Você está na página 1de 77

Emissão BSP

!"#$%&'%$(")'%%
VERIFICAR BILHETES EMITIDOS EM DATA ESPECIFICA
+,-./0% DQB*19JAN10

Índice ............................................................................................................................ 2
MÓDULO I – INTRODUÇÃO À EMISSÃO BSP ..................................................... 4
Visão Geral - Bilhete Eletrônico .................................................................................. 5
Lista de Cias Liberadas para Emissão no PCC............................................................. 6
Política da Cia. Aérea ................................................................................................... 7
FOID (Form of Identification)...................................................................................... 8
Qualificadores de Emissão ........................................................................................... 8
Utilizando os qualificadores de emissão ...................................................................... 8
Comparação entre as Fases de Emissão........................................................................ 8
Procedimento para Designar as Impressoras ................................................................ 8
Comando de Emissão ................................................................................................... 8
Emissão na fase 3.0 utilizando o PQ (Price Quote)...................................................... 8
Emissão na fase 3.5 utilizando o PQ (Price Quote)...................................................... 8
Emissão na fase 3.75 utilizando o PQ (Price Quote).................................................... 8
Emissão de múltiplos passageiros com registro PQ ..................................................... 8
Visualizar Registro de Bilhetes Emitidos ..................................................................... 8
Recibo do Bilhete Eletrônico no Corpo do E-mail....................................................... 8
Simultaneous Changes.................................................................................................. 8
Bilhetar a Reserva......................................................................................................... 8
Cancelar Bilhetes.......................................................................................................... 8
Relatório de bilhetes cancelados................................................................................... 8
Inserir Manualmente Linhas Contábeis........................................................................ 8
Relatório de movimento diário ..................................................................................... 8
Relatório de Bilhetes Não-Utilizados ........................................................................... 8
Imprimir Itinerário e Fatura – DWLIST....................................................................... 8
Exercícios ..................................................................................................................... 8
MÓDULO II – FORMAS DE PAGAMENTO ............................................................ 8
Comparação entre as Formas de Pagamento ................................................................ 8
Obtendo o código de aprovação do Cartão de Crédito................................................. 8
Cartão de crédito à vista ............................................................................................... 8
Sem juros e sem entrada ............................................................................................... 8
Sem juros e sem entrada (múltiplos passageiros) ......................................................... 8
Sem juros e sem entrada (vários tipos de passageiros)................................................. 8
Com juros e sem entrada .............................................................................................. 8
Com juros e sem entrada (múltiplos passageiros) ........................................................ 8
Sem juros e com entrada no cartão ............................................................................... 8
Sem juros, com entrada no cartão (múltiplos passageiros)........................................... 8
Com juros e com entrada no cartão .............................................................................. 8
Com juros e entrada no cartão (múltiplos passageiros) ................................................ 8
Duas Formas de Pagamento: Cash + Cartão à Vista .................................................... 8
Duas Formas de Pagamento: Cash + Cartão Parcelado................................................ 8

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 *%


Cash + Cartão Parcelado sem juros e sem entrada ....................................................... 8
Cash + Cartão Parcelado sem juros e sem entrada (múltiplos passageiros) ................. 8
Cash + Cartão Parcelado com juros e sem entrada....................................................... 8
Cash + Cartão Parcelado sem juros e com entrada no cartão ....................................... 8
Cash + Cartão Parcelado com juros e com entrada no cartão....................................... 8
MÓDULO III - FASE 4.0 ............................................................................................ 8
Fase 4.0......................................................................................................................... 8
Criar máscara em branco .............................................................................................. 8
Criar máscara pré-preenchida....................................................................................... 8
Acessar a máscara......................................................................................................... 8
Preenchendo as telas da máscara ................................ Error! Bookmark not defined.
Visualizar o registro da Fase 4.0 .................................................................................. 8
Apagar os registros de Fase 4.0 .................................................................................... 8
Exercícios ..................................................................................................................... 8
MÓDULO I – Introdução à Emissão – Referência Rápida .......................................... 8
MÓDULO II – Forma de Pagamento – Referência Rápida.......................................... 8
MÓDULO III – Fase 4.0 – Referência Rápida............................................................. 8
Anexo – Política de Garantia de Tarifas....................................................................... 8

2-.345%678%9:;<35%*88=>%%

© 2009, Sabre Inc. Todos os direitos reservados.

Este documento é confidencial e de propriedade intelectual do Sabre Inc. Fica


estritamente proibido qualquer uso não-autorizado, reprodução, preparação
de trabalhos derivados, desempenho ou exibição deste documento ou
software, representado por este documento, sem a permissão expressa e
escrita do Sabre.

Sabre, o design do logotipo do Sabre, Direct Connect são marcas registradas


e/ou marcas de serviço de uma afiliada do Sabre Inc. Todas as outras marcas
registradas, marcas de serviço e nomes de marcas são propriedades de suas
respectivas empresas.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 1%


:@&"('%#%A%#)BC'&"DE'%F%2:#GGE'%HGI%

Neste módulo você aprenderá :


• Verificar Política da Cia. Aérea para emissão de bilhetes;
• Inserir identificação do passageiro na reserva;
• Utilizar os qualificadores para emissão;
• Comparar fases de emissão;
• Designar as impressoras;
• Emitir bilhetes domésticos e internacionais;
• Criar registro PQ (Price Quote) para emissão;
• Visualizar detalhes do registro de emissão;
• Analisar o campo de emissão de uma reserva;
• Cancelar bilhetes;
• Consultar histórico de bilhetes;
• Exibir o relatório de movimento diário;
• Exibir relatório de bilhetes Não utilizados;
• Imprimir itinerário e fatura.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 ?%


K.L45%!0<;M%N%H.MO0P0%2M0P<Q,./5%

O E-ticket, conhecido como “Ticketless Travel” é o tipo de bilhete aéreo que não
necessita da impressão de bilhetes físicos.
O Bilhete Eletrônico elimina a distribuição e processamento de documentos
contábeis ou a validação de cupons pela Agência de Turismo.
Para emitir um bilhete eletrônico, algumas condições deverão ser respeitadas. O
Bilhete Eletrônico interativo estabelecerá a comunicação com as cias aéreas que são
‘Direct Connect’. Isto permitirá que a cia. aérea e a agência mantenham uma cópia
eletrônica das informações do cupom de vôo. O cupom do agente deverá ser
impresso para fins contábeis.
O recibo do passageiro é o documento oficial que deverá ser impresso no ato da
emissão. Os Bilhetes Eletrônicos interativos serão emitidos dentro dos padrões
exigidos pelo BSP.

(.LP;%-0%R.;L%$S<0;L%I;<P./.T;,P0L%

O formato para exibir a lista de cias aéreas participantes do E-ticket no sistema Sabre
é: WETPL

WETPL«
INTERACTIVE ELECTRONIC TICKETING PARTICIPANTS
AA AB AC AF AH
AI AM AP AR AS
AT AV AY AZ A0
A3 A7 BA BD BE
BI BP BR BV BW
B2 CA CB CE CF
CI CM CO CX CY
CZ C9 DE DI-U DJ
DL DO EI EK EL
ET EY E8-U FB FI
FJ FM FT FV F7
F9 GA GF GJ HA
HM HR HU H2 IB
IC IE IG IR IT
IY IZ I5 I9 JJ
JK JL JM JP JU-B
JV J2 KA KC KD
KE KL KM KQ KS
B-BETA TEST U-TEMPORARILY UNAVAILABLE

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 J%


(.LP;%-0%R.;L%(.V0<;-;L%T;<;%2W.LL45%,5%IRR%

Você poderá verificar quais cias. aéreas estão liberadas para emissão de Bilhetes
Eletrônicos na sua agência, para isto, utilize W/TA*Pcc
W/TA*SX62«
ID RECORD
PCC- SX62
NAME- SABRE TREINAMENTO
ADDR-
CTY/STA- SAO PAULO, BR
ZIP- 70322900
PHONE- 551131461500 DISPLAY OK
COUNTRY - BR/BRAZIL
FLIGHT FINDER - ON
DIRECT ACCESS PRICING - ON

MD/CARR«
CARRIERS- ‡
AA AC AF AM AR AV AZ BA CA CM CO DL FF IB JH JJ JL KL LA LB
LH LR LX MX PL P5 QF RG SA SK SL TP TR UA UX VA VP 5L

ETR CARRIERS -
AA AC AF AM AR AV AZ BA CA CM CO DL IB JJ JL KL LA LH LR LX
MX P5 QF RG SA SK TP UA UX 5L

K0<.X./;<%5%2LP5YZ0%-0%H.MO0P0L%

Para verificar o estoque de e-tickets cadastrados automaticamente em seu Pcc, utilize


o formato: DN*PTR
Exemplo de resposta do Sabre:

STOCK/
NEXT ETR TICKET NUMBER 5999499375

CAMPO DESCRIÇÃO

NEXT ETR TICKET NUMBER Número do próximo bilhete eletrônico que será emitido
(estoque carregado automaticamente pelo BSP)

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 U%


I5M\P./;%-;%R.;7%$S<0;%

As companhias aéreas podem cadastrar diferentes configurações para emissão de


bilhetes eletrônicos. A política de cada uma delas pode ser visualizada com o
comando: WETP*(código da cia aérea). Exemplo:

WETP*AA«

ELECTRONIC TICKETING ASSOCIATE PROFILE

AIRLINE - AA - AMERICAN AIRLINES


PARTICIPATION LEVEL - INTERACTIVE
STATUS - ACTIVE
MAX COUPONS PER ETR - 16
NAME CHANGE ALLOWED - NO
NAME SELECT RESTRICTIONS - NONE
AUTOMATIC ELEC TKTG - BY COUNTRY
OPEN SEGMENTS ALLOWED - YES
BULK FARE TICKETING - YES
CHECK /N ETR INDICATOR - YES
CHECK /E ETR INDICATOR - NO
NET TICKETING - YES BSP ONLY
EXCHANGE PAPER FOR ETR - YES
ETR REVALIDATION ALLOWED - NO
RFND/EXCH AUTHORIZATION - YES ARC ONLY
INFANT ET ALLOWED W/ADULT - NO
SSR FOID REQUIRED - NO
FLT CPN PRINT ALLOWED - NO ARC ONLY
EXTENDED ET SEARCH - NO
OA FQTV SENT IF IN PNR - NO
RESTRICT PASSIVE SEGMENTS - NO
RESTRICT INTERLINE PASSIVES - NO - FOR INFINI ONLY
CANCEL REFUND/VOID EXCH - YES - FOR SABRE ONLY
PERMITTED ET INTERLINE CARRIERS
* DENOTES BETA
‡ DENOTES AA IS NOT REQUIRED IN INTERLINE ITINERARY
Y DENOTES SSR TKNE MESSAGE SENT
N DENOTES SSR TKNE MESSAGE NOT SENT
R DENOTES INTERLINE REVALIDATION SUPPORTED
AM-Y AQ-Y AS-Y AX-Y ‡ AY-Y BA-Y
CM-Y CO-Y CX-Y DL-Y EG-Y EI-Y
EK-Y HA-Y HP-Y IB-Y JL-Y JO-Y
KE-Y KL-Y LA-Y LP-Y MX-Y NH-Y
NW-Y OW-Y ‡ PR-Y QF-Y SN-Y TZ-Y
UA-Y US-Y XL-Y YX-Y 4M-Y 7H-Y
POINT OF SALE COUNTRY * DENOTES BETA
AE AG AN AR AS AU AW BB BE BH BM BO
BR BS BZ CA CH CL CO CR CZ DE DK DM
DO EC EG ES FI FR GD GR GT GY HK HN
HT HU ID IE IL IN IT JM JP J1 KN KR
KW KY LB LC LU MS MX MY NI NL NO NZ
OM PA PE PH PL PY QA SE SG SV TC TH
TT TW UK US UY VC VE VG

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 [%


R;WT5% &0L/<.345%
AIRLINE Nome da cia. aérea.

PARTICIPATION LEVEL INTERACTIVE - A resposta ao formato será


imediata.

STATUS ACTIVE – Indica que a cia. aérea está com a


emissão de bilhete eletrônico ativa.

MAX COUPONS PER ETR 16 - Número máximo de cupons de vôos


autorizados pela cia. aérea.

NAME CHANGE ALLOWED NO – Se a cia. aérea autoriza modificações de


nomes de passageiros.

NAME SELECT RESTRICTIONS NONE – Se a cia. aérea restringe a seleção de


item nominal na emissão do bilhete eletrônico.

AUTOMATIC ELEC TKTG BY COUNTRY – Se a emissão de bilhete eletrônico


for padrão. By COUNTRY devido alguns países não
permitirem a emissão de bilhete eletrônico.

OPEN SEGMENTS ALLOWED Se a cia. aérea permite a emissão de bilhetes


eletrônicos em aberto. Será necessário informar o
código da companhia e a classe de reserva.

BULK FARE TICKETING Se a cia. aérea permite a utilização da tarifa Bulk


Fare (tarifa não comercializada no Brasil).

CHECK /N ETR INDICATOR Se a c cia. aérea indica com o /N ao final do


segmento vendido a restrição quanto emissão de
bilhete eletrônico.

CHECK /E ETR INDICATOR Se a cia. aérea indica com o /E ao final do


segmento vendido a autorização da emissão de
bilhete eletrônico.

NET TICKETING Se a cia. aérea aceita emissão de tarifas NET.

EXCHANGE PAPER FOR ETR Se a cia. aérea permite a reemissão de bilhete


físico para bilhete eletrônico.

ETR REVALIDATION ALLOWED Se a cia. aérea aceita a revalidação do bilhete


eletrônico.

RFND/EXCH AUTHORIZATION Informação válida para o Mercado Americano.

INFANT ET ALLOWED W/ADULT Se o bilhete de adulto e do infant podem ser


emitidos em um único comando.

SSR FOID REQUIRED Se a cia. aérea solicita a informação do FOID no

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 ]%


PNR antes de emitir o bilhete eletrônico.

FLT COUPON PRINT ALLOWED Informação válida para o Mercado Americano.

EXTENDED ET SEARCH Se é possível efetuar busca do bilhete eletrônico.

OA FQTV SENT IF IN PNR Se a cia. aérea aceitará o cartão de Passageiro


Frequente válido de outra cia. aérea.

RESTRICT PASSIVE SEGMENTS A cia. aérea retringe a emissão de bilhetes


eletrônicos para segmentos passivos.

RESTRICT INTERLINE PASSIVES Se a companhia aérea restringe a emissão de


segmentos passivos interline.

CANCEL REFUND/VOID EXCH Se a cia. aérea permite o cancelamento ou


reembolso do bilhete eletrônico, ou cancelamento
de reemissões efetuadas no mesmo dia.

ET INTERLINE Se a cia. aérea aceita emissão de bilhete eletrônico


com interline (ou seja, a emissão de bilhetes com
outra cia. aérea no bilhete eletrônico).

Abaixo estão listadas as cias. aéreas aceitas como


interline.

POINT OF SALE COUNTRY Quais países estão autorizados a efetuar as


* DENOTE BETA emissões da cia. aérea.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 =%


^'#&%9^5<W%5X%#-0,P.X./;P.5,>%

O FOID representa o tipo de identificação que será verificada pela cia. aérea para
reconhecimento do passageiro e entrega do Bilhete Eletrônico no momento do
Check-in.
Algumas cias. aéreas exigem a inserção do campo FOID no PNR antes da emissão
do bilhete eletrônico, para que este seja processado.
Para verificar quais são as cias. que exigem a identificação do passageiro, consulte a
política de cada empresa aérea com o comando WETP*(cód. cia), ou acesse a
referência:
F*HLP/FOID
Em seguida escolha:
F*1 – Para Listar as cias. aéreas que exigem FOID e quais as formas aceitas por cada
uma;
F*2 – Verificar tipos de documentos aceitos como FOID.

Exemplos de FOID aceitos pela cia aérea:


• CC - Cartão de Crédito;
• FF – Cartão do passageiro frequente;
• PP – Passaporte;
• DL – Carteira de Habilitação;
• NI – Documento com fotografia;
• CN – Localizador da cia. aérea;
• TN – Número do bilhete;
• ID – Documento de Identidade;

Obs: referência Format Finder: tktfo850

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 68%


Inserir FOID ^'#&% ^5<W;P5%
na reserva
CC - Cartão de Crédito 3FOID/CCAX372042332191008 – 2.1

3FOID/CC(bandeira e número do cartão


de credito) – (ítem nominal do
passageiro)

FF-Cartão do Passageiro Frequente 3FOID/FF12345678

3FOID/FF(número do cartão do
passageiro frequente)

PP - Passaporte 3FOID/PPBR1234567A-12

3FOID/PP(código do país)(Número do
passaporte)

DL - Carteira de Habilitação 3FOID/DL017852369

3FOID/DL(número da carteira de
habilitação.

NI - Documento com fotografia 3FOID/NI123456789012-1.1

3FOID/NI(número do documento com


foto)-(ítem nominal do passageiro)

ID - Documento de Identidade 3FOID/ID345678

3FOID/ID(número do documento de
identidade)

TN - Número do bilhete 3FOID/TN0014568795235

3FOID/TN(número do bilhete)

CN - Localizador da cia. aérea 3FOID/CNZ1E2F5

3FOID/CN(localizador da companhia)

Obs.: Quando existir mais de 1 passageiro no PNR, será necessário informar o FOID
para cada passageiro. Acima, alguns exemplos estão com o ítem nominal do
passageiro especificado.

Caso necessário apagar a identificação inserida na reserva, use:

^5<W;P5% $345%

*P3 Visualizar o campo OSI/SSR

3 (número da linha) ¤ Apaga a linha selecionada de OSI/SSR

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 66%


_Z;M.X./;-5<0L%-0%2W.LL45%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

A tabela abaixo contém os qualificadores utilizados nos formatos para emissão de


bilhetes. Observe que apenas alguns deles são obrigatórios:

R`-.a5% "L;-5%T;<;% R;<;/P0<0L%Wbc.W5L%

A Cia. Aérea Validadora (1) 02

AC* Account Code (código de acordo 10


corporativo)

BA* Franquia de Bagagem (2) 03

ED Endossos e Restrições 58

EO/ Endossos e Restrições. (Anula a 58


programação feita pela cia. aérea para
endossos e restrições)

F Forma de Pagamento (1)

I Corporate ID (código de acordo 03 caracteres alfanuméricos


corporativo) e

02 caracteres numéricos

KP Comissão (3) 02

N Selecionador de Nomes

NET/BRL valor Net Remittance (imprimir o valor neto no


campo remittance área do bilhete,
quando aplicável)

P Tipo de Passageiro

PQ Price Quote Record ( utilização da tatifa 03


arquivada)

Q Base Tarifária/Desconto

S Selecionador de Segmentos

T Utilizar Máscara Fase 4.0 na emissão

TE Isenção de taxas

TX Taxa de Embarque e/ou Impostos

UN* Código de Excursão/ Incentivo (Tour 14


Code)

UI* Código de Excursão (para operadoras) 14

V Validade do Cupom de Embarque (não 10


válido antes/ não válido após)

DPB Imprimir comprovantes do e-ticket ,como


por exemplo: Coupon Agente, Recibo do
passageiro ,Itinerário e Fatura(3)
(1) Elementos obrigatórios para emissão de bilhetes .
(2) Elemento não obrigatório quando utilizado o PQ (Price Quote).
(3) Elemento não obrigatório. Importante inserir para gerar relatórios.
Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 6*%
"P.M.d;,-5%5L%YZ;M.X./;-5<0L%-0%0W.LL45%

A seguir temos alguns exemplos do uso dos qualificadores de emissão:

A Companhia Aérea de Validação


ARG Cia aérea Varig

AC* Account Code


AC*COCACOLABR Código de acordo para Coca-Cola

BA* Franquia de Bagagem


BA*02P Conceito de peças
BA*23K Conceito de quilos
BA*NIL Sem direito a franquia de bagagem - infant
BA1*23K ‡ BA2*02P Combinando segmentos e franquias diferentes

ED Endossos e Restrições
EDNON ENDORSABLE - 1USD/1.9070BRL

EO/ Endossos e restrições


EO/ NON REFUNDABLE - 1USD/1.9070BRL
Obs.: Este formato anula a informação automática de endosso estipulada pela cia.
aérea e consequentemente, a garantia da tarifa.

I Corporate ID
IABC10 Código de desconto corporativo

KP Comissão da Agência
KP9 Comissão de 9%
KPG10 Comissão de 10% no caso de requisição governamental
KPN6 Comissão de 6% para operadoras sobre tarifas “net-net”,
utilizado em conjunto com NET/BRL valor

N Selecionador de Nomes
N1/2.1 Todos os nomes do grupo 1 e o 1º do grupo 2
N3.1 Somente o 1º nome do grupo 3

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 61%


NET/BRL valor Net Remittance
NET/BRL122.10 Insere o valor “net-net” (Tarifa Neto) no campo remittance
area, para emissão em operadora

P Tipo de Passageiro
PCNN Indica passageiro criança
PINF Indica passageiro infant
PVAC Vusa Direcional - Adulto

PQ Registro da Cotação de Preço


PQ1 Indica registro do PQ número 1
PQ1-3 Indica registro do PQ número 1 até o número 3
PQ1/3 Indica registro do PQ número 1 e número 3

Q Indicador de Base Tarifária, Designador de Bilhete e Desconto


QHBR sobrepor base tarifária específica - Fase 3.5
Q//DP10 indicar desconto sem sobrepor Base Tarifária ou Designador

S Selecionador de Segmentos
S1-3 Seleciona segmentos 1 ao 3
S1/3 Seleciona segmentos 1 e 3
S1/4-7 Seleciona segmentos 1,4,5,6 e7

Nota Associando os segmentos à base tarifárias difrentes:


S1*QHBR ‡ S2*QMBR

T Utilizar Máscara Fase 4.0 na emissão


T1N1.1 Máscara 1 para o passageiro 1.1
T2N2.1‡T3N2.2 Máscara 2 para o passageiro 2.1 e máscara 3 para passageiro
. 2.2

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 6?%


TE Isensão de Taxas e/ou Impostos
TE Isentar taxas, cobrar somente impostos
TN Isentar taxas e impostos
TX42.52US Cobrar apenas a taxa informada
TX68.65BR/9.53YC Cobrar somente taxas ou impostos específicos

UN* Tour Code (Código da Excursão/ Incentivo)


UN*ABC123 Código informado pela cia.aérea

UI* Tour Code (Código da Excursão)


UI* ABC123 Código informado pela cia. aérea, apenas para operadoras

V Validade do Cupom de Embarque


V1*10SEP31DEC Indica datas “não válido antes/ nem após” do segmento 1
V1*10SEP Indica data "não válido antes" do segmento 1
V2*_ _ _ _ _ 31DEC Indica data "não válido após" do segmento 2/ deixar 5
espaços em branco

DPB Imprimir comprovantes do e-ticket


DPB Imprimi Cupom Agente, Recibo do passageiro, Itinerário e
Fatura

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 6J%


R5WT;<;345%0,P<0%;L%^;L0L%-0%2W.LL45%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

Existem quatro tipos de cálculo de tarifa, também chamados “Fases de Emissão”.


Os cálculos realizados pelo sistema Sabre podem, ou não, conter informações
forçadas pelo agente.
O Sabre possui uma Política de Garantia de Tarifas onde se encontram as regras e
procedimentos, caso sua agência receba alguma nota de débito indevida da
companhia aérea (vide anexo sobre política de garantia de tarifas - página 70).
Garantimos qualquer emissão automática fase 3.0, quando nenhuma informação é
forçada pelo agente emissor.
Veja abaixo as diferenças entre as fases de emissão e quando elas podem ser usadas:

^;L0% &0L/<.345% &.X0<0,3;L%

3.0 Totalmente automática O bilhete é emitido de acordo com a tarifa


calculada pelo Sabre considerando a classe de
reserva.

3.5 Forçar a base tarifária O bilhete é emitido de acordo com as regras da


base tarifária forçada, independente da classe
reservada.

3.75 Forçar a base tarifária e O bilhete é emitido conforme as regras da base


desconto tarifária, forçada ou não, sofrendo um desconto
manual em % ou valor sobre a tarifa.

4.0 Totalmente manual O bilhete é emitido de acordo com a construção


tarifária feita manualmente.

B<;V;MO;,-5%/5W%#WT<0LL5<;L%

Antes de começar a emitir bilhetes, é necessário que as impressoras estejam


assinadas. Para saber qual o número da impressora, insira o formato:

^5<W;P5% 2c0WTM5%

PE* pcc da agência PE*SX62

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 6U%


I<5/0-.W0,P5%T;<;%&0L.a,;<%;L%#WT<0LL5<;L%

O bilhete eletrônico emite e envia os cupons de vôos para as cias. aéreas


automaticamente via sistema Sabre. O cupom do agente será impresso na sua agência
em papel comum; o recibo do passageiro será impresso na impressora designada para
itinerário.
A impressora para itinerário deverá ser designada para imprimir o recibo de
passageiro. A impressora de hardcopy deverá ser designada para imprimir o cupom
do agente.

I;LL5% &0L/<.345% ^5<W;P5%

1 Designar impressora para W*BR


bilhete eletrônico

2 Designar impressora de PTR/ (número impressora de papel)


hardcopy (Papel) PTR/8B4684

3 Designar impressora de DSIV (número impressora de papel)


itinerário (Papel)

Se desejar, após o bilhete emitido você poderá desativar as funções da impressora.

Desativar impressora de bilhete W*NO

Desativar impressora de hardcopy PTR/END


(papel)

Desativar impressora de itinerário DSNO


(papel)

K0<.X./;<%GP;PZL%-;%#WT<0LL5<;%-0%I;T0M%

Algumas vezes será necessário verificar o status da impressora para então identificar
alguma falha no envio de mensagens e assim destravá-la. É possível deixar a
impressora em pausa, liberar documentos “presos” ou ainda cancelar um ou todos os
trabalhos executados.

^5<W;P5% 2c0WTM5% $345%

Verifica quantas mensagens


RL/ número da impressora
RL/18C80ASTATUS estão pendentes para serem
STATUS
impressas

Libera as mensagens para


RL/ número da impressora RL/18C80A
serem impressas

Coloca a impressora em
RL/ número da impressora HOLD RL/18C80AHOLD
módulo de espera

Cancela todas as mensagens


RL/ número da impressora CLEAR RL/18C80ACLEAR
pendentes de impressão

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 6[%


R5W;,-5%-0%2W.LL45%%%

O comando básico de emissão consiste em utilizar os qualificadores aplicáveis


separados pelo símbolo Cruz de Lorena (‡).

^5<W;P5%T;<;%0W.LL45%L0W%I_%

W ‡ A(cia aérea) ‡ qualificador ‡ qualificador ...


Observações:
•O comando não exige sequência obrigatória;
•Não é permitido espaços em branco a não ser em qualificadores que
permitam texto livre como por exemplo o campo endosso;
• Caso inseridos muitos qualificadores, termine o formato normalmente
utilizando mais de uma linha da sua tela.
Exemplos de emissão:

W‡ARG‡BA*23K‡FCASH
Emissão utilizando qualificadores obrigatórios.

W‡AAA‡BA*02P‡FCASH‡KP9‡UN*ABC123 ‡PCNN‡S1/4‡N1.1‡DPB
Emissão utilizando qualificadores obrigatórios e opcionais.

^5<W;P5%T;<;%0W.LL45%/5W%I_%

W ‡ PQ(número do registro) ‡ qualificador ‡ qualificador‡ .....


Observações:
•As informações inseridas no registro PQ não serão necessárias no momento
da emissão;
• Não exige sequência obrigatória depois de inserido o PQ;
• Não é obrigatória a informação sobre a franquia de bagagem;
• Não são permitidos espaços em branco a não ser em qualificadores que
permitam texto livre;
• Caso inseridos muitos qualificadores, termine o formato normalmente
utilizando mais de uma linha da sua tela;
• Para visualizar o registro PQ gravado no PNR, utiliza-se o comando *PQ
Exemplos de emissão:

W‡PQ1‡ARG‡FCASH
(Emissão utilizando qualificadores obrigatórios)

W‡PQ2‡AAC‡FCASH‡KP9‡EDNONENDORSABLE‡UN*NS‡DPB
(Emissão utilizando qualificadores obrigatórios e opcionais)

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 6]%


2W.LL45%,;%X;L0%178%ZP.M.d;,-5%5%I_%9I<./0%_Z5P0>%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

A fase 3.0 consiste em uma emissão totalmente automática sem a necessidade de


forçar uma base tarifária ou um desconto.
1º Passo - Digitar o comando WP para tarifar o itinerário.
WP
BASE FARE EQUIV AMT TAXES TOTAL
1- USD3540.00 BRL9558.00 230.65XT BRL9788.65ADT
XT 97.00BR 13.50YC 18.90XY 8.37XA
6.75AY 73.98US 12.15XF
3540.00 9558.00 230.65 9788.65TTL
ADT-01 YWBR YXBR
SAO AA MIA Q6.00 1814.00YWBR AA SAO Q6.00 1714.00YXBR NUC
3540.00END ROE1.00 SITI XFMIA4.5

2º Passo - Digitar o comando PQ para registrar a tarifa no PNR.


PQ

FARE NOT GUARANTEED UNTIL TICKETED


PQ 1

BASE FARE EQUIV AMT TAXES TOTAL


USD3540.00 BRL9558.00 230.65XT BRL9788.65ADT
XT 97.00BR 13.50YC 18.90XY 8.37XA
6.75AY 73.98US 12.15XF
ADT-01 YWBR YXBR
SAO AA MIA Q6.00 1814.00YWBR AA SAO Q6.00 1714.00YXBR NUC
3540.00END ROE1.00 SITI XFMIA4.5
01 O GRU AA 930Y 05MAR 1115A YWBR 02P
02 O MIA AA 907Y 20MAR 830P YXBR 02P
GRU

VALIDATING CARRIER-AA
SX62 SX62 *AAD 0821/28DEC PRICE-SYS

3º Passo - Efetuar o comando de emissão utilizando o registro PQ gravado.


W‡PQ1‡AAA‡FCASH‡KP7‡UN*NS‡DPB
OK 9788.65
US INS INSPECTION AND CUSTOMS FEES INCLUDED
ETR MESSAGE PROCESSED
OK 6.6
CTP EDITS IN PROGRESS....PLEASE WAIT....
OK 0826 FABYGA
INVOICED - NUMBER 0038456
REQUEST PRINTING - 1 INVOICE
Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 6=%
Exemplo 2: Calcular a tarifa com qualificadores de emissão e registrar no PQ
(Price Quote) para emissão

WPARG‡KP9‡FCASH‡DPB«

BASE FARE TAXES TOTAL


1- BRL702.00 19.62BR BRL721.62ADT
702.00 19.62 721.62TTL
ADT-01 Y
SAO RG CWB702.00Y 702.00 END

PQ«

PRICE QUOTE RECORD RETAINED


FARE NOT GUARANTEED UNTIL TICKETED

PQ 1 ARG‡KP9‡FCASH‡DPB

BASE FARE TAXES TOTAL


BRL702.00 19.62BR BRL721.62ADT
ADT-01 Y
SAO RG CWB702.00Y 702.00 END
01 O CGH RG 2700Y 03AUG 636A Y 23K
CWB
COMM PCT 9
VALIDATING CARRIER-RG
SX62 SX62 *AES 1128/03APR PRICE-SYS

Assine e feche a reserva normalmente. Faça o comando de emissão utilizando o


registro PQ1. Não há necessidade de informar novamente os qualificadores
obrigatórios e opcionais, pois estes já foram registrados no PQ1.

W‡PQ1«
OK 721.62
ETR MESSAGE PROCESSED
OK 6.6
CTP EDITS IN PROGRESS....PLEASE WAIT....
OK 0846 FBBYDA
INVOICED - NUMBER 0039406
REQUEST PRINTING - 1 INVOICE

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 *8%


2W.LL45%,;%X;L0%17J%ZP.M.d;,-5%5%I_%9I<./0%_Z5P0>%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

A fase 3.5 consiste em uma emissão não automática, ou seja, você terá que forçar a
base tarifária. É recomendável ter a autorização da cia. aérea para emissão na fase
3.5, já que este tipo de emissão não é garantido pela Política de Garantia de Tarifas
Sabre.

Exemplo: Forçar a base tarifária WBR e registrar no PQ (Price Quote) para


emissão.
WPQWBR«

BASE FARE TAXES TOTAL


1- BRL539.00 8.25BR BRL547.25ADT
539.00 8.25 547.25TTL
ADT-01 WBR
SAO RG SSA539.00WBR 539.00 END
NAO ENDOSSAVEL/TAXA ALTERACAO CTC VARIG

PQ«

PRICE QUOTE RECORD RETAINED

FARE NOT GUARANTEED UNTIL TICKETED

PQ 1 QWBR

BASE FARE TAXES TOTAL


BRL539.00 8.25BR BRL547.25ADT
ADT-01 WBR
SAO RG SSA539.00WBR 539.00 END
NAO ENDOSSAVEL/TAXA ALTERACAO CTC VARIG
01 O GRU RG 8919W 15MAR 1000A WBR 15MAR15MAR23K
SSA

VALIDATING CARRIER-RG
SX62 SX62 *AAD 1307/27DEC PRICE-SYS

Observações Você pode fazer combinações para calcular segmentos específicos e bases tarifárias
diferentes. Exemplo: WPS1*QYCGH‡S2*QLBR
Ou ainda poderá acrescentar ao seu comando de cálculo WP qualquer qualificador de
emissão e já registrá-los no PQ (Price Quote).
Assine e feche a reserva e faça o comando de emissão:

W‡PQ1‡ARG‡FCASH‡KP7‡UN*NS«
OK 547.25
ETR MESSAGE PROCESSED
OK 6.6

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 *6%


2W.LL45%,;%X;L0%17[J%ZP.M.d;,-5%5%I_%9I<./0%_Z5P0>%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

A fase 3.75 consiste em uma emissão não automática, ou seja, você terá que forçar
uma base tarifária e um desconto que poderá ser em porcentagem ou valor.
Se o desconto for em porcentagem, use o qualificador DP e o valor do desconto. Se o
desconto for em valor, use o qualificador DA seguido do valor do desconto.

Exemplo: Calcular Tarifa com 20% de desconto.

WPQ//DP20«

BASE FARE TAXES TOTAL


1- BRL743.20 19.62BR BRL762.82ADT
743.20 19.62 762.82TTL
ADT-01 YTAM
SAO JJ SSA743.20YTAM 743.20 END
NONEND/PENALTY APPLIES
MANUAL DISCOUNT APPLIED/VERIFY ALL RULES

PQ«

PRICE QUOTE RECORD RETAINED

FARE NOT GUARANTEED UNTIL TICKETED

PQ 1 Q//DP20

BASE FARE TAXES TOTAL


BRL743.20 19.62BR BRL762.82ADT
ADT-01 YTAM
SAO JJ SSA743.20YTAM 743.20 END
MANUAL DISCOUNT APPLIED/VERIFY ALL RULES
NONEND/PENALTY APPLIES
01 O GRU JJ 3236K 28JUL 330A YTAM 28JUL28JUL23K
SSA
VALIDATING CARRIER-JJ
SX62 SX62 *AES 1140/03APR PRICE-SYS

W‡PQ1‡AJJ‡FCASH‡KP7«
OK 762.82
MANUAL DISCOUNT APPLIED/VERIFY ALL RULES
ETR MESSAGE PROCESSED
OK 6.6

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 **%


2W.LL45%-0%WeMP.TM5L%T;LL;a0.<5L%/5W%<0a.LP<5%I_%

Em um PNR contendo mais de um passageiro é possível emitir bilhetes


individualmente sem a necessidade de dividir a reserva. Nestes casos, selecione o
número do registro PQ com o ítem nominal do passageiro que deseja emitir. O ítem
nominal deverá estar logo após o registro PQ (ex.: PQ1N1.1).

$345% ^5<W;P5%

Emitir apenas passageiro 1.1 W‡PQ1N1.1‡AAA‡FCASH‡KP7‡UN*NS

Emitir passageiros 1.1 e 2.1 com o W‡PQ1N1.1/2.1‡AAA‡FCASH‡KP7‡UN*NS


registro PQ1

Emitir passageiro 1.1 com o W‡PQ1N1.1‡PQ2N2.1‡AAA‡FCASH‡KP7‡UN*NS


registro PQ1 e emitir o passageiro
2.1 com o registro PQ2

GGC%:;,-;P`<.5%T;<;%2W.LL45%-0%2NPfP%T;<;%5%#)^B%%

De acordo com novos padrões da IATA, quando houver um bebê na reserva, a data
de nascimento ou a idade desse deverá ser incluída no PNR. Para atender a esta
exigência, foi criado novo código SSR (INFT).
Caso não conste a informação do bebê no campo SSR, o agente não consiguirá
efetuar a emissão eletrônica desse tipo de passageiro.

Exemplo de entradas:

3INFT/COSTA/LUCAS/06-2.1 Todos os segmentos, infant de 06 meses


associado ao item nominal 2.1

3INFT/ANDRADE/DAIANE/02MAR07-1.1 Todos os segmentos, data de nascimento


do Infant, associado ao item nominal 1.1

Observações: O nome inserido no campo SSR (INFT) deve ser exatamente igual ao
informado no ítem nominal, inclusive o título. (MISS/MSTR).
O SSR INFT deverá ser associado ao ítem nominal do adulto.
Só é possível solicitar a emissão do bilhete do bebê no mesmo comando de emissão
do adulto.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 *1%


K.LZ;M.d;<%C0a.LP<5%-0%H.MO0P0L%2W.P.-5L%

Após a emissão do bilhete eletrônico, o Sabre atualizará o PNR, adicionando os


dados de emissão.
O agente poderá exibir o registro do bilhete eletrônico armazenado na base de dados
da cia. aérea.

^5<W;P5% 2c0WTM5% $345%

*T *T Visualiza todos os registros


WETR* (nº da linha) WETR*2 Visualiza o registro da linha 2

WETR*T (nº do WETR*T001101646480004 Visualiza o registro pelo


bilhete número do bilhete eletrônico

WETR* WETR* Reexibir o último bilhete


eletrônico exibido na sua área
de trabalho

Exemplo:
*T«
TKT/TIME LIMIT
1.T-29JAN-SX62*SLF
2.TE 0011646480005-BR FUJIS/E SX62*SLF 0744/29JAN*
1 2 3 4 5 6 7

#P0W% &0L/<.345%

1 O registro de bilhetes está no item 2

2 Identificador de bilhete eletrônico – TE

3 Número do bilhete eletrônico

4 Identificador do estoque do bilhete – código do país

5 Sobrenome/nome do passageiro

6 PCC da agência/ assinatura do agente emissor

7 Local local e data da emissão

Exemplo do registro de bilhete utilizando o número da linha no campo *T :

WETR*2«
ELECTRONIC TICKET RECORD
INV: CUST: PNR:GYQIXG
TKT:0011646480004 ISSUED:28JAN02 PCC:SX62 IATA:57508076
NAME:FUJISAWA/MONICAMRS
FOP: CASH
CPN A/L FLT CLS DATE BRDOFF TIME ST F/B STAT

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 *?%


1 AA 906 Y 01SEP GRUMIA 2130 OK YX OPEN

FARE USD1323.00 TAX 84.00BR TAX 12.00YC TAX 53.52XT


TOTAL BRL3324.72
EQUIV FARE PD BRL3175.20
SAO AA MIA Q5.00 1318.00NUC1323.00END ROE1.00XT14.40XY7.44XA 31.68US

Exemplo do registro de bilhete utilizando o número do e-ticket:

WETR*T0011646480004«
ELECTRONIC TICKET RECORD
INV: CUST: PNR:GYQIXG
TKT:0011646480004 ISSUED:28JAN02 PCC:SX62 IATA:57508076
NAME:FUJISAWA/MONICAMRS
FOP: CASH
CPN A/L FLT CLS DATE BRDOFF TIME ST F/B STAT
1 AA 906 Y 01SEP GRUMIA 2130 OK YX OPEN

FARE USD1323.00 TAX 84.00BR TAX 12.00YC TAX 53.52XT


TOTAL BRL3324.72
EQUIV FARE PD BRL3175.20
SAO AA MIA Q5.00 1318.00NUC1323.00END ROE1.00XT14.40XY7.44XA 31.68US

Onde:
#P0W% &0L/<.345%
FOP Forma de pagamento
CPN Nº do cupom de vôo
A/L Cia. aérea transportadora
FLT Nº do vôo
DATE Data da viagem
BRDOFF Ponto de embarque / desembarque
TIME Horário do vôo
ST Status da reserva
F/B Base tarifária
STAT Status do cupom de vôo:

USED = Utilizado PTRD = Cupons impresso

OPEN = Não Utilizado EXCH = Reemissão

CKIN = Check - in RFND = Reembolso

VOID = Bilhete cancelado SUSP = Bilhete suspenso (pela


cia aérea)

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 *J%


C0/.V5%-5%H.MO0P0%2M0P<Q,./5%,5%R5<T5%-5%2NW;.M%

O agente de viagens poderá enviar o recebido do bilhete eletrônico no corpo do e-


mail para o passageiro.
Para registrar o e-mail e enviar o recibo do e-tkt no corpo do e-mail, siga os passos:

^5<W;P5% 2c0WTM5% $345%

Registra o e-mail para o único


PE‡ (e-mail) ‡ PE‡carlos.barros@sabre.com‡
passageiro da reserva

PE‡ (e-mail) ‡ - (item Registra o e-mail do


PE‡ (endereço eletrônico)‡- 2.1
nominal) passageiro 2.1

Finaliza a transação e envia e-


EMT‡N1.1 EMT‡N1.1 mail para o único passageiro
da reserva

Finaliza a transação, envia e-


mail para o passageiro 2.1 e
EMT‡N2.1‡A1/3/5 EMT‡N2.1‡A3/4/5
para vários endereços de e-
mail.

Observações:
• Para incluir uma cópia do bilhete eletrônico no corpo do e-mail, você deve
informar o ítem nominal na sua entrada (EMT). Sem isto, será enviado
somente o e-mail de bilhete eletrônico padrão. O e-mail de bilhete eletrônico
padrão contém o atalho para o itinerário no Virtually There.
• Se no PNR tiver vários passageiros, você deve associar os endereços de e-
mail individualmente (PE‡ (endereço eletrônico)‡- 2.1).
• Se houver mais de um passageiro no PNR, você deve selecionar ambos o
nome e o endereço de e-mail para onde deverá ser enviado. Você pode
selecionar um único nome, mas deverá selecionar vários endereços de e-mail.
• O supervisor da agência deverá ativar essa opção uma única vez no perfil da
agência (TJR), para que o recibo do bilhete eletrônico apareça no corpo do e-
mail.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 *U%


G.WZMP;,05ZL%RO;,a0L%

É uma mensagem de advertência do sistema avisando que há uma atualização em


andamento, ou seja, informações simultâneas estão sendo enviadas por endereços
diferentes para um mesmo PNR.

A mensagem ‡SIMULTANEOUS CHANGES TO PNR-USE I OR IR TO IGNORE


AND RETRIEVE PNR‡ (modificações simultâneas no PNR-Use I ou IR para
ignorar e reexibir a reserva) poderá ser enviada pelo sistema após a emissão de um
bilhete, ou modificação de um PNR, impedindo a finalização da transação.

Após a emissão de um bilhete, caso você receba a resposta de Simultaneous


Changes, recomendamos que você verifique o campo de emissão (*T) ou o histórico
da emissão (*HT) do PNR, da seguinte maneira:

*HT«
AT W‡FCASH‡AEK‡KP7‡BA*23K
SYS SYS*WPB 0635/10NOV07

O exemplo acima informa que o número do bilhete emitido não foi transmitido à cia.
aérea e para manter o espaço confirmado, deve-se enviar a informação de bilhete via
OSI, SSR para a mesma, evitando assim o cancelamento da reserva. O formato para
inserir o número do bilhete manualmente veremos no próximo tópico.

Observação: As mensagens SSR e OSI são transmitidas via teletipo. Embora o Sabre
garanta a transmissão da mensagem, não poderá garantir que a mensagem seja
recebida pela cia. aérea ou se (ou como) a cia. aérea tomará alguma ação com relação
à mensagem. Para mais informações, o agente deverá entrar em contato diretamente
com a cia. aérea.

Outra possibilidade no caso de Simultaneous Changes após a emissão seria cancelar


o bilhete e efetuar a emissão novamente. Veremos os formatos para o cancelamento
de bilhetes em outro tópico.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 *[%


H.MO0P;<%;%C0L0<g;%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

Quando um bilhete é emitido via Sabre, seu número é informado automaticamente


para a cia. aérea.

Porém, todas as vezes que emitirmos um bilhete e por qualquer razão não fecharmos
a reserva , o Sabre não enviará a informação para a cia. aérea.

Situações em que não serão gerados os bilhetes automaticamente:

! Em caso de “Simultaneous Changes” ao finalizar a reserva;


! Se o sistema travar após a emissão e você não conseguir sair da reserva;
! Ao emitir o bilhete e se esquecer de finalizar a reserva por um longo tempo;

Para evitar que as cias. aéreas cancelem sua reserva por prazo vencido, você é quem
deverá informar o número do bilhete e/ou entrar em contato diretamente com a cia
aérea para que ela bilhete o PNR.

Cada empresa aérea tem um formato próprio para informação do bilhete, logo,
verifique sempre a referência N*/BILHETAR para obter a entrada correta e
atualizada.

Veja alguns exemplos:

^5<W;P5% 2c0WTM5%

3OSI (cia aérea)TKNO(número do bilhete) 3OSI AC TKNO 01470000707070

3OSI (cia aérea)TKNO(número do bilhete) – 3OSI AC TKNO 01470000707070 - 1.1


(item nominal)

3TKNM/(número do bilhete)-(ítem nominal) 3TKNM/04270001234560 - 1.1

3TKNM(número do segmento)/(número do 3TKNM2/ 04270001234560 - 1.1


bilhete)-(ítem nominal)

3TKNM(número do segmento- número do 3TKNM1-4/ 04270001234560 - 1.1


segmento)/(número do bilhete)-(ítem
nominal)

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 *]%


R;,/0M;<%H.MO0P0L%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

O BSP informa que qualquer cancelamento de bilhete, independente da forma de


pagamento, somente poderá ser processado no mesmo dia da emissão. Após esse
período, será permitido apenas o reembolso.É necessário estar com a reserva do
passageiro presente na tela para enviar a mensagem de cancelamento do bilhete ao
BSP.

I;LL5% $345% 2c0WTM5%

1 Exibir o campo bilhete *T

2 Exibir o registro do bilhete eletrônico para WETR*2


verificação do status do bilhete.(comando
opcional) ou WETR*T0011646480002

3 Cancelar o bilhete WV2

4 Repetir a entrada anterior WV2

Se por algum motivo, o item “TE” não ficar registrado, use as seguintes entradas para
cancelar o bilhete:

I;LL5% $345% 2c0WTM5%

1 Exibir o PNR (mesmo sem o registro) *localizador ou *- sobrenome

2 Exibir o campo bilhete *T

3 Exibir o registro do bilhete eletrônico WETR*T0011646480002

4 Cancelar o bilhete WETRV

5 Repetir a entrada anterior WETRV

Logo após o cancelamento, o Sabre atualizará seu PNR automaticamente inserindo


um novo ítem no campo bilhete com o identificador TV (Void).
*T«
TKT/TIME LIMIT
1.T-29JAN-SX62*ALF
2.TE 0011646480005-BR FUJIS/E SX62*ALF 0744/29JAN*
TV 0011646480005-BR FUJIS/E SX62*ALF 0744/29JAN*
#P0W% &0L/<.345%

TV Identificador de bilhete cancelado, TV = ticket void

0011646480005 Nº do bilhete

-BR Identificador do estoque do bilhete

FUJIS/E Sobrenome / nome do passageiro

SX62*ALF PCC da agência / assinatura do agente

0744/29JAN* Horário / data

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 *=%


C0M;P`<.5%-0%V.MO0P0L%/;,/0M;-5L%

As entradas para exibir o relatório de bilhetes cancelados são:


R5W;,-5 &0L/<.345

WV* Exibe a lista de bilhetes cancelados do mês atual

WV*1 Exibe a lista de bilhetes cancelados do mês anterior

WV*VC001 Exibe a lista de bilhetes cancelados por cia aérea

Exemplo:
WV*«
0571930477743 BASSE/D NSNHZH SX62*ADB 1946/15MAY*E
2201930477742 MEIRA/M JPLIHM SX62*SMI 1716/15MAY*E
0141930477737 CAMPO/A PKCCNU SX62*AMA 1153/14MAY*E
0141930477736 SILVA/A PKCFNU SX62*AMA 1158/14MAY*E
0141930477735 MEDEI/P PKCCNU SX62*AMA 1125/13MAY*E
0571930477734 MEDEI/A DPWTJA SX62*AMA 1059/13MAY*E
0571930477734 SOUZA/J DPWTJA SX62*A19 1042/13MAY*E

$//5Z,P.,a%(.,0L%%

Após o bilhete emitido, observe que o sistema cria automaticamente algumas linhas
contábeis. Esses dados poderão ser transmitidos para qualquer sistema integrado de
contabilização de vendas da agência. Para visualizar, utilize o comando:
*PAC«

ACCOUNTING DATA
1. JJ‡7000600462/424.57/4245.68/207.18/ONE/CA 1.1NEVES
JULIA MRS/1/F
2. JJ‡7000600472/0.00/0.00/0.00/ONE/CA 1.1NEVES
JULIA MRS/1/F-9577000600462/2

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 18%


#,L0<.<%:;,Z;MW0,P0%(.,O;L%R5,PbV0.L

Se for necessário inserir manualmente uma linha contábil na reserva, siga o exemplo:
AC/DL/28282828280/7.00/100.00/8.00/ONE/CK 1.1DOE J/1/D

Onde:

^5<W;P5%% ^Z,345%

AC Formato para criação de linha contábil

/DL Cia. aérea

/28282828280 Número do formulário (com dígito de verificação)

/7.00 Comissão da agência

/100.00 Tarifa

/8.00 Taxa de Embarque

/ONE Indica um passageiro

/CK Forma de pagamento (CA-CASH , CC- CARTÃO)

1.1DOE J Item nominal, sobrenome e primeira letra do nome

/1 Quantidade de documentos

/D D-DOMESTIC, F-FOREIGN, T-TRANSBORDER

$T;a;<%M.,O;L%/5,PbV0.L%

Se for necessário apagar alguma das linhas contábeis da reserva, utilize o formato:

^5<W;P5%% 2c0WTM5%

AC (número da linha) ¤ AC1¤

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 16%


C0M;P`<.5%-0%W5g.W0,P5%-.b<.5%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

Ao final de cada dia, você poderá imprimir um relatório do movimento de emissões


da sua agência. Esse formato ajuda a identificar o total de vendas do dia, assim como
mostrar informações dos passageiros, localizador, número do bilhete, comissão da
agência, assinatura do emissor, etc.
Para ter acesso ao relatório, utilize o formato: DQB*
Você também pode obter o relatório de datas passadas, limitado a 30 dias. Exemplo:

DQB*10JAN«

SX62 10JAN08 TICKETING REPORT SABRE TRAINING

TICKET COMMISSION AGENT TICKET


NUMBER AMOUNT SINE TIME CURR AMOUNT

PNR-EQWWMZ ASSIS/LEILA MRS ETR


9577000146660 A04 1348 CA BRL 1010.00

PNR-EQVXTR SILVA/FLAVIO MR ETR


0017000146656 A07 1344 CC BRL 203.40 V

PNR-EQWGNJ AZEVEDO/HAIDE MRS ETR


0577000146654 40.00 A02 1344 CA BRL 400.00

TOTAL DAILY SALES CASH/CHECK AMT CREDIT AMT


BRL 1,410.00 1,410.00 .00

Onde:

Campo Descrição Exemplo

PNR - Localizador Sabre PNR-EQVXTR

NAME Nome do passageiro ASSIS/LEILA MRS

TICKET NUMBER Número do bilhete 9577000146660

COMISSION AMOUNT Valor da comissão 40.00

AGENT SINE Código da assinatura do emissor A04

TIME Horário local da emissão 1348

CURR Moeda utilizada na emissão BRL

TICKET AMOUNT Valor do bilhete 400.00

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 1*%


C0M;P`<.5%-0%H.MO0P0L%)45N"P.M.d;-5L%

Esse relatório estará disponível 05 dias após a data da última viagem do passageiro,
onde o sistema examina na base de dados da cia aérea o status dos bilhetes
eletrônicos. Por meio desta pesquisa, o sistema Sabre cria um relatório de todos os
bilhetes não utilizados no período.
Caso a agência não acesse o relatório dentro de 30 dias, o sistema Sabre
automaticamente desativa tal função.

&0L/<.345% ^5<W;P5%

Exibe o relatório de bilhetes não utilizados DQB*ETU

Exibe o relatório de bilhetes não utilizados DQB*ETU/BA


por meio de uma cia. aérea específica

Exibe o relatório de bilhetes não utilizados DQB*ETU/P (nº de dias)


por meio de uma data passada. Até 100
dias 1(hoje), 2(ontem), 3 (anteontem)

Exibe o relatório de bilhetes não utilizados DQB*ETU/P (nº de dias)/ (nº DK)
de data passada, por meio do nº DK

Exibe o histórico do relatório de bilhetes DQB*ETU/H


não utilizados

h.LP`<./5%-5%H.MO0P0%2M0P<Q,./5%

O histórico do bilhete eletrônico pode ser exibido de duas maneiras. Esta entrada é
válida apenas para cias. aéreas que dispoem desta facilidade.

^5<W;P5% 2c0WTM5%

WETR*H

WETR*(nº da linha)/H WETR*2/H

Exemplo:
WETR*H«
ELECTRONIC TICKET RECORD
OC 0011646480005 CPN 1
CREATED BY 1W
FROM-** TO-OK
SX62 1W *SLF 29JAN07/0444 GYBXPT

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 11%


#WT<.W.<%#P.,0<b<.5%0%^;PZ<;%A%&i(#GB%

Caso você tenha dado a entrada de emissäo eletrônica e tenha esquecido de imprimir
o itinerário e/ou a fatura, você poderá fazer isso, posteriormente, de duas maneiras:
1) Com a reserva aberta em sua tela use o seguinte comando:
DIT‡DPI

2) Sem o localizador da reserva, será necessário acessar a lista de emissões


atravës da entrada DWLIST.
a) Digitar DWLIST e verificar qual o número da reserva desejada.
b) Dar a entarada DP escolhendo a opção desejada.
c) Escolher sempre o nº 3 (Padrão)
d) Digitar DP e número da reserva desejada.

Exemplos:

DP1/3/100«

#P0W% &0L/<.345%

1 Itinerário e Fatura

3 Sempre

100 Número da linha

DP2/3/100«

#P0W% &0L/<.345%

2 Apenas Itinerário

3 Sempre

100 Número da linha

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 1?%


2c0</\/.5L%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

1. Escreva o formato para assinar as impressoras na função de emissão de bilhetes:


___________________________________________________________________
___________________________________________________________________
___________________________________________________________________

2. Quais são os qualificadores obrigatórios para emissão de bilhetes?


____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________

3. “A fase de emissão 3.5 consiste em forçar uma base tarifária e não é garantida pela
Política de Garantia de Tarifas Sabre”.
Essa afirmação é:
( ) Verdadeira
( ) Falsa

4. Qual o formato para cancelamento de bilhetes? Explique a regra para


cancelamento de bilhetes exigido pelo BSP.
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________

5. Seu cliente solicitou a emissão de um bilhete, saindo de SAO para BUE com a cia
aérea _____. Ele deseja pagar à vista e o comissionamento da sua agência é de 6% .
De acordo com essa situação, responda:

a. Quais são os formatos para obter a tarifa e registrá-la na reserva?


____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
b. Indique o comando de emissão apropriado.
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 1J%
:@&"('%##%A%^'C:$G%&2%I$!$:2)B'%

Neste módulo você aprenderá :


• Comparar as diferentes formas de pagamento;
• Solicitar o código de aprovação do cartão de crédito via sistema Sabre;
• Emitir bilhetes com forma de pagamento parcelado;
• Emitir bilhetes com forma de pagamento parcelado com juros;
• Emitir bilhetes com forma de pagamento parcelado com entrada;
• Emitir bilhetes com duas formas de pagamento.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 1U%


R5WT;<;345%0,P<0%;L%^5<W;L%-0%I;a;W0,P5%

Existem várias formas de pagamento aceitas pelas cias. aéreas.


Sempre verifique antecipadamente quais são as formas de pagamento aceitas e
principalmente os códigos de parcelamento qua cada cia. aérea utiliza, para inserir
corretamente no comando de emissão.
O quadro comparativo abaixo contém as variações do qualificador de emissão F. Este
qualificador pode ser inserido em qualquer momento no comando de emissão.

Formato Descrição

FCASH À vista

Cartão de crédito à
F*!"#$$%%%$$$$$$$$$&'&($) vista, com autorização
via Sabre

Cartão à vista com


F*AX372042332191008/1209 *Z563
autorização manual

FMPAX372042332191008/1209 *Z563 *MSPL03XRG065X10000// 200.00 Parcelado no cartão

Duas formas de
FMPCASH*AX372042332191008/1209 *Z123/ 200.00 pagamento (Cash e
cartão à vista)

50/*100.00BRL Duas formas de


pagamento (Cash e
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPL03XRG065X10000//200.00/19.62BR cartão parcelado)

Requisição
FGRREQ456789-08
governamental

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 1[%


'VP0,-5%5%/`-.a5%-0%;T<5g;345%-5%R;<P45%-0%R<S-.P5%

Quando a forma de pagamento for cartão de crédito à vista ou parcelado, é possível


solicitar o código de aprovação via sistema Sabre.

Para obter antecipadamente o código de aprovação antes de efetuar a emissão do


bilhete, siga o formato:

CK* AX372042332191008/ 1209 / BRL 1000.00 / UA

Onde:
Formato Descrição

Comando de solicitação de aprovação de cartão de


CK*
crédito

AX372042332191008 Código da administradora e Número do cartão

/1209 Validade

/BRL1000.00 Valor total da compra (incluindo taxas)

/UA Cia. aérea validadora do bilhete

Caso o cartão seja recusado, solicite a aprovação diretamente com a operadora do


cartão.

DICAS:

• Verifique sempre a política do cartão de crédito e da cia. aérea.


• O cartão de crédito bloqueia do limite o valor consultado.
• Anote o número de autorização, pois ele não poderá ser consultado
posteriormente.
• O código de autorização obtida manualmente é de inteira responsabilidade
do agente.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 1]%


R;<P45%-0%/<S-.P5%j%g.LP;%

Quando o pagamento for com cartão de crédito à vista, insira os dados do cartão do
cliente, o código da administradora e a data de expiração do cartão. O sistema fará a
verificação de crédito e emitirá o bilhete simultaneamente, caso aprovado.
Não é necessário informar nenhum valor no comando de emissão. O sistema
automaticamente lê a tarifa que está registrada no PNR.

Formato Descrição

Cartão de crédito à vista, com autorização via


F*AX372042332191008/1209
sistema Sabre

Caso tenha solicitado aprovação diretamente com a administradora do cartão de


crédito ou pelo sistema Sabre, informe o código de aprovação no comando.

Formato Descrição

Cartão de crédito à vista com autorização manual


F*AX372042332191008/1209*Z563 obtida diretamente com a operadora do cartão de
crédito.

R;<P45%-0%R<S-.P5%I;</0M;-5%%

Obtenha previamente o códido de aprovação do cartão, com a administradora do


cartão de crédito ou através do sistema Sabre (comando CK*).

Você também precisará informar o código do Plano de Parcelamento da Cia Aérea.


Obtenha essa informação diretamente com o fornecedor.

Para encontrar o valores referentes ao parcelamento, em qualquer situação,


desconsidere as taxas de embarque envolvidas, pois estas serão cobradas
automaticamente na primeira parcela. Nenhuma cia. aérea inclui a taxa de embarque
no parcelamento.

Quando informar o valor da parcela no sistema, insira o valor sem o ponto que separa
os centavos. O sistema automaticamente saberá distinguir a tarifa e os centavos da
parcela, caso inserido ponto ou vírgula, ocorrerá erro de formato.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 1=%


G0W%kZ<5L%0%L0W%0,P<;-;%

Quando a emissão for para um único passageiro, ou ainda quando os passageiros


utilizaram cartões diferentes e cada um possui seu próprio código de autorização, os
cálculos envolvidos no formato são:

Valor da Parcela // Valor Líquido


(Tarifa Facial – Primeira Parcela)

Exemplo:
Parcelamento em 3 vezes sem juros e sem entrada no cartão

WP«
BASE FARE TAXES TOTAL
1- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
1119.00 19.62 1138.62TTL

ADT-01 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Valor da Parcela:
Individual R$ 1119.00 ÷ 3 = R$ 373.00

Valor Líquido:
Tarifa – Primeira Parcela R$ 1119.00 – R$ 373.00 = R$ 746.00

Emissão:

FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPL03XRG065X37300//746.00

Onde:

^5<W;P5% &0L/<.345%
FMP Código de transação para múltiplas parcelas
AX372042332191008 Código da administradora e número do cartão
/1209 Data de expiração do cartão
*Z563 Código de aprovação manual
*MSPL Código de transação para múltiplas parcelas
03X Quantidade de parcelas
RG065X Código do plano de parcelamento da cia aérea
37300// Valor da parcela (sem o ponto que separa centavos)
746.00 Valor líquido (Tarifa – Primeira Parcela)

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 ?8%


G0W%kZ<5L%0%L0W%0,P<;-;%9WeMP.TM5L%T;LL;a0.<5L>%

Para emissão de mais de um passageiro do mesmo tipo, você poderá solicitar


autorização referente ao total da compra. Será necessário um único comando para
emissão dos bilhetes envolvidos.

Caso os passageiros estejam em localizadores diferentes, o formato da emissão será o


mesmo em cada localizador. Os cálculos envolvidos no formato são:

Valor da Parcela // Valor Líquido Individual


do Total de (Tarifa Facial Individual –
Passageiros Primeira Parcela Individual)

Exemplo:
Dois passageiros ADT
3 vezes sem juros/ sem entrada

WP«
BASE FARE TAXES TOTAL
2- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
2238.00 39.24 2277.24TTL

ADT-02 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Valor da Parcela:
Total R$ 2238.00 ÷ 3 = R$ 746.00
Individual R$ 1119.00 ÷ 3 = R$ 373.00

Valor Líquido:
Tarifa Individual – Parcela Individual R$ 1119.00 – R$ 373.00 = R$ 746.00

Emissão:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPL03XRG065X74600//746.00

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 ?6%


G0W%kZ<5L%0%L0W%0,P<;-;%9gb<.5L%P.T5L%-0%T;LL;a0.<5L>%

Quando a emissão envolver mais de um tipo de passageiro, serão necessários dois


comandos de emissão, pois os valores são diferentes para cada tipo de passageiro.
Não se esqueça de selecionar o ítem nominal do passageiro a ser emitido.
Os cálculos envolvidos no formato são:

Valor da Parcela do Total // Valor Líquido Individual


de Passageiros (Tarifa Facial Individual –
Primeira Parcela Individual)

Exemplo:
Dois passageiros (ADT/CHD)
5 vezes sem juros e sem entrada

WPPADT/CNN«
BASE FARE TAXES TOTAL
1- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
1- BRL839.25 19.62BR BRL858.87CNN
1958.25 39.24 1997.49TTL

ADT-01 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END
CNN-01 MBRCH
SAO RG SSA839.25MBRCH 839.25 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Valor da Parcela:
Total R$ 1958.25 ÷ 5 = R$ 391.65
Individual ADT R$ 1119.00 ÷ 5 = R$ 223.80
Individual CHD R$ 839.25 ÷ 5 = R$ 167.85
Valor Líquido ADT:
Tarifa Individual – Parcela Individual R$ 1119.00 – R$ 223.80 = R$ 885.20
Valor Líquido CHD:
Tarifa Individual – Parcela Individual R$ 839.25 – R$ 167.85 = R$ 671.40
Emissão ADT:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPL05XRG075X39165//885.20
Emissão CHD:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPL05XRG075X39165//671.40

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 ?*%


R5W%kZ<5L%0%L0W%0,P<;-;%

Algumas cias. aéreas cobram juros dependendo do número de parcelas. Verifique


sempre o código do plano de parcelamento. Os cálculos envolvidos no formato são:

Valor da Parcela com // Valor Líquido


juros calculados (Tarifa Facial – Primeira
Parcela com juros)

Exemplo:
Parcelamento em 10 vezes
Juros de 10%

WP«
BASE FARE TAXES TOTAL
1- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
1119.00 19.62 1138.62TTL

ADT-01 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Valor da Parcela:
Tarifa com juros R$ 1119.00 + 10% = R$ 1230.90
Parcela com juros R$ 1230.90 ÷ 10 = R$ 123.09

Valor Líquido:
Tarifa Facial – Primeira Parcela R$ 1119.00 – R$ 123.09 = R$ 995.91
Com juros

Emissão:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPL10XRG085X12309//995.91

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 ?1%


R5W%kZ<5L%0%L0W%0,P<;-;%9WeMP.TM5L%T;LL;a0.<5L>%

Quando houver mais de um passageiro na mesma autorização de cartão de crédito, os


cálculos envolvidos no formato serão:

Valor da Parcela do Total de // Valor Líquido


Passageiros com juros (Tarifa Facial Individual – Primeira
calculados Parcela Individual com juros)

Exemplo:
Dois passageiros (ADT/CHD) em 10 vezes
Juros de 10%

WPPADT/CNN«
BASE FARE TAXES TOTAL
1- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
1- BRL839.25 19.62BR BRL858.87CNN
1958.25 39.24 1997.49TTL

ADT-01 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END
CNN-01 MBRCH
SAO RG SSA839.25MBRCH 839.25 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Tarifa do Total (com juros) R$ 1958.25 +10% = R$ 2154.07


Tarifa ADT (com juros) R$ 1119.00 +10% = R$1230.90
Tarifa CHD (com juros) R$ 839.25 +10% = R$ 923.17
Valor da Parcela:
Parcela do Total R$ 2154.07 ÷ 10 = R$ 215.40
Parcela Individual ADT (com juros) R$ 1230.90 ÷ 10 = R$ 123.09
Parcela Individual Individual CHD (com juros) R$ 923.17 ÷ 10 = R$ 92.31
Valor Líquido ADT:
Tarifa Facial Individual – Parcela Individual R$1119.00 – R$123.09 = R$ 995.91
Valor Líquido CHD:
Tarifa Facial Individual – Parcela Individual R$ 839.25 – R$92.31 = R$ 746.91
Emissão ADT:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPL10XRG010X21540//995.91
Emissão CHD:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPL10XRG010X21540//746.91

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 ??%


G0W%kZ<5L%0%/5W%0,P<;-;%,5%/;<P45%

Quando o parcelamento envolver algum valor de entrada no cartão, você deverá


inserir o indicador E no formato. Sem essa informação haverá cobrança incorreta no
cartão do cliente. Os cálculos envolvidos no formato serão:

Valor da Parcela // Valor Líquido


(descontando a entrada) (Tarifa Facial Individual – Entrada)

Exemplo:
Parcelamento em 5 vezes
Entrada no cartão R$119.00

WP«
BASE FARE TAXES TOTAL
1- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
1119.00 19.62 1138.62TTL

ADT-01 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Valor da Parcela:
Tarifa - Entrada R$ 1119.00 - R$119.00 = R$ 1000.00
Parcela R$ 1000.00 ÷ 5 = R$ 200.00

Valor Líquido:
Tarifa Facial – Entrada R$ 1119.00 – R$ 119.00 = R$ 1000.00

Emissão:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPLE05XRG095X20000//1000.00

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 ?J%


G0W%kZ<5Ll%/5W%0,P<;-;%,5%/;<P45%9WeMP.TM5L%T;LL;a0.<5L>%%

Quando o parcelamento envolver mais de um passageiro, com entrada no cartão, não


esqueça de inserir também o indicador E no formato. Os cálculos envolvidos no
formato serão:

Valor da Parcela do Total // Valor Líquido


de Passageiros (descontando (Tarifa Facial Individual – Entrada
a entrada) Individual)

Exemplo:
Dois passageiros (ADT/CHD) em 5 vezes
Entrada no cartão R$500.00

WPPADT/CNN«
BASE FARE TAXES TOTAL
1- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
1- BRL839.25 19.62BR BRL858.87CNN
1958.25 39.24 1997.49TTL
ADT-01 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END
CNN-01 MBRCH
SAO RG SSA839.25MBRCH 839.25 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Tarifa do Total – Total de Entrada R$ 1958.25 – R$ 500.00 = R$ 1458.25


Tarifa ADT – Entrada ADT R$ 1119.00 – R$ 250.00 = R$ 869.00
Tarifa CHD – Entrada CHD R$ 839.25 – R$250.00 = R$ 589.25

Valor da Parcela:
Parcela do Total R$ 1458.25 ÷ 5 = R$ 291.65
Parcela Individual ADT R$ 869.00 ÷ 5 = R$ 173.80
Parcela Individual Individual CHD R$ 589.25÷ 5 = R$ 117.85
Valor Líquido ADT:
Tarifa Facial Individual – Entrada Ind. R$1119.00 – R$250.00 = R$ 869.00
Valor Líquido CHD:
Tarifa Facial Individual – Entrada Ind. R$ 839.25 – R$250.00= R$ 589.25
Emissão ADT:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPLE05XRG095X29165//869.00
Emissão CHD:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPLE05XRG095X29165//589.25

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 ?U%


R5W%kZ<5L%0%/5W%0,P<;-;%,5%/;<P45%

Uma vez que essa forma de pagamento também tem entrada no cartão, você deverá
inserir o indicador E no formato. Sem essa informação haverá cobrança incorreta no
cartão do cliente. Os cálculos envolvidos no formato serão:

Valor da Parcela // Valor Líquido


(descontando a entrada (Tarifa Facial – Entrada)
e com juros calculados)

Exemplo:
Parcelamento em 10 vezes com juros de 10%
Entrada no cartão R$119.00

WP«
BASE FARE TAXES TOTAL
1- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
1119.00 19.62 1138.62TTL

ADT-01 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Valor da Parcela:
Tarifa - Entrada R$ 1119.00 - R$119.00 = R$ 1000.00
Restante com juros R$ 1000.00 + 10% = R$ 1100.00
Parcela R$ 1100.00 ÷ 10 = R$ 110.00

Valor Líquido:
Tarifa Facial – Entrada R$ 1119.00 – R$ 119.00 = R$ 1000.00

Emissão:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPLE10XRG045X11000//1000.00

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 ?[%


R5W%kZ<5L%0%0,P<;-;%,5%/;<P45%9WeMP.TM5L%T;LL;a0.<5L>%

Uma vez que essa forma de pagamento também tem entrada no cartão, você deverá
inserir o indicador E no formato. È recomendável que você divida proporcionalmente
quanto cada passageiro pagará de entrada no cartão. Os cálculos envolvidos no
formato serão:

Valor da Parcela do Total de // Valor Líquido


Passageiros (descontando a (Tarifa Facial Individual –
entrada e com juros calculados) Entrada Individual)

Exemplo:
Dois passageiros, (ADT/CHD) em 10 vezes com juros de 10%
Entrada no cartão R$500.00

WPPADT/CNN«
BASE FARE TAXES TOTAL
1- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
1- BRL839.25 19.62BR BRL858.87CNN
1958.25 39.24 1997.49TTL
ADT-01 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END
CNN-01 MBRCH
SAO RG SSA839.25MBRCH 839.25 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Tarifa do Total – Total de Entrada R$ 1958.25 – R$ 500.00 = R$ 1458.25


Tarifa ADT – Entrada ADT R$ 1119.00 – R$ 300.00 = R$ 819.00
Tarifa CHD – Entrada CHD R$ 839.25 – R$200.00 = R$ 639.25

Valor da Parcela:
Parcela do Total R$ 1458.25 +10% ÷ 10 = R$ 160.40
Parcela Individual ADT R$ 819.00 +10% ÷ 10 = R$ 90.09
Parcela Individual Individual CHD R$ 639.25 +10% ÷ 10 = R$ 70.32

Valor Líquido ADT:


Tarifa Facial Individual – Entrada Individual R$1119.00 – R$300.00 = R$ 819.00
Valor Líquido CHD:
Tarifa Facial Individual – Entrada Individual R$ 839.25 – R$200.00= R$ 639.25

Emissão ADT:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPLE10XRG045X16040//819.00
Emissão CHD:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPLE10XRG045X16040//639.25

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 ?]%


&Z;L%^5<W;L%-0%I;a;W0,P5m%R;LO%n%R;<P45%j%K.LP;%

Quando o pagamento envolve dinheiro mais cartão de crédito à vista, solicite


antecipadamente a aprovação do valor que será cobrado com a administradora do
cartão ou via sistema Sabre.
As taxas não poderão ser cobradas no cartão do passageiro, estas deverão ser
cobradas à vista (cash).
Caso aconteça a emissão de mais de um passageiro, lembre-se que o valor informado
será sempre individual.

Exemplo:
FMPCASH*AX372042332191008/1209*Z652/1200.00

Onde:

Formato Descrição
FMPCASH Primeira forma de pagamento (à vista)
Segunda forma de pagamento (código da administradora e
*AX372042332191008
número do cartão de crédito)
/1209 Data de expiração do cartão
*Z563 Código de aprovação manual
/1200.00 Valor a ser cobrado no cartão de crédito em reais INDIVIDUAL

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 ?=%


&Z;L%^5<W;L%-0%I;a;W0,P5m%R;LO%n%R;<P45%I;</0M;-5%

Obtenha sempre o código do plano de parcelamento para saber se a cia. aérea aceita
ou não esta forma de pagamento.

Quando o pagamento envolver dinheiro mais cartão de crédito parcelado, solicite


antecipadamente a aprovação do valor que será cobrado com a administradora do
cartão ou via sistema Sabre.

As taxas não poderão ser cobradas no cartão do passageiro, estas deverão ser
cobradas à vista (cash) e informadas no comando de emissão. Para taxas
internacionais ou somatória de taxas, estas deverão ser mencionadas com o código
XT.

Em nenhuma hipótese o valor em CASH poderá ser superior ao Valor Líquido.

C0W;<fL%

Antes de proceder com o comando de emissão, é obrigatório inserir uma observação


no campo “remarks” da reserva. Nesse campo você deverá inserir a soma do valor
pago em cash + taxas de embarque.

Essa informação deverá ser a primeira do remarks, ou seja, deve estar na linha 1 do

Exemplo Descrição

50/*599.00BRL Insere a informação antes da linha 1 do campo Remarks

5*599.00BRL Insere o valor como o primeiro Remarks da reserva

51¤ Apaga o Remarks da linha 1

Campo Remarks. Esse valor também será sempre em reais, por isso não esqueça de
inserir o código da moeda BRL depois do valor.

Siga os exemplos abaixo quando trabalhando com os Remarks da reserva:

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 J8%


R;LO%n%R;<P45%I;</0M;-5%L0W%kZ<5L%0%L0W%0,P<;-;%

Quando trata-se apenas de um passageiro na reserva, insira o campo Remarks como


explicado anteriormente e prossiga com o comando de emissão.

Os cálculos envolvidos no formato são:

Valor da Parcela // Valor Líquido / Taxa de Embarque e


(descontando a (Tarifa Facial – Código da Taxa
entrada em cash) Primeira Parcela)

Exemplo:
Parcelado em 3 vezes sem juros e sem entrada no cartão.
Entrada em dinheiro R$119.00 de tarifa + taxas de embarque

WP«
BASE FARE TAXES TOTAL
1- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
1119.00 19.62 1138.62TTL

ADT-01 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Remarks:
Entrada + Taxa de Embarque R$ 119.00 + R$ 19.62 = R$ 138.62

Valor da Parcela:
Tarifa – Entrada em cash R$ 1119.00 - R$119.00 = R$ 1000.00
Parcela R$ 1000.00 ÷ 3 = R$ 333.33

Valor Líquido:
Tarifa Facial – Primeira Parcela R$ 1119.00 – R$ 333.33 = R$ 785.67

Taxas de Embarque: 19.62BR

Emissão:
50/*138.62BRL«

FMPAX372042332191008/1209*Z1234*MSPL3XRG085X33333//785.67/19.62BR

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 J6%


R;LO%n%R;<P45%I;</0M;-5%L0W%kZ<5L%0%L0W%0,P<;-;%
9WeMP.TM5L%T;LL;a0.<5L>%%

Caso efetue a emissão para mais de um passageiro e os valores cash + taxas de


embarque são diferentes para cada um, é necessário emitir um bilhete de cada vez.
Determine proporcionalmente o valor em dinheiro + taxas do adulto e da criança
separadamente, por exemplo.

Após a emissão do primeiro passageiro, cancele a informação correspondente do


campo remarks e insira um novo remarks para emitir o segundo passageiro.

Os cálculos envolvidos no formato são:

Valor da Parcela // Valor Líquido / Taxa de Embarque e


do Total de Individual Código da Taxa
Passageiros (Tarifa –
(descontando a Primeira Parcela)
entrada em cash)

Exemplo:
Parcelado em 3 vezes sem juros e sem entrada no cartão.
Entrada em dinheiro R$ 219.00 de tarifa para o adulto + taxas de embarque
Entrada em dinheiro R$ 139.25 de tarifa para a criança + taxas de embarque
Total de entrada em dinheiro R$ 358.25

WPPADT/CNN«
BASE FARE TAXES TOTAL
1- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
1- BRL839.25 19.62BR BRL858.87CNN
1958.25 39.24 1997.49TTL

ADT-01 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END

CNN-01 MBRCH
SAO RG SSA839.25MBRCH 839.25 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 J*%


Remarks:
Entrada + Taxa de Embarque (ADT) R$ 219.00 + R$ 19.62 = R$ 238.62
Entrada + Taxa de Embarque (CHD) R$ 139.25.00 + R$ 19.62 = R$ 158.87

Valor da Parcela Total:


Tarifa Total – Entrada em cash R$ 1958.25 - R$ 358.25 = R$ 238.62
Parcela R$ 1600.00 ÷ 3 = R$ 533.33
Valor da Parcela ADT:
Tarifa Facial – Entrada em cash R$ 1119.00 - R$219.00 = R$ 900.00
Parcela R$ 900.00 ÷ 3 = R$ 300.00
Valor da Parcela CHD:
Tarifa Facial – Entrada em cash R$ 839.25 - R$139.25 = R$ 700.00
Parcela R$ 700.00 ÷ 3 = R$ 233.33

Valor Líquido ADT:


Tarifa Facial – Primeira Parcela R$ 1119.00 – R$ 300.00 = R$ 819.00
Valor Líquido CHD:
Tarifa Facial – Primeira Parcela R$ 839.25 – R$ 233.33 = R$ 605.92

Taxas de Embarque ADT: 19.62BR


Taxas de Embarque CHD: 19.62BR

Emissão ADT:
50/*238.62BRL«

FMPAX372042332191008/1209*Z1234*MSPL3XRG085X53333//819.00/19.62BR

Emissão CHD:
50/*158.87BRL«

FMPAX372042332191008/1209*Z1234*MSPL3XRG085X53333//605.92/19.62BR

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 J1%


R;LO%n%R;<P45%I;</0M;-5%/5W%kZ<5L%0%L0W%0,P<;-;%%

Tratando-se de duas formas de pagamento, lembre-se que o formato exige a


informação da taxa de embarque cobrada em dinheiro (cash).

Os cálculos envolvidos no formato são:

Valor da Parcela // Valor Líquido / Taxa de Embarque e


(descontando a (Tarifa Facial – Código da Taxa
entrada em cash e Primeira Parcela)
com juros)

Exemplo:
Parcelado em 3 vezes
Juros 10%
Entrada em dinheiro R$119.00 de tarifa + taxas de embarque

WP«
BASE FARE TAXES TOTAL
1- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
1119.00 19.62 1138.62TTL

ADT-01 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Remarks:
Entrada + Taxa de Embarque R$ 119.00 + R$ 19.62 = R$ 138.62

Valor da Parcela:
Tarifa – Entrada em cash R$ 1119.00 - R$119.00 = R$ 1000.00
Restante com juros R$ 1000.00 + 10% = R$ 1100.00
Parcela R$ 1100.00 ÷ 3 = R$ 366.66

Valor Líquido:
Tarifa Facial – Primeira Parcela R$ 1119.00 – R$ 366.66 = R$ 752.34

Taxas de Embarque: 19.62BR

Emissão:
50/*138.62BRL«

FMPAX372042332191008/1209*Z1234*MSPL3XRG099X36666//752.34/19.62BR

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 J?%


R;LO%n%R;<P45%I;</0M;-5%L0W%kZ<5L%0%/5W%0,P<;-;%,5%
/;<P45%

Não se esqueça que quando houver entrada no cartão de crédito, o formato será
alterado com a letra E, indicando a entrada no cartão. Exemplo:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPLE03XRG065X10000//200.00/8.25BR

Os cálculos envolvidos no formato são:

Valor da Parcela // Valor Líquido / Taxa de Embarque e


(descontando a (Tarifa Facial – Código da Taxa
entrada em cash e Entrada)
com juros)

Exemplo:
Parcelado em 3 vezes
Entrada em dinheiro R$119.00 de tarifa + taxas de embarque
Entrada no cartão: R$100.00

WP«
BASE FARE TAXES TOTAL
1- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
1119.00 19.62 1138.62TTL
ADT-01 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Remarks:
Entrada (cash) + Taxa de Embarque R$ 119.00 + R$ 19.62 = R$ 138.62

Valor da Parcela:
Tarifa – Entrada em cash R$ 1119.00 - R$119.00 = R$ 1000.00
Restante – Entrada no cartão R$ 1000.00 - R$100.00 = R$ 900.00
Parcela R$ 900.00 ÷ 3 = R$ 300.00

Valor Líquido:
Tarifa Facial – Entrada (cartão) R$ 1119.00 – R$ 100.00 = R$ 1019.00

Taxas de Embarque: 19.62BR

Emissão:
50/*138.62BRL«

FMPAX372042332191008/1209*Z1234*MSPLE3XRG099X30000//1019.00/19.62BR

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 JJ%


R;LO%n%R;<P45%I;</0M;-5%/5W%kZ<5L%0%/5W%0,P<;-;%,5%
/;<P45%

Neste exemplo também há entrada no cartão de crédito, portanto use a letra E no


formato de emissão, indicando a entrada no cartão. Exemplo:
FMPAX372042332191008/1209*Z563*MSPLE03XRG065X10000//200.00/8.25BR

Os cálculos envolvidos no formato são:

Valor da Parcela // Valor Líquido / Taxa de Embarque e


(descontando a entrada (Tarifa Facial – Código da Taxa
em cash / cartão e com Entrada)
juros)

Exemplo:
Parcelado em 3 vezes
Entrada em dinheiro R$119.00 de tarifa + taxas de embarque
Entrada no cartão: R$100.00
Juros 10%

WP«
BASE FARE TAXES TOTAL
1- BRL1119.00 19.62BR BRL1138.62ADT
1119.00 19.62 1138.62TTL

ADT-01 MBR
SAO RG SSA1119.00MBR 1119.00 END
CLASS T/W/S/U-ALTERACAO/BRL 40/NAO ENDOSSAVEL-

Remarks:
Entrada (cash) + Taxa de Embarque R$ 119.00 + R$ 19.62 = R$ 138.62

Valor da Parcela:
Tarifa – Entrada em cash R$ 1119.00 - R$119.00 = R$ 1000.00
Restante – Entrada no cartão R$ 1000.00 - R$100.00 = R$ 900.00
Restante + Juros R$ 900.00 + R$100.00 = R$ 1000.00
Parcela R$ 1000 ÷ 3 = R$ 333.33

Valor Líquido:
Tarifa Facial – Entrada (cartão) R$ 1119.00 – R$ 100.00 = R$ 1019.00

Emissão:
50/*138.62BRL«
FMPAX372042332191008/1209*Z1234*MSPLE3XRG099X33333//1019.00/19.62BR

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 JU%


:@&"('%###%N%^$G2%?78%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

Nesse módulo você aprenderá a:


• Saber quando utilizar as máscaras (Fase 4.0)
• Criar máscara para emissão
• Criar máscara para emissão de múltiplos passageiros
• Acessar máscaras para alteração
• Visualizar máscara preenchida
• Comando de emissão com máscara
• Apagar os registros da máscara

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 J[%


^;L0%?78%

A fase 4.0 consiste em uma emissão não automática, e você terá que preencher
manualmente uma máscara com todos os dados da tarifa a ser aplicada.
Neste caso, não utilizaremos o registro PQ (Price Quote), pois teremos que efetuar a
emissão utilizando a máscara preenchida manualmente.
São três telas para preenchimento manual. De preferência, para evitar eventuais notas
de débito, obtenha as informações diretamente com a cia. aérea para inserir na
máscara., pois este tipo de emissão não é garantido pela Politica de Tarifas Sabre.
O máximo de máscaras que você poderá criar em um PNR é de 7 (sete).

DICA: Você precisará obter previamente as seguintes informações:


• Cidades de origem/destino
• Endossos e restrições do bilhete
• Valor do bilhete e conversão para moeda Real (caso bilhete
internacional)
• Taxas (valores e códigos de taxas)
• Porcentagem de comissão da agência (se houver)
• Bases Tarifárias
• Datas de validade dos cupons de embarque (não válido antes/ após)
• Franquia de bagagem
• Construção tarifária

Quando usar a Fase 4.0?


Você somente usará as máscaras (Fase IV) quando o sistema não estiver calculando
automaticamente a tarifa da classe desejada, ou ainda quando alguma informação
adicional ou diferente do que está sendo calculado seja solicitada pela cia. aérea.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 J]%


R<.;<%WbL/;<;%0W%V<;,/5%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

Para abrir uma máscara em branco, acesse o PNR e utilize um dos seguintes
formatos:

&0L/<.345%%%% 2c0WTM5%-0%^5<W;P5%

Criar uma única máscara para todos os nomes no W‡CTKT


PNR

Criar duas máscaras separadas (um adulto e um W‡CTKT‡PADT/INF


colo)

Criar duas máscaras separadas (um adulto e uma W‡CTKT‡PADT/CNN‡S1/3


criança para os segmentos 1 e 3)

Exemplo: W‡CTKT «

WI - PHASE IV FARE AMOUNT MASK - DEPRESS ENTER TO CONTINUE OR


RESET AND CLEAR TO RETURN TO PNR.
TKT RECORD NBR <1 > ENTER CITY CODES TO OVERRIDE
PASSENGER TYPE ADT ORIGIN/DESTINATION < >< >

ENDORSEMENT ENTER X IF SUBJ GOVT APRVL < >


< >

BASE FARE - CURRENCY CODE/AMOUNT < >< >


INTL EQUIV CURRENCY/AMOUNT < >< > IF APPLICABLE

TAX AMOUNT/CODE 1 < >< >TAX AMOUNT/CODE 2 < >< >


TAX AMOUNT/CODE 3 < >< >TAX AMOUNT/CODE 4 < >< >
TAX AMOUNT/CODE 5 < >< >TAX AMOUNT/CODE 6 < >< >
ENTER X IF MORE THAN 6 TAXES < >IF ALL TAXES EXEMPT ENTER X< >
COMMISSION PCT < > TOUR CODE < >
OR AMT < >

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 J=%


I<00,/O0,-5%;L%P0M;L%-;%WbL/;<;%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

As telas seguintes mostrarão os campos da máscara fase 4.0, já preenchidos com as


informações do bilhete.

Primeira Tela

WI - PHASE IV FARE AMOUNT MASK - DEPRESS ENTER TO CONTINUE OR


RESET AND CLEAR TO RETURN TO PNR.
TKT RECORD NBR <1 > ENTER CITY CODES TO OVERRIDE
PASSENGER TYPE ADT ORIGIN/DESTINATION <SAO><SAO>

ENDORSEMENT ENTER X IF SUBJ GOVT APRVL < >


<NONEND/REF/PEX/PNTY APPL >

BASE FARE - CURRENCY CODE/AMOUNT <USD><291.00 >


INTL EQUIV CURRENCY/AMOUNT <BRL><701.92 > IF APPLICABLE

TAX AMOUNT/CODE 1 <86.00 ><BR>TAX AMOUNT/CODE 2 <69.95 ><XR>


TAX AMOUNT/CODE 3 <6.03 ><TQ>TAX AMOUNT/CODE 4 <24.12 ><QO>
TAX AMOUNT/CODE 5 <67.52 ><YQ>TAX AMOUNT/CODE 6 < >< >
ENTER X IF MORE THAN 6 TAXES < >IF ALL TAXES EXEMPT ENTER X< >
COMMISSION PCT < 6> TOUR CODE < >
OR AMT < >

DICAS:
• Não altere o primeiro campo da máscara (TKT RECORD NBR)
• Confira o tipo de passageiro que está sendo emitido (PASSENGER TYPE
ADT)

• Caso queira cobrar mais de 6 taxas, marque X no campo


“ENTER X IF MORE THAN 6 TAXES”. O sistema mostrará a tela para
inserir as demais taxas.
• Recomendamos não preencher o campo Tour Code.
• Para movimentar-se dentro da máscara, utilize a tecla TAB.
• Caso queira sair da máscara, utilize a tecla ESC.
• Para passar para a próxima tela da máscara, utilize a tecla ENTER.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 U8%


Segunda Tela

WI - PHASE IV FARE INFO - DEPRESS ENTER WHEN COMPLETE


FARE BASIS/ NOT VALID BAG
TKT DESIG BEFORE AFTER ALLOW
01 O GRU AR 1263 N 10MAR OK <NLSX3M7 ><10MAR><10MAR><20K>
02<O> EZE AR 1240 N 20MAR OK <NLSX3M7 ><20MAR><20MAR><20K>
GRU

FARE CALCULATION - LEAVE BLANK TO BUILD AUTO FARE CALCULATION


< >
< >

DICAS:
• É obrigatório preencher a franquia de bagagem. Os caracteres aceitos nesse
campo são:
(conceito de kilos) . Exemplo: 23K ou
(conceito de peças). Exemplo: 02P
• O campo FARE CALCULATION pode ser deixado em branco, onde o sistema
criará automaticamente um modelo de construção tarifária para ajudá-lo a
inserir os valores de quebra de tarifa e somatória de taxas (se necessário).

Terceira Tela
WF1
TA-PSGR-ADT
F/CALC<SAO AR BUE Q6.00 139.50NLSX3M7 AR SAO Q6.00
139.50NLSX3M7 NUC291.00END ROE1.00

DICAS:
• Após terminar de preencher a máscara, você poderá ainda conferir se os
dados inseridos estão corretos. Para isso simplesmente pressione ENTER e
você voltará para a primeira tela da máscara;
• Para sair da máscara, pressione ESC;
• É necessário finalizar a reserva para gravar a máscara.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 U6%


R<.;<%WbL/;<;%T<SNT<00,/O.-;%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

Para facilitar o preenchimento, você poderá utilizar qualquer comando de cotação de


tarifas WP, e transferir os dados do cálculo diretamente para a máscara.. Em seguida,
você poderá alterar os campos conforme as restrições do bilhete.
Fique atento, pois as informações que aparecerão preenchidas pertencem às bases
tarifárias forçadas, ou ao cálculo indicado pelo formato utilizado para criação da
máscara.

&0L/<.345%%% 2c0WTM5%-0%^5<W;P5%

Criar máscara a partir do cálculo automático (3.0) WD

Criar máscara para adulto e criança a partir do WDPADT/CNN


cálculo automático (3.0)

Criar máscara com as informações da tarifa mais WDNC


barata disponível para o itinerário reservado

Criar máscara com as informações da tarifa mais WDNCS


barata possível

Criar máscara a partir de um comando de cálculo WDQYBR


(3.5)

Criar máscara a partir de um comando de cálculo WDS1*QHBR‡S2*QLBR


com duas bases tarifárias diferentes (3.5)

Criar máscara a partir de um comando de cálculo WDS1/4


com segmento selecionado

Veja exemplo de resposta:


WD«
FEE APPLIES TO CHG/REFUND
TA-ADT-C
1 O GRU AA 964N 10SEP 1050 OK NL0L9B 10SEP10SEP
2 O MIA AA 961N 20SEP 1205 OK NL0L9B 20SEP20SEP
GRU
USD 1375.00 SAO AA MIA687.50NL0L9B AA SAO687.50NL0L9
338.52XT B NUC1375.00END ROE1.00 XFMIA4.5
XT 86.00BR 77.66US 13.26YC 16.88XY 12.06
BRL 3655.15 XA 6.03AY 115.78YQ 10.85XF
BRL
3316.63
SX62*AVC 03MAR 1405

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 U*%


$/0LL;<%;%WbL/;<;%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

Você deverá preencher todas as máscaras criadas antes de finalizar o PNR. O formato
para acessá-las pode ser utilizado, caso queira preencher ou atualizar alguma
informação.
Escolha pelo número da máscara, como segue :

&0L/<.345%%% 2c0WTM5%-0%^5<W;P5%

Para acessar a única máscara do PNR ** WTKT

Para acessar a máscara número um ** WTKT1

Para acessar a máscara número dois ** WTKT2

Exemplo: **WTKT«

**WTKT«
WI - PHASE IV FARE AMOUNT MASK - DEPRESS ENTER TO CONTINUE OR
RESET AND CLEAR TO RETURN TO PNR.
TKT RECORD NBR <1 > ENTER CITY CODES TO OVERRIDE
PASSENGER TYPE ADT ORIGIN/DESTINATION < >< >

ENDORSEMENT ENTER X IF SUBJ GOVT APRVL < >


<FEE APPLIES TO CHG/REFUND >

BASE FARE - CURRENCY CODE/AMOUNT <USD><1375.00 >


INTL EQUIV CURRENCY/AMOUNT <BRL><3316.63 > IF APPLICABLE

TAX AMOUNT/CODE 1 <86.00 ><BR>TAX AMOUNT/CODE 2 <77.66 ><US>


TAX AMOUNT/CODE 3 <13.26 ><YC>TAX AMOUNT/CODE 4 <16.88 ><XY>
TAX AMOUNT/CODE 5 <12.06 ><XA>TAX AMOUNT/CODE 6 <6.03 ><AY>
ENTER X IF MORE THAN 6 TAXES <X>IF ALL TAXES EXEMPT ENTER X< >
COMMISSION PCT < > TOUR CODE < >
OR AMT < >

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 U1%


K.LZ;M.d;<%5%<0a.LP<5%-;%^;L0%?78%

Após ter preenchido as máscaras, você ainda poderá visualizar os registros salvos
com os seguintes formatos:

&0L/<.345% 2c0WTM5%-0%^5<W;P5%

Exibe a única máscara da reserva **W

Exibe máscara número 1 **W1

Exibe máscara número 2 **W2

R5W;,-5%-0%2W.LL45%^;L0%?78%

O comando de emissão deve conter o número de registro da máscara e o ítem


nominal do passageiro a ser emitido. Será necessário inserir os qualificadores de
emissão aplicáveis em cada caso.

O qualificador T deverá ser o primeiro a ser mencionado no comando de emissão.


Não haverá necessidade de informar a franquia de bagagem, endosso,
comissionamento da agência e validade de cupons no comando pois estes já foram
inseridos nas telas da máscara.

É recomendável que o qualificador Tour Code (UN* tour code) caso necessário, seja
inserido no comando de emissão assim como os outros qualificadores opcionais.

&0L/<.345%%% 2c0WTM5%-0%^5<W;P5%

Emitir bilhete para todos os passageiros W‡T‡ACO‡FCASH‡DPB

Emitir bilhete, utilizando a máscara número 1 W‡T1N1.1‡ARG‡FCASH‡DPB


para o item nominal 1.1

Emitir bilhete, utilizando a máscara número 1 W‡T1N1.1‡T2N1.2‡ARG‡FCASH‡DPB


para o item nominal 1.1 e a máscara número
2 para o item nominal 1.2

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 U?%


$T;a;<%5L%<0a.LP<5L%-0%^;L0%?78%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%

Depois de emitido o bilhete, se você precisar emitir outros segmentos da reserva


utilizando o cálculo automático (Fase 3.0), o sistema solicitará o cancelamento de
todas as máscaras da reserva. Para apagar os registros de máscara, utilize um dos
seguintes formatos:

&0L/<.345% 2c0WTM5%-0%^5<W;P5%

Apagar todos os registros de máscara W‡D

Apagar apenas a máscara número um W‡D1

Apagar apenas a máscara número dois W‡D2

Ao apagar o registro, você não conseguirá mais acessar a máscara, e o sistema


mostrará a letra D (Deleted) ao lado do número da máscara.
TKT LIST
1 D- TA-ADT -H
2 TA-CNN

RM5,;<%<0a.LP<5L%-0%^;L0%#K%

Se você tem passageiros viajando exatamente nos mesmos vôos, datas e horários
porém em localizadores separados, não se preocupe em preencher várias máscaras
com as mesmas informações. Utilize os formatos para clonar os registros de outro
PNR e então faça apenas o comando de emissão.

&0L/<.345%%% 2c0WTM5%-0%^5<W;P5%

Clonar o único registro existente em um PNR Sabre. W‡CP* localizador Sabre

Clonar um registro específico de um PNR Sabre W‡CP1*RSTMLN

Clonar múltiplos registros de um PNR Sabre W‡CP1/3*RLTMLN

C0;P.g;<%<0a.LP<5L%-0%^;L0%?78%

Se após criar a máscara, um segmento do itinerário for alterado, a máscara ficará


pendente de atualização. Neste caso, use o comando para reativar a máscara com os
novos segmentos da reserva.

&0L/<.345%%% 2c0WTM5%-0%^5<W;P5%

Reativar máscara 1 W‡CR1

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 UJ%


2c0</\/.5L%

1. A reserva do Sr. Luiz Silva e seu filho Pedro Silva não está calculando
automaticamente. Indique o formato para criar uma máscara para cada tipo de
passageiro, um adulto e uma criança para todos os segmentos da reserva.
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________

2. Indique quais informações serão necessárias para o preenchimento das máscaras


criadas.
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________

3. Um exemplo de comando de emissão com máscara é :

W‡T‡AAA‡FCASH‡BA*23K‡DPB

( ) Verdadeiro
( ) Falso

4. Qual o procedimento quando o bilhete apresentar mais de 3 taxas a serem


cobradas?
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________
____________________________________________________________________

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 UU%


:@&"('%#%A%#,P<5-Z345%j%2W.LL45%A%C0X0<o,/.;%CbT.-;%

Verificar Política da Cia. Aérea WETP*(cód. cia.)

Verificar Cias. Aéreas liberadas para emissão W/TA*(pcc)

Inserir o FOID na reserva 3FOID/PP(cód. do país e número do passaporte)

Identificar número (LNIATA) da impressora PE* pcc

Verificar o estoque de bilhetes DN*PTR

Assinando a impressora de bilhete W*BR

Assinando a impressora de hardcopy (papel) PTR/ número da impressora de hardcopy

Assinando a impressora de itinerário (papel) DSIV número da impressora de itinerário

Desativar a impressora de bilhetes W*NO

Desativar a impressora de hardcopy (papel) PTR/END

Desativar a impressora de itinerário (papel) DSNO

Verifica quantas mensagens estão pendentes


RL/ número da impressora STATUS
para serem impressas

Coloca a impressora em módulo de espera RL/ número da impressora HOLD

Cancela todas as mensagens pendentes de


RL/ número da impressora CLEAR
impressão

Libera as mensagens para serem impressas RL/ número da impressora

Criar registro PQ WP e PQ

Visualizar imagem do bilhete WETR*(número da linha do bilhete)

Bilhetar a reserva em OSI 3OSI cia aérea TKNO número do bilhete – item
nominal

Bilhetar a reserva em SSR 3TKNM/número do bilhete – item nominal

Cancelar um bilhete WV número da linha (digitar o comando duas vezes)

Relatório de bilhetes cancelados WV*

Relatório de movimento diário DQB*

Apagar linhas contábeis AC(número da linha)¤

Relatório de bilhetes Não Utilizados DQB*ETU

Exibir histórico do ETR WETR*H

Imprimir Itinerário DIT‡DPI

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 U[%


:@&"('%##%A%^5<W;%-0%I;a;W0,P5%A%C0X0<o,/.;%CbT.-;%

Pagamento à vista FCASH


Pagamento à vista no cartão de crédito F*AX37204233291008/1209
Pagamento à vista no cartão de crédito com F*AX37204233291008/1209*Z123
autorização manual

Pagamento parcelado sem juros e sem FMP bandeira e número do cartão / validade *Z código de
entrada autorização *MSPL quantidade de parcelas X código do
plano de parcelamento X valor da parcela // saldo (tarifa –
primeira parcela)
Pagamento parcelado com juros e sem FMP bandeira e número do cartão / validade *Z código de
entrada autorização *MSPL quantidade de parcelas X código do
plano de parcelamento X valor da parcela com juros //
saldo (tarifa facial – primeira parcela)
Pagamento parcelado sem juros e com FMP bandeira e número do cartão / validade *Z código de
entrada no cartão autorização *MSPLE quantidade de parcelas X código do
plano de parcelamento X valor da parcela descontando a
entrada // saldo (tarifa facial – entrada)
Pagamento parcelado com juros e com FMP bandeira e número do cartão / validade *Z código de
entrada no cartão autorização *MSPLE quantidade de parcelas X código do
plano de parcelamento X valor da parcela com juros e
descontando a entrada // saldo (tarifa facial – entrada)
Pagamento CASH + Cartão à vista FMPCASH* bandeira e número do cartão / validade *Z
código de autorização / valor a ser cobrado no cartão
(individual)
Pagamento CASH + Cartão Parcelado sem FMP bandeira e número do cartão / validade *Z código de
juros e sem entrada autorização *MSPL quantidade de parcelas X código do
plano de parcelamento X valor da parcela // saldo (tarifa –
Inserir remarks: 50/* valor cash+taxas BRL
primeira parcela) / taxa e código da taxa
Pagamento CASH + Cartão Parcelado com FMP bandeira e número do cartão / validade *Z código de
juros e sem entrada autorização *MSPL quantidade de parcelas X código do
plano de parcelamento X valor da parcela com juros //
Inserir remarks: 50/* valor cash+taxas BRL%
saldo (tarifa – primeira parcela) / taxa e código da taxa
Pagamento CASH + Cartão Parcelado sem FMP bandeira e número do cartão / validade *Z código de
juros e com entrada no cartão autorização *MSPLE quantidade de parcelas X código do
plano de parcelamento X valor da parcela descontando a
Inserir remarks: 50/* valor cash+taxas BRL%
entrada // saldo (tarifa facial – entrada) / taxa e código da
taxa
Pagamento CASH + Cartão Parcelado com FMP bandeira e número do cartão / validade *Z código de
juros e com entrada no cartão autorização *MSPLE quantidade de parcelas X código do
plano de parcelamento X valor da parcela descontando a
Inserir remarks: 50/* valor cash+taxas BRL%
entrada e com juros // saldo (tarifa facial – entrada) / taxa
e código da taxa

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 U]%


:@&"('%###%A%^;L0%?78%A%C0X0<o,/.;%CbT.-;%

Criar uma única máscara para todos os nomes do PNR W‡CTKT

CrIar duas máscaras separadas (um adulto e uma W‡CTKT‡PADT/CHD‡S1/3


criança, para segmentos 1 e 3)

Criar duas máscaras separadas (um adulto e um colo) W‡CTKT‡PADT/INF

Criar máscara a partir do cálculo automático (3.0) WD

Criar máscara para adulto e criança a partir do cálculo WDPADT/CNN


automático (3.0)

Criar máscara com as informações da tarifa mais barata WDNC


disponível para o itinerário reservado

Criar máscara com as informações da tarifa mais barata WDNCS


possível

Criar máscara a partir de um comando de cálculo (3.5) WDQYBR

Criar máscara a partir de um comando de cálculo com WDS1*QHBR‡S2*QLBR


duas bases tarifárias (3.5)
WPS1*QHBR‡S2*QLBR‡WD

Criar máscara a partir de um comando de cálculo com WDQ//DP20


desconto (3.75)
WPQ//DP20‡WD

Acessar a máscara Fase IV **WTKT(número da máscara)

Exibir máscara Fase IV **W(número da máscara)

Apagar uma máscara específica Fase IV W‡D (número da máscara)

Apagar todas as máscaras Fase IV W‡D

Clonar um único registro de bilhete Fase IV W‡CP* (loc. Sabre)

Clonar múltiplos registros de bilhete Fase IV W‡CP1/3* (loc. Sabre)

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 U=%


$,0c5%A%I5M\P./;%-0%!;<;,P.;%-0%B;<.X;L% %

A Sabre Travel Network está comprometida a fornecer informações sobre tarifas de


qualidade e precisas a todos os clientes do sistema Sabre®.
Portanto a Sabre Travel Network garante o pagamento de notas de débito resultantes
de emissões que estejam de acordo com todos os critérios estabelecidos na Política
para reembolso.
Para facilitar, algumas normas de procedimento mais utilizadas para estabelecer se a
nota de débito será elegível para reembolso pela Política estão em destaque abaixo.
Por favor notem que a Política compreende os ítens destacados e todos os
procedimentos, requerimentos e exceções referente a qualificação para reembolso
constam nas próximas páginas, incluindo os Anexos. Por favor estejam cientes que
antes de submeterem uma nota de débito para reembolso, devem ler e estar
familiarizados com toda a Política (não apenas os ítens em destaque).
Destaques da Política
Para que a nota de débito seja passível de reembolso, deve satisfazer certas diretrizes,
incluindo, mas não limitadas, ao seguinte:
• A Política se aplica às notas de débito recebidas pela Sabre Travel Network
dentro do período de 12 (doze) meses da data da emissão do bilhete,
independente da data da emissão da nota de débito;
• O bilhete associado à nota de débito deve compreender:

(1) Emissão automática em fase 3.0, através do sistema Sabre®, conforme


indicado pelo campo FCI (Ticket Control Number) 0 (zero), 2 (dois) ou
6 (seis), ( ver Anexo A) , ou:
(2) Emissão em fase 3.75, através do sistema Sabre®, que determina ser uma
discrepância tarifária e que a tarifa não foi alterada durante a emissão, foi
apenas inserido o designador do bilhete (Ticket Designator);

• O bilhete associado à nota de débito deve ter sido usado para viagem;
• O bilhete associado à nota de débito não deve conter um preço que
claramente está muito abaixo do valor praticado pelo mercado. Isto se aplica
a todos os bilhetes, incluindo os resultantes de reservas feitas através de
meios automáticos (como ferramentas de “booking” via web) as quais não
requerem a intervenção do agente de viagens para a emissão;
• Notas de débito para emissões resultantes ou associadas ao uso incorreto e
abusivo do sistema Sabre®, uso de má fé, furto, fraude ou qualquer outro
não cumprimento com o acordo assinado com o Sabre® não são qualificadas
para reembolso;
• Notas de débito resultantes de erros no tarifamento causados por uma
empresa aérea ou outro participante que não a Sabre Travel Network não são
qualificadas para reembolso;

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 [8%


• Notas de débito resultantes ou associadas com os tipos de tarifas e práticas de
emissões listadas no Anexo C não são qualificadas para reembolso.
Tarifas aéreas estão constantemente mudando e a Sabre Travel Network opera um
sistema rigoroso para garantir aos clientes a melhor informação possível, incluindo o
uso das mais recentes aplicações tarifárias especificadas pela indústria e empresas
aéreas para garanti-las com precisão.
A Política de Garantia de Tarifas do Sabre está sujeita a mudanças e/ou cancelamento
a qualquer momento sem prévio aviso. A garantia de tarifas da Sabre Travel Network
está sujeita a condições e limitações contidas neste documento e a Sabre Travel
Network se reserva no direito de determinar se a nota de débito está dentro dos
critérios para reembolso.
Procedimentos para nota de débito

1. Determinar se o bilhete associado à nota de débito possui o indicador correto


de emissão automática (FCI) 0, 2 ou 6 (veja Anexo A) – ou – se a emissão
em fase 3.75 na qual a tarifa não foi modificada durante a emissão mas
apenas inserido o designador do bilhete e também atende aos demais critérios
da Política para consideração de reembolso.

2. Se o bilhete não possui o indicador correto de emissão automática – ou – é


uma emissão em fase 3.75 na qual a tarifa foi modificada durante a emissão
e/ou não atende aos demais critérios da Política para consideração de
reembolso, a agência é responsável pela solução da nota de débito
diretamente com a empresa aérea, podendo efetuar o pagamento direto à
empresa aérea ou ainda resolvendo a nota de débito com a empresa aérea.
- ou -
Se o bilhete possui o indicador correto de emissão automática (FCI) 0, 2 ou 6
– ou – se a emissão em fase 3.75 na qual a tarifa não foi modificada durante a
emissão mas apenas inserido o designador do bilhete e também atende aos
demais critérios da Política para consideração do reembolso, encaminhe a
nota de débito para a equipe do Sabre Air Pricing para análise. (veja Anexo
C).
A seguinte documentação deve ser submetida:
• Cópia legível do bilhete emitido automaticamente pela
agência através do sistema Sabre
• Cópia legível da nota de débito completa, emitida pela
empresa aérea, incluindo a justificativa
• Histórico da reserva (apenas para emissão em fase 3.75)
• Identificador Corporativo (apenas para emissão com tarifa
negociada)
• Contato da agência (nome, PCC, e-mail, telefone)

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 [6%


3. Uma vez a nota de débito recebida pelo Sabre Air Pricing, a agência receberá
uma notificação acusando seu recebimento.

4. O Sabre Air Pricing empenha-se em analisar e investigar as notas de débito


dentro de 5 (cinco) dias úteis do recebimento da documentação completa.
Nos casos cujo valor estiver dentro do limite autorizado para reembolso local
(USD500,00 ou equivalente na moeda local), o mesmo será providenciado
dentro do mesmo prazo. Nos casos cujo valor exceder o limite autorizado
para reembolso local, a solicitação de autorização para reembolso será
enviada à nossa Central de Dallas e dentro de 90 (noventa) dias úteis o
mesmo será providenciado. Dependendo dos fatos e circunstâncias locais,
um período maior pode ser requerido antes da conclusão da análise e
determinação final do processo.

5. Se o Sabre Air Pricing determinar que a nota de débito atende aos critérios
para reembolso, a Sabre Travel Network reembolsará a agência diretamente.
O acerto da cobrança da nota de débito emitida pela empresa aérea é de
responsabilidade da agência emissora do bilhete associado à nota de débito,
dentro do prazo estipulado pela empresa aérea.

Se o Sabre Air Pricing determinar que a nota de débito não atende aos
critérios para reembolso, o mesmo notificará a agência que assume a
responsabilidade da cobrança. A Sabre Travel Network reserva o direito de
determinar se a nota de débito está dentro dos critérios para reembolso.
Procedimentos para PTA
Excepcionalmente para o mercado brasileiro, o PTA (Prepaid Ticket Advise) também
é qualificado pela Política de Garantia, desde que satisfaça as seguintes diretrizes:
• Seja gerado automaticamente pelo sistema Sabre;
• A tarifa esteja calculada e gravada na fase 3.0, com os respectivos
indicadores de venda e emissão aplicáveis, na mesma data da
geração do PTA para a garantia de informações idênticas;
Uma vez a agência notificada pela empresa aérea que houve divergência tarifária, a
mesma deve entrar em contato com o Help Desk Sabre (11-3146-1500 ou 0300-789-
6789) ou através do email do Sabre Air Pricing (airpricing.brasil@sabre.com). O
Sabre Air Pricing vai analisar caso a caso e informar as providências a serem
tomadas pela agência.
Caso seja autorizado o reembolso, a seguinte documentação deverá ser submetida:
• Localizador Sabre da reserva (nos casos da criação de reserva cópia
para o envio do complemento, enviar os dois códigos)
• Cópia dos formulários original e do complemento do PTA
O Sabre Air Pricing empenha-se em analisar e investigar a diferença do PTA dentro
de 5 (cinco) dias úteis do recebimento da documentação completa. O reembolso será
Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 [*%
providenciado dentro do mesmo prazo. Dependendo dos fatos e circunstâncias locais,
um período maior pode ser requerido antes da conclusão da análise e determinação
final do processo.
Perguntas freqüentes

1. O que é a Política de Garantia de Tarifas Sabre?


A Política é um conjunto de procedimentos e diretrizes que estabelecem sob quais
circunstâncias a Sabre Travel Network garantirá a precisão dos bilhetes aéreos. Se a
Sabre Travel Network determinar que a nota de débito atende aos critérios da
Política, a nota de débito será reembolsada diretamente à agência. A Sabre Travel
Network se reserva no direito de determinar se a nota de débito está dentro dos
critérios para reembolso.
2. A Política cobre notas de débito emitidas por comissões coletadas em
excesso?
Não. Qualquer nota de débito associada a comissões são de inteira responsabilidade
da agência. (veja Anexo B).
3. Onde eu posso obter informações referente ao processamento de nota de
débito?
a. airpricing.brasil@sabre.com
b. Help Desk Formatos
c. Business Consultant
4. Eu receberei uma notificação que o Sabre Air Pricing recebeu minha nota
de débito?
O Sabre Air Pricing, a partir do recebimento da documentação necessária para a
análise da nota de débito, notificará a agência do recebimento e dará início ao
processo de análise e investigação.
5. Qual o prazo para a conclusão de análise da nota de débito?
O Sabre Air Pricing empenha-se em analisar e investigar as notas de débito dentro de
5 (cinco) dias úteis do recebimento da documentação completa. Dependendo dos
fatos e circunstâncias locais, um período maior pode ser requerido antes da conclusão
da análise e determinação final do processo.
6. Por que os bilhetes “forçados” e manuais não estão cobertos pela Política
de Garantia de Tarifas Sabre?
A Sabre Travel Network não pode se responsabilizar pelo uso de comandos que
podem ser usados para sobrepor as regras tarifárias. O uso destes comandos
comprometem a exatidão da tarifa e a Sabre Travel Network não deve ser
responsável por qualquer nota de débito resultante destas ações.
7. Quem eu posso contatar para questionar assuntos referentes a aplicação da
Política para um bilhete em específico?
Antes de contatar o Sabre Air Pricing, esteja certo de primeiro verificar que o bilhete
possui o indicador de emissão automática (TCN/FCI) 0, 2 ou 6, ou se a emissão for
fase 3.75 na qual a tarifa não foi modificada durante a emissão e apenas inserido o

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 [1%


designador do bilhete. Após, determine se a nota de débito atende aos demais
critérios para reembolso listados na Política. Se ainda tiver questões sobre a emissão,
um dos contatos da questão 3 poderá ajudá-lo.
8. A Sabre Travel Network garantirá tarifas coletadas a menor que a agência
deveria saber que estão incorretas?
Nos casos onde o Sabre Air Pricing determinar que a nota de débito resultou de uma
tarifa que, mesmo atendendo aos critérios da Política para reembolso, mas que a
agência deveria sensatamente saber que a tarifa listada no sistema Sabre® estava
incorreta (por ex. SAO para MIA por USD 100.00), a nota de débito não é
qualificada para reembolso. Isto inclue notas de débito resultantes de reservas feitas
por outros meios automáticos (como ferramentas de “booking” via web) as quais não
requerem a intervenção do agente de viagens para a emissão.
9. Que período está coberto pela Política de Garantia de Tarifas?
Notas de débito recebidas pelo Sabre Air Pricing dentro de 12 (doze) meses da data
da emissão do bilhete, independente da data da emissão da nota de débito, podem ser
submetidas para investigação. Notas de débito recebidas fora deste período de
validade não são qualificadas para análise e investigação e serão retornadas para a
agência solicitante.
10. Isto significa que as empresas aéreas não emitirão notas de débito para
bilhetes com data superior a 12 (doze) meses?
As empresas aéreas aplicam suas próprias Políticas nesta questão.
11. Se a empresa aérea me oferecer uma tarifa mais baixa do que a tarifa que eu
emiti em meu bilhete, o Sabre vai me devolver a diferença?
Estes casos devem ser tratados diretamente com a empresa aérea, solicitando
reembolso da diferença através de procedimento normais de reembolso BSP. A
construção tarifária discrepante deverá ser mencionada no processo de reembolso
para que este seja analisado pela empresa aérea.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 [?%


Anexo A
Identificando o indicador de emissão automática (0,2,6) no e-ticket:

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 [J%


Anexo B
Notas de débito para os seguintes tipos de tarifas e práticas de emissão NÃO serão
consideradas pela Sabre Travel Network:*

1. Cotações tarifárias (ex. FQ, PQ, WP).

2. Bilhetes emitidos manualmente, mesmo com tarifa registrada na reserva.

3. Bilhetes emitidos em fase 4.0, mesmo com tarifa registrada na reserva ou sob
qualquer outra condição.

4. Bilhetes emitidos em fase 3.5.

5. Bilhetes emitidos em fase 3.75, quando a tarifa emitida foi modificada durante a
emissão.

6. Descontos não válidos.

7. Erros no tarifamento causados por ações das empresas aéreas e/ou participante
que não a Sabre Travel Network.

8. Itinerários com segmento em aberto – OPEN.

9. Mensagens de alterações na escala da empresa aérea não recebidas pela


agência.

10. Coletas adicionais feitas às agências devido a mudança no itinerário do bilhete


original.

11. Bilhetes frios, problemas e interrupções na impressora e reembolso de


penalidades.

12. Bilhetes físicos cuja tarifa só é válida para e-tickets.

13. Falha em reportar um bilhete durante um período de reporte de vendas.

14. Alterações no Cartão de Crédito feitas pela empresa aérea para códigos de
autorizações de cartões de crédito incorretos, uso de cartão de crédito incorreto,
piso limite estendido em excesso ou uso de cartões roubados ou em listas negras.

15. Bilhetes que são manipulados e sujeitos a anulamentos listados abaixo:

• Isenções de taxas – a agência é responsável por mostrar a prova do status de


isenção de taxa à empresa aérea.

• Violações de endossos.

• Itinerários cancelados e revendidos no propósito de estender o prazo de


emissão como definido pela empresa aérea.

• Vendas de segmentos passivos e encargos – uso de códigos de status


passivo (ex. GK).

• Comissão.

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 [U%


• Encargos pela empresa aérea.

• Ponto além da emissão - quando o passageiro não viajou conforme emitido.

• Emissão com várias voltas como definido pelas empresas aéreas – quando
múltiplas viagens de ida e volta são feitas na mesma reserva.

• Anulação da validade automática do bilhete.

16. Uso indevido e abusivo do sistema Sabre®, uso de má fé de furto, fraude ou


qualquer outro não cumprimento com o acordo assinado com o Sabre®.

17. Taxas de serviços, administrativas e de processamento lançadas pela empresa


aérea.

18. Taxas de bilhete físico (paper ticket fees), mesmo que evidente em regra.

19. Bilhetes tarifados usando outros meios que não pela intervenção da Sabre
Travel Network.

20. Complementos resultantes de bilhetes reembolsados ou reemitidos.

21. Penalidades lançadas pela empresa aérea.

22. Viagem futura.

23. Taxas e encargos YQ/YR, mesmo que evidente em regra.

24. Tarifa que foi claramente coletada a menor.

25. Franquia de bagagem.

26. Reemissões baseadas em upgrades.

* Os tipos de tarifas e práticas de emissão não sujeitos ao reembolso sob a Política não estão limitados
aos exemplos listados acima. A lista precedente pode ser modificada a qualquer momento pela Sabre
Travel Network sem aviso prévio.

Anexo C
Contatos Sabre Air Pricing
Fax: (11) 3146-1451 A/C AIR PRICING
Endereço:
A/C AIR PRICING
Av. Paulista 1106 1ºandar
Cerqueira César
São Paulo – SP
CEP 01310-914
E-mail:
airpricing.brasil@sabre.com

Emissão BSP – Manual do Aluno – Março de 2009 [[%