Você está na página 1de 2

A CONSOLIDAÇÃ O DE UM DISCÍPULO.

Qual a sua maior dificuldade de relacionamento no discipulado? Qual foi a sua maior renuncia para
alcançar o propó sito de Deus?

Tudo muda a partir de nó s mesmos. Somos responsá veis pelos nossos atos de sucesso ou de fracasso.
Nã o existe exército fraco, o que existe é líder desanimado ou fraco por trá s deste exército.

O líder nã o deve ser distraído, assim como o exército nã o deve distrair-se, mas deve olhar para tudo o
que há à sua frente, olhar para o alvo. Nã o existe campo difícil, o difícil é encontrar um líder
comprometido.

A unçã o para liderança, nã o pode ser comprometida com situaçõ es que roubem a conquista. Temos
um alvo e nã o podemos ser distraídos, mas olhar para o alvo, manter-se no foco.

Nenhum líder responsá vel consegue caminhar sem metas. Quem é líder, tem influência e deve
caminhar nesta verdade. Quem é líder de influência nã o pode deixar que a estratégia do Fruto Fiel seja
paralisada. Todo Fruto Fiel precisa ser consolidado e nã o roubado.

Quais as metas para consolidar o Fruto Fiel. Como faço para apresentar, mês a mês, o Fruto Fiel.

1. GERAR UMA EXPECTATIVA CORRETA; Jeremias 1:4-5.


Qual é a expectativa que você acredita que Deus tem para sua vida? Todo líder precisa viver de baixo
de expectativas, acreditando no que Deus já falou.

Jeremias nã o disse que viu Deus, mas Deus se aproximou dele, a ponto de a mã o do Senhor ser
colocada sobre a boca do profeta. A intençã o de Deus é tirar toda palavra de morte e fazer liberar a
palavra de vida. Somos líderes, e a palavra que deve sair de nossa boca é uma palavra de autoridade,
de â nimo, de vida. Essa deve ser a linguagem do líder de êxito.

É preciso que, como líderes, geremos nos coraçõ es dos discípulos uma expectativa de vida, de
conquista, de vitó ria. No discipulado, precisamos nos inteirar de como andam os nossos discípulos. Se
os discípulos nã o sã o estimulados a se expressar, as consequências vêm depois. Se o líder nã o se
relaciona com os discípulos, é possível formar uma equipe enferma.

Como líder, você deve caminhar de forma a gerar no discípulo a expectativa correta. Existem
expectativas que sã o geradas para que as nossas limitaçõ es e anseios sejam tratados.

O avivamento está na boca do povo de Deus, mas precisa estar primeiramente no coraçã o. A bíblia diz
que a boca fala do que o coraçã o está cheio (Mt 12:34). Encha seu coraçã o das palavras de vida para
gerar uma expectativa correta na vida dos seus discípulos.

2. SER UM PADRÃO DE MUDANÇA; Eclesiastes 7:10.


Quando uma equipe perde o foco, ela se divide. Um líder fraco nã o adestra um exército para a guerra.
Precisamos ter em nossa boca uma palavra de vida se quisermos experimentar uma mudança de
estaçã o. Em equipe, é muito importante ter uma só linguagem.

Seus discípulos precisam ter a convicçã o de que você é o líder que, ao chama-los, estará na linha de
frente para conduzi-los em vitó ria. Quem tem saudade do passado, é porque nã o tem conquista no
presente, e nem tem um projeto para o futuro. Todas as pessoas que perdem o foco do futuro é porque
nã o têm conquistas no presente. Perderam o foco do futuro.

Quem acha que seu passado foi melhor do que tem sido o seu presente, tem falta de sabedoria. O líder
precisa ser o padrã o de vida do futuro, fazendo com que os seus discípulos valorizem o presente, se
esquecendo das coisas passadas, e entrando no futuro. Necessitamos construir caminhos facilitadores
para o futuro. O líder que vive se reprovando nã o consolida o discípulo, e anula a si mesmo.

Se nã o houver discipulado que abra coraçõ es, o líder está fadado ao fracasso. Se nã o abrirmos os
coraçõ es, nã o veremos cura no discipulado. Toda cura está atrelada à confissã o. Se nã o houver
ouvidos humanos para confissã o, nã o há êxito espiritual. Toda colheita está ligada à confissã o para ser
liberto e curado, e assim aprovados.

Nã o adianta ter sucesso por fora, se dentro do ser nã o tem conquista. Se no interior nã o tem vitó ria, no
exterior nã o tem conquista viá vel. O externo sempre será uma resposta do interno. Todo líder de êxito
alcança a conquista por ser o modelo.

3. ESTABELECER A CONQUISTA;
Pagando o preço, renunciando o que for necessá rio por causa do povo e contra nó s mesmo. Toda
conquista precisa ter renú ncia. Ninguém tem vitó ria, sem antes ter deixado algo para trá s.

Enfrentando as lutas, porque elas fazem parte de líder de êxito, pois fomos chamados a construir
novos caminhos, e estabelecer circunstâ ncias viá veis na vida dos discípulos.

Buscando ajuda na crise, pois na crise todos vêm defeitos na equipe, e sempre procuram um culpado.
Nas crises nã o podemos deixar de liberar as palavras de autoridade, pois existem pessoas que se
alegram com a queda dos outros sem nenhuma piedade.

Cada um de vocês é um milagre de Deus. Quando somo provados e resistimos as provas, é sinal de que
fomos aprovados pelo Senhor, e assim nos tornamos formadores de opiniõ es e de ideias.

Todo sucesso começa dentro de nó s. O que pensamos, determina o que viveremos, e o que
conquistaremos. Quando as pessoas olham para você e sabem o que você era, e o que você é hoje, sã o
obrigadas a admitir o sobrenatural de Deus em sua vida.

Tudo o que você precisa fazer é publicar, através do seu testemunho, que vale muito mais do que
palavras. O que o discípulo ver em você consolidará na vida dele.