Você está na página 1de 84

INCLUI

INC
IN
NC
N CLU
LU CONTEÚDO DA
DESDE 1968

Juntos
J unttos � possível
poss
ssíível �ormar
�ormar
� l
�amílias �ais � l
�elizes

SER MÃE É...


RESPONDEMOS
ÀS PERGUNTAS
QUE VOCÊ JÁ FEZ
AO GOOGLE

VIAGEM DE AVIÃO
AS CIAS AÉREAS
ESTÃO PREPARADAS
PARA RECEBER SEU
FILHO, SIM

AMAMENTAÇÃO
SEM NEURA
DICAS PARA DEIXAR
ESSE MOMENTO
MELHOR

FAMÍLIA BUITRON
“ELE É O QUE ME
FAZ QUERER VIVER,
É MEU LEGADO”
/vacinacaoMS

/minsaude

/MinSaudeBR

@minsaude

#VacinaBrasil

CAROLINA ROCHA,
VÍTIMA DA GRIPE.
NÃO
à COLOQUE A SUA VIDA E
A DE QUEM VOCÊ AMA EM RISCO.

VACINE CONTRA A GRIPE.


DE 22 DE ABRIL
A 31 DE MAIO
• Pessoas com mais de 60 anos
• Crianças de 6 meses a menores de 6 anos
• Gestantes
• Mães no pós-parto (até 45 dias)
• Pessoas com necessidades especiais
• Doentes crônicos
• Professores
• Profissionais de saúde
Procure uma
unidade de saúde e
leve a caderneta
de vacinação.

Saiba mais em saude.gov.br/vacinabrasil


SUMÁRIO

maio 2019
DESDE 1968
INCLUI
IN
INCL
INC
NCL
CLU
CLU CONTEÚDO DA
pg 38
Juntos
J oss � possível
possív
poss
p ossí
ssíí ell �ormar
ss �
�orm
�or
orm
rrm
ma
arr
�amílias �ais �elizes

SER MÃE É...


RESPONDEMOS
CARTA DA EDITORA 06
HISTÓRIA DE CRIANÇA 08
ÀS PERGUNTAS
QUE VOCÊ JÁ FEZ
AO GOOGLE

DR. CLAUDIO RESPONDE 10


VIAGEM DE AVIÃO
AS CIAS AÉREAS

Dengue
ESTÃO PREPARADAS
PARA RECEBER SEU
FILHO, SIM

AMAMENTAÇÃO
SEM NEURA
DICAS PARA DEIXAR
ESSE MOMENTO SEU RETRATO 12
pg 44
19
MELHOR

MÃE TAMBÉM É GENTE


FAMÍLIA BUITRON Comer �esteira
“ELE É O QUE ME
FAZ QUERER VIVER, NADA SE CRIA... 22
É MEU LEGADO” Helena Chevalier
24 HORAS 24
FOTO: BRUNO MARÇAL, Aline Vicente
filho de Rosangela e Antônio
NASCER DE NOVO 26
VOCÊ VIU ISSO? 28
Matérias COMIDA DE ALMA 62
ENTREVISTA 30 Café �a cama pg 54
Esquenta 7º Seminário
ANTES DE MIM 64
AMAMENTAÇÃO 34 COM A PALAVRA 66
Sem dor e com amor
BIBLIOTECA 68
ESPECIAL DIA DAS MÃES 38
Tudo sobre ocupar este posto TESTE 71

LÁ EM CASA É ASSIM 44 MEU BICHO 75


Família Buitron Coelho Mini Rex
50 78
pg 58
COMPORTAMENTO DECORAÇÃO
30 coisas simples que Banquinho
melhoram o dia do seu filho TENDÊNCIA 80
SAÚDE 54
Guia dos primeiros-socorros Camurça
VIAGEM 58 20 PERGUNTAS PARA 82
Naiumi Goldoni
A Pais&Filhos detém, com exclusividade
Cias aéreas para a família toda no Brasil, o direito de reproduzir
reportagens da revista norte-americana
Parents, líder de mercado, com mais de
2,2 milhões de exemplares vendidos
por mês. É referência para quem quer
informação de qualidade para ajudar a

Colunistas
criar melhor os filhos do seu próprio jeito.

MÃE QUE É PAI 14 ELA DIZ, ELE DIZ 20 NUTRIÇÃO 72


com Cris Guerra com Ana Cardoso com Elaine Pádua
CONECTANDO OS PONTOS 16 e Marcos Piangers ESCOLA 74
com Kuki Bailly GRAVIDEZ SEM NEURA 70 com Roberta e Taís Bento
A VIDA É LONGA 18 com Igor Padovesi MODO DE USAR 76
com Mônica Figueiredo com Ivanice Cardoso
ASSINANTES
CENTRAL DE
ATENDIMENTO ABRIL
São Paulo
e Grande São Paulo
(11) 5087-2112
Demais localidades
0800 7752112
EDITORA MANCHETE
PRESIDENTE E EDITOR: Marcos Dvoskin (mdvoskin@paisefilhos.com.br)
FALE CONOSCO DIRETORA DE MARKETING E COMERCIAL: Adriana Cury (acury@paisefilhos.com.br)
(11) 3373-2200 CORRESPONDENTE E COLUNISTA: Mônica Figueiredo (monica@paisefilhos.com.br)
revista@paisefilhos.com.br CONSELHO: André Mantovani, Paulo Andreoli e Pierre Cohen

REDAÇÃO
EDITORA-EXECUTIVA: Andressa Simonini (andressa@paisefilhos.com.br)
EDITORA DE ARTE: Beatriz Possebon (beatriz@paisefilhos.com.br)
EDITORA DA REVISTA: Marina Paschoal (marina@paisefilhos.com.br)
ANUNCIE EDITORA DIGITAL: Jéssica Anjos (jessica@paisefilhos.com.br)
comercial@paisefilhos.com.br REPÓRTERES: Jennifer Detlinger ( jennifer@paisefilhos.com.br) e Yulia Serra (yulia@paisefilhos.com.br)
ASSISTENTE DE PROJETOS: Fabiana Lopes (fabiana@paisefilhos.com.br)
(11) 3373-2211
ESTAGIÁRIAS DE TEXTO: Cecília Malavolta (cecilia@paisefilhos.com.br),
Rhaisa Trombini (rhaisa@paisefilhos.com.br), Isabella Zacharias (isabella.zacharias@paisefilhos.com.br)
e Izabel Gimenez (izabel@paisefilhos.com.br)
FALE COM A GENTE ESTAGIÁRIO DE ARTE: Victor Chaves (victor@paisefilhos.com.br)
COLABORADORES DESTA EDIÇÃO: Virgínia Ramos (revisão), Bruno Marçal (foto),
paisefilhos@paisefilhos.com.br Emily Santos e Nathalia Lopes (texto)

PUBLICIDADE
GERENTE DE NEGÓCIOS: Andrea Caruso (andrea@paisefilhos.com.br)
GERENTE DIGITAL: Carolina Ayrolla (carol@paisefilhos.com.br)
GERENTE DE NOVOS NEGÓCIOS: Daniela Zurita (dzurita@paisefilhos.com.br)
ASSISTENTE COMERCIAL: Flavia Tavares (flavia@paisefilhos.com.br)
ESTAGIÁRIA: Suelen Souza (suelen@paisefilhos.com.br)

ADMINISTRAÇÃO
GERENTE ADM. FINANCEIRA: Eleine Maciel de Souza (eleine@paisefilhos.com.br)
ASSISTENTE FINANCEIRA: Taís Miranda (taismiranda@paisefilhos.com.br)
SECRETÁRIA: Dalva Miranda (dmiranda@paisefilhos.com.br)
SERVIÇOS GERAIS: Dassilene Melo (dassilene@paisefilhos.com.br)

REPRESENTANTES COMERCIAIS
Ceará A G Holanda Comunicação – Agimiro Holanda (agholanda@agholanda.com.br),
tel.: (85) 3224-2367. Paraná Valdilene Três (v.3@terra.com.br), tel.: (41) 3233-0008 /
cel.: (41) 9119-6033. Santa Catarina Marcucci & Gondran Ltda. (marcucci.gondran@terra.com.br),
tel.: (48) 3333-8497. Rio Grande do Sul Armazém de Mídia – Nenê Zimmermann
(nene@armazemdemidia.com), tel.: (51) 3061-0208 / (51) 98235-0022

IMPRESSÃO
Grafilar Rua Coronel Amando Simões, 779 – Centro, São Manuel – SP
A revista Pais&Filhos (ISSN 0030- Contato Comercial: comercial.grafilar@gmail.com
9567), ano 50, número 590, é uma
publicação mensal, editada pela Edi-
tora Manchete, com sede na capital do
Estado de São Paulo, na Av. Rebouças,
3.181, CEP 05401-400, tel.: (11) 3373-
2200. A reprodução total ou parcial de
textos, artigos e imagens desta edição
somente será permitida através de ex-
pressa autorização de seus editores.
CARTA DA EDITORA

MÃE, VOCÊ É APENAS O MÁXIMO


Ano passado fizemos um Seminário
Pais&Filhos com esse tema: Ser mãe é
o máximo. Vou contar um segredo para
você. Alguns homens ficaram morrendo
de ciúmes, já que eles como pais são
fundamentais na criação de um filho. Ok,
a gente sabe disso. Mas a nossa intenção
era mostrar que mãe é um “trem” diferente. Minha mãe
Inexplicável muitas vezes. Uma mulher
depois que se torna mãe vira um bicho
de verdade. CONSEGUE TRANSMITIR UM
AMOR E UMA FORÇA IMENSURÁVEL COM
A NOVA VIDA QUE CHEGA. É DIFERENTE.
De tudo. Não tem como negar.
Pois bem, eu no papel de filha vou pegar a
oportunidade de escrever esse editorial e
Porque errar é bom. Ensina e só faz criar
deixar isso ainda mais evidente. Que chance
crianças e filhos mais fortes. Então, não ter
maravilhosa poder falar da minha mãe e de
medo de errar é maravilhoso. O ERRAR É
tantas outras que estão ao meu redor.
ACERTAR. ENTÃO MAIS UM MOTIVO PARA
Na minha vida pude conhecer essas feras que
EU FALAR QUE ELA É PERFEITA, SIM.
são tudo. Você que é mãe, que está lendo essa
Vou além. Quando olho ao meu redor aqui
carta, óbvio que o texto é para você também,
na Pais&Filhos vejo um time de jornalistas
mas vou direcioná-lo para a Dona Branca.
com brilho no olhar. E esse sentimento que
Branca Helena Simonini, mãezona, daquelas
elas me passam é de que por trás dessa
que até hoje, mesmo eu com meus 34 anos,
equipe existem mães. Essa homenagem
ainda luta, sofre e ama todos os dias. Eu já
também é para elas. Por aqui também vejo
cheguei a pensar se ela dorme. Acho que com
mães, que trabalham e se envolvem no
um olho fechado e o outro aberto. A sensação
dia a dia, mas como falei, não deixam de
é de que ela está comigo em tudo e em todos
pensar um minuto nos seus filhos. Mônica,
os lugares. Existe, sim, uma proteção. Me
Andrea, Eleine, Suelen, Flávia e Dassi.
sinto segura em todos os meus passos até
Nasce um filho, nasce a mãe. E isso nunca
hoje e nos dias que estão por vir.
acaba. É para sempre. A Pais&Filhos é feita
Minha mãe irradia amor. Espalha confiança.
todos os dias por esse amor e essa força.
E me preparou para a vida. Hoje consigo
Sem isso, não existiríamos.
escrever para você, querida leitora, porque
Feliz Dia das Mães para você, para a minha
TENHO UM EXEMPLO DE MÃE EM CASA
mãe e para a minha “boadrasta” Bia.
QUE NÃO DEIXA A DESEJAR EM NADA.
Lembre-se: Você pode tudo porque você
Aí você me pergunta, “Sua mãe é perfeita?”.
é o máximo. Beijo e até a próxima.
A minha resposta é “sim e não”. O sim é
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

porque ela é mãe. Já basta. E o não é porque


ela erra. Que audácia a minha dizer isso, não
FOTO ACERVO PESSOAL

é mesmo? Mas explico que os erros que vejo,


muitas vezes pela falta de paciência ou dureza
ANDRESSA SIMONINI,
em momentos difíceis só me mostram uma filha de Branca Helena e Igor,
coisa: eu posso errar na vida e tudo bem. editora-executiva
8
R.T.: Dra. Regina Célia Duarte CRM-DF 25352
O futuro
merece ser
bem
recebido
$SULPHLUD0DWHUQLGDGHGR
'LVWULWR)HGHUDOFRP&HUWL´FDomR
,QWHUQDFLRQDOGH4XDOLGDGH

Somos a primeira Maternidade de Brasília a receber


a&HUWL´FDomR,QWHUQDFLRQDOGH$FUHGLWDomR
(nível diamante) da QMentum. Entidade canadense
TXHLGHQWL´FDSROtWLFDVHSUiWLFDVTXHFRQWULEXHP
para um atendimento de alta qualidade, seguro
HJHULGRGHIRUPDH´FD] A qualidade ,.#5
Central de Atendimento
(61) 2196 5300 QMSW Quadra 4, Sudoeste, Brasília/DF www.maternidadebrasilia.com.br Maternidade Brasília
dr. claudio responde

Médico do departamento Materno-Infantil do Hospital


Albert Einstein, dr. Claudio Len é nosso braço direito
quando surge alguma dúvida sobre a saúde do seu filho

ASSUNTO DO MÊS: DENGUE


DR. CLAUDIO LEN, pai de Fernando,
Beatriz e Silvia, pediatra e nosso Os brasileiros já estão habituados a de intensidade variável – de leve
megaconsultor, formado pela epidemias das mais diversas doenças até fatal. O tratamento da dengue é
Faculdade de Medicina da
Santa Casa de São Paulo virais, que assolam milhares de sintomático e não há medicamentos
pessoas todos os anos. Esta dura de ação específica contra o vírus. Com
realidade está relacionada a problemas isto, A PREVENÇÃO TEM GRANDE
sociais, que se agravam com a IMPORTÂNCIA, SEJA A NÍVEL
piora das condições econômicas INDIVIDUAL OU POPULACIONAL.
da população. As viroses “mais Portanto, os pais devem ficar atentos
populares” são febre amarela, a zika, aos sinais da doença, especialmente
a chicungunha e a dengue. Esta última nos casos de viagens para áreas de
é TRANSMITIDA PELA PICADA DO alta incidência de dengue, seguidas de
MOSQUITO AEDES AEGYPTI, QUE sintomas como febre alta, prostração,
SE MULTIPLICA EM LOCAIS COM sonolência, vômitos e diarreia.
ÁGUA PARADA DENTRO E FORA OS SINTOMAS PODEM ESTAR
DOS DOMICÍLIOS. São descritos PRESENTES EM OUTRAS VIROSES,
quatro tipos de vírus da dengue DAÍ A IMPORTÂNCIA DE UMA
(1, 2, 3 e 4), que podem causar doença AVALIAÇÃO MÉDICA CUIDADOSA.

Quais os riscos para um Qual a eficácia da vacina e a quem A dengue pode ser identificada
possível segundo ou terceiro é indicada? Li que a Anvisa mudou a apenas pelo número baixo
episódio de dengue, já que muitas indicação e apenas pessoas que já de plaquetas ou existem
pessoas nem sabem que tiveram tiveram dengue estão aptas a tomá-la. outros sintomas?
a doença pela primeira vez? Karen Martins, mãe de Samantha Valdivia, mãe de Caio e Julia
Leandro Nigre, pai de Gustavo e Rafaela Muitos vírus e outras doenças podem
João Guilherme e João Rafael A eficácia na prevenção é de 65,5%, levar à diminuição do número de
Existem quatro tipos de vírus da de dengue grave e hemorrágica é plaquetas no sangue. Portanto, a
dengue. Depois de uma infecção de 93% e de internação, é superior contagem baixa de plaquetas no
por um tipo específico, a pessoa a 80%. A vacina é liberada dos sangue não é suficiente para levantar
fica protegida apenas contra aquela 9 aos 45 anos para quem teve a possibilidade de dengue. A partir
FOTOS MARIANA MARQUES / GETTY IMAGES

espécie, podendo ainda contrair a contato prévio comprovado com da suspeita clínica da doença, que
doença se entrar em contato com a doença. Por ser composta por envolve diversos outros sintomas,
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

algum dos outros 3 sorotipos. Para vírus vivo, é contraindicada para o médico deverá solicitar exames
ter certeza se já teve ou não, existe imunossuprimidos, gestantes e que ajudarão na confirmação do
a possibilidade de colher exame de mulheres que amamentam. Ela pode diagnóstico. No hemograma a queda
sangue para identificar se já houve causar reações como dor de cabeça, das células de defesa (leucócitos)
contato prévio com o vírus, através dor no corpo, febre e dor no local da e plaquetas são achados bem
da detecção dos anticorpos IgG. injeção, mas de leve intensidade. comuns nos casos de dengue.
10
HISTÓRIA
HISTÓRIA DE CRIANÇA
CRIANÇA
É cada uma que a gente não aguenta. Aquelas tiradas que eles têm,
que não resistimos e vale anotar, sabe? Mande a do seu filho também

É O QUÊ? ALÉM DO ESTADO CIVIL


Enquanto oravam antes de dormir, Durante uma conversa, Ian disse:
Davi disse: “Mãe, parece que você está “Mãe, eu sou solteiro”. “Como assim,
fazendo fígado com os dedos”. "Fígado? solteiro?”, ela questionou. “Eu sou
Como assim?”, perguntou. “Assim, olha!”, solteiro, sim. Solteiro de pum!”.
ele disse cruzando os dedos. Ian, 3 anos, filho de Lívia
Davi, 5 anos, filho de
Janaina e Guilherme

ESCOVA DIFERENCIADA
A mãe de Wendel tem cabelo cacheado
e um dia resolveu alisar. Assim que a viu
depois da mudança, o menino perguntou,
surpreso: “Eita! Por que você
derreteu o cabelo?”.
Wendel, 5 anos, filho de Jailma
HÁ MUITO TEMPO...
Certo dia, enquanto conversava
com Luana, Camille questionou:
“Mãe, quando você nasceu o mundo
ainda era preto e branco?”. TÁ ME
Camille, 7 anos, filha de OUVINDO?
Luana e Walison Pronta para sair de casa,
Adriana pediu: “Filha, chama
o elevador, por favor?”.
A menina logo disse:
“ELEVADOOOR!”.
Mariana, 3 anos,
filha de Adriana

ESFORÇO EM VÃO
Com quatro meses de gestação, Edilana
estava se exercitando. A sobrinha viu FADA DO DENTE
e perguntou: “Di, por que você está Ao entrar no elevador e ver um senhor
fazendo exercício se sua barriga vai sem o dente da frente, Fernanda falou
crescer do mesmo jeito?”. para ele: “Quando o meu cair vou
Lara, 8 anos, sobrinha de Edilana colocar embaixo do travesseiro”.
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

Fernanda, 2 anos, filha de


Amanda e Fernando
ILUSTRAÇÃO ISTOCK

#istóriadecriança
11
SEU RETRATO

Ninguém no mundo é mais bonito que seu filho. Poste quantas imagens quiser
usando a #seuretrato que publicamos algumas delas todo mês. É tanta foto linda
que recebemos, que vale a pena compartilhar. Este mês, o tema é dia das mães

ALICE E TEODORO, ALICE, DOM,


ATHEUS PHAEL
FILHOS DE CATIA FILHA DE MANOELA E M FILHO DE JÉSSICA E RA

BETINA, JOÃO, BENTO,


FILHA DE RENATA FILHO DE MÔNICA FILHO DE HAMANDA

FOTOS REPRODUÇÃO INSTAGRAM / ACERVO PESSOAL


PAIS&FILHOS | MAIO 2019

ALICE E GABRIEL, SOPHIA, HELENA,


ABRIEL
FILHOS DE RENATA FILHA DE KARINA E G FILHA DE JOANA

Fique igado! O próximo tema  "Festa Junina"


12
CINEMARK MANIA
O PROGRAMA DE VANTAGENS MAIS DIVERTIDO DO BRASIL.

PROMOÇÕES DESCONTOS

UM
INGRESSO BRI N DE
GRATUITO* POR SEMANA

ADQUIRA JÁ O SEU
CARTÃO NAS BILHETERIAS.
DEPOIS É SÓ SE CADASTRAR NO SITE
DA CINEMARK PARA COMEÇAR A APROVEITAR
TODOS OS BENEFÍCIOS EXCLUSIVOS
E GANHAR UM INGRESSO, QUE VALE
A A
PARA QUALQUER SESSÃO DE 2 A 5 , * A C E S S E O R E G U L A M E N TO E M
INCLUSIVE PARA AS SALAS 3D E XD. C I N E M A R K . CO M . B R / C I N E M A R K- M A N I A / R E G U L A M E N TO E S A I B A M A I S .
mãe que é pai
POR CRIS GUERRA, MÃE DE FRANCISCO

Cris Guerra
costuma dizer que foi o filho quem a
pariu e, além de mãe, ela é pai. Tem
cinco livros publicados, é colunista em
MÃES AMADORAS rádios e revistas e viaja o Brasil dando
palestras sobre comportamento.
A maternidade vai além de gerar ou parir uma criança. Apaixonada por moda, acha que até
as palavras servem para vestir
Esse é, na verdade, um daqueles esportes radicais que
duram a vida inteira, apesar de passar voando

Eu posso ter cometido algumas Pensa bem, a gente começa emprestando


irresponsabilidades na juventude, mas o corpo para o menino morar. É por uma
TER UM FILHO SEMPRE ME PARECEU temporada curta, mas, não tem jeito: ele
COISA DE QUEM NÃO TEM JUÍZO. Eu, hein. deixa algumas avarias. Depois, quando
Pra começar, você precisa esperar a nasce, a gente respira aliviada pensando
menstruação não chegar – se ela chegar, que deu tudo certo. Que ingenuidade,
é porque o bebê não vem. As crianças a aventura está só começando.
detestam essa pressão pra elas virem logo, A maternidade é o esporte mais radical
e continuam assim até a vida adulta. do mundo. Porque depois de emprestar o
E aí é como quase tudo na vida: você só corpo a gente cede o coração. Em definitivo.
encontra aquele anel perdido quando Eu sei, ser mãe é cair num mar de clichês.
para de procurar; o telefone só toca As mães são muitas e estão por toda parte.
quando você não está esperando. MAS É VERDADE, NASCE MESMO UMA
FOI ASSIM QUE O FRANCISCO CHEGOU. MÃE JUNTO COM O BEBÊ. O QUE NINGUÉM
EU NÃO ENCOMENDEI, JURO! MAS AMEI CONTA É QUE DEPOIS DESSE NASCIMENTO
A SURPRESA. Quando fiz o exame eu fiquei A GESTAÇÃO CONTINUA.
olhando para aquela barrinha azul, depois É sobre isso que escrevi no livro
para o laudo do laboratório, e foi bem difícil “Escrever uma árvore, plantar um livro”,
acreditar que dentro de mim tinha uma tentando passar por lugares não tão comuns
pessoa de verdade. Mas tinha. (se tem uma coisa que mãe faz é tentar).
Demorou, mas a ficha foi caindo. O espelho As crônicas reunidas neste livro que estou
dizia “você tá grávida” e eu falava “cê tá doido, lançando (muitas delas escritas aqui para a
rapaz”. A GRAVIDEZ É ASSIM, ESSA VERDADE Pais&Filhos) crescem junto com o Francisco.
QUE VAI CRESCENDO DEVAGAR. DEVE SER Lê-las é acompanhar o crescimento dele e
PRA GENTE NÃO SE ASSUSTAR COM O também o de uma mulher que não para de se
TAMANHO DA LOUCURA. Com o tempo transformar. PARECE QUE NOS TORNAMOS
o bebê pega a marginal e acelera. Até nascer. MATRIOSKAS, VAMOS DANDO À LUZ
OUTRAS MULHERES, E ESSAS VÃO
PARINDO OUTRAS. CADA DIA UMA.

"A aternidade  o sporte Tudo tão rápido, que nem dá tempo de


PAIS&FILHOS | MAIO 2019

amadurecer. Ser mãe é só um disfarce pra


ais adical do undo. Porque gente parecer adulta (às vezes até acredito).
É um deslumbramento atrás do outro e, por
FOTO DIVULGAÇÃO

depois de mprestar o corpo mais que a gente exercite, nunca nos tornamos
“profissionais” no assunto. Amamos demais
a gente cede o coração" pra deixar de ser amadoras.
14
conectanto pontos
KUKI BAILLY COMPARTILHA AQUI HISTÓRIAS DE TRANSFORMAÇÃO
E EMPREENDEDORISMO DO GRUPO REDEDOTS, IDEALIZADO POR ELA

Kuki Bailly
mãe da Jasmin, formada
CARINHO QUE AQUECE em Design, com passagem por
agências e grandes corporações,
tem vasta experiência em inovação e
Roberta Pitta Machado é mãe de Miguel e deixou a carreira para empreendedorismo. Define-se como
“netweaver”, ou “tecelã de redes”
empreender com um item essencial nos primeiros meses de vida
do filho, o saco de dormir. Assim nasceu a Casulo de Anjo

Quando o Miguel nasceu, em 2014, eu a morar, pelo menos durante um colaborativa, como o Rededots,
atuava como relações públicas e meu ano, até conseguir erguer e firmar o foram fundamentais para dar início
marido, com direção de fotografia. novo negócio. Atualmente estamos à divulgação e impulsionar o nosso
COMO MUITAS MÃES, ME VI EM no terceiro ano de atividade, já com trabalho. Temos hoje uma base de
BUSCA DE UMA ALTERNATIVA QUE endereço comercial, uma funcionária clientes cadastrados, muitos deles
PUDESSE ALINHAR MELHOR A VIDA fixa e uma oficina de costura estão crescendo usando nossos
DO TRABALHO COM A MATERNIDADE. exclusiva. EU AINDA FAÇO QUESTÃO produtos (já que temos opções para
Virar mãe mudou completamente a DE PARTICIPAR DE TODOS OS bebês e crianças maiores) e para esse
minha vida. Eu queria ser presente no PROCESSOS DA MARCA, PESQUISO ano estamos abrindo novos canais
dia a dia do meu filho, acompanhar E SELECIONO TECIDOS, MATÉRIAS- de atacado. PARA NÓS, EU E MEU
o seu crescimento e estar PRIMAS, AVIAMENTOS, SEMPRE MARIDO-SÓCIO, VITOR CARVALHO,
emocionalmente conectada. PREZANDO PELO CONFORTO E A CASULO DE ANJO É A REALIZAÇÃO
Na época eu enfrentava um dos SEGURANÇA DA CRIANÇA. DE UM SONHO E O INÍCIO DE
maiores desafios de ser mãe de As redes sociais, grupos de UMA NOVA HISTÓRIA CHEIA DE
primeira viagem, a privação do sono. maternidade e redes de economia APRENDIZADOS E REALIZAÇÕES.
Miguel deu muito trabalho para
dormir no começo e, em busca de
soluções que pudessem me ajudar
na qualidade do sono e garantissem
"Eu queria er presente o dia a
sua segurança, conheci fora do
país os sacos de dormir para bebês.
dia do eu ilho, acompanhar
Desde então nossas noites mudaram
completamente e passaram a ser eu crescimento  star
mocionalmente conectada”
muito mais tranquilas. FOI ENTÃO
QUE PERCEBI A OPORTUNIDADE DE
EMPREENDER E PROPORCIONAR
ESSA MESMA TRANQUILIDADE PARA
FAMÍLIAS BRASILEIRAS POR MEIO
DOS SACOS DE DORMIR. Assim
nasceu a marca que resolvemos
batizar de Casulo de Anjo. É uma
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

homenagem ao Miguel também, que


tem nome com referência a “anjo”.
FOTOS ACERVO PESSOAL

A empresa surgiu em julho de 2016.


Comecei cortando as primeiras O saco de dormir da Casulo
peças no quintal da casa da minha de Anjo pode substituir
a manta e deixa o bebê Roberta com o marido, Vitor, e Miguel, filho deles
mãe – lugar que eu resolvi voltar confortável e aquecido
16
a vida é longa
POR MÔNICA FIGUEIREDO, MÃE DE ANTONIA

Mônica Figueiredo
correspondente
VAMOS FALAR DE BIRRA em Lisboa

Então, prepara. Há muito tempo quero falar


sobre este assunto. Birra de filho, claro

Venho adiando o espinhoso tema pelos motivos Entendendo isso, conseguimos ter a força e
mais bestas. Mas, agora, na minha nova vida, dizer ao filho: não. Ponto. E agir assim não
na calma e distância que vieram com essa é ser grosso nem tirano. É orientação. Não
mudança para Lisboa, saquei que só estava é fácil. Mas é preciso ser firme. CRIANÇA
adiando por medo de ser desagradável. Porque BIRRENTA É INFELIZ, QUER CHAMAR A
para mim, querida mãe e querido pai que me ATENÇÃO e está pedindo limite, educação.
leem agora, birra não dá. Não dá e ponto. “Ah, As regras? Você diz! E sim, educar é
mas meu filho é assim, incontrolável”, “Já tentei extremamente exaustivo. Explicar mil vezes
de tudo, mas chega uma hora...”, “Você não a mesma coisa, repetir e repetir regrinhas
conhece meu filho, com ele nada adianta”, “Birra que para nós são óbvias, mas que o filho não
faz parte, ele é só uma criança, depois passa”. entende. É a nossa atitude, é superar nosso
Por aí vai. Só desculpas. Sol tapado com peneira. próprio cansaço, nossa exaustão, medos,
Birra é chato. É um saco para todo mundo e só inseguranças... Dureza. Mas foi esse o “trato”
uma pessoa pode “resolver”. Você sabe de quem que fizemos com o universo e com a nossa
estamos falando. E É ENCARANDO, DIZENDO posteridade quando resolvemos ter filhos.
NÃO, DANDO LIMITE QUE O CENÁRIO MUDA. Crianças gostam de regras. Gostam de “saber
Papo reto: você reconhece a birra do seu filho? como”. Na boa, na paz, com leveza, com humor,
Percebe ou deixa passar? Faz o que quando com carinho. Mas vou repetir: tudo isso com
ela rola? Muitas vezes é beeeeem difícil firmeza. E ser firme não é ser ruim.
conseguir reconhecer. Não é de sacanagem, Cresci numa casa onde as coisas eram levadas
nem preguiça. São aquelas defesas que no humor, na risada, mas onde ouvia, da mesma
fazemos para “proteger” o filho, quando, de mãe tão legal, que “cara feia para mim é fome,
nós, o filho não deveria nunca ser protegido. Mônica” quando eu começava a tentar fazer birra.
A birra simplesmente não “colava”. Não tinha eco.

"É a �ossa atitude, � �uperar Não dei mole com a Antonia também. Não sou
exemplo para ninguém, nem estou dizendo

�osso próprio cansaço, �ossa que sei fazer tudo “certinho”. Óbvio que não. O
que faço aqui é dividir minhas reflexões e tentar

�xaustão, �edos, �nseguranças” mostrar as crenças da gente aqui da Pais&Filhos.


Acreditamos que EDUCAR DÁ TRABALHO, MAS
SOMOS NÓS OS ADULTOS, PORTANTO CABE
Estou convencida que birra “comum” é indício da A NÓS TOCAR O BARCO e dizer qual é o tom da
velha falta de educação. Mas sei que o que pega toada. Filho mal educado sofre. A vida não poupa.
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

é que, ao admitirmos que nosso filho está mal Não tenho dúvida: eles sabem SIM o tamanho
educado, estamos “falando mal” de nós mesmos. do nosso amor. Não precisa se preocupar.
E aí, não rola. Somos perfeitos, né? #Sóquenão. Mas não se furte de fazer seu papel . Educar
FOTO DIVULGAÇÃO

Podemos sim estar criando mal nosso filho. é chato, dá trabalho. A gente sofre, não
Respira. Dá para reverter! Precisa reconhecer gostamos de contrariar nosso filho… Mas, lá
que educar é processo e está nas nossas mãos. na frente, seu filho vai agradecer. E muito!
18
MÃE TAMBÉM É GENTE

Comer esteira
Não vamos nos culpar de nada. Essa palavra tem que ficar de lado, ou pelo menos pra fora
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

de casa. Tem dias que a gente precisa fugir da dieta, sim. Faz parte do jogo. Comer doces,
por exemplo, é uma delícia e você merece escolher o seu preferido. Ainda mais num mês
que é só seu. Claro que não é para largar mão da saúde. Mas, uma vez ou outra, não vai
interferir em nada. Salivou? Então escolha a sua besteira favorita sem medo de ser feliz.
FOTO GETTY IMAGES

19
ELA DIZ, ELE DIZ

A gente ama este casal! Todo mês, os dois escolhem


um tema do universo familiar para debater e você sempre
vai encontrar dois pontos de vista: o de mãe e o de pai

la
Até bem pouco tempo, chorar era sinal de
fraqueza. “Coisa de mulherzinha”, mais uma
dessas expressões machistas que felizmente
estão caindo em desuso. Hoje sabemos quanto
ter equilíbrio emocional é importante. UMA
CRIANÇA QUE RESPEITA OS SEUS PRÓPRIOS
NÃO RESPIRE FUNDO, SENTIMENTOS TEM MAIS CHANCE DE SE
TORNAR UM ADULTO EMPÁTICO, INTELIGENTE
PODE CHORAR E GREGÁRIO. Certa vez ouvi de uma pedagoga
ANA CARDOSO, No começo dessa semana entrevistei vinte que algumas multinacionais não conseguiam
mãe de Anita e Aurora, jovens de 12 a 17 anos para uma pesquisa contratar diretores locais. Porque para dirigir
é jornalista, socióloga que estou fazendo sobre o futuro do trabalho. a filial em uma rede é preciso muita empatia.
e autora dos livros Uma das perguntas, um pouco fora do Tem-se que entender a cultura da empresa
A Mamãe É Rock, contexto, era sobre como eles lidam com e a cultura local, entender a cabeça dos
Natal, Férias e Outras
Histórias e Quando
a tristeza. A maioria disse que chora, que funcionários e saber inspirá-los para gerir bem
Falta Ar. Ama suas conversa com os amigos ou com os pais. o negócio. Os perfis assim, de gente que entende
filhas mais que tudo, Abrem o berreiro. Fiquei aliviada em saber o outro, são tão raros que – às vezes – um
mas não esquece que minha filha chorona não é exceção. mesmo superexecutivo (ou superexecutiva)
jamais de si. Talvez a nossa geração, de posse de tantas é o CEO em diferentes países. Não porque é
teorias sobre como ser mais afetuoso – como conveniente para a empresa, simplesmente
abraçar, beijar e ouvir mais os filhos – ESTEJA porque não há diversas pessoas com este perfil.
PROMOVENDO UMA GRANDE REVOLUÇÃO Nesse sentido, e aí eu volto para minha
NA FORMA DAS CRIANÇAS SE EXPRESSAREM. pesquisa, a mudança está chegando. Nem
Não são todos, é verdade. Certamente é muito todo jovem é durão. Nem todo adolescente
mais gente do que antes. Não me lembro de ter é irresponsável. Nem toda criança se acha
chorado na escola uma vez sequer. o centro do universo. Meninos choram.
Minhas filhas choram bastante. A Anita, na Meninas podem bater o pé e lutar pelo que
maioria das vezes, o faz quando é contrariada. acreditam. Chorar de raiva e não porque
Ela sabe quando o "não" é não mesmo. Quando são moles. Tem dias que eu acredito que
FOTOS ARQUIVO PESSOAL / ILUSTRAÇÃO GETTY IMAGES

não rola negociação. Sem direito a tréplica, uma geração melhor está vindo aí. Tem dias
faz o que está ao seu alcance, põe para fora que não. NESSES, EU PONHO A MÃO NA
o que sente. De forma bem líquida, com CONSCIÊNCIA E PENSO EM COMO POSSO
direito a soluços e uma cara vermelha que FAZER ALGO PARA MUDAR AS COISAS QUE
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

dura bastante tempo. A Aurora chora quando NÃO CONCORDO. OU, SIMPLESMENTE,
briga com a Anita, quando se machuca e SENTO E CHORO. Muitas vezes é o melhor
chora por cansaço também. As duas choram que podemos fazer.
em situações de injustiça social e nisso me
puxaram. Não consigo achar normal crianças
na rua pedindo dinheiro ou comida.
20
le
CHORA QUE FAZ BEM
Perdi a conta de vezes que vi pessoas
chorando. Ao vivo, em palestras, às vezes
quando me param na rua, esboçam algumas
frases, citam o pai ou os filhos, e começam que a gente tem guardado, que não consegue
a chorar. Sempre pedem desculpas, como falar e só sai com soluço e lágrima e ranho.
se fosse algo errado se emocionar. Parece Por vezes, é melhor assim. Quem chora
vergonha, ter tanto coração. PARECE QUE reconhece que é humano, que sentir não é feio,
A GENTE TREINOU TANTO PRA SER que colocar pra fora é curativo. Não há vergonha.
MÁQUINA, ACORDAR CEDO, BATER PONTO, Então, quando alguém me fala: “Choro muito
PAGAR CONTA, TRÂNSITO, COBRANÇA. assistindo aos seus vídeos”, eu digo: “Obrigado!
Ser duro é ser forte. Ser sensível é ser fraco. Eu choro muito fazendo-os”. Pois virei um
Eu acho completamente o contrário. chorão depois que as minhas filhas nasceram.
Já aconteceu muitas vezes. Na saída de um CHORO QUANDO VEJO FOTOS ANTIGAS.
shopping, uma mãe me abraçou e começou CHORO QUANDO A PEQUENA DORME NO
a soluçar. Me abraçou e deixou meu ombro MEU COLO. Choro com filmes sobre mulheres
todo molhado. Outro dia, em um restaurante, fortes. Minhas filhas estão crescendo, então
um pai tentava falar, mas engasgava e não eu vejo as notícias de mulheres sendo
conseguia dizer nada. Apenas começava agredidas e me dá um pavor terrível. Fico com
as frases normalmente, mas terminava medo de como o mundo vai tratar essas duas
desafinando, não conseguia completar meninas, as coisas que mais amo na minha
a história que queria me contar; acabou vida. Aí então, se vejo um filme bonito, um
me mandando por e-mail. Uma menina discurso emocionante falando sobre direito MARCOS PIANGERS,
que trabalhou comigo também tinha esse das mulheres, sobre a luta delas, sobre dar pai de Anita e Aurora,
problema; mãe solo, não podia começar a oportunidade para meninas, respeitar garotas é jornalista, palestrante
falar do filho que caía em lágrimas ali mesmo e deixá-las ser quem puderem, choro mesmo e autor dos livros
O Papai É Pop 1 e 2.
no escritório. Só conseguia dizer: “desculpa, de emoção. Choro de não conseguir falar.
Comprometido com
desculpa”. Desculpa por quê? Choro de esconder o rosto com as duas mãos. a paternidade
Faz bem chorar. Pra isso que serve aqueles Choro de imaginar mesmo que essas meninas presente e amorosa,
lencinhos do lado do divã. É o pedágio do corpo, podem chegar longe, apesar do mundo tem inspirado milhares
quando a emoção quer sair. Por vezes, são coisas estar indo pra não sei onde. de pessoas com
PODE CHORAR QUE FAZ BEM. FRACO seus vídeos, textos
e palestras.
MESMO É QUEM NÃO SENTE NADA.
Quem sente põe pra fora, e terá aqui
sempre um ombro amigo.
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

MORAL:

"Rir  ma delícia, as chorar


também pode er om"
21
NADA SE CRIA...

HELENA
CHEVALIER,
filha da youtuber Gisele Chevalier
e de João Castro, é a prova que
criança pode (e deve) seguir macacão de
esqueleto,
seu próprio estilo. Morando em FÁBULA,
R$189,00
Orlando com os pais, ela aproveita fabula.
com.br
o clima ameno para misturar peças
de diferentes estações e mostra
que o clima frio não é sinônimo de
roupas sem graça para crianças.
tênis básico,
Os looks sempre levam em ADIDAS,
consideração o conforto usando R$289,99
ludiqueetbadin.
peças divertidas. jaqueta jeans, com.br
EVINHA,
R$528,00
useeva.com.br

Mood:�ora de �rincar
Mood:�azendo pose
calça jeans,
RENNER,
R$69,90
renner.com.br

suéter de tricot,
GREEN, R$218,00
lojagreen.com.br
FOTOS DIVULGAÇÃO / REPRODUÇÃO INSTAGRAM
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

tênis colorido,
NIKE, R$189,00
tricae.com.br

bata florida,
RIACHUELO,
R$35,90
riachuelo.com.br

22
Mood:charmosa

camiseta
estampada,
saia florida, MARISOL,
C&A, R$29,99 R$37,90
cea.com.br tricae.com.br

PAIS&FILHOS | MARÇO 2019

meia listrada,
PIMPOLHO, R$19,90
pimpolho.com.br
tênis de velcro,
GEOX KIDS,
R$630,00
farfetch.com.br

23
24 HORAS

MATERNIDADE REAL
Aline Vicente é mãe de duas meninas: Laura, de quatro anos e que é autista,
e Sarah, de três anos. No Instagram @diaadiademamae ela compartilha a rotina
com as filhas e a vida da família, que mora na Flórida, nos Estados Unidos

8h30
Elas gostam de escolher as
próprias roupas. Arrumo o cabelo
e escovo os dentes de cada uma e
deixo-as prontas para pra aula!
7h
As meninas acordam
cedo e já pedem para
tomar o café, elas
gostam muito do “doce
de banana”, receita
que faço com cacau e
aveia desde que elas
começaram a comer

20h30
Eu apago a luz do quarto, nós
oramos e agradecemos nosso
dia, elas contam algo do dia e
aos poucos vão parando de
falar e dormem. Eu fico com
elas até pegarem no sono
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

20h
Depois do jantar, Laura e Sarah amam
ler. Contamos duas ou três histórias
todas as noites. Assim elas também vão
desacelerando para descansar

24
15h
A volta para casa é sempre muito
animada. Vamos conversando e
cantando dentro do carro

10h
O momento que tenho
sozinha aproveito para estudar,
trabalhar e programar o tema
dos próximos vídeos e posts

16h30
18h Depois de um lanche,
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

Elas tomam banho e nós vamos ao parquinho


brincamos juntos, ficamos e encontramos amigos.
um tempão lá. Elas escolhem As meninas se divertem
o que preferem, boneca comigo e com outras
ou jogos, e eu e o Vinícius crianças, elas adoram!
seguimos a imaginação
e criatividade delas
25
NASCER DE NOVO

Empreender é a saída. Nosso papel aqui é encontrar e empoderar


você nessa nova jornada da vida: ser dona do seu negócio

NEGÓCIO EM FAMÍLIA APRESENTA

Mãe e filha resolveram empreender juntas e criaram uma loja


infantil online com produtos alegres que fogem do padrão

Márcia Guerreiro sempre escolha de tecido, fornecedores, FAÇA PARTE


pensou em empreender. Seus pais, estamparias e confecção. VOCÊ TAMBÉM!
portugueses morando num país “Foi um ano e meio de erros e Se você tem alguma história
estrangeiro, tinham um negócio acertos, mas com cada erro, veio um parecida e quer compartilhar,
próprio e ELA E OS IRMÃOS FORAM aprendizado” e assim CONSEGUIRAM entre em contato com a gente!
CRIADOS COM ESSE ESPÍRITO MONTAR A LOJA DO JEITO QUE ➜ Mande um direct via Instagram
EMPREENDEDOR DENTRO DE CASA. PLANEJAVAM, TENDO PRODUÇÃO (@paisefilhosoficial)
➜ Sua história poderá aparecer
Após tirar licença sem vencimento CONSCIENTE E VALORIZANDO A
nas nossas plataformas
de uma grande empresa para MODA SUSTENTÁVEL E HUMANA. ➜ E você poderá apresentar
acompanhar o marido na Lá, o foco são peças alegres, que seu negócio para uma bancada
transferência profissional para outra fogem do padrão: “Acreditamos de empreendedores feras
cidade, a psicóloga aproveitou para que cor é vida!”. Márcia, que está se ➜ Dez participantes serão
presenteadas com lotes de
estar perto da, até então, única filha, divorciando, entende que é hora de
produtos no valor de até R$10.000
Tainah. Nesse período fora, Márcia se reinventar. “A expressão ‘nascer para alavancar seu negócio
se separou e casou novamente. de novo’ se encaixa perfeitamente ➜ As vencedoras terão nosso
Engravidou de Clara e ganhou Thiago, na minha nova fase”. A parceria apoio na divulgação da marca e se
seu enteado, como um novo filho. com os filhos permanece e é motivo tornarão influenciadoras parceiras
Pouco depois, aos 42 anos, Júlia de gratidão. “Hoje empreendo, da Pais&Filhos
nasceu. Ser mãe mais madura trouxe conciliando maternidade e me Gostou? Então vem com a gente!
conforto e tranquilidade. empoderando diante da vida”. #nascerdenovo
Foi quando ela se desligou
definitivamente do emprego. "A �xpressão ‘nascer de �ovo’
“VIVI INTENSAMENTE A MATERNIDADE
COM OS QUATRO FILHOS, �e �ncaixa perfeitamente �a
APROVEITANDO TODAS AS FASES
TUDO JUNTO E MISTURADO”, conta. �inha 'nova �ase'"
Em 2016, mãe e filha mais velha – na
época com 26 anos e já publicitária –
resolveram criar um negócio juntas.
Dois anos depois, a MiniSoul nasceu:
uma loja infantil online. “Nós nos
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

entendemos com o olhar, sabemos o


que a outra pensa, facilita o trabalho”,
FOTOS ACERVO PESSOAL

diz Márcia sobre a relação com Conheça os produtos


da MiniSoul em
Tainah. Mas nem tudo foi tranquilo. minisoul.com.br
Elas tinham pouco conhecimento no Márcia e Tainah seguiram a tradição
da família e criaram um negócio próprio
ramo e esbarraram em obstáculos:
26
VOCÊ VIU ISSO?

No mês passado rolou o evento de lançamento da edição especial com capa


icônica assinada por Mauricio de Sousa. O lugar? Nada mais, nada menos,
do que o Parque da Mônica, no Shopping SP Market, em São Paulo

#2

#1
Logo na entrada
do parque dá
para ver os
brinquedos
temáticos. Daí
para frente, fica
Chegando no evento, de cara nossos
tudo mais legal!
blogueiros parceiros e embaixadores

#6
encontravam as mesas cobertas por
revistas da edição de abril

#5 #7
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

Tivemos a presença ilustre dos


FOTOS ACERVO PESSOAL

personagens da Turma da Mônica e,


Depois, claro, o próprio Mauricio falou além dos protagonistas, Luca, aí na O Matias, de 4 anos e filho de Magda
sobre a experiência de reunir os filhos imagem com Roberta Bento, esteve lá Figueiredo, também não resistiu e foi
para a matéria e contou um pouco bater um papo com a Magali. A mãe não
sobre a família fora dos quadrinhos aguentou e registou o momento fofo
28
Nem ós esistimos! Voltamos à nfância
com a presença da Turma da Mônica
 Mauricio de Sousa
#3
#4 DISSERAM
POR LÁ

“Foi incrível, um sonho realizado ver


o Mauricio falando sobre os filhos
e os personagens. O mais legal
foi perceber a energia daqui, todo
mundo gosta muito dele”
TAÍS BENTO, filha de Roberta Bento
@soseducacao

Murillo, filho de Polly Pinheiro,


não aguentou esperar e começou “Foi emocionante. Ver o Mauricio
a ler ali mesmo enquanto as falar que se inspirou nas filhas e o
Andressa Simonini, filha de Branca Helena que representa a família para ele foi
apresentações não começavam
e Igor e editora-executiva, e Adriana Cury, superimportante. Adorei a dica de

#8
diretora de marketing e filha de Goiania e olhar para o que nosso filho tem de
Maurício, abriram o lançamento mais especial e usar isso no futuro”
MAGDA FIGUEIREDO, mãe de Matias

#9
@maeatual

“Eu adorei o evento, estava tudo


muito lindo. Foi superemocionante
ver a turma do Mauricio de Sousa
na capa, mais do que justo essa
parceria acontecer”
VANESSA ABDO, mãe de Laura
e Rafael @mamisnamadrugada
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

“Achei incrível estar aqui, poder


No final do encontro, a equipe
conhecer o Mauricio de Sousa e a
Pais&Filhos fez questão de tirar história da família dele e todos os
uma foto com Mauricio de Sousa. personagens. Quando a Turma da
O lançamento foi um sucesso! Depois do bate-papo, as crianças Mônica apareceu, me emocionei e
(e os adultos) puderam se jogar me senti uma criança novamente”
no parque e aproveitar todos os ANA LU, mãe de Matheus, Guilherme
brinquedos. Foi uma farra só! e Isabella @familiakangulu
29
ENTREVISTA

Juntos
t � possível
formar famílias
�ais �elizes
O 7º SEMINÁRIO INTERNACIONAL Estamos contando os dias (literalmente!) para o 7º Semi-
nário Internacional Pais&Filhos. O tema da vez é: “Juntos é
FOTOS GETTY IMAGES / DIVULGAÇÃO

PAIS&FILHOS ESTÁ AÍ E POR ISSO


PAIS&FILHOS | MAIO 2019

possível” e durante um dia inteiro vamos reforçar que nin-


VIEMOS TE DAR UMA PALHINHA DO guém cria filho sozinho e que, só em parceria e em conjun-
QUE VOCÊ VAI ENCONTRAR. to podemos formar famílias mais felizes. Afinal de contas,
NOS VEMOS LÁ! quando chega um bebê, nasce uma família. Para te adiantar
o que vem por aí, batemos um papo com os palestrantes – e
POR MARINA PASCHOAL, filha de Selma e Antonio Jorge você vai ficar com gosto de quero mais.
30
LÉO HELEN
Jaime Ramos
PAI DE DAVI, É ATOR, CANTOR, COMPOSITOR E MÃE DE CAETANO, É JORNALISTA, ATRIZ E CINEASTA.
JORNALISTA. PARA ABRIR O EVENTO COM TUDO, ELE COMANDA O CANAL HEL MOTHER NO YOUTUBE E NO
VAI FAZER PARTE DO PAINEL "JUNTOS É POSSÍVEL SEMINÁRIO VAI COMANDAR A PALESTRA "JUNTOS É
SUPERAR TUDO" POSSÍVEL COM O AMOR DA MÃE"

& O que é a rede de apoio? & O que é o amor da mãe?


LJ: É o círculo de pessoas que a gente escolhe. HR: Esse sentimento acontece naturalmente
Na minha casa, por exemplo, temos uma pessoa que e vai sendo construído com o tempo. Ele é forte,
trabalha lá e ela é importantíssima na qualidade do cria laços, é único dentro da relação mãe-pai-filho,
vínculo, assim como os bichos de estimação (risos). mas não transforma realidades. E é isso. O amor
É a noção de família, de lar. É onde você pertence, da mãe é algo socialmente romantizado, que
as pessoas que fazem parte desse mundo, é uma sobrecarrega a mulher na criação dos filhos.
engrenagem sofisticada e cheia de elementos.
& E como é para a mulher tornar-se mãe?
& E quem são essas pessoas na sua vida? HR: Não acredito que haja uma transformação para
LJ: Eu e minha esposa criamos nosso filho sem avós mãe, porque ela não deixa de ser mulher. E para passar
na cidade – nós moramos no Rio, e eles em São Paulo. por isso, o caminho é ter muita informação. Esse é o
Quando percebemos que precisávamos do tempo do melhor jeito. Procurar apoio de pessoas que estejam
casal sem o bebê, pudemos contar com os pais dos passando pela mesma fase e mesmas coisas que você
colegas do Davi. Então, as amizades do meu filho nos também é ótimo para não existir sentimento de solidão.
trouxeram amizades também.
& Então ter rede de apoio faz parte?
& Qual a importância de ter com quem HR: Sim. É muito bom ter por perto quem ajude
compartilhar esses momentos? fisicamente, principalmente no primeiro ano do
LJ: Acredito que nossas vitórias não são solitárias e nem bebê, que é muito cansativo. E emocionalmente é
nossas derrotas. Compartilhar é a essência do afeto, é importante estar por perto diariamente. E um grande
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

muito importante como base, estrutura e até objetivo. apoio é compreender e entender o momento da mãe.
Ser mais gentil nas opiniões e possíveis intromissões.
& Juntos é possível...
LJ: Formar uma família que não depende & Juntos é possível...
necessariamente de ter o mesmo sangue, mas, HR: Criar filhos de uma forma mais forte e potente.
sim uma família em torno do mesmo afeto. Afinal, é necessário uma vila para criar uma criança.
31
MARCOS ROBERTA E TAÍS
Piangers Bento
PAI DE ANITA E AURORA, É JORNALISTA, MÃE E FILHA, NOSSAS EMBAIXADORAS, E FUNDADORAS
NOSSO COLUNISTA, PALESTRANTE E AUTOR. DO SOS EDUCAÇÃO E ESPECIALISTAS EM EDUCAÇÃO
POR LÁ, VAI FAZER A APRESENTAÇÃO “JUNTOS E NEUROCIÊNCIA COGNITIVA. VÃO APRESENTAR
É POSSÍVEL MUDAR UM HOMEM PARA PAI” “JUNTOS É POSSÍVEL EDUCAR E SER EDUCADO”

& Como é, para o homem, a chegada do bebê? & A escola pode ser considerada rede de apoio?
MP: É muito transformador. Em geral, ele é preparado ReTB: Sim e ela tem papel fundamental. A escola é um
pela sociedade para ser uma figura decorativa na ambiente seguro, e além disso, oferece a oportunidade
família, está ali só pra pagar as contas. E a chegada da criança desenvolver habilidades que ela não
de uma criança é o chamado de um compromisso, conseguiria sozinha, dentro de casa com o pai e a mãe.
a chance de se transformar em um homem melhor.
& Como é isso na prática?
& E como criar vínculo afetivo com o filho? ReTB: A escola tem profissionais que conseguem
MP: Acredito que seja se doando. Essa é a única olhar para a criança pensando além da questão
forma, porque um pai que não participa da engrenagem emocional – que é o que geralmente causa ansiedade
da família naquele primeiro momento – então, que nos pais e acaba ‘atrapalhando’. Esses funcionários
não troca fralda, não dá banho – o pai que não está estão preparados para ajudar o seu filho a crescer, se
presente, será uma pessoa consequentemente mais desenvolver e amadurecer para conviver em sociedade.
distante dessa criança no futuro. E para conseguir se
doar 100%, ele pode pedir licença pra mãe e participar & E qual o grande desafio nisso tudo?
da infância do filho o máximo que puder. ReTB: É educar os pais também. É deixar claro
que eles precisam deixar a superproteção de lado
& E a rede de apoio, como ela interfere? em alguns momentos. Mostrar para eles que em alguns
FOTOS DIVULGAÇÃO / FÁBIO JR. SEVERO / TRIPOLLI

MP: Faz toda a diferença. Minha mãe me criou sozinha, momentos é importante que a criança se depare com
mas me lembro bastante da presença das amigas dela. as diferenças de regras, costumes e limites. Hoje em
Elas cuidavam de mim quando precisava e as reuniões dia, pra se ter ideia, os pais não só atendem o desejo
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

eram na minha casa, assim minha mãe tinha o momento do filho de imediato, como antecipam. E isso interfere
de relaxamento dela, mas sempre de olho em mim (risos). na oportunidade de amadurecimento dessa criança.

& Juntos é possível... & Juntos é possível...


MP: Construir uma geração de crianças e futuros ReTB: Educar nossos filhos para um mundo em
adultos melhor do que a nossa. Fazer um mundo melhor! que a única certeza que temos é a mudança.
32
APRESENTA

SILVIA
Lobo
PSICÓLOGA, PSICANALISTA, SOCIÓLOGA, HÁ MUITOS
ANOS DEDICA-SE À CLÍNICA PSICOTERAPÊUTICA COM
CRIANÇAS E ADULTOS. ESTARÁ À FRENTE DO PAINEL
“JUNTOS É POSSÍVEL COM A NOSSA TRIBO”

& Como surge uma rede de apoio?


É assim que o bebê nasce também?
SL: A rede de apoio ampla tem seu tempo para
Sô÷÷¡úĄO
acontecer. Apesar da família também participar da
preparação da mudança, que são os nove meses de
gestação, é importante levar em conta que durante
esse tempo, o bebê ficou isolado e protegido de sons,
movimentos, inquietações e desagrado.

& Então essa inclusão deve acontecer APOIO


de maneira gradual?
SL: Exatamente. O apoio nesse momento deve estar
disponível, mas guardando certa distância. Existe uma
analogia dentro da psicanálise que sugere que se lembre
de um bando de porcos espinhos: quando se aproximam
demais, picam; e quando se afastam demais, sentem frio.
É uma boa dica a ser seguida pela rede de apoio.

& O que é ter uma tribo?


®
SL: É um privilégio. É ter um lugar de pertencimento, um Daa nossa casa
D
para sua casa.

grupo, referências de ideais e sonhos. Vale pensar também:


PAIS&FILHOS | MAIO 2019

podemos ter tribo dentro e fora de nós. Estar juntos não é


&
apenas condição física, é sobretudo, um sentimento.

& Juntos é possível... MIDIA PARTNER


SL: Tornar a vida melhor, na medida em que se zele
pela individualidade e pelo respeito.
33
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

34
AMAMENTAÇÃO

O TIPO DE
AMOR QUE
ALIMENTA
A EXPERIÊNCIA DA AMAMENTAÇÃO NÃO É FÁCIL, MAS PRECISA
SER BOA PARA A MÃE E PARA O FILHO. NO MEIO DO CAMINHO
ALGUMAS DÚVIDAS E DESAFIOS SURGEM, MAS NO FINAL TUDO
DÁ CERTO. RESPONDEMOS ÀS PRINCIPAIS QUESTÕES SOBRE
O ALEITAMENTO E JÁ ADIANTAMOS QUE NÃO EXISTE O JEITO
CERTO, MAS SIM O JEITO DE CADA MULHER

POR JENNIFER DETLINGER, filha de Lucila e Paulo

A
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

mamentar vai além de apenas dar sabe como amamentar logo de cara. Tudo vai depender do seu
o leite e alimentar o bebê. É um ato de amor, proteção e ca- filho, do quanto você produz de leite e de como você se adapta
FOTO NICKI SEBASTIAN

rinho, que faz toda diferença no desenvolvimento da crian- a essa rotina. A QUESTÃO É QUE A FALTA DE INFORMAÇÃO,
ça ao longo da vida. E nós acreditamos que a experiência de MUITAS VEZES, CAUSA RECEIO E INSEGURANÇA NAS MÃES.
aleitamento precisa ser boa para a mãe e para o filho. Não Por isso, separamos (e respondemos) as dúvidas mais comuns
importa o jeito, desde que seja o seu. E quase nenhuma mãe para você conseguir amamentar da melhor forma.
35
O nervosismo da mãe de não NA PRÁTICA
DICAS PARA FAZER DA AMAMENTAÇÃO
conseguir amamentar influencia?
UM MOMENTO CALMO E PROVEITOSO
Sim. Geralmente se diz que amamentação é natural, mas na PARA VOCÊS DOIS
verdade é algo que se aprende, tanto a mãe quanto o bebê. ¾ Os lábios do bebê ficam voltados para fora,
Para diminuir o nervosismo, o importante é manter essa e a boca aberta como "boquinha de peixe"
ideia de que isso é novo para os dois. Muitas vezes, as coisas ¾ O queixo dele fica encostado
engrenam facilmente e a mulher tem zero problema. no seio da mãe
¾ A barriga e o tronco do bebê
ficam voltados para a mulher
¾ A bochecha dele enche quando suga o leite
¾ Ele deve pegar todo o mamilo
COMO ACORDAR O BEBÊ PARA AMAMENTAR? e a parte inferior da aréola
No início, é bom deixar o bebê estabelecer os seus próprios ¾ O nariz do bebê não encosta no seio
horários e então a mãe oferece o leite quando ele quiser. Nor- da mãe, e ele respira livremente
malmente nas primeiras semanas de vida os horários costu-
mam ser bem irregulares, podendo variar desde a cada hora,
até quatro horas de intervalo. AOS POUCOS A PRÓPRIA SEM DOR E COM AMOR
CRIANÇA VAI ESTABELECENDO HORÁRIOS MAIS FIXOS, ¾ Massageie o seio antes de colocá-lo para
APROXIMADAMENTE A CADA 3 HORAS, O QUE ACONTECE mamar pela primeira vez
GERALMENTE A PARTIR DO PRIMEIRO MÊS DE VIDA. Caso o ¾ Comece a massagem ao redor do seio e
seu filho mantenha horários irregulares após o terceiro mês, depois em volta da aréola
¾ Faça uma pequena ordenha, puxando
consulte o pediatra em busca de orientação. Juntos, vocês
o seio para trás e para frente. Isso faz com que
poderão entender o que está causando essa inconstância e os ductos se abram e o colostro saia
ajustá-la. Afinal, a falta de rotina pode ser cansativa para a ¾ Procure ordenhar a cada quatro horas,
mãe. Se o seu filho não acordar para mamar à noite e estiver caso você não amamente nesse período
ganhando peso, você não precisa acordá-lo.

A Pais&Filhos acredita que amamentar tem


que er om para a ãe  para o ilho.
Não mporta o eito, desde que eja o eu!

A amamentação está relacionada


com o desenvolvimento do bebê?
Muito! Para se ter ideia, ela traz benefícios imunológicos AMAMENTAR EMAGRECE?
principalmente quando se trata do colostro, aquele leite Aquela velha história de que amamentar emagrece não é
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

inicial que parece um soro. Ele tem anticorpos, é nutriti- conversa fiada. Durante esse período dos primeiros me-
vo e possui uma gordura que engorda o bebê. A amamen- ses do bebê, A MULHER TEM MAIOR PERDA DE ENERGIA E
tação também ajuda a desenvolver a fala e a deglutição, já MUITO MAIS TRABALHO. Por isso, seu corpo fica mais ati-
que para mamar, O BEBÊ PRECISA TER FORÇA NOS MÚS- vo e você acaba perdendo peso com facilidade. Mas é bom
CULOS DA BOCA PARA SEGURAR E SUGAR O SEIO, E TER prestar atenção: na segunda gestação o metabolismo já
COORDENAÇÃO PARA ENGOLIR E RESPIRAR. está mais lento e o emagrecimento não é tão intenso.
36
QUAL É A PEGA CORRETA? Posso amamentar gripada ou com febre?
Essa é uma das maiores dificuldades, principalmente para as Desde que você esteja se sentindo bem o suficiente pra
mães de primeira viagem, que podem sentir dores até con- isso, não tem nenhum problema. Porém, nos casos de gri-
seguirem encontrar a posição certa. A PEGA CORRETA TEM pe, é bom ter alguns cuidados. Precauções como O USO DE
QUE SER SEMPRE NA ARÉOLA, NÃO PODE SER NO BICO. UMA MÁSCARA CIRÚRGICA DURANTE A FASE SECRETIVA
A parte de cima da aréola tem que ficar mais visível do que a DA DOENÇA, isto é, enquanto você estiver com tosse e cori-
de baixo, os lábios do bebê devem estar em formato de pei- za, E O USO FREQUENTE DE GEL ALCOÓLICO NAS MÃOS
xinho e, quando ele suga, o seio vai para dentro da boca dele. antes e depois de amamentar são medidas que podem di-
Para saber se está tudo certo, é simples: você não vai ter dor minuir a chance da passagem do vírus para o bebê.
e vai sentir a sensação de esvaziamento do peito. Além dis-
so, se seu bebê estiver fazendo xixi em grande quantidade
e cocô regularmente, quer dizer que tudo está fluindo bem.
É PRECISO PREPARAR OS SEIOS PARA AMAMENTAR?
Não, isso é mito. O mamilo possui os tubérculos que sol-
tam uma gordura imperceptível que prepara o peito para a
O que acontece no cérebro do bebê amamentação. Ou seja, quanto menos a mulher fizer, me-
durante a amamentação? lhor: LAVAR O SEIO COM SABÃO E PASSAR CREMES, POR
A mãe libera a ocitocina, que é o hormônio do amor. Então EXEMPLO, SÃO ATITUDES QUE INTERFEREM NESSA PRO-
UM BEBÊ QUE MAMA TEM PERCEPÇÃO MAIOR DO ‘OU- DUÇÃO NATURAL. Deixe que seu corpo cuida de tudo!
TRO’, MESMO QUE SEJA A LONGO PRAZO. O contato de
pele libera hormônios como o da tireoide, que regula a tem-
peratura corporal e a frequência cardíaca, e o cortisol, que
amadurece o pâncreas e equilibra a questão emocional. Tenho prótese de silicone. Posso amamentar?
Não precisa se preocupar. A prótese é colocada atrás do
músculo, então não atrapalha. No passado, algumas cirur-
gias trocavam o mamilo de lugar, o que dificultava o pro-
COMO DEIXAR DE AMAMENTAR? cesso do aleitamento, mas hoje o SILICONE É COLOCADO,
Não existe uma fórmula secreta ou uma regra geral. CADA NA MAIORIA DAS VEZES, ATRÁS DA GLÂNDULA MAMÁRIA
MÃE VAI FAZER O DESMAME DO SEU PRÓPRIO JEITO. E E NÃO IMPEDE EM NADA A AMAMENTAÇÃO. Porém, caso
O MAIS IMPORTANTE É QUE ELA QUEIRA PARAR DE AMA- a prótese seja colocada pelas aréolas, os ductos mamários
MENTAR DE VERDADE: “Não basta dizer que precisa parar. (canais que levam o leite até o mamilo) podem ser atingi-
Se estiver insegura, ela transmite isso para o bebê. É mui- dos. Isso não afeta a produção de leite, mas, sim a passagem
to mais fácil quando a mãe tem certeza e firmeza”, explica e o caminho dele das glândulas para o mamilo. Nesse caso,
Betty Monteiro, mãe de Gabriela, Samuel, Tarsila e Francis- a amamentação fica um pouco mais difícil.
co, psicóloga, pedagoga e escritora. O psicológico da mu-
lher conta muito nessas horas e isso vale também para a
volta ao trabalho. Algumas costumam amamentar mesmo CONSULTORIA | CINTHIA CALSINSKI, enfermeira e obstetra.
ARNO NORBERTO WARTH, pediatra. MOISES CHENCINSKI,
após o fim da licença-maternidade e não tem problema ne- pediatra, membro do departamento de aleitamento materno
nhum nisso. “A importância da amamentação não é só nu- da Sociedade de Pediatria de São Paulo.
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

BETTY MONTEIRO, psicóloga, pedagoga e escritora.


tritiva, é a questão emocional”, afirma Betty. Pensando nis- CORINTIO MARIANI NETO, ginecologista e obstetra,
so, só vale a pena continuar se não for um bicho de sete ca- presidente da Comissão Nacional de Aleitamento Materno da
Febrasgo e diretor técnico do Hospital Maternidade Leonor
beças pra você. “Tem que ser uma hora sagrada, a mulher Mendes de Barros. RODRIGO ROSIQUE, cirurgião plástico.
tem que estar relaxada, inteira para aquele bebê. Se ela está MARIANE CAVALHEIRO, enfermeira e gerente assistencial do
Hospital Santa Cruz de Curitiba.
esgotada ou não está disposta, não faz bem para a crian-
ça”, diz Betty. Ou seja, você precisa conhecer os seus limites.
37
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

38
ESPECIAL DIA DAS MÃES

SER MÃE|
SER MÃE SOLTEIRA
SER MÃE DÓI?
SER MÃE SOZINHA (OU SOLO)
SER MÃE CANSA
SER MÃE DE DOIS
SER MÃE DE CASAL

Pesquisa Google Estou com sorte

SER MÃE É TANTA COISA AO MESMO TEMPO QUE SOMENTE


COM VÁRIAS DEFINIÇÕES PODEMOS CHEGAR PERTO DO REAL
SIGNIFICADO DESSE PAPEL. MAS NA PRÁTICA, TUDO MUDA
E CADA UMA EXERCE A MATERNIDADE DA SUA FORMA, COM
SUAS INDIVIDUALIDADES. POR ISSO, SEPARAMOS AS PRINCIPAIS
PESQUISAS DO GOOGLE QUANDO O ASSUNTO É SER MÃE
E TROUXEMOS AS RESPOSTAS PARA TENTAR DEFINIR
O QUE, ENFIM, SIGNIFICA SER MÃE
PAIS&FILHOS | MAIO 2019
FOTOS GETTY IMAGES

POR JENNIFER DETLINGER, filha de Lucila e Paulo


e MARINA PASCHOAL, filha de Selma e Antonio Jorge

39
T udo começa com o risco a mais no exame de far-
mácia, com a palavra “positivo” escrita no laudo médico ou
com a chegada do filho que foi gestado no coração. Depois,
o corpo e a alma começam a mudar. Segundo a definição
SER MÃE SOLTEIRA
Em alguns casos elas não escolhem, mas acontece. E apesar
da maternidade não ter nada a ver com estado civil, esse ter-
mo ainda é o mais usado para definir mulheres que criam seus
filhos fora de algum relacionamento ou casamento. Segundo
dados mais recentes do Instituto Brasileiro de Geografia e Es-
tatística (IBGE), EM 10 ANOS O NÚMERO DE FAMÍLIAS COM-
POSTAS POR MÃES SOLTEIRAS SUBIU MAIS DE UM MILHÃO.
formal do dicionário, mãe é a mulher que deu à luz um ou Ou seja, das mais de 71 milhões de famílias no Brasil, 42% são
mais filhos e os cria; pessoa generosa e bondosa que dis- chefiadas por mulheres – a maioria, solteira.
pensa cuidados maternais, que protege muito os outros. A sociedade cobra as mulheres para que encontrem o prín-
Mas a gente acredita que ser mãe vai muito além disso. A cipe encantado e realizem a fantasia da maternidade. Por
MATERNIDADE FAZ VOCÊ ENSINAR A AMAR E SER AMA- isso, seja por opção ou pela falta de um parceiro ou parceira,
DA. É NO TOQUE, NO CUIDADO E NA TROCA DE OLHA- ser mãe solteira é sair do lugar-comum. “PENSAR QUE UMA
RES DIÁRIOS QUE A GENTE SE TORNA MÃE. MULHER POSSA DISPENSAR TOTALMENTE A PRESENÇA
“Sentir-se mãe não cai do céu, faz parte de um processo de FÍSICA DE UM PAI, QUER SEJA NA HORA DA CRIAÇÃO OU
aprendizado, descobertas e mudanças que percorrem anos MESMO DA CONCEPÇÃO, É REVOLUCIONÁRIO, ASSUSTA-
de uma vida inteira. É um trajeto difícil, mas que pode ser DOR E TÃO NOVO QUE AINDA NÃO SABEMOS NEM COMO
de alegria, conquistas, valorização de si, ao ir sendo capaz CATALOGAR ESSA REALIDADE. MAS ELA EXISTE”, explica o
de percorrê-lo”, explica Silvia Lobo, mãe de Adriana, Su- psicanalista Mário Corso, pai de Laura e Júlia, coautor do li-
zana e Mauricio, psicóloga, psicanalista e autora do livro vro A Psicanálise na Terra do Nunca.
“Mães Que Fazem Mal”. Segundo a especialista, SER MÃE É Ser mãe solteira é muito mais do que não ter um parceiro. É
UMA AMPLIAÇÃO DA PRÓPRIA EXISTÊNCIA, COM GENE- preciso ser corajosa para negociar entre sua condição atual
ROSIDADE E ESPERANÇA. É O VERDADEIRO PRAZER EM e a pressão social por criar filhos dentro de uma família nu-
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

AJUDAR A CONSTITUIR UM OUTRO SER QUE OCUPE SEU clear padrão. Mas é possível, sim, ser feliz, solteira, grávida
LUGAR NO MUNDO. Ser mãe é um turbilhão de sentimen- e mãe. Afinal, estar em um relacionamento afetivo não é si-
tos (e hormônios!) que a gente acha que depois que a crian- nônimo de ter apoio. Apesar do sentimento constante de
ça nasce, passam e fica tudo bem. E até fica, mas é apenas solidão, lembre-se que uma mãe solteira não está sozinha
o início de uma jornada que, com o tempo, te ensina a ser – existe uma verdadeira rede de apoio, seja formada por fa-
cada vez melhor e a amar sem limites. mília, amigos e pessoas que te amam.
40
"Ser ãe  o aior
desafio da ida,
as que  ealizado
com o aior amor
do undo!"
MAIRA ISABEL, mãe de Júlia

SER MÃE DÓI?


Essa é uma das primeiras dúvidas que surgem na cabeça
de uma mulher ao descobrir a gestação. E vamos jogar a
real: ser mãe dói, sim. O corpo dói ao passar pelas transfor-
mações da gravidez junto com os hormônios em ebulição
até chegar ao ápice do momento do parto, seja ele normal
ou cesárea. Amamentar também dói, mas não poder ama-
mentar dói mais ainda. Dói ver a dor do filho mesmo com
todos os seus cuidados para que ele não fique doente. Dói
não poder fazer o que você fazia antes de se tornar mãe.
Mas muito além da dor física, existe o medo de não atingir
aquilo que foi planejado, se frustrar e sentir a famosa (e te-
mida) culpa. POR ISSO, A GENTE SEMPRE BATE NA TECLA
DE QUE, QUANDO O ASSUNTO É MATERNIDADE, NÃO
EXISTE O JEITO CERTO, MAS SIM O SEU JEITO. Afinal, nin-
guém no mundo conhece seu filho melhor que você.
E lembre-se sempre de não deixar a culpa tomar conta do
seu dia a dia. “Ao lado do cuidado com seus filhos, as mães
devem lembrar que vieram antes e têm suas próprias ne-
cessidade e desejos. Que mães possam respeitar-se na ne-
cessidade de solidão, de silêncio, de exposição e de conví-
vio, que possam explicitar o que querem e terem voz para
não desaparecerem como as pessoas que são por terem se
tornado mães”, defende Silvia.

"Ser ãe  e doar


PAIS&FILHOS | MAIO 2019

por outra ida"


DAI ALVES
ALVES, mãe
ã dde G
Gaell

41
"Ser ãe  ter o coração
atendo ora do corpo"
CARLA MEDEIROS, mãe de Vinícius e Laura

SER MÃE SOZINHA (OU SOLO)


Quando a vontade de ter um filho fala mais alto e a mulher re-
solve encarar o desafio sozinha, na cara e na coragem, chama-
mos de mãe solo. Seja por meio de produção independente,
geralmente com fertilização, ou por meio de adoção, cada vez
mais mulheres têm tomado essa decisão. E os números pro-
vam: a importação de sêmen para o tratamento de reprodu-
ção assistida bateu recordes no último ano e aumentou 97%
em relação ao período anterior. OS DADOS SÃO DE UM RELA-
TÓRIO DIVULGADO PELA ANVISA NO FINAL DE 2018 E MOS-
TRAM QUE AS MULHERES SOLTEIRAS REPRESENTAM 38%
DA PROCURA PELO PROCEDIMENTO. “Como se adaptou à
realidade da própria vida, essa mulher toma as rédeas do seu
destino e realiza seus sonhos com as ferramentas que estão ao
seu alcance, como a inseminação artificial”, explica o gineco-
logista e obstetra Eduardo Motta, pai de Daniella e Camila, di-
retor do Huntington Centro de Medicina Reprodutiva.
Ter uma rede de apoio ao se tornar mãe solo também é es-
sencial. “A sociedade é muito preconceituosa por você não
ter achado um parceiro, o pai do seu filho. Poder contar
com a família é muito importante”, afirma o especialista.
SER MÃE CANSA
Além da coragem e vontade de ter um filho, é preciso tam- A tentativa de se tornar uma mãe perfeita começa antes mes-
bém fugir da romantização da maternidade. “Por mais que mo da gravidez. Com certeza você idealizou como tudo seria
a mãe o deseje, por mais que um filho possa encher a vida quando chegasse a sua vez – e se desesperou ao perceber que
com leveza e por mais que se olhe essa experiência com nada seria da forma que você aprendeu ou pensava até então.
poesia, não é nada fácil criar filhos sozinha. O desafio é gi- E neste momento, além da pressão natural que chega com a
gante e muitas vezes assustador. Exige uma rede de amigos maternidade, surgem os palpiteiros de plantão. Em meio às
generosos, pessoas de boa vontade que possam ajudar”, dúvidas e ansiedades, é normal sentir culpa e cansaço.
defende Silvia. E AQUELA VELHA HISTÓRIA DE QUE UMA ESSES SÃO SENTIMENTOS QUE PARECEM TER UMA CAR-
MÃE SOLO PRECISA CUMPRIR O “PAPEL DE PAI E MÃE” GA NEGATIVA, MAS SÃO COMPARTILHADOS POR TODAS AS
AO MESMO TEMPO JÁ CAIU POR TERRA. “Não há possibi- MÃES – até mesmo aquela blogueira que você se inspira e apa-
lidade de cumprir o propósito de ser “pai e mãe”, como se renta ter uma vida perfeita e realizada. “Ser mãe não é nada fá-
diz às vezes. A melhor maneira de criar uma criança é ser o cil. Causa dores e cansaço. Não nos alertam que se é mãe até o
mais verdadeiro no que se proíbe e no que se autoriza. Não final da vida, existe um cuidado e preocupação perene. O cresci-
se desempenha papéis como mães e pais, mas se entrega o mento dos filhos não encerra a maternidade, apenas, no melhor
que se é como pessoa”, completa Silvia. Afinal, mãe é mãe – dos casos, muda o foco dos cuidados, pois atenta-se para o ca-
não importa se tem um parceiro ao seu lado ou não. samento, o trabalho, as conquistas e decepções”, explica Silvia.
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

Ser mãe não é bom o tempo todo. Você erra, cansa, se frustra,

"Ser ãe  iver cansada,


tenta de novo, aprende com cada fase do seu filho - e está tudo
bem com isso! “Esses sentimentos não atrapalham a vivência
as uito eliz!" da maternidade, mas a constituem, na alegria e na tristeza, no
encantamento que provoca e no arrependimento de ter assu-
CAROLINE MENEGASSO, mãe de Arthur mido desafio tão longo e absorvente”, completa a especialista.
42
"Ser �ãe � �iver
�uma �ontanha-�ussa
de �entimentos"
SIMONE FREITAS, mãe de Rafaela

SER MÃE DE DOIS


Ter mais de um filho é a verdadeira prova de que o amor
não se divide, mas multiplica. E junto com o carinho e afeto,
também dobram as preocupações, anseios e medos. “Como
fazer para que meus dois filhos se sintam amados igual-
mente?”. A CONCLUSÃO É QUE UMA MESMA MÃE PODE
E DEVE SER DISTINTA PARA CADA UM DELES.
“Os filhos são diferentes, a mãe é diferente para cada um.
Não significa fazer mais para um do que para o outro, ape-
nas respeitar a individualidade deles. Se num certo dia um
filho tem mais sede, ele receberá mais suco que os demais.
Mas não por isso é o mais amado”, explica a psicóloga Lidia
Aratangy, mãe de Cláudia, Silvia, Ucha e Sérgio, que acredi-
ta ainda ser importante DEIXAR DE LADO A CULPA PARA
CONSEGUIR IDENTIFICAR NA CRIANÇA QUAL SUA NE-
CESSIDADE, e prover de acordo com ela.
“Não dá pra ter qualidade sem quantidade. É preciso de tem-
po pra saber dos gostos do seu filho. Tempo individual para
cada um e tempo juntos, assim aprendemos a tratar cada
um do seu jeito, sem culpa. A maternidade ensina”, conclui
Lidia, que sabiamente se recusa a deixar os copos das filhas
idênticos, porque sabe que a sede delas nunca é igual.

"Ser �ãe � a �ais doce


� árdua tarefa da �ida"
CRISTIANE SILVA, mãe de Isadora Helena

SER MÃE DE CASAL


Criar um menino e uma menina é viver em mundos diferen-
tes. Assim como tudo na maternidade, ter um casal é um
processo de aprendizado e descobertas. Cada filho é único
e não se resume apenas ao sexo e gênero. “As diferenças que
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

podem existir em ser mãe de menino ou menina dependem


muito mais da mãe”, defende Silvia. É CLARO QUE CADA
FILHO TEM SUAS PARTICULARIDADES, DIFERENÇAS GE-
NÉTICAS E FISIOLÓGICAS DESDE O NASCIMENTO. Mas a
criação de menina ou menino se baseia no mesmo amor,
broncas, respeito, cuidado, atenção e amor.
43
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

44
LÁ EM CASA É ASSIM
1 2

Café da manhã na padaria é sinônimo de dar aquela passada na banca de revistas e no parque (1 e 2)

pra casa
DE VOLTA
GABRIELA BUITRON NUNCA FOI DE FAZER PLANOS E AS COISAS
FORAM ACONTECENDO POR ACASO. PEDRO, DE 6 ANOS, FOI UMA DAS
SURPRESAS MAIS IMPORTANTES E QUE FEZ COM QUE ELA VOLTASSE
ÀS SUAS ORIGENS E BUSCASSE PROPORCIONAR AO FILHO INFÂNCIA
PARECIDA COM A QUE TEVE, MESMO COM TODAS AS DIFICULDADES

B
POR MARINA PASCHOAL, filha de Selma e Antonio Jorge
FOTOS BRUNO MARÇAL, filho de Rosangela e Antônio

em na entrada do apartamento da famí- acabei indo pra um lugar mais barato”, ela conta. MAS ANTES
lia Buitron, um móvel expõe imagens, incensos e peças que DA HISTÓRIA VOLTAR PARA PERDIZES, MUITA COISA ACON-
representam a espiritualidade da moradora. “É isso que me TECEU – E A MAIS IMPORTANTE DELAS: O PEDRO.
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

mantém firme, foi onde eu me encontrei desde muito nova, Por meio da espiritualidade também que ela conta ter
quando descobri que tinha hepatite C, aos 23 anos”, Gabriela identificado o relógio biológico aflorar e pedir por um filho.
conta. Localizado em Perdizes, em São Paulo, os detalhes do "Onde eu olhava eu via um bebê. Até quando ia em restau-
lar mostram muito da relação entre mãe e filho. Foi nesse bair- rantes e o garçom ia tirar o cadeirão, eu pedia pra deixar e
ro arborizado que Gabriela também cresceu, a duas quadras falava: ‘É do Pedro!’”, ela lembra. Na época namorando, foi
de distância. “Eu nunca quis sair daqui, mas quando cresci preciso apenas um descuido para que o positivo chegasse.
45
“EU DEMOREI PRA ENTENDER O QUE ESTAVA ACONTE-
CENDO, MAS INTUITIVAMENTE EU SABIA QUE ESTAVA
GRÁVIDA”. Morar com o pai do menino já estava nos planos,
então eles só adiantaram as coisas. “Na minha vida tudo é as-
sim, eu não planejo nada e as coisas vão acontecendo, é meio
atropelado”. Pedro chegou e, junto dele muitas transforma-
ções, até o dia em que o casal resolveu se separar. “Percebe-
mos que éramos muito mais amigos do que um casal”, ela
explica. E amizade essa que se mantém muito bem até hoje,
o que garante a qualidade de vida do menino.
Após o divórcio, Gabi foi com o filho para seu antigo apar-
tamento, no Morumbi. Na época, ele já estudava no Global,
mesma escola que ela frequentou quando criança, e que fica
em Perdizes. “Optamos por um lugar perto da casa dos meus
pais porque nem sempre conseguíamos pegá-lo na aula”. No
meio tempo, o pai de Pedro foi transferido no trabalho para
uma vaga em Belo Horizonte e eles passaram a se ver a cada
3
duas semanas. “BRINCO QUE ME TORNEI MÃE DEPOIS QUE
4 EU ME SEPAREI, PORQUE É TUDO MUITO NOVO”.

Só nós dois
Encarar a rotina diária de mãe solo não foi fácil, mas foi a
melhor coisa que poderia ter acontecido para eles. “Nossa
conexão aumentou muito e eu descobri o sentido da mi-
nha vida com a maternidade”. Ainda morando e trabalhan-
do longe, levar e buscar Pedro na escola era uma verdadei-
ra maratona e eles chegavam a passar quase duas horas no
trânsito diariamente. Depois de um ano na correria, ela de-
cidiu voltar às origens e alugou um apartamento perto dos
pais. “Não fazia sentido eu ficar tão longe deles”, ela afirma.
Atualmente eles conseguem fazer praticamente tudo a pé
e juntos, já que ela passou a trabalhar de casa. “Recebi uma
5 proposta de emprego home-office. Fiz as contas, liguei pro
pai dele e combinamos que A MINHA PARTE DO DINHEIRO,
EU DARIA EM HORAS DE COMPANHIA, E ESSA FOI A ME-
LHOR ESCOLHA QUE EU JÁ FIZ NA VIDA”. Ou seja, a roti-
na que Pedro leva hoje é muito parecida com a dela quando
menina e isso nada mais é do que amor e carinho.
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

A união faz a força


Ter uma rede de apoio faz toda a diferença na vida de qual-
quer mãe ou pai. Mas quando se é mãe solo, essa é uma das
peças essenciais. E foi em um dos momentos mais difíceis
que Gabi pôde contar com a sua rede. Logo que ela virou
autônoma, sua mãe, a avó Marília, descobriu uma doença
46
6 15
7 16
8 9
Pedro adora ir à escola e por
lá, os professores o conhecem
pelo nome. Na atividade
de rima, ele homenageou
a avó Marília (3, 4 e 5). A
espiritualidade é fundamental
na casa da família e o menino
está aprendendo a meditar
e controlar as suas emoções
com a ajuda da “garrafa da
raiva” (6 e 7). Por toda a casa
é possível ver a paixão dele
por bonecos e atividades
ao ar livre (8, 9 e 11). Gabi
coleciona fotos do filho desde
bebê em porta-retratos e até
colados na geladeira (10)

10 11

PAIS&FILHOS | MAIO 2019

47
Família é legado, é base. E foi isso o que
fez com que Gabriela decidisse voltar para
o bairro de infância e morar perto dos
pais. Para Pedro, conviver bem de perto
dos avós Marília (12) e Eduardo (14) é um
privilégio. E, enquanto o menino cresce
aprendendo e brincando nos parques, ela
revive momentos e hábitos de quando
ainda era menina (13 e 15)

12 13
14

"Proporcionar
pra le o
esmo ível de
nfância que
u tive,  m
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

gesto de amor
 carinho"

48
"Ser ãe do
Pedro  o que e
az querer iver,
 o que dá entido
à inha ida"

De mãe para filho


12 Mas muito além da mesma escola, professores e parques,
13 o que Gabi procura passar ao filho é o valor de pessoas im-
portantes sempre por perto. “Espero que ele possa crescer
com esses colegas, manter as amizades da escola até adul-
to, como aconteceu comigo”. E, mesmo que inconsciente-
mente, o menino já segue os passos da mãe, seja no vege-
15 tarianismo ou espiritualidade, por exemplo. Lá no móvel
da entrada do apartamento, Pedro tem seu espaço e guar-
da a “garrafa da raiva” – que ajuda a trabalhar as emoções.
grave e ficou cinco meses na UTI, até partir. “É MUITO RUIM JUNTOS, ELES FUNCIONAM COMO UMA VERDADEIRA
PASSAR POR ALGUMAS COISAS, MAS A VIDA É TÃO PER- DUPLA, COM MUITA PARCERIA E COMPANHEIRISMO. O
FEITA QUE TUDO SE ENCAIXA”, ela acredita. “Se eu não ti- café da manhã mais tarde na padaria aos fins de semana,
vesse conseguido essa transição de trabalhar em casa – e por exemplo, é regra por lá. Eles geralmente acabam dando
que não foi muito uma escolha – eu teria pedido demissão uma passada no parque e, a onda da vez, é andar de bicicle-
para viver esse momento com a minha mãe”. ta. “Ele está começando, e eu, que não andava há 10 anos,
A fase trouxe à tona também uma reflexão sobre a escolha estou retomando o hábito também. É como tudo na vida,
de ter voltado para o bairro de infância, ficar mais próxima estamos aprendendo juntos”.
dos pais e – mais uma vez – sem planejar, poder proporcio-
nar momentos na vida de Pedro ao lado dos avós que serão (Re)nascendo e aprendendo
lembrados por toda a vida. “FOI MUITO IMPORTANTE 14PRA Poder viver a maternidade real, na pele, e em várias fases di-
ELES PODEREM VIVER ESSES SEIS ANOS DE VIDA DELE ferentes, fez com que Gabi se redescobrisse em vários mo-
MUITO DE PERTO, COM CONVÍVIO DIÁRIO. ESSES MO- mentos. Aos poucos, ela aprendeu a dividir e enxergar a Gabi
MENTOS, ESSES VALORES, ISSO NÃO TEM PREÇO”. que é mãe, mulher, amiga e assim por diante. “Família é tudo
E foi em meio à rotina de casa-hospital-escola-hospital-ca- pra mim, mas preciso pensar e cuidar de mim também. Se eu
sa, que ela descobriu a força de velhas e novas amizades. O não estiver bem, não vou conseguir usufruir da minha famí-
pai do Pedro e a irmã de Gabi – a tia Luciana – foram muito lia e nem passar algo bom pro meu filho. EU PRECISO GOS-
presentes, mas quando não podiam, quem ajudava eram as TAR DE MIM, INDEPENDENTE DE TER FILHO, MESMO QUE
mães dos colegas do menino. E assim os meses seguiram, MINHA MÃE NÃO ESTEJA OU QUE MINHA IRMÃ MUDE DE
cada dia ele voltava da escola com um amigo diferente, às PAÍS, POR EXEMPLO”. Em meio a todas essas descobertas e
vezes dormia por lá ou a mãe ia buscá-lo quando voltava aprendizados, ela se encontrou ao fazer trabalhos voluntá-
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

do hospital. “Elas foram fundamentais e temos uma relação rios – porém, nada se compara à felicidade e privilégio de ser
muito boa até hoje. SÃO PESSOAS QUE EU FUI TRAZEN- mãe de Pedro. “Eu percebi que a gente pode ter prazer com
DO PRA MIM, ESSE CÍRCULO, ESSA REDE DE APOIO FOI muitas coisas na vida, mas se eu não tivesse o Pedro, eu não
SE TORNANDO TAMBÉM UMA FAMÍLIA”. O resultado disso sei o que eu faria. Se eu não fosse mãe dele, eu não teria sen-
tudo foi que Pedro quase não sentiu o peso do período difí- tido na vida. Ele é o que me faz querer viver, é o meu legado”,
cil, já que era divertido ficar na casa dos amigos. ela finaliza, emocionada.
49
COMPORTAMENTO

30 coisas que
significam muito
para seu filho
SABEMOS QUE VOCÊ É OCUPADA (DEMAIS), MAS ELE
VAI ADORAR SE VOCÊ FIZER ALGO DESSA LISTA.
SÃO SUGESTÕES SIMPLES, MAS QUE VÃO FAZER TODA
A DIFERENÇA PARA O DIA DELE SER MELHOR AINDA
POR MARGERY D. ROSEN, com colaboração de CECÍLIA MALAVOLTA, filha de Iêda e Afonso

1•Use o colar de macarrão que ele fez no


trabalho. Bom, use pelo menos até ele não te ver
mais 2•Crie um mantra (que tal “nós podemos e
vamos fazer isso”?), faça um adesivo e cole na
geladeira para lembrá-lo sempre que estiver
triste 3•Brinque com um filho de cada vez
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

4•Coloque um bilhete (e, às vezes, um chocolate)


FOTO PRISCILLA GRAGG

surpresa na lancheira dele 5•Construa um


mundo de vocês no jogo preferido dele 
50
51
PAIS&FILHOS | MAIO 2019
16 Criem suas próprias
tradições, como uma
noite do cachorro
quente ou um café
da manhã especial
todo mês, por exemplo

17 Peça para
que ele te
ensine a fazer algo
novo ou diferente.
Quando aprender,
não esqueça de
dizer que ele é um
ótimo professor!

6 Adote um animal que precisa de


um lar e do carinho de uma criança

7 Se você brigar na frente do seu deixe-o sair 11 Use e abuse de


filho, tenha certeza de que ele te colas com glitter e faça um cartão
verá fazendo as pazes também de aniversário para ele 12 Mostre
8 Quando parecer que um tsunami tanta animação pelo dia quanto
passou pelo quarto dele, apenas ele quando está no parque de
feche a porta e siga seu dia 9 Crie diversões 13 Deixe-o pular em
FOTOS PRISCILLA GRAGG/DAVID TSAY/STEPHANIE RAUSSER

o hábito de fazer chamadas de todas as poças d'água que


vídeo com os avós dele 10 Se ele tiverem na rua 14 Antes de
tentou participar de atividades intervir, deixe-o brincar com
extracurriculares, mas está infeliz, os colegas no tanque de areia
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

15 Se seu filho chega cansado ou mal


humorado, dê um tempo a ele e
não pergunte o que aconteceu. Espere
18 Deixe que ele use a
fantasia favorita para ir ao
para saber o resumo na hora do jantar mercado, por exemplo.
Que tal uma vez por mês?
52
19 Fiquem
acordados
até tarde para ver
a lua cheia juntos

20 Revele fotos
de quando ele
era menor,
assim seu filho
terá lembranças
para guardar

21
Diga “sim” para
algumas coisas 23 Deixe que ele escute você falando
inusitadas, como
sentar na bancada
muito bem e coisas incríveis sobre ele
da cozinha
24 Cozinhe panquecas 29 Mostre suas cartas,
em formato de diários, cadernos, fotos e
coração para o café conte histórias de quando
você tinha a idade dele
22 Não tenha da manhã 25 Pause
a hora da lição de casa
pressa para que para dançar um pouco
ele se acalme.
Às vezes tudo o
26 Crie um aperto
de mão secreto e só
30 Agradeça
e incentive
seu filho quando
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

de vocês 27 Tenha um
ele fizer algo
que ele precisa quadro branco para a para ajudar,
família anotar recados
é desabafar 28 Comece uma
mesmo que seja
um ato simples
um pouco guerra de travesseiros
53
SAÚDE

 agora?
MACHUCOU,
CRIANÇA QUE BRINCA CAI, RALA JOELHO OU PODE SE CORTAR.
E TUDO BEM, DESDE QUE MESMO UM SIMPLES CORTE SEJA TRATADO
DO JEITO CERTO. E SE NEM SEMPRE VOCÊ SABE O QUE FAZER NESSAS
SITUAÇÕES, PREPARAMOS UM GUIA DE PRIMEIROS-SOCORROS

POR STACEY COLINO com colaboração de CECÍLIA MALAVOLTA, filha de Iêda e Afonso
FOTOS MOLLY MAGNUSON

N ão tem jeito: criança brinca, faz arte, tar preparada para acudi-lo. Controlar os sentimentos para
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

apronta e acaba se machucando. E isso é completamente mantê-lo calmo é o primeiro passo. Depois, SABER O QUE
normal. Na verdade, PROVA QUE ELA ESTÁ EM DESENVOL- FAZER OU NÃO QUANDO ALGUM ACIDENTE ACONTECER
VIMENTO E APRENDENDO BRINCADEIRAS E OUTRAS COI- É ESSENCIAL. Prestar atenção nos sinais da criança após a
SAS QUE, QUANDO ERA MAIS NOVA, NÃO SABIA FAZER. lesão também é fundamental para evitar, no futuro, proble-
Então, pontos para o seu filho! E além de ter isso em mente mas maiores e mais sérios. Por isso fizemos um guia com as
quando algum incidente acontecer, é muito importante es- melhores dicas de primeiros-socorros.
54
QUE CHATO
ESSE CURATIVO

PAIS&FILHOS | MAIO 2019

55
LEVE PANCADA
NA CABEÇA

FAÇA
Pegue uma bolsa de gel
fria ou coloque cubos de
gelo em uma toalha e faça
uma compressa no local
da pancada para diminuir
o inchaço. Depois disso,
fique de olho na criança.
“Uma parte do tratamento
para concussões é o repouso,
algo que uma criança
pequena precisa depois de
um acidente assim”, explica
Ethan Wiener, chefe da
emergência pediátrica
no Centro Médico
NYU Langone.
NÃO FAÇA
Dar anti-inflamatório,
já que esse medicamento
pode aumentar sangramentos
(caso haja um), e isso pode
ser perigoso se houver
risco de lesão cerebral
PEÇA AJUDA
Se você está preocupada
com o comportamento
do seu filho, leve-o à
emergência para que os
médicos possam dar uma
olhada nele. Lembre-se de
que você é a pessoa que
mais conhece ele, então vale
levar em consideração sua
desconfiança de algo errado.
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

A recomendação também
vale se houver vômito, visão
borrada, tontura e dormência
em algumas partes do corpo.
Uma vez no hospital, um
profissional irá checar se
não há nada mais grave.
56
5
NÃO FAÇA NÃO FAÇA
TORNOZELO Permitir que seu filho incline Se a criança está tossindo,
TORCIDO a cabeça para trás. Se ele mas consegue falar, não a
fizer isso, o sangue pode force a parar de tossir para
descer pela garganta e ir conversar com você. Não
parar no estômago, o que tente também forçar vômito
talvez provoque vômito. PERGUNTAS PARA colocando os dedos na
FAÇA
Além disso, não deixe-o FAZER NO PS ANTES garganta dela ou na boca,
Peça para seu filho sentar
assoar o nariz ou colocar DE IR PARA CASA isso pode agravar a situação.
e deixar o tornozelo acima
do nível do coração, com coisas dentro dele, como PEÇA AJUDA
uma compressa de gelo cotonetes ou algodões. 1. Como continuar Vá ao hospital se a respiração
envolta do machucado. PEÇA AJUDA a cuidar do machucado dele parecer estranha ou
Continue aplicando gelo Se o sangramento em casa? se ele não conseguir falar
pelos próximos dois dias, de não parar em 30 minutos normalmente após o episódio
preferência de hora em hora ou se você suspeitar que 2. Meu filho deve evitar de engasgo. Sempre ligue
para evitar inflamação. houve uma concussão e alguma atividade? para a emergência se seu
o nariz do seu filho está filho ficar desacordado.
NÃO FAÇA
Coloque uma manta térmica quebrado, porque parece 3. Quais os sintomas
ou compressa quente 48 horas estar fora do lugar, leve-o que ele pode ter nos
após a torção. O calor pode para o hospital. próximos dias?
aumentar a dor e o inchaço.
PEÇA AJUDA 4. Quais sinais podem QUEIMADURAS
Se seu filho não consegue significar uma infecção ou
aguentar o próprio peso ou uma piora no quadro?
o tornozelo torcido parece CORTES
muito diferente se sua forma 5. Com qual médico FAÇA
original, leve-o ao hospital. devemos fazer o Coloque a área queimada
Isso pode ser sinal de algum acompanhamento em água fria corrente
deslocamento, ligamento e quando? imediatamente. Isso vai
rompido ou até mesmo FAÇA diminuir a dor e a inflamação
algum osso quebrado. Limpe a ferida com água da pele. Se necessário, repita
corrente e sabão neutro, esse processo e coloque uma
passe uma pomada anti- toalha úmida e fria em volta do
-inflamatória no local e feche machucado. Quando formar a
SANGRAMENTO com um curativo feito de ENGASGO bolha, não cutuque, pois ela
gaze e esparadrapo. protege a pele de infecções.
NASAL SEVERO ACIDENTAL
Se o sangramento persistir, Depois que estourar sozinha,
pressione o local por aplique pomada antibiótica e
15 minutos com gaze. faça curativo com gaze.
FAÇA NÃO FAÇA FAÇA NÃO FAÇA
Peça para seu filho inclinar um Limpe o corte com “Continue conversando Passar manteiga ou vitamina
pouco a cabeça para frente álcool, água oxigenada com seu filho. Se ele E na queimadura – os dois
e, com uma toalha embaixo ou antissépticos. Além de conseguir te responder podem causar irritações.
do rosto, aperte o nariz dele arder muito, eles podem normalmente, quer Além disso, nunca coloque
logo abaixo do osso. Deixe-o prejudicar a pele e atrapalhar dizer que as vias aéreas gelo diretamente sobre
nessa posição de 10 a 15 a cicatrização. estão desobstruídas e o machucado, pois pode
minutos para tentar conter PEÇA AJUDA ele consegue respirar danificar ainda mais a pele.
o sangramento. E o mais Se a ferida está aberta normalmente”, explica PEÇA AJUDA
importante: seja paciente. e profunda ou saindo muito Mark Morocco, professor Se a pele do seu filho
“Talvez você precise fazer sangue, talvez seu filho da emergência clínica do parecer muito machucada,
isso por mais tempo do precise de pontos. Além Centro Médico Ronald manchada, úmida (com pus)
que o esperado”, conta disso, vá ao hospital caso Reagan, na Califórnia. Se ele ou aparentar estar coberta
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

Christopher Hogrefe, o sangramento não pare em não conseguir falar direito, por cera, ele pode ter sido
professor assistente 15 minutos – pode ter ligue imediatamente para os queimado seriamente e
clínico da emergência do atingido algo como tecido bombeiros (193) ou SAMU precisa de cuidados médicos.
Hospital Northwestern, em muscular subcutâneo, por (192). Se achar necessário, Também precisa ser levado
Chicago. Uma hora após exemplo – ou se achar que induza a criança a tossir, imediatamente ao médico
o sangramento parar, existe algo dentro do corte, expelindo o que pode estar caso a queimadura tenha
hidrate o nariz com soro. pois há risco de infecção. causando a sufocação. sido por produto químico.
57
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

58
VIAGEM
Nas
uvens
HORAS ESTRESSANTES E CANSATIVAS DENTRO DE AVIÕES ESTÃO
PRESTES A FICAR NO PASSADO. ESTÁ VIRANDO TENDÊNCIA
ENTRE AS COMPANHIAS AÉREAS O TRATAMENTO ESPECIAL
PARA BEBÊS, CRIANÇAS E FAMÍLIAS A BORDO

POR MARINA PASCHOAL, filha de Selma e Antonio Jorge

V iajar, conhecer novos lugares e pessoas é muito


bom. Mas, se até nós, adultos, podemos ficar estressados com
o combo aeroporto-check-in-despachar-malas-voos (sejam
eles longos ou não), imagina só para crianças e bebês. É COM
EM ALGUMAS COMPANHIAS É POSSÍVEL DESFRUTAR
DESSES DIFERENCIAIS ANTES MESMO DE EMBARCAR,
como é o caso do espaço kids da Azul no saguão do em-
barque internacional do Aeroporto Internacional de Cam-
O FOCO NA EXPERIÊNCIA DA FAMÍLIA INTEIRA QUE COM- pinas, em São Paulo. Já no caso de voos de longa distân-
PANHIAS AÉREAS VÊM SE REINVENTANDO, A FIM DE AGRA- cia da Air France, crianças e bebês contam com kits espe-
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

DAR PAIS E FILHOS. “Sempre que pensamos em um produto ciais. Para os menores, o kit é composto por babador, edre-
para experiência de voo, levamos em consideração todo o tipo dom, colher, fralda, lenços e hidratante. Já os mais velhos
de cliente. Daí, vem a necessidade de ter diferenciais dedica- – de 5 a 11 anos – ganham cartão postal para colorir, régua,
dos às crianças. A experiência deve ser positiva para todas as livro de atividades, lápis de cor, chaveiro e kit de mágica.
idades”, explica Renata Florenzano Lorenzini, mãe de Rafael e Além disso, a bolsa em que vem tudo isso pode ser infla-
gerente de marca e produto da Azul Linhas Aéreas. da e transformada em uma almofada. “Recebemos todos os
59
Área kids da
Air France,
em aeroporto
da França,
com jogos
para distrair
as crianças
enquanto
esperam pelo
embarque
anos mais de 1,5 milhão de crianças a bordo. Por isso, en-
tendemos a necessidade de oferecer tranquilidade para que
eles só pensem na alegria daquele momento”, conta Júlia de
Medeiros Pinto, filha de Sarah e Ricardo, e gerente de mar-
keting da Air France-KLM no Brasil. Na TAP, as crianças ga-
nham conjunto com livros para pintar, lápis de cor e jogos.
Kit da Air Já na Emirates, seu filho pode ganhar pacotes com itens que
France com inspiram a explorar ainda mais o mundo. São quatro mode-
livro de
atividades, los e cada um tem conteúdo diferente envolvendo viagem
lápis de cor, como mapas, diários de bordo, garrafas, cartões e livros edu-
estojo, régua e
cartão postal cativos. “Queremos compartilhar nossa paixão e amor pela
aventura com os futuros viajantes e estimular a curiosidade
deles”, esclarece Stephane Perard, diretor geral da Emirates.
Espaço Para as famílias com crianças, o embarque preferencial já é
infantil da um verdadeiro adianto. E, para completar, no caso da Emi-
Azul no
saguão de rates no Aeroporto de Dubai, por exemplo, OS PAIS AIN-
embarque DA RECEBEM MESAS PARA TROCAR A FRALDA DO BEBÊ
internacional
no aeroporto E CARRINHO CORTESIA. “Garantimos que as famílias com
de Campinas crianças tenham experiências memoráveis, não importa a
classe ou a distância do voo”, acrescenta Stephane.
Kits da TAP
para bebês Nas alturas
e crianças
com babador, Check-in feito, malas despachadas e cartão de embarque na
almofada
mochila e mais
mão, é hora de entrar no avião e encarar o maior desafio da
acessórios viagem: manter as crianças calmas e confortáveis durante
as horas de voo. Algumas companhias como Emirates, Azul,
Air France, TAP e Latam Airlines, oferecem opção de assento
com berço e, na Gol, tem a opção de cadeirinha da própria
empresa para crianças até dois anos, o que realmente facilita
a viagem de pais de bebês. Famílias que viajam com bebês na
Emirates ainda ganham travesseiros, cobertores e têm armá-
rios superiores maiores do que os convencionais.
Na Azul, o SkySofa é uma alternativa para famílias com
crianças de todas as idades: um conjunto de quatro poltro-

“Queremos compartilhar
nas que viram cama. INDEPENDENTE DA COMPANHIA AÉ-
REA, O PEDIDO DO DIFERENCIAL DEVE SER FEITO COM

�ossa paixão � amor pela ANTECEDÊNCIA. “Nos dedicamos para garantir que o voo
seja o mais confortável possível para crianças, pais e para
aventura com os �uturos os passageiros ao lado deles”, completa Stephane.
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

Para os maiores, além de revistas com conteúdo infantil,


�iajantes � �stimular a como a Revistinha Gol e Fly With Me Animals Magazine, da
Emirates, que têm imagens para colorir, eles podem aprovei-
curiosidade deles” tar os canais e games voltados para crianças. Nos voos da Air
France, um membro da tripulação é mágico e faz truques a
STEPHANE PERARD, diretor geral da Emirates para o Brasil bordo, garantindo boas risadas e diversão dentro do avião.
60
Na palma da mão
Criança em aeroporto pede atenção especial. E se elas vão via- As bandejas
jar sozinhas, mais ainda! Pensando nisso, algumas empresas da Emirates
são temáticas
oferecem serviço de ACOMPANHAMENTO DA VIAGEM EM e refeições
TEMPO REAL POR MEIO DE APLICATIVO NO CELULAR GRA- especiais
podem ser
ÇAS À PULSEIRA COM CHIP QUE ELAS RECEBEM ASSIM QUE solicitadas. Os
FAZEM O CHECK-IN. Em voos da Air France, Gol e Latam, por aviões ainda
contam com
exemplo, é possível rastrear todas as etapas, do check-in, ao em- programas
barque, decolagem e pouso. “Assim os pais podem ficar tranqui- infantis na TV

los e as informações podem ser compartilhadas com quem está


esperando no destino”, explica Júlia. No caso da TAP, o serviço de
acompanhamento é feito pessoalmente por um funcionário da
empresa, que viaja com a criança até o destino.
Café da
Hora do lanche manhã da
Latam com
Essa é a hora mais saborosa do voo! E AS COMPANHIAS OFE- pão de queijo,
RECEM CARDÁPIOS ESPECIAIS ÀS CRIANÇAS, MAS QUE frutas, bolo,
ovos mexidos
DEVEM SER SOLICITADOS COM ANTECEDÊNCIA – princi- e molho
palmente se elas têm alguma restrição alimentar. Na Azul, por de tomate,
hummm!
exemplo, é possível solicitar refeição feita especialmente para
o seu filho. “Além disso, as balinhas de gelatina no formato de
avião fazem sucesso com todas as idades”, Renata conta. Fa-
mílias com filhos menores podem usufruir de fórmula e ma-
madeiras para preparar aos bebês em voos da Emirates. DE MALAS “Entendemos

Cabeça nas nuvens – mesmo!


PRONTAS!
DICAS PARA UMA a �ecessidade
de oferecer
Para ajudar pais e filhos (e quem mais quiser participar) a VIAGEM EM FAMÍLIA
SEM ESTRESSE
relaxar, a Air France apresenta o novo programa de medi-
tranquilidade
¾Prefira roupas
tação, o Mind. Como parte do pacote de entretenimento a confortáveis e fáceis de
bordo, seis conteúdos diferentes com sessões guiadas iné- trocar para as crianças
ditas são oferecidos aos viajantes. “Nosso objetivo é apre- ¾Leve o brinquedo às �amílias
sentar os benefícios de concentração e serenidade a bordo preferido do seu filho
de voos de longa distância”, Júlia acrescenta. ¾Tenha lenços
umedecidos
para que �las
E essa preocupação com o bem-estar da família vem conquis-
�ó pensem
sempre à mão
tando espaço em companhias aéreas do mundo inteiro. “Os ¾Na mala de mão,
clientes não querem mais deixar de viajar porque tiveram fi-
�a alegria
leve trocas de roupas
lhos. Pelo contrário, estão descobrindo e valorizando cada vez e itens que você
pode precisar
daquele
mais destinos e serviços que possam proporcionar boas ex-
¾As coisas nem sempre
periências em conjunto com as crianças”, Renata observa. E,
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

saem como planejamos,

�omento”
mais que uma tendência, para Stephane esse olhar para pais e tudo bem, relaxa!
e filhos representa compromisso sério com seus clientes: “As
famílias são importantes para nós, por isso estamos sempre
JÚLIA DE MEDEIROS PINTO,
criando e aprimorando nossos produtos e serviços. Assim, filha de Sarah e Ricardo, e
conseguimos garantir que os passageiros tenham a melhor gerente de marketing Air
experiência possível, tanto no solo, como durante o voo”. France-KLM no Brasil
61
COMIDA DE ALMA

Doce afeto
O Dia das Mães é o seu dia. Pode exigir da sua família um café da
manhã na cama para lá de especial. Existem receitas superdivertidas
que seus filhos podem fazer para você sem estresse. Fácil, fácil!

INGREDIENTES PREPARO
¹/4 xícara de crème fraîche Misture em uma tigela o crème Em copos transparentes, adicione
¹/3 xícara de açúcar granulado fraîche e o açúcar até ficar no fundo os morangos picados com
homogêneo o restante do açúcar. Corte fatias
1 xícara de creme de leite da fruta em formato de coração e
Em outro recipiente, bata o creme
1 colher de sopa de extrato
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

de leite em batedeira até ganhar pressione nas paredes do recipiente.


de baunilha consistência firme Adicione o creme e finalize com
3 colheres de sopa de pedaço de morango por cima do doce.
Adicione essa mistura à primeira
corante cor-de-rosa vasilha com o extrato de baunilha,
2 xícaras de morangos junte com o corante e mexa até ficar
frescos picados um creme homogêneo e rosa
6 morangos frescos inteiros

62
INGREDIENTES
25 biscoitos de maizena esmagados
¹/4 xícara de manteiga sem sal derretida
3 colheres de sopa de água fria
1 ¹/2 colher de chá de gelatina sem sabor
¹/2 xícara de açúcar granulado
¹/3 xícara de corante alimentício rosa
¹/2 xícara de creme de leite
200g de cream cheese
1 colher de chá de extrato de baunilha
 16 framboesas frescas

PREPARO
Forre uma assadeira com papel manteiga
Em uma vasilha média, misture os biscoitos
esmagados com a manteiga derretida e mexa
bem até formar uma massa homogênea.
Depois, pressione-a na assadeira
Coloque água em uma panela pequena
e adicione a gelatina incolor na superfície
(não mexa). Deixe descansar por 5 minutos
e aumente o fogo até a gelatina dissolver
e adicione o açúcar. Cozinhe até o açúcar
dissolver também. Remova do fogo e
adicione o corante alimentício
Bata o creme de leite em uma batedeira
até ganhar consistência firme
Em outro recipiente, bata o cream
cheese com o extrato de baunilha por
30 segundos. Coloque a mistura de gelatina
e bata novamente até ficar completamente
homogênea. Finalize adicionando devagar o
creme de leite, para não perder a consistência
Coloque o creme por cima do biscoito
e leve ao forno por 2 horas ou até ficar firme
Com uma faca, corte o doce em fatias
quadradas e do mesmo tamanho
Para finalizar e dar o toque final, adicione
uma framboesa por biscoito
PAIS&FILHOS | MAIO 2019
FOTO DANE TASHIMA

63
ANTES DE MIM

Criança cresce rápido e as roupas e acessórios são perdidos num piscar


de olhos. Para te inspirar (e esvaziar seu armário), veja uma história
nova todo mês de quem desapegou com o site Antes de Mim

SEGUNDA CHANCE
Este maiô marcou a primeira ida à praia de Maria Eduarda
e guarda boas memórias para a família toda

Quando um bebê nasce, “São produtos cheios de história,


experimentamos tudo novamente como vendidos com muito carinho”.
&
A GENTE se fosse a primeira vez e enxergamos Com a Lojinha da Gisele Dorna ela
AMOU
situações cotidianas com um olhar pretende criar uma poupança para
especial. Foi essa a sensação de Gisele a filha, e sobre o maiô, espera que
Dorna ao levar a sua filha para conhecer a criança a usá-lo se diverta tanto
a praia, usando o maiô da foto. quanto a menina naquele dia. ELA
Maria Eduarda tinha 1 ano e 4 meses JÁ TINHA O COSTUME DE DOAR
e já sabia andar, o que deixou a mãe ROUPAS QUE NÃO SERVIAM MAIS
maluca quando chegou ao litoral. NA FILHA E AO ENCONTRAR O SITE
“Caso não ficássemos de olho, ela RESOLVEU SEPARAR ALGUMAS EM
entrava no mar”, conta. MELHOR ESTADO E FAZER UMA
Duda parece ter adorado a RENDA EXTRA AO FINAL DO MÊS.
experiência. Se não estava curtindo
a água, estava mexendo com a areia.
“Minha filha gostou tanto da areia "Me into
que até comeu”, ela lembra.
Gisele se recorda com clareza da orgulhosa por
alegria da filha brincando na praia. E A star pensando
LEMBRANÇA É AINDA MAIS ESPECIAL
POR TER SIDO UM MOMENTO EM o uturo da
FAMÍLIA. A viagem foi uma visita à
inha ilha”
sogra junto dos padrinhos da menina.
“A Duda veio para unir a família,
tanto por parte de pai quanto mãe”, Gisele se diz muito feliz em poder
comemorou Gisele, que tem parentes incentivar o consumo consciente
distantes e valoriza essa relação. “Família e ensinar essa prática para a filha
Conheça outros
produtos da Lojinha é nosso porto seguro, nossa essência”. desde cedo. “É muito importante
da Gisele Dorna em Por isso, Gisele resolveu compartilhar fazer ações assim”. Se você também
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

antesdemim.com.br/
loja/lojinha-da-gisele- um pouco dessa sensação com outras tem roupas acumulando no guarda-
dorna-11591 famílias. Ela anunciou no site Antes roupa do seu filho, aproveite para
FOTOS REPRODUÇÃO

de Mim, que é feito para você vender anunciar no site Antes de Mim.
aquelas peças que seu filho já não Acesse antesdemim.com.br,
usa mais, várias peças e, entre elas, crie sua loja, divulgue os produtos
o maiô que Duda usou na viagem. e incentive a sustentabilidade.
64
WWW.GRAACC.ORG.BR
/GRAACC @instagraacc @graacc /GRAACCSP
COM A PALAVRA

Todo mês uma história de família diferente. Aqui é o espaço


para você contar pra gente como as coisas são na sua casa.
Mande sua história no inbox do nosso Instagram

AMANDA RIBEIRO "Empodero o �eu


é mãe de Arthur, de 3 anos, organizadora �ilho a �er o que
de eventos e dona do blog Mamãe Que Viaja. �le quiser, do �eito
Depois de descobrir o autismo do filho, dedica-se
ao treinamento sobre inclusão e autismo dele. Vejo �m
�uturo �rilhante
“Há 1 ano o meu mundo caiu, de novo.
A primeira vez que isso aconteceu foi quando
para o Arthur!"
meu filho nasceu prematuramente. Arthur
chegou ao mundo com 32 semanas, pesando
1.490 kg e medindo 40 cm. A PRIMEIRA VEZ Enquanto eu vivia uma espécie de luto,
QUE O VI NA INCUBADORA NEONATAL, passando pela negação e aceitação, virei a
CHEIO DE FIOS, CHOREI E O MEDO DELE louca da terapia e cheguei a marcar 13 seções
Amanda com o MORRER ME CONSUMIU. Quando fomos em uma semana para um bebê de 20 meses.
marido Marcelo e
Arthur, de 3 anos para casa, ele pesava 1.800 kg e só com a Acabei largando o trabalho para focar no
amamentação materna engordava quase tratamento do Arthur. Era muito difícil falar
1 quilo por mês. Ele foi crescendo e cumprindo que tinha um filho com autismo. HOJE, COM
os marcos esperados para um bebê prematuro. O TEMPO E AS TERAPIAS, CONSIGO FALAR
AOS 8 MESES ELE TEVE A PRIMEIRA SOBRE O ASSUNTO E SÓ COMPARO O
CONVULSÃO FEBRIL. DEPOIS, TEVE ARTHUR COM ELE MESMO: o que ele era e o
OUTRAS, QUE SOMADAS, TOTALIZAVAM quanto evoluiu. Empodero o meu filho a ser
6 AOS 18 MESES DE VIDA. Foi quando o que ele quiser, do jeito e com as habilidades
resolvemos consultar com outra neurologista. dele. Vejo um futuro brilhante pra o meu menino.
Durante a visita, a médica não conseguiu Quero ajudar outras mães a passarem por todo
fazer contato visual com o Arthur, e começou esse processo e incentivar famílias a buscarem a
a fazer algumas perguntas: “Ele fala? Aponta? intervenção precoce. FALAR SOBRE AUTISMO
Mostra a barriga? Imita? Atende quando você VIROU MEU NOVO TRABALHO E MISSÃO
o chama? Manda beijo? Dá tchau?”. Não, não DE VIDA. Junto com a psicóloga Maria Luiza
e não. Minhas respostas eram todas “não”. Jordão, criei a Incluir Treinamentos, uma
E ouvi, pela primeira vez, em março de 2018, empresa que tem como objetivo treinar
o termo TEA – Transtorno do Espectro Autista. e capacitar pessoas em empresas para a
Começamos a investigação fazendo exames inclusão de autistas. Apesar de ter virado lei
Atualmente e eu comecei a estudar sobre o assunto. Eu só em SP ter o adesivo do autismo nas placas de
ela procura pensava nisso e chorava. Era muito difícil ver atendimento prioritário, isso ainda não está
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

ajudar famílias e
treinar pessoas uma criança da mesma idade que falava tudo sendo cumprido. E não podemos deixar que as
para lidarem e o meu filho não. EU FICAVA COMPARANDO incapacidades das pessoas nos impossibilitem
FOTOS ACERVO PESSOAL

com autistas
E ISSO ME ENTRISTECIA, EU QUESTIONAVA de reconhecer as suas habilidades. Incluir
"POR QUE COMIGO?". EU NÃO QUERIA UM é um ato de amor. O conhecimento partilhado
FILHO DIFERENTE E IMAGINAVA ELE MAIOR, em igualdade de condições precisa ser
SOFRENDO PRECONCEITO. a motivação da nossa vida.
66
APRESENTA

Sô÷÷¡úĄO
Programação
8h • Wellcome coffee
8h30 • Abertura: Mônica Figueiredo e Marcos Dvoskin
9h • LEO JAIME
Juntos é possível... superar tudo!
10h15 • HELEN RAMOS

$QRWDD¡ Juntos é possível... com o amor da mãe


11h30 • MARCOS PIANGERS
Juntos é possível... mudar
QUANDO: 7 de maio um homem para pai
HORÁRIO: 8h às 18h 12h45 • Sorteios
LOCAL: Unibes Cultural 13h • Almoço
14h • ROBERTA E TAÍS BENTO
Rua Oscar Freire, 2500 – Juntos é possível... Educar e ser educado
Sumaré, São Paulo/SP 15h15 • SILVIA LOBO
Juntos é possível... com a nossa tribo
(ao lado do metrô
16h30 • Coffee Break
Sumaré) 16h50 • Mesa redonda: Juntos é possível
formar famílias mais felizes
Mônica Sousa, Karina Bacchi, Camila
Fremder, Magda Figueiredo e Igor Padovesi,
INSCREVA-SE EM: com mediação de Mônica Figueiredo
17h40 • Sorteio
seminariopaisefilhos.com.br 18h • Encerramento

APOIO MIDIA
PARTNER

®
Da nossa casa
para sua casa.
&
BIBLIOTECA

Por aqui você vai encontrar uma seleção de livros para pais e filhos feita a dedo,
com muito carinho e cuidado. Nessa edição, especialmente pensada para o mês
das mães, separamos as sugestões mais legais para todos os gostos

Mindfulness em família
Escrever uma árvore, Márcia de Luca e Lúcia Barros Adulta sim, madura nem sempre
plantar um livro | Editora Fontanar Camila Fremder | Editora Paralela
Cris Guerra | Gulliver O termo em inglês do título, que A vida adulta chega de uma hora para a
Do início ao fim, esse livro fala significa “atenção plena”, vem do outra, sem avisar e sem fazer cerimônia.
sobre o esporte mais radical do mundo: impulso de buscar a paz de espírito Junto dela, chegam mais mudanças do
a maternidade. Feito de crônicas, com através da ioga e seus exercícios que você pode imaginar – o que inclui
algumas escritas para a Pais&Filhos, mentais. Nesse livro, você encontrará filhos, mesmo que você ainda se sinta
Cris mostra seu crescimento e seu dicas para praticar a mindfulness e uma jovem despreocupada. Com muito
renascimento depois que seu filho, trazer mais felicidade para sua família. humor, Camila relata fatos do dia a dia
Francisco, nasceu e pariu ela também. para ajudar a entender e aceitar melhor
essa transição (bem maluca às vezes).

Mal profundo
Dra. Nadine Burke Harris | Record
A escola do futuro Escrito em parceria com centros Socorro, meu filho não estuda!
Marcos Piangers e Gustavo Borba de estudos e com base em pesquisa Tais e Roberta Bento | Brain Bento
| Belas Letras que envolveu 17 mil adultos nos Se seu filho foge quando o assunto é
Cheio de relexões sobre tecnologia, fazer a lição de casa ou ler o conteúdo
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

Estados Unidos, o livro mostra o


futuro e educação, esse livro é guiado possível impacto que experiências da prova, talvez ele não goste de
pela primeira coisa que aparece na adversas na infância têm sobre o corpo estudar. Para resolver o problema,
nossa cabeça quando pensamos e a mente. Além disso, a autora, uma esse livro reúne dicas práticas para
nas próximas gerações: “Como será pediatra, apresenta alternativas para ajudar crianças a sentirem prazer
a escola do futuro?”. É um verdadeiro prevenir, diagnosticar e curar ao aprenderem coisas novas – tudo
convite para abrir diálogos e debates esses tipos de trauma. baseado em conceitos de
com pais, mães e professores. neurociência cognitiva.
68
Educação não violenta
Elisama Santos | Editora Paz&Terra
Perfeito para pais que querem construir A mamãe é rock
uma relação com os filhos baseada Ana Cardoso | Belas Letras
no respeito e diálogo, o livro é um Em crônicas superengraçadas,
guia de como estimular a autoestima, Ana Cardoso fala sobre maternidade
autonomia, autodisciplina e resiliência e os sentimentos loucos que só quem
em todos os membros da família – cria uma criança sente. De mil maneiras
tudo isso baseado em conceitos e divertidas, você vai ler sobre aplicativos
estudos como mindfulness, inteligência de meditação, dias bons e dias ruins,
emocional e disciplina positiva. histórias de família, feminismo e muito
mais. Além, é claro, da lembrança
constante de que mãe também é gente.

Mães que fazem mal


Silvia Lobo | Pasavento
Essa análise, escrita por Silvia Lobo, Socorro, meu filho não tem limites!
que é psicanalista, mostra a figura Augusto Cury | Academia
Com proposta de trazer reflexão
PAIS&FILHOS | JANEIRO 2019

materna de outro ponto de vista,


considerando que existem diversas para resolver conflitos diários –
versões além da imagem sacra e como o uso excessivo de celular,
bondosa. Ela aponta as marcas, disciplina para realizar tarefas e
colaboração com atividades domésticas
FOTOS DIVULGAÇÃO

definitivas ou não, deixadas por


mulheres que maltratam seus filhos – o livro é um verdadeiro manual
por arrogância, alienação e conflitos prático de como educar crianças com
inconscientes desconhecidos por elas. limites, de maneira saudável, inteligente
e socialmente responsável.
69
gravidez sem neura
POR DR. IGOR PADOVESI, PAI DE BEATRIZ E GUILHERME

Igor Padovesi
é ginecologista e obstetra formado
e pós-graduado pela USP. Atende e
EXPECTATIVAS E realiza partos e cirurgias nos principais
hospitais e maternidades de São Paulo.
FRUSTRAÇÕES COM O PARTO Comanda o programa Gravidez Sem
Neura na Pais&Filhos TV com vídeos
novos toda quarta-feira, às 18h
Tudo o que uma mãe não precisa é carregar uma
frustração por não ter tido o parto que idealizou

Recentemente recebi uma paciente que se Triste, mas uma realidade que ficou bem
sentia muito frustrada após tentativa falha de documentada em um estudo feito pela
parto natural domiciliar. De forma emocionante, Fiocruz. APESAR DO PROBLEMA SE
ela contou como havia se preparado para aquela CONCENTRAR NAS MATERNIDADES
que seria a “experiência mais transformadora PRIVADAS, A MAIORIA DOS HOSPITAIS
da vida" dela. O “empoderamento” que acabou DO SUS TAMBÉM PRATICAM CONDUTAS
não acontecendo e a terrível frustração de ULTRAPASSADAS. Resquício de décadas de
ter “morrido na praia”, indo parar no hospital uma cultura obstétrica muito intervencionista.
para uma “terrível” cesariana depois de horas Aos poucos essa mentalidade tem mudado,
de trabalho de parto. Com todo respeito mas ainda encontra bastante resistência. Por
às diferentes visões, fatores culturais e até isso, algumas mulheres que desejam um parto
psicológicos que envolvem o parto, como normal acabam optando pelo parto domiciliar
obstetra sempre faço um alerta: POR MAIS como uma “fuga do sistema” – um gigantesco
QUE A MULHER SE PREPARE DE TODAS AS engano. A opção pelo parto domiciliar implica
FORMAS, O DESFECHO DO NASCIMENTO inevitavelmente em abrir mão da segurança.
SIMPLESMENTE NÃO DEPENDE DELA. E em Bebês nascem naturalmente e de forma
cerca de 20% das vezes, a cesárea será, SIM, tranquila na grande maioria das vezes,
necessária. É fato que a assistência obstétrica mas podem ocorrer eventuais e gravíssimas
no Brasil ainda é muito precária. Motivo pelo complicações, mesmo em gestações
qual nosso país é um dos líderes mundiais de absoluto baixo risco. Essa pode ser
em cesáreas consideradas inadequadas. realmente uma experiência transformadora,

"O parto deve er m eio  ão


especialmente para mulheres que têm visão
ideológica e que enxergam o as dores das

m im. O objetivo  que ãe  contrações como forma de empoderamento.


MAS É BOM LEMBRAR QUE, EM ALGUNS

ebê iquem audáveis  eguros" CASOS, AS COISAS SIMPLESMENTE NÃO


VÃO ACONTECER COMO PLANEJADAS,
Em muitos hospitais – especialmente os E SEM QUE ISSO REPRESENTE FALHA DA
particulares, onde as cesarianas chegam a MÃE, DOS PAIS, DA ALIMENTAÇÃO, DO
90% – o obstetra do plano de saúde não possui CLIMA OU DO MINISTÉRIO DA SAÚDE.
disponibilidade para acompanhar partos Sempre digo: o parto deve ser um meio e não
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

normais. E isso acontece porque ele não tem um fim. O objetivo é que mãe e bebê fiquem bem,
remuneração compatível com a demora e a saudáveis e seguros. O pós-parto, o chamado
FOTO ACERVO PESSOAL

imprevisibilidade dos trabalhos de parto. Nesse puerpério, já é um período bastante difícil e


contexto é que surgem as cesáreas por indicações delicado. Tudo que a mulher não precisa nesse
duvidosas e que muitas vezes são feitas antes momento é carregar uma frustração ou culpa por
da maturidade fetal adequada (39 semanas). não ter tido o parto da forma como idealizou.
70
TESTE

VOCÊ VAI CONSEGUIR CHEGAR A TEMPO?


SABE AQUELE DIA QUE VOCÊ NÃO PODE SE ATRASAR DE JEITO NENHUM?
POIS É, QUEM TEM CRIANÇA SABE QUE É DIFÍCIL SER PONTUAL

Você está
pronta para ir?

Sim? Sim! Exceto pela


criança jogada no
chão e gritando.
Você Não, deve
tem ter algo que
certeza? você está
esquecendo.

Negocie um acordo Estabeleça um debate


Grande sinal
que iria impressionar importante sobre
de que você não está
até as Nações Unidas Galinha Pintadinha
pronta: a criança sem
roupa atrás de você. Cheque
embaixo do
sofá. Ou na
Espere! Você
Explique sua mão.
calmamente que
esqueceu as
calças não são galochas/trabalho
“malvadas”. de ciências/meias.

Lembre-se: Certifique-se de Mande um bilhete na


treino de futebol, que você tenha dito agenda/livros da biblioteca
duas festas “nós temos que ir”
de aniversário 47 vezes.
e o encontro
dos amigos no
parquinho. É isso! Você
conseguiu!
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

Celebre suas
ESPERE. habilidades de
É sábado! paternidade!
Agora volte para o começo ha ha ha

71
nutrição
POR ELAINE PÁDUA, MÃE DE ISABELLA E RAFAELLA

Elaine Pádua
é nutricionista pós-graduada em
doenças crônico-degenerativas,
ABOBRINHA NUMA BOA! especialista em adolescência, mestre
pela UNIFESP e autora do livro “O que
Seja crua, cozida, refogada, frita ou até incorporada tem no prato do seu filho? – Um guia
prático de nutrição para os pais”.
em outras receitas a hortaliça garante muitas vitaminas
para a dieta, além de água de sobra

O sabor não é tão marcante, mas a composição


compensa. A abobrinha é rica em vitaminas A, E e
complexo B, fósforo e cálcio, além de ser 94% composta
por água e excelente fonte de fibras. Por isso, a hortaliça
é ÓTIMA OPÇÃO QUANDO O ASSUNTO É REGULAR
O FUNCIONAMENTO INTESTINAL E CONTROLE
DE ENJOOS. Parte da família Cucurbitaceae, da qual
fazem parte mais de 700 espécies, incluindo melões
e melancias, a abobrinha é um fruto imaturo, de
formato longo e cilíndrico, semelhante a um pepino.
O que também explica a sua grande quantidade de
água. Cultivada em várias partes do mundo, no Brasil
ela pode dar frutos o ano inteiro. DEVIDO AO ALTO
TEOR DE FIBRAS, A ABOBRINHA GARANTE MAIS
SACIEDADE, O QUE A TORNA UMA ÓTIMA ALIADA
DAS DIETAS E ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL.
A hortaliça pode ser consumida de várias maneiras:
desde crua, em saladas, por exemplo, como também
cozida, refogada, assada, grelhada, frita, recheada
(uma das minhas preferidas!) ou até mesmo em outras
receitas para o preparo de suflês, pudins e doces.

DICAS DE OURO
PARA APROVEITAR OS NUTRIENTES EXISTEM ALGUNS TRUQUES INFALÍVEIS. SE LIGA!
FOTOS ACERVO PESSOAL / GETTY IMAGES

COM CASCA DE OLHO PARA MANTER


SIM SENHOR! NO RELÓGIO AS VITAMINAS
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

INFORMAÇÃO NUTRICIONAL
Para manter o teor de fibras, Além de não tirar a casca, Um dos meus principais EM 100 GRAMAS (fonte: Taco)
a abobrinha deve ser apenas que é o primeiro passo, conselhos é fazer a hortaliça
CALORIAS 19 kcal
lavada. Ou seja, nada de para garantir tudo o que no vapor, assim é possível
descascar a hortaliça antes ela oferece, a dica é não garantir que as vitaminas CÁLCIO 15 mg
de cozinhar! É lá que estão deixá-la no fogo por mais sejam conservadas CARBOIDRATOS 4 g
todas as vitaminas de 10 minutos, seja um prato independente da receita
FIBRAS 1,4 g
que ela oferece cozido, assado ou refogado ou tempo de preparo
72
Em amília
por Andressa Simonini

TODA SEGUNDA-FEIRA,
A PARTIR DAS 14H, NA RÁDIO
BANDEIRANTES (FM 90.9)
MANDE SUAS PERGUNTAS NO
WHATSAPP +55 (11) 99904.8756

No outros dias da semana,


a coluna é transmitida em
pílulas. De SEGUNDA a
SEXTA-FEIRA, no programa
“Pulo do Gato”, às 6H40.

PAISEFILHOSOFICIAL REVISTAPAIS&FILHOS PAISEFILHOSTV

WWW.PAISEFILHOS.COM.BR DISPONÍVEL TAMBÉM NO GOOGLE NOTÍCIAS


escola
POR ROBERTA E TAÍS BENTO, MÃE E FILHA

Roberta e Taís Bento


são mãe e filha, embaixadoras
MENOS, PAIS, MENOS da Pais&Filhos, e fundadoras
do site SOS Educação

Vivemos a era da abundância, mas nossos filhos precisam


de situações de escassez para desenvolver habilidades que
são essenciais para enfrentar os desafios da vida real

Pesquisas mostram que o número de pertences o foco de você mesmo e colocar nele.
que temos hoje é imensamente maior do que QUANDO ENTREGAMOS TUDO SEMPRE
nossos pais ou avós tinham. Se temos que ser PRONTO, O FOCO ESTÁ EM NÓS: NA
gratos pelos benefícios que essa abundância NECESSIDADE DE SERMOS ÓTIMOS PAIS,
traz, é preciso também lembrar que a escassez de não deixar que eles passem a vontade
nos faz desenvolver habilidades essenciais que nós tivemos durante a infância. Foram
para lidar com desafios que a vida continuará os momentos de escassez, porém, que
a trazer. UMA CRIANÇA QUE TEM SEMPRE geraram em você a lembrança da sensação
TODOS OS RECURSOS À MÃO ACABA boa que foi conquistar aquele objeto do
CRESCENDO SEM A CHANCE DE BUSCAR desejo. Hábitos que parecem tão difíceis de
DENTRO DE SI OPÇÕES PARA MUDAR PARA serem criados carecem da escassez de algum
MELHOR A REALIDADE EM QUE VIVE. recurso para que possam ser vistos de forma
Muitas das questões relacionadas à baixa diferente. A leitura, por exemplo. Que tal criar
autoestima que eclodem conforme o aluno momentos de escassez de tecnologia duas
avança nas séries escolares poderiam ser vezes por semana, durante trinta minutos?
prevenidas se, em casa, tivesse enfrentado E nesse período deixar uma abundância de
situações de escassez controlada. O recursos para leitura disponíveis: quadrinhos,
“controlada” siginifica simular a falta de algum livros, cadernos, folhetos. Que tal gerar a
recurso para que seu filho possa colocar em escassez de brinquedos em uma tarde do
ação o seu potencial para buscar soluções e final de semana e oferecer abundância de
melhorar o ambiente em que está inserido. natureza? Um passeio ao ar livre, só vocês,
O grande desafio dos pais é controlar a própria sem levar nada consigo é o caminho para
necessidade de se antecipar aos desejos esse equilíbrio. Para filhos mais velhos, a
dos filhos. Atender de imediato aos pedidos escassez de respostas prontas pode fazer
já impede que a criança tente resolver um milagres na forma como enxergam os estudos
desafio, antecipar-se a eles é ainda mais e o esforço necessário para aprender. Troque
prejudicial, mesmo que a intenção seja a o cenário sempre preparado para o jantar, o
melhor possível. A dica para ajudar você, pai ou banho, o lanche pela mesa que precisa ser
mãe, a controlar a vontade que tem de garantir arrumada, pela roupa que precisa ainda ser
que seu filho tenha tudo sempre à mão, é tirar guardada, pelo café que precisa ser preparado
e veja seu filho amadurecer mais seguro,
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

descobrindo-se mais capaz do que ele mesmo


"O grande desafio � controlar jamais imaginou! SÓ NÃO ECONOMIZE
FOTO ACERVO PESSOAL

NO RECONHECIMENTO E NO CARINHO
a própria �ecessidade de �e QUE SEU FILHO PRECISA PARA CRESCER
SEGURO E PRONTO A ENFRENTAR OS
antecipar aos desejos dos �ilhos" DESAFIOS QUE VIEREM!
74
MEU BICHO
POR SAMANTHA MELO,
adestradora da Cão Cidadão
e colunista do site. Todos os
domingos texto novo em:
paisefilhos.com.br

Orelhudo
predileto
Essa é uma raça de coelhos muito popular
nos Estados Unidos, por conta do seu pelo
aveludado e tamanho miniatura. Contudo,
entre os minicoelhos são os menos sociáveis
– eles apreciam ambientes calmos e não
gostam muito de ficar no colo. Por outro
lado, são ativos (mais à noite), brincalhões
e superabertos a aprender truques,
fazendo-os companheiros perfeitos para
crianças um pouco maiores, por volta
dos 5 anos, que saibam respeitar
seus limites. Desconfiados
no início do convívio, aos
poucos vão se acostumando ao
ambiente e à família, tornando-se
dóceis, amorosos e carinhosos. Outra
vantagem dos fofos orelhudos é que
não exalam odores fortes, além de
seu pelo ser bem fácil de limpar.
Por fim, é importante lembrar que
esses coelhos devem ter uma gaiola
apropriada (dentro de um ambiente
coberto), mas também precisam
circular livremente pela casa
sempre que possível!

FICHA TÉCNICA
NOME: COELHO MINI REX
PORTE: PEQUENO
ALTURA: ATÉ 20 CM
COR: PODE SER DE VÁRIAS
CORES, DESDE COR ÚNICA,
A BICOLOR OU TRICOLOR
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

PESO: ATÉ 2 KG
TEMPO DE VIDA: ATÉ 10 ANOS
TEMPERAMENTO: CALMO E NÃO
MUITO SOCIÁVEL, AINDA QUE
FOTO AARON DYER

SEJA DÓCIL E LIGEIRAMENTE


CARINHOSO

75
modo de usar
POR IVANICE CARDOSO, MÃE DE HELENA E BEATRIZ

Ivanice Cardoso
mãe de Helena e Beatriz, é advogada
e pós-graduada em Direito Desportivo.

PROGRAMAÇÃO Especializada em Direito de Imagem,


é também consultora de escolas e
famílias em temas como o uso ético
É O “NEW ENGLISH” e seguro de mídias sociais, bullying,
cyberbullying e gestão de segurança.
Pra ajudar nossos filhos a viverem num mundo cheio de
máquinas, é bom saber conversar com elas desde cedo

Estamos no meio da transformação comunicacionais já são essenciais para não


digital. E é fato que ela já está causando precisar competir com as supermáquinas.
grandes impactos nas nossas vidas. O segundo é educá-los para entender o
Há 5 anos, quando a Bia nasceu, o mundo universo das máquinas e das tecnologias,
era bem diferente. E certamente será principalmente as digitais. Será necessário
muito diferente quando as minhas filhas saber “conversar”, falar o idioma delas.
ingressarem na universidade. Será necessário saber programar.
Que profissão elas escolherão? Além de Programação é o novo inglês. E nada mais
ser curiosa sobre essa decisão, que será só é do que ABRIR FORMAS DE DIALOGAR
delas, preciso pensar e, desde já, planejar COM AS MÁQUINAS E CRIAR MEIOS PARA
a minha parte nesse processo. QUE ELAS NOS SIRVAM (E NÃO NÓS A
Uma boa reserva financeira, notas do ENEM ELAS). Aprender a criar hipóteses, usar bem
e o aprendizado de um segundo idioma eram os recursos disponíveis, compreender as
suficientes. Mas os tempos mudaram! necessidades de quem usará as soluções
DIVERSOS ESTUDOS AFIRMAM QUE 85% DAS programadas e o pensamento lógico são
PROFISSÕES QUE EXISTIRÃO EM 2030 AINDA algumas das habilidades que a programação
NÃO TÊM NOME. INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL ajuda a desenvolver. E aí não importa a
E A VIDA CADA VEZ MAIS AUTOMATIZADA profissão escolhida no futuro. Programação
MUDARÃO MUITA COISA AINDA. Então, como oferecerá a base para ampliar oportunidades.
fazer esse planejamento, assim, às cegas? Programar pode parecer um bicho de sete
Ajudá-los a aprimorar características que cabeças, mas é mais simples do que parece.
O livro de Sandro
Silva custa R$35,00
as máquinas não conseguem oferecer é Eu, na adolescência, aprendi a programar.
e está à venda um primeiro passo. Eles precisarão saber E ainda hoje o pensamento computacional
apenas pelo site
meuprimeirolivro ser cada vez mais humanos! Empatia, é ferramenta essencial pra mim porque me
programacao.com afeição, habilidades criativas-artísticas- AJUDA A CONSTRUIR PONTES DE DIÁLOGOS
ENTRE AS GERAÇÕES E ENTRE PESSOAS E
NOVAS TECNOLOGIAS, PROMOVENDO UM

“A programação � a
MUNDO UM POUCO MELHOR.
Conheci esses dias um pai, o Sandro Silva,

tecnologia �ão �mportantes, �as


pai do Vicente, que decidiu escrever o
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

“Meu primeiro livro de programação” para


aprimorar características que apresentar lindamente a programação para
crianças a partir de 3 anos. Fiquei apaixonada
as �áquinas �ão conseguem pelo livro e deixo essa dica aqui pra você criar
FOTOS DIVULGAÇÃO

os primeiros contatos da sua criança com


oferecer � �ssencial” a programação. Vocês irão se divertir!
76
JÁ NASS!
BANCA

É HORA
DE MONTAR
O ENXOVAL
DO BEBÊ!

PAISEFILHOSOFICIAL REVISTAPAIS&FILHOS PAISEFILHOSTV WWW.PAISEFILHOS.COM.BR


DECORAÇÃO
DECORAÇÃO

Banquinho
Antes de ser item de decoração, o banquinho é peça muito útil – principal-
mente se tratando de quarto infantil. Ele até pode ser usado como apoio para
brinquedos e acessórios, mas na maior parte do tempo vai exercer sua função
principal: servir para que a criança sente para brincar, desenhar ou até fazer
refeições, já que é baixinho. Além disso, dá toque especial ao cômodo, pois há
opções de todas as cores e estilos. Escolha seu preferido!

FOTOS GETTY IMAGES / DIVULGAÇÃO


PAIS&FILHOS | MAIO 2019

de madeira, para guardar coisas, criativo, colorido,


TULIPA BABY, R$159,00, BODODO, R$299,00, JU AMORA, R$228,00, ETNA, R$79,99,
tulipababy.com.br bododo.com.br juamora.com etna.com.br
78
Levanta a mão quem já fez o

Teste do Pezinho
O Teste do Pezinho é um exame rápido em que gotinhas de sangue do calcanhar do bebê são coletadas e
tem a finalidade de diagnosticar e impedir o desenvolvimento de doenças genéticas ou metabólicas que
podem levar à deficiência intelectual ou causar prejuízos à qualidade de vida.
É um exame essencial e pode fazer toda a diferença no futuro da criança. Muitas das doenças não
apresentam sintomas ao nascimento.
O Laboratório APAE DE SÃO PAULO é o maior em número de crianças triadas e possui tecnologia de
última geração para realizar um dos mais completos Testes de Triagem Neonatal do Brasil, que identifica
até 50 doenças.

QUALIDADE E CONFIANÇA RAPIDEZ SUPORTE E ACOMPANHAMENTO


• Serviço de Referência • Estrutura avançada que • Equipe interdisciplinar para
em Triagem Neonatal, realiza a convocação imediata orientação, tratamento e
credenciado pelo de todos os recém-nascidos acompanhamento dos casos,
Ministério da Saúde. que apresentarem alteração composta por especialistas das
no exame. áreas de pediatria, endocrinologia
pediátrica, hematologia pediátrica,
imunologia pediátrica, genética
pediátrica, nutrição, psicologia e
Saiba (11) 5080-7023
assistência social.

Mais: www.apaesp.org.br
@apaedesaopaulo @apaesp
TENDÊNCIA

R$199,90
loja.petitcheval.com.br

Camurça
Muito famosa nos anos 1970, a camurça promete tomar conta do guarda-roupa e
preparar os looks para o frio que está por vir. Além de ser uma ótima opção para as
temperaturas do outono, o tecido é superelegante e moderno. O melhor de tudo
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

é que pode ser usado tanto em roupas, quanto em acessórios, como sapatos. Este
aqui, da Petit Cheval Kids, é uma boa alternativa para quem procura conforto e esti-
lo: o solado é feito de borracha reciclada e a bota é macia e flexível.
FOTO DIVULGAÇÃO

80
gravidez
emana a
emana

É o aplicativo que acompanha o


desenvolvimento do bebê desde
o início da gravidez até o final. É
o seu melhor amigo durante os 9
meses de gestação. Está disponível
em Android e iOS. Baixe já!

PAISEFILHOSOFICIAL REVISTAPAIS&FILHOS PAISEFILHOSTV

WWW.PAISEFILHOS.COM.BR DISPONÍVEL TAMBÉM NO GOOGLE NOTÍCIAS


20
SEÇÃO/MATÉRIA
PERGUNTAS PARA

NAIUMI GOLDONI
É atriz, youtuber e mãe de Maelle. Ela compartilha
@NAIUMIGOLD
ONI sua rotina nas redes sociais e o dia a dia sempre
inclui a filha na programação!

1. O �elhor de �er �ãe �... O abraço cheio de amor da minha filha.


2. O pior de �er �ãe �... A privação de sono dos primeiros meses (ou seriam anos?! Ainda não sei!).
3. É �elhor �er �ãe ou �er �ilha? Ambos são especiais. Foi por todo amor e zelo
da minha mãe que aprendi o que dar à minha filha. Mas ser filha é bem mais fácil!

4. Sua culpa como �ãe �... Perder a paciência em dias em que estou agitada ou irritada.
5. Você �ão tem culpa �enhuma quando...
Dou colo, deixava dormir mamando no peito, e dou amor de sobra. Não acredito que amor mime.

6. Qual �ua definição de �elicidade? Ter minha família ao meu lado para
compartilhar cada pequena (e grande) conquista.

7. O papel da �ãe �... O mais desafiador de toda a minha vida!


8. Você �ente que �eu companheiro �stá arrasando quando...
Divide as tarefas de casa, fica com Maelle para eu ir a compromissos ou me convida para algum programa a dois.

9. Qual �eu �stado de �spírito agora? Animada, estou cheia de planos!


10. Mãe também � gente quando... Quer sair sem os filhos para encontrar amigas
e bater papo sem receber olhares ou perguntas acusadoras.

11. Você tem �ma �eroína da �ida �eal? Minha mãe e minha avó!
12. Se �ocê �ão �osse �ocê, quem gostaria de �er? Oprah!
13. Qual �oi o �ivro que �arcou �ua �ida? Ninguém é uma Ilha, de J. M. Simmel.
14. O paraíso �... Amar e ter a certeza de que também é amado.
15. O �nferno �... A solidão, o desencontro...
16. Minha �amília �... TUDO!
17. Me �into �ma �upermãe quando... Maelle me enche de beijos e abraços apertados.
18. O que �u �ais aprendi com os �eus pais...A ser honesta, dedicada e amorosa.
FOTO DIVULGAÇÃO | ILUSTRAÇÃO GETTYIMAGES
PAIS&FILHOS | MAIO 2019

19. O que quero deixar pra �inha �ilha... O ensinamento de que nada é impossível.
Que com respeito e honestidade o mundo pode ser muito melhor. E a certeza de que ela sempre foi MUITO amada.

20. Onde quero �star daqui a 10 anos... Com minha família na casa dos nossos sonhos,
trabalhando muito como atriz e criadora de conteúdo, falando para mais e mais pessoas sobre a realidade e força que
as mulheres e mães têm, mesmo com seus desafios e fraquezas.
82
2
Ép
doa ossíve
ro l
tod ano
o!

41 2108-3886 41 99962-4461

Você também pode gostar