645

(e)
P(X < µ + kσ ) = 0, 25 ⇔ P (Z < k) = 0, 25
Note que estamos calculando o primeiro quartil da distribuição e k tem que ser
negativo, pois à esquerda dele tem 25% da área e à direita, 75%. Assim, k tem que
estar do lado negativo do eixo!

P (Z < k) = 0, 25 ⇔ P (Z > −k) = 0, 25 ⇔ tab(−k) = 0, 5 − 0, 25 ⇔


−k = 0, 6745 ⇔ k = −0, 6745

5. Um teste de aptidão feito por pilotos de elite em treinamento inicial requer que uma série
de operações seja realizada em uma rápida sucessão.Suponha que o tempo necessário
para completar o teste seja distribuído segundo uma normal com média de 80 minutos
e desvio padrão de 30 minutos. Para passar no teste, o candidato deve completá-lo em
menos de 70 minutos. Um candidato não aprovado poderá repetir o teste se o seu tempo
não for superior a 110 minutos.

(a) Se 200 candidatos se submeteram ao teste, quantos devem passar?


(b) Se os 5% melhores candidatos serão alocados para aeronaves maiores, quão rápido
deve ser o candidato para obter essa posição?
(c) Qual é a probabilidade de um candidato não ser aprovado e não poder repetir o
teste?
(d) João não foi aprovado. Qual é a probabilidade de que ele possa repetir o teste?

Solução

Seja T o tempo de execução do teste. É dado que T ∼ N(80; 302 ).

(a) A probabilidade de um candidato ser aprovado é


 
70 − 80
P(T < 70) = P Z < = P(Z < −0, 33) = P(Z > 0, 33) = 0, 5−tab(0, 33) = 0, 3707
30

Assim, com 200 candidatos espera-se que 200 × 0, 3707 = 74 candidatos sejam
aprovados.

Curso de Administração 5
(b)
   
t − 80 t − 80
P(T < t) = 0, 05 ⇔ P Z < = 0, 05 ⇔ P Z > − = 0, 05
30 30
 
t − 80 t − 80
⇔ tab − = 0, 45 ⇔ − = 1, 645 ⇔ t = 30, 65
30 30

(c)
 
110 − 80
P[(T > 70) ∩ (T > 110)] = P(T > 110) = P Z > =
30
P(Z > 1) = 0, 5 − tab(1, 0) = 0, 1587

(d)

P(70 ≤ T < 110) P(−0, 33 ≤ Z < 1)


P(T < 110|T ≥ 70) =
P(T ≥ 70) 1 − 0, 3707
=
tab(0, 33) + tab(1, 0)
= = 0, 7478
0, 6293
Isso significa que 74,78% dos candidatos reprovados têm chance de repetir o teste.

Curso de Administração 6

Você também pode gostar