Você está na página 1de 39

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 1

SOBRE O AUTOR
Olá, tudo bem? Meu nome é Elielton Souza e
sou eu quem escreveu este e-book e acredito
que se você quer saber sobre Bitcoins e
Criptomoedas, este é o e-book certo.

Sou Técnico Químico e Geógrafo, atuei


durante 8 anos no mercado ambiental, mas
acabei saindo deste mercado devido as
Elielton Souza
dificuldades em ter que quase sempre ficar
longe da família viajando.

Durante um longo período e diversas


pesquisas realizadas, me identifiquei muito
com os mercados de marketing digital e
criptomoedas. Então para me qualificar
nestes dois mercados estou constantemente
Treinamento Bitcoin Trader Imersão buscando os conhecimentos específicos,
onde regularmente participo de palestras,
realizo atividades e cursos presenciais.

Sou o fundador do blog


criptomoedaspro.com.br, onde disponibilizo
gratuitamente artigos sobre criptomoedas.

Estou aqui entregando este e-book


gratuitamente para você aprender quais são
os ingredientes necessários para os primeiros
passos obter muito sucesso no mercado das
Coaching Neurofinanceiro Rodrigo Miranda e
Elielton Souza criptomoedas.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 2


GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 3
SUMÁRIO
INTRODUÇÃO .................................................................................................... 6
MÓDULO I – O QUE SÃO CRIPTOMOEDAS? .......................................................... 7
1 - Onde e como surgiu? .................................................................................... 7
2 - O que são Criptomoedas? ........................................................................... 9
3 – O que é blockchain? ................................................................................... 10
MÓDULO II – COMO FUNCIONA O MERCADO FINANCEIRO DE CRIPTOMOEDAS?11
1 – O que é o mercado financeiro e para que serve? ........................................... 11
2 – O que é renda fixa variável? ........................................................................ 11
3 – O que são e quem são os especuladores? .................................................... 12
4 – O que faz o mercado subir e descer? ............................................................ 13
5 – O que é o mercado à vista? ......................................................................... 14
6 – O que é o mercado futuro? .......................................................................... 14
MÓDULO III – POR QUE INVESTIR EM CRIPTOMOEDAS ..................................... 16
1 – Volatilidade e alta rentabilidade? .................................................................. 16
2 – Oportunidades globais e transações rápidas ................................................. 17
3 – Fácil de acompanhar ................................................................................. 17
MÓDULO IV – POR ONDE COMEÇAR? ................................................................ 18
1 – Quanto investir? ......................................................................................... 18
2 – Onde comprar?........................................................................................... 19
3 – Onde comprar?........................................................................................... 19
MÓDULO V – PLANEJANDO E ANALISANDO ....................................................... 20
1 – Qual perfil vou seguir?................................................................................. 20
2 – Análise de notícias .................................................................................... 20
3 – Peso das notícias ...................................................................................... 21
4 - Especulações ........................................................................................... 22
5 – Notícias negativas ..................................................................................... 22
6 – Testando no simulador (Back Teste) ............................................................. 23
MÓDULO VI – ESTUDOS DE CASOS ................................................................... 25

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 4


1 - Correção no valor...................................................................................... 25
2 – Quebra do mercado .................................................................................... 25
3- O valor de mercado é merecido? ................................................................ 25
4 – Os golpes mais comuns envolvendo criptomoedas .................................... 26
4.1- Carteiras falsas ....................................................................................... 26
4.2- Falsas exchanges ................................................................................... 27
4.3- Pishing .................................................................................................... 27
4.4- Pirâmides e esquemas ponzi .................................................................. 28
4.5- Clubes de investimento .......................................................................... 29
4.6- ICOs falsas ............................................................................................. 29
4.7- Dumps .................................................................................................... 30
5 – Idéias para análise de mercado ................................................................. 31
MÓDULO VII – TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO DE CRIPTOMOEDAS....................... 32
1– Idéias para análise de mercado .................................................................. 32
1.1- Limite seu investimento ao que você pode se dar ao luxo de perder ..... 32
1.2- Sempre defina a metade lucro e parar com antecedência em níveis
elevados de perdas ....................................................................................... 32
1.3- Certifique-se de entender como definir Stop Limit .................................. 33
1.4- Compreender a importância dos gráficos ............................................... 33
2– Buy the dips ............................................................................................... 34
3– Análise técnica ........................................................................................... 35
4– Estratégia para trading ............................................................................... 36
CONCLUSÃO .................................................................................................... 38

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 5


INTRODUÇÃO
Com esse e-book você será capaz de entender de forma ampla do que se trata a Bitcoin e
principalmente dicas essenciais para o seu sucesso ao negociar criptomoedas.

O foco do E-book é levar um conhecimento amplo para aqueles que querem dar um
“start” no mundo das criptomoedas, mas é bem preciso para aqueles que já negociam e
precisam de técnicas e dicas mais avançadas para alcançarem bons resultados.

No início vamos tratar das bases, e ao decorrer do e-book vamos falar de dicas e
técnicas essenciais para o seu sucesso.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 6


MÓDULO I – O QUE SÃO CRIPTOMOEDAS?
1 - Onde e como surgiu?
Desde o início dos primeiros dias da Internet, o conceito de dinheiro digital sempre
intrigou a comunidade digital. Quando a world wide web (www) realmente começou a
se popularizar no final dos anos 80, e ao longo dos anos 90, ativistas de privacidade
on-line chamados cypherpunks começaram a desenvolver as primeiras moedas digitais.

David Chaum e muitos outros criptógrafos bem conhecidos ajudaram a abrir caminho
para uma tecnologia como o Bitcoin.

Uma das primeiras moedas digitais foi a Digicash, criada por Chaum, e depois foi vendida
e usada apenas para assentos bancários. Houve muitos outros esforços durante esses
anos que tentaram criar a moeda da Internet perfeita, como a Hashcash, E-gold e
Bitgold.

Essas ideias nunca realmente se conseguiram vingar até que um desenvolvedor anônimo
(ou um grupo de desenvolvedores) chamado pelo pseudônimo Satoshi Nakamoto
revelasse seu white paper chamado “Bitcoin” em 2008. No ano seguinte, em janeiro, a
rede Bitcoin nasceu.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 7


Após o sucesso do Bitcoin em ser a primeira moeda criptográfica com uma Blockchain,
a tecnologia mostrou que tinha melhores chances do que os predecessores concebidos
antes.
Satoshi Nakamoto é o pseudônimo utilizado pela pessoa ou pessoas que criaram a moeda
virtual bitcoin. Há diversas teorias a respeito de quem poderia estar por trás da verdadeira
identidade de Satoshi Nakamoto, mas por enquanto são apenas especulações.

Em 2009, Nakamoto apresentou o conceito bitcoin no grupo de discussões chamado The


Cryptography Mailing lançou a rede bitcoin que começa a funcionar com o lançamento
do primeiro cliente bitcoin open source e a emissão das primeiras bitcoins.

Estima-se que Nakamoto tem uma fortuna de aproximadamente um milhão de bitcoins


ea verdadeira identidade de Nakamoto permanece desconhecida, e tem sido objeto de
muita especulação.

Em maio de 2016, o mistério parece ter sido revelado, o empreendedor australiano


Craig Wright revela à emissora BBC e as revistas The Economist e GQ ser o
criador do bitcoin, sendo confirmado por pessoas da equipe de desenvolvimento da
criptomoeda e por Gavin Andresen, cientista-chefe da Fundação Bitcoin.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 8


2 - O que são Criptomoedas?
As primeiras criptomoedas vindas após o bitcoin, surgiram com o intuito de resolver e
somar em vários aspectos e necessidades tecnológicas.

As criptomoedas surgiram com várias promessas diferentes para o uso da


criptografia e da blockchain, desde trocar informações governamentais de forma
segura ou no armazenamento de arquivos na nuvem.

Quando você investe em uma criptomoeda, você está investindo na capacidade deste
grupo de continuar o trabalho e fazer o projeto crescer.

As Criptomoedas hoje, funcionam como Criptoativos, ou podemos comparar até mesmo


como Ações, ou seja, quando você compra uma moeda, você possui parte do total das
unidades das ações ou do total de unidades, dela disponível.

Sempre que um desenvolvedor que lançar um novo projeto de tecnologia no mercado, ele
lança uma ICO ou Token, afim de fazer sua moeda crescer, o projeto crescer e obter mais
investimento para fazer o projeto crescer.

Então como você pode perceber, as criptomoedas abriram um novo mercado, que
é o mercado financeiro de tecnologias ou uma bolsa de valores de criptomoedas.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 9


3 – O que é blockchain?
A blockchain (também conhecido como “o protocolo da confiança”) é uma tecnologia que
visa a descentralização como medida de segurança. São bases de registros e dados
distribuídos e compartilhados que têm a função de criar um índice global para todas as
transações que ocorrem em um determinado mercado.

Funciona como um livro-razão, só que de forma pública, compartilhada e universal, que


cria consenso e confiança na comunicação direta entre duas partes, ou seja, sem o
intermédio de terceiros.

Os blocos são adicionados à blockchain de modo linear e cronológico. Cada nó - qualquer


computador que conectado à essa rede tem a tarefa de validar e repassar transações -
obtém uma cópia da blockchain após o ingresso na rede. A blockchain possui informação
completa sobre endereços e saldos diretamente do bloco gênese até o bloco mais
recentemente concluído.

A blockchain é vista como a principal inovação tecnológica do bitcoin visto que é a prova
de todas as transações na rede. Seu projeto original tem servido de inspiração
para o surgimento de novas criptomoedas e de bancos de dados distribuídos.

Um bloco é a parte atual da blockchain onde são registados algumas ou todas as


transações mais recentes e uma vez concluído é guardado na blockchain como
base de dados permanente. Toda vez que um bloco é concluído um novo é gerado.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 10


MÓDULO II – COMO FUNCIONA O MERCADO
FINANCEIRO DE CRIPTOMOEDAS?
1 – O que é o mercado financeiro e para que serve?
Na economia, o mercado financeiro é um "ambiente" que permite a compra e venda (ou
seja, o comércio) de bens como valores mobiliários,mercadorias e câmbio.

2 – O que é renda fixa variável?


Renda Fixa é um tipo de investimento onde a taxa de lucro e de juros é fixada. Ou seja, o
investidor aplica seu dinheiro, sabendo exatamente o quanto irá ganhar depois de um
período estipulado.

Renda Variável é o tipo de investimento onde não há taxa de lucro fixa, ou seja, não há
valor fixo para ganhos e perdas.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 11


3 – O que são e quem são os especuladores?
Um especulador é aquele indivíduo que age no mercado, visando lucros no curto ou
médio prazo.

Ele especula, investiga e supõe tendências, a fim de obter lucro com essas previsões
rápidas.

O especulador sofre muito preconceito no mundo dos investimentos, pois ele é um cara
que opera apenas por dinheiro e deixa os fundamentos filosóficos de prosperidade dos
ativos de lado.

Porém não é errado ser especulador e muito menos proibido, pois boa parte dos players do
mercado, são especuladores. Por outro lado, não tem nada de errado em acreditar
no crescimento de uma criptomoeda. Praticamente esta é a forma mais rentável a longo
prazo.

Hoje o mercado está lotado de criptos, inúmeras oportunidades, muito dinheiro envolvido
e muitas bolhas, estar posicionado por muito tempo em uma moeda pode ser perigoso,
por isso, é vantagem ser um trader especulativo e se manter em um investimento por
pouco tempo, com operações rápidas dia a após dia.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 12


4 – O que faz o mercado subir e descer?
Da mesma forma como acontece em qualquer mercado, o que faz o preço subir ou descer
é a briga entre compradores e vendedores, que querem vender mais caro para obter lucro
ou comprar mais barato para fazer um preço médio.

Em momentos de muito otimismo no mercado, quando há muito burburinho, anúncios e


notícias na mídia de massas, as criptomoedas sobem. Aumenta a procura e quem possui
moedas para vender, elevam o preço para obter o máximo de lucro possível.
Por outro lado, quando há um sentimento de pessimismo no mercado, as pessoas querem
vender o mais rápido que puder, para ficarem de fora de um possível crash no mercado e
este medo, faz com que as pessoas vendam sempre pelo preço mais abaixo do preço atual
de mercado.

Estes dois comportamentos é comum em qualquer mercado e se chamam Bullish Market


ou Bearish Market. Sendo que Bull é o mercado em alta, associando ao ataque do
Touro que é de baixo para cima e o Bear, que é o mercado em queda, associado ao
Urso que ataca de cima para baixo.

Todos estes acontecimentos podem ser previstos através da análise técnica e a análise de
notícias.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 13


5 – O que é o mercado à vista?
Basicamente, um mercado à vista é o mercado onde o preço final e à vista do ativo já
está sendo negociado no instante momento da negociação e por isso, ao comprar, você já
recebe de imediato os ativos que comprou.

6 – O que é o mercado futuro?


Mercados futuros são uma modalidade de derivativos através dos quais um investidor se
compromete a comprar ou vender determinada mercadoria em uma data futura.

Para investir nesses contratos, é preciso dispor de uma margem de garantia seja em
dinheiro ou bens como ativos.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 14


GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 15
MÓDULO III – POR QUE INVESTIR EM
CRIPTOMOEDAS?
1 – Volatilidade e alta rentabilidade?
É verdade, quanto maior a volatilidade, maior é o risco envolvido. Porém, quanto maior é
a volatilidade, maiores são as chances de fazer um bom dinheiro a curto prazo.

Apesar da volatilidade ser um conhecimento básico no mercado de capitais, ela faz a


diferença na vida do investidor que é consciente e sabe utilizar todos os fatores a seu
favor.

Volatilidade é a mensuração de um risco de acordo com o seu histórico. Uma das formas
de analisar a volatilidade de um ativo é medindo a sua oscilação ou o desvio padrão
do seu valor ou rentabilidade.

Para investir em mercados de alta volatilidade, você precisa estudar e praticar para
dominar a análise gráfica e fundamentalista, pois estará disputando os lucros com outros
operadores experientes.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 16


2 – Oportunidades globais e transações rápidas
As oportunidades no mercado de criptomoedas é muito simples, você faz um TED da
sua conta para uma corretora brasileira de bitcoins e comprar uma quantia da
criptomoeda. Esse processo pode levar aproximadamente 30 minutos.

Depois, ao identificar uma oportunidade com uma criptomoeda internacional,


basta transferir seus bitcoins para a corretora internacional onde há disponibilidade desta
moeda e então fazer o investimento.

3 – Fácil de acompanhar
A todo momento aparecem grandes oportunidades no mercado criptomoedas.
Existem comunidades online altamente ativas e que oferecem grandes informações e
suporte para o mercado.

Há também vários canais de notícias qualificados e com atualizações instantâneas do


mundo das moedas digitais.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 17


MÓDULO IV – POR ONDE COMEÇAR?
1 – Quanto investir?
O primeiro passo de todos é saber o quanto você deve investir.

O mínimo que você pode investir hoje em dia nas criptomoedas, é por volta de 100
reais.

Compre 100 reais em bitcoins e transfira para uma corretora internacional, para você
aprender como todo o sistema funcionou.

Ao adquirir experiência no mercado, seria bom aumentar o investimento entre 1000 a


5000 reais, mais ou menos 1000 dólares, para fazer os seus trades em criptomoedas.

Mesmo com 1000 dólares em caixa, é aconselhável que você não comprometa mais do
que 33% do seu patrimônio em uma operação.

Vale ressaltar também uma questão importante sobre o psicológico do investidor.

Não opere nunca no desespero, a fim de tirar a corda do seu pescoço com dívidas e
contas para pagar.

O desespero pode te sabotar e fazer você tomar decisões precipitadas. Isso não quer dizer
que você não possa tirar o seu sustento ou pagar suas contas com o trade, mas isso não
deve ser feito de forma desesperada.

Da mesma forma, cuidado ao pegar empréstimos para operar, por se tratar de uma renda
variável, o seu resultado no final do mês pode frustrar suas expectativas e o seu
investimento pode não pagar o seu empréstimo.

Se for fazer, faça com consciência e planejamento.

- Aprenda agora a investir em Criptomoedas e Bitcoin.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 18


2 – Onde comprar?
Ao ter o valor do investimento definido, compre tudo em bitcoin, para depois transferir
para uma corretora internacional e aplicar nos investimentos corretos em outras
criptomoedas.

No Brasil, você pode utilizar diversas exchanges tais como a Mercado Bitcoin, Braziliex,
Foxbit entre outras.

No Exterior, eu recomendo que utilize a Binance ou Poloniex.

3 – Onde comprar?
Ao abrir conta na corretora e confirmar seus documentos, basta ir na opção depósito e
fazer uma transferência para uma das contas bancárias disponíveis na corretora.

Em seguida, envie o comprovante de depósito para agilizar a transação. Depois basta


comprar o seus bitcoins com o crédito disponibilizado no painel de trade simples ou
avançado.

Depois que você tem os seus bitcoins em mãos, você pode transferir para a outra
corretora quando quiser.
Para transferir é necessário o endereço da carteira de destino.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 19


MÓDULO V – PLANEJANDO E
ANALISANDO
1 – Qual perfil vou seguir?
• Day Trade: operações rápidas e diárias que exige maior habilidade técnica e
emocional com constância diária de operação e disciplina;

• Swing Trade: operações com prazos maiores e exige maior capital de


investimento. Acompanhamento diário de notícias;

• Hold Position: operações de longo prazo e acompanhamento diário de


notícias.

2 – Análise de notícias
Uma análise fundamentalista é a análise da situação financeira, econômica e
mercadológica das criptomoedas e suas expectativas e projeções para o futuro.

O termo refere-se, simplesmente, à análise da saúde econômica da moeda ao invés de


apenas os movimentos de preços.

Neste caso, é importante você analisar o histórico de movimentações da moeda, como


está sua atuação, capitalização e movimentação nos últimos dias, semanas e meses. Além
disso, é preciso estar atualizado sobre as perspectivas da comunidade e investidores por
trás do projeto.

Para fazer análise de dados sobre a moeda, você pode utilizar por exemplo o site:
https://coinmarketcap.com/

Esse site oferece dados técnicos muito importantes para a análise do histórico e
liquidez da moeda.

As notícias nos ajuda também a identificar futuras tendências no mercado e com isso fazer
previsões mais precisas.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 20


Quando há muitas notícias positivas sobre uma moeda por exemplo, isto aumenta o
otimismo dos investidores e a mesma tem uma tendência de valorização no mercado.

Identificar a atmosfera psicológica do mercado através das notícias, nos oferece a


oportunidade de criar uma balança se o mercado está otimista ou pessimista.

3 – Peso das notícias


É muito importante que você fique de olho nas notícias econômicas sobre as
criptomoedas, pois a intervenção de alguns países possui grande peso na
movimentação do mercado.

É importante estar de atualizado. Um grande investidor por exemplo, que pode impactar
de forma grande no mercado, geralmente faz anúncios sobre suas ações para que o
mercado não seja fortemente impactado por sua negociação.

Em épocas especiais como Natal, Fim de Ano e Férias, o mercado também sobre forte
influência, por conta dos investidores querendo liquidar seus ativos para poderem gastar
nestas datas.

Tudo isso, pode ser analisado através das notícias, quando se está de olho nelas.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 21


4 - Especulações
Especulação é o ato de investidores e empresas que a todo momento lançam as suas
expectativas uns contra os outros em busca de ganhos futuros ou preservação do
capital.

As expectativas baseadas em tais ações são diversas e, devido a tal divergência, se


concretizam ou não a todo instante.

Em outras palavras, especulação vem da opinião sobre o futuro do investimento que


está em pauta.

Hoje, no mundo das criptomoedas, é muito comum ver investidores especulando sobre
o futuro das moedas, principalmente do bitcoin que é ativo carro chefe deste mercado.
Muitos investidores tentam prever um futuro para o mercado e especulam de forma
que pode ajudar ou prejudicar outros investidores. Dependendo de quem é este
especulador, ele pode impactar profundamente no mercado por conta do seu poder de
especulação.

É muito importante ter cuidado ao seguir a opinião de alguém neste mercado, mesmo
que ele tenha certa autoridade em seu trabalho.

5 – Notícias negativas
Notícias negativas tem sido uma boa oportunidade para muitos investidores atentos à
lucrarem com a notícia.

Alguns investidores ao ouvirem notícias negativas, costumam se desesperar e com isso


tomar ações de venda que os levam a ter prejuízos, fazendo o valor do ativo descer.

Investidores atentos percebem esta especulação negativa e com isso compram na


baixa e lucram com a recuperação do mercado.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 22


6 – Testando no simulador (Back Teste)
Para quem está começando agora no mundo das operações financeiras, é importante
antes de começar a investir, realizar testes em simuladores.

Basicamente é simular uma operação de compra ou venda com base nas notícias do
mercado.

Neste caso, você simula um valor que você possivelmente poderia investir e faça a
análise do quanto você poderia ter lucrado ou perdido com a sua decisão diante a sua
análise da notícia.

Com o avanço da complexidade deste mercado de criptomoedas no futuro, as análises


fundamentais para as criptomoedas irão chegar a um nível mais avançado de análise,
sendo necessário talvez a aplicação de técnicas fundamentais usadas por investidores
em bolsa de valores.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 23


GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 24
MÓDULO VI – ESTUDOS DE CASOS
Muitas pessoas ficaram assustadas com a queda no valor da Bitcoin no ano de 2018
após a grande alta no final do ano de 2017, sendo o caso noticiado na mídia e foram
levantados muitos “possíveis” motivos.

Mas um motivo simples já basta para que houvesse essa queda, e por incrível que pareça,
não é ruim. Veja porque:

1 - Correção no valor
Quando os preços caem e as pessoas começaram a vender suas moedas, mas
em algum momento, o equilíbrio entre vendedores e compradores vai ser atingido
e a moeda volta a subir.

As más notícias ou FUDs (fear, uncertainty and doubt) também influenciam na


cotação do valor, mas o crescimento retornará, num ritmo mais racional.

2 – Quebra do mercado
O tipo de quebra que poderia acontecer caso, digamos, o bitcoin fosse banido dos
Estados Unidos, ou que os operadores das grandes corretoras aplicaram um
golpe em seus usuários, roubaram todo seu dinheiro.

Isso pode ocorrer porque o mercado está fora de proporção e as quebras de


mercado geralmente acontecem com apenas alguns sinais de alerta, talvez com
algumas más notícias.

3- O valor de mercado é merecido?


Geralmente os mercados financeiros são frequentemente descritos como uma
panela de pressão, se você aquecer e não liberar a pressão de vez em quando,

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 25


ele pode explodir. O tempo todo, você encontrará pessoas que lhe dirão que o
crescimento do mercado está só começando e que ele será avaliado em trilhões
de dólares. No entanto, inúmeros sinais nos alertavam de que os preços estavam
muito altos. Um exemplo é que quando o Bitcoin ultrapassou os 12 mil dólares
pela primeira vez, vários especialistas diziam que o mercado estava
supervalorizado.

4 – Os golpes mais comuns envolvendo criptomoedas


Existem diversos riscos e você deve se atentar ao que está fazendo. Vamos ver
então:

4.1- Carteiras falsas


Para guardar qualquer quantidade de qualquer criptomoeda você precisa de uma
carteira, que nada mais é do que um aplicativo feito especialmente para esse fim.

Sua carteira (wallet) precisa ser um recipiente seguro e criptografado, impedindo


que terceiros possam ter acesso ao seu saldo e chaves privadas.

Mas tome cuidado: existem muitas carteiras falsas por aí, inclusive dentro das
lojas oficiais de aplicativos.

Esses softwares prometem guardar suas economias com segurança, mas, ao


depositar seu dinheiro lá, os fundos são imediatamente transferidos para a conta
de cibercriminosos.

O ideal é nunca confiar em aplicativos recém-lançados; procure alternativas já


conhecidas e com boas referências na internet.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 26


4.2- Falsas exchanges
É comum encontrar exchanges falsas criados por meliantes para roubar moedas.

Não se engane: estamos falando de sites bem feitos, bonitos, construídos de


forma profissional. Porém, ao fazer qualquer operação de compra e venda, você
perde seu dinheiro para os estelionatários.

A dica é a mesma do item anterior: antes de transferir qualquer quantia, faça uma
pesquisa para descobrir a reputação daquela casa de câmbio e descobrir se
outros internautas tiveram problemas com ela.

4.3- Pishing
Uma outra prática muito comum entre os cibercriminosos é aplicar técnicas de
phishing.

É o golpe que utiliza artimanhas para seduzir o usuário a informar, por conta
própria, alguns dados sigilosos para roubar criptomoedas.

Isso pode ocorrer sob a forma de um e-mail aparentemente enviado pela empresa
que desenvolve sua wallet, pedindo que você confirme sua senha. É muito fácil
clonar uma página de login para conseguir credenciais alheias.

Recebeu uma mensagem suspeita? Não abra nenhum link e nem preencha
formulários.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 27


4.4- Pirâmides e esquemas ponzi
Geralmente, quem cai em esquemas deste tipo são pessoas que começaram a
pesquisar agora a respeito da blockchain e estão procurando novas moedas
digitais para investir “desde o começo”, acreditando que a repentina valorização
do bitcoin poderá se repetir.

Com tal cenário em mente, as vítimas acabam se envolvendo em projetos de


criptomoedas que nem sequer existem.

Os criminosos criam um site para sua “moeda fictícia” e passam a recrutar


pessoas para dentro da “empresa”, que, por sua vez, precisam convocar mais
vítimas para lucrar e assim por diante.

Geralmente, para entrar no esquema, é necessário desembolsar uma pequena


taxa, e é assim que quem está no topo da pirâmide consegue lucrar. Às vezes, o
cadastro é gratuito e tudo o que os meliantes querem são seus dados pessoais.

Como evitar? Não confie em qualquer “nova criptomoeda revolucionária” que você
ver por aí e recomendamos que sempre verifique se a moeda em questão está
cadastrada em sites respeitados de capitalização, como o CoinMarketCap por
exemplo. Por fim, antes de ingressar em um novo projeto, exija ver a
documentação técnica (whitepaper) a respeito dele, pois na maioria das vezes, os
golpistas nem se dão ao trabalho de produzir uma.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 28


4.5- Clubes de investimento
Clubes de investimento são, na teoria, um local no qual alguém com pouco ou
nenhum conhecimento em moedas digitais pode investir nesse ramo de forma
fácil e rápida.

Basta se cadastrar, escolher um dos planos de investimento e depositar o


dinheiro. Especialistas farão a aplicação para você e dividirão os lucros em um
período pré-determinado.

A vítima investe R$ 500, R$ 1 mil ou até mesmo R$ 2 mil e jamais recebe lucro
algum. Se você quer ganhar dinheiro com criptomoedas, pesquise bastante sobre
o assunto e faça-o você mesmo, sem confiar em intermediários.

4.6- ICOs falsas


Uma oferta inicial de moedas (initial token offering ou ICO) é o método geralmente
usado por quem está criando uma nova criptomoeda.

A semelhança de uma oferta pública inicial (initial public offering ou IPO), em uma
ICO entusiastas e early adopters trocam dinheiro real por unidades prévias de
uma moeda digital, acreditando que, em seu futuro, aqueles tokens valerão o
investimento.

Não há nada de errado em uma ICO legítima. O problema é quando essa


campanha é feita por estelionatários.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 29


Sendo um scam bem elaborado e técnico, os golpistas costumam até mesmo
criar um relatório detalhado e um cronograma de lançamento da moeda, o que dá
mais credibilidade ao projeto. Porém, quando os primeiros investidores compram
os tokens, os criminosos somem do mapa levando todo o dinheiro embora.

É muito difícil identificar uma ICO falsa, pois quem trama esse tipo de armadilha
costuma saber muito bem o que está fazendo.

Sendo assim, caso não queira se arriscar desnecessariamente, o único jeito é ser
radical e evitar ICOs em geral. Caso seja impossível seguir essa recomendação,
recomendamos que não invista grandes quantias nos tokens iniciais — desse
jeito, um possível prejuízo será bem menor.

4.7- Dumps
Por fim, temos um dos golpes mais complexos e sacanas que existem.

Neste scam, uma nova moeda é realmente lançada no mercado e até mesmo é
cadastrada nos sites de capitalização.

Em seguida, um grupo de investidores iniciais compram uma grande quantia de


tokens iniciais e criam um hype em cima de tal lançamento — muitas vezes
apelando para disseminar fake news e encher fóruns com spams sobre o assunto
para incentivar os internautas a comprarem tal moeda.

E é aí que mora o perigo. Uma vez que seu valor de mercado tenha subido, os
investidores vendem todos os seus tokens, lucram em cima disso e abandonam o
projeto, recomeçando esse ciclo depois de alguns meses.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 30


A dica continua sendo a mesma: evite ao máximo investir grandes quantias de
dinheiro em moedas que acabaram de ser lançadas no mercado. As chances de
você tomar um prejuízo são grandes.

5 – Idéias para análise de mercado


A melhor forma de melhorar as suas habilidades é observar o que outros estão fazendo e
entender o mercado.

O site https://br.tradingview.com/ possui uma série de análises técnicas que podem


lhe ajudar a fazer melhores investimentos.

O TradingView é um serviço da web para trades, baseada em uma plataforma de


análise técnica. Também é considerado um modelo de monetização e está focado
para investidores privados.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 31


MÓDULO VII – TÉCNICAS DE NEGOCIAÇÃO DE
CRIPTOMOEDAS
Felizmente, você não precisa de muita experiência comercial para se envolver em
negociações de moedas digitais, uma vez que tudo é relativamente fácil de entender. No
entanto, os novatos vão querer evitar as seguintes armadilhas:

1– Idéias para análise de mercado


1.1- Limite seu investimento ao que você pode se dar ao luxo de perder
Para os novatos é importante saber seu limite, seja ele diário, semanal e/ou mensal.
Como um “trader”, você deve estar preparado para as perdas, e você deve ter isso
em mente.

Quando você negocia instrumentos financeiros altamente especulativos como o


Bitcoin, as perdas são comuns. Isto é especialmente verdadeiro para os novatos
que têm pouca experiência em investir em paridades de moedas fiat ou moedas
digitais como o Bitcoin.

A regra de ouro é nunca investir dinheiro que você precisa para as despesas diárias.

1.2- Sempre defina a metade lucro e parar com antecedência em níveis


elevados de perdas
Negociação de moedas, commodities, índices e ações é inerentemente volátil assim
como o Trading de criptomoedas também.

É extremamente importante entrar em um trade sabendo quais os objetivos que tem


em mente.

Você deve sempre ter uma meta de lucros, ou uma meta para as suas perdas. Você não
pode negociar por emoções, o que é uma receita para o desastre.

A ganância é o calcanhar de Aquiles de muitos trades. Quando uma moeda está subindo

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 32


em relação aos seus pares, é normal querer continuar a beneficiar-se. No entanto, a
ganância levou a mais perdas do que qualquer outra coisa. Mantenha sempre os preços-
alvo em mente.

Uma maneira que você pode conseguir isso é negociar com estratégias.

Um bom exemplo de uma estratégia de negociação de BTC é a estratégia de linha de


tendência.

1.3- Certifique-se de entender como definir Stop Limit


Quando você define um stop limit, você está definindo uma venda automática.

Uma vez que a negociação atinge um determinado valor, uma ordem de venda será
iniciada e seu trade será encerrado. Se você está perdendo dinheiro, o stop limit irá
impedi-lo de perder mais.

O “stop limit” são populares com os trades porque é impossível manter seu olho em
centenas de negócios ao mesmo tempo, então o stop limit vai negociar vendido para
evitar mais perdas.

Stop limit é importante quando você está usando altos níveis de alavancagem. Eles
impedem que você perca dinheiro quando a negociação não está indo no caminho do
lucro.

1.4- Compreender a importância dos gráficos


Análise técnica e análise fundamental são componentes importantes do seu arsenal de
negociação. Mesmo se você tem pouca habilidade matemática ou estatística, você precisa
pesquisar um pouco sobre gráficos e tendências de mercado. Uma vez que você
compreende os princípios da leitura dos gráficos, você perceberá que seus trades serão
muito mais bem sucedidos.

Vários tipos de gráficos estão disponíveis para você, incluindo gráficos de “candlestick”
que exibem movimentos de preços ao longo de intervalos de tempo. Você vai notar
coisas como preços de abertura, preços de fechamento, preços baixos, preços
elevados e o intervalo da negociação.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 33


2– Buy the dips
É a aplicação de uma técnica está relacionada aqui com a análise de criptomoedas.

As indicações são muito importantes para as negociações no momento e podem ser


apontadas como contribuição para especuladores e investidores.

Basicamente, a expressão “Buy the Dips” equivale a compras nos mergulhos.

Quando temos diversas abordagens de tendências em queda, chega um momento que as


variações em ondas no sentido de queda apresentam um esgotamento da vida útil para as
negociações.

A técnica recomenda que a cada novo fundo se invista um valor médio para que possa se
esperar uma valorização em nível de longo prazo a partir de uma reversão no mercado.

Estratégia para Criptomoedas – Buy the Dip

Caso não ocorra, novamente terá uma nova negociação de baixa e fará uma queda com
novo fundo tendo uma nova possibilidade de investimento com valor médio.

A intenção é ir colocando valores parcialmente em cada fundo gerado e esperar um


ganho com o retorno do mercado no sentido de alta.

Os defensores da técnica apontam a estimativa de exaustão da tendência de queda e


concentram divisões do capital em baixas de ondas significativas.

O ponto negativo está na falta de uma certeza do momento certeiro em que o mercado

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 34


precisamente irá fazer uma reversão e iniciar uma tendência de alta, no entanto, a análise
técnica em diversos detalhes não é muito levada em conta.

Mas para as negociações em criptomoedas, pode ajudar muito, pois a volatilidade das
moedas pode cobrir o capital investido com as futuras valorizações.

O sentido do mercado funciona mais ou menos assim: o mercado já baixou muito, está
apresentando fortes exaustões nas negociações, em cada queda significativa irei
investir uma parcela favorável que possa futuramente obter retornos consideráveis da
inversão do mercado.

A técnica dispensa muitas análises e leva em conta fatores fundamentais.

3– Análise técnica
Os principais fatores a serem observados estão nos sentimentos de mercado em
negociação pelos investidores e no volume da criptomoeda.

Cada onda de baixa com indicação de volumes cada vez maiores em se tratando de
forças relativas a candles de altas, pode indicar uma possibilidade cada vez maiores de
que uma reversão aconteça.

Estratégia para Criptomoedas – BTC Diário

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 35


Perceba os fundos descendentes e o correspondente na ferramenta de volume, as
indicações são de colocar um valor médio neste fundo, caso ocorra um novo fundo mais
abaixo, invista novamente e depois esperar o preço reverter para novas valorizações.

4– Estratégia para trading


Se você quiser negociar em qualquer mercado de investimento, você terá que aprender
algumas estratégias fundamentais

Cada uma delas irá permitir uma negociação de forma diferente na tentativa de ganhar
mais. Mas essas estratégias são um pouco diferentes, e você vai usar um método ou
outro, por isso, é necessário fazer uma escolha de estratégias antes de começar a
negociação.

Existem três métodos principais: o Scalping, o Day Trading e o Swing Trading.

Se você preferir um tipo de negociação mais agressiva, você poderá utilizar o “Scalping”.
Você deve estar presente e atento ao que está acontecendo no mercado.

E então você vai aproveitar ao máximo as transações de alavancagem. Este é um método


mais arriscado, porque a alavancagem pode jogar tanto para cima – positiva (ganho)
como para baixo – negativa (perda).

Uma das estratégias do Scalping, é não hesitar em cortar a posição que você escolheu,
caso você ver que o mercado não está indo na mesma direção que você optou.

É importante não deixar que o mercado vá em direção oposta da sua posição, pois é
raro que o mercado retorne em sua direção rapidamente, e com a alta alavancagem você
poderá perder muito dinheiro. Este método é útil com gráficos entre 1 e 5 minutos.

O “Day Trading” é um pouco parecido com o “Scalping”, porque as posições são


numerosas. Então quando você jogar em pequenas flutuações, isso vai promover a
alavancagem de ganhos.

Os gráficos utilizados são principalmente gráficos entre 5 e 30 minutos, e a grande


diferença do scalping é que todas as suas posições devem ser fechadas durante o dia.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 36


Portanto, no final do dia, você saberá qual foi o seu ganho, e assim você não correrá o
risco de perder durante a noite, quando você não estiver presente para acompanhar o
trading. Ainda não é um método muito simples para efeitos de alavancagem. Mas é
importante, pois às vezes diminui as perdas, e supera os benefícios. O mercado alvo para
esta técnica é um mercado de moeda com alta volatilidade.

E finalmente o “Swing Trading” que é o método mais utilizado por trades amadores. É
um método muito mais fácil de entender, porque você pode tomar uma posição no início
de uma tendência (de alta ou de baixa) e mantê-la até que a tendência comece a mudar.
Você poderá então jogar na alavancagem menor.

Mas caso o mercado avançar mais rápido do que o esperado, você poderá perder o
seu trade.

- CLIQUE NESTE LINK E APRENDA A FAZER TRADING.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 37


CONCLUSÃO
Este e-book tem como foco ajudá-lo a crescer e lucrar usando criptomoedas e possui
várias técnicas essenciais para que isso aconteça, mas como todo conteúdo, curso ou
treinamento, depende de você estudar e colocar em prática o que aprendeu aqui.

Se você gostou do nosso conteúdo e quer ir mais profundo no assunto, clique no


botão abaixo.

GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 38


GUIA DEFINITIVO DO BITCOIN 39

Você também pode gostar